Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

FALECEU O ACTOR BRACARENSE ORLANDO COSTA

Capturarorlando (1).JPG

Orlando de Jesus Machado da Costa (Braga, 24 de Dezembro de 1948 - Lisboa, 19 de Agosto de 2022) foi um actor português.

Diplomou-se em Teatro, variante de Formação de Atores, na Escola de Teatro do Conservatório Nacional, em 1971, e estreou-se como profissional no Teatro Experimental de Cascais, sob a direção de Carlos Avilez.

Em 1973 estava entre os fundadores do Teatro da Cornucópia, com Luís Miguel Cintra e Jorge Silva Melo. Nessa companhia participou nas peças O Misantropo de Moliére (1973), Terror e Miséria no III Reich de Bertolt Brecht (1974), Pequenos Burgueses de Máximo Gorki (1975), Auto de Família de Fiama Hasse Pais Brandão (1976), entre outras.

Além da Cornucópia, trabalhou também junto de Hélder Costa e Maria do Céu Guerra, Fernanda Lapa, João Lourenço, Glicínia Quartin, Jorge Listopad ou  Rui Mendes, interpretanto autores como Arthur Miller, Woody Allen, Valle Inclán, Gil Vicente, Marivaux ou Ribeiro Chiado. Em 2007 integrou o elenco de Hamlet de Shakespeare, numa encenação de André Gago, que percorreu o país.

Requisitado com frequência pela televisão, participou regularmente em séries, novelas e telefilmes, tendo protagonizado Zé Gato, série de Rogério Ceitil transmitida pela RTP2 de 1979 a 1980.

Participou também em Contos Mágicos (1985), A Mala de Cartão, ao lado de Irene Papas (1988), A Morgadinha dos Canaviais (1990), Desencontros (1995), Polícias (1996), Ballet Rose de Leonel Vieira (1998), O Fura-Vidas (1999), Capitão Roby (2000), Olhos de Água (2001), João Semana (2005),Quando os Lobos Uivam (2006), ou Malucos do Riso

No cinema salienta os filmes Coisa Ruim de Tiago Guedes e Frederico Serra (2006), A Filha de Solveig Nordlund (2003), A Dupla Viagem de Teresa Garcia (2000), O Anjo da Guarda de Margarida Gil (1999), Sapatos Pretos de João Canijo (1998), Três Irmãos de Teresa Villaverde (1994), Amor e Dedinhos de Pé de Luís Filipe Rocha (1993), Jogo de Mão de Monique Rutler (1984) ou A Santa Aliança de Eduardo Geada (1980).

Faleceu a 19 de agosto de 2022 em sua casa, aos 73 anos.

Fonte: Wikipédia

FALECEU MARIA DE LOURDES MODESTO – GRANDE DIVULGADORA DA COZINHA TRADICIONAL PORTUGUESA

Morreu Maria de Lourdes Modesto – conceituada gastrónoma natural de Beja – a quem os portugueses devem a divulgação da cozinha tradicional,  nomeadamente através da RTP.

395042.jpg

Foto: O Público

Maria de Lourdes Modesto iniciou a sua carreira televisiva em 1958, quando, então professora de Trabalhos Manuais no Liceu Francês de Lisboa, foi convidada pela RTP para apresentar um programa de índole cultural (após uma notável prestação na peça de Molière Monsieur de Pourceaugnac, em cuja encenação estaria presente uma equipa da estação). Foi na televisão pública portuguesa que apresentou, ao longo de doze anos, o mais popular programa culinário de que há memória no país. O seu estilo particular, privilegiando o directo e o improviso (foi a pioneira portuguesa do "live cooking") ganhou-lhe inúmeros admiradores. O sucesso do formato, que partia da sua paixão pela cozinha alentejana, levou-a a alargar horizontes e a estudar a culinária francesa e as tradições gastronómicas portuguesas. Escreveu vários livros de cozinha portuguesa, dos quais se destacam a Grande Enciclopédia da Cozinha, Cozinha Tradicional Portuguesa (o livro de culinária mais vendido em Portugal) e Receitas Escolhidas. O seu nome está ainda ligado à tradução e edição de inúmeras obras estrangeiras.
Conhecida como "A Diva da Gastronomia Portuguesa", foi colhendo honras e louros nos mais variados palcos. José Quitério aclamou-a como “uma das cada vez mais raras Guardiãs do Fogo”. O New York Times chamou-lhe, num artigo de 4 de Março de 1987, "Portugal's Julia Child". Também Miguel Esteves Cardoso, na sua coluna Ainda Ontem, a louvou como "Uma das três grandes génios nascidas no século XX [em Portugal]". A 9 de Junho de 2004 foi feita Comendadora da Ordem do Mérito.
Fonte: Wikipédia

