Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

VALENÇA ACOLHE FESTIVAL DE TUNAS MISTAS

Valença recebe o festival de tunas mistas “Toca Tuna Fortaleza”, nos dias 27 e 28 de Maio, com a atuação de cinco tunas, oriundas de várias universidades portuguesas e de um grupo de fados de Valença.

280885569_394854226003398_6014790573020035559_n.jpg

O festival abre com a serenata no Jardim Municipal, na próxima sexta-feira, 27 de maio, às 21h30.

Durante o dia de sábado haverá um conjunto de atuações itinerantes que prometem muita música e diversão na zona intra e extra-muros da Fortaleza de Valença, levando estas várias tunas participantes a uma grande interação com a população valenciana.

Sábado, 28 de maio, às 21h00, decorrerá o festival, no Auditório da ESCE – Escola Superior de Ciências Empresariais de Valença.

A concurso estarão as tunas, Estudantina Universitária de Viseu, RaussTuna - Tuna Mista de Bragança do IPB, Tuness - Tuna da Escola Superior de Saúde do IPVC e VemTuna - Tuna Mista da Escola Superior de Educação do IPVC.

O festival contará, ainda, com a atuação especial da Hinoportuna - Tuna Académica do IPVC e do Grupo Fados & Tal de Valença.

Espera-se dois grandes espetáculos académicos, onde impere a alegria, o divertimento e a boa música.

Para o Município de Valença este evento nasce para permanecer como um marco anual do espírito académico na cidade, num ano de recomeço, pós pandemia e em que a ESCE, já com uma comunidade estudantil que supera os 650 alunos, comemora 20 anos de vida em Valença.

A entrada nos dois eventos será gratuita limitada aos lugares disponíveis.

A iniciativa é da Câmara Municipal de Valença e da Tunesce - Tuna Académica da ESCE.

MONÇÃO: MÚSICA PARA OS PEQUENINOS

Programa do Banco Local de Voluntariado de Monção tem como finalidade sensibilizar e despertar as crianças para a descoberta dos sons, da melodia e do ritmo.

muica_1.JPG

Os voluntários Gil Fernandes, José Gonçalves e Gonçalo Vilarinho, do 12º ano de escolaridade do Agrupamento de Escolas de Monção, estão a desenvolver o Programa “Música Para os Pequeninos” em todas as turmas dos jardins de infância do Agrupamento de Escolas de Monção.

O programa, que termina em finais deste mês, procura sensibilizar e despertar as crianças, com idades compreendidas entre 3 e 6 anos, para a descoberta dos sons, da melodia e do ritmo, possibilitando-lhes contacto com alguns instrumentos musicais.

Nestas sessões de aprendizagem e transmissão de conhecimentos, os voluntários lançam jogos de adivinhação de músicas (atirei o pau ao gato, todos os patinhos, baby shark), de modo a reforçar a sensibilidade das crianças para o universo musical.

Tendo como missão a promoção e divulgação do voluntariado, de forma a facilitar o encontro entre a oferta e a procura, o Banco Local de Voluntariado de Monção tem em desenvolvimento vários programas dirigidos a diferentes públicos com intervenções nos estabelecimentos de ensino e instituições de caráter social.

VIANA DO CASTELO: CONCERTO EVOCA 90 ANOS DO REGRESSO DA ORDEM DAS CARMELITAS

A comunidade dos Carmelitas Descalços de Viana do Castelo evocam os 90 anos do regresso da Ordem à diocese com concerto comemorativo, dia 21 de maio, pelas 16h00, na Igreja do Carmo.

concerto-mariano.jpg

“A devoção à Senhora do Carmo e ao seu Escapulário acontece em qualquer altura do ano, mesmo que não se aproxime umas das festas de Nossa Senhora. Este ano celebramos 90 anos do regresso dos filhos da Senhora do Carmo a Viana do Castelo [1932 |7 de Julho| 2022]”, pode ler-se em comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

“O Carmo é todo de Maria” é o tema da iniciativa que junta o Coral Polifónico de Viana do Castelo e o Coral Polifónico de Cascais, pelas 16h00, na Igreja do Carmo.

