Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CONCERTINA DE DANIEL SOUSA TEM MAGIA: AS SUAS ALEGRES RAPSÓDIAS PUSERAM HOJE O POVO A DANÇAR NA FESTA DA AMIZADE DA CASA DO CONCELHO DE ARCOS DE VALDEVEZ

A concertina do tocador arcuense Daniel Sousa tem magia: Mas se ouviram os primeiros acordes e logo as gentes minhotas começaram a dançar e não mais pararam enquanto não parou de tocar.

Capturar6

A Festa da Amizade que hoje teve lugar no Parque de Vale Fundão , em Lisboa, foi alegre e animada. Mas, muita gente aguardava ansiosamente pela sua atuação. Daniel Sousa é desde há muito tempo um dos mais apreciados tocadores – e cantadores – da comunidade minhota radicada na região de Lisboa e não apenas da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez a cujo rancho folclórico também pertence.

DSCF0703

DSCF0708

DSCF0718

DSCF0726

DSCF0734

DSCF0735

DSCF0742

CASA DO CONCELHO DE ARCOS DE VALDEVEZ JUNTA MINHOTOS EM LISBOA SOB O SIGNO DA AMIZADE

Arcuenses homenagearam Nossa Senhora da Peneda

O Parque de Vale Fundão, em Marvila, recebeu hoje centenas de minhotos que dessa forma responderam ao convite da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez, em Lisboa. Folclore, jogos tradicionais, provas desportivas e celebrações religiosas em honra de Nossa Senhora da Peneda preencheram o programa da festa. Mas, o que realmente sobressaiu foi a amizade que deu nome à festa – Festa da Amizade – entre minhotos dos mais diversos concelhos radicados em Lisboa, com especial preponderância para os naturais de Ponte da Barca e de Arcos de Valdevez.

Capturar8

A festa começou logo de manhã e prolongou-se durante todo o dia com a cumplicidade de S. Pedro que se absteve de abrir as torneiras. A seguir à missa campal, teve lugar a atuação do Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez, a que se seguiu o Rancho Folclórico de Vila Nova de Muía – Ponte da Barca e a atuação do exímio tocador arcuense Daniel Sousa que levou toda a gente a dançar no terreiro em frente ao palco. O arraial prosseguiu com o Grupo “Ecos de Montemuro” – Faifa, concelho de Castro Daire e encerrou em apoteose com a atuação do Rancho Folclórico da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez que, como manda a tradição, encerrou com o “vira geral” e a promessa de que os arcuenses voltarão em breve a juntar-se para celebrar a amizade.

Capturar6

Em virtude da impossibilidade do Presidente da Junta de Freguesia de Marvila estar presente, coube ao sr Joaquim Cerqueira de Brito – Presidente da Direcção da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez – representar aquele responsável na qualidade de autarca daquela freguesia.

DSCF0600

DSCF0555

DSCF0571

DSCF0585

DSCF0603

DSCF0604

DSCF0609

DSCF0610

DSCF0612

DSCF0613

DSCF0614

DSCF0638

DSCF0643

Capturar6

DSCF0673

DSCF0703

 

Capturar3

Capturar2

Capturar4

Capturar5

Capturar9

Capturar7

DSCF0754

DSCF0757

DSCF0759

DSCF0763

DSCF0761

DSCF0783

DSCF0801

DSCF0810

DSCF0797

DSCF0812

 

DSCF0887

DSCF0890

DSCF0893

DSCF0906

FALECEU CARLOS CÉSAR SANTOS, PRESIDENTE DA CASA DOS POVEIROS DO RIO DE JANEIRO

A Casa dos Poveiros do Rio de Janeiro está de luto!

Acaba de falecer Carlos César Santos, dirigente da Casa dos Poveiros do Rio de Janeiro e do Rancho Eça de Queirós, também sediado naquela cidade do Brasil, mais concretamente no Bairro da Tijuca.

312647_140915036014940_497663642_n

Carlos César Santos, afectuosamente tratado por “Carlinhos”, era um reconhecido dirigente regionalista e também folclorista, com grande dedicação à concertina e ao acordeão.

O corpo é velado hoje, nas instalações da Casa dos Poveiros, instituição portuguesa que ele tanto amava.

Nas imagens que publicamos, vemo-lo com o Presidente da República, Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, com o Presidente da Casa do Minho no Rio de Janeiro, sr. Agostinho dos Santos com quem mantinha estreitas relações de amizade e colaboração e ainda com elementos da comunidade poveira ali radicada.

O BLOGUE DO MINHO endereça aos seus familiares e à Casa dos Poveiros do Rio de Janeiro as mais sentidas condolências.

13876615_1138337742894297_1559818900393227597_n

36387677_1725239374221311_13399743912738816_n

36414766_1725239384221310_2576333370841628672_n

MINHOTOS EM LISBOA DÃO FESTIVAL DE FOLCLORE NA ALTA DE LISBOA

A Casa do Minho em Lisboa proporcionou hoje uma magnífica tarde de folclore sob as copas refrescantes do arvoredo da Quinta das Conchas, ao Lumiar, numa tarde quente e soalheira que convidava a um local aprazível e de frescura.

DSCF3785 (1).JPG

Após um pequeno desfile, subiram ao palco o Rancho Folclórico de Viegas – Santarém; Rancho Folclórico “As Mondadeiras” de Casa Branca – Portalegre; Grupo Folclórico “As Tricanas” de Ovar; Rancho Folclórico São Salvador de Grijó – Vila Nova de Gaia e, naturalmente, o anfitrião Rancho Folclórico da Casa do Minho em Lisboa.

Para além do numeroso público presente, a iniciativa contou com a presença, entre outras entidades, do Dr. Pedro Delgado Alves, Presidente da Junta de Freguesia do Lumiar e deputado à Assembleia da República e, em representação da Federação do Folclore Português, João Carriço (membro suplente da Direcção) e Sandra Pereira (CTR da Estremadura Sul Centro Saloia).

DSCF3773 (1).JPG