Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ONDA VERDE NO VALE DO MINHO LANÇA O "DESAFIO DESPERDÍCIO ZERO"

Prosseguindo com a aposta num maior envolvimento das populações, o Projeto Onda Verde no Vale do Minho, liderado pelo Aquamuseu do rio Minho, acaba de lançar mais um desafio – concurso fotográfico e workshops interativos - que visa a consciencialização para a redução dos três R’s: resíduos, reutilização e reciclagem.

Onda Verde no Vale do Minho.jpg

Numa primeira abordagem, os parceiros vão dinamizar um concurso fotográfico denominado “Foto em Ação!”, mais direcionado para as escolas, através do qual os alunos são desafiados a investigar alternativas mais sustentáveis para as compras familiares e, consequentemente, incentivar a família para enveredar por estas opções no dia a dia. O objetivo é que, posteriormente, todas as fotografias integrem uma exposição itinerante organizada pelo projeto, em estreita colaboração com as escolas.

A segunda fase do desafio é a realização de workshops “Dá nova vida à tua T-shirt”, pretende consciencializar para a redução de resíduos, reutilização e reciclagem. Aqui, os alunos desenvolverão com ajuda dos docentes e da equipa do projeto Onda Verde, um workshop com as famílias para a elaboração de sacos personalizados que evitam o consumo de plástico.

A prioridade do ‘Desafio Desperdício Zero’ passa por envolver ativamente as famílias em atividades promotores de alternativas sustentáveis, além de estimular a criatividade e promover uma competição saudável entre os jovens das escolas participantes no projeto.

De salientar que o projeto ‘Onda Verde no Vale do Minho’, financiado pelo POSEUR, pretende contribuir para a mudança deste cenário, através de uma ação, que decorrerá até 2020, e que engloba um maior conhecimento da gestão de resíduos na região, a identificação de desafios, a análise da perceção dos cidadãos e a criação e conteúdos para diferentes públicos. Liderado pelo Aquamuseu do rio Minho, o projeto engloba os municípios de Melgaço, Monção, Valença, Vila Nova de Cerveira e Caminha.

PEREGRINOS DE TODO O MUNDO PASSAM POR VALENÇA

Novo recorde de peregrinos em Valença: 89 Mil Peregrinos de todos os cantos do mundo passaram pela Eurocidade Valença Tui

A Eurocidade Tui Valença reforça a liderança como centro das grandes rotas dos Caminhos de Santiago. Em 2019 foram 88310 os peregrinos que passaram ou começaram a sua peregrinação na Eurocidade.

unnamedVALPEREGR.jpg

O número de peregrinos pela Eurocidade tem crescido sempre. Se no ano passado foram 88310, os que chegaram a Santiago e pediram a Bula Compostelana em em 2014 eram 35494 mil oriundos de todos os cantos do mundo.

Percurso Lendário com Autenticidade

A história e simbologia jacobeia que Valença e Tui aportam, há séculos, com autenticidade, às peregrinações para Santiago muito tem contribuído para alcançar estes números. Associada à história, às marcas patrimoniais, o aspeto lendário e de cultura popular fazem parte indissociável de Valença e Tui.

Próximo Ano Jacobeu

O Município de Valença tem objetivos ambiciosos para o próximo Ano Jacobeu, considerando os Caminhos de Santiago um dos grandes nichos de fluxo turístico com mais potencial de crescimento no território. Preparam-se ações culturais e promocionais de impato para os próximos tempos.

Caminho Português do Interior Mantém a Liderança

Em 2019 foram 72361 os peregrinos a percorrer o Caminho Português do Interior, quando em em 20'18 foram 67816 e em 2014 34715 peregrinos. O Caminho Português do Interior é o segundo percurso que mais peregrinos leva a Santiago de Compostela depois do Caminho Francês.

O Caminho Português da Costa atrai, cada vez, mais peregrinos até Valença. Em 2019 foram 15949 quando no ano passado eram 13836 e em 2014 apenas 779.

