Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MELGAÇO: CAÇA AOS OVOS NAS VINHAS DE ALVARINHO

De 6 a 22 de abril, Melgaço

Para o Soalheiro a cultura do vinho tem a ver com a entrega, com a dedicação e com o simbolismo do momento.

Com o objetivo de valorizar as particularidades do terroir de Monção e Melgaço: A Origem do Alvarinho e demonstrar que a cultura do vinho tem a ver com a entrega, com a dedicação e com o simbolismo do momento, o Soalheiro propõe uma Caça aos Ovos nas vinhas. A iniciativa decorre nas férias da Páscoa (entre 6 e 22 de abril) e destina-se a qualquer um que queira desfrutar de uma experiência diferente, independentemente da idade.  Este passeio temático é oferecido em qualquer reserva de visita ao Soalheiro e pode ser efetuado de segunda-feira a domingo, incluindo feriados.

caça aos ovos soalheiro.jpg

Integrando a Rota do Vinho Verde Alvarinho, os visitantes podem descobrir nas próprias vinhas as várias dimensões da casta. A produção rege-se por todos os princípios da sustentabilidade, estando ali em perfeita harmonia com a natureza. O contacto com a flora tradicional, a ecologia e a vindima, em função da data da visita, tornará estes passeios inesquecíveis.

Alvarinho-Soalheiro-Magusto-Solidário-Melgaço (170).JPG

CHEFS ESTRELAS MICHELIN PREPARAM EM MELGAÇO JANTAR COM LAMPREIA E ALVARINHO

No dia 29 de março

O momento é aberto ao público, mas tem inscrições limitadas, até 27 de março

No dia 29 de março, em Melgaço, três Chefs Estrelas Michelin - Vitor Matos, Óscar Geadas e António Loureiro - vão confecionar “Ensaios sobre a Lampreia do Rio Minho”, experiências gastronómicas únicas e irresistíveis, harmonizadas com Alvarinho. A sobremesa será confecionada pelo Chef Eurico Castro, que também harmonizará com Alvarinho. O jantar acontece no Monte de Prado Hotel & SPA, pelas 20h00. É aberto ao público, mas tem inscrições limitadas, até 27 de março.

image004lamprimi.jpg

A Lampreia do Rio Minho será conjugada, na perfeição, com os aromas de sete vinhos de Melgaço.Uma homenagem a dois produtos endógenos que levam a Melgaço cada vez mais apreciadores.Durante aquele momento, os participantes terão a oportunidade de conversar com os próprios produtores e entender melhor a escolha da harmonização.

NA MESA ESTARÃO DELICIOSAS PROPOSTAS ACOMPANHADAS POR DIFERENTES ALVARINHOS DE MELGAÇO

Já lá vão os tempos em que a lampreia era apreciada de uma forma muito tradicional: cada vez mais são exploradas outras formas de cozinhar este ciclóstomo, amado por uns e odiado por outros.

O Chef Vitor Matos, vai preparar Foie Gras & Lampreia Fumada, harmonizado com Soalheiro Dócil, e Lampreia & Bivalves, harmonizado com Quinta do Regueiro Barricas. O Chef António Loureiro vai dedicar-se à Lampreia & Beterraba com Poema Reserva e à Lampreia à Bordalesa, harmonizada com Anselmo Mendes Pardusco Private. Já o Chef Óscar Geada irá preparar Lampreia ao Sal, harmonizada com espumante Dom Ponciano Extra Bruto, e Cuscus de Lampreia & Barbada de Porco Bísaro, harmonizada com Valados de Melgaço ReservaCastanha e Leite de Cabra Prados de Melgaço é a sugestão de sobremesa do Chef Eurico Castro, harmonizada com QM Colheita Tardia Superior. Para acompanhar o jantar estará também à mesa um outro produto endógeno de grande qualidade, as Águas de Melgaço.

As inscrições podem ser realizadas aqui, até dia 27 de março.

A ação acontece no âmbito da iniciativa “Lampreia do Rio Minho – Um Prato de Excelência” que, até dia 15 de abril, é promovida pela ADRIMINHO e pelos seis municípios do Vale do Minho – Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira. A Lampreia do Rimo Minho constitui um valioso cartão-de-visita da região. Durante este período os vários municípios propõem várias atividades, entusiasmando à descoberta da riqueza patrimonial e paisagística da região.

O evento é da organização do Município de Melgaço com o patrocínio da Repsol e em parceria com diversas entidades: Anselmo Mendes, Dom Ponciano, EPRAMI, Monte de Prado Hotel & SPA, Poema, Quintas de Melgaço, Quinta do Regueiro, Soalheiro, Valados de Melgaço e Vista Alegre.

MELGAÇO OFERECE UM FIM DE SEMANA DE SABORES E MUITO MAIS

Dias 22, 23 e 24 de março

No Destino de Natureza Mais Radical de Portugal

Bifes de presunto, cabrito do monte, bucho doce e alvarinho. Estas são as propostas para o Fim de Semana Gastronómico em Melgaço, nos dias 22, 23 e 24 de março. Uma irresistível proposta para Discover Melgaço.

image005melgaç (1).jpg

O Município associou-se uma vez mais à iniciativa «Fins de Semana Gastronómicos», promovida pela Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, e pretende atrair ao concelho os apreciadores da boa mesa. Vários restaurantes, aderentes à iniciativa, fazem as delícias de quem se quer perder na descoberta da gastronomia melgacense: Adega do Sabino, Adega do Sossego, Boavista, Floral de Melgaço, Mira Castro, Mini-Zip, Miradouro do Castelo, O Adérito, O Brandeiro, Paris, Serra, Tasquinha da Portela, Verde Minho, Chafarix, O Vidoeiro e Tasquinha de Melgaço. Nestes dias, os vários restaurantes dão as boas-vindas aos clientes com um copo de vinho.

