Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

FAMALICÃO ANIMA PARQUE DA DEVESA

Vila Nova de Famalicão acolhe iniciativa nos dias 19, 20 e 21 de julho

O Parque da Devesa de Famalicão é, por excelência, o local ideal para passear, descansar e relaxar pela beleza das suas paisagens verdejantes e o tilintar das águas do rio Pelhe que o atravessa. Este cenário vai tornar-se ainda mais relaxante com a realização de mais uma edição do Famalicão Zen, que vai decorrer já no próximo fim-de-semana, dias 19, 20 e 21.

DSC_0120.jpg

Yoga, meditação, hipnose, pilatos, massagens, oficinas e demonstrações são algumas das atividades que vão decorrer. Ao todo serão cerca de duas dezenas de iniciativas de participação gratuita ao longo dos três dias.

O objetivo é sensibilizar e divulgar as terapias complementares e alternativas para que as pessoas possam procurar as opções mais adequadas para reencontrar e manter o equilíbrio do corpo e da mente, crucial para a saúde e a qualidade de vida.

No decorrer do evento estará patente para visita a exposição de Bonsais de Domingos Cruz.

Promovida pelo R-equilíbrio - Espaço de Medicinas Alternativas, a iniciativa conta com o apoio da Câmara Municipal de Famalicão. Na sexta-feira, a iniciativa abre pelas 18h00 com um workshop de meditação com harshala e termina com uma caminhada colorida, pelas 22h00. No sábado inicia pelas 10h00 com uma aula de pilatos clássico e termina pelas 23h00. No domingo, a iniciativa começa novamente pelas 10h00, com uma aula de pilatos clinico e fecha pelas 19h00. A entrada é livre.

Famalicão Zen

Programa

19 de julho

18h abertura

19h workshop de Meditação com Harshala

21h30m Preparação e aquecimento Caminhada Colorida Famalicão Zen II Edição

22h Caminhada Colorida Famalicão Zen II Edição

23h30 encerramento

20 de julho

10h Aula de Pilates Clássico e Pilates Clínico com Filipe Pereira

11h Palestra " Você é tão jovem como a flexibilidade da sua coluna" com Filipe Pereira

12h Palestra Física Quântica " Evolução Humana" com Gabriela Hernandes

15h Meditação Guiada " Detox" por Franco Costa

16h Palestra de Hipnose /Auto-Hipnose com Conceição Ferreira

17h Palestra e demonstração " Radiestesia com Pêndulo" com Mestre Alexandre

18h Yoga do Riso com Alda Silva

19h Sunset Famalicão Zen com Marta e Inês

21h Danças circulares meditativa com Joana Freitas

21h30m Círculo Feminino com Gabriela Hernandes e Alda Silva

23h encerramento

21 de julho

10h Pilates Clínico com Elisabete Martins

11h Tog Chod com Eveline Cardoso

12h O Divino, o Humano e a Natureza :pistas para uma espiritualidade ecológica com Daniel Faria

15h Aula Auto Massagem " Do In" com Franco Costa

16h Palestra Numerologia com Conceição Ferreira

17h Palestra "Equilíbrio total com múltiplas vantagens" com Mestre Alexandre

18h OM Chanting com Harshala

19h encerramento

  • Exposição de Bonsais de Domingos Cruz, no decorrer do evento.

CARTAZ_famalicao-zen.jpg

PAREDES DE COURA APRESENTA PROJETO “O LOBO E O HOMEM”

Sessão de esclarecimento: 10 julho | Centro Cultural

O projeto ‘O Lobo e o Homem’ vai ser alvo de uma sessão de esclarecimento esta quarta-feira, 10 de julho, pelas 18h00, no Centro Cultural de Paredes de Coura, contando com a presença da Arqª Luísa Jorge, do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, bem como de representantes do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (GNR) e da direção regional de Agricultura e Pescas do Norte.