O que Valença Oferece Mais Hoje

Os grandes fluxos de peregrinos tem permitido, capacitar alojamentos, cada vez mais diversos e qualificados, uma restauração mais versátil e diversificada e a readaptação de parte do comércio para o nicho de peregrinos com uma ampla oferta de souvenirs e produtos locais. Apostas que apresentam um grande potencial de crescimento e oportunidade para quem quer investir no turismo religioso.

Peregrinos Projetam Marca Valença

Os peregrinos tem sido verdadeiros embaixadores de Valença por esse mundo fora, mostrando os pontos mais “instagram” do concelho, as suas singularidades culturais, naturais, patrimoniais e gastronómicas. Uma projeção que se nota no dia a dia. A nenhum escapa, por exemplo, o fato de Valença proporciona uma experiência única aos peregrinos: a meio da ponte internacional, em pleno Caminho, é possível estar com um pé em Portugal e outro em Espanha, sobre o rio Minho, com a Catedral de Tui em frente a a Fortaleza de Valença atrás.

LAMPREIA DO RIO MINHO JÁ DESOVA EM VALENÇA NO PRATO DOS MELHORES APRECIADORES DO CICLÓSTOMO

Já há lampreia em Valença. Se gosta aproveite. Seja dos primeiros de 2020

É apreciador de lampreia? A espera de a saborear na abertura desta temporada? Valença então é o seu destino, abriu oficialmente a época da lampreia à mesa. Os

apreciadores dizem que este ano é de eleição e apresenta-se com tradição, fama e inovação como pratos de excelência da gastronomia valenciana.

unnamedlamprvalen.jpg

A época da lampreia na restauração valenciana prolonga-se até finais de abril e tem o seu ponto alto no Festival Gastronómico Sabores da Lampreia, no fim de semana de 13 a 15 de março.

Lampreia de Tantas Formas

A tradição apresenta a lampreia, em Valença, à bordalesa, em arroz de lampreia, recheada, assada no forno ou na brasa. Tantas formas para saborear, deliciar-se e encantar-se com os sabores únicos da lampreia do rio Minho. Às tradicionais os chefes da restauração valenciana vão acrescentando novas formas de apresentação e confeção.

Lampreia em Valença Tem Fama e Tradição

Há séculos que a lampreia é um verdadeiro petisco em Valença, tem tradição, fama e serve-se à mesa como um manjar.

Por esta época saborear a lampreia, em Valença, é uma verdadeira romaria, no mínimo uma vez por ano, assim manda a tradição. Os segredos da preparação, confeção e apresentação tem passado de geração para geração pelas mãos sábias das cozinhas das aldeias que a restauração local recria.

Festival Sabores da Lampreia

No fim de semana de 13 a 15 de março a comunidade de pescadores de São Pedro da Torre, promove o Festival Gastronómico Sabores da Lampreia, o maior de Portugal dedicado a este ciclóstomo e um dos maiores do mundo.

Lampreia do Rio Minho

As primeiras lampreias da época já estão a sair nas redadas dos pescadores das comunidades de São Pedro da Torre e Cristelo Côvo e segundo os mesmos é de excelente qualidade.

A lampreia é um prato de época e é entre janeiro e abril que se apresenta na plenitude dos seus sabores.

REIS MAGOS E CHUVA DE REBUÇADOS NA CAVALGATA TUI VALENÇA

A Magia das Crianças na Festa dos Reis a 5 de Janeiro

Os Reis Magos do Oriente chegam à Eurocidade Tui Valença, domingo, 5 de janeiro, numa  Cavalgata Real recheada de magia, 3,5 Kms de extensão e 1500 Kgs de rebuçados.

”Chuva de Rebuçados”

unnamedmagosvale.jpg

A magia da Cavalgata é o delírio dos mais pequenotes que ao longo do percurso vão apanhando uma autêntica “chuva de rebuçados” oferecidos pelos Reis Magos. Mais de 1500 Kgs  de rebuçados, sem gluten e lactose, vão dar uma alegria especial a um fim de tarde e início de noite que promete ser único no ano, sobretudo, para as crianças.

Chegada dos Reis Magos

Os Reis Magos chegam do Oriente, à Estação de Valença, por volta das 15h (PT). O Largo da Estação será o palco inicial da Cavalgata.