Fonte: https://agencia.ecclesia.pt/

“SERENATAS AO ANOITECER”, UM “CONCERTO PROMENADE” E “WONDERFUL WORLD” MARCAM FIM-DE-SEMANA MUSICAL EM ESPOSENDE

No próximo fim de semana, Esposende acolhe três propostas musicais, dirigidas a todos os públicos, com entrada livre.

concertosesp.jpg

No sábado, dia 21 de maio, pelas 21h30, o Município de Esposende promove o concerto “Serenatas ao Anoitecer”, protagonizado pelo Quarteto de Cordas da Orquestra da Costa Atlântica, numa proposta que se insere no ciclo de música de câmara 2022 da orquestra, e que terá lugar no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio. Com curadoria artística do maestro Luís Miguel Clemente, o concerto propõe a audição de obras extraordinárias para quarteto de cordas, compostas por dois grandes génios da música: Mozart e Mendelssohn. Serão intérpretes Jorman Torres e David Wyn Lloyd, no violino, Trevor McTait, na viola d’arco e Jed Barahal, no violoncelo.

No dia seguinte, domingo, a Praça do Município acolhe, às 11h00, um “Concerto Promenade”, concebido e interpretado pela Banda de Música de Antas. No espaço descontraído da praça pública, sob direção musical do maestro Diogo Costa, a Banda propõe um concerto didático, dirigido sobretudo a crianças e famílias, onde serão interpretados alguns dos mais famosos “clássicos” e música para filmes. Será ainda objetivo apresentar os instrumentos e partilhar as suas curiosidades com o público, de uma forma divertida e interativa. O mesmo formato performativo acontecerá na manhã do dia 12 de junho, com mais um “Concerto Promenade”, desta vez no espaço da Praça da Praia de Ofir.

No âmbito das propostas musicais dirigidas às crianças e famílias, numa lógica de educação e mediação cultural com os públicos, destaque ainda para o concerto “Worderful World”, que terá lugar no dia 21 de maio, às 18h00, no Centro de Educação Ambiental, integrado na programação da Semana da Biodiversidade, promovida pela Esposende Ambiente, com apoio do Município. Do musical ao jazz, passando pela Disney, este concerto reúne diversos temas em volta da temática do mundo e das suas maravilhas. São canções intemporais, conhecidas de todos, que apresentam um ponto em comum: o fascínio pela natureza. Serão intérpretes Ana Sofia Vintena, soprano, Ernesto Clemente, barítono e Nuno Areia, no piano.

Ainda com este propósito de educar pela arte, através da música, de referir que se realizou no passado domingo, dia 15 de maio, o terceiro concerto da rubrica “Concertos em Família”, promovida pela Escola de Música de Esposende, com apoio do Município, desta vez em Marinhas, no Auditório da Junta de Freguesia. O quarto e último concerto deste ciclo, durante o presente ano letivo, terá lugar em Fonte Boa, no dia 19 de junho.

PEDRO ABRUNHOSA ACEITA CONVITE DO AUTARCA DE CERVEIRA, RUI TEIXEIRA, E INTEGRA CONSELHO DIRETIVO DA FUNDAÇÃO BIENAL DE ARTE DE CERVEIRA

A convite do Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira e Presidente da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, Rui Teixeira, o cantor e compositor português Pedro Abrunhosa vai integrar o Conselho Diretivo da Fundação Bienal de Arte de Cerveira. A Conferência de Imprensa de apresentação decorre na próxima quarta-feira, 18 de maio, às 15h00, no Auditório do Fórum Cultural de Cerveira, dia em que se assinala o Dia Internacional dos Museus.

26056058_10156378747324239_5709587185581906081_n.j

Para o autarca “é com enorme satisfação que vejo este ícone da cultura musical portuguesa integrar o Conselho Diretivo da Fundação Bienal de Arte de Cerveira. Pelo seu percurso, polivalência e conhecimento técnico e artístico, será certamente uma mais valia para dar força à missão da Fundação de promover a arte contemporânea a nível nacional e internacional, reafirmando Vila Nova de Cerveira como a “Vila das Artes””.

Após este momento de apresentação, o programa para assinalar o Dia Internacional dos Museus contempla a visita guiada a algumas obras do espaço público e às exposições patentes no Museu Bienal de Cerveira. O ponto de encontro é na Câmara Municipal, às 17h00.

Sob o tema “O Poder dos Museus”, o Dia Internacional dos Museus 2022 pretende contribuir para uma reflexão sobre o potencial dos museus para produzir mudanças positivas nas suas comunidades, nomeadamente, pelo “poder de alcançar a sustentabilidade”, pelo “poder de inovar nas áreas da digitalização e acessibilidade” e pelo “poder de reforçar a comunidade através da educação”.

