Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

VIZELA CONSTITUI CONSELHO ECONÓMICO E SOCIAL

No seguimento da estratégia do Executivo para o desenvolvimento económico e empresarial do Concelho, desenvolvida nos últimos seis anos, encontra-se já constituído o Conselho Económico e Social de Vizela, um órgão de reflexão, consulta, concertação e estudo no domínio das políticas económicas e sociais, cuja primeira reunião deverá ocorrer já no próximo mês de abril.

Este Conselho é composto por membros do poder executivo e da sociedade civil, destinado a promover o diálogo entre os atores sociais relevantes, com vista à concertação de ideias e estratégias no âmbito do desenvolvimento económico e social do Concelho, a saber:

  • Presidente da Câmara Municipal, Víctor Hugo Salgado
  • Presidente da Assembleia Municipal, Fernando Carvalho
  • Vereador do Pelouro do Urbanismo, Arnaldo Sousa
  • Vereador do Pelouro da Educação, Agostinha Freitas
  • Vereador do Pelouro da Juventude, Nuno Faria
  • Vereador designado pelo Executivo da Câmara Municipal, Rui Ferreira
  • Cinco empresários designados pelo Executivo da Câmara Municipal: Luis Lopes Guimarães, Armando Antunes, Modesto Araújo e Xavier de Freitas;
  • Cinco representantes de profissões liberais designados pelo Executivo da Câmara Municipal: Marta Oliveira, João Cocharra, José Pires, José Manuel Marques e Jorge Oliveira.
  • Dois Diretores dos Agrupamentos de Escolas do Concelho de Vizela: Profª Fátima Cepeda Gonçalves e Profº Bento Filipe Ribeiro da Silva Gonçalves.
  • Um representante de cada IPSS do Concelho
  • AIREV - Sara Costa
  • SCMV - Maria de Fátima Machado Gomes Guimarães
  • Centro social Paroquial de Sta. Eulália - Miguel Luis Fernandes Mendes
  • Centro Social S. Miguel - José Frederico Rebelo de Sousa Ferreira
  • Um representante do Conselho Municipal da Juventude - Isidro Ferreira
  • Um representante das Associações de Pais - Carla Filipa Gomes Portas de Freitas
  • Um representante da Associação Comercial e Industrial de Vizela - Mário José Azevedo Oliveira
  • Um representante do Instituto de Emprego e Formação Profissional - Maria Helena Chaves
  • Um representante do Centro Distrital de Segurança Social - Fátima Miguel, José Sá
  • Dois representantes das Unidades de Saúde Familiar
  • Novos Rumos – Dra. Helena Isabel Martins Ribeiro
  • Physis - Enfª Natália Machado
  • Um representante da Associação de Reformados de Vizela - Joaquim Mendes Pacheco

De destacar que a criação do Conselho Económico e Social de Vizela é uma das principais linhas da estratégia do Executivo para o desenvolvimento económico e empresarial do Concelho, ao qual se juntam o Espaço Empresa, o Investe Vizela, o Regulamento Via Verde Municipal, as Lojas com História e o Vizela Reabilita.

Como agente fundamental de desenvolvimento e de aplicação das políticas de desenvolvimento económico e social, o Município de Vizela pretende, em conjunto com medidas implementadas a nível nacional, desenvolver estratégias de desenvolvimento e crescimento económico e social de modo a criar condições que favoreçam o bem-estar e a qualidade de vida dos munícipes.

PRESIDENTE DA CÂMARA DE VIZELA ASSINOU PROTOCOLOS COM JUNTAS DE FREGUESIA PARA ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIOS DE 590.000,00€

ass. PJ.jpg

Desde que assumiu funções, este Executivo Municipal reconheceu a importância do papel das Freguesias na relação de proximidade com as respetivas populações, pois garantem uma prestação de serviços de qualidade às suas populações, através de uma utilização racional dos recursos que lhes são disponibilizados.

Nesse seguimento, o Presidente da Câmara Municipal assinou os protocolos de atribuição de apoio financeiro às juntas de freguesia do Concelho para o ano de 2024, que têm por objeto a execução de obras nas suas freguesias, a saber:

- União das Freguesias de Tagilde e Vizela (S. Paio) - execução das obras para a requalificação da praia fluvial, junto ao Rio Vizela, na Rua do Rio Vizela, em Vizela (S. Paio) e também para a requalificação do Cemitério de Tagilde, no valor de 130.000,00€.