Onde Pode Ver

A partida  será do Largo da Estação de Valença, às 16h (PT). Daqui a Cavalgata segue um percurso de 3,5 Kms que se desenvolve pela avenida do Colégio Português, Miguel Dantas, rotunda da Trapicheira, avenida de Espanha e  atravessa a Ponte Internacional, por volta das 17h (PT). Já em Tui o percurso prosseguirá pela avenida de Portugal, rua Martínez Padín, Augusto González e terminará no Passeio da Corredoira (18h), com a Receção dos Reis Magos aos pequenotes até às 20h (PT).

Cavalgata com Carros Alegóricos

As três carroças alegóricas, magnificamente adornadas, dignas de levar suas majestades os Reis Magos vão sobressair numa cavalgata que contará, ainda, com carros alegóricos de várias instituições de Tui e Valença.  Como manda a tradição a Cavalgata abrirá com a Rondalla do Centro Cultural O Mosteiro de Pexegueiro. No total serão 150 os figurantes que darão corpo à décima Cavalgata Internacional de Reis da Eurocidade Tui Valença.

10 Anos de Magia

Este ano a Cavalgata Internacional de Reis celebra 10 anos a espalhar magia pelas ruas de Valença e Tui, um marco nesta genuína manifestação cultural raiana que em 2010 ganhou um cunho internacional.

PASSAGEM DE ANO É EM VALENÇA

Valença dá As 12 badaladas para 2020

A entrada em 2020 vai-se fazer em Valença com uma festa de Passagem de Ano, no Largo da Estação, com muita animação, em recinto coberto e com entrada livre.

unnamedvalençrev.png

O Ano Começa em Valença

Valença vai ter fogo de artifício, grupo musical, dj's, oferta de champanhe e uvas passas, num evento onde a festa e a diversão prometem uma noite de passagem de ano memorável.

A festa começa às 22h30 com a atuação do grupo KALHAMBEKE. Após as 12 badaladas um espetáculo de fogo de artifício dará as boas vindas ao novo ano nos céus de Valença. Noite dentro a animação estará garantida a cargo de vários dj’s.

Eurocidade Onde Pode Regressar ao Passado

Celebrar a Passagem do Ano em Valença pode-lhe proporcionar uma experiência única na sua vida. Pode celebrar a entrada em 2020 em Tui, atravessar a ponte até Valença e regressar a 2019 e esperar pelo toque das 12 badaladas a anunciar o ano novo.

Recinto com Todo o Conforto

O evento realiza-se no Largo da Estação, em recinto coberto, com aquecimento, decoração, muita animação e serviço de bar.

A iniciativa é da Câmara Municipal de Valença em parceria com os bares e discotecas de Valença.

DOSSIER DAS "FORTALEZAS ABALUARTADAS DA RAIA" CHEGA À UNESCO

Dossier das “Fortalezas Abaluartadas da Raia” chega à UNESCO

Após longos meses de trabalho intenso, foi formalmente entregue, dia 18 de dezembro, na Comissão Nacional da UNESCO, em Lisboa, o dossier de candidatura das “Fortalezas Abaluartadas da Raia” a Património da Humanidade.

unnamedvallenç.jpg

A candidatura do processo de classificação das “Fortalezas Abaluartadas da Raia” à Lista do Património Mundial foi conduzida, coordenada e preparada em estreita colaboração com as comunidades locais dos Municípios de Almeida, Elvas, Marvão e Valença, através dos seus representantes, com equipas multidisciplinares de distintas competências, e com a colaboração de investigadores e especialistas de várias instituições de ensino superior.

O Bem objeto da candidatura, materialmente importante pela extensão e pelos exemplares que a enquadram, é composto pela Cidade-Quartel Fronteiriça de Elvas (já classificada pela UNESCO em 2012) e pelas fortificações abaluartadas de Almeida, Marvão e Valença, centrando-se na existência de uma Raia evocadora de património cultural imaterial, corporizado no património construído, coerente e multiforme, das Fortalezas Abaluartadas – uma rede estruturada de povoamento que não se confina apenas ao interesse da defesa e correlativos aspetos militares.