Coura paisagem.jpg

Este projeto ‘O Lobo e o Homem’ tem como parceiros a Associação Aldeia e o CIBIO – Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto, materializando-se numa importante infraestrutura como a Casa da Biodiversidade, em Castanheira, de apoio aos proprietários vítimas de prejuízos causados pelos ataques de lobos e à investigação científica, uma vez que é nela que também está instalada a base de campo do CIBIO.

“Proteger a biodiversidade não é uma opção, é uma questão de sobrevivência enquanto território sustentável e criativo. No entanto, a proteção do lobo ibérico só se consegue se não nos esquecermos que as pessoas também fazem parte da biodiversidade e, por isso, só as ajudando e trabalhando com elas podemos garantir a proteção do lobo”, defende Vitor Paulo Pereira, presidente da Câmara de Paredes de Coura, para quem "a Casa da Biodiversidade não é o espaço do lobo. É o espaço das pessoas que precisam de ajuda para poder lidar com o lobo. Precisam de ajuda para se proteger, conhecendo-o bem e evitando os seus prejuízos e, sobretudo, para saber como devem agir para serem ressarcidas quando não foi possível protegê-las".

Vitor Paulo Pereira vai mais longe, esclarecendo o que está por trás do projeto ‘O Lobo e o Homem’: “não somos presunçosos ao ponto de dizer que queremos resolver este problema. O que queremos com este projeto é repor algum equilíbrio nesta relação e através desse equilíbrio, garantir a preservação do animal e a qualidade de vida das pessoas", concluiu.

‘O lobo e o Homem’ é um projeto do Município de Paredes de Coura que procura estabelecer um equilíbrio no conflito universal e secular existente entre ambos. Pretende-se, com as suas ações multidisciplinares e multissetoriais, associar valor económico ao lobo e ao seu território apoiando desta forma os lesados pelos seus ataques, em particular, e a comunidade, em geral. A ideia é enfrentar este problema de longa data e transformá-lo numa vantagem para a população, garantindo com isso uma eficaz preservação da espécie. O conflito de outrora ganha contornos diferentes e não permite hoje a escolha entre o lado do lobo ou o lado do Homem; a opção é entre o lado do problema e o lado da solução. Todos podemos persistir nos problemas ou então arriscar e procurar soluções. 

DOWNHILL URBANO E TRIAL BIKE EM PAREDES DE COURA

6 e 7 julho | Paredes de Coura

Paredes de Coura acolhe este fim de semana, 6 e 7 de julho, o 4º Downhill Urbano de Paredes de Coura e o Open de Trial Bike, promovido conjuntamente pelo Município de Paredes de Coura e pela Associação de Ciclismo do Minho, com o apoio da Federação Portuguesa de Ciclismo.

Downhill0262016.jpg

O Downhill Urbano de Paredes de Coura disputar-se-á no domingo, 7 de julho (13h30) – o Open de Trial Bike decorre no sábado entre as 21h00 e as 23h00 --, terá uma pista bastante dinâmica, aproveitando ao máximo o declive natural do percurso, complementada por diversos obstáculos artificiais, pretendendo simultaneamente fazer as delícias dos pilotos em termos de condução e o deleite do público, em termos da espetacularidade das manobras necessárias à transposição dos obstáculos.

A pista do 4º Downhill Urbano de Paredes de Coura, com uma extensão superior a mil metros, tem início no Penedo-do-Milho, integrado no Parque de Lazer do Penedo-das-Vistas, a 453 metros de altitude, um miradouro privilegiado para contemplação da paisagem urbana da vila, bem como de parte do território do concelho de Paredes de Coura.

O epicentro da prova é o Parque Urbano das Portas do Corno de Bico, junto ao Centro Cultural de Paredes de Coura, localização também da porta de chegada. Contígua a esta situa-se o ‘paddock’, a zona de assistência e o parque de carga do transporte até à porta de saída, localizada no Penedo do Milho.