No âmbito da iniciativa, há também um conjunto de alojamentos que apresentam 20% de desconto para as noites de sexta e sábado, nomeadamente: Solar do Castelo, Casa da Cevidade, Quinta de Remoães, Melgaço Alvarinho Houses, Hotel Monte Prado & SPA, Hotel Mira Castro, Hotel Boavista, Quinta do Reguengo, Casa Fonte do Carvalhinho, Casa do Xisto, Casa da Bica, Casa do Castanheiro, Casa do Piorno, Casa do Faval, Casa da Alagoa, Casa dos Barreiros, Casa da Macheta, Casa de Cabreiros, Casa Fonte do Laboreiro, Casa das Pesqueiras, Casa da Costa, Casa de S. Marcos, Camping das Termas do Peso, Campismo de Lamas de Mouro.

image005melgaç (2).jpg

Todas as informações respeitantes aos restaurantes e alojamentos estão disponíveis aqui.

Durante estes dias, o Destino de Natureza Mais Radical de Portugal proporciona também uma panóplia de atividades para quem quiser Descobrir o que Melgaço Tem: provas de alvarinho e de queijos, visitas aos espaços museológicos, a um centro de artesanato, à Porta de Lamas de Mouro e atividades radicais e de natureza.

ENOTURISMO - ROTA DO ALVARINHO

- Provas gratuitas de vinho Alvarinho nas adegas aderentes à Rota do vinho Alvarinho (Reguengo de Melgaço / Castaboa / Quintas de Melgaço / Quinta de Soalheiro / Solar do Alvarinho)

Marcação prévia no Solar do Alvarinho

Tel. 251 410 195 | solardoalvarinho@cm-melgaco.pt

image005melgaç (3).jpg

REDE MELGAÇO MUSEUS

- Entrada gratuita na Rede Melgaço Museus (Núcleo Museológico da Torre de Menagem, Museu do Cinema Jean Loup Passek, Museu Memória e Fronteira, Núcleo Museológico de Castro Laboreiro)

QUEIJARIA PRADOS DE MELGAÇO

Visita à ordenha e provas de queijos de cabra

Marcações:

Tel. 251 414 093 | www.pradosdemelgaco.pt | geral@pradosdemelgaco.pt

“ARTES” - CENTRO DE ARTESANATO

Trabalho ao vivo de artesanato | bonecas com trajes típicos

Provas de bucho doce

Marcação prévia até 20 março

Tel. 251 402 133 | artes_rosamaria@hotmail.com

PORTA DO PNPG DE LAMAS DE MOURO | REDE DE PERCURSOS PEDESTRES

Conhecer o Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), uma das sete maravilhas naturais de Portugal e a mais antiga área protegida do país. A "Porta de Lamas de Mouro" é uma estrutura de receção, interpretação, animação e educação ambiental do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Marcações em:

Tel. 251 465 010 | portadelamas@cm-melgaco.pt

RAFTING NO RIO MINHO | TRILHO DAS PESQUEIRAS DO RIO MINHO | SALTO PENDULAR | RAPPEL SUSPENSO

(desconto de 20% em todas as atividades)

Marcações em:

Tel. 251 402 155 Tlm: 967 006 347 | www.melgacoradical.com | geral@melgacoradical.com

PASSEIO COM PASTORES PELO HABITAT DO CABRITO DA SERRA | ARVORISMO, ESCALADA, RAPPEL E SLIDE | PASSEIO TODO TERRENO PELO PLANALTO DE CASTRO LABOREIRO I À DESCOBERTA DA CABRA MONTÊS – PERCURSO PEDESTRE

(desconto de 30% em todas as atividades)

Marcações em:

Tel. 251 466 041 | www.montesdelaboreiro.pt | geral@montesdelaboreiro.pt

image005melgaç (4).jpg

PROJETO GERMINAR: TRABALHO NA VINHA CAPACITA JOVENS COM DIFICULDADE INTELECTUAL PARA O EXERCÍCIO DA AUTODETERMINAÇÃO

Clube de Produtores Monovarietais do Vinho Verde, Soalheiro, L´Campo e APPACDM – Centro de Valença desenvolvem projeto social, em meio laboral, para promover integração social sustentável

Com o objetivo de promover a integração social de jovens e adultos com dificuldade intelectual e de desenvolvimento, nasceu o projeto Germinar que passa pela integração dos utentes, da Delegação de Valença da APPACDM - Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental, no trabalho na vinha de forma a promover o seu desenvolvimento pessoal, profissional e emocional sempre em função das competências ajustadas a cada perfil de integração. Trata-se de um projeto social encabeçado pelo Clube de Produtores de Monovarietais do Vinho Verde, promovido pelo Soalheiro, desafiado por um casal produtor de uvas que integra o Club de Produtores – a exploração vitícola L’Campo.