- Junta de Freguesia de Vizela (Santo Adrião) - execução das obras de construção de passeios na Rua de Lagoas, no valor de 100.000,00€.

- União das Freguesias de Caldas (S. Miguel e S. João) - execução das obras de requalificação do Parque das Termas, no valor de 130.000,00€.

- Junta de Freguesia de Santa Eulália - execução de obras de requalificação do Pavilhão de Santa Eulália, no valor de 130.000,00€.

- Junta de Freguesia de Infias - execução das obras de requalificação do Largo de Atim e construção de passeios na E.N. 106, no valor de 100.000,00€.

O valor total do apoio financeiro a transferir para as diversas Juntas de Freguesia, no âmbito destes protocolos é de 590.000,00€, com o objetivo de auxiliar as juntas de freguesia na execução das obras nas respetivas freguesias, investimento este que vai para além das transferências no âmbito dos acordos de execução de delegação de competências, de sensivelmente 600 mil euros.

De destacar que em sete anos, entre 2018 e 2024, a Câmara Municipal transferiu para as juntas de freguesia o valor de 3 milhões e 365 mil euros, em verbas correntes e de capital, que provam que o investimento da Autarquia não é apenas no centro urbano, mas também em todas as freguesias, traduzindo-se em obras muito importantes para as populações de cada uma das freguesias.

MUNICÍPIO VIZELENSE APRESENTA PROGRAMA COMEMORATIVO DO 26.º ANIVERSÁRIO DO CONCELHO

VIZ.png

O Município de Vizela comemora no próximo dia 19 de março o seu 26.º aniversário, assinalando a luta pela autonomia administrativa do Concelho, que viu finalmente o seu objetivo alcançado a 19 de março de 1998.

Nesse seguimento, a Câmara Municipal apresenta o programa comemorativo do 26.º aniversário do Município de Vizela, no próximo dia 28 de fevereiro, no miniauditório do edifício sede do Município, pelas 11.00h.

De destacar que a dinâmica deste programa comemorativo vem no seguimento da aposta da Autarquia na realização de eventos, potenciadora de desenvolvimento económico, social, cultural e turístico, em especial com o objetivo de promoção e divulgação de Vizela enquanto destino turístico.

CÂMARA DE VIZELA ASSINOU PROTOCOLOS COM A SOCIEDADE FILARMÓNICA VIZELENSE

ass. SFV.jpg

O Presidente da Câmara Municipal, Victor Hugo salgado, e o Presidente da Sociedade Filarmónica Vizelense, José Armando Branco, assinaram dois protocolos de colaboração no valor total de 100.200,00€, sendo 44.200,00€ para financiamento da frequência do ensino especializado da música pelos alunos não abrangidos pelo financiamento do Ministério da Educação, no ano letivo de 2022/2023, e 56.000,00€ para a aquisição de instrumentos musicais no biénio de 2022/2023.

De destacar que a Câmara Municipal, no âmbito da concessão de apoios financeiros, atribui à Sociedade Filarmónica Vizelense, no biénio de 2022/2023, o montante total de €166.566,62, dos quais, €56.000,00, são para a aquisição de instrumentos musicais, e o montante de €110.566,62 correspondente ao apoio financeiro para o desenvolvimento das atividades regulares, para o financiamento do número de alunos excedentes do Contrato de Patrocínio e para a implementação das AEC’S - Atividades de Enriquecimento Curricular.

De realçar que a Sociedade Filarmónica Vizelense, através da sua Academia de Música, é uma entidade privilegiadamente vocacionada para o ensino da música e das artes, dispondo de um corpo docente qualificado, sendo titulares de certificação que lhes confere habilitação para a docência, e disponível para o ensino dessa atividade no domínio artístico, científico e tecnológico. De destacar ainda toda a experiência que a Sociedade Filarmónica Vizelense tem no ensino da música e expressão musical ao nível do Ensino Básico no concelho de Vizela que, ao longo de vários anos, vem desenvolvendo, quer no ensino articulado, quer no ensino supletivo nos vários projetos de domínio artístico, em parceria com o Município de Vizela.

