Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

DKC DE VIANA PARTICIPA NA ORGANIZAÇÃO DA TAÇA IBÉRICA DE SLALOOM

DKC de Viana na organização da Taça Ibérica de slalom com Desportivo Minho Teixugos (da Galiza), Federação Galega de Piraguismo e Federação Portuguesa de Canoagem.

Capturartaçaiberica.JPG

Com o apoio da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, a Taça Ibérica de Slalom vai retomar a sua edição anual após dois anos de interrupção devido à pandemia.

A competição vai decorrer entre os dias 22 e 23 de janeiro, na pista internacional de slalom partilhada entre a DKC de Viana e o Clube Galego “Desportivo Minho Teixugos”, nas Azenhas do Pagade, freguesia de Covas, Vila Nova de Cerveira, em pleno Rio Coura e constitui o arranque da época competitiva das provas do calendário da Federação Portuguesa de Canoagem.

A DKC de Viana regressa assim à organização de grandes eventos internacionais, dando o seu apoio organizativo à competição.

A prova vai contar com 12 clubes e 134 atletas, sendo seis clubes portugueses e seis clubes espanhóis disputando cerca de 170 largadas

A DKC de Viana leva 11 atletas disputando 12 largadas, sendo também o arranque da sua época competitiva.

Programa da prova

Dia 22

– 10h início da competição – eliminatórias

- 14h – meias finais

Dia 23

- 10h – finais.

O Presidente da DKC de Viana,

Dr. Américo Castro

SECRETÁRIA DE ESTADO DA IGUALDADE ESTEVE EM VIANA DO CASTELO PARA CONHECER PROJETO DO IPVC

A Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro, esteve na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (ESTG-IPVC) para participar na cerimónia de apresentação do BAITS – Business, Art, Innovation, Technology, Sustainability. Na sessão marcou também presença o autarca de Viana do Castelo, Luís Nobre, que sublinhou o forte relacionamento entre as duas entidades, elencando diversos projetos conjuntos feitos ao longo do tempo.

ABELO8319 2.jpg

Na sessão, Luís Nobre,deu os parabéns ao IPVC porque “tem cumprido a missão com distinção”, assumindo que “é bom sentir que as coisas acontecem naturalmente e de forma consistente”. O Município, garantiu o autarca, está disponível para continuar a colaborar. “Estamos sempre atentos e temos aqui parcerias efetivas no âmbito da tecnologia, da ciência e da operacionalização. Temos atores ativos no terreno para encontrar soluções. O objetivo passa por termos não só coesão territorial, mas também social”, evidenciou.

Já para a governante, o IPVC tem sido “um parceiro absolutamente estratégico” e, por isso, acredita que o BAITS será “mais um bom exemplo” para a região. O projeto de cerca de quatro milhões de euros vai disponibilizar, entre outros, formação pós-graduada em regime presencial, à distância ou num regime misto, permitindo a qualificação do tecido empresarial de forma a tornar a região mais competitiva no mercado global.

Na cerimónia de apresentação do projeto, que surge no alinhamento com o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), as prioridades Norte 2030 e a Estratégia Alto Minho 2030, a Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade começou por agradecer ao IPVC por estar de forma “tão empenhada” a trabalhar nestas áreas de intervenção, envolvendo todos os parceiros.

“A igualdade não existe se só falarmos dela nos grandes centros, a aposta na territorialização destas políticas e o trabalho em rede, envolvendo as competências tecnológicas e científicas da região, são absolutamente fundamentais”, defendeu a Secretária de Estado. Para Rosa Monteiro, este novo projeto do IPVC contribuirá “para a importante e fascinante experiência do ensino da Cidadania nas escolas”.

Através do BAITS, o IPVC vai disponibilizar programas de formação, integração, apoio, aconselhamento e orientação para jovens e adultos ativos. Para o público mais jovem serão criadas escolas de verão, semanas Steam e o ano zero para além de novos cursos técnicos superiores profissionais. Já para o público adulto serão disponibilizados cursos de pós-graduação, mestrados e formações de curta duração.

De destacar que o BAITS-IPVC terá formação nas áreas STEAM e Programas de Mentoria para jovens do ensino secundário e profissional e formações especializadas dirigidas a adultos e organizações da região que pretendam apostar na formação dos seus quadros.