Projeto Germinar (2).jpg

O motor central do projeto é António Matos, que para além de produtor de uvas é também Técnico Superior de Serviço Social e está a fazer o acompanhamento in loco dos jovens que já iniciaram o trabalho nas vinhas. Para o gestor do projeto “o meio laboral é um grande veículo, catalizador da participação social, onde nos podemos sentir integrados como fazendo parte de algo, co-construtores da sociedade/realidade e de nós mesmos, um lugar onde pode emergir o sentimento de autorrealização”. Salientando, “este projeto, quer fazer germinar este sentimento nas pessoas”.

Projeto Germinar (5).jpg

A expetativa é, em breve, desenvolver um produto que possa autossustentar economicamente esta parceria. Pretende-se uma participação colaborante da sociedade, não numa logica de caridade, mas numa lógica de reconhecimento da qualidade do produto produzido com a participação destas pessoas, que de outra forma não teriam essa possibilidade. Para a Diretora da APPACDM – Centro de Valença, Helena Pereira, “este projeto é uma oportunidade de contribuir para o desenvolvimento de um conjunto de competências inerentes ao trabalho feito diariamente na instituição.  Capacitar para o exercício da autodeterminação destes jovens, principalmente focando um setor tradicional da nossa região, fará certamente a diferença no seu futuro”. Reforçando, “Um vinho que tenha no seu rótulo a génese do trabalho destes jovens, ao ser servido vai despertar consciências para a igualdade de oportunidades e capacidades e, acima de tudo, consciencializar para a contributo laboral válido que podem dar”.

Mas o desafio lançado não fica pelo trabalho na vinha. Os utentes da instituição irão ainda conceber o rótulo e a caixa para o produto final. “O que vamos dar é a energia inicial e ceder a estrutura. A nossa energia é o nosso trabalho. Queremos que o projeto cresça e possa em breve integrar mais gente. É uma obrigação das empresas partilhar o que corre bem com a sociedade. O apoio social deve ser algo inerente à política de desenvolvimento sustentável.” afirmam os produtores do Soalheiro.

Projeto Germinar (36).jpg

UM ESTENDAL DE POESIA PELAS RUAS DE MELGAÇO

Inscrições até dia 19 de março

Melgaço desafia à escrita de poemas para o “Estendal de Poesia”, uma iniciativa que promete, uma vez mais, surpreender quem passar pelo Largo Hermenegildo Solheiro.

Estendal de Poesia (6).jpg

“Estendal de Poesia” aconteceu pela primeira vez em 2018. Trata-se de uma instalação que junta tradição e inovação: no Largo serão pendurados textos alusivos à poesia, formando um verdadeiro “Estendal de Poesia”, para ser apreciado por todos.

Todos podem participar, até ao dia 19 de março. Os poemas têm de ser escritos em folha A5, estarem devidamente identificados e plastificados, sob pena de exclusão. Os trabalhos devem ser entregues na Casa da Cultura ou na Biblioteca Municipal, mas na impossibilidade de serem entregues presencialmente nos referidos espaços, é possível enviar via e-mail: bibliotecamunicipal@cm-melgaco.pt.

A iniciativa comemora o Dia Mundial da Poesia, que se assinala a 21 de março. A data foi criada na 30ª Conferência Geral da UNESCO, a 16 de novembro de 1999. Este Dia celebra a diversidade do diálogo, a livre criação de ideias através das palavras, da criatividade e da inovação. A data visa fazer uma reflexão sobre o poder da linguagem e do desenvolvimento das habilidades criativas de cada pessoa.

Estendal de Poesia (10).jpg

Estendal de Poesia (12).jpg

MELGAÇO CONVIDA TODAS AS MULHERES A VISITAREM OS ESPAÇOS MUSEOLÓGICOS DO CONCELHO

Esta sexta, Dia Internacional da Mulher

À noite há concerto musical com Hourglass

No dia 8 de março (sexta-feira), Melgaço comemora o Dia Internacional da Mulher com entradas gratuitas nos espaços museológicos do concelho. Todas as Mulheres são convidadas a desfrutar de uma visita ao Núcleo Museológico da Torre de Menagem, ao Núcleo Museológico de Castro Laboreiro, ao Museu de Cinema Jean Loup Passek e ao Espaço Memória e Fronteira. A ação enquadra-se na iniciativa «Cultura + Mulher» com o propósito de promover e divulgar a cultura da região.

Cartaz_C+Mulhermelga.png

A Porta de Lamas de Mouro, a Casa da Cultura e o Solar do Alvarinho são outras das sugestões de Melgaço para este dia. As visitas poderão ser realizadas livremente dentro dos horários de funcionamento dos espaços:

Horário dos Museus e da Porta de Lamas de Mouro

Abril – setembro: das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 18h00

Outubro – março: das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 17h00

Encerrados nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 1 de janeiro, e todas as segundas-feiras e domingo de Páscoa.

A Oficina Temática da Porta de Lamas de Mouro encerra à segunda-feira, mas a receção está aberta ao público.

Horário do Solar do Alvarinho

Sala de Prova, Loja e Bar

Abril – setembro: das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 19h00

Outubro – março: das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 18h00

Encerra no domingo e segunda-feira de Páscoa, nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 1 de janeiro

MÚSICA PARA A NOITE

Naquele dia, “All Music Fest” regressa à Casa da Cultura, desta vez com Hourglass, pelas 22h00. Sob o tema “Pão & Rosas”, a banda vai interpretarcanções que celebram o papel da Mulher como fonte de beleza e amor, dando destaque ao seu papel na sociedade. O tema envolve o conceito “Pão e Rosas” expresso numa música tradicional Inglesa “Bread and Roses (We fight for bread, we fight for roses too)”.