A candidatura apresenta-se em série, confinada à excelência de fortificações abaluartadas na fronteira de Portugal, mas tendencialmente aberta à agregação de outros exemplares similares.

Tratando-se de uma candidatura em série (pouco habitual e, em Portugal, a primeira desse tipo), implicou um inovador e aturado trabalho de articulação entre os diferentes parceiros, resultando em aprofundado conhecimento dos valores patrimoniais em presença, ao longo dos cerca de 1300 Km da fronteira terrestre.

António Machado (Almeida), Nuno Mocinha (Elvas), Luís Vitorino (Marvão) e Manuel Lopes (Valença), são os atuais líderes municipais responsáveis por esta candidatura, e estão convictos de que, um possível reconhecimento pela UNESCO irá certamente potenciar o valor universal dos quatro Sítios candidatos e, consequentemente, elevar o número e a qualidade dos afluxos turísticos que procuram lugares distintos, únicos e de valor excecional.

AGRUPAMENTO EUROPEU DE COOPERAÇÃO TERRITORIAL DO RIO MINHO (AECT) APROVA PLANO E ORÇAMENTO PARA 2020

AECT Rio Minho aprova plano de atividades e orçamento para 2020

A Assembleia Geral do AECT Rio Minho reuniu, esta segunda-feira, em Valença, tendo como objetivo a aprovação do Plano de Atividades e Orçamento para o próximo ano, com investimento global de cerca de 300.000 euros, em parte cofinanciado pelo Programa Interreg V A.

IMG-20191217-WA0004.jpg

Em 2020, o AECT Rio Minho vai reforçar o trabalho em rede com as dinâmicas locais de cooperação transfronteiriça das Eurocidades do Rio Minho, através do arranque do projeto “Rede de Apoio às Dinâmicas Locais de Cooperação do Rio Minho Transfronteiriço”_Red_LaB_Minho, e na implementação do projeto Estratégia de Cooperação Inteligente do Rio Minho Transfronteiriço_Smart_Miño, ambos cofinanciados pelo Programa Interreg V A , com destaque neste último para a implementação de projetos piloto de mobilidade suave, no âmbito do Plano de Mobilidade Suave Transfronteiriça, de ações de promoção do património cultural imaterial transfronteiriço e para a dinamização de fóruns culturais com o objetivo de reforçar a coesão dos agentes culturais locais transfronteiriços, na perspetiva da montagem de parcerias para a implementação de projetos culturais em rede.

A identificação de obstáculos à mobilidade transfronteiriça no território do Rio Minho e desenho de propostas de soluções serão também prioridades a ter em conta neste exercício procurando, por um lado, capitalizar os projetos transitados da Uniminho (saúde, transportes e ambiente), e, por outro lado, continuar a participar na iniciativa B-Solutions – Boosting Growth and Cohesion in EU Border Regions - , promovida pela Comissão Europeia e pela Associação de Regiões Fronteiriças da Europa. 

Também no âmbito do projeto “Preservação e valorização do Rio Minho Transfronteiriço”, Visit_Rio_Minho, co-financiado pelo Programa Interreg V A, serão implementadas ações relacionadas com a estruturação e promoção da Marca Rio Minho, designadamente a participação em feiras e a organização de press trips ao território transfronteiriço.

Durante a reunião, a Assembleia Geral do AECT Rio Minho aprovou ainda a submissão de candidaturas do processo das “As Artes da Pesca nas Pesqueiras do Rio Minho” (prosseguindo com o trabalho iniciado pela CIM Alto Minho, também no âmbito do projeto Smart_Miño, co-financiado pelo Programa Interreg V A), a registo no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial, em Portugal, e às Listas Nacionais de Património Cultural, em Espanha.

O AECT Rio Minho - Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial do Rio Minho - é uma pessoa coletiva de direito público, constituída em fevereiro de 2018 pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho e pela Deputación Provincial de Pontevedra, com vista a promover a cooperação territorial transfronteiriça.

