Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

GRUPO DE FOLCLORE “CASA DE PORTUGAL”: DE ANDORRA A PORTUGAL PARA PARTICIPAR NO 25º DESFILE DO TRAJE POPULAR

No próximo sábado, 24 de setembro, a partir das 21h30, o Largo do Loreto em frente à Câmara Municipal de Monção, será o cenário do desfile nacional do traje popular que contará com a participação de sete membros do Grupo de Folclore Casa de Portugal sediado no Principado de Andorra.

DesfileTraje2019 (2) (2).jpg

A delegação do Grupo de Folclore Casa de Portugal irá participar com o traje de trabalho, dentro das diferentes temáticas do traje popular que inclui entre outros, a infância, o trabalho, o rio, o mar, a morte, a feira o casamento e a festa.

Mais de 40 metros de bancadas e uma passarela, segundo a organização, será o ponto de encontro onde irão desfilar os mais de 1.200 folcloristas em representação de todas as zonas etnográficas do país, exceto as ilhas. Além do grupo sediado no Principado de Andorra, também irá participar o Grupo Folclórico Alma Lusa sediado no Brasil.

Numa organização da Federação do Folclore Portugues, com o apoio da Camara de Monção e da Fundação Inatel, o desfile nacional promove a diversidade do traje popular, a sua riqueza e a valorização da forma de vestir a finais do século XIX e na primeira metade do século XX.

Com esta participação, o Grupo de Folclore Casa de Portugal inicia uma nova temporada de promoção da cultura tradicional e da portugalidade no Principado de Andorra com encontro agendado para a próxima edição da Fira d’Andorra la Vella, feira multi-sectorial na capital do Principado a decorrer nos dias 21, 22 e 23 de outubro e que conta habitualmente com mais de 80.000 visitantes.

299967005_5500586200000650_7263275880690989197_n.jpg

MONÇÃO RECEBE DESFILE NACIONAL DO TRAJE POPULAR PORTUGUÊS – INICIATIVA DA FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS

A Federação do Folclore Português fará acontecer mais uma edição do Desfile Nacional do Traje Popular Português, em Monção, no próximo dia 24 de Setembro de 2022.

299967005_5500586200000650_7263275880690989197_n.jpg

O chafariz que se encontra na frente dos Paços do Concelho de Monção, servirá para um enorme desfile e verá  instalada uma passerele e bancadas com mais de 40 metros, para o que o traje possa ter mais um momento de relevo e destaque.

Edição após edição o número de participantes tem vindo a aumentar e este ano contamos com mais de 1200 folcloristas a desfilar, sendo que, serão incluídos novos quadros e algumas surpresas que até ao dia do Desfile vão sendo reveladas.

Estarão presentes todas as regiões etnográficas, com exceção das ilhas.

Das Comunidades Portuguesas espalhadas pela diáspora, estarão também presentes algumas representações, destacando a Casa de Portugal em Andorra e o Grupo Folclórico Alma Lusa, vindo do Brasil.

Esta edição conta com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Monção e da Fundação Inatel.

QUEM TEVE A INFELIZ IDEIA DE INSERIR OS BRASÕES MUNICIPAIS NOS AVENTAIS TRADICIONAIS EXIBIDOS PELOS RANCHOS FOLCLÓRICOS?

São cada vez mais os ranchos folclóricos que passaram a exibir símbolos municipais nos aventais dos trajes tradicionais sem observar que a heráldica autárquica, tal como a conhecemos, foi estabelecida na década de trinta do século passado. E, até nas próprias cintas, o nome das cidades, vilas e freguesias passaram a substituir as outrora habituais palavras como “Amor”.

Outrora, a bordadeira minhota inspirava-se nos motivos barrocos que contemplava quando ía à missa, no escudo real que via com veneração e respeito na bandeira nacional à época, mas jamais podia imaginar símbolos que ainda não existiam tal como agora conhecemos e representam nos seus aventais, cada vez com mais motivos decorativos fruto da sua imaginação actual. Por este andar, pouco faltará para que neles colem os logótipos das entidades patrocinadoras…

DSCF5460 (2) (2).JPG

COMO TRAJAVA A LAVRADEIRA DO ALTO MINHO NOS FINAIS DO SÉCULO XIX?

Capturarminhot (1).JPG

Fotografia produzida em 1896-1897. O autor, José Albino Pereira de Carvalho nasceu em Penafiel em 1841. Embarcou para o Brasil aos 18 anos, fugindo a casamento de interesse que lhe queriam impor. Aí traduziu vários escritores franceses e fez parte do quinteto amador que teve honras de concertos múltiplos para o Imperador, protector de artistas. Para além de outras actividades, foi corretor da bolsa, tendo publicado obras sobre essa matéria. Fotógrafo amador, fez várias exposições no Porto, Londres e Berlim (1896-1897), sempre com "Costumes Portugueses" e fotografias compostas no seu atelier, instalado em casa que propositadamente edificou em Viana do Castelo. Recebeu vários prémios e medalhas.

Faleceu em Monção a 5 de Agosto de 1920.

Fonte: Arquivo Municipal do Porto

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS ORGANIZA XXV DESFILE NACIONAL DO TRAJE POPULAR PORTUGUÊS

A Federação do Folclore Português fará acontecer mais uma edição do Desfile Nacional do Traje Popular Português, em Monção, no dia 24 de Setembro de 2022.

299967005_5500586200000650_7263275880690989197_n.jpg

O chafariz que se encontra na frente dos Paços do Concelho de Monção, servirá para um enorme desfile e verá  instalada uma passerele e bancadas com mais de 40 metros, para o que o traje possa ter mais um momento de relevo e destaque.

Edição após edição o número de participantes tem vindo a aumentar e este ano contamos com mais de 1200 folcloristas a desfilar, sendo que, serão incluídos novos quadros e algumas surpresas que até ao dia do Desfile vão sendo reveladas.

Estarão presentes todas as regiões etnográficas, com exceção das ilhas.

Das Comunidades Portuguesas espalhadas pela diáspora, estarão também presentes algumas representações, destacando a Casa de Portugal em Andorra e o Grupo Folclórico Alma Lusa, vindo do Brasil.

Esta edição conta com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Monção e da Fundação Inatel.