Capturarlivromlmodes.JPG

QUIM BARREIROS PRESENTE HOJE NA RTP1 PELAS 21 HORAS

293148500_5213995245321629_7170655158224726722_n.jpg

Hoje: Quim Barreiros - Primeira Pessoa 21h00 - Rtp1

"Um dos nomes maiores da música popular portuguesa. Nasce numa família de acordeonistas e toca desde tenra idade. Recria viras, malhões e chulas em acordes, palavras e frases com duplo sentido.

Aprendeu nos murmúrios tristes e alegres que os mais velhos lhe deixaram em aldeias perdidas e isoladas do Minho interior.

Começou a carreira musical em Lisboa. Tocou na banda da Força Aérea e em casas de Fado. Tornou-se profissional, passou a compor letras e músicas e cedo saltou para a diáspora, o mundo da Saudade. O seu nome significa alegria .

Quim Barreiros é o protagonista deste Primeira Pessoa."

292956530_5213995515321602_6075203108508376265_n.jpg

PARCERIA RTP1 COM FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS DIGNIFICA O FOLCLORE

11745311_1131260386888479_7946444757169780659_n.jpg

  • Crónica de Abel Cunha

Fechou hoje e com chave de ouro o que se espera tenha sido uma primeira fase na parceria FFP/RTP na divulgação da cultura tradicional e, essencialmente, na sua dignificação. Desde Outubro de 2021 e até ao dia de hoje, um total de 35 entidades, passaram pelo programa Praça da Alegria mostrando ao país e ao mundo o melhor das nossas tradições regionais.

Ganhou o folclore sem qualquer dúvida. Depois de um período em que foi usado pela comunicação social como espectáculo carnavalesco, e nem quero aqui lembrar os vários episódios degradantes a que foi sujeito, é com enorme alegria que apreciei o respeito e a dignidade alcançadas bem como o estatuto de arte e cultura que se sente no tratamento dado aos Grupos quando estes pisam os estúdios da RTP que assim, ganhou o meu respeito.

Muito bem andou a FFP quando iniciou esta parceria de divulgação da cultura popular tradicional, determinada na ideia de elevar este património ao seu devido estatuto de arte e cultura popular, um sucesso cujos louros lhe ficam bem e nós portugueses, deveremos agradecer.

O folclore, anteriormente achincalhado, usado para tapar buracos televisivos e fazer rir gente menor, nestes poucos meses transformou-se. Hoje e neste modelo sério, faz crescer audiências e começa a ser disputado entre diferentes televisões que ambicionam partilhar o sucesso da RTP.

Não sei prever o futuro mas, creio que as portas estarão abertas para que a FFP/RTP continuem este caminho de mostrar ao mundo toda a riqueza da herança cultural que tão esforçadamente a maioria dos Grupos cuida e guarda, para que a memória não caia no esquecimento e nós, continuemos a saber quem somos.

Não terá sido menor o esforço dos envolvidos neste projecto de delinear o caminho, enquadrar e encaminhar os diferentes Grupos aos estúdios, de os assessorar e apoiar nas suas intervenções mas, há que agradecer e esperar que o crivo se estreite, que a representação seja certificada quanto à sua representatividade, que as pedras se levantem e revelem tradições perdidas entre serranias e vales mais profundos, que o folclore, de uma rubrica num programa de entretenimento geral, ganhe o estatuto de objecto de um programa cultural.

Fechou-se esta primeira fase com a representatividade de Arões, gente da serra que vive paredes meias com a memória do seu passado e o ar frio das pedras que habitam e eu, bem, eu fiquei com o peito a rebentar de orgulho apenas por ser contemporâneo de gente desta fibra.

291933196_6281659878515145_8893104808394980417_n.jpg

CANAL TELEVISIVO SIC DIVULGA TRADIÇÃO DAS “TOALHAS DE ÁGUA ÀS MÃOS” EM TERRAS DE BOURO

A convite da SIC e para o programa OLHÁ FESTA, dos jornalistas Joana Latino e Nuno Pereira que, de Norte a Sul, mostram os costumes e tradições de Portugal, surgiu a oportunidade de dar a conhecer “As toalhas de água às mãos” pelo Grupo de Artes e Ideias.

