Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

VILA VERDE REALIZA FESTA DO CALDO DO POTE

Sabariz: Sem enlatados nem varinhas mágicas, delicie-se com os sabores autênticos da Festa do Caldo do Pote!

A divulgação e promoção das genuínas tradições locais continua a todo vapor na Rota das Colheitas e desta vez é a emblemática festa do ‘Caldo do Pote’ a ganhar destaque. A 6ª edição acontece já no próximo sábado, dia 22 de setembro, nas imediações da sede da Junta de Freguesia de Sabariz. A freguesia promete os melhores sabores de caldos feitos à moda antiga e deliciar os paladares de todos aqueles que a visitam. Os preparativos começam bem cedo para tudo estar pronto a tempo e a horas. Depois, as portas abrem às 17h00, mas só às 19h00 é que se começam a servir os caldos.

A (58)

Durante a iniciativa gastronómica, serão confecionadas mais de vinte receitas de caldos em potes de ferro sob lume de lenha, um sabor inconfundível que todos os anos tem feito as delícias de milhares de visitantes. A confeção fica a cargo da população local com o apoio de várias localidades da Associação de Freguesias do Vale do Homem. Trajados a rigor, os voluntários arregaçam as mangas e cozinham os produtos vindos do campo, cultivados pelos agricultores locais.

Além da variedade de caldos, o evento conta com outras iguarias. Na mesa haverá também pataniscas caseiras, cerca de 140 broas de milho (com 2kg cada uma) e vinhos para todos os gostos. O custo da inscrição é de 4€, um contributo para ajudar a organização a cobrir as despesas. Com esse valor simbólico, os participantes podem comer e beber à vontade e ainda levam para casa uma lembrança. Será entregue a toda a gente uma malga de barro com referência ao nome do evento ‘Caldo do Pote’ e o nome da freguesia.

1 (3)

Mais de mil litros de caldo

O Presidente da Junta de Sabariz está bastante satisfeito com as edições anteriores e acredita que este ano vai ser ainda melhor: “Contamos com muita gente. Nos anos anteriores não tem faltado gente, fizemos mais de mil litros de caldo. Espero que no próximo sábado ultrapasse esse valor. Queremos sempre mais e melhor, só tem que ser assim”. No decorrer da conversa, Fernando Silva reforça a qualidade e quantidade gastronómica: “São mais de duas dezenas de caldos! Há de farinha, de feijão, sopa de pedra, caldo verde e muito, muito mais! Não se vê isto em mais lado nenhum e é tudo nosso, tudo natural”. Valoriza ainda a forte participação dos visitantes. “Às seis da tarde é uma fila que dá gosto ver. Temos aqui pessoas do Porto, da Póvoa do Lanhoso, de vários sítios para provar o sabor único dos nossos caldos”, afirma Fernando Silva.

1 (1)

E, na Rota, festa que é festa tem que ter animação. A Festa do Caldo do Pote em Sabariz não é exceção e terá vários grupos com concertinas a tocar diversas músicas populares. A ideia passa por dar mais ânimo e dinâmica a uma iniciativa que, habitualmente, se estende pela noite dentro. A primeira iniciativa da Rota das Colheitas a alcançar a internacionalização tem sido um sucesso na Alemanha, que já se rendeu aos deliciosos caldos vilaverdenses. Neste âmbito, está prevista a participação de uma comitiva alemã, que partilha este gosto pela festa do caldo e tem celebrado a mesma festa em Dusseldorf.

A organização do evento está a cargo da Junta de Freguesia de Sabariz e da Associação Popular de Sabariz, com o apoio da Associação de Freguesias do Vale do Homem. A Rota das Colheitas recebe, assim, uma das iniciativas mais emblemáticas da programação turístico-cultural do Município de Vila Verde, que tem projetado o nome de Sabariz e de Vila Verde pelo país e pelo mundo.

40505621_1845090882233888_4734179898753548288_o