Ainda no âmbito do projeto BAITS, o Politécnico de Viana do Castelo vai ministrar novas formações de curta duração e pós-graduação na Alto-Minho Business School -Escola de Pós-graduação do Alto-Minho, a nova escola virtual do IPVC.

ABELO8379 2.jpg

ABELO8394 2.jpg

ABELO8185 2.jpg

ANTÓNIO COSTA PARTICIPA EM COMÍCIO EM VIANA DO CASTELO

Comício em Viana do Castelo com a presença de António Costa

No próximo dia 23 de janeiro, domingo, às 21.30h, o Partido Socialista organiza um comício no Teatro Sá de Miranda, em Viana do Castelo, que contará com a presença e intervenção de António Costa, Secretário-Geral do Partido Socialista e Tiago Brandão Rodrigues, cabeça de lista do PS pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo.

O evento será organizado de acordo com as normas emanadas pela Direção Geral de Saúde e a entrada estará condicionada a apresentação de bilhete que corresponda a um específico lugar e à apresentação de certificado digital de vacinação.

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE VIANA DO CASTELO ACOLHE EXPOSIÇÃO DE OBRA GRÁFICA “JORGE NESBITT – O MUNDO É REDONDO”

Está patente na Biblioteca Municipal de Viana do Castelo a exposição da obra gráfica "Jorge Nesbitt - o mundo é redondo", disponível até 2 de julho. Esta é a 17ª exposição integrada no ciclo de exposições da obra gráfica de artistas nacionais que é promovido na biblioteca vianense.

nesbitt 1.jpg

Jorge Nesbitt nasceu em 1972. Terminou, em 1995, o Curso Básico de Desenho e Pintura do Ar.Co – Centro de Arte e Comunicação Visual, Lisboa. Em 1998, finalizou na mesma instituição o Curso Avançado de Artes Plásticas. É co-responsável do departamento de Ilustração/BD do Ar.Co.

Jorge Nesbitt expõe regularmente os seus trabalhos desde 1999. Desde então, tem participado em várias exposições individuais e coletivas. Está representado em várias coleções institucionais e privadas nacionais e internacionais. O seu percurso artístico denota proximidades com a mundo e a lógica disciplinar da ilustração, sendo autor de vários trabalhos especificamente nesta área.

O universo criativo de Jorge Nesbitt é facilmente reconhecível através das associações inusitadas presentes nas suas obras. Às evidentes referências à literatura, com um gosto especial pela obra de Gertrude Stein, associa múltiplas referências à pintura, da Holanda do Séc. XVII, ao modernismo de Picasso. 

Desde 2014 que a Biblioteca Municipal acolhe ilustradores portugueses, dando a conhecer alguns dos autores contemporâneos mais aclamados na área da ilustração de livros, jornais, revistas e objetos.

Em 2021, a Câmara Municipal editou a obra “Ilustradores Portugueses na Biblioteca Municipal de Viana do Castelo: 2014-2021”, que reúne 8 anos de exposições, correspondentes a 15 artistas.

A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h00 às 19h00, e, ao sábado, das 10h00 às 19h00.

nesbitt 2.jpg

TUNA DE VETERANOS DE VIANA DO CASTELO COMEMORA 19º ANIVERSÁRIO

A Tuna de Veteranos de Viana do Castelo inicia as comemorações do seu 19º aniversário, com a promessa de um programa ambicioso para 2022 ( assim o “bicho” o permita... )

Capturartuvi1.JPG

O percurso desta instituição ao longo destas quase duas décadas tem sido marcado pela sua capacidade criativa manifestada nas diferentes valências, sendo que obviamente a música e a alegria que colocam em tudo o que fazem, tornam esta tuna um testemunho genuíno da verdadeira essência das tunas veteranas ou quarentunas.

Licínio Torre, Magister da Tuna de Veteranos de Viana do Castelo, salienta “a capacidade deste grupo em gerar cumplicidades através da música, que aliada a uma alegria e energia imensa e contagiante tem sido algo que nos tem distinguido dentro e fora de portas (…) São 19 anos de agradecimento a todos os nossos amigos e a toda a comunidade, pois sem eles, este percurso não seria possível.”

