Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

EPATV – UMA ESCOLA INCLUSIVA

A Escola Profissional Amar Terra Verde recebeu no dia 14 de março, durante a manhã, o workshop “História e Cultura Cigana”, promovido pelo Centro Comunitário de Prado, inserido no Projeto Ciga Giro.

IMG_6020.jpg

Esta iniciativa está integrada na Estratégia de Educação de Cidadania de Escola, no domínio da Interculturalidade e Direitos Humanos, trabalhado na componente de Cidadania e Desenvolvimento.

Sob a orientação do formador Bruno Gonçalves, os jovens Inácio Ximenes, Geraldo Ximenes, Marta Jesus e Porfírio Santos partilharam a sua história e particularidades da sua cultura. 

Marta Jesus e Porfírio Santos são alunos da EPATV, a primeira é aluna do 2º ano do curso Técnico de Restauração (Cozinha/Pastelaria) e o segundo é aluno do 3º ano do curso Técnico de Mecatrónica.

Este “workshop” teve como objetivo a inclusão social das comunidades ciganas locais, partilhando os seus hábitos e costumes, como forma de combater o desconhecimento, muitas vezes associado a estereótipos e preconceitos.

IMG_9946.jpg

VILA DE PRADO MONTA FEIRA DE ANTIGUIDADES

16 de março. Ao terceiro sábado de cada mês há Feira de Antiguidades, Velharias e Usados na Vila de Prado!

Artigos de decoração, ferramentas, brinquedos, discos, vestuário, colecionismo… Ao terceiro sábado de cada mês, que em março calha no dia 16, a Feira de Antiguidades, Usados e Velharias regressa ao centro urbano da Vila de Prado.

IMG_7677.jpg

As previsões meteorológicas apontam para um sábado quente e soalheiro, já a cheirar a primavera, que convida a um passeio pelo Largo de S. Sebastião (vulgo Campo da Feira), onde pode também encontrar excelentes oportunidades de negócio.

A iniciativa é organizada pela Junta de Freguesia da Vila de Prado com o objetivo de aumentar o leque de atividades ao dispor da população local, atrair visitantes, dinamizar a vila, ajudar a emagrecer ‘sótãos e garagens’ e promover a reutilização de objetos.

VILA VERDE: CONCURSO MOBICURTAS JÁ TEM VENCEDORES

Concurso Mobicurtas: Em primeiro lugar a EPATV. e em segundo também!

A EPATV ganhou, hoje dia 13 de março, o primeiro e segundo lugar na 7ª Edição do Mobicurtas.

Este concurso designado  “Movimento Estático” é uma atividade integrada nas iniciativas da Rede de Clubes Casa do Conhecimento, destinada à dinamização da produção de conteúdos multimédia por meios tecnológicos acessíveis, possibilitando o incentivo de novos talentos criativos.

O primeiro lugar - vencedor de um vale Fnac de 150€ - foi para "A Distância" dos alunos do Curso Técnico de Multimédia: Carina Cunha, Pedro Duarte e Ana Malheiro.

Por sua vez, o segundo lugar - arrecada um vale Fnac de 75€ - pertence a "O Pedido" dos alunos do mesmo curso: Márcio Rodrigues, Duarte Fernandes e Ana Rodrigues.

1º lugar.jpg

2º lugar.jpg

ISAVE OFERECE HIGIÉNE À ESCOLA GUALDIM PAIS

“A importância da higiene para um crescimento saudável” foi um tema de uma palestra oferecida pelo Instituto Superior de Saúde (ISAVE), no dia 12 de Março, a setenta alunos da Escola EB 1 Gualdim Pais, de Amares.

IMG_8001.jpg

A palestra foi uma iniciativa da Licenciatura em Gerontologia disciplina Higiene e Segurança), através de seis alunas do primeiro ano, e da prof. Daniela Gonçalves, integrada na XI Mostra Pedagógica e Feira do Livro que decorre na Galeria de Artes e Ofícios de Amares, até Domingo.

Além de livros didáticos e literários, durante estes dias aquele espaço na freguesia de Ferreiros oferece também inúmeros trabalhos efetuados por alunos das escolas e IPSS de Amares sobre temas como ambiente, primeiros socorros, direitos das crianças e saúde.

A alimentação e higiene são dois vetores fundamentais da saúde — destacou a Prof. Daniela Gonçalves na palestra que encerrou com um vídeo alusivo, elaborado por seis alunas de Gerontologia do ISAVE.

Numa sessão muito participada pelos alunos, Daniela Gonçalves abordou a prevenção de doenças infeciosas, a higiene do corpo (desde a cabeça aos pés), os cuidados a ter na alimentação.

A higiene oral mereceu importância especial uma vez que se estima que na cavidade oral se possam alojar, normalmente, 800 bactérias diferentes e “estas adoram o açúcar”.

Através de conselhos práticos a ter com os cabelos, a pele, os pés, os dentes e os alimentos escolhidos, as crianças ficaram esclarecidas sobre os cuidados a ter para um crescimento saudável se serem vítimas de microrganismo nocivos ao ser humano.

A participação do ISAVE nesta XI Mostra Pedagógica e Feira do Livro de Amares prossegue na quinta-feira, dia 14, com a apresentação do livro da prof. Lígia Monterroso sobre “Regime terapêutico medicamentoso das pessoas idosas dependentes”.

No dia 16, às 21,30 horas, a ISATUNA, tuna dos alunos do ISAVE, anima a noite com a sua atuação.

O ISAVE assume, desta forma, a sua responsabilidade no que diz respeito à colaboração com as entidades locais nas atividades de promoção cultural do território em que está inserido.