IMG-20191217-WA0006.jpg

VALENÇA JÁ PENSA NA EDIÇÃO DE 2020 DA FORTALEZA DE CHOCOLATE

Regressará com Mais stands e com mais chocolate

A Fortaleza de Chocolate de Valença foi um êxito. Durante quatros dias a Fortaleza de Valença esteve cheia de visitantes, rendidos ao chocolate, ao bacalhau, ao nosso comércio e à magnifica fortaleza, que com os muros envolve um centro histórico mágico, que continua a encantar quem o visita.

unnamedvalchoc.jpg

Manuel Lopes, Presidente da Câmara Municipal de Valença, considera a Fortaleza de Chocolate um evento de referencia e quer que a edição de 2020 cresça em número de expositores, variedade de chocolate e quer aumentar a participação da comunidade Valenciana. “temos que fazer um balanço, melhorar algumas coisas e começar já a trabalhar para que o próximo ano este evento nos deixe ainda mais orgulhosos.” Considera essencial o envolvimento da comunidade para que isto possa acontecer. “ Se os eventos forem só da Câmara Municipal, não vão a lado nenhum” e dá o exemplo dos presépios, que com a participação da comunidade, tem feito a diferença e tem sido uma mais valia para Valença. Acredita que com todos o chocolate vai trazer, ainda mais, benefícios ao comércio e ao turismo em Valença. Por ultimo lança um desafio: “gostava de ver o Chocolate Farruco em 2020 na Fortaleza de Chocolate.”

A Tradição do Chocolate

Apostar em produtos locais e na larga e secular tradição do chocolate em Valença é outras das apostas que o Município de Valença quer ganhar e ver já refletida na próxima edição deste evento.

Programação de Natal Continua

Chocolate regressa em 2020, mas a programação de Natal continua com o parque temático dos Duendes, a Casa do Pai Natal, o imaginário das terra do Pai Natal com a Neve na Praça, o patinar na Pista de Gelo, ver tantos presépios pelas ruas e montras, andar no Comboio de Natal, apreciar a iluminação artística e os sons natalícios da animação de rua e dos concertos de Natal e tantas surpresas mais. Até 7 de janeiro, em Valença, estará sempre algo a acontecer e a surpreender pequenos e graúdos, em Valença.

Comércio de Valença de Eleição

Visitar Valença estes dias é a oportunidade para adquirir os Presentes de Natal numa cidade onde o comércio é uma marca de tradição, prestigio e preços competitivos. Considerado um dos maiores shoppings a céu aberto da Europa, Valença destaca-se pelos texteis-lar, o vestuário e calçado, o artesanato e os souvenirs.

VALENÇA É A TERRA MÁGICA DAS CRIANÇAS

Valença Vai Ser a Terra dos Duendes Duendelândia o Encanto da Pequenada

O mundo mágico dos duendes está de volta a Valença, cheio de surpresas e aventuras, na Duendelândia. Entre 5 e 22 de dezembro Valença será a terra dos duendes, onde as emoções e aventuras serão uma constante.

unnamedvalenmagic.jpg

O Mundo Encantado da Pequenada em Valença

Horário Duendelândia (PT): 10H30/13H e 14H30/19H

O Percurso de Arborismo, o Bosque Encantado, a Rampa Duende Tubbing, o Eco Carrosel, o Eco Tronco, os insufláveis temáticos, a Casa de Pai Natal … tantas diversões que vão encantar.
18 dias de Duendelândia

Tira uma foto com o Pai Natal, percorre a aventura do arborismo suspenso, pelo bosque encantado, cheio de surpresas, ultrapassando os mais diversos obstáculos, vai até à Lapónia, ao Eco Carrosel, ao Eco Tronco e mergulha nos insufláveis. Se ainda tens energia diverte-te com as pinturas faciais fantásticas e as manualidades.

Que Queres Receber este Natal?

O Pai Natal, no seu cadeirão receberá os mais pequenos, desejando as boas festas, um feliz ano novo e recolherá os desejos, sonhos e presentes dos meninos.

Valença Natal

Visitar Valença durante a Duendelândia vai proporcionar, ainda, a Cidade Presépio, a Pista de Gelo, a Fortaleza de Chocolate, a Neve na Praça, a Anima Eurocidade e um mundo de sons, luzes e cores natalícios.