Contra todas as vicissitudes e com muitos motivos de orgulho pelo seu passado, a Tuna de Veteranos de Viana do Castelo foi um projeto apadrinhado pelo Dr.Francisco Sampaio, e pela Drª Flora Silva, fruto de uma ideia antiga de um grupo de tunos provenientes de várias Academias - Univ.Minho, Univ.Fernando Pessoa, Univ.Católica Portuguesa, Fac.Engenharia do Porto, Univ.Lusíada, Univ.Coimbra, Inst.Politécnio de Viana do Castelo - que ao findarem os seus estudos e iniciarem a vida ativa decidiram juntar-se e partilhar as diferentes experiências Académicas através daquilo que lhes era comum: a música.

A Tuna de Veteranos de Viana do Castelo tem desempenhado assim um papel muito importante na divulgação da cidade, da região e do país através da música e das tradições regionais e académicas.

Neste 19.º aniversário é inevitável fazer-se um balanço, refletindo acerca dos pontos mais e menos positivos deste percurso, na certeza porém de que a Tuna de Veteranos de Viana do Castelo tem um longo caminho, com muita energia e vitalidade, pronta para os novos desafios.

Desde 2003 que muitos têm sido os palcos nacionais e internacionais por onde já passou, levando todo o brilho e alegria desta tuna do Alto Minho…

O "Hermanamiento" em 2005 com a Tuna Antigua de Navarra ( Pamplona – Espanha ), foi um importante marco na história da Tuna de Veteranos de Viana do Castelo, pois abriu as portas a outras vivências e realidades, que viriam inclusive em 2007 a fazer com que a Tuna de Veteranos de Viana do Castelo se tornasse uma das quarentunas fundadoras da Federação Internacional de Cuarentunas, sendo atualmente  a única instituição portuguesa a fazer parte desta entidade.

Ainda fresca na memória está a participação no XXIV Certame Internacional de Cuarentunas realizado nos passados dias 26 e 27 de Novembro em Santiago Compostela, onde mais de 500 tunos de 23 quarentunas de várias comunidades espanholas, Eindhoven ( Holanda ) e Viana do Castelo ( Portugal ), encheram as ruas de Santiago Compostela de música, cor e alegria, animando o belíssimo centro histórico da capital da Galiza.

Já com a organização de dois Certames Internacionais de Quarentunas no seu curriculum ( os primeiros a serem organizados em Portugal, 2008-2012), a Tuna de Veteranos de Viana do Castelo não esquece as suas raízes e tradições, continuando cheia de “chieira” a participar todos os anos como tocata no Cortejo das Festas d´Agonia.

Por tudo o que tem feito e por tudo aquilo a que se está a propor fazer, “Estamos de parabéns como Instituição e todas e todos aqueles que nos diversos momentos nos apoiaram, sendo para elas e eles que vai a nossa lembrança, a nossa admiração e os nossos agradecimentos (…) Um agradecimento especial a todos os que fazem parte deste percurso pela forma como se dedicam em torno de um projeto que neles assenta e para o qual o seu envolvimento e empenho pessoais continuam a ser fundamentais e a fazer a diferença…”

Capturartuvi2.JPG

Capturartuvi3.JPG

Capturartuvi4.JPG

Capturartuvi5.JPG

PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VIANA DO CASTELO RECEBE NOVO COMANDANTE DA ESCOLA DE SERVIÇOS DO EXÉRCITO

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, recebeu, esta semana, o novo comandante da Escola de Serviços do Exército, Coronel Coelho dos Santos. Nesta receção, o edil vianense recordou as boas relações entre o Município e a Escola de Serviços, que tem permitido, desde 2011, a vigilância da Serra de Santa Luzia por parte dos militares.

ABELO6122 2.jpg

Ao longo da última década, a Escola de Serviços tem assegurado o patrulhamento de Santa Luzia no período do Verão, numa ação que tem sido fundamental para a prevenção dos incêndios florestais. Nesse período, os militares promovem operações de vigilância, mantendo permanentemente informadas as entidades responsáveis e comunicando, de imediato, qualquer ocorrência digna de registo.