IMG_8013 (1).jpg

IMG_8021 (1).jpg

VILA VERDE: PCP DEFENDE REGADIO TRADICIONAL

Deputada do PCP visitou regadio de Cabanelas e reuniu com Presidente da Junta de Agricultores do Regadio 

A deputada do PCP eleita pelo círculo de Braga, Carla Cruz, e o eleito na Assembleia Municipal de Vila Verde, Sérgio Sales, acompanhados por uma delegação da Concelhia de Vila Verde do PCP, visitaram o regadio e a estação elevatória em Cabanelas, após conversa com o Presidente da Junta de Agricultores do Regadio, onde tomaram conhecimento do arranque das obras de requalificação.

visita_regadio_cabanelas.jpg

Uma obra que é essencial e imprescindível para os agricultores do concelho e para a região, que peca por tardia.

O PCP reafirma que é relevante que as obras avancem de forma célere, que haja cumprimento de prazos e dos montantes e que se evitem contendas e derrapagens na execução da mesma. Qualquer atraso pode representar um sério revês nas legítimas expectativas dos agricultores.

A requalificação é há muito uma necessidade defendida e reclamada pelos agricultores locais, reivindicação que contou desde sempre com o apoio incondicional do PCP.

O PCP acompanhará de perto a obra e reitera que ela tem que ser uma realidade.

O Gabinete de Imprensa da DORB do PCP

ALUNOS DO ISAVE APOSTAM NO ERASMUS

ERASMUS - um “salto” no currículo e na vida dos estudantes do ISAVE

À semelhança do que aconteceu nos anos anteriores, o ISAVE proporcionou a quatro estudantes finalistas a realização de uma atividade de mobilidade ERASMUS +. Depois da Daniela Castro, finalista do CTesP de Gerontologia, que foi no início de fevereiro para a Galiza para um estágio de 4 meses, foi agora vez do Daniel Ferreira e da Flávia Monteiro, finalistas do CTesP de Termalismo e Bem-Estar que, juntamente com a Bárbara Azevedo, finalista da Licenciatura em Fisioterapia viajaram para Girona, para usufruírem de uma experiência de estágio internacional no estrangeiro. Girona é conhecida pelas inúmeras estâncias termais e pela excelência na prestação de terapias que possibilitam a melhoria do bem-estar e da capacidade funcional dos indivíduos. 

53343557_473497679851977_6736579259436892160_n.jpg

Sendo uma cidade com uma taxa de ocupação que anda perto dos 100%, os nossos estudantes que partiram na passada semana foram recebidos pela ACEFIR – Associação Catalã para a Investigação em Educação e Formação, com sede em Girona e, em particular, pela sua Presidente Dra. Rosa Falgás para facilitar a sua integração. Esta associação, para além de prestar todo o apoio no acolhimento aos nossos estudantes organizou ainda algumas visitas de estudo a locais relacionados com as suas áreas curriculares e possibilitou-lhes a realização de entrevistas prévias de seleção para o estágio. Os estudantes, depois de um período de adaptação à região e de procura de alojamento para os três meses do estágio já se encontram, agora, plenamente integrados na experiência e capazes de tirar proveito das mais valias que um estágio no estrangeiro lhes vai permitir.

O ISAVE deseja a todos os estudantes em mobilidade ERASMUS um excelente estágio, rico em aquisição de novas competências pessoais, profissionais, sociais e culturais.

S. PEDRO ABENÇOOU CARNAVAL DA VILA DE PRADO

Vila de Prado 2019. Carnaval molhado, Carnaval abençoado!

O dia nasceu cinzento e a tarde arrancou com aguaceiros, mas nem a chuva parou o Carnaval da Vila de Prado 2019.

A (1)vpra.jpg

Houve cor, alegria, diversão e até coreografias ensaiadas pelos grupos que participaram no corso carnavalesco. Pouco depois das 15h30, o cortejo que arrancou dos Carvalhinhos encontrava-se com o grupo que veio da Ramalha nas imediações da sede da Junta de Freguesia da Vila de Prado.

Depois, seguiram em conjunto para a Avenida do Cávado, onde eram esperados por alguns milhares de pessoas que se muniram de guarda-chuvas e enfrentaram a chuva (que ia caindo de forma intermitente) para receber os foliões. Aos dois grupos juntaram-se ainda muitos participantes individuais, já que o desfile é aberto a todos.

Houve lugar a recriações históricas, sátira da atualidade, coreografias ensaiadas, fantasias diversas e muita animação.

O carnaval da Vila de Prado surge de iniciativa espontânea dos populares e encontra nos Lugares da Ramalha e dos Carvalhinhos os seus maiores bastiões.

A Junta de Freguesia da Vila de Prado apoiou a iniciativa garantindo que as forças de segurança regulavam o trânsito durante o desfile.

Uma boa ocasião de esquecer os problemas do quotidiano, soltar a criatividade e encarnar uma nova personagem, além de contribuir para o fortalecimento de laços entre a comunidade e a divulgação da Vila de Prado.

A (2)vpra.jpg

A (3)vpra.jpg

A (4)vpra.jpg

A (5)vpra.jpg

MUNICÍPIO DE VILA VERDE APROVA VOTO DE LOUVOR À ESCOLA PROFISSIONAL AMAR TERRA VERDE

CMVV atribui voto de louvor à EPATV, com abstenção dos vereadores do PSD

Hoje, em contexto de reunião ordinária do executivo da Câmara Municipal de Vila Verde (CMVV), surgiu a proposta dos vereadores do PS, na sequência da 9ª classificação da EPATV no ranking nacional de melhores escolas profissionais. Além dos 25 anos de instituição, dos mais de 700 alunos anuais, da conclusão e empregabilidade dos formados, também os prémios que a EPATV tem arrecadado foram motivo de referência argumentativa por parte do PS.

A deliberação foi aprovada por maioria com votos favoráveis do PS e abstenção de votos do PSD.

O Diretor Geral da EPATV, João Luís Nogueira, lamenta a oportunidade perdida, por parte dos Vereadores da maioria, em reconhecer o óbvio e fazer a ponte para as boas vontades e confiança nas instituições do Concelho.

