Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CRAV FOI INFELIZ EM SANTARÉM

RC Santarém 30 vs CRAV 20

Com um começo muito forte e um ensaio logo aos 5 minutos, tudo parecia bem encaminhado para um bom resultado do CRAV em Santarém.

077

Mas não foi o que se passou na chuvosa tarde de Sábado. Com uma equipa muito nova e com alguma falta de experiência, principalmente nas suas linhas atrasadas em virtude de algumas lesões e ausências por questões profissionais, faltou aos minhotos alguma consistência num jogo que parecia poder tombar para o seu lado.

Com erros próprios, individuais e coletivos que permitiram à equipa da casa aproveitar e marcar pontos, o jogo foi fugindo do alcance minhoto.

O CRAV principalmente na segunda metade da 1ª parte e nos primeiros 20 minutos da 2ª parte não se conseguiu manter organizado, mostrando-se ainda muito indisciplinado no jogo no chão o que resultou em algumas penalidades convertidas para a equipa ribatejana.

A somar a isso, os erros próprio resultaram em ensaios relativamente fáceis para a equipa adversária. Isto fazia com que apesar de os seus jogadores nunca terem virado a cara à luta ou desistido, parecesse com que todo o esforço arcuense não resultava em pontos ou num aproximar do resultado.

Só nos últimos 15 minutos de jogo o CRAV se voltou a encontrar tomando conta do jogo, o problema é que nessa altura já o resultado mostrava uma vantagem para a equipa da casa (30-10) que se revelou impossível de reverter, terminando com o resultado de 30-20.

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS REÚNE CONSELHEIROS TÉCNICOS

A Federação do Folclore Português irá reunir em Santarém, durante o próximo fim-de-semana, os Conselheiros Técnicos da instituição.

Esta reunião, que se tem realizado duas vezes por ano, tem permitido ao Conselho Técnico Nacional conhecer mais de perto aquilo que têm sido as dificuldades do trabalho no terreno, o que, permite uma resposta mais rápida e eficaz às questões colocadas.

Web

Este Encontro reveste-se de especial relevo, pelo facto de coincidir com o final da 2ª fase do processo avaliativo traçado no início deste mandato, sendo que, ao momento, a esmagadora maioria do país tem as grelhas de avaliação já preenchidas, o que, permitirá observar a evolução da qualidade dos Grupos Etnográficos e as ações que poderão ser necessárias tomar para corrigir eventuais desvios àquilo que seria expectável.

De igual forma, será também analisado o resultado do inquérito de satisfação que a direção teve a decorrer durante o mês de novembro, para que aqueles que estão de forma constante no terreno possam colaborar num processo de melhoria que se quer contínuo.

Espera-se, como sempre, que seja um momento de partilha e reflexão para tornar o movimento mais coeso, coerente e com uma imagem mais sóbria.

Capturar

CRAV EM 1º LUGAR NO CAMPEONATO NACIONAL DA 1ª DIVISÃO DE RUGBY

Viriato Teixeira foi o Homem do Jogo

À terceira jornada do campeonato, o CRAV recebeu o Santarém no Estádio Municipal de Rugby de Arcos de Valdevez. A equipa da casa venceu por 45-11 e conquistou mais um importantíssimo ponto de bónus.

crav vs santarem

Este duelo começou com uma entrada muito forte dos jogadores arcuenses que surpreenderam os adversários com dois ensaios,nos minutos iniciais da partida, fruto de movimentações coletivas de grande qualidade. De acordo com a equipa técnica do CRAV, a vantagem de 14-0 aos quinze minutos de jogo, comprova que os seus atletas “quando executam o seu plano de jogo são uma equipa muito difícil de parar”.

Face ao desenrolar do jogo, houve uma boa reação do Santarém, que através dos seus avançados obrigou o CRAV a defender e a recorrer à falta, conseguindo assim equilibrar o jogo com duas penalidades e  um ensaio. Porém, ao intervalo o CRAV ainda detinha três pontos de vantagem, 14-11.

No segundo tempo, o CRAV voltou a entrar forte no jogo ea resolver cedo o seu desfechoao marcar mais dois ensaios nos primeiros minutos e mais dois até ao final.

“Apesar de ainda não ter o seu jogo completamente consolidado já se nota uma clara evolução entre a equipa da primeira jornada e a deste fim de semana. Apesar disso ainda está longe do seu potencial máximo, tendo que melhorar a sua ligação entre setores no ataque e a sua disciplina na defesa”, declara a equipa técnica local.