A Escola dos Serviços da Póvoa de Varzim, sediada em Beiriz, Póvoa de Varzim, é, desde o final do ano, liderada por António Manuel Jesus Coelho dos Santos. O Coronel de Administração Militar tem 51 anos e é natural da cidade angolana de Luanda, sendo licenciado em Ciências Militares e em Direito.

Coelho dos Santos possui vários cursos na área e já prestou serviço em diversas unidades e equipamentos do Exército, sendo este um regresso à Póvoa de Varzim, agora em funções de comando.

A Escola dos Serviços concebe e ministra cursos de formação inicial, progressão na carreira e formação contínua, e participa, de acordo com as orientações superiores, na elaboração de doutrina, estudos técnicos e em projetos de investigação e desenvolvimento, e apronta a Companhia de Reabastecimento e Serviços (CReabSvc) das Forças de Apoio Geral e Apoio Militar de Emergência (FApGer e AME).

ABELO6186 2.jpg

ABELO5680 2.jpg

ABELO5759 2.jpg

ABELO5887 2.jpg

ABELO5910 2.jpg

ABELO5975 2.jpg

VIANA DO CASTELO: PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL NA TOMADA DE POSSE DA NOVA JUNTA REGIONAL DO CORPO NACIONAL DE ESCUTAS

O Presidente da Câmara Municipal, Luís Nobre, marcou presença na cerimónia da tomada de posse da nova Junta Regional, para o cumprimento do mandato 2022-2024, liderada por Henrique Amorim. Na cerimónia, que aconteceu no auditório do Centro Pastoral Paulo VI, estiveram também o Vice-presidente da autarquia, o Chefe Nacional do Corpo Nacional de Escutas, o Bispo da Diocese, bem como representantes autárquicos e institucionais da região.

ABELO4750 2.jpg

Na cerimónia, o edil assumiu o compromisso de dar continuidade às parcerias existentes entre o município e os escuteiros, nomeadamente no que toca à vigilância florestal e assistência às praias, no período do Verão. O autarca deixou um pedido aos escuteiros vianenses para que continuem “um percurso discreto, mas muito relevante e sempre presente nos momentos mais importantes”, destacando o papel do escutismo em tempos de pandemia. “Esta pandemia trouxe-nos imensos desafios, mas também nos permitiu dar ainda mais valor à solidariedade que vocês trabalham todos os dias”, realçou.

A Junta Regional de Viana do Castelo conta com 43 anos de existência, abrangendo 1.675 escuteiros de 26 agrupamentos. Henrique Amorim é escuteiro desde 1980, tendo entrado para o escutismo como explorador, no Agrupamento 348 da Meadela. Tornou-se dirigente em 1993 e, entre esse ano e 1999, foi Chefe Adjunto da IV secção do Agrupamento N.º 348 – Meadela. Entre outros cargos, acompanhou Manuel Vitorino, anterior Chefe Regional que agora assume o cargo de Vice-Presidente da autarquia vianense, nos últimos onze anos, tendo sido Chefe Regional Adjunto 2010 a 2012 / 2013 a 2015 / 2016 a 2018 / 2019 a 2021.

Foram também empossados António Gomes Pereira (Chefe Regional Adjunto e do Património), Vítor António Pereira Lopes de Lima (Secretário Regional dos Adultos), Ricardo Jorge Cunha Rego (Secretário Regional Pedagógico), Paulo George Esteves Lima (Secretário Regional de Gestão Administrativa e Ação Local), Adelino Ezequiel da Silva Miranda (Secretário Regional de Gestão Financeira), Daniel Ferreira Gomes (Secretário Regional de Proteção Civil e Ambiente) e ainda João José Lima de Abreu (Secretário Regional para a Comunicação e Planeamento).