CÂMARA DE VIZELA PROMOVE CONCURSO DE BANDAS

O Concurso de Bandas de Vizela 2022 é uma iniciativa da Câmara Municipal de Vizela, que tem como objetivos:

  • ESTIMULAR A FORMAÇÃO E O TRABALHO DESENVOLVIDO PELOS JOVENS MÚSICOS E PELAS BANDAS.
  • PROPORCIONAR AOS JOVENS E À COMUNIDADE NO GERAL UMA EXPERIÊNCIA CULTURAL DIFERENCIADA.
  • PROPORCIONAR UM ESPAÇO DE PARTICIPAÇÃO E OPORTUNIDADE PARA JOVENS MÚSICOS.

1º prémio: 1000 eur.

2º prémio: 500 eur.

3º prémio: 300 eur.

Prazo e inscrição: 15 de Junho

Referências: #CBV #concursobandasdevizela #juventudevizela

Em anexo o cartaz e respetivos conteúdos para redes sociais.

Aqui podem encontrar toda a informação (prémios e formato) e formulário de inscrições:

https://www.cm-vizela.pt/concursobandasdevizela/

Aqui podem encontra o vídeo de promoção:

https://www.youtube.com/watch?v=iIHXd5137w4

post1.png

post2.png

PAREDES DE COURA PROMOVE CICLO DE POLINIZAÇÃO MUSICAL

Carlos Zingaro + Lavoisier + Joana Raquel e Miguel Meirinhos + Cardo-Roxo Trio. sexta, sáb e dom | PAREDES DE COURA

Carlos Zingaro, Lavoisier, Joana Raquel e Miguel Meirinhos, e Cardo-Roxo Trio são as primeiras propostas do Ciclo de Polinização Musical de Paredes de Coura, que arranca esta sexta-feira e que ao longo de três fins-de-semana, entre maio e junho, propõe um cruzamento/diálogo entre a música clássica, tradicional e o jazz com abordagens contemporâneas dos mesmos.

eTr3j1MbQ9amKwZh.png

Assim, já esta sexta-feira, o Centro Cultural, que integra a Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses, recebe pelas 22h00 a cantora Joana Raquel e o pianista Miguel Meirinhos, que acompanhados pela contrabaixista espanhola Yudit Vidal e João Cardita na bateria nos trazem o disco "Ninhos" com chancela Porta-Jazz.

No sábado, pelas 18h00, a bonita Capela do Espírito Santo recebe Carlos Zíngaro e a ZARMensemble (David Alves – Violino, Alvaro Rosso – Contrabaixo e Ulrich Mitzlaff – Violoncelo) que prometem sacralizar o profano, num diálogo de sonoridades de Bach a Bartók, ou de Cage a Lachenmann, procurando sempre a experimentação e a reinvenção constante.

Mais tarde, pelas 22h00, no Centro Cultural, é a vez dos Lavoisier, Roberto Afonso e Patrícia Relvas, nos trazerem o novo LP "Aí", que viu a luz do dia precisamente esta semana. Nesta presença em Coura, os Lavoisier também deverão recuperar o penúltimo trabalho, o álbum “Viagem a um Reino Maravilhoso”, que mergulhou na obra poética de Miguel Torga.

No domingo, também no Centro Cultural, pelas 17h00, passam os Cardo-Roxo Trio (Carmina Gonçalves - viola da gamba e voz, Antony Fernandes - gaita de foles e voz, e Tiago Soares - percussão). ‘Alvorada’ é o somatório de várias melodias que nos remetem para a nossa tradição musical que tem tanto de bela como de surpreendente.

Promovido pelo Município de Paredes de Coura, recorde-se que a edição do ano passado, a primeira do Ciclo de Polinização Musical, foi distinguida com o ‘National Winner’ na categoria Best Cultural Programme nos Iberian Festival Awards. O Ciclo de Polinização mantém a parceria do Space Ensemble, Associação Cultural Rock’n’Cave e Associação Porta-Jazz, prosseguindo nos fins de semana de 27, 28 e 29 de maio e 17, 18 e 19 de junho com propostas tão diversificadas como Janita Salomé, Luís Bittencourt (Memórias Líquidas), Manuel Linhares (Suspenso), Nelembe Ensemble (novo projeto do percussionista Jorge Queijo), André Gaio Pereira (de Bach a Paredes) e a artista palestiniana Terez Sliman, entre outros, mas também o workshop ‘Danças do Mundo’ com Mirjam Dekker, a oficina de jazz, ritmo e improvisação ‘Locomotiva’ e caminhadas sob orientação da Ori-Coura.