Cumprindo a premissa deste Executivo de que a Educação é o Futuro, a Câmara Municipal irá privilegiar esta vertente, promovendo e operacionalizando medidas de desenvolvimento da educação, tomando este aspeto como determinante na qualificação e competitividade futura das gerações vindouras no Concelho.

VIZELA: ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE SÃO BENTO SERÁ ALVO DE OBRAS NO ÂMBITO DO PRR

EN S. BENTO.jpg

No âmbito do Acordo Setorial de compromisso entre o Governo e a ANMP, o Conselho Diretivo da CCDR-Norte deliberou aprovar a inclusão da Escola Básica e Secundária de São Bento no Acordo Setorial de compromisso entre o Governo e a ANMP para a descentralização no domínio da educação, para efeitos de candidatura ao investimento RE-C06-i09 – Escolas Novas ou Renovadas, a que se refere o Aviso PRR nº 01/C06-i09/2023.

De destacar que a inserção da Escola Básica e Secundária de São Bento neste acordo resulta da necessidade de intervenção que foi reconhecida pelo Município e pela CCDR Norte, I.P., na sequência das visitas conjuntas efetuadas aos edifícios escolares, para efeitos de candidatura ao investimento RE-C06-i09 – Escolas Novas ou Renovadas, no âmbito do PRR e cujo valor deverá ultrapassar os 3 milhões de euros.

Os investimentos de construção de novas infraestruturas e de reabilitação das escolas devem acautelar a implementação de medidas de eficiência energética, bem como a utilização de energias renováveis para autoconsumo e a redução de custos de consumo de energia e de combustíveis na sua operação, porquanto a reabilitação do edificado, deverá incluir medidas que assegurem uma redução do consumo de energia primária de pelo menos 30%.

Esta obra na Escola Básica e Secundária de São Bento insere-se na renovação do parque escolar edificado que a Autarquia se encontra a implementar desde o anterior mandato, no sentido de suprimir as debilidades dos edifícios escolares e assim criar melhores condições para as crianças.

Cumprindo a premissa deste Executivo de que a Educação é o Futuro, a Câmara Municipal irá privilegiar esta vertente, promovendo e operacionalizando medidas de desenvolvimento da educação, tomando este aspeto como determinante na qualificação e competitividade futura das gerações vindouras no Concelho.

CÂMARA DE VIZELA ASSINOU PROTOCOLOS DE ATRIBUIÇÃO DE APOIO FINANCEIRO COM ASSOCIAÇÕES CULTURAIS

ass. protocolos cultura.jpg

No seguimento da dinâmica de impulso implementada por este executivo municipal na área cultural e turística, e da deliberação da reunião do Executivo Municipal de Vizela, o Presidente da Câmara Municipal assinou os protocolos de atribuição de apoio financeiro com as associações culturais do Concelho.

Estes contratos preveem a atribuição de apoio financeiro ao associativismo cultural, no valor total de cerca de 25.000,00€, com vista à continuidade ou incremento de projetos ou atividades de reconhecido interesse para o Município, de caráter regular ou meramente pontual, de forma a proporcionar-lhes meios adicionais para suportar os encargos decorrentes do desenvolvimento das suas atividades.

De realçar que a atribuição destes apoios vem na continuidade da adoção desde o anterior mandato, de novos critérios objetivos na atribuição de apoios às instituições de cariz cultural, no âmbito do Regulamento Municipal de Atribuição de apoios ao associativismo, de forma a cumprir com os princípios de Transparência, Igualdade e Justiça que devem presidir à distribuição equitativa dos recursos públicos.

Assim, para além dos critérios já estabelecidos anteriormente, a avaliação dos pedidos de apoio no âmbito da área cultural tem por base, o seguinte: a dimensão da associação, o número de praticantes, o número de valências e o respetivo plano de atividades, desde logo o número de iniciativas e a sua dimensão.

Assim, e apostando numa política cultural mais transparente e de acordo com os recursos disponíveis, a Câmara considera fundamentais as parcerias com o movimento associativo, contribuindo positivamente para a generalização do acesso à cultura.