O espetáculo vai ter um toque especial com a transformação da Sala de Exposições num “Café Concerto”, tornando o ambiente mais descontraído, e possibilitando, deste modo, o serviço de Bar. As Mulheres vão ter oferta de Espumante.

MELGAÇO E GALIZA PLANEIAM A CRIAÇÃO DO TROFÉU MINHO – GALAICO

Uma aposta no ciclismo

A empresa municipal Melsport - Melgaço, Desporto e Lazer, E.M., a Associação de Ciclismo do Minho (ACM) e a Federação Galega de Ciclismo (FGC), reuniram em Melgaço para definir estratégias de promoção do ciclismo e do desporto na zona Minho e da Galiza. Um dos objetivos é a criação do Troféu Minho – Galaico, referente a algumas vertentes de ciclismo, nomeadamente o ciclocrosse, modalidade que se encontra bastante enraizada na Galiza.

Reunião de trabalho melgaço.png

As entidades pretendem promover, conjuntamente, eventos e provas de ciclismo pontuáveis para as duas Federações. Neste contexto, está em cima da mesa a criação do troféu Minho – Galaico para algumas vertentes de ciclismo, nomeadamente o ciclocrosse, modalidade que se encontra bastante enraizada na Galiza. O V XCO Vila de Melgaço, a 5 de maio, será o primeiro evento de ciclismo que contará com a presença de escolas de BTT da vizinha Galiza, em virtude da reunião realizada. Em análise esteve também a concertação de calendários dos eventos na zona do Minho e da Galiza, com o propósito de não prejudicar o sucesso de cada um e de promover a participação de atletas portugueses em eventos realizados na Galiza e vice-versa.

“O desporto é uma alavanca de desenvolvimento da economia local e é este caminho que queremos potenciar. Melgaço já é uma referência para a prática de desportos de aventura e de deporto com cariz competitivo e/ou de lazer! É nossa intenção continuar a apostar no desporto. Assim, em 2019 reforçamos a aposta nas provas de ciclismo de estrada, com o acolhimento das competições mais importantes no panorama nacional”, afirma José Adriano Lima, Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Melgaço.Melgaço tem vindo a promover eventos desportivos de referência, a nível regional, nacional e internacional, atraindo atletas de vários pontos do País, mas também de Espanha. “Este sucesso muito se deve ao seu “braço armado” para o desporto que é a empresa municipal Melsport, EM., a qual tem ao seu dispor equipas de trabalho qualificadas que se envolvem nos diferentes projetos desportivos e que nos permitem a todos alcançar o sucesso”, realça o José Adriano Lima, também Presidente da Melsport.

Na reunião de trabalho estiveram presentes os responsáveis das três entidades, nomeadamente: José Adriano Lima, no título de Presidente da Melsport, Igor Moreira e Jorge Domingues, Técnicos da empresa municipal, José Luís Ribeiro, Presidente da ACM, Nuno Lopes, Secretário Técnico da ACM, Juan Carlos Muñiz, Presidente da Federación Galega de Ciclismo (FGC) e Guillermo Sande, Técnico da Federação.

ASSOCIAÇÃO DE CICLISMO DO MINHO ATRIBUIU TÍTULO DE SÓCIA HONORÁRIA À CÂMARA MUNICIPAL DE MELGAÇO

A ACM considera que Melgaço Tem condições de excelência para a prática do ciclismo e para acolher e organizar grandes eventos. É neste âmbito que se têm renovado parcerias de sucesso entre o Município, a ACM e a Melsport. Uma aposta que contribui não apenas para a promoção de Melgaço e desenvolvimento da economia local, mas, sobretudo, estimula a prática desportiva, nomeadamente do ciclismo.

Recorde-se que Melgaço recebe em 2019 os Campeonatos Nacionais de Ciclismo de Estrada das categorias de Elites e Sub 23, assim como o Grande Prémio do Minho e provas da Taça de Portugal e do Campeonato do Minho de BTT Maratonas, Ciclocrosse e Cross Country Olímpico.

Os eventos:

  • Taça de Portugal de Ciclocrosse: 20 de janeiro
  • IV Maratona de BTT de Melgaço Ukubo, pontuável para a Taça de Portugal: 17 de março
  • V BTT XCO de Melgaço, integrado no Campeonato do Minho de BTT XCO - SCORE Tech: 5 de maio
  • Campeonatos Nacionais de Elites e Sub 23: de 27 a 30 de junho
  • Grande Prémio do Minho (juniores): de 26 a 28 de julho

Centro de estágios de melgaço (4).jpg

SELEÇÃO NACIONAL SUB-21 DE ANDEBOL VAI TREINAR EM MELGAÇO

Em julho, a equipa estará em preparação para o Campeonato do Mundo Espanha 2019

A Seleção Nacional sub-21 de andebol (juniores, masculinos) escolheu o Centro de Estágios de Melgaço para se preparar para o Campeonato do Mundo Espanha 2019. Estará em estágio entre 10 e 14 de julho.