O 4º Downhill Urbano de Paredes de Coura terá prémios monetários em disputa.  A participação (além das categorias de competição, de cadetes a master) é aberta a todos os interessados que poderão participar integrados na categoria de promoção.

Com períodos para treinos entre as 09h00 e as 12h00, a manga de qualificação começará às 13h30 e a manga final (sistema de manga única) às 15h00. A cerimónia de entrega de prémios está marcada para as 17h00.

Programa:

DHU
Sábado - Treinos livres

Domingo

- 9h00 - Abertura do secretariado

- 10h00 - Abertura do circuito para treinos

- 12h00 - Encerramento do circuito e secretariado

- 13h00 - Início da 1ª manga

- 15h00 - Início da 2ª manga

- 17h00 - Cerimónia protocolar

TRIAL
Sábado
- 20h00 – 20h30 - Reunião de comissários - Sorteio e briefing com os atletas

- 21h00 - Início da prova Elite

- 23h00 - Fim da prova Elite e entrega de troféus

Downhill0692016 (1).png

PAREDES DE COURA: OLHA O ROBÔ!

Oficina de Robótica nas férias dos miúdos de Paredes de Coura

terças e quintas | julho

Paredes de Coura convida os miúdos do concelho a frequentar a Oficina de Robótica LEGO®, que neste mês de julho, todas as terças e quintas-feiras, na Caixa dos Brinquedos, lhes abre novos horizontes ao nível do conhecimento e os prepara para o futuro.

IMG_20190216_151003.jpg

“A utilização da robótica como instrumento de aprendizagem estimula a capacidade de abstração dos nossos alunos e permite utilizar esta aptidão em novas áreas do conhecimento”, sugere Vitor Paulo Pereira, presidente da Câmara de Paredes de Coura, argumentando que “os robôs não fazem perguntas, mas são instrumentos aliciantes para os mais novos, além de os preparar para a nova sociedade do conhecimento que já está entre nós”.

IMG_20190216_163326.jpg

Esta Oficina de Robótica LEGO®, que decorre durante o mês de julho, oferece a oportunidade aos jovens entre os 11 e 15 anos de idade de conhecer os principais princípios da construção e programação de robôs EV3. Acresce que o sistema MindStorms da Lego® é uma excelente ferramenta para construção de vários tipos de robôs.

No espaço Caixa de Brinquedos, bem no centro da vila, podem encontrar-se caixas de construções Lego® para montar, pequenas cidades com as quais podem brincar, alterar, acrescentar ou, simplesmente, piscinas com milhares de peças para dar azo à criatividade.

O Município de Paredes Coura conjuntamente com a Comunidade 0937 organiza todos os anos o ‘Arte em Peças’, bem como o Paredes de Coura LEGO® FAN WEEKEND dedicado aos AFOLs - Adult Fan of LEGO®, que decorre de uma iniciativa do departamento AR&P - AFOL Relations & Programs da marca dinamarquesa em apenas três espaços a nível planetário: Skærbæk (Dinamarca), Köbe (Japão) e Paredes de Coura.

IMG_20190323_155453.jpg

PAREDES DE COURA HOMENAGEIA OS COURENSES QUE COMBATERAM NA PRIMEIRA GRANDE GUERRA

Paredes de Coura homenageia com Memorial e livro os seus filhos que intervieram na I Guerra Mundial

6ª feira | 28 jun | 18h00

“Paredes de Coura na I Guerra Mundial - do Armistício à Paz em Versalhes” é evocado esta sexta-feira, dia 28 de junho – data em que se comemora O Tratado de Versalhes, assinado a 28 de junho de 1919, e que inaugurou oficialmente o período de Paz --, com o lançamento do livro inédito ‘O Silêncio e a Voz dos Heróis de Paredes de Coura na I Guerra Mundial’, bem como com a inauguração do Memorial em homenagem aos Combatentes Courenses.