VIZELA: NOVA PONTE DO MOURISCO LIGA MARGINAL RIBEIRINHA E PARQUE DAS TERMAS

Ponte Mourisco.jpg

No âmbito da obra de Construção de Passadiços, assim como da segunda fase da requalificação do Parque das Termas, o Presidente da Câmara Municipal de Vizela, Victor Hugo Salgado, acompanhado pelos técnicos municipais, visitou a empresa onde se encontra a ser construída a nova ponte do Mourisco que fará a ligação entre Marginal Ribeirinha e o Parque das Termas.

De realçar que se trata de uma ponte de estética e beleza arrojada com chapa da alma recortada, com cerca de 25 metros, ligando a área de lazer do Parque das Temas à zona ribeirinha, representando uma mais-valia indispensável para o desenvolvimento desta área de lazer e promovendo a fruição das pessoas entre as diferentes margens, garantindo o seu enquadramento ambiental e paisagístico.

De destacar que a construção deste Ponte se insere na segunda fase de requalificação do Parque das Termas, assim como no projeto de Requalificação das Margens do Rio Vizela e Ribeira de Sá - Construção de Passadiços | Rio Vizela e da Ribeira de Sá, resultado da aprovação da candidatura, no valor de sensivelmente 1,7M€, com uma comparticipação de cerca de 1,2M€, e um investimento municipal de cerca de 500 mil euros.

Assim, e ao longos dos últimos anos, a Câmara Municipal tem apostado na requalificação das margens e leito do rio Vizela e na recuperação, requalificação e revitalização do Parque das Termas, no sentido de os devolver a Vizela e aos Vizelenses.

VIZELA INAUGURA NOVA CRECHE DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA

creche arco iris 2.jpg

No seguimento da nova dinâmica implementada por este Executivo Municipal na área da ação social através do programa Vizela + Social, terá lugar amanhã, dia 20 de fevereiro, a inauguração da nova creche da Santa Casa da Misericórdia de Vizela, “Arco-íris” e visita á creche “Algodão Doce”, a funcionar desde 2020.

De destacar que estes dois edifícios traduziram-se num investimento de cerca de 1,8M€ da Santa Casa da Misericórdia de Vizela, com o apoio da Câmara Municipal de cerca de 700.000,00€, permitindo o alargamento da rede de equipamentos sociais no Concelho, contemplando o alargamento da valência para as crianças das primeiras idades - 3 meses aos 3 anos de idade.

De destacar que a Santa Casa da Misericórdia desenvolve a sua atividade nas áreas da Infância e dos Idosos, dando apoio diariamente a cerca de 440 utentes, e tem vindo a adaptar-se às exigências da sociedade atual no sentido da prestação de serviços diversificados, junto da comunidade local.

Esta parceria vem no seguimento da nova dinâmica implementada por este Executivo Municipal na área da ação social e no reforço da sua ação no âmbito da intervenção social municipal, e que resultou na criação do programa Vizela + Social, um programa que assenta na reestruturação total da área social, assim como de criação de verdadeiras almofadas sociais no Concelho.

OBRA DO CASTELO DA PONTE DE VIZELA AVANÇA PARA O TERRENO

visista Castelo.jpg

Depois do lançamento da primeira pedra, no passado dia 4 de fevereiro, a obra de requalificação do edifício do Castelo de Vizela já avançou para o terreno, estando neste momento estão concluídas a remoção de inertes e as terraplanagens nas traseiras do edifício para a colocação do estaleiro da obra.

Trata-se de uma obra que vem no seguimento do RUS - Plano de Ação - Regeneração Urbana Sustentável, um projeto de um edifício com relevo histórico, dando-lhe a dignidade que merece e com o objetivo de que passe novamente para a fruição de todos os vizelenses.

Este majestoso edifício, conhecido como “Castelo”, situado na freguesia de S. João, foi construído no início do Séc. XX, por volta de 1905, a mando do Dr. Armindo de Freitas Ribeiro de Faria, com o objetivo de aí se virem a estabelecer os Paços do Concelho.

Este importante legado é sem dúvida alguma um marco importante na história de Vizela, uma vez que resultou de uma luta persistente do Dr. Armindo Faria, político e médico, pela autonomia administrativa da sua terra natal – Vizela.

Este edifício, com mais de cem anos de existência, continua a ser extremamente emblemático, considerado como um símbolo da luta autonómica de Vizela.