Centro de estágios (66).jpg

Esta formação é a primeira de muitas que se esperam, resultado do recente protocolo que a empresa municipal Melsport - Melgaço, Desporto e Lazer e a Federação de Andebol de Portugal assinaram. No âmbito desta parceria, as duas entidades pretendem, ao longo de 2019, promover várias atividades e eventos no Centro de Estágios de Melgaço.

Numa estratégia planeada, o Destino de Natureza Mais Radical de Portugal afirma-se, uma vez mais, como uma opção acertada para a prática do desporto. "O Centro de Estágios tem excelentes condições para acolher equipas das mais diversas modalidades, para a realização dos seus estágios. Está posicionado como um dos mais modernos, melhor equipados e mais completos complexos desportivos. É uma referência no desporto! Não é por acaso que nos continuam a escolher!” atenta o Presidente da Câmara Municipal, Manoel Batista, não deixando de enaltecer a beleza da região: “É, sem dúvida, uma excelente promoção para o território. Quem visita o nosso concelho fica fascinado com a sua beleza natural e com a excelente gastronomia que temos’.

Centro de estágios (84).jpg

Com uma localização privilegiada e inserido num espaço natural de rara beleza, o Centro de Estágios de Melgaço, um centro de treinos oficializado pela UEFA, tem sido a escolha de equipas de vários cantos do mundo, e de várias modalidades: Espanha, França, Itália, Canadá, Austrália, China, Qatar, Marrocos, Guiné Equatorial, Roménia, Angola, Polónia, Dinamarca, Rússia, Suíça, Nigéria, são alguns dos exemplos.

O Centro de Estágios de Melgaço é um espaço idealizado e construído de forma a oferecer um serviço de elevada qualidade, com equipamentos adjacentes que visam a atividade desportiva, tanto na vertente lúdica como na vertente competitiva ao mais alto nível. O complexo constitui-se como um polo dinamizador do desenvolvimento do desporto, lazer e turismo na região.

Divide-se em duas grandes áreas: a área de lazer, com diversos equipamentos que permitem a prática do desporto de manutenção e equipamentos destinados a atividades lúdicas e culturais; e a área destinada ao desporto de alta competição, servida por infraestruturas capazes de acolher diversas modalidades, tanto para competição como para treino. É nesta última área que se situa o Centro de Estágios, dotado de um conjunto de equipamentos próprios, disponibilizados em exclusivo aos clubes em estágio. É composto por estádio de futebol, pista de atletismo, campo de treinos, balneários, clube de saúde, ginásio de manutenção, salas de tratamentos e massagem, entre outros. Estes equipamentos encontram-se vedados ao exterior, mas interligados entre si, visando oferecer as condições necessárias a um melhor estágio, em segurança, tranquilidade e com privacidade.

Centro de estágios de melgaço (5).jpg

SOLAR DAS BOUÇAS APRESENTA NOVAS COLHEITAS E ESTRATÉGIA PARA O FUTURO

Decorreu na passada sexta-feira, dia 22 de fevereiro, a apresentação das novas colheitas da Quinta Solar das Bouças. O evento serviu ainda para apresentar o novo posicionamento da marca, tanto na vertente produtiva como na nova dinâmica da atividade turística.

Solar da Boua-23.jpg

As colheitas apresentadas, “Solar das Bouças Loureiro 2018” e “Solar das Bouças Alvarinho 2017” serviram de pretexto para a apresentação de estratégias para o futuro. “Queremos ter uma oferta premium em termos de alojamento, aliando uma forte vertente cultural, para que o Solar das Bouças possa ser uma marca na região”, anunciou António Ressurreição, administrador da sociedade.

A Quinta Solar das Bouças dispõe de 3 magnificas unidades de alojamento (2 casas e 1 solar) com piscina e uma propriedade que se estende ao longo de 37 hectares (22,5 de vinhas). Todos os alojamentos são disponibilizados em regime de exclusividade e estão totalmente equipados.

O Solar das Bouças remonta a meados do séc. XVIII, sendo o seu nome associado à excelência dos Vinhos Verdes que produz, torna-se num ponto incontornável da Rota dos Vinhos Verdes e do Turismo Minhoto.

Depois de um período de menor exposição, é pretensa da nova administração a recuperação do prestígio da marca Solar das Bouças e de fazer com aquele espaço seja «muito mais do que uma quinta de vinhos».

D5AAE8AD1B52442CB9CDE8254B6CAD07.jpg

Solar da Boua.jpg

Solar da Boua-8.jpg

PROJETO GERMINAR PROMOVE INTEGRAÇÃO SOCIAL NA VINHA

Clube de Produtores Monovarietais do Vinho Verde, Soalheiro, L´Campo e APPCDM – Centro de Valença desenvolvem projeto social

Assinatura do protocolo - 7 de março, 14h00, Valença

No próximo dia 7 de março, o Clube de Produtores de Monovarietais do Vinho Verde dá o primeiro passo na criação conjunta de um projeto social, em parceria com o Soalheiro, a exploração vitícola L’Campo e com a Delegação de Valença da APPACDM - Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental. Com o projeto Germinar, o Soalheiro, primeira marca de Alvarinho de Melgaço, desafiado por um casal produtor de uvas que integra o Club de Produtores por eles promovido, associa-se à APPACDM – Centro de Valença para juntos fomentarem um Projeto que visa a integração social de jovens e adultos com dificuldade intelectual e de desenvolvimento. A assinatura do protocolo está agendada para as 14h00, no Centro de Valença da APPACDM.