Capturartv1.PNG

Capturartv2.PNG

Capturartv3.PNG

Capturartv4.PNG

Capturartv5.PNG

Capturartv6.PNG

Capturartv7.PNG

Capturartv8.PNG

Capturartv9.PNG

Capturartv10.PNG

Capturartv11.PNG

Capturartv12.PNG

VILA VERDE: MÊS DO ROMANCE TERMINA EM CASAMENTO

Um amor intenso que culminou em casamento a encerrar com chave de ouro o Mês do Romance!

Durante 38 dias consecutivos, a marca territorial do Município de Vila Verde disseminou pelo país e pelo mundo mensagens de amor, carinho e ternura. Apresentações de produtos Namorar Portugal, workshops, desfiles de moda, atividades de natureza, espetáculos de dança, música, teatro… mais de uma centena de iniciativas inspiradas nos motivos dos Lenços de Namorados.

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (8).jpg

Um amor intenso que culminou em casamento para encerrar com chave de ouro a densa e emotiva programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’. Ontem, 02 de março, o dia começou com com o Trilho da Nóbrega, organizado pelo parque de Campismo e Caravanismo de Aboim da Nóbrega e pela ATAHCA. Pouco depois, começava a Feira de Artesanato, na Praça da República, em Vila Verde.

Durante a manhã, realizou-se ainda o Workshop de Arte Floral da Vila Verde em Flor, empresa que haveria de apresentar durante a tarde a novidade deste ano, o ‘Ramo do Pedido’. Durante todo o dia, o Cantinho das Noivas, no Centro de Dinamização Artesanal – Aliança Artesanal, em Vila Verde, e a ExpoNoivos Resela Namorar Portugal, na Quinta de Resela, em Cervães, foram espaços dedicados ao matrimónio.  Do pedido ao bolo, passando pelos convites, lembranças, fato, vestido, sapatos, álbuns... os noivos encontram na marca Namorar Portugal tudo o que necessitam para um casamento de sonho, como comprovaram o cantinho das Noivas e a ExpoNoivos. O dia encerrou na Quinta de Resela com o desfile de noivas, vestidas pelo Atelier Vestidos de Sonho, e de noivos, vestidos pela Felicidade Noivas.

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (9).jpg

Património natural, cultural e edificado

Foi entre as relíquias do património cultural/edificado e paisagens naturais de cortar a respiração que decorreu mais um Trilho da Nóbrega. O céu pintado em tons de cinzento não demoveu a vontade de perto de 150 pessoas que passaram uma manhã de saúde, convívio e muita beleza natural no topo da serra. Houve tempo ainda para uma atividade radical 100% natural, a descida dos penedos em giestas, recuperando uma brincadeira de infância tradicional na região Norte do concelho. A iniciativa foi organizada pelo Parque de Campismo e Caravanismo de Aboim da Nóbrega e pela ATAHCA, Junta da União de Freguesias de Aboim da Nóbrega e Gondomar.

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (7).jpg

A arte floral e o ramo do pedido

A Vila Verde em Flor esteve no Espaço Namorar Portugal, durante o período da manhã, para partilhar com o público alguns truques e técnicas de criação de belos e apaixonantes ramos de flores no Workshop de Arte Floral. No período vespertino, Teresa Cunha e Inês, mãe e filha, regressaram ao quartel-general da marca Namorar Portugal para apresentar o ‘Ramo do Pedido’. Um ramo com rosas vermelhas, que simbolizam o amor e a paixão. Com alecrim, que aromatiza e “é bom para reavivar memórias, reaviva o amor e as memórias do casal do namoro ao casamento". E com hipericão, habitualmente utilizado em chá, “que os pode acalmar”.

O ramo é envolvido por um círculo de cartão, que representa o ciclo do linho, da semente ao produto final (o pano branco onde se bordam sentimentos). Na base, num pequeno pano de linho branco com bordados à mão inspirados nos Lenços de Namorados, pode-se ler a frase do pedido: “Casas Comigo?”. É também nesta zona que está guardado o anel de noivado. “Escolhemos o linho porque é um produto regional e uma fibra natural. Manda a tradição que a noiva prepare o enxoval antes de casar e costumava ser todo em linho, daí este elemento simbólico. Por outro lado, todo o trabalho do ciclo do linho simboliza o trabalho que o namoro precisa para ganhar raízes e força. Temos também a teia e a trama, que significa união. Se o casal não estiver unido como a teia e a trama, também não conseguirá seguir caminho”, afirmou Teresa Cunha.

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (10).jpg

“Uma marca que fala de amor, carinho e afetos e leva esta mensagem aos quatro cantos do mundo”

Depois, as atenções voltaram-se para a Quinta de Resela, que ao longo de todo o fim de semana realizou várias atividades relacionadas com o casamento, com a presença de diversos parceiros Namorar Portugal, e que terminou com um desfile de moda matrimonial com vestidos para ela e fatos para ele. A decoração a preceito, o espetáculo de música ao vivo e o corte de bolo simbólico entre os ‘noivos’ (modelos) ajudaram a abrilhantar a ocasião. Presente na sessão, a vereadora da Cultura do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes, sublinhou que se encerrou com chave de ouro uma programação que se estendeu ao longo de 30 dias consecutivos, incluiu mais de 100 iniciativas e envolveu mais de 200 parceiros. Aos 70 parceiros Namorar Portugal (com milhares de produtos nos mercados nacionais e internacionais), juntaram-se espaços de alojamento, bares, restaurantes, pastelarias e diversas entidades (instituições, associações, estabelecimentos de ensino…) que colaboraram com o Município de Vila Verde e a Aliança Artesanal durante o Mês do Romance. A todos deixou um forte agradecimento.

