Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

VIANA DO CASTELO: SÃO SILVESTRE DEU A BÊNÇÃO AOS ANIMAIS EM CARDIELOS

Desde 29 a 31 de Dezembro, o alto do Monte de S. Silvestre, em Cardielos, concelho de Viana do Castelo, recebeu milhares de romeiros que vieram à procura da bênção para si, para os animais e para os campos.

49616226_10218877780722091_4832414562546352128_n

A Confraria de S. Silvestre serviu nestes dias o afamado cabrito e, nesta festa de inverno, o bom vinho quente. À volta da Capela, deste Papa que se tornou Santo, os crentes cumprem as suas promessas. Há quem vá a S. Silvestre para oferecer cravos e alhos, agradecendo o cumprir dos milagres pedidos por intercessão do Papa Santo.

49380654_10218877779162052_5121836895201918976_n

É tradição antiga, os romeiros visitarem o santuário de São Silvestre, santo a quem é atribuído o poder protetor dos animais, sobretudo bovinos. Os agricultores subiam o monte para recomendar os animais a São Silvestre, levando-os a dar voltas ao redor da capela e a receber a bênção. Agora há poucos animais, mas a romaria continua a chamar muita gente.

São, essencialmente, cavalos que hoje sobem o monte. Antigamente vinha gado monte acima de toda a ribeira Lima. Do lado do rio, vinham muitos devotos que faziam a travessia de barco, no barco do Porto. Quem vinha do lado de Ponte de Lima, com ou sem animais, subia pelo acesso nascente e quem viesse do lado de Viana pelo acesso poente, o único em uso hoje em dia.

49528562_10218877781602113_2195157157920374784_n

Diz-se que a tradição secular a este Santo nasceu quando São Silvestre se colocou na outra margem, no alto do Castro de Roques, e desejou que onde caísse a sua vara aí fosse edificada uma Capela em sua honra. O penedo com a marca a que chamam as pegadas do Santo, situa-se em S. Silvestre, no picoto.

49587678_10218877783522161_6743845674086825984_n

A Confraria, encabeçada por Henrique Parente, apostou forte na romaria deste ano, que pela primeira vez vai realizar a bênção de concertinas. Mais de 200 tocadores são esperados, no sábado, na capela de São Silvestre.

“O objetivo é encher o Largo junto à capela de concertinas, a imagem de marca da nossa romaria, mas como é a primeira vez que promovemos esta bênção esperamos, pelo menos, ultrapassar mais de 200 concertinas”, disse o juiz da confraria de São Silvestre e São Tiago, Henrique Parente.

49671196_10218877779602063_5111129090761424896_n

Após a bênção das concertinas, marcada para sábado, pelas 21h00, “os tocadores partem da capela em rusgas, animando o recinto da festa”.

Além daquela novidade, a aldeia de Cardielos, espera receber entre 29 e 31 de dezembro “milhares” de visitantes atraídos pelas iguarias preparadas pela organização da romaria.

“Temos entre mil a mil e duzentos litros de vinho quente e cerca de 900 quilos de cabrito à São Silvestre para servir”, revelou Henrique Parente.

Segundo Henrique Parente a tradição, “muito antiga”, manda que “os romeiros visitem o santuário de São Silvestre, santo a quem é atribuído o poder protetor dos animais, sobretudo bovinos”.

Texto (adaptado): http://www.radiogeice.com/

Fotos: José Carlos Vieira

49709117_10218877784122176_7574168040447672320_n

49800280_10218877782122126_3825018283778637824_n

49805547_10218877779482060_7227889239965302784_n