A recuperação e reabilitação deste edifício tem como objetivo dar continuidade á política de regeneração urbana implementada por este Executivo, assim como continuar a aposta na vertente cultural de forma transversal, através da recuperação do património cultural, em especial naquilo que faz parte da nossa identidade.

A requalificação do edifício do Castelo revela ainda a forte aposta na recuperação do património histórico, reabilitando um edifício centenário, recuperando o imóvel nas suas características físicas tradicionais e transformando e adaptando o seu interior para atividades culturais.

CÂMARA MUNICIPAL DE VIZELA ENTREGA MAIS 129 CHEQUES-BEBÉ

cheque bebe.JPG

A Câmara Municipal de Vizela vai entregar mais 129 cheques-bebé, no valor de 1000 euros cada, no âmbito do Regulamento Municipal de Incentivo à Natalidade. A cerimónia terá lugar no Auditório Municipal Francisco Ferreira, nos próximos dias 20 e 22 de fevereiro, às 17.30h.

De destacar que a Câmara Municipal de Vizela já entregou, desde a criação deste regulamento, mais de mil cheques-bebé, no valor de 1000 euros cada, uma medida adotada pelo Município de Vizela com o objetivo de desenvolver estratégias de estímulo à natalidade e à fixação da população, de modo a criar condições que favoreçam o bem-estar e a qualidade de vida dos munícipes, assim como uma medida de estímulo ao comércio local.

Este Regulamento está em vigor efeitos desde o dia 1 de janeiro de 2018 e prevê a atribuição de um valor de 1000,00€ por criança, onde 50% desse valor terá que ser gasto em despesas com a aquisição de bens ou serviços em empresas sedeadas no Concelho, e os restantes 50% serão atribuídos em dinheiro.

A atribuição deste incentivo financeiro à natalidade representa um investimento anual próximo dos 200 mil euros, sendo que cerca de 100 mil euros são indiretamente investidos no comércio local, sendo uma medida com um impacto positivo na melhoria da qualidade de vida das famílias e das crianças, ao mesmo tempo que se criam condições para promoção da economia local.

VIZELA: COLOCADA NOVA GRELHA DE PROTEÇÃO NO PARQUE DAS TERMAS

Vedaçao PT.jpg

O Presidente da Câmara Municipal de Vizela, Victor Hugo Salgado, visitou a obra da segunda fase da requalificação do Parque das Termas, um projeto de requalificação ambicioso e global, que deverá ser executado até 2025 e que engloba, entre outros, a construção de muros e novas guardas de segurança, a requalificação das entradas e acessos, a construção de duas novas pontes, a colocação de nova iluminação, a requalificação do lago grande com a colocação de uma fonte, a substituição de mobiliário urbano e a manutenção e reflorestação dos espaços verdes e plantação de novas árvores.

Neste momento, encontra-se a ser colocada a grelha de proteção semelhante à colocada na outra margem, em substituição do muro em pedra de vedação que existia anteriormente no Parque.

Esta obra de requalificação vem no seguimento da intervenção de revitalização efetuada em 2019, e que se traduziu na maior das últimas décadas, em especial no Monte do Parque.

De destacar que esta segunda fase de requalificação do Parque das Termas iniciou com a requalificação das margens e leito do rio Vizela, através da construção de um muro, nos mesmos moldes do que foi executado na primeira fase e inserida no projeto de Requalificação das Margens do Rio Vizela e Ribeira de Sá - Construção de Passadiços | Rio Vizela e da Ribeira de Sá, resultado da aprovação da candidatura, no valor de sensivelmente 1,7M€, com uma comparticipação de cerca de 1,2M€, e um investimento municipal de cerca de 500 mil euros.

Assim, e ao longos dos últimos anos, a Câmara Municipal tem apostado na requalificação das margens e leito do rio Vizela e na recuperação, requalificação e revitalização do Parque das Termas, no sentido de os devolver a Vizela e aos Vizelenses.

CÂMARA MUNICIPAL DE VIZELA ASSINALA CENTENÁRIO DE MANUEL CAMPELOS

Capturarcampelos.JPG

A Câmara Municipal de Vizela, numa parceria com a família de Manuel Campelos, vai promover um programa comemorativa para assinalar o centenário de Manuel Campelos, que se celebra no próximo dia 24 de fevereiro.