Um balanço extremamente positivo de uma programação “muito intensa, mas muito gratificante”, que contribuiu de forma categórica para a valorização da cultura e da tradição, a divulgação do território e a dinamização da economia. “Vila Verde está cada vez mais no mapa, escrito com as letras do amor e da paixão”, referiu a vereadora da Cultura.  O “espaço de sonho” e “cenário idílico” da Quinta de Resela recebeu uma mostra do que podem ser os casamentos Namorar Portugal. “Hoje, é possível fazer um casamento de sonho todo inspirado nesta marca. Conseguimos fazer com que um dos dias mais felizes das nossas vidas seja um dia de sonho. O pedido, convites, vestidos, sapatos, bouquets, bolos, decoração, lembranças, álbuns… tudo na marca Namorar Portugal. Uma marca que fala de amor, carinho e afetos e leva esta mensagem aos quatro cantos do mundo”, concluiu Júlia Fernandes.

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (11).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (12).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (13).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (1).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (2).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (3).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (4).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (5).jpg

52788279_2278761652155715_8070463339840405504_nvverd (6).jpg

ARTES TRADICIONAIS ANIMAM VILA VERDE

Arte de manhã à noite com a Tearte, Aliança Artesanal e Concerto da Escola de Música da Vila de Prado!

As artes abrilhantaram a última sexta-feira (28 de fevereiro) da programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’, do Município de Vila Verde. Durante a manhã, a Aliança Artesanal apresentou vários produtos inspirados nas escritas de amor da tradição minhota.

A (1)vvvvverddd.jpg

A nova coleção inclui agendas, sacos de guardanapos, sacos para o pão, Lenços para o rancho e vários produtos para o batizado (lenço, vestido e toalha). Por sua vez, o mestre da tecelagem, Fernando Rei, continua a surpreender o público com a sua arte de criar propostas de confecionadas integralmente no tear manual. Sacos, mochilas e vestuário de senhora predominam na linha Namorar Portugal 2019 da Tearte.

Para encerrar o dia em beleza, nada melhor que a magia da música ao vivo e mais um excelente espetáculo cultural do mês do Romance. Alunos e professores da Escola de Música da Vila de Prado subiram ao palco do auditório da Junta de Freguesia para um concerto memorável, arrancando chuvas de aplausos à plateia.

A (2)vvvvverddd.jpg

Há mais de 30 anos a bordar o amor de Portugal

O dia começou com o artesanato como figura de proa. O Espaço Namorar Portugal, em Vila Verde, recebeu a apresentação de duas novas linhas de produtos da marca territorial do Município de Vila Verde.  a Aliança Artesanal apresentou vários produtos inspirados nas escritas de amor da tradição minhota. Uma casa que se dedica há mais de 30 anos à preservação, recriação e valorização da bela e delicada forma de arte que atravessou os séculos e, hoje, conquista corações pelo país e pelo mundo. O Lenço do Amor deu origem ao Lenço e à marca Namorar Portugal, com milhares de produtos espalhados pelo mundo inteiro. A nova coleção inclui agendas, sacos de guardanapos, sacos para o pão, Lenços para o rancho e vários produtos para o batizado (lenço, vestido e toalha). A apresentação da nova linha ficou a cargo de Cristina Lopes que relembrou que as bordeiras estão sempre preparadas para novos desafios e podem transpor os bordados à mão dos Lenços Namorar Portugal para os mais variados produtos e materiais. Cristina Lopes agradeceu também o apoio do Município de Vila Verde, “sem esse apoio não chegaríamos tão longe”, e apresentou o Lenço especial utilizado na comemoração do 30º aniversário da Aliança Artesanal.

A (3)vvvvverddd.jpg

O mestre do tear

Por sua vez, o representante da Tearte começou por frisar a importância da marca territorial do Município de Vila Verde na sua carreira. “Acho que estar na marca Namorar Portugal me ajudou imenso. Também tenho outra vertente que está a ser valorizada, a parte etnográfica e folclórica, mas estar ligado à marca deu-me visibilidade e mais projeção mediática. Estas apresentações públicas em que posso mostrar algo diferente, em que consigo transpor para a tecelagem os motivos dos lenços. Consigo transmitir autenticidade para as peças que faço, são peças sempre únicas, dificilmente vou repetir… Há um grande trabalho de divulgação feito pelo Município e também temos estados presentes nestas grandes feiras de artesanato em Lisboa, onde se angariam muitos contactos”, afirmou Fernando Rei, que deixou também agradecimentos à Aliança Artesanal pelas inúmeras colaborações, antes de apresentar a nova coleção. Sacos, mochilas e vestuário de senhora confecionados integralmente no tear manual. A sobrinha, Adriana Pereira, ajuda na criação dos modelos, mas na hora de meter as mãos no tear é o tio que assume as rédeas. Na linha deste ano, em alguns casos mantém ou reinventa padrões do passado, noutros criou novos produtos de raiz. Em todos, captou a atenção do público com propostas coloridas vibrantes e cheias de amor.

A (4)vvvvverddd.JPG

Música, talento e muito amor

Ao início do serão, o amplo auditório da Junta de Freguesia da Vila de Prado estava a rebentar pelas costuras. Alunos e professores da Escola de Música da Vila de Prado não defraudaram expectativas e apresentaram em palco os predicados que fazem da instituição pradense uma referência em toda a região. À entrada o público recebia um pequeno pano com desenhos inspirados nos Lenços de Namorados para colocar ao peito, a que se somou também a decoração e o vestuário dos participantes, num autêntico hino à arte tradicional do Minho de bordar sentimentos e afetos num pano de linho branco. Depois, a cereja no topo do bolo. A magia dos espetáculos de música ao vivo ganhou ainda mais intensidade com um repertório de temas de amor. Atuações que tocaram nos corações de uma plateia que brindou com chuvas de aplausos os talentosos artistas que pisaram o palco em mais uma iniciativa cultural inserida na programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’. Durante o evento, houve ainda tempo para explorar outras formas de arte, com performances de teatro e declamação de poesia.