TOALHASBOURO (9).jpeg

O Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna foi o local escolhido para expor as toalhas e falar sobre a sua história. Neste âmbito, no dia 5 de julho, uma equipa de reportagem realizou filmagens em Terras de Bouro.

Em representação do Grupo Artes e ideias, a Professora Filomena Araújo procedeu à apresentação de todo o trabalho realizado pelo grupo, bem como todas as características desta tradição, explicando o detalhe de cada toalha e salientando a importância e valor em dar continuidade a este legado cultural tão valioso. Referiu, ainda, todos os outros trabalhos de artesanato que este grupo executa, que o fazem por gosto à cultura, de modo que a mesma perdure no tempo.

TOALHASBOURO (1).jpeg

TOALHASBOURO (10).jpeg

TOALHASBOURO (11).jpeg

TOALHASBOURO (12).jpeg

TOALHASBOURO (13).jpeg

TOALHASBOURO (6).jpeg

TOALHASBOURO (7).jpeg

TOALHASBOURO (8).jpeg

TOALHASBOURO (2).jpeg

TOALHASBOURO (3).jpeg

TOALHASBOURO (4).jpeg

TOALHASBOURO (5).jpeg

QUEM É A ATRIZ E CANTORA VIMARANENSE SOFIA ESCOBAR GUIMARÃES?

12096474_10153814338444710_5878228562318274926_n.jpg

Sofia Escobar Guimarães, (29 de novembro de 1984), é uma atriz e cantora portuguesa vencedora de galardão de Melhor Actriz de Teatro Musical em Inglaterra e uma nomeação para um “Laurence Olivier”.

Sofia foi para Londres com o objetivo de estudar na Guildhall School of Music and Drama.

Sofia Escobar vestiu, 50 anos depois da estreia de est Side Story, a pele da porto-riquenha Maria que se apaixona por Tony, antigo líder do gangue rival do seu irmão. A actriz portuguesa foi elogiada pelos grandes jornais londrinos e nomeada para prémios de teatro britânico.

Já antes de Maria, Sofia foi Christine, a personagem principal do O Fantasma da Ópera. Foram meses de audições até conseguir pisar pela primeira vez o palco do West End.

Após ter participado numa digressão mundial com o musical West Side Story, que passou por França, Itália e Malásia, Sofia Escobar regressou a Londres com a reconhecida peça O Fantasma da Ópera, onde interpretou a protagonista principal Christine Daaé.

A atriz fez uma participação especial na 7ª temporada da série juvenil Morangos Com Açúcar em 2010.

Em 2015 e 2016, Sofia fez parte do júri no programa Got Talent Portugal, transmitido pela RTP.

Participou no musical em homenagem a Eusébio e na peça denominada "Entre o Céu e a Terra" sobre as aparições de Fátima em 2016.

Em 2017, fez parte do elenco principal da novela Ouro Verde, da TVI, onde interpretou a personagem Inês Santiago.

Em 2020, Sofia regressa ao júri do programa Got Talent Portugal, transmitido pela RTP

Fonte: Wikipédia

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS PROMOVE O FOLCLORE NA RTP-1 – ISTO É QUE É SERVIÇO PÚBLICO!

A parceria entre a RTP1 – Programa Praça da Alegria – Ao Vivo! – e a Federação do Folclore Português possibilitou a ida de muitos grupos folclóricos àquela estação televisiva e a divulgação das nossas tradições.

Com a apresentação de Jorge Gabriel e Sónia Araújo, após um balanço desta colaboração, esta parceria continua em Setembro e mantém a conversa acerca do importante trabalho da Federação do Folclore Português.

291793255_5540885072611857_3116660032313570296_n.jpg

Os dirigentes da Federação do Folclore Português ladeados pelos apresentadores da RTP Jorge Gabriel e Sónia Araújo.

JORNAL DA NOITE DA SIC TRANSMITE HOJE SOBRE O GRUPO DE FOLCLORE “CASA DE PORTUGAL” EM ANDORRA

O Grupo de Folclore Casa de Portugal irá participar na reportagem do JORNAL DA NOITE, a partir das 19h58 (hora de Lisboa), que o canal de televisão portuguesa, SIC, realizou em Andorra por motivo da visita de Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República. A não perder!