Assim, este programa comemorativo irá estender-se ao longo dos próximos meses, cujo programa será apresentado no próximo dia 20 de fevereiro, pelas 11.00h, no miniauditório do edifício sede do Município.

Manuel Campelos foi fundador e líder do Movimento para a Restauração do Concelho de Vizela, integrou a Comissão Instaladora do Município de Vizela, logo após a criação do concelho em 1998, e era cidadão honorário do Município de Vizela.

Manuel Campelos foi, acima de tudo, um Homem perseverante e lutador, um exemplo de coragem de quem não quis desistir e que nos faz voltar no tempo e lembrar aqueles que fizeram de um sonho comum a independência de um Povo...

Ninguém como Manuel Campelos se entregou, ao longo de mais de três décadas, de forma contínua, persistente e abnegada, a uma luta perseverante, que chegou ao fim a 19 de março de 1998 e que elevou, finalmente, Vizela a Concelho.

SAVE_20180224_110823

QUEM FOI O VIZELENSE MANUEL CAMPELOS?

Manuel Campelos foi fundador e líder do Movimento para a Restauração do Concelho de Vizela, integrou a Comissão Instaladora do Município de Vizela, logo após a criação do concelho em 1998, e era cidadão honorário do Município de Vizela.

Manuel Campelos foi, acima de tudo, um Homem perseverante e lutador, um exemplo de coragem de quem não quis desistir e que nos faz voltar no tempo e lembrar aqueles que fizeram de um sonho comum a independência de um Povo...

Com a celebração deste centenário, a Câmara Municipal pretende homenagear e relembrar um homem que, como ninguém, se entregou, ao longo de mais de três décadas, de forma contínua, persistente e abnegada, a uma luta perseverante, que chegou ao fim a 19 de março de 1998 e que elevou, finalmente, Vizela a Concelho.

MUNICÍPIO DE VIZELA APRESENTA PROGRAMA COMEMORATIVO DOS 50 ANOS DO 25 DE ABRIL

A Câmara Municipal de Vizela apresenta o programa comemorativo dos 50 Anos do 25 de Abril, na próxima sexta feira, dia 16 de fevereiro, pelas 11.00h no miniauditório do edifício sede, numa parceria entre a Câmara Municipal de Vizela, a Sociedade Filarmónica Vizelense e o condomínio dos espaços comerciais do Fórum Vizela - Condomínios & Companhia.

O destaque do programa vai para o dia 26 de abril com o concerto de Paulo Carvalho e Mariza Liz com a Banda da Sociedade Filarmónica Vizelense, que terá lugar na Praça do Município.

PRESIDENTE DA CÂMARA DE VIZELA ASSINOU PROTOCOLO COM BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS PARA IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO DE INTERVENÇÃO SOBRE PREVENÇÃO DE ACIDENTES (PIPA)

ass. BVV.jpg

O Presidente da Câmara Municipal e o Presidente da Real Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vizela assinaram o protocolo de atribuição de apoio financeiro, de acordo com a deliberação da reunião do executivo municipal, no valor de € 10.000,00 no âmbito do Projeto de Intervenção sobre Prevenção de Acidentes (PIPA), para no ano letivo de 2023-2024, nos Agrupamentos de Escolas de Vizela, para ministrar formação aos alunos de suporte básico de vida e sobre as formas de prevenir acidentes.

De relembrar que o PIPA é um projeto de intervenção para a comunidade escolar que visa, essencialmente, o aumento da literacia nos alunos do concelho de Vizela, no âmbito da aquisição e aplicação das diversas técnicas em primeiros socorros, incentivando a sua intervenção enquanto cidadãos ativos, de uma forma que se pretende orientada e desenvolvida em conjunto com os mais variados intervenientes da comunidade educativa.

Porque acreditamos que as crianças podem ser aliados fundamentais na disseminação do conhecimento sobre primeiros socorros, e para além de entenderem como são ativados os meios de socorro e quais os meios existentes, podem adquirir também a competência de saber atuar em conformidade com a emergência detetada, foi implementado nas escolas do 1º ciclo do concelho, o projeto PIPA - Projeto de Intervenção sobre Prevenção de Acidentes,  que tem como finalidade capacitar os alunos e docentes no âmbito da prevenção de acidentes, mais concretamente, promover a ação em caso de PCR no domicílio e/ou via pública bem como ação em situações de emergência mais ou menos graves.