Presente em ambas as sessões, a vereadora da Cultura do Município de Vila Verde não poupou elogios aos artistas que abrilhantaram o dia. À Aliança Artesanal porque é a génese de todo este processo de preservação da tradição, valorização da cultura, promoção do território e dinamização da cultura que deu origem à marca Namorar Portugal e à programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’. Pela coragem, força, determinação e empenho com que trabalham diariamente. Ao Fernando Rei, da Tearte, por ser um embaixador do artesanato vilaverdense e estar já à conquista do mundo com os seus produtos fabricados no tear manual, muitos dos quais inspirados nas escritas de amor da tradição do Minho. Aos professores e alunos da Escola de Música da Vila de Prado pela dedicação, arte e amor que colocaram em cada uma das performances com que conquistaram os corações da plateia.

A (5)vvvvverddd.JPG

NOIVAS EM VILA VERDE REALIZAM CASAMENTOS DE SONHO

Vila Verde. Tudo o que precisa para um casamento de sonho no Cantinho das Noivas!

O centro de Dinamização Artesanal de Vila Verde, casa da Aliança Artesanal, torna-se, hoje e amanhã (02 e 03 de março), num espaço com tudo para um casamento de sonho, inspirado no amor e na ternura dos motivos dos Lenços de Namorados.

A (1)casamentvvvilaverrrd.jpg

Do bolo aos convites, passando pelo vestido, sapatos, álbuns, acessórios nupciais, fotografia… os parceiros Namorar Portugal prometem proporcionar aos noivos uma experiência única e inesquecível.

A inauguração do Cantinho das Noivas decorreu durante a manhã de hoje, 02 de março, e começou com o desfile de dois modelos/noivos e um momento de música ao vivo protagonizado pela vilaverdense Lara. De seguida, foram apresentadas três novas linhas de produtos Namorar Portugal.

A Claríssima apresentou o ‘Bolo Namorar Portugal – Amor Pleno’, a Cake Dreams deu a conhecer a ‘Decoração Para Bolos NP’ e Vera Cancela lançou a ‘Linha de Convites de Casamento Bordado’. Após 38 dias consecutivos de amor, a programação mais romântica do país, ‘Fevereiro, Mês do Romance’, encerra em apoteose com o tema do casamento a dominar as atividades, já que, além do Cantinho das Noivas, decorre também a ExpoNoivos, na Quinta de Resela, em Cervães.

A (2)casamentvvvilaverrrd.jpg

Além de serem muito saborosos, os bolos personalizados da Claríssima são também um regalo para a vista. Este ano, abraçou um novo desafio, fruto de uma sinergia criada com a Cake Dreams, e apresentou uma criação original que une tradição e modernidade num ‘Amor Pleno’. “É um desafio diferente. Com a proposta da Cake Dreams para utilizar as impressões comestíveis deles, tive que repensar o conceito inicial”, afirmou Clara da Cruz, antes de descrever a nova proposta. “Pensei nas nossas tradições, nos azulejos e no aspeto marmorizado, que é muito utilizado nas casas antigas. Depois, tentei dar à tradição um visual moderno e arrojado”, revelou.Por sua vez, a Cake Dreams estreou-se este ano na marca Namorar Portugal com hóstias e pasta de açúcar impressas com tintas 100% alimentares. Andreia, representante da empresa, revelou ainda que as coloridas e deliciosas propostas que apresentou não são exclusivas para os bolos e podem ser aplicadas em todo o tipo de produtos de pastelaria. Concluiu agradecendo a parceria da marca Namorar Portugal e da Claríssima.

Para finalizar as apresentações, Vera Cancela, da Bordarte, lançou uma linha de convites de casamento com bordados à mão inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados. No entanto, os convites não são exclusivos para a celebração do matrimónio e podem ser utilizados como convite para qualquer tipo de evento. Isto porque os modelos apresentados são apenas exemplos. O texto, a cor, o tipo de bordado… Tudo pode ser personalizado em função dos gostos do cliente. A estilista Natália Mil-Homens Pereira, responsável pela criação de inúmeros vestidos de noiva inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados também tem uma das suas criações em exposição no Cantinho da Noivas.

Presente na sessão, a vereadora da Cultura do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes, fez uma breve retrospetiva da programação turístico-cultural mais romântica do país. De 25 de janeiro a 03 de março, sucederam-se mais de uma centena de iniciativas (apresentação de produtos, saraus, música, dança, workshops, exposições, atividades de natureza…), um pouco por todo o país e com maior incidência em Vila Verde, onde o amor acontece! Com o tema do casamento a dominar as atenções no último fim de semana do Mês do Romance, Júlia Fernandes sublinhou que a marca Namorar Portugal tem produtos para todo o percurso matrimonial, desde o pedido até ao corte do bolo.

A (3)casamentvvvilaverrrd.jpg

A (4)casamentvvvilaverrrd.jpg

A (5)casamentvvvilaverrrd.jpg

VILA DE PRADO RECEBE CONCERTO NAMORAR PORTUGAL

01 de março. Está a chegar o 6º Concerto Namorar Portugal da Escola de Música da Vila de Prado

O auditório da Junta de Freguesia da Vila de Prado recebe, hoje (01 de março), mais um espetáculo com a chancela de qualidade da Escola de Música da Vila de Prado.

Integrado na programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’, do Município de Vila Verde, o 6º Concerto Namorar Portugal promete tocar nos corações da plateia com a magia da música ao vivo e performances que não vão deixar ninguém indiferente.

Alunos e professores sobem ao palco num hino ao amor, que se revela também uma montra privilegiada para os jovens exporem o seu talento e uma oportunidade soberana para desenvolverem competências pessoais, ao atuarem em palco perante uma larga audiência.