ABELO3894 2.jpg

ABELO3922 2.jpg

ABELO3994 2.jpg

ABELO3996 2.jpg

ABELO4043 2.jpg

ABELO4113 2.jpg

ABELO3774 2.jpg

ABELO3836 2.jpg

PS DO ALTO MINHO ARRANCA COM A CAMPANHA EM PONTE DE LIMA COM DEMONSTRAÇÃO DE FORÇA E ESPÍRITO DE UNIDADE

Lista encabeçada por Tiago Brandão Rodrigues foi apresentada e teve o apoio de atuais e antigos Presidentes de Câmara socialistas do distrito de Viana do Castelo
Foi com grande mobilização e espírito de unidade que o Partido Socialista do Alto Minho deu início ao período oficial de campanha eleitoral, em Ponte de Lima, na manhã deste domingo. Rodeado de toda a sua equipa candidata às Legislativas de 30 de janeiro, Tiago Brandão Rodrigues recebeu o apoio dos atuais Presidentes de Câmara do distrito bem como o incentivo de antigos autarcas que quiseram estar presentes no Largo de Camões, no coração da antiga vila limiana.

image_6483441.JPG


Rui Solheiro, Vassalo Abreu, José Emílio Moreira, Augusto Domingues, José Luís Serra e Valdemar Patrício foram alguns dos antigos Presidentes de Câmara que se apresentaram ao lado de Brandão Rodrigues, dando um sinal inequívoco de força e entusiasmo que foi verbalizado por Rui Solheiro, ex-Presidente da Câmara Municipal de Melgaço e atual Secretário-Geral da Associação Nacional de Municípios Portugueses, quando destacou "a unidade do PS do Alto Minho em torno do Governo e da lista liderada por Tiago Brandão Rodrigues", bem como a necessidade do PS alcançar "uma maioria clara que permita uma governação estável em prol das pessoas, das empresas e das instituições do país".
Solheiro lembrou muito do legado do Governo de António Costa no distrito, sublinhando "a modernização da Linha do Minho, o emparcelamento em Monção, a abertura da Unidade de Cuidados Continuados em Melgaço e as diversas obras em infraestruturas como a ligação de Paredes de Coura à A3 ou os acessos rodoviários ao Porto de Viana", sem deixar de referir o extraordinário legado do Ministro da Educação, que "em seis anos requalificou 19 escolas do nosso distrito num investimento global de 32 milhões de euros".
Coube a Tiago Brandão Rodrigues apresentar a lista 100% Alto Minho que se candidata sob a bandeira socialista - "com gente que é e conhece o distrito como ninguém" - e agradecer emocionado a presença de "tantos autarcas que me habituei a admirar pelo seu trabalho e dedicação à causa pública".
O cabeça de lista do PS apresentou-se motivado pela "extraordinária receção que tivemos nas ruas ao longo da pré-campanha" e vincou bem a motivação dos socialistas para estas eleições "que não foram desejadas pelo PS".
Tiago Brandão Rodrigues pediu aos presentes para não se deixarem enganar sobre os motivos da coligação negativa que se formou entre a esquerda e a extrema-direita no Parlamento para derrubar o Governo, afirmando que nestas eleições "estão em causa conceções diferentes sobre o serviço público que queremos, o Estado que defendemos e o Portugal que sonhamos. Desta vez, não podemos acusar a Direita de esconder ao que vem porque o que ela propõe é suficientemente claro para percebermos como desdenham a escola pública, como pretendem abrir a porta à privatização da Segurança Social e como desistiram do Serviço Nacional de Saúde".
À margem da sessão pública, o courense foi ainda mais longe ao referir a sua perplexidade quando ouviu o líder do PSD dizer que os filhos tinham frequentado o ensino privado porque a escola pública não tem qualidade. "É falso e é de uma injustiça atroz para professores, educadores e funcionários. A comunidade educativa do país faz um grande trabalho e, se dúvidas houvesse, o que aconteceu durante a pandemia devia fazer refletir os políticos que querem assumir responsabilidades de governação neste país".
A campanha do PS prossegue em todos os concelhos do distrito de Viana do Castelo ao longo dos próximos dias e pode ser acompanhada pelas redes sociais do partido ou de cada um dos candidatos.

image_6483441 (3).JPG

image_6483441 (1).JPG

image_6483441 (2).JPG

VIANA DO CASTELO AVANÇA COM EQUIPA DE MEDIADORES MUNICIPAIS E INTERCULTURAIS

A Câmara Municipal de Viana do Castelo terá a funcionar em pleno, a partir da próxima semana, uma equipa de 5 mediadores municipais e interculturais. A equipa vai atuar em dois níveis, junto da população migrante e da população de etnia cigana, em parceria com a Sociedade de Instrução e Recreio Darquense (SIRD) e a Cáritas Diocesana.