SIC Ensaio.jpeg

Amanhã, o Grupo de Folclore Casa de Portugal irá participar nas festividades por motivo da visita a Andorra do Presidente da República, Professor Marcelo Rebelo de Sousa.

Do programa previsto os membros do Grupo irão atuar na cerimónia oficial no Parque Central de Andorra la Vella e no final das festividades, no palco que a organização tem preparada no parque de estacionamento da capital.

Além do folclore, os membros do Grupo irão integrar uma mostra gastronómica e de artesanato das associações participantes apresentando material decorativo, o livro comemorativo do 25 aniversário e lembranças que a entidade foi angariando ao longo de 26 anos de história.

GFCasadePortugal atuacao

CAMINHA NA RTP

O concelho de Caminha vai ser o tema de um episódio do programa "Missão: 100% português", da RTP, que tem como desafio: "mergulhar no talento, no trabalho, nas ideias, e nos sabores, que tornam Portugal um país tão diverso quanto singular".

Vera Kolodzig e João Paulo Rodrigues são os apresentadores desta temporada.

A equipa esteve por cá a gravar, em vários pontos do concelho.

Os aucarcas caminhenses foram ter com eles ao Miradouro de Sino de Mouros.

284246435_5081187071935781_6742787505020158707_n.jpg

282775488_5081187161935772_6757868765720450870_n.jpg

282206188_5081186998602455_5848737943029794444_n.jpg

282653545_5081186985269123_2917088046909177628_n.jpg

283430060_5081187065269115_6297083429430649561_n.jpg

284591601_5081187078602447_8687040510654290549_n.jpg

283670475_5081187061935782_3873936569871492317_n.jpg

282142410_5081187331935755_5130654899917276841_n.jpg

283517750_5081187345269087_497681901927799766_n.jpg

QUATRO ALUNOS DE BARCELOS APURADOS PARA A FASE FINAL DO CONCURSO NACIONAL DE LEITURA

Quatro alunos das escolas do concelho de Barcelos foram ontem apurados para a fase final do Concurso Nacional de Leitura. Sofia da Silva Gonçalves, do Agrupamento de Escolas Vale D’Este, foi a apurada do 1º Ciclo do ensino Básico; Gonçalo Martins Pais, do Agrupamento de Escolas Vale do Tamel, apurou-se no 3º Ciclo do ensino Básico; e Inês Cunha de Sá Vilas Boas, do Agrupamento de Escolas de Barcelos, e Mário Afonso Araújo da Costa, do Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria, conseguiram apuramento no que respeita ao Ensino Secundário.

alunosbarce (1).JPG

Esta última Fase Intermunicipal da 15.ª edição do Concurso Nacional de Leitura decorreu ao longo do dia de ontem na Biblioteca Municipal Manuel Boaventura, em Esposende. Participaram no concurso 16 alunos, representantes dos agrupamentos de escolas do concelho de Barcelos, nas várias categorias, desde o 1º Ciclo do Ensino Básico ao Ensino Secundário.

A Fase Nacional, com a prova oral em palco, realiza-se no dia 4 de junho e será transmitida pela RTP.

alunosbarce (2).JPG

TELENOVELA TVI "PARA SEMPRE" FILMADA EM ARCOS DE VALDEVEZ ESTREIA A 8 DE NOVEMBRO COM MÚSICA DE TONY CARREIRA

Estreia no próximo dia 8 de Novembro a nova telenovela da TVI “Para Sempre”.

O concelho foi novamente a escolha da produtora TVI/Plural para cenário de destaque desta novela, que contou com o apoio directo do Município arcuense e terá emissão assegurada até Setembro de 2022.

3b4822c1-72c3-46b3-87f2-867759ffe4ce.jpg

A nova novela da TVI tem como cenário principal a localidade arcuense de Soajo e as várias paisagens naturais concelhias integradas do Parque Nacional.

Tony Carreira foi o artista escolhido para dar voz ao tema do genérico, tendo estado recentemente em Arcos de Valdevez para gravar o videoclip do tema “Para Sempre”, o qual integra o novo álbum do artista, com estreia agendada ainda para este mês.

O Município de Arcos de Valdevez acredita que esta nova aposta nacional contribuirá ainda mais para a promoção turística do concelho.

cartaz novela para sempre.jpg

25785ae3-e29b-4341-a5a2-7fc9fb860837.jpg