EMVP.jpg

VILA VERDE PREPARA-SE PARA O VERÃO QUE SE APROXIMA!

Já cheira a verão: Túnicas, Fatos de Banho e Toalhas de Praia Namorar Portugal!

A condizer com o fevereiro atipicamente quente e soalheiro, longe dos habituais rigores da estação fria, hoje, 28 de fevereiro, já cheirou a verão no Espaço Namorar Portugal, em Vila Verde, com a apresentação de duas linhas de produtos voltadas para a estação quente. Fátima Costa, da Enamorata, apresentou uma coleção que inclui biquíni, triquíni e toalha de banho para criança com repelente de mosquito.

1 (1)vilavvvverddd.jpg

Por sua vez, Céu Cunha, da Teciborda, deu a conhecer uma linha de oito túnicas primavera/verão frescas, arejadas e coloridas, que podem ser personalizadas de acordo com os gostos do cliente.

Apesar de estarmos já a entrar na reta final da densa e emotiva programação ‘Fevereiro, Romance’, o ritmo de atividades não diminui, como relembrou a Vereadora da Cultura do Município de Vila Verde. Júlia Fernandes prosseguiu referindo que ambas as parceiras já estão há alguns anos na marca Namorar Portugal e continuam a surpreender o público com inovadoras propostas inspiradas nos motivos dos Lenços de Namorados. “É sempre um grande gosto presenciar a criatividade e originalidade nestas criações e podermos acompanhar também o vosso sucesso”, concluiu.

1 (3)vilavvvverddd.jpg

Linha de fatos de banho e toalha de criança com repelente de mosquito

A Enamorata continua encher as praias de amor com os produtos inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados. A representante da marca, Fátima Costa, apresentou uma linha de praia que inclui fato de banho, biquíni e triquíni. “Este ano, inspirei-me nos pontos de bordado para a coleção de fatos de banho. O próprio desenho do triquíni remete para as bainhas abertas dos Lenços”, referiu. Mas as novidades não ficaram por aqui. À semelhança do que sucedeu em 2018 com os páreos, voltou a apresentar um produto com repelente de mosquito. Desta vez, uma toalha de praia para criança, em que predominam os passarinhos da simbologia dos Lenços de Namorados, com uma pequena história a acompanhar que vai certamente fazer as delícias da pequenada.

Fátima Costa apresentou também uma proposta de moda que desfilou na Gala Namorar Portugal 2019, da autoria de Rita Miranda, que está na génese de uma ainda embrionária parceria entre as duas criadoras. Revelou também que a Enamorata foi selecionada para integrar um programa de formação e inovação no Japão. “Vamos estar em contacto com empresas japonesas, o que é uma porta de entrada para o mercado asiático, onde os problemas do Dengue e da Malária são uma questão de saúde publica. Por isso, valorizam ainda mais este tipo de produtos”, afirmou.

1 (4)vilavvvverddd.jpg

Túnicas leves, frescas e personalizáveis

Por sua vez, a representante da Teciborda, Céu Cunha, deu a conhecer uma linha de túnicas leves e frescas para primavera/verão. Bordados coloridos, mas discretos, para quem procura um toque de arte e amor no vestuário, que surgiram como resposta às solicitações do mercado. “Comecei a preparar esta linha a pedido de várias pessoas que visitavam a minha loja e perguntavam pelas túnicas. Criei alguns modelos muito simples e discretos, mas qualquer pessoa pode personalizar, fazemos à medida do cliente”, frisou.

De seguida, houve um mini desfile de moda, com algumas jovens a vestirem e apresentarem as túnicas da nova linha Namorar Portugal da Teciborda. No total, a coleção contempla, para já oito túnicas para senhora e menina, mas pode crescer em função da inspiração da criadora ou das solicitações dos clientes, já que são produtos personalizáveis.

1 (5)vilavvvverddd.jpg

1 (6)vilavvvverddd.jpg

VILAVERDENSES AMAM TERRA VERDE

O lema estratégico da Escola Profissional Amar Terra Verde “…somos do tamanho das parcerias que temos…” foi amplamente comprovado no dia 27 de fevereiro, na inauguração da nova unidade industrial da empresa Bysteel FS, Grupo DST, para a qual a EPATV foi convidada pelo CEO do Grupo DST, Engº José Teixeira.

file (2).jpeg

A inauguração desta unidade localizada no Parque Industrial de Pitancinhos, em Palmeira, contou com a presença do Primeiro Ministro, António Costa e do Ministro Adjunto e da Economia Pedro Siza Vieira, entre outras individualidades, tendo a EPATV sido referenciada, nos discursos, como pertencente ao ecossistema de inovação e produtora de conhecimento ao mesmo nível que outras instituições de ensino superior, de formação e de investigação nacionais e estrangeiras.

O discurso do anfitrião, José Teixeira, foi uma verdadeira “lição” de gestão empresarial, que colocou toda a tónica no sucesso do negócio através da produção do conhecimento, procurando as “melhores” parcerias com vista à formação integral dos seus colaboradores, reforçando a sua intervenção como elevador social.

No final da sessão, o Diretor Geral da Escola Profissional Amar Terra Verde, João Luis Nogueira, ofereceu o livro dos 25 Anos da EPATV ao Primeiro Ministro o qual, além dos parabéns pela 9ª posição da EPATV no ranking das Escolas Profissionais de 2019, manifestou vontade de visitar a EPATV, estando a ser agendada para acontecer brevemente.

VILA VERDE: O MINHO ESTÁ EM ALTA!

Chá de Tília com Citrinos e Biscoitos ‘Pérola’ para nutrir o amor entre a marca Namorar Portugal e o Palácio da Brejoeira!

O amor pela cultura e pela tradição criaram a atmosfera perfeita para um Romance Palaciano. Ontem, 27 de fevereiro, a marca territorial do Município de Vila Verde regressou ao ex-líbris de Monção para continuar a nutrir a relação numa tarde de arte, cultura e amizade.