VALENÇA É A CIDADE MAIS DOCE DE PORTUGAL E A CULPA É DO CHOCOLATE!

Saiba Quando e Porquê!

Durante quatro dias Valença será a Fortaleza de Chocolate, o destino para saborear e sentir o chocolate de tantas formas. 5 a 8 de dezembro, quem gosta de chocolate, vem a Valença.

unnamedvalendoc.jpg

Valença Fortaleza de Chocolate é uma feira / mostra dedicada, em exclusivo, à degustação e compra de produtos à base de chocolate.

As Sensações do Chocolate em Valença

Cascatas, bombons e bombocas, trufas, torrões, espetadas de fruta, tabeletas, pizzas de chocolate, crepes, waffles, ginjas e licores e tantos outros produtos em que o chocolate é rei, são o convite que Valença apresenta entre 5 e 8 de dezembro. A feira contará, ainda, com produtos à base de chocolate, sem gluten.

Durante quatro dias Valença apresenta um mundo de tentações que vai deliciar e surpreender os milhares de visitantes esperados nesta iniciativa integrada na Valença Natal.

A feira contará com a presença de doceiros, pasteleiros, produtores de chocolate e chocolatiers portugueses e espanhóis.

5 a 8 de dezembro

Entre 5 e 8 de dezembro, entre as 10h e as 20h, a feira estará aberta ao público e com acesso gratuito.

A Fortaleza de Chocolate vai-se desenvolver na Fortaleza de Valença, em especial na Praça da República, no Largo do Governo Militar, Rua Conselheiro Lopes da Silva e Largo do Bom Jesus.

A Tradição do Chocolate

Às novas formas de apresentação e consumo do chocolate Valença apresenta a tradição e as memórias da confeção do chocolate com as mais antigas fábricas do chocolate da região.

E depois do chocolate que vais fazer?

Divertir-se no parque temático dos Duendes, visitar a Casa do Pai Natal, “viajar” no imaginário até às terra do Pai Natal com a Neve na Praça, patinar na Pista de Gelo, ver tantos presépios pelas ruas e montras, andar no Comboio de Natal, apreciar a iluminação artística e os sons natalicios da animação de rua e dos concertos de Natal e tantas surpresas mais. Estes dias estará sempre algo a acontecer e a surpreender pequenos e graúdos, em Valença.

Procuras um presente para oferecer este Natal? Então estás o sitio certo!

Visitar Valença estes dias é a oportunidade para adquirir os Presentes de Natal numa cidade onde o comércio é uma marca de tradição, prestigio e preços competitivos. Considerado um dos maiores shoppings a céu aberto da Europa, Valença destaca-se pelos texteis-lar, o vestuário e calçado, o artesanato e os souvenirs.

VALENÇA É CIDADE PRESÉPIO

Pai Natal Traz Neve, Chocolate, Duendelândia e Pista de Gelo a Valença. 38 Dias Divertidos em Valença

Valença vai surpreender este Natal com uma programação mágica para as famílias entre 1 de dezembro e 7 de janeiro. Valença será a Cidade Natal durante 38 dias com sempre algo a acontecer e a surpreender.

unnamed.vpa.jpg

6 Experiências Únicas

Fortaleza de Chocolate, Pista de Gelo, Duendelândia, Cidade Presépio, Neve na Praça, passagem de ano e Cavalgata de Reis, destacam-se de um pacote de 16 motivos para viver experiências únicas, este Natal, em Valença.

Valença com Sabor a Chocolate

A tão esperada Fortaleza de Chocolate decorrerá entre 5 e 8 de dezembro. Os aromas do chocolate, apresentados de tantas formas, vão proporcionar momentos deliciosamente únicos numa feira mostra dedicada, em exclusivo, à degustação e compra de produtos à base de chocolate. A Fortaleza será o palco, distribuído pela Praça da República, rua do Governo Militar e Jardim das Amoreiras.