As ações desenvolvidas, foram efetuadas em estreita parceria com a Câmara Municipal de Vizela, a Saúde Escolar do CS de Vizela, os Bombeiros Voluntários Vizela, o centro de formação Qualifica de Vizela, os dois Agrupamentos de Escola (Vizela e S. Bento) e os alunos do curso profissional de técnico de apoio psicossocial.

Com a atribuição destes apoios, a Câmara Municipal pretende reconhecer a importante missão que é desempenhada pelos Bombeiros de Vizela, em prol da qualidade de vida das populações e do desenvolvimento do nosso Concelho.

CÂMARA MUNICIPAL DE VIZELA ASSINOU PROTOCOLOS COM CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE SANTA EULÁLIA

ass. CSP Sta. Eulalia.jpg

O Presidente da Câmara Municipal, Victor Hugo Salgado, e o Presidente do Centro Social e Paroquial de Santa Eulália, Padre José Lemos, assinaram os protocolos de atribuição de apoio financeiro, de acordo com a deliberação da reunião do executivo municipal.

Estes protocolos preveem a atribuição de apoio financeiro no total de 13 187,85€, sendo 8.537,80 para a execução de obras de manutenção do sistema de água quente e do sistema de ar condicionado, e € 4.650,05 para a aquisição de equipamentos, designadamente a aquisição de viatura elétrica para o Serviço de Apoio Domiciliário.

De destacar que o Centro Social e Paroquial de Santa Eulália é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, sem fins lucrativos, situada na freguesia de Santa Eulalia. Tem como principal objetivo, 0 desenvolvimento social da população da freguesia, criando infraestruturas e respostas sociais de acordo com as reais necessidades da mesma.

A instituição criada no ano de 1987 desenvolve atualmente diversas atividades e tem protocolos com o Centro Distrital de Segurança Social nas seguintes valências: Lar de idosos com 27 utentes; Centro de Dia com 25 utentes; Serviço de Apoio Domiciliário com 20 utentes, Creche com 35 utentes e Centro Comunitário com cerca de 25 utentes.

As instituições sociais do Concelho desempenham uma importante função social, sendo de realçar a sua inestimável contribuição para o desenvolvimento comunitário, seno necessário dotar aquelas entidades com meios e recursos que viabilizem a sua atividade regular e permitam a concretização de iniciativas e projetos comunitários.

A atribuição destes apoios vem no seguimento da nova dinâmica implementada por este Executivo Municipal na área da ação social através do programa Vizela + Social, reforçando a ação da Câmara Municipal no âmbito da intervenção social municipal.

CONCLUÍDA REQUALIFICAÇÃO DO PARQUE INFANTIL DO FÓRUM VIZELA

REQ. PARQUE INFANTIL fPORUM.jpg

No seguimento da recuperação das infraestruturas urbanas que a Câmara Municipal se encontra a levar a cabo, está concluída a requalificação do parque infantil do Fórum Vizela.

De relembrar que a Câmara Municipal iniciou a recuperação dos parques infantis públicos do Concelho com o objetivo de dotar aqueles espaços de novas funcionalidades e melhores condições, nomeadamente através da colocação de um novo piso, novos e melhores equipamentos, bem como a requalificação de outros, num investimento de mais de 200 mil euros.

Esta intervenção teve como objetivo a dotação daquele equipamento recreativo, dentro do novo conceito de segurança e das imposições legislativas, no qual visam promover a atividade física e desportiva permanente, de modo acessível, saudável, recuperando o sentido lúdico das práticas físicas e desportivas.

De destacar que esta requalificação vem juntar-se à construção de reparação de parques infantis já executadas, nomeadamente o Parque Infantil das Teixugueiras, da Marginal Ribeirinha, da Praceta Salvador Caeiro Brás, do Centro Escolar de S. Miguel, do Parque das Termas, o Parque Infantil de Infias e Parque Infantil das Portas e do Largo da Igreja de Santa Eulalia, e ainda o Parque Infantil de Lagoas.