Neste jogo, o atleta que mais se destacou foi Viriato Teixeira. Importante tanto na defesa como no ataque, marcou dois dos seis ensaios do CRAV.

De notar que, nesta jornada, o Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Rugby não conseguiu um arbitro disponível para apitar em Arcos de Valdevez. Para o CRAV esta situação é um desprestígio para a modalidade. Segundo os regulamentos, havia nas bancadas um árbitro que se disponibilizou a apitar, pelo que o CRAV endereça o seu agradecimento a Carlos Lourenço.

crav vs santarem (2)

crav vs santarem (3)

crav vs santarem (4)

CRAV SOFRE DERROTA INESPERADA EM SANTARÉM

No passado sábado, o CRAV viajou até Santarém para cumprir uma jornada em atraso. A equipa arcuense partiu confiante num bom resultado, mas acabou por sofrer uma derrota inopinada por 13-10.

Num jogo completamente dominado pelo CRAV, principalmente através do trabalho do pack avançado, a derrota surgiu ao cair do pano quando os visitantes sofrem uma penalidade a cinco minutos do apito final.

A equipa técnica do CRAV esclarece que “no rugby em todos os jogos se aprende algo, principalmente nas derrotas, e este jogo foi uma lição para o CRAV”. Este foi um mau jogo da equipa arcuense, que nunca soube concretizar em pontos a vantagem que aparentava ter em relação à equipa de Santarém. A equipa da casa foi a primeira a marcar, beneficiando de um erro defensivo das linhas atrasadas do CRAV. O CRAV respondeu minutos depois com um ensaio de maul saído de alinhamento.

“E no restante jogo pouco mais se viu, tornando-se num jogo atabalhoado e com pouco tempo útil, pois teve inúmeras paragens, fruto de um domínio pouco esclarecido do CRAV, a que o Santarém respondeu a defender quase sempre bem”, acrescentam os treinadores arcuenses. A equipa de Santarém jogou com as suas armas, unida, com espírito de sacrifício e humildade, soube defender e procurou a sua sorte, tendo conseguido o prémio final. Aos jovens do CRAV resta retirar lições que serão certamente preciosas na sua restante caminhada esta época, pois ao identificar onde errou, o único caminho que lhe resta é melhorar.

O CRAV recebe o Setúbal já no próximo sábado, no Estádio Municipal de Rugby, pelas 15h30.

PONTE DE LIMA PARTICIPA EM SANTARÉM NO FESTIVAL NACIONAL DE GASTRONOMIA

Ponte de Lima é uma referência nacional e internacional na produção de Vinhos Verdes de excelência, principalmente nas castas de Loureiro e Vinhão, registando cerca de 2000 produtores do setor primário vitivinícola.

PTL_promoção.jpg

Neste contexto, o Município de Ponte de Lima está a participar no Festival Nacional de Gastronomia, a decorrer até 4 de novembro em Santarém.

Integrando o Stand da Associação dos Municípios Portugueses do Vinho - AMPV, Ponte de Lima marca presença divulgando e promovendo todos os vinhos do concelho de Ponte de Lima. A par do enoturismo e da gastronomia, o património histórico e paisagístico do concelho de Ponte de Lima complementa uma oferta muito apetecível, com identidade e qualidade.

O espaço da AMPV é composto por quatro stands, onde estão expostos os Municípios e rotas do vinho com os seus produtores de vinhos. No certame, serão ainda promovidos os vinhos premiados pelo concurso internacional “La Selezione del Sindaco” a apoiar os territórios vitivinícolas dos medalhados.

Prevê-se que mais de 30 mil visitantes passem pelo certame, que conta com a presença de 120 expositores.

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE VINHOS EM SANTARÉM

Vinhos de Arcos de Valdevez marcam presença no 35º Festival Nacional de Gastronomia de Santarém

Os Vinhos de Arcos de Valdevez estiveram presentes, a convite da AMPV – Associação de Municípios Portugueses do Vinho, no 35º Festival de Gastronomia de Santarém.

festival_gastronomia_santarem (2)

Este festival é o mais antigo Festival de Gastronomia do País e através dele é feita a promoção do Património Gastronómico Nacional, afirmando-se já como uma marca consagrada junto de gastrónomos, especialistas e apreciadores dos prazeres da boa mesa.