Pista de Gelo em Valença

Uma pista de gelo, este Natal, em Valença, vai apaixonar os entusiastas da patinagem no gelo, para as primeiras patinadelas ou desfrute desta atividade. Em Valença, a pista de gelo terá recinto coberto, no Jardim Municipal, abre a 5 de dezembro e prolonga-se até 6 de janeiro.

Duendelândia – o Encanto dos Pequenotes

A Duendelândia é a oportunidade para os mais pequenos desfrutarem de um mundo mágico, com o duende tubbing, o percurso duende aventura/arborismo, eco carrossel, eco tronco, insuflável temático, bosque encantado e Casa do Pai Natal. A Fortaleza, será o palco entre 5 e 22 de dezembro, entre as 11H/13H e 14H/19H.

Neve na Praça

12 canhões de neve prometem uma nuvem de magia branca na Fortaleza de Valença, entre 5 e 15 de dezembro, na Praça da República e rua Conselheiro Lopes da Silva.

38 Dias de Pura Magia

A Fortaleza e a cidade de Valença preparam-se para acolher um programada natalício que vai encantar. Durante 38 dias a animação será permanente, numa iniciativa da Câmara Municipal, associações, hotelaria, restauração, comércio e comunidade em geral.

Um pouco por todo a cidade as decorações de Natal vão começar a tomar conta das ruas e a surpreender os visitantes, a partir de 1 de dezembro.

Para o Presidente da Câmara Manuel Rodrigues Lopes “Este Natal Valença vai surpreender os valencianos e turistas com uma programação rica e acolhedora que convida a desfrutar da nossa cidade. Venham e divirtam-se”

FEIRA DOS SANTOS DE CERDAL EM VALENÇA

A Feira Romaria a 1 e 2 de Novembro

1 e 2 de Novembro é dia da Feira dos Santos de Cerdal, a última grande feira romaria do calendário anual do Noroeste Peninsular.

unnamedfsvalen.jpg

A secular feira onde a tradição atrai milhares de portugueses e espanhóis numa das maiores feiras / romarias do Noroeste Peninsular.

Esta é a feira onde se vende de tudo, em mais de 400 tendas. O vestuário, as louças, o calçado, as tasquinhas, o gado bovino, caprino e ovino, os produtos do campo, as maquinarias agrícolas, os parques de diversões e uma infinidade de outros atrativos fazem as delicias da multidão.

Feira dos Santos e das Trocas

A 1 de novembro é a Feira dos Santos e a 2 de novembro a Feira das Trocas. Assim se mantém a tradição de trocar os produtos adquiridos na véspera que por alguma razão não serviram.

O Único Lugar no Mundo Onde Há Perícos

A meados de outono os perícos amadurecem e são a delicia entre as frutas da época. Os perícos, semelhantes a uma pequena pera, são endógenos de Valença e tem no concelho, para além da sua origem, as maiores áreas de produção. A par dos perícos, as castanhas cruas ou cozidas, as nozes e os dióspiros fazem as delicias de quem aprecia os produtos bio.

Noites Afamadas dos Santos, com Vinho Novo, Petiscos e Concertinas

Manda a tradição que nas noites de 31 de outubro e 1 de novembro, a Feira dos Santos é o destino para provar os vinhos novos e saborear os petiscos locais. Nas tasquinhas animam-se as noites, ao som das concertinas e soltam-se as mais castiças cantigas de desgarrada.

Corridas de Garranos em 1 de Novembro

Na Pista das Corridas os ginetes mostram a beleza do nosso cavalo, o garrano. As corridas de cavalos, em passo travado, decorrerão no dia 1, a partir das 14h30, na Pista das Corridas.

Os emblemáticos cavalos garranos dão um colorido especial à feira do gado que contará, ainda, com animais bovinos, caprinos e ovinos.

Séculos de Tradição

A Feira dos Santos é uma feira / romaria secular e um verdadeiro ponto de encontro galaico-minhoto que cativa, ano após ano, milhares de visitantes. A feira já aparece documentada em 1758 e é um ponto de confluência de povos e onde, por excelência, se sente a alma galaico-minhota.

Local: https://www.google.pt/maps/@41.9715739,-8.6360354,100m/data=!3m1!1e3