1 (2)minhalt.jpg

O sumptuoso Palácio da Brejoeira e o ambiente idílico que o rodeia voltaram a criar um magnífico cenário para a apresentação de duas novas linhas de produtos Namorar Portugal. A Tília colhida no próprio Palácio ganhou, este ano, a companhia da laranja, da tangerina e do limão no Chá de Citrinos Palácio da Brejoeira, da empresa Serras Brandas. Para acompanhar, nada melhor que as deliciosas propostas da Pastelaria da Vila, que este ano incidem em pequenos bolos/biscoitos com erva-príncipe.

A iniciativa começou com um passeio pela emblemática Avenida das Tílias e prosseguiu com uma visitada guiada ao palácio. De seguida, a magia da música ao vivo ajudou a enriquecer o programa com a atuação da professora Maria de Menezes, da Academia de Música de Vila Verde, e de um grupo de cavaquinhos. Nota de destaque também para a presença de duas bordadeiras da Aliança Artesanal, entidade que se dedica a preservar, recriar e promover este imenso património imaterial. Alice Augusto e Cristina Lopes estiveram a bordar ao vivo, levando à joia edificada de Monção esta bela e delicada forma de arte que remonta ao século XVII e está na génese da marca Namorar Portugal. Depois da apresentação dos produtos, tempo para degustar as deliciosas propostas apresentadas pelos parceiros Namorar Portugal.

1 (3)minhalt.jpg

Uma tradição que nos fala de amor

A abertura da sessão coube à vereadora da Cultura do Município de Vila Verde. Júlia Fernandes apresentou às dezenas de pessoas presentes no evento a densa e emotiva programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’, que se estende ao longo de 38 dias consecutivos com mais de 100 iniciativas. Apresentações de produtos, desfiles de moda, música ao vivo, dança, teatro, workshops, atividades de desporto e natureza… Um programa diversificado, com atividades para agradar a todos os gostos, feitos e faixas etárias, que se estende por todo, mas com maior incidência em Vila Verde… onde o amor acontece! A vereadora da Cultura sublinhou ainda que a marca Namorar Portugal conta já com 70 parceiros que laboram nos mais diversificados setores de atividade (mobiliário, vestuário, eletrónica, calçado, artesanato, acessórios de moda, agroalimentar, merchandising…). Júlia Fernandes exaltou a imensa beleza do património natural e edificado do Palácio da Brejoeira, frisou o excelente trabalho de pintura na embalagem, da autoria da pintora Fátima Mendes, residente na Vila de Prado, e o trabalho desenvolvido pela Aliança Artesanal. Um trabalho que permite manter viva uma tradição que remonta ao século XVII e que “nos fala de amor, de carinho de afeto de ternura, sentimentos mais nobres e que tanto precisamos nos dias de hoje”.

1 (4)minhalt.jpg

Chá de Tília com citrinos e…

De seguida, o representante da marca Serras Brandas, Filipe Temporão, contou como surgiu a inspiração para a nova coleção. “O projeto que nasceu no ano passado e levou-nos a colher tília aqui do palácio. No processo de colheita, em conversa com os funcionários, apercebi-me que havia história na história do chá. A Dona Hermínia Paes [antiga proprietária] costumava servir chá aos trabalhadores com rodelas de laranja. Idealizei uma forma de pegar na caixa, que é bonita, e criar quatro recetáculos. Um tem tília, outro tília com laranja, outro tília com limão e, por último, tília com tangerina”, revelou, enquanto apresentava a sua linha de “tília acitrinada”. Além do chá, deu também a conhecer “umas canecas especiais, um individual de chá”, onde pontua uma pintura do Palácio da Brejoeira e a chancela da marca Namorar Portugal.

Para acompanhar o chá das Serras Brandas surge um produto criado em parceria com a Pastelaria da Vila. ‘Pérola’ é o nome de um pequeno bolo/biscoito que inclui um ingrediente invulgar na pastelaria, a erva-príncipe. “Agora já se pode comer chá”, gracejou Armando Sousa, representante da pastelaria vilaverdense. No final, além das ‘Pérolas’, os presentes puderam também degustar várias propostas criadas pela Pastelaria da Vila inseridas na marca Namorar Portugal, como as Broinhas do Amor, o Pink Cake, os Doces Desejos e o Pão de Ló Água na Boca.

1 (5)minhalt.jpg

O Minho está em alta

Por sua vez, o administrador do Palácio da Brejoeira, Emílio Magalhães, aproveitou o momento para recordar com nostalgia os lanches de primavera e verão nos jardins do palácio com sabor a chá de tília com laranja e bolo caseiro, nos tempos da antiga proprietária, Dona Hermínia Paes. Agradeceu a todos pela presença, mas de forma particular ao Município de Vila Verde pela parceria, à pintora Fátima Mendes pela arte e ao professor Filipe Temporão por ser a grande força deste projeto, sublinhando a importância destes eventos “para promovermos este património ex-líbris do Alto Minho”. Por seu turno, o presidente da Câmara Municipal de Monção, António Barbosa, saudou esta aproximação entre dois concelhos minhotos, frisando que, em termos percentuais, o Minho é a região do país com maior crescimento turístico. O edil sublinhou a importância histórica e cultural do edifício e zona circundante, acrescentando que vê com muito bons olhos esta aproximação dos dois territórios e a entrada de Monção na marca Namorar Portugal através do Palácio da Brejoeira.

1 (6)minhalt.jpg

1 (7)minhalt.jpg

1 (8)minhalt.jpg

1 (9)minhalt.jpg

1 (10)minhalt.jpg

D (10)minhalt.jpg

LENÇOS DE NAMORADOS TÊM MOTIVOS PARA O DIA DE CASAMENTO

Um casamento inesquecível com os motivos dos Lenços de Namorados!