Durante dois dias os vinhos de Arcos de Valdevez estiveram em destaque, através da realização de provas comentadas, o que proporcionou um contacto mais direto com vinhos e produtores.

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez valoriza os produtos da região e, nesse sentido, procura levar a cabo frequentemente iniciativas que estimulem sua promoção e divulgação, junto da comunidade turística, de forma a dinamizar a economia local.

festival_gastronomia_santarem (6)

festival_gastronomia_santarem (4)

PONTE DE LIMA REPRESENTA REGIÃO DOS VINHOS VERDES NO FESTIVAL NACIONAL DE GASTRONOMIA EM SANTARÉM

Município de Ponte de Lima no Festival Nacional de Gastronomia 2015 em Santarém. “Vinhas do Cruzeiro – Loureiro” Medalha de Prata

O Município de Ponte de Lima, em representação da região dos Vinhos Verdes, vai marcar presença no 35º Festival Nacional de Gastronomia, que se realiza em Santarém, entre 22 de outubro e 1 de novembro.

PA175985 (Small)

As potencialidades turísticas do concelho Limiano, com evidência para a excelência do Vinho Verde, os produtos locais e a sua oferta turística, desde o alojamento à enogastronomia, completam a mostra.

A presença é efetuada através da Associação de Municípios Portugueses do Vinho, da qual o Município de Ponte de Lima faz parte, visando a promoção dos vinhos premiados no concurso internacional “La Selezione Del Sindaco”.

O Município de Ponte de Lima vai estar presente no Festival com um stand próprio, no dia 23 de outubro, em representação da região dos Vinhos Verdes, onde decorrerá a entrega do prémio do XIV Concurso La Selezione Del Sindaco à Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Ponte de Lima, pelo vinho “Vinhas do Cruzeiro – Loureiro”, que ganhou a Medalha de Prata.

De realçar que mais de 1100 vinhos oriundos da Europa e do Brasil foram postos à prova neste concurso, sendo que cerca de 400 desses vinhos participantes eram portugueses.

Considerada como um dos eventos gastronómicos de referência, o Festival Nacional de Gastronomia conta com 120 expositores nacionais e 40 mil visitantes.

IMG_8209_BIS F (Small)

PONTE DE LIMA LEVA A SANTARÉM VINHO VERDE E ARROZ DE SARRABULHO

Feira Nacional de Gastronomia de Santarém: Promoção e Degustação do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima Provas de Vinho Verde de Ponte de Lima

O Município de Ponte de Lima apoiou a Confraria do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima em mais uma ação de promoção deste prato típico limiano na Feira Nacional de Gastronomia de Santarém. A degustação decorreu no dia 23 de outubro, às 14h00, inserido no Dia Oficial do Turismo do Porto e Norte.

PA236191

O porco é uma das principais bases da cozinha limiana e o ingrediente rei. O louro, o cravinho, a noz-moscada, o sal e a pimenta temperam as carnes que, depois de cozinhadas e desfiadas se juntam o arroz. O sabor singular dos cominhos e do limão é acrescentado no fim.

A preparação e a degustação do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima, confecionado pelo restaurante Açude, suscitou interesse e muitos elogios, prova disso foram os vários pedidos para repetir o prato assim como, a vontade de o provar na terra que lhe dá nome. Como harmonização apresentamos o Vinhão o qual resulta numa união perfeita.

Este foi mais um palco em que a Vila de Ponte de Lima pôde mostrar a excelência da sua oferta enogastronómica e turística.

PA236198

PA236164

PA236159

PA236158

CELORICO DE BASTO VAI A SANTARÉM MOSTRAR OS PALADARES DA SUA GASTRONOMIA

Celorico de Basto apresenta algumas das particularidades da sua enogastronomia em Santarém

A gastronomia e os vinhos de Celorico de Basto estiveram em representação no 34º Festival Nacional de Gastronomia de Santarém, no dia oficial do Turismo Porto e Norte de Portugal, a 23 de outubro.

_DSC9919

“Celorico de Basto destaca-se pelo vinho verde cada vez mais premiado em Portugal e no estrangeiro. Nós, enquanto município, estamos a trabalhar para promover o melhor que o nosso concelho tem para oferecer ao nível da enogastronomia e por consequência o concelho nas suas particularidades. A participação nestas feiras torna-se cada vez mais necessária e apelativa tendo em conta o nicho de mercado que atrai. É objetivo, a médio prazo, conseguirmos o retorno deste investimento”, salientou o vereador da cultura da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Fernando Peixoto.