Praça da República - Viana do Castelo.JPG

Foto: https://www.olharvianadocastelo.pt/

O projeto surgiu de uma candidatura POISE-03-4233-FSE-000101 aprovada no final de 2021 e tem como objetivos a criação de um Espaço (Inter)culturas e a promoção de sinergias para o desenvolvimento das atividades; divulgação e disseminação do projeto; dinamização de conversas “A Família/Escola” promovendo um maior envolvimento escolar por parte dos encarregados de educação; acompanhamento personalizado aos serviços públicos, de modo a facilitar a relação, o acesso e a comunicação na resolução de situações/problemas existentes; dinamização da atividade “Teatro com Vida”, fomentando a participação comunitária e o desenvolvimento de competências sociais, relacionais e cívicas, com a finalidade preventiva de regulação de conflitos.

Os mediadores serão intermediários para as situações sociais, interindividuais ou intergrupais, de multiculturalidade significativa, tendo em vista o reconhecimento do outro e da aproximação das partes, a comunicação e a compreensão mútua, a aprendizagem e o desenvolvimento da convivência, a regulação de conflitos e adequação institucional, entre os atores sociais ou institucionais etnoculturalmente diferenciados.

A equipa terá como missão facilitar a relação e a comunicação entre os diferentes protagonistas da comunidade (instituições, profissionais e cidadãos/ãs); aumentar a participação dos protagonistas para fortalecer e desenvolver a comunidade; adequar as instituições e os serviços às caraterísticas da comunidade e às suas necessidades; e promover a prevenção e a regulação da conflitualidade manifesta e latente da comunidade local.

VIANA DO CASTELO: CENTRO DE ESTUDOS REGIONAIS REABRE CICLO DE ESTUDOS “OUTROS MUNDOS”

No próximo dia 20 de janeiro (quinta-feira), na Sala Couto Viana da Biblioteca Municipal de Viana do Castelo, pelas 17.00 horas, o Centro de Estudos Regionais retoma o Ciclo de Estudos “Outros Mundos”, interrompido há dois anos devido à pandemia. 

O Ciclo de Estudos “Outros Mundos”, integrado no plano de atividades da Academia Sénior do Centro de Estudos Regionais, é um fórum de partilha de conhecimento e um espaço de reflexão, aberto a toda a comunidade.

Organizado em torno de um conjunto de conferências e de visitas de estudo, sob a coordenação de José Carlos Loureiro e Pedro Pereira, o ciclo de estudos visa dar a conhecer e falar de mundos materializados e de geografias imaginadas; ligar mundos idealizados e geografias tangíveis. No fundo, tomar a pluralidade de mundividências e de representações deste mundo. 

A reabertura do XI Ciclo de Estudos "Outros Mundos" far-se-á com um concerto de guitarra por Mário João Braga, intitulado "Itinerários incertos".

Mário João Braga fundou, em 1985, juntamente com mais dois músicos, o seu primeiro grupo musical, Fiore del Fiume. Em 1990 foi convidado para integrar o grupo Everything’s Paranoid como baixista. Nesse mesmo ano compôs um tema para um anúncio televisivo de uma reedição do livro “A queda de um anjo”, de Camilo Castelo Branco. Integrou em seguida o grupo Cães Vadios onde tocou guitarra elétrica. Também como guitarrista, tocou nos Ex-Cabeças de Gado e nos Gomamasiti, e como baixista nos The Perfect Stone e no grupo Sondoficina. A par desta atividade musical, foi desenvolvendo trabalhos a solo, compondo temas em guitarra clássica que foram já apresentados em vários concertos: Mosteiro de Tibães, Porto Guitarra e Casa da Guitarra.

No decurso do ciclo de estudos, entre janeiro e junho de 2022, vários investigadores e atores culturais abordarão diversas expressões do mundo tangível e intangível, bem como o confronto de identidades construídas e imaginadas, no presente e no passado, em múltiplas geografias. Na sessão de reabertura, com entrada livre, José Carlos Loureiro apresentará os objetivos do projeto e divulgará pormenores do programa da 11ª edição do ciclo de estudos.

