Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

GUIMARÃES: ESTÁTUA DE D. AFONSO HENRIQUES FOI VANDALIZADA - É PRECISO PUNIR OS RESPONSÁVEIS!

Lamentavelmente, a escultura de D. Afonso Henriques, da autoria de Soares dos Reis, foi no passado fim de semana alvo de um ato de vandalismo.

Mais uma vez, a espada foi quebrada tendo sido encontrado o fragmento no jardim junto à estatua.

Informamos que foi retirada a parte integral da espada, sendo agora encaminhada para restauro.

Assim sendo, sem a sua espada, o Primeiro Rei encontra-se cada vez mais vulnerável.

Compete a cada um de nós a sua proteção!

Para que futuramente estes atos não se repitam, pedimos a colaboração a todos na salvaguarda do Património!

Fonte: https://www.facebook.com/PacodosDuques

245033694_4311104992278785_4379040208635890845_n.j

BRAGA: THEATRO CIRCO É UMA DAS MAIS BONITAS SALAS DE ESPETÁCULOS DE PORTUGAL

Uma das salas de espetáculos e teatro mais bonitas de Portugal fica na cidade de Braga: o Theatro Circo.

Além das magnificas peças a que pode assistir, sugerimos que faça uma visita guiada pelas suas salas e fique a conhecer a beleza dos seus detalhes, desde lustres, os frescos, a talha, entre outros.

Fonte: http://www.portoenorte.pt/pt/porto-e-norte/

242794634_10165534394210463_7229242296036283597_n.

242910983_10165534394330463_5826722053080665319_n.

242563299_10165534394425463_1294685052623685077_n.

242577360_10165534394685463_8846392918077036108_n.

MUNICÍPIO DE BARCELOS ADERE ÀS JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO E AO DIA MUNDIAL DO TURISMO

Descobrir Barcelos através do Património e do Turismo

De 24 a 27 de setembro, o Município de Barcelos associa-se às Jornadas Europeias do Património e à Comemoração do Dia Mundial do Turismo, com um programa plural de atividades numa dinâmica inclusiva.

Jornadas Europeias do Património e ao Dia Mundial

Este ano o objetivo das Jornadas Europeias do Património e do Dia Mundial do Turismo passa pela inclusão, com o objetivo de reunir as pessoas em torno do seu património e da cultura que as envolve.

Com os temas “Património Inclusivo e Diversificado #patrimonioenosso” e “Turismo para um crescimento inclusivo”, o programa começa , no dia 24 de setembro, com uma visita guiada ao Museu de Olaria e oficina temática para grupos com necessidades educativas especiais, sob o mote “Sentir o Património”. A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição obrigatória através do e-mail servicoeducativo@cm-barcelos.pt ou do telefone 253 824 741.

No sábado, 25 de setembro, tem lugar, das 8h30 às 13h00, o programa anual de pedestrianismo “Caminhar para Conhecer Barcelos”, com o percurso “Trilho do Monte do Facho” com passagem pelas freguesias de Alheira, Oliveira, Galegos Santa Maria e Roriz.

Da parte da tarde, das 14h00 às 16h00 e das 16h00 às 18h00, pode usufruir de um passeio de barca no Rio Cávado. A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição obrigatória através do e-mail turismo@cm-barcelos.pt ou do telefone 253 811 882.

Das 14h30 às 18h30, na ludoteca do Museu de Olaria, decorre um encontro de jogos de tabuleiro, destinado ao público em geral. A atividade tem entrada livre, mas sujeita a inscrição obrigatória através do e-mail arqueologia@cm-barcelos.pt ou do telefone 253 824 741.

As atividades terminam no dia 27. Nesse dia, das 14h30 às 17h00, pode participar ainda num percurso criativo, o Mundo Maravilhoso do Figurado de Barcelos, visita guiada no centro histórico de Barcelos ao encontro da instalação artística das esculturas do Figurado. Inscrições obrigatórias através do e-mail turismo@cm-barcelos.pt ou do telefone 253 811 882.

Todas as iniciativas cumprem as medidas de contingência a nível nacional, recomendadas pela OMS e a Direção-Geral de Saúde, tendo sempre presente a segurança e o bem-estar dos munícipes.

PONTE DE LIMA: BENEMÉRITO RECUPEROU EM 1922 A CAPELA DE S. SEBASTIÃO EM VITORINO DE PIÃES

O Ministério da Justiça e dos Cultos - Direcção Geral da Justiça e dos Cultos - 4.ª Repartição, através da Portaria nº. 3159, publicada em Diário do Govêrno n.º 79/1922, Série I de 1922-04-22, Autoriza um cidadão da freguesia dos Piães, concelho de Ponte do Lima, distrito de Viana do Castelo, a reconstruir a capela de S. Sebastião, da referida freguesia, sem encargo algum para o Estado, ao qual continuará pertencendo.

Capturarpiaes.JPG

VIANA DO CASTELO: FESTA DAS ROSAS DE VILA FRANCA CLASSIFICADA COMO PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL

A Câmara Municipal de Viana do Castelo congratula-se com o facto de a Festa das Rosas de Vila Franca ter sido classificada como Património Cultural Imaterial, como consta do anúncio hoje publicado em Diário da República.

festa das rosas.jpg

“A inscrição da Festa das Rosas de Vila Franca no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial responde aos critérios […] relativos à importância da manifestação […] enquanto reflexo da identidade da comunidade em que esta tradição se originou e se pratica”, é referido no anúncio publicado, num despacho assinado pela subdiretora-geral do Património Cultural, Rita Jerónimo, sustentado numa proposta do Departamento dos Bens Culturais da Direção-geral do Património Cultural (DGPC).

Recorde-se que a inscrição agora formalizada surge na sequência de um pedido formulado pela Junta de Freguesia de Vila Franca, apoiado pela Câmara Municipal. Em março passado, o executivo camarário aprovara, por unanimidade, um parecer positivo, "manifestando a total concordância" a este registo por "visar a proteção legal de todo o simbolismo e expressão cultural que as festas representam no plano local e nacional".

O documento sobre a Festa das Rosas destacava ainda “a sua longa história, documentada, pelo menos desde 1622” e o seu “caráter único na continuação dos festivais milenares de invocação da primavera e do renascer do ciclo anual da vida”.

No documento de classificação agora formalizada realça-se “a produção e reprodução que caracterizam esta manifestação do património cultural na atualidade” e que se traduz “em práticas transmitidas intergeracionalmente no âmbito da comunidade, com recurso privilegiado à oralidade e à observação e participação direta”.

A Festa das Rosas é a primeira grande romaria do ciclo anual de romarias alto minhotas e constitui um dos últimos testemunhos vivos do culto à Senhora do Rosário e à oferenda de flores às várias invocações da Senhora, outrora fulgurante na Ribeira Lima. Realiza-se há 399 anos na freguesia de Vila Franca, na margem esquerda do rio Lima, e é conhecida pelos cestos floridos, confecionados com milhares de pétalas de flores. Os cestos, que chegam a pesar mais de 50 quilogramas, são transportados na cabeça por jovens mordomas batizadas em Vila Franca, e que completem 19 anos em maio, numa demonstração de orgulho e fé.