Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

FEIRA DO LIVRO DE PONTE DE LIMA ABRE HOJE AO PÚBLICO

XXIV Feira do Livro de Ponte de Lima abre hoje as portas ao público a partir das 18h30

De 18 a 21 de Julho de 2019, a Feira do Livro de Ponte de Lima está de regresso, e traz consigo o melhor da literatura portuguesa e estrangeira.

Feira do Livro 2019 programa.jpg

De livro em mão, o recinto do Pavilhão de Feiras e Exposições percorre-se a passo lento, para que se assimile esta enorme montra de literatura. 

Das revisitações de clássicos, às contemporâneas “estreias absolutas”, perde-se a conta às novidades desta edição, em que são as crianças quem mais fica a ganhar.

O ciclo de programação antecipa o que de mais relevante vai acontecer no evento, com mais editoras e novidades.

Com uma série de propostas que equilibram as forças entre o livro de papel e as ferramentas digitais, a 24ª edição da feira mostra-se consciente do facto de que o negócio livreiro cada vez está mais diversificado, e como tal, dá atenção redobrada às expectativas dos colaboradores, e em particular dos visitantes. Neste sentido, são várias as linguagens artísticas que, ao longo da feira, entram no espaço cultural. Destaque-se AMFF in Concert 2019, o concerto pela Academia de Música Fernandes Fão, num tributo ao Festival de Vilar de Mouros com início às 22h30 do primeiro dia de evento.

Por entre maratonas de contos, conversas com autores, encontros de escritores, insufláveis, tertúlias, ateliers, espetáculos de ballet, concertos literários, e diversas outras atividades lúdicas, desenrolam-se os quatro dias da 24ª Edição da Feira do Livro Limiana.

A cultura a baixo preço, e a oferta diversificada e acessível, atraem anualmente milhares de visitantes à feira, que pretende bater recordes de visitas.

O evento tem inauguração oficial agendada para as 18h30 de amanhã, dia 18 de julho, seguida por um Verde Literário, estando de portas abertas nos seguintes três dias. O programa completo do evento pode ser consultado através do site oficial do Município de Ponte de Lima, ou das suas redes sociais.

A XXIV Feira do Livro de Ponte de Lima deve a sua organização ao Município de Ponte de Lima, estando a cargo da Biblioteca Municipal, em parceria com a livraria União, a Universidade Aberta, a Universidade Fernando Pessoa, o Centro de Estudos Regionais (CER), o Centro de Informação Europe Direct do Minho (CIED Minho), a Associação Limiana dos Amigos dos Animais de Rua (ALAAR) e a Associação de Escritores, Jornalistas e Produtores Culturais de Ponte de Lima (AEJPCPL).

Programa Dia 18.jpg

Programa Dia 19.jpg

Programa Dia 20.jpg

Programa Dia 21.jpg

CRIARTE CHHEGA A PONTE DE LIMA

9ª Edição do CRIARTE chega a Ponte de Lima. Delegação de Ponte de Lima da APPACDM

Ponte de Lima será palco da 9ª edição do CRIARTE. Um projeto dinamizado pela Delegação de Ponte de Lima da APPACDM de Viana do Castelo, com o apoio de diversas parcerias e cofinanciado pelo programa de financiamento do INR.

cartaz criarte 2019 cinza2.jpg

De 23 a 27 de julho de 2019, pretende-se reunir todos os que têm em comum o interesse e gosto pelo universo artístico na sua multiplicidade de saberes e tecnologias, numa Residência artística com vários workshops: cenografia, expressão dramática, música, canto, dança contemporânea; esculturas de rua e espetáculos de rua.

Desenrolando-se na esfera dos Confrontos, onde o Eu se cruza na alma do Ser, numa crescente harmonia entre os sonhos, as expetativas, os desejos de ter, ver, mudar, arriscar… Onde o estranho afirma o seu lugar e a criatividade não termina na sua essência… A arte surge e emerge numa esfera de confrontos, onde eu sei quem sou, mas anseio encontrar-me.

Integrado no programa do Festival Percursos da Música, projeto dinamizado pelo Município de Ponte de Lima, serão apresentados dois espetáculos: no dia 26 de julho, o resultado da Residência artística, que decorre durante a semana e conta com a presença de participantes de vários pontos do país, e de um grupo de Itália. O espetáculo de encerramento – Tendências em confronto, a ter lugar no dia 27 de julho, resulta da parceria com autores de diversas áreas (moda, música, dança, artes plásticas) e promete ser um evento multifacetado, onde se confrontam e coexistem diversas manifestações artísticas.

cartaz TENDENCIAS em Confronto.jpg

PONTE DE LIMA RECEBE EMIGRANTES

Tempo de Verão, os tradicionais meses de receber os nossos emigrantes aí estão, este, corrente de Julho, e o seguinte, onde milhares de compatriotas, conterrâneos e luso –descendentes se cruzam nas nossas estradas, comércios, repartições públicas, praias e outros locais.

