Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MUNICÍPIO DE BRAGA INAUGURA EXPOSIÇÃO "O LEGADO DE ANDRÉ SOARES"

O Município de Braga inaugura amanhã a exposição “O Legado de André Soares”, no Mosteiro de S. Martinho de Tibães, em Braga.

josepereiratavareslivroscomasas.jpg

A iniciativa vai contar com a presença do presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio.

Esta exposição, comissariada por Eduardo Pires de Oliveira e por Paulo Oliveira, será o último evento das Comemorações Centenárias de André Soares 1720 -1769, uma iniciativa que visou assinalar o terceiro centenário do seu nascimento (1720-2020), bem como os 250 anos da sua morte (1769- 2019) com a relevância que esta figura exige no âmbito da história e identidade da cidade de Braga, mas que, em virtude da pandemia de COVID-19, viu parte do seu programa de atividades adiado para o ano de 2021.

ARTISTA VIANENSE ARTUR PASSOS RETRATA O SONHO DO PESCADOR

Vale sempre a pena ser pescador de sonhos – Cristina Passos 

58656819_10217107547395175_3250824879070511104_n.j

José Artur Rodrigues Passos de seu nome completo, nasceu em 1969, na freguesia de Monserrate, em Viana do Castelo, e é funcionário desde há 20 anos naquele estabelecimento hospitalar, outrora designado por Hospital de Santa Luzia.

Licenciado em Design do Produto, o autor destas e outras obras, desde cedo demonstrou o gosto pelo desenho e pela pintura. Qualquer folha de papel em branco era preenchida pelo o que se lhe passava na alma.

260775969_10209585375988845_5931871101832924610_n.

PINTORA ALBERTINA SANTOS EXPÕE EM MONÇÃO

A artista plástica Albertina Santos realiza uma exposição de pintura, que estará extante ao público desde 30 de Novembro até ao dia 31 de Janeiro, na Sala de Exposições Temporárias da Casa Museu de Monção/Universidade do Minho.

21740835_816046058573973_591123826622564145_o.jpg

Albertina Santos usa uma paleta de cores vivas, dando preferência à pintura acrílica e ao traço a carvão. A figura humana está sempre presente nos seus trabalhos.

O tempo incomum que vivemos, gerador de múltiplos sentimentos e emoções tantas vezes antagónicos, provoca e estimula a criatividade, conseguindo, por si só, dar sentido à variedade temática desta mostra que não é mais do que uma catarse emocional.

A entrada é livre! 

Horário da Sala de Exposições Temporárias da Casa Museu de Monção/Universidade do Minho: 

De terça a sexta feira: das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30; 

sábado das 14h00 às 19h00; 

domingo e segunda feira: encerrada

NORMAS A RESPEITAR NO ÂMBITO DA PANDEMIA: 

A permanência nas instalações da Casa Museu de Monção/Universidade do Minho está condicionada ao respeito pelas medidas implementadas para proteção de todos, nomeadamente:

  • Manter o distanciamento físico.
  • Seguir as indicações existentes.
  • Usar máscara de proteção durante todo o tempo que permanecer no edifício (a CMM não disponibiliza máscaras para os utilizadores).
  • Lavar e/ou higienizar as mãos.

Capacidade máxima de 5 pessoas na Sala de Exposições Temporárias

A colaboração de todos é fundamental.

pastedImage2.png

PINTOR ARCUENSE MUTES EXPÕE NA ALEMANHA

Mutes convidado a expor em Berlim

A convite da Galeria  Von Zeidler Art Gallery, sediada em Westfalische Str 82 Berlim, (Alemanha), o pintor Arcuense Mutes vai estar presente numa exposição de pintura, no dia 19 de Novembro, a 91 th International Cultural Exchange of Arts.

Nesta mostra Internacional de Arte, participam 54 artistas plásticos oriundos de 14 Países.

Esta é a 15 exposição internacional do autor.

Exposição Berlim.jpg

FUNDAÇÃO DE SERRALVES LEVA A BARCELOS EXPOSIÇÃO SOBRE ÂNGELO DE SOUSA

Serralves mostra Ângelo de Sousa: “Quase tudo o que sou capaz” na Galeria Municipal de Arte de Barcelos

Já está patente na Galeria Municipal de Arte de Barcelos a exposição “Ângelo de Sousa: Quase tudo o que sou capaz”, resultado de uma parceria entre a Câmara Municipal de Barcelos e a Fundação de Serralves. A cerimónia de inauguração contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Mário Constantino, da Vereadora da Cultura, Elisa Braga, do Presidente da EMEC, Jorge Cruz, e da Presidente da Fundação Serralves, Ana Pinho.

serr.jpg

Mário Constantino agradeceu a Ana Pinho “a disponibilidade e sensibilidade da Fundação para descentralizar a cultura, permitindo assim que os barcelenses conheçam e usufruam partes significativas do excelente acervo artístico da Serralves”. O autarca fez ainda votos para que estas parcerias possam multiplicar-se.

Por sua vez, Ana Pinho, Presidente da Fundação Serralves, agradeceu o apoio dado pelo Município de Barcelos, salientando a “importância destas exposições itinerantes, enquanto veículos de aproximação de Serralves às comunidades”.

Ângelo de Sousa: desenhos, pinturas e esculturas
A exposição reúne uma seleção de obras da Coleção Serralves que sublinham a importância da contaminação entre disciplinas para a evolução da sua prática artística ao longo da sua carreira. O projeto refuta “a imagem dominante de Ângelo de Sousa como pintor, demonstrando que o desenho e a escultura são não apenas facetas fundamentais da sua obra, como também onde porventura é mais evidente o espírito experimentalista”.