O dia mais especial da sua vida vai ganhar brilho redobrado com os motivos e as escritas de amor dos Lenços Namorar Portugal. Após 38 dias consecutivos de amor, a programação mais romântica do país, ‘Fevereiro, Mês do Romance’, encerra em apoteose com o tema do casamento a dominar as atividades.  A 02 e 03 de março, decorre o Cantinho das Noivas, no Centro de Dinamização Artesanal - Aliança Artesanal, em Vila Verde, uma iniciativa que promete fazer as delícias dos noivos. Do bolo aos convites, passando pelo vestido, sapatos, álbuns, bouquets, porta-alianças, acessórios nupciais e decoração do espaço, entre muitos outros, está tudo preparado para proporcionar aos noivos uma experiência única e inesquecível.

DSC_0702.JPG

A sessão de abertura do evento está marcada para o próximo sábado, 02 de março, pelas 11h00, com a apresentação de três novas linhas de produtos Namorar Portugal. O ‘Bolo namorar Portugal: Amor Pleno’, da Claríssima, a Linha de Convites Casamento Bordado, de Vera Cancela, e a Decoração para Bolos NP, da Cake Dreams. No dia seguinte, a tarde arranca com o Workshop de Arte Floral e com a apresentação do ‘Ramo do Pedido’, da Vila Verde em Flor. Além das atividades inseridas no programa, está aberta ao público, durante os dois dias, uma mostra de produtos das linhas de casamentos de diversos parceiros Namorar Portugal. Os produtores também estarão no Centro de Dinamização Artesanal - Aliança Artesanal, durante o fim de semana, para ajudarem a aguçar a criatividade dos noivos na preparação de um dia de casamento ainda mais especial, carinhoso e ternurento. A estilista Natália Mil-Homens Pereira, responsável pela criação de inúmeros vestidos de noiva inspirados nos motivos dos Lenços de namorados também terá uma das suas criações em exposição no Cantinho da Noivas.

 Atendendo à temática do fim de semana, a Quinta de Resela associou-se à programação através da organização da Exponoivos. A coleção Namorar Portugal-Linha de casamento integrará esta ação através da participação dos vários promotores da marca. Um dos momentos altos desta iniciativa é o Desfile de Vestidos de Noiva da estilista Natália Mil-Homens Pereira (Vestidos de Sonho). O número de casais que escolhem os sentimentos e afetos da tradição minhota como tema de casamento aumentou de forma exponencial ao longo dos últimos anos. Por conseguinte, aumentou também a oferta de locais (as quintas vilaverdenses têm registado uma procura enorme) e de produtos Namorar Portugal vocacionados para o mercado dos casamentos. Uma dinâmica impressionante em Vila Verde… onde o amor acontece!

Exponoivos.jpg

Programa_Noivas.jpg

VILA VERDE: NAMORAR PORTUGAL CRIA PRODUTOS DE BELEZA

Namorar Portugal. Real Farma apresentou sabonetes, hidratante e batom do cieiro artesanais!

A tradição continua viva e os motivos dos Lenços de Namorados continuam a inspirar artistas, marcas, empresas, artesãos, associações e as mais diversas instituições. De tal forma que, atualmente, a densa e apaixonante programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’ se estende ao longo de 38 dias consecutivos com mais de uma centena de iniciativas de celebração do amor.

A (1)vvsabonet.jpg

Uma vitalidade assinalável da marca territorial do Município de Vila Verde, que, hoje (26 de fevereiro), regressou ao concelho de Braga para a apresentação da nova linha de produtos Namorar Portugal da Real Farma. Uma coleção que conta com sabonetes, hidratante e batom do cieiro totalmente artesanais, vocacionados para os bebés e crianças, apesar de poderem ser utilizados por pessoas de todas as idades.

A apresentação da nova linha ‘Sabonetes Namorar Portugal’ ficou a cargo de Ana Sampaio. A representante da empresa começou por revelar que, para já, estes produtos estarão à venda na Real Farma, em Real (Braga), e no Espaço Namorar Portugal, em Vila Verde, mas outros pontos de venda se podem seguir. Uma linha destinada aos bebés e crianças, mas que que também serve para os adultos. “O hidratante é 100% natural, com amêndoas doces e manteiga de karité. Não tem químicos, não faz mal à pele dos bebés. No caso dos sabonetes, as glicerinas são de excelente qualidade, sem químicos adicionados, apenas aroma e cor”, referiu Ana Sampaio. A pomba predomina na decoração das embalagens, mas também há sabonetes em forma de coração e com cores diversas. O batom do cieiro é uma das novidades da edição deste ano e promete deixar os lábios macios, hidratados e bem cheirosos. Além da possibilidade de adquirir os artigos individualmente, os clientes também podem adquirir um dos pacotes de produtos ou conjugar os artigos e criar os seus próprios conjuntos.

A sessão contou com a presença do presidente do Município de Vila Verde, António Vilela, e da vereadora da Cultura, Júlia Fernandes. Os representantes da edilidade vilaverdense não pouparam elogios aos cativantes produtos apresentados na Real Farma, que, à semelhança dos do ano anterior, terão certamente grande aceitação junto do público. Mais uma empresa bracarense que permanece de pedra e cal na grande família Namorar Portugal. Uma entre várias provas inequívocas do papel desempenhado pela marca territorial do Município de Vila Verde na dinamização da economia, na promoção da cultura e na valorização das artes e saberes tradicionais. Uma marca que espelha de forma cristalina a imagem do concelho de Vila Verde. Um concelho que abraça os desafios futuro sem esquecer o passado. Que encontra nas suas raízes uma alavanca rumo à modernidade e ao progresso.

A (2)vvsabonet.jpg

A (3)vvsabonet.jpg

A (4)vvsabonet.jpg

A (5)vvsabonet.jpg