16072019-1.jpg

É tempo de convívio, de visitar familiares e amigos, de reviver o ambiente de onde partiram há meses, anos, parte da sua vida, para fazer outra vida, melhor para um Futuro também mais risonho aos filhos e netos.

Da Europa a África, e do outro lado do Atlântico, Ponte de Lima está pressente há mais de cinco séculos. A diáspora, os Limianos, também poucos, mas alguns, partiram para a Ásia, mas é do velho continente a maior proveniência para gozo de férias.

Com o aproximar da vinda de nossos patrícios, também as Festas e Romarias mais importantes enchem-se como locais de culto, diversão e convívio. Evoquemos, entre outras, a de Nossa Senhora da Boa Morte, na freguesia da Correlhã, santuário de muitos devotos por geração radicados no Brasil e na França, ou o Senhor da Saúde, em Sá, no primeiro fim de semana de Agosto.

Outras entidades como as autarquias locais, organizam programas, ou parte deles dedicados ao emigrante, á gente da terra ausente, mas que nesta época do ano nos visitam.

É o caso da freguesia da Seara, onde o Presidente Filipe Lima e seus colegas, preparam mais uma edição da Semana da Seara, a decorrer de 10 a 19 de Agosto próximo. Mas também em Rebordões Souto, haverá este ano, igualmente por iniciativa do colega autarca Filipe Amorim, uma evocação dos conterrâneos radicados na Europa, através do futebol, no âmbito do ressurgimento da equipe local – Águias de Souto – numa comissão liderada pelo jovem João Gomes.

É assim, Ponte de Lima veste – se de gala para receber, conviver, perceber, que ser emigrante é também gostar da terra, e como tal, participar nas suas tradições e demais usos e costumes, através das programações já divulgadas, e outras a caminho!...

Mas, entre centenas e milhares de Pontelimenses expatriados, permitam que deixe aqui um abraço às comunidades mais salientes em suas terras adoptivas. A razão, é que a eles, ou associações que dirigem, se devem muitas recordações, digamos eventos etnográficos e gastronómicos nessas paragens, costumes de suas origens. São exemplos, entre outros, na região de Paris: Drancy, Ivry Sur Seine e Saint Cyr l École (Versalhes). Mais longe, a uma centena de quilómetros, Chalette Sur Loing (Órleães), geminada com Ponte de Lima, assim como no norte, a uma centena de quilómetros do Luxemburgo, a mais antiga cidade – irmã de Ponte de Lima: Vandoeuvre Les Nancy, cujos trinta anos foram assinalados em 22 de Junho último, com deslocação do Órfeão Limiano e da Edilidade.

Tito Morais / https://www.luso.eu/

PONTE DE LIMA INTEGRA PROJETO SOCIO-TERRITORIAL PILOTO EM PORTUGAL

O Município de Ponte de Lima constituiu-se parceiro do Programa “Da Habitação ao Habitat”, numa cerimónia que decorreu na sede do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), em Lisboa, na presença da Secretária de Estado da Habitação, Ana Pinho.

Logo Habitação_ 00506.png

Aprovado em maio de 2018, pela Resolução do Conselho de Ministros n.o 56/2018, este programa surge no âmbito da Nova Geração de Políticas de Habitação, como um dos instrumentos que visam promover a inclusão social e territorial e as oportunidades de escolha habitacionais.

Os domínios de atuação do projeto incidem sob a redefinição de novos modelos de gestão dos bairros, com envolvimento dos moradores. Constituem-se subsequentemente como metas, a promoção da inclusão social e sucesso escolar das crianças e jovens, a integração social de grupos especialmente afetados por fenómenos de exclusão social e discriminação, o empreendimento no acesso ao emprego, à empregabilidade e ao desenvolvimento de atividades económicas, e o foco na saúde e prevenção da doença.

O programa visa ainda a conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal, a prevenção do desenvolvimento de comportamentos desviantes e da marginalidade, a celebração da diversidade cultural, do diálogo intercultural, o respeito pelos direitos humanos e cidadania, assim como a melhoria, manutenção, e sustentabilidade das condições habitacionais e ambientais dos bairros visados.