‘Cozido à Moda de Coura’

Mas se em Coura a música está sempre presente, também os suculentos e saborosos pratos courenses com as mais nobres das iguarias nos convidam a degustar o melhor da gastronomia que nos oferece esta vila no coração do Alto Minho.

Assim, o ‘Cozido à Moda de Coura’ vai à mesa este fim de semana nos restaurantes Barbaças, Albergaria, o Furão, Miquelina, Pizzaria Romântica, Xisto, os Mouras e Casa do Frei, pelo que não faltam motivos para um salto até Paredes de Coura, que complementa esta oferta gastronómica com outras iniciativas como a prova de ‘BTT challenge Barcelos-Paredes de Coura’, na manhã de sábado, ou a ‘Descida de carrinhos de rolamentos’, na tarde de domingo, entre a estrada de Sequeirô e a Avenida de Cenon.

CONCERTO DE PRIMAVERA DA BANDA MUSICAL DE MONÇÃO

14 de maio, sábado, pelas 21h30, no Cine Teatro João Verde.

O Concerto de Primavera da Banda Musical de Monção realiza-se no próximo sábado, 14 de maio, pelas 21h30, assinalando o regresso da banda filarmónica ao palco do Cine Teatro João Verde. Os bilhetes, com o custo unitário de 5,00 €, estão à venda naquela sala de espetáculos e na Loja Interativa de Turismo.

bmm25.jpg

Neste regresso, a Banda Musical de Monção, com mais de dois séculos de existência, promete presentear o público com um repertório musical pautado pela diversidade e qualidade, transformando o espetáculo numa noite memorável.

Sob a batuta do maestro José Vicente Simeó Mañez, desde 2003, a filarmónica monçanense é constituída por cerca de 80 elementos de várias gerações, sendo visível o número assinalável de jovens praticantes, fruto do excelente trabalho desenvolvido pela banda juvenil e pela academia de música.

O registo mais antigo conhecido da Banda Musical de Monção está inscrito numa ata da Santa Casa da Misericórdia de Monção, datado de 25 de fevereiro de 1792. Nessa época, era conhecida como Banda de Muzica da Vila, presumindo-se, contudo, que a sua existência seja ainda anterior.

Nova direção para o biénio 2022/2023

No passado dia 6 de maio, realizou-se a Assembleia Geral de Sócios, tendo sido eleita a única lista a sufrágio, seguindo-se a tomada de posse dos corpos gerentes para o biénio 2022/2023. A direção é presidida por João Manuel Antunes da Silva.

A Câmara Municipal de Monção saúda os novos órgãos diretivos e remete uma palavra de agradecimento à anterior direção, presidida por Jorge Fernandes, pelo trabalho frutuoso desenvolvido nos últimos anos, bem como à comissão administrativa, durante o período de transição.

VIANA DO CASTELO: WINE&BLUES REGRESSA DIAS 27 E 28 DE MAIO À PRAÇA DA REPÚBLICA COM MÚSICA E MOSTRA VÍNICA

Nos dias 27 e 28 de maio, a Praça da República de Viana do Castelo volta a acolher o Festival Wines & Blues, evento que promete juntar música a uma mostra vínica, tendo todas as propostas entrada livre. Esta é uma iniciativa que quer homenagear o vinho verde, com a presença de diversos produtores locais, aliando boa música a um produto endógeno de qualidade.