DKC DE VIANA DO CASTELO É VANGUARDA DA CANOAGEM A NÍVEL NACIONAL

DKC de Viana nos lugares cimeiros dos principais rankings nacionais de canoagem. 5º lugar Ranking nacional de medalhas, 6º no ranking nacional de especialidades e 7º no ranking nacional de clubes, em 80 clubes.

4. dkc.png

Com um novo figurino relativamente aos rankings e estes suspensos no ano de 2019 em virtude da situação pandémica, a DKC de Viana ocupa mais uma vez os lugares mais altos dos principais rankings nacionais.

Assim, é o quinto clube nacional com mais medalhas de ouro em campeonatos nacionais, em número de catorze. De prata foram sete e de bronze onze. No total em campeonatos nacionais a DKC de Viana conquistou 34 medalhas em 2021.

No ranking das especialidades, um ranking recém criado mas que é equivalente ao anterior ranking de clubes, a DKC conquistou o 6º lugar, traduzindo a soma de todas as competições que disputou na época passada.

No Ranking nacional de clubes, em que a classificação resulta não apenas da soma das classificações, mas também o número de atletas federados, o número de atletas nas selecções nacionais e outros critérios que somados colocaram a DKC de Viana em 7º lugar no Ranking Nacional de Clubes.

A DKC de Viana mantém-se nos lugares mais altos dos principais rankings nacionais desde o ano de 2012, oferecendo também atletas de alto nível às selecções nacionais, disputando campeonatos da europa, do mundo e recentemente a mais alta competição planetária, os Jogos Olimpicos, reduto destinado só a um grupo muito restrito de atletas e de clubes.

Fotos: José Castro

O Presidente da DKC de Viana,

Dr. Américo Castro

1. ranking medalhas.png

2. Ranking Especialidade.png

3. Ranking Stª Casa.png

VIANA DO CASTELO: ARRANCOU 2ª EDIÇÃO DO PLANO DE CAPACITAÇÃO PARA PROFISSIONAIS DO SETOR DO TURISMO

Arrancou, esta semana, a primeira sessão de formação da 2ª edição do Plano de Capacitação para Profissionais do Setor do Turismo, promovido pela Câmara Municipal de Viana do Castelo em parceria com a Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo.

10497843_922826934398493_1954355602243334691_o.jpg

Foto: Abel Cunha

Esta primeira sessão foi dedicada à temática "Sustentabilidade no Turismo" e teve como convidada Fátima Vieira, Diretora da Associação Bandeira Azul da Europa e Coordenadora Nacional do Programa Green Key, um galardão internacional presente em mais de 50 países que tem como objetivo promover o Turismo Sustentável através do reconhecimento de empreendimentos turísticos, alojamento local, parques de campismo, restaurantes e centros de conferência que implementam boas práticas ambientais e sociais.

Com um programa de formação certificada para os profissionais de restauração, alojamento, atividades turísticas, transportes turísticos e comércio de Viana do Castelo, a decorrer maioritariamente online, até junho, este Plano de Capacitação, através de um conjunto de formadores altamente especializados, incluirá áreas de formação como o turismo Inclusivo e Acessível, Marketing Digital, Linhas de Apoio ao Financiamento, Boas Práticas de Higiene e Segurança, Indicadores de Gestão, Património Natural e Edificado, Novas Tendências em Gastronomia e Provas de Vinho, entre outros.

Ainda é possível realizar inscrições para os próximos módulos. Mais informações através do link http://www.cm-viana-castelo.pt/pt/2-edicao-plano-de-capacitacao-setor-do-turismo  ou contactar diretamente a Unidade de Turismo (e-mail sturismo@cm-viana-castelo.pt, telefone 258809350).

BLOCO DE ESQUERDA REUNIU COM A UNIÃO DOS SINDICATOS DE VIANA DO CASTELO

Bloco de Esquerda esteve reunido com a União dos Sindicatos de Viana do Castelo, no âmbito das eleições legislativas, para conhecer melhor as reivindicações dos trabalhadores do distrito e apresentar as propostas do Bloco na área laboral.

cgtpbe.jpeg

No final do encontro, Luís Louro, cabeça de lista do Bloco de Esquerda pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo, afirma que “o Bloco acompanha as exigências destes sindicatos, que propõe a valorização dos direitos dos trabalhadores, nomeadamente o aumento dos salários, o combate à precariedade e a alteração da distribuição da riqueza produzida de forma a promover a igualdade”.