Por intermédio da Coordenação Global do Programa, a Comissão de Acompanhamento interage com Equipas de Ação Local e Grupos de Trabalho. Neste último referido, integra-se como parceiro o Município de Ponte de Lima. A autarquia, à semelhança de diversas outras trabalha em proximidade com os representantes de entidades tuteladas pelas áreas governativas, com as Juntas de Freguesia, assim como com os condomínios, comissões ou associações de moradores e outras entidades relevantes, para traçar um acordo de cooperação e um plano de ação. De acordo com o diploma do Governo, este plano deve estar completo num prazo de seis meses, e a intervenção ter uma duração de 24 meses. 

A intervenção-piloto a implementar em Ponte de Lima, incide sob a área contígua à Praceta Fernão de Magalhães, um campo de ação que envolve o Bairro da Escola técnico, situado junto ao Parque Radical.

A integração do Município Limiano neste projeto, vem reafirmar a alta consideração que o Executivo Municipal tem pela integração de novas políticas sociais ativas, para tentar responder às carências específicas dos grupos populacionais mais vulneráveis ou em situação de risco. Neste sentido, a nível concelhio tem-se desencadeado um forte trabalho de campo, quer na promoção de uma intervenção multidisciplinar, quer no estabelecimento de articulações e sinergias entre os vários organismos, públicos e privados, que operam no quadro social local.

Sob coordenação do IHRU, o programa “Da Habitação ao Habitat” vigora até maio de 2020.

PONTE DE LIMA APOIA AQUISIÇÃO DE MATERIAL ESCOLAR

Alterações no procedimento da aquisição de material para o 1º Ciclo (Ação Social Escolar)

Visando agilizar os procedimentos no âmbito da Ação Social Escolar, para o 1º ciclo, designadamente a aquisição de material escolar, para as crianças com Escalão A e Escalão B, o Municipio de Ponte de Lima informa os Encarregados de Educação que podem adquirir o material em qualquer papelaria, mas devem solicitar o recibo em nome do seu educando, beneficiário.

material_escolar_1_1024_800.jpg

Para serem reembolsados do valor basta preencher o formulário que pode ser levantado nos Serviços de Educação ou obtido no website do Município de Ponte de Lima, através do endereço: https://educacao.cm-pontedelima.pt/pages/1192 , e proceder à entrega do mesmo, devidamente preenchido e acompanhado por toda a documentação solicitada, no Gabinete de Atendimento ao Munícipe (GAM) – Município de Ponte de Lima.

MINISTRO DA EDUCAÇÃO VAI A PONTE DE LIMA

Tiago Brandão Rodrigues - Ministro da Educação em Ponte de Lima. 14 de julho – 15 horas

O Ministro da Educação vai presidir à assinatura do contrato-programa entre o Instituto Português do Desporto e Juventude, IP, e a Academia de Futebol de Ponte de Lima, agendado para o próximo domingo, 14 de julho, às 15 horas, na Correlhã.

Correlhã1.jpg

Este contrato – programa visa a requalificação das infraestruturas do polidesportivo da Correlhã, a executar no âmbito do Programa de Reabilitação de Instalações Desportivas - 2019.

A cerimónia realiza-se no Polidesportivo da Correlhã, situado junto à Sede da Junta de Freguesia da Correlhã, e contará com a presença do Ministro da Educação, membro do Governo responsável pela área do desporto, e o Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima em representação do Município, entidade parceira nesta matéria.

PONTE DE LIMA REALIZA FEIRA DO LIVRO

XXIV Feira do Livro de Ponte de Lima: milhares de títulos, novidades literárias e verdadeiros achados

De regresso a Ponte de Lima, a Feira do Livro volta a abrir as portas do Pavilhão de Feiras e Exposições de Ponte de Lima, desta vez entre os dias 18 e 21 de julho de 2019, para a sua 24ª Edição.

Cartaz Final Feira do Livro 2019 (1).jpg

Promoções especiais, novidades, livros em segunda mão, e verdadeiros achados. Há muito por onde escolher no maior evento dedicado ao livro e ao negócio livreiro do Concelho.

A iniciativa com entrada gratuita, arranca com apresentações de livros, com conversas com autores e encontros de escritores. Sem esquecer as sessões de histórias, os concertos literários, os ateliês e oficinas, assim como os insufláveis. Em suma, equilibram-se as forças entre o livro de papel e as ferramentas digitais. 

Com algumas novidades e um novo recorde no número de expositores e editoras, a Feira regista milhares de títulos.

O primeiro dia da Feira abre às 10h00, sendo que a inauguração oficial, se prevê para as 18h30 com a presença do Edil Limiano, seguida por um verde literário.