wine e blues 2022.jpg


Esta quarta edição promete levar ao rubro a Praça da República com um cartaz de culto para os amantes de ‘blues’ e as melhores referências do vinho verde. Assim, sexta-feira e sábado, entre as 20h00 e as 01h00, o Wine & Blues transformará Viana do Castelo no epicentro de um intenso programa musical e de uma mostra de promoção dos Vinhos Verdes, que nesta quarta edição confere especial destaque aos Loureiros, casta de eleição do Vale do Lima.
Neste momento de retoma da vida cultural e económica, Viana do Castelo une-se aos produtores locais para garantir a promoção de um evento de destaque.
A Zé Pedro Associação Musical irá garantir a abertura do festival, sexta-feira, com a Viana Blues Big Band, projeto desenvolvido especialmente para a atuação no âmbito do Wine & Blues Festival, com 18 elementos em palco.
A noite de sexta-feira vai contar com Peter Storm e The Blues Society, com José Reis no baixo, Jorge Mister Shuffle Oliveira na bateria, Bino Ribeiro na harmónica e percussão e João Belchior na voz e guitarra. O grupo foi eleito melhor banda portuguesa de Blues e irá representar Portugal no European Blues Challenge, que se realiza em Malmo, na Suécia, a 2, 3 e 4 de junho.
The Hurt Fingers & Friends abrem o palco do Wine & Blues Festival na noite de sábado, num registo que oscila entre o Acoustic Blues e o Rock Blues. Formada em 2015, os The Hurt Fingers são uma banda de covers de rock e blues composta pelos músicos Jaime Parente (voz/guitarra acústica), Rui Parente (guitarras, harmónica e vozes), Joel Enes (baixo e vozes) e João Morgado (bateria). Com origem em Viana do Castelo, os seus concertos ao vivo multiplicam-se pelos mais diversos palcos. Abrangendo um repertório repleto de dos mais célebres temas de blues e rock and roll dos anos 60 e 70, desde Robert Johnson a Rolling Stones, The Hurt Fingers vão fazer-se acompanhar por convidados especiais neste evento.
Dig Daddy Wilson, figura icónica do Blues a nível mundial, trará a essência mais pura do blues no segundo concerto da noite de sábado, transportando-nos com o seu magnetismo e voz inconfundível numa viagem às origens deste género musical. O reconhecido cantor e compositor norte-americano de Blues, Soul, R&B, Country e Gospel, nasceu há mais de 50 anos numa pequena cidade chamada Edenton, na Carolina do Norte.
Tendo ingressado no exército dos Estados Unidos em 1979, foi destacado para as bases militares na Alemanha, país onde se descobriu como intérprete de Blues, graças à sua inconfundível voz de barítono rico, quente e baixo. Inspirado por outros músicos de blues norte-americanos que fizeram sucesso no velho continente, Big Daddy Wilson construiu uma notável carreira internacional.

CASA DAS ARTES DE ARCOS DE VALDEVEZ RECEBE “SONS D’AMÉRICA”

Na vertente internacional, a Casa das Artes arcuense vai receber o Ciclo “Sons d’América”, nos dias 27 e 28 de maio.

2022-05-27e 28 SONS DAMERICA copy - Cópia.jpg

No dia 27, sobem ao palco os consagrados Elysian Fields,  a banda de culto de Nova York que regressa 12 anos depois ao palco da Casa das Artes em promoção do seu novo álbum de originais “Pink Air”; a 28 é a vez do mago da guitarra Trevor Gordon Hall, classificado como um dos 30 melhores guitarristas do mundo com menos de 30 anos, que apresentará composições sinceras de sentimento combinadas com virtuosismo técnico preciso. Duas noites a não perder para quem gosta da melhor música do outro lado do Atlântico”.

INSCRIÇÕES PARA A JOVEM ORQUESTRA DE FAMALICÃO ENTRAM NA RETA FINAL

Candidaturas para a quarta edição da JOF decorrem até domingo, 15 de maio

Terminam este domingo, 15 de maio, as candidaturas para a quarta edição da Jovem Orquestra de Famalicão (JOF). Em 2022, o estágio de orquestra sinfónica de curta duração promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão vai decorrer de 29 de agosto a 3 de setembro e tem disponíveis 87 vagas para jovens instrumentistas de corda, sopro e percussão.

AFS_4484.jpg

Este ano, a iniciativa volta a contar com a direção artística do maestro José Eduardo Gomes.

As inscrições destinam-se a jovens instrumentistas oriundos do concelho e/ou com formação pré-universitária em Vila Nova de Famalicão.

Refira-se que os interessados, que podem receber um prémio de participação até 550 euros, devem efetuar a sua candidatura no site do município, onde poderão também encontrar o regulamento da JOF.

O número de vagas subiu este ano de 79 para 87 participantes, sendo distribuídas pelos instrumentos de cordas (26 violinos; 10 violas; 8 violoncelos; 6 contrabaixos); sopro (4 flautas; 4 oboés; 4 clarinetes; 3 fagotes; 7 trompas; 4 trompetes; 2 trombones tenor; 1 trombone baixo, 1 tuba e 1 harpa) e 6 instrumentos de percussão.

O estágio irá integrar ensaios de orquestra na Casa das Artes de Famalicão e ainda dois concertos no espaço cultural famalicense nos dias 2 e 3 de setembro.