IMG_9065.JPG

“Lembrar é antes de mais uma forma de amar. Uma forma de amar aqueles que deram em sacrifício pelo seu país muitos anos das suas vidas. Outros, porém, tiveram menos sorte e deram a vida toda. Mas a morte, como escreveu Camões, nunca será o final para todos aqueles que por obras valerosas se vão da lei da morte libertando”, o tributo de Vitor Paulo Pereira, presidente da Câmara de Paredes de Coura, recordando também que “nesse tempo dramático, muitas famílias e aldeias inteiras do concelho tiveram vontade de esquecer tempos tão violentos. Mas hoje é imperioso lembrar aqueles que lutaram pelo seu país e pela democracia. Queremos, por isso, que este livro e o monumento que vamos levantar sejam os lugares da memória dos que lutaram. O que de importante significa para nós permanecerá na memória desse lugar. Permanecer é significar”.

IMG_9043.JPG

Lembrar é uma forma de amar

‘O Silêncio e a Voz dos Heróis de Paredes de Coura na I Guerra Mundial’ é uma homenagem aos combatentes courenses que há 100 anos participaram naquele conflito, militares filhos da terra que intervieram nos palcos da Europa e de África, e foi escrito em coautoria por Henrique Rodrigues e Albino Penteado Neiva. Já o Memorial em homenagem aos combatentes courenses tem assinatura do escultor Ricardo Crista e vai permanecer à entrada das Portas de Corno de Bico, na Avenida Cónego Bernardo Chouzal.

“Temos o dever de lembrar que a Europa foi e poderá voltar a ser o mais violento dos continentes. É, por isso, dever cívico combater a força do esquecimento e construir lugares de memória ou de reflexão”, justifica Vitor Paulo Pereira, sublinhando que tanto o livro como o memorial “serão duas pertinentes formas de evocar a memória do altruísmo, do amor e do sacrifício”. Para o autarca, “a História, a permanência, a identidade e grandeza de Portugal estão profundamente ligadas ao contributo valoroso do povo de Coura e dos seus militares. Revemo-nos na ação dos nossos antepassados, nos atos de valentia e de coragem, de abnegação e de patriotismo de todos quantos participaram nessa Grande Guerra”.

Para além destas iniciativas nesta sexta-feira, 28 de junho, no dia seguinte o Arquivo Municipal promove ainda duas conferências temáticas: “Bernardino Machado, a Guerra e a Paz”, da autoria de Norberto Cunha, e “Paredes de Coura na Guerra. Os Heróis Ignorados”, da autoria de Henrique Rodrigues. Entretanto, no Arquivo Municipal, continua patente a exposição “Paredes de Coura na 1ª Grande Guerra”, que foi inaugurada no passado dia 14 de junho.

Recorde-se que o Armistício que pôs fim à I Guerra Mundial ocorreu no dia 11 de novembro de 1918. O Tratado de Versalhes, assinado a 28 de junho de 1919, inaugurou oficialmente o período de Paz.

IMG_20190625_163045.jpg

IMG_20190625_163115.jpg

PAREDES DE COURA FESTEJA O SOLSTÍCIO DE VERÃO

Solstício de Verão. Cividade – Cossourado : Paredes de Coura. sábado | 22 jun | a partir das 18h00

Este sábado, dia 22 de junho, a partir das 18h00, centenas de pessoas sobem ao monte da Cividade em Cossourado, em Paredes de Coura, para juntos celebrarem o Solstício de Verão.

Solstício de Verão 19.jpg

Não faltarão rituais ao pôr-do-sol, queimada à meia-noite, cuspidores de fogo, malabares, peças de teatro, música celta, gaitas de foles e bombos, recriando tempos idos no Povoado Fortificado de Cossourado, um povoado que remonta à idade do ferro e em cujo território todos os anos se festeja a união do Pai Sol e da Mãe Terra.

Promovido pela Associação A Cividade, em colaboração com o Município de Paredes de Coura, esta celebração do Solstício de Verão acontece todos os anos no sábado mais próximo do dia do solstício, no Povoado Fortificado de Cossourado.