Em representação do concelho estiverem os vinhos Quinta Santa Cristina, Souto Grande, da Escola Profissional de Fermil, Celorico de Basto, as Compotas da Casa do Agricultor, e os doces regionais (cavacas e pão de ló). A área da exposição, ordenado ao pormenor, contemplava espaço de provas, com showcooking e atividades de animação. Os produtos de Celorico de Basto para degustação foram alvo de múltiplos elogios por parte dos visitantes.

_DSC9917

Uma iniciativa que se mostra necessária para combater a sazonalidade do turismo segundo o vice presidente do TPNP, Jorge Magalhães. “Estas iniciativas que envolvem os municípios com as suas características mais genuínas e de qualidade ímpar mostram-se necessárias para combater a sazonalidade no turismo. Queremos imprimir a vontade de conhecer pela gastronomia que oferecemos e pelos vinhos que demarcam a região norte do país. Ao mesmo tempo temos a noção que a nossa oferta turística é, de facto, variada e a preços competitivos” disse.

Recordar que a 30 de novembro serão apresentados, em Braga, os fins-de-semana Gastronómicos, uma iniciativa do Turismo Porto e Norte de Portugal. Em Celorico de Basto o fim-de-semana Gastronómico será de 21 a 23 de novembro.

_DSC9906

PONTE DE LIMA PARTICIPA NO FESTIVAL DE GASTRONOMIA DE SANTARÉM

Município de Ponte de Lima participa na 34ª edição do Festival Nacional de Gastronomia de Santarém

O Município de Ponte de Lima em parceria com a Confraria do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima participa numa ação de promoção desta iguaria gastronómica no Festival Nacional de Gastronomia de Santarém, a decorrer desde 17 de outubro até 2 de novembro.

A promoção e degustação do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima e as Provas de Vinho Verde de Ponte de Lima realizam-se esta quinta-feira, dia 23 de outubro, às 14h00,inserindo-se no programa do Dia Oficial do Turismo do Porto e Norte de Portugal.

Esta ação irá enaltecer a diversidade e a riqueza do património enogastronómico português. A confeção do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima estará a cargo do restaurante Açude.

Em Ponte de Lima encontra um leque de restaurantes que lhe irão proporcionar momentos únicos e inolvidáveis.

VILA VERDE LEVA PAPAS DE SARRABULHO AO FESTIVAL NACIONAL DE GASTRONOMIA EM SANTARÉM

O restaurante “Torres” vai representar o Minho no próximo Festival Nacional de Gastronomia que se realiza em Santarém, apresentando no dia 27 de outubro algumas das melhores especialidades da nossa cozinha tradicional como o Caldo verde à minhota, as pataniscas, as papas de sarrabulho, os rojões de porco, o cabritinho “bebé” assado no forno e o arroz de cabidela ou seja, o frango pica no chão. No que diz respeito à animação, Augusto Canário é uma das presenças já confirmadas que vai alegrar o evento com os tradicionais cantares ao desafio.

O programa do 33º Festival Nacional de Gastronomia que vai ter lugar na Casa do Campino, foi apresentado à comunicação social no passado dia 26 de setembro, em conferência de imprensa, na Casa de Portugal e de Camões. A apresentação foi feita por António Valente, presidente do Conselho de Administração da empresa Viver Santarém – Sociedade de Cultura, Desporto, Turismo e Gestão Urbana de Santarém, EM, SA, por Luís Arrais, Administrador Executivo da empresa e por Seia da Silva, Entidade Regional de Turismo do Alentejo.

Este ano, o Festival recupera os habituais almoços temáticos, que no ano transato não tiveram lugar, e conta com dias dedicados a cinco regiões de turismo do País: no dia 25 o dia é dedicado à Região de Turismo do Alentejo e Ribatejo, o dia dedicado à Região do Centro, decorre no dia 26 de outubro, a Região do Algarve, no dia 27, enquanto a Região de Lisboa decorre no dia 1 de novembro e a Região Norte e Porto, no dia 2 de novembro.

O Festival conta com a representação de todas as regiões de turismo do continente e ilhas, num total de 13 restaurantes: Região Norte e Porto, Centro, do Algarve, Lisboa, Alentejo e Ribatejo e Açores e Madeira. A organização espera este ano receber mais de 100 mil visitantes, ultrapassando a afluência registada em anos anteriores.