AMFF in Concert 2019, o concerto pela Academia de Música Fernandes Fão, inicia às 22h30 e encerra o primeiro dia de feira, cujo horário se estende das 10h às 12h, e das 14h às 24h.

Os dias de sexta e de sábado dividem-se segundo o mesmo horário, das 10h00 às 13h00, das 14h00 às 19h30 e das 21h00 à 01h00, contemplando um programa semelhante, com destaque para a sessão no âmbito do projeto BiblioSénior, para II Encontro de Autores da Associação de Escritores, Jornalistas e Produtores Culturais de Ponte de Lima (AEJPCPL), e para a Tertúlia: Parentalidade, Literatura e Emoções.

Destaquem-se ainda as várias apresentações de livros, sem esquecer, às 22h30 de sexta-feira, a noite de Fado, com Deolinda Leones, e sábado, o espetáculo musical com ConecSom, pela mesma hora.

O dia de encerramento da 24ª Edição da Feira do Livro de Ponte de Lima decorre das 10h às 13h, e das 14h às 20h, e é marcado pelo Espetáculo de Ballet e Danças Urbanas “Quatro Estações”, por Pezinhos de Lã, às 14h.

O evento de longa tradição, deve a sua organização ao Município de Ponte de Lima, estando a cargo da Biblioteca Municipal, em parceria com a livraria local “União”, que representa mais de 100 editoras nacionais. Em colaboração estão também outras instituições locais e regionais como a Universidade Aberta, a Universidade Fernando Pessoa, o Centro de Estudos Regionais (CER), o Centro de Informação Europe Direct do Minho (CIED Minho), a Associação Limiana dos Amigos dos Animais de Rua (ALAAR) e a Associação de Escritores, Jornalistas e Produtores Culturais de Ponte de Lima (AEJPCPL).

PONTE DE LIMA VAI REMODELAR CEMITÉRIO MUNICIPAL

Município de Ponte de Lima aprova empreitada de remodelação do cemitério municipal

A Câmara Municipal aprovou a empreitada de remodelação do cemitério municipal de Ponte de Lima, pelo valor de 368.812,87€+Iva.

plimanecrot (1).JPG

A intervenção de valorização pretende dar uma nova dignidade ao espaço, requalificando as áreas existentes, quer do interior quer do exterior, devido ao seu mau estado de conservação e falta de funcionalidade.

A proposta pretende melhorar as condições de acesso pedonal e automóvel, tornando o cemitério Municipal acessível a pessoas com mobilidade condicionada.

Esta intervenção traduz-se na substituição dos pavimentos existentes em terra batida por cubo de granito azul serrado e lajedo de granito azul de Ponte de Lima. A obra de requalificação incidirá também na substituição da cobertura da capela, e no restauro dos portões existentes. Proceder-se-á ainda à substituição das infraestruturas existentes, nomeadamente de abastecimento e drenagem de águas pluviais, sem esquecer a colocação de uma nova infraestrutura de iluminação pública.

Esta intervenção insere-se na estratégia do Município de Ponte de Lima de beneficiação dos espaços públicos, conferindo-lhes condições de usufruto condicentes com a exigência dos padrões contemporâneos de urbanidade.

plimanecrot (2).JPG

plimanecrot (3).JPG

PONTE DE LIMA: CALHEIROS INAUGURA CENTRO CÍVICO

Inauguração do Centro Cívico de Calheiros. 14 de julho – 17 horas

O Município de Ponte de Lima continua a estender a política de Requalificação Urbana às zonas centrais das freguesias, com espaços de cariz coletivo e social, que se encontrem desarticuladas com as necessidades atuais da população.

Convite_centro civico calheiros email - nao imprimir-01.jpg

Neste contexto, a autarquia inaugura as obras de Requalificação do Centro Cívico de Calheiros, no próximo dia 14 de julho às 17h00.

Esta intervenção de valorização do espaço público pretende favorecer a circulação pedonal e o usufruto do local através da repavimentação total da área com materiais nobres, apostando fortemente no granito de Ponte de Lima, distinto segundo a zona de aplicação, para diferenciar os espaços de circulação pedonal e automóvel. A freguesia usufruirá também de um espaço verde de grande dimensão, na zona central.

A intervenção estendeu-se à execução de novas infraestruturas de drenagem de águas pluviais, e à beneficiação da rede de iluminação pública, assim como do mobiliário urbano.

O investimento no valor de 418.926 € [Iva incluído], apresenta-se agora concluído, sendo que o Município continuará a estender a política de Requalificação Urbana a zonas degradadas e urbanisticamente mal definidas. 

Convite_centro civico calheiros email - nao imprimir-02.jpg