Ao fim da tarde o cenário está pronto para começar a receber os convivas. Os petiscos e bebidas combinam saborosamente com aquele ambiente natural. A festa prolonga-se enquanto houver convivas até ao nascer de um novo dia, celebrando a vida e saudando a entrada num novo verão.

PAREDES DE COURA ASSINALA DIA INTERNACIONAL DO YOGA

Yoga vai às IPSS: Dia Internacional do Yoga

21 jun | Paredes de Coura

Os utentes das Instituições Particulares de Solidariedade Social de Paredes de Coura vão associar-se ao Dia Internacional do Yoga, que se evoca esta sexta-feira, dia 21 de junho, recebendo aulas de yoga.

pcyog (1).JPG

Numa iniciativa promovida pelo Município de Paredes de Coura conjuntamente com a Casa Satya - Associação Eco-Multicultural de Desenvolvimento da Consciência Humana, a Estrutura Residencial para Idosos da Santa Casa e de Moselos, o Centro de Atividades Ocupacionais da Santa Casa, o Centro de Dia de S. Martinho de Coura e os Centro de Convívio de Romarigães OUSAM e de S. Bento vão ter aulas de yoga para os seus utentes.

Com este 1º encontro de Jornadas de Reflexão - Yoga Para Todos, integrado na comemoração do Dia Internacional do Yoga, pretende-se promover o conhecimento de Yoga em diversas vertentes para um público diversificado.

Para além de práticas de Yoga e meditação a realizar esta sexta-feira, e disponíveis de forma gratuita para todos os participantes e interessados, no sábado, dia 22 de junho, os participantes serão convidados para uma incursão ao mundo do Yoga na aplicação da vida quotidiana. Na verdade, o Yoga vai muito mais além das práticas realizadas no tapete, pois as práticas e princípios do Yoga podem e devem ser aplicadas durante o dia-a-dia.

A jornada do dia 22 de junho abrange um ciclo de conversas, onde os convidados irão abordar o Yoga de forma simples e objetiva, desde temáticas como os benefícios do Yoga nas crianças e sua educação, o papel do Yoga na saúde e bem-estar, a alimentação na visão do Yoga e o que é o Yoga.

Os benefícios da prática de Yoga estão comprovados e o propósito com a realização deste evento é beneficiar todas as pessoas que tenham o interesse de buscar ferramentas importantes para conhecer a si mesmo e viver de uma maneira mais saudável e harmoniosa consigo mesmas, com o planeta e com a sociedade como um todo, com esse conhecimento milenar reconhecido como Património Imaterial da Humanidade.

Programa:

21 de junho | Práticas de Yoga

9h45 Aulas de Yoga com as IPSS aderentes

19h00 Aula aberta de yoga na Praia do Taboão, se as condições atmosféricas o permitirem

20h00 Meditação

22 de junho | Palestras na Casa do Conhecimento

08h30 – Boas vindas

09h00 – Começamos por... RESPIRAR CONSCIENTE!

09h30 – Ivone Apolinário do projeto O Mundo Somos Nós. Título: “Yoga e educação”

10h15 – Mónica Crespo e Jesús Carrazoni de Quatro Sendas – Yoga, música e Ayurveda. Título: “Yoga e Ayurveda: ciencias da vida”

11h00 – Coffee Break

11h15 – André Amorim gestor do Restaurante Hibiscus e da Clínica de Medicina Integrativa Naturena. Título: “Jejum e Alimentação para a Consciência”

12h00 – Paulo Vieira do Centro Arsha Vidya - Centro de Estudos de Vedānta, Sânscrito, Yoga e Preces Tradicionais Indianas. Título: “O que Vedanta, o Autoconhecimento?”

12h45 – Mesa de chai (chá indiano) e espaço aberto a perguntas

13h15 - 13h30 – Kirtan (canto devocional) e Namaste!

pcyog (2).JPG