De destacar que quando este Executivo tomou posse deparou-se com a degradação de grande parte dos parques infantis do Concelho, que há muito tempo não eram alvo de inspeção e manutenção, pelo que foi efetuado um estudo no sentido de avaliar as condições daqueles espaços lúdicos, no sentido de os dotar de mais e melhores condições de utilização, sempre a pensar na segurança daqueles que usufruem destes espaços.

CÂMARA DE VIZELA SUBSTITUI ILUMINAÇÃO DO PARQUE DAS TERMAS

VISITA PT.jpg

No seguimento da segunda fase da requalificação do Parque das Termas, encontra-se neste momento a ser substituída a iluminação daquele espaço, nomeadamente a remoção dos pimenteiros de iluminação das vias pedonais, que se encontravam degradados devido a atos de vandalismo, e substituição por nova iluminação.

De relembrar que a requalificação do Parque das Termas se traduz num projeto ambicioso e global, que deverá ser executado até 2025 e que engloba, entre outros, a construção de muros e novas guardas de segurança, a requalificação das entradas e acessos, a construção de duas novas pontes, a colocação de nova iluminação, a requalificação do lago grande com a colocação de uma fonte, a substituição de mobiliário urbano e a manutenção e reflorestação dos espaços verdes e plantação de novas árvores.

Esta obra de requalificação vem no seguimento da intervenção de revitalização efetuada em 2019, e que se traduziu na maior das últimas décadas, em especial no Monte do Parque.

De destacar que esta segunda fase de requalificação do Parque das Termas iniciou com a requalificação das margens e leito do rio Vizela, através da construção de um muro, nos mesmos moldes do que foi executado na primeira fase e inserida no projeto de Requalificação das Margens do Rio Vizela e Ribeira de Sá - Construção de Passadiços | Rio Vizela e da Ribeira de Sá, resultado da aprovação da candidatura, no valor de sensivelmente 1,7M€, com uma comparticipação de cerca de 1,2M€, e um investimento municipal de cerca de 500 mil euros.

Assim, e ao longos dos últimos anos, a Câmara Municipal tem apostado na requalificação das margens e leito do rio Vizela e na recuperação, requalificação e revitalização do Parque das Termas, no sentido de os devolver a Vizela e aos Vizelenses.

CÂMARA MUNICIPAL DE VIZELA PROMOVE PROGRAMA’TERMAS DE PORTAS ABERTAS’

PISCINA tERMAS.png

A Câmara Municipal de Vizela, em parceria com a Tesal e as juntas de freguesia do Concelho vão promover o programa “Termas de Portas Abertas”, uma ação de promoção da Termas de Vizela, que resulta num convite aberto, para que todos os aderentes a esta parceria possam conhecer e disfrutar das potencialidades das Termas de Vizela.

Assim, a Câmara Municipal de Vizela, em conjunto com as Juntas de Freguesia, irá organizar diferentes grupos, assegurando o transporte, de forma a permitir às pessoas aderentes usufruírem gratuitamente de uma visita guiada pelas termas, assim como, o acesso ao circuito termal das Termas na sua primeira experiência.

Este programa tem como principais objetivos: melhorar a qualidade de vida e o bem-estar da população sénior; estimular a interação social, enquanto fator de combate à solidão e exclusão; e sensibilizar para a importância do termalismo como medida preventiva e promotora de saúde.

Neste sentido, as inscrições encontram-se abertas nas sedes das respetivas juntas de freguesia, estando destinada um dia para cada uma das freguesias, nos meses de fevereiro e março.

De realçar que a Câmara Municipal de Vizela continua a considerar as Termas de Vizela como uma prioridade, de modo a potenciar o incentivo e a promoção do turismo de saúde e a permitir que Vizela tenha as melhores condições para captar turistas e aquistas, contribuindo, assim, para o crescimento do Turismo e, consequentemente, para o desenvolvimento do Concelho.

O grande objetivo é que as Termas de Vizela retomem a sua tradição termal, cuja origem remonta há pelo menos três séculos, de modo a potenciar o incentivo e a promoção do turismo de saúde, devolvendo a Vizela o que, por direito, foi seu e lhe pertence, ou seja, o título de “Rainha das Termas”.