Luís Louro está preocupado com elevado número de vínculos laborais precários que assolam os trabalhadores do distrito e principalmente os jovens.  a necessidade de “reverter as normas da troika na legislação laboral, recuperando a contratação coletiva, para aumentar a capacidade reivindicativa dos trabalhadores e, consequente, assegurar a melhoria dos seus direitos.

É urgente uma governação que responda pelo país tem a obrigação de colocar o emprego no centro da ação política e de responder às transformações em curso no mundo do trabalho. Isso faz-se com políticas capazes de criar e distribuir o emprego, qualificando o país, reduzindo o horário de trabalho e combatendo as múltiplas formas de desregulação e prolongamento dos horários e de trabalho não pago. Portugal continua a ser um país precário: cerca de um quarto da população com contratos precários, dois terços da juventude trabalhadora sem contrato permanente e centenas de milhares que trabalham sem contrato (na informalidade absoluta ou com falsos recibos verdes). Os baixos salários condenam as pessoas a vidas no limiar da pobreza e os vínculos temporários impedem-nas de fazer projetos para o futuro.

VIANENSES CANTAM AS JANEIRAS

Centro histórico de Viana do Castelo recebe “Cantar as Janeiras” de 15 a 30 de janeiro

Entre os dias 15 e 30 de janeiro, o centro histórico de Viana do Castelo vai ouvir “Cantar as Janeiras”. Numa iniciativa da Câmara Municipal, as Janeiras típicas do arranque do novo ano vão contar com a participação de oito grupos do concelho.

FI5Ea8PXMAEA0bE.jpg

Assim, Cantadeiras do Vale do Neiva, Escola de Folclore de Santa Marta de Portuzelo, Grupo Danças e Cantares de Perre, Grupo Folclórico de Santa Marta de Portuzelo, Modilhas das Terras do Neiva A Mó – Associação Vale do Neiva, Rancho Folclórico das Terras de Geraz do Lima, Ronda Típica de Carreço e Sport Clube Vianense vão cantar pelas ruas da cidade, dinamizando o centro histórico e desejando um Bom Ano aos vianenses.

O percurso previsto implica que os grupos de Janeiras passem pela Praça General Barbosa, Rua Manuel Espregueira e ruelas paralelas, Avenida dos Combatentes, Praça da República, Rua da Picota, Rua Grande, Rua Aurora do Lima, Rua General Luís do Rego, Rua Sacadura Cabral, Passeio das Mordomas da Romaria, Avenida Conde da Carreira, Praça 1º de Maio, Rua da Bandeira, Avenida Rocha Páris, Praça D. Maria II; Largo das Almas, Avenida Luís de Camões, entre outras.

Assim, no dia 15 de janeiro, pelas 21h00, a iniciativa arranca com as Cantadeiras do Vale do Neiva. Depois, a 22 de janeiro, pelas 10h00, a cidade acolhe o Grupo de Santa Marta de Portuzelo e, a partir das 11h00, a Ronda Típica de Carreço. Nessa noite, às 21h00, a atuação fica a cargo d’A Mó – Associação Vale do Neiva.

A 28 de janeiro, às 21h00, saem à rua a Escola de Folclore de Santa Marta de Portuzelo e o Rancho Folclórico das Terras de Geraz do Lima.

A fechar, a 29 de janeiro, às 15h30, as Janeiras serão cantadas pelo Sport Clube Vianense e, no mesmo dia, às 21h00, pelo Grupo Danças e Cantares de Perre.

CAMPANHA DO PARTIDO SOCIALISTA NO ALTO MINHO ARRANCA EM PONTE DE LIMA

Arranque oficial da campanha do PS - Ponte de Lima - 16 de janeiro - 11h

A apresentação da lista do PS pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo decorrerá no próximo domingo, dia 16 de janeiro, às 11h, no Largo de Camões, em Ponte de Lima, e contará com a presença de todos os Presidentes e ex-Presidentes de Câmara socialistas do distrito. O evento marcará o arranque oficial da campanha eleitoral do PS no Alto Minho.