Este projeto passa pela integração dos utentes da APPACDM no trabalho na vinha de forma a promover o seu desenvolvimento pessoal, profissional e emocional sempre em função das competências ajustadas a cada perfil de integração. O motor central do projeto é António Matos, que para além de produtor de uvas é também Técnico Superior de Serviço Social e irá fazer o acompanhamento in loco de todos os elementos.

Depois de um ano de intenso trabalho e criação de sinergias, estão reunidas as condições para avançar de uma forma sustentada. A expetativa é, em breve, desenvolver um produto que possa autossustentar economicamente esta parceria. Pretende-se uma participação colaborante da sociedade, não numa lógica de caridade, mas numa lógica de reconhecimento da qualidade do produto produzido com a participação destas pessoas, que de outra forma não teriam essa possibilidade.

MELGAÇO GARANTE ACESSO A MEDICAMENTOS AOS MAIS CARENCIADOS

No âmbito do Programa abem: Rede Solidária do Medicamento

O Município de Melgaço e a Dignitude assinaram hoje, no Solar do Alvarinho, um protocolo de colaboração do Programa abem: Rede Solidária do Medicamento. A presente formalidade tem por objetivo garantir o acesso ao medicamento em ambulatório aos cidadãos que não têm capacidade financeira para os adquirir. «Um passo para o combate às assimetrias entre classes sociais do concelho.», atenta o autarca de Melgaço, Manoel Batista.

Programa abem melgaco (1).JPG

Ao abrigo deste protocolo, as duas entidades vão colaborar na implementação de estratégias de mobilização da sociedade para os objetivos de filantropia e de solidariedade subjacentes ao Programa abem. Os destinatários são os cidadãos beneficiários de prestações sociais de solidariedade, mas também todos os que se deparem com uma situação inesperada de carência económica, decorrente de desemprego involuntário ou de doença incapacitante, entre outras situações de carência que poderão ser também consideradasA Dignitude, Instituição Particular de Solidariedade Social, sem fins lucrativos, é a responsável pelo desenvolvimento, operacionalização e gestão deste Programa, sempre em articulação com o Município.

Programa abem melgaco (9).JPG

O Programa abrange, exclusivamente, os medicamentos quando prescritos em receita médica e comparticipados pelo SNS. É conferido ao beneficiário abem o direito a um apoio adicional ao atribuído pelo SNS, que pode ir até ao máximo de 100% do PVP dos medicamentos prescritos, ou 100% do PVP5, quando aplicável. Os beneficiários poderão escolher livremente a farmácia. O Município compromete-se a financiar anualmente em 100€ da comparticipação solidária abem por cada beneficiário identificado e registado pelo mesmo. Os restantes montantes ficarão a cargo do Fundo Solidário abem.

Na sessão estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal de Melgaço, o Presidente da Delegação do Norte da Associação Nacional das Farmácias e Diretor da Associação Dignitude, Francisco Faria, e a Gestora de Parcerias, Mariana Rolinho.

Programa abem melgaco (12).JPG

MARATONA DE BTT DE MELGAÇO JÁ TEM INSCRIÇÕES ABERTAS

Pontuável para a Taça de Portugal de XCM e para o Campeonato do Minho BTT XCM - Discover Melgaço

Abriram hoje as inscrições para a IV Maratona de BTT de Melgaço – Ukubo. O Destino de Natureza Mais Radical de Portugal recebe a prova a 17 de março, pontuável para a Taça de Portugal de XCM (1ª etapa) e para o Campeonato do Minho BTT XCM - Discover Melgaço (2ª etapa).

Maratona_BTT_2019.png

Por entre trilhos e caminhos rurais, esta assume-se como uma excelente oportunidade para os atletas Descobrirem Melgaço. A prova prevê a inscrição nas categorias de competição, lazer e de paraciclismo e contempla diferentes percursos: Maratona Elite | Taça de Portugal de XCM – Federados - 80km (acumulado aproximado subida/descida – 2420m); Maratona Curta | Taça de Portugal de XCM – Federados - 60 km (acumulado aproximado subida/descida – 1657m); Maratona Curta – 60km (acumulado aproximado subida/descida – 1657m); e Meia Maratona – 40km (acumulado aproximado subida/descida – 1214m).

As inscrições terminam a 13 de março: as de Competição podem ser feitas em www.fpcilismo.pt e as de lazer poderão ser submetidas no site da Associação de Ciclismo do Minho (www.acm.pt). A participação tem um custo de 10,00€. O programa, regulamento e todas as informações estão disponíveis em www.melsport.pt.

O evento, com partida e chegada no Largo Hermenegildo Solheiro, é organizado pela Melsport – Melgaço, Desporto e Lazer E.M., em parceria com a Associação de Ciclismo do Minho e com a Federação Portuguesa de Ciclismo. Tem o alto patrocínio da Ukubo e de diversas entidades, entre as quais o Município de Melgaço.

AS BICICLETAS: NORMAS

Apenas é permitida a utilização de bicicletas todo-o-terreno (BTT) e com rodas de 26´´, 27,5´´ ou 29´´.

Não é permitida a utilização de bicicletas elétricas ou com qualquer outro mecanismo auxiliar, que não exclusivamente a força física do próprio utilizador.

A violação do disposto nos pontos anteriores implica a impossibilidade de alinhar à partida da prova, ou se tal for detetado durante a mesma, a desclassificação do atleta.