Os trabalhos do artista são caraterizados por uma aparente simplicidade: Ângelo de Sousa tenta obter, nas suas palavras, “o máximo de efeitos com o mínimo de recursos, o máximo de eficácia com o mínimo de esforço, e o máximo de presença com o mínimo de gritos (…). A exposição sublinha esta vontade de trabalhar com elementos simples, ao apresentar algumas das primeiras obras de Ângelo de Sousa, ainda figurativas, mas apontando já para a depuração que viria a caraterizar o artista, lado a lado com os exercícios abstrato-geométricos que o impuseram como um dos maiores estudiosos da cor e da luz”.

A exposição fica patente ao público na Galeria Municipal de Arte, até ao dia 30 de janeiro de 2022, e pode visitar de terça a sexta-feira, das 10h00 às 17h00, e sábados, das 10h00 às12h30 e das 14h00 às 17h30.

Ângelo de Sousa

O artista nasceu em Lourenço Marques a 2 de fevereiro de 1938 e fixou-se no Porto em 1955. Matriculou-se em Belas-Artes, licenciando-se em Pintura com nota máxima de 20 valores.

Viveu e trabalhou na cidade do Porto, onde deu aulas na Escola Superior de Belas-Artes, entre 1962 e 2000, ano em que se jubilou como professor catedrático.

Participou na fundação da Cooperativa Árvore, bem como em inúmeras exposições individuais e coletivas.

BARCELOS APRESENTA NA GALERIA MUNICIPAL DE ARTE DESENHOS DE ÂNGELO DE SOUSA

A Fundação Serralves apresenta na Galeria Municipal de Arte, em Barcelos, a exposição “Ângelo de Sousa: Quase tudo o que sou capaz”, uma mostra que vai estar patente ao público a partir do dia 5 de novembro.

barcelrem.jpg

Este projeto reúne uma seleção de desenhos, pinturas e esculturas (obras da Coleção Serralves) que sublinham a importância da contaminação entre disciplinas para a evolução da sua prática artística ao longo da sua carreira. Nesta exposição, refuta-se “a imagem dominante de Ângelo de Sousa como pintor, demonstrando que o desenho e a escultura são não apenas facetas fundamentais da sua obra, como também onde porventura é mais evidente o espírito experimentalista”.

Os trabalhos do artista são caraterizados por uma aparente simplicidade: Ângelo de Sousa tenta obter, nas suas palavras, "o máximo de efeitos com o mínimo de recursos, o máximo de eficácia com o mínimo de esforço, e o máximo de presença com o mínimo de gritos (…). A exposição sublinha esta vontade de trabalhar com elementos simples, ao apresentar algumas das primeiras obras de Ângelo de Sousa, ainda figurativas, mas apontando já para a depuração que viria a caraterizar o artista, lado a lado com os exercícios abstrato-geométricos que o impuseram como um dos maiores estudiosos da cor e da luz”.

Esta iniciativa integra-se no programa de exposições e apresentação de obras da Coleção de Serralves, especificamente selecionadas para os locais de exposição com o objetivo de tornar o acervo acessível a públicos diversificados de todas as regiões do país.

A exposição fica patente ao público na Galeria Municipal de Arte até ao dia 30 de janeiro de 2022 e pode visitar de terça a sexta-feira, das 10h00 às 17h00 e sábados, das 10h00 às12h30 e das 14h00 às 17h30.

angelo-de-sousa.jpg!Portrait.jpg

Ângelo de Sousa

O artista nasceu em Lourenço Marques a 2 de fevereiro de 1938 e fixou-se no Porto em 1955. Matriculou-se em Belas-Artes, licenciando-se em Pintura com nota máxima de 20 valores.

Viveu e trabalhou na cidade do Porto, onde deu aulas na Escola Superior de Belas-Artes, entre 1962 e 2000, ano em que se jubilou como professor catedrático.

Participou na fundação da Cooperativa Árvore, bem como em inúmeras exposições individuais e coletivas.

Morreu em 29 de março de 2011.

MINHOTOS CANTAM EM LOURES AO MENINO JESUS

À semelhança de anos anteriores à pandemia, os minhotos vão regressar a Loures para recriar os tradicionais cantares ao menino Jesus.

A iniciativa, do Grupo de Folclore Verde Minho, está agendada para o próximo dia 18 de Dezembro, contando-se já com o programa encerrado. O Blogue do Minho divulgará em breve os participantes no evento.

14 AndreGoncalves_ANatividade.jpg

André Gonçalves (1686-1762). Adoração dos Pastores

ARTISTA PAULA BERTEOTTI EXPÕE EM VIANA DO CASTELO

Encontra se a decorrer a exposição de pintura e escultura da artista luso-angolana Paula Berteotti, residente em Esposende, denominada "Essências".

240643215_1063721600829894_2181120646427571728_n.j

A artista aceitou o desafio para retratar algo que a identificasse, resolveu buscar nas suas raízes, as cores quentes, os rostos e olhares de suas gentes.

A exposição está aberta de segunda a sexta-feira, na rua Emídio Navarro 9, Viana do Castelo, no espaço Artmoon Concept Store, até 30de Setembro.

240667655_1460043824382019_100725922557005619_n.jp

240844699_439631277282296_7576530641039685456_n.jp

241233809_229003385832935_2265032500197566427_n.jp

241405393_528804354872186_4865545312282141598_n.jp

241525728_224015479739927_343574842504775840_n.jpg