Refira-se que a JOF conta também com a colaboração de um Conselho Consultivo constituído por representantes das direções das instituições de ensino artístico especializado e de ensino profissional de música do concelho: CCM – Centro de Cultura Musical, ArtEduca – Conservatório de Música de Vila Nova de Famalicão e ARTAVE – Escola Profissional Artística do Vale do Ave.

Recorde-se que nas últimas edições muitas das candidaturas chegaram mesmo de fora de Portugal, com a presença de jovens artistas de conceituadas instituições de Ensino Superior europeias.

Inscrições e mais informações em www.famalicao.pt/jovemorquestrafamalicao.

AMARES RECEBE AS MÚSICAS DO PROFESSOR CARLOS

15 maio (domingo) I 15h30 I Feira do Livro de Amares (Biblioteca Municipal)

O projeto artístico “As Músicas do Professor Carlos” que percorre todo o país, com experiências além fronteiras, com um espetáculo musical educativo para crianças entre os 2 e os 10 anos é desenvolvido pelo Professor Carlos Vieira, que implementa há cerca de uma década o projeto “Crescer a Musicar”, um projeto de ensino de música para a infância direcionado a crianças de Creche, Pré-Escolar e 1º Ciclo.

profcarlosamares.jpg

VIZELA APRESENTA CONCURSO DE BANDAS 2022

A Câmara Municipal de Vizela promove a apresentação do Concurso de Bandas de Vizela 2022, no próximo dia 6 de maio, às 16:00h, no Jardim Manuel Faria.

A apresentação irá marcar o início do período de inscrições para o Concurso de Bandas de Vizela 2022, onde será dado a conhecer o formato do concurso, os prémios, a composição do júri, bem como o local onde se irá realizar.

concurso bandas vizela.JPG

CONCERTO DA ESCOLAS DE MÚSICA DE TERRAS DE BOURO DECORREU EM SOUTO

A sede da junta de freguesia de Souto acolheu no dia 14 de abril um concerto da Escola de Música de Terras de Bouro. O evento musical decorreu sob a orientação do Professor Luís Pinho e contou com a presença da Vereadora Municipal, Dr.ª Ana Genoveva Araújo, que agradeceu a presença dos utentes do CAO de Souto e da comunidade em geral, população e escola, deixando também uma palavra de agradecimento à junta de freguesia de Souto pela colaboração neste concerto.

 A atividade, que pretende promover a integração social através da inclusão ativa,  com vista à promoção da igualdade de oportunidades, constituindo uma resposta artística e educativa que tenta  valorizar as aprendizagens de todos os participantes, foi desenvolvida no âmbito do “Projeto Cultura para Todos” do Município de Terras de Bouro.

IMG-20220414-WA0087.jpg

IMG-20220414-WA0088.jpg

IMG-20220414-WA0089.jpg

IMG-20220414-WA0090.jpg

IMG-20220414-WA0091.jpg

IMG-20220414-WA0092.jpg

IMG-20220414-WA0093.jpg

GUIMARÃES: VIRAR DaSquina “MAR SEM FIM JÁ ESTÁ DISPONÍVEL JÁ ESTÁ DISPONÍVEL

Mar Sem Fim, o novo disco dos Virar DaSquina, já está disponível em todas as plataformas digitais. Esta quarta-feira, pelas 21h30, será apresentado no Oub’lá, na praça de Santiago, em Guimarães. 

Virar DaSquina.jpg

Depois do primeiro álbum, Até ao Fim do Mundo, lançado em 2014, a banda quis continuar a dar vida à história de Portugal, de uma maneira muito particular. Desta vez, inspirados pela viagem de Vasco da Gama e pelos Cantos dos Lusíadas, os Virar DaSquina deixaram-se levar pela imaginação e construíram uma narrativa na qual se pressente a leitura de Júlio Verne e uma solução otimista para um mundo paralelo.

Com Catarina Rodrigues na voz, Nuno Meneses nos teclados, João Cunha na bateria, Mário Ribeiro no baixo, e Jorge Gameiro na guitarra, os Virar DaSquina vão apresentar o álbum esta quarta-feira, em primeira mão, no Oub'lá, em Guimarães.

Para a criação deste álbum, contaram com o apoio aos Agentes Culturais 2021, da Direção Regional da Cultura do Norte, e do IMPACTA, programa do Município de Guimarães.

Este é o segundo disco da banda que nasceu em 2011.

Virar DaSquina2.jpg