“PARTICIPA, MELGAÇO É SEGURO!”

Este sábado

O Destino de Natureza Mais Radical de Portugal vai explicar quais os procedimentos necessários para emergências durante atividades desportivas.

Este sábado, dia 23 de fevereiro, o Centro de Estágios de Melgaço leva a cabo um simulacro de prevenção de acidentes durante provas desportivas. Sob o mote “Participa, Melgaço é seguro!”, a ação assume relevante importância para que a segurança das provas de desporto seja um sucesso. A atividade acontece entre as 09h e as 12h00, junto ao Rio Minho, e vai envolver diversas entidades locais.

MAT 2015 8.png

Melgaço, o Destino de Natureza Mais Radical de Portugal, acolhe, anualmente, dezenas de provas e eventos desportivos, a par da diversificada oferta que tem na vertente do desporto, nomeadamente de atividades radicais, cada vez mais procuradas por quem visita Melgaço, e até uma das considerações na hora de escolher o destino a visitar.

Melgaço Tem excelentes condições e recursos humanos, mas existe sempre o risco de surgir algum acidente durante a atividade, bem como alguns dos atletas sofrer de uma doença aguda. Assim, torna-se crucial que haja um acompanhamento de equipas médicas e equipas de resgate, visto que estas provas passam por locais íngremes, de difícil acesso e com um relevo bastante acidentado. «As equipas devem estar treinadas para atuação nestes cenários, pelo que se considera que a realização de simulacros é um treino basilar, para que nos acidentes reais haja fluidez na atuação.», alerta a organização.

Para a execução da atividade, o Centro de Estágios conta com a parceria da Subzone, dos Bombeiros Voluntários de Melgaço, da Melgaço Radical e da Melgaço Whitewater e com o apoio da Câmara Municipal de Melgaço.

MELGAÇO ESCREVE “LETRAS DE AMOR”

Ação decorre na Casa da Cultura, até dia 16 de fevereiro

A Casa da Cultura e a Biblioteca Municipal de Melgaço convidam a população e turistas a deixarem “Letras de Amor”. A ação acontece no âmbito das comemorações do Dia dos Namorados, ou dia de São Valentim, mas as mensagens são de amor a todos: ao namorado, ao amigo, à família, à amizade, a quem se ama.

IMG_9947.jpg

Para os efeitos, a Casa da Cultura tem um cenário devidamente decorado com o tema Amor, à entrada do edifício, onde os interessados, até ao dia 16 de fevereiro, poderão tirar fotografias e deixar as suas mensagens.

O DIA DOS NAMORADOS

A história do Dia de São Valentim remonta ao século III d.c.. O Imperador romano Cláudio II proibiu os casamentos, para assim angariar mais soldados para as suas tropas.

Um sacerdote da época, de nome Valentim, desrespeitou este decreto imperial, realizando casamentos. O segredo foi descoberto e Valentim foi preso, torturado e condenado à morte.

Executado no dia 14 de fevereiro do ano de 269, a data deu origem ao dia dos namorados.

Antes de morrer, porém, Valentim conseguiu enviar e receber algumas cartas ainda na cela, o que originou a troca de cartões, os chamados "valentines".

IMG_9949.jpg

MELGAÇO FESTEJA O ENTRUDO COM UM CUNHO CULTURAL

No dia 2 de março

E desafia a criatividade da população e dos turistas

Melgaço promove a identidade territorial e a cultura local durante a 2ª edição do ENTRUDO, a festa carnavalesca com data marcada para dia 2 de março. O “Cortejo dos Mascarados” é a novidade do evento, onde todos poderão participar com carros alegóricos e fantasias, desfilando pelas ruas da vila.

_MG_9095.jpg

Um momento único que se pretende destacar pela ligação às tradições das gentes de Melgaço: «A 1ª edição foi um sucesso. A população esmerou-se nos fantásticos trabalhos e fantasias, e divertiu-se imenso. Conseguimos, uma vez mais, envolver Melgaço.», conta o autarca de Melgaço, Manoel Batista, sublinhando que o evento acaba por também ser uma ação que convida à Descoberta de Melgaço - «Os visitantes acabam por ficar mais tempo para conhecer a região, a nossa riqueza cultural, a nossa gastronomia».

O início da festa está marcado para as 16h00, altura em que o Largo Hermenegildo Solheiro e as ruas da vila serão invadidos pelo “Cortejo dos Mascarados”. Tal como na 1ª edição, haverá o “Concurso de Mascarados”, mas este ano com uma novidade, o “Carro alegórico”, onde o principal critério de avaliação será a “Identidade Cultural da Região”.

ENTRUDO MELGACO (3).jpg

ENTRUDO MELGAÇO5.jpg

ENTRUDO MELGACO6.jpg

NI.png

PORTUGUESES DE TODO O PAÍS PARTEM À DESCOBERTA DA LAMPREIA DO RIO MINHO

Até 15 de abril, nos municípios do Vale do Minho

A Lampreia do Rio Minho já está em degustação. Com tradição, requinte e inovação, a afamada e saborosa Lampreia do Rio Minho chega à mesa dos restaurantes da região, deliciando os apreciadores desta iguaria. Até 15 de abril a ADRIMINHO e os seis municípios do Vale do Minho - Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira, promovem a 10ª edição da iniciativa “Lampreia do Rio Minho – Um Prato de Excelência”. Pela região, não faltarão saborosas propostas de pratos confecionados com o afamado ciclóstomo.

lampreia rio minho.jpg

Em Melgaço, são 12 os restaurantes aderentes: Adega do Sossego, Adega Regional do Sabino, Hotel Boavista, Casa Real, Chafarix, Foral de Melgaço, Mini Zip, O Adérito, O Brandeiro, Paris, Tasquinha da Portela e o Verde Minho. Uns inovam, outros mantêm a tradição: ensopada no molho do seu próprio sangue, a maneira mais habitual de a preparar, com arroz ou estufada; marinada em vinho verde tinto; ensopada e servida com pão frito; de cabidela; ou à bordalesa; e até em folhados …um prato para colocar o chef à prova, já que não cativa a todos.

_MG_0101.jpg

Durante este período, os seis municípios aliam propostas culturais, entusiasmando à descoberta da riqueza patrimonial e paisagística da região. Em Melgaço há um programa de animação com atividades de turismo natureza e aventura, não fosse este ser o Destino de Natureza Mais Radical de Portugal, como rafting, caminhadas, rapel, salto pendular, arvorismo, slide, escalada, passeios pedestres…São também sugestões visitas aos espaços museológicos da rede Melgaço Museus, visitas e provas nas adegas aderentes da Rota do Vinho Alvarinho e também visitas a produtores de artesanato, de fumeiro, de queijo e de outros produtos locais.

arroz de lampreia.jpg

E há um jantar especial: no dia 29 de março, pelas 22h00 (em local a definir), o Chef Vitor Matos, estrela Michelin, estará em Melgaço a preparar um jantar vínico de harmonização da Lampreia do Rio Minho com Alvarinho: uma homenagem a estes dois produtos endógenos que atraem ao Município Mais a Norte de Portugal cada vez mais apreciadores.

Lampreia (1).jpg

O programa contempla também uma caminhada “Pela rota das Pesqueiras”, uma parceria entre o Município de Melgaço e Arbo. Durante a atividade, que acontece no dia 31 de março, os participantes poderão conversar com os pescadores, “participar” na pesca da lampreia, aprender a fazer as redes de pesca, a escalar e a preparar as lampreias. No final, haverá degustação de alguns pratos confecionados com esta iguaria. Para os apaixonados e curiosos pela lampreia há ainda uma interessante exposição de fotografia: “O Rio Minho é vida”, de 19 março a 13 abril, na Casa da Cultura.

Mas há muito mais para se descobrir no Destino de Natureza Mais Radical de Portugal: a autarquia convida à participação em eventos que decorrem nessa altura, como é o caso de concertos musicais que integram a iniciativa All Music Fest; do Fim de Semana Gastronómico (22, 23 e 24 de março); da oficina “A Arte Secular da Pesca da Lampreia” (data a definir) – uma ação de sensibilização infantil para a importância económica e cultural desta arte, mostrando as diferentes fases do processo e a forma como se trabalham as redes utilizadas nas pesqueiras do Rio Minho; do “REDITUS” - Jornadas de Património Cultural (concerto, exposição, teatro e palestra, no dia 12 abril, no Espaço Memória Fronteira, na Casa da Cultura e pelas ruas da Vila).

lampreia do Rio Minho.jpg

MELGAÇO ASSUME RESPONSABILIDADES NA GESTÃO DAS VIAS DE COMUNICAÇÃO, DA HABITAÇÃO, DO PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO E APOIA BOMBEIROS

Após sessão da Assembleia Municipal, realizada ontem, 28 de janeiro

E rejeita a transferência de cinco competências por considerar que não reúne as condições necessárias

A Câmara Municipal de Melgaço aprovou a transferência das competências nas áreas da gestão das vias de comunicação, da habitação, do património imobiliário público sem utilização e o apoio aos bombeiros, no âmbito do processo de descentralização implementado pelo Governo. Das competências apresentadas, rejeitou cinco, por considerar que não reúne os meios humanos e técnicos necessários para tais responsabilidades. As decisões foram aprovadas por maioria, com oito abstenções da bancada da Coligação PPD/PSD.CDS-PP “Prá Frente Melgaço”.

Melgaço (10).JPG

Com estas competências, o autarca, Manoel Batista, considera que “Melgaço estará mais próximo da população, conseguindo assim maior agilidade e eficácia nas respostas”.

Melgaço rejeitou a gestão das praias; a exploração de jogos de fortuna ou azar; a instalação e gestão das estruturas de atendimento ao cidadão; a gestão do estacionamento público; e as competências no âmbito da justiça.

No que respeita à transferência de competências para as entidades intermunicipais, a Assembleia Municipal de Melgaço deliberou aprovar que seja aceite pela Comunidade Intermunicipal, CIM-Alto Minho, a transferência de competências nos seguintes domínios: promoção turística e gestão de projetos financiados por fundos europeus e programas de captação de investimento.

Ainda em reunião, Melgaço determinou a não aceitação pela CIM - Alto Minho no que respeita à justiça e ao apoio às equipas de intervenção permanente das associações de bombeiros voluntários. Esta última será da responsabilidade de Melgaço, que se compromete a apoiar as equipas de intervenção permanente dos bombeiros na área onde estas atuam, nomeadamente através da comparticipação nos custos com seguros de acidentes de trabalho e compra de equipamentos.