Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CURTIR CIÊNCIA ABRAÇA CAUSA DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE GUIMARÃES

Curtir Ciência abraça Causa da Santa Casa da Misericórdia de Guimarães

"Todos Por Uma Causa - Todos Pela Deficiência" é uma iniciativa da Santa Casa da Misericórdia de Guimarães que decorre esta quinta-feira, 18 de outubro, no Pavilhão Multiusos, entre as 09:00 e as 16:30 horas. O Curtir Ciência associa-se a esta grande causa dinamizando algumas atividades científicas para centenas de utentes de várias instituições que lidam com a deficiência.

image001

A iniciativa tem como tema central “Profissional por um dia" e integra um espetáculo e vários ateliês (desporto, dança, artes performativas, pintura, reabilitação/terapia assistida por animais). Ao Curtir Ciência cabe o papel de mostrar a atividade de Cientista, com duas sessões interativas (11:00 e 14:00 horas) compostas por experiências relacionadas com a Química (conceitos de pH e reações químicas entre ácido e base, conceitos de combustão, gases e efeito da temperatura na densidade) e com a Biologia (regras de conduta no laboratório e utilização de material laboratorial com enfoque no microscópio ótico composto e observação de preparações microscópicas).

A iniciativa, que vai já na sexta edição, é organizada pelo Alecrim - Lar Residencial e Centro de Atividades Ocupacionais da Santa Casa de Guimarães, instalado no antigo Hospital de Santo António dos Capuchos. A Provedora da Santa Casa, Noémia Carneiro, realça que o evento, que teve a primeira edição em 2013, “resultou da vontade de dar a conhecer melhor, ao exterior, o trabalho desenvolvido no Alecrim”. Em 2017, a 5ª edição contou com aproximadamente 1000 pessoas.

JOVENS DE GUIMARÃES CURTEM CIÊNCIA A BORDO DO CHAMPIMÓVEL

Curtir Ciência a bordo do Champimóvel

Milhares de alunos do concelho de Guimarães vão poder visitar o camião da Fundação Champalimaud estacionado junto ao Pavilhão Multiusos e ver um show animado em 4D sobre o corpo humano

Capturar1

O Champimóvel – o camião TIR da Fundação Champalimaud - vai estar em Guimarães entre 15 e 19 de outubro, no espaço exterior do Pavilhão Multiusos. O Champimóvel é o palco de um show animado interativo em 4D sobre o corpo humano que vai poder ser visto em Guimarães entre segunda, 16 e sexta, 19 de outubro.

Trata-se de uma iniciativa da Fundação Champalimaud e do Curtir Ciência – Centro Ciência Viva de Guimarães, com o apoio do Município vimaranense, destinada a promover o conhecimento científico junto das novas gerações.

O Champimóvel está a percorrer todos os distritos do País desde abril de 2008, levando a milhares de estudantes, professores e pais o show “O Futuro da Ciência”, um conteúdo interativo de formação dirigido a jovens, que é apresentado num simulador móvel incorporado num camião TIR com quatro metros de altura e cerca de 22 toneladas. O Champimóvel integra uma cápsula, que consiste num simulador de cerca de 20 lugares onde é apresentado o show 4D.

Com esta ação em Guimarães, a Fundação Champalimaud e o Curtir Ciência pretendem despertar o interesse dos jovens pelos temas científicos e envolver ativamente pais e professores. Isso é feito através de um show animado interativo em 4D, com cerca de 25 minutos de duração, que simula uma viagem através do corpo humano, apresentada pela personagem Champi, que percorre o mecanismo da visão, a célula e o seu material genético, a ação dos vírus, a terapia genética e finalmente as investigações recentes em células estaminais e nanotecnologias.

O Champimóvel vai estar estacionado junto à entrada principal do Multiusos de Guimarães entre 15 e 19 de outubro (de segunda a sexta), das 10:00 às 18:00 horas, estando aberto a grupos escolares e ao público em geral.

VIMARANENSES CAMINHAM RIO ACIMA "ENTRE A ÁGUA E A TERRA"

Um passeio “Entre a Água e a Terra” na Zona de Couros de Guimarães

O Centro Ciência Viva de Guimarães – Curtir Ciência promove esta sexta-feira, feriado de 5 de outubro, o último percurso interpretativo no âmbito do projeto nacional “Rio Acima”, coordenado pela agência Ciência Viva. Este conjunto de atividades do Curtir Ciência visam promover o conhecimento, reabilitação e protecção de ecossistemas de água doce interiores e respectiva biodiversidade.

image003

“Entre a água e a terra – os primeiros vertebrados a colonizar o meio terrestre” é um percurso de três horas (das 15:00 às 18:00) ao longo da Ribeira de Couros, guiado pelo biólogo Pedro Alves, com passagem pelos antigos tanques das fábricas de curtumes. Com esta atividade pretende-se observar e identificar vertebrados que vivem entre a água e a terra, muitos deles associados ao mal pelos seus hábitos noturnos e cuja sobrevivência se encontra ameaçada a nível global. O ponto de encontro é junto ao Curtir Ciência.

VIMARANENSES CURTEM CIÊNCIA

Curtir Ciência com o Guimarães Noc Noc

O Curtir Ciência - Centro Ciência Viva de Guimarães integra novamente a programação do festival Guimarães Noc Noc, que decorre no próximo fim de semana de seis e sete de outubro.

image001

Tal como nos dois anos anteriores, o Curtir Ciência abre o espaço da Antiga Fábrica de Curtumes Âncora para exposições. Este ano são duas, uma delas dedicada a fotografias de “Aves de Guimarães”.

Trata-se de um conjunto de trabalhos assegurados pelo designado Grupo de Fotografia de Aves. Inclui fotografias de Cláudia Freixo, Daniel Ferreira, Manuela Marques, Pedro Alves e Rui Osório, todas elas tiradas em Guimarães.

A exposição tem entrada gratuita.

De forma a permitir que possa ser visitada por um maior número de interessados, as portas do Curtir Ciência estarão abertas no domingo (dia de encerramento semanal), entre as 11:00 e as 19:00 horas, apenas para visitas às exposições do Guimarães Noc Noc.

GUIMARÃES: CURTIR CIÊNCIA TEM NOVO HORÁRIO

Alteração de Horário de funcionamento do Curtir Ciência

O Centro Ciência Viva de Guimarães – Curtir Ciência vai passar a encerrar ao público aos domingos, já a partir de 30 de setembro, passando a estar aberto às segundas-feiras.

unnamed

Esta alteração decorre, por um lado, da opção estratégica do Centro de reforçar as ações para o seu público-alvo principal, o público escolar, e, por outro, do seu envolvimento no projeto de dinamização de sessões de Ciência nas escolas do Concelho no âmbito dos programas de Atividades de Animação e Apoio à Família (Pré-escolar) e Componente de Apoio à Família (1º Ciclo), coordenados pelo Pelouro da Educação do Município de Guimarães.

Por outro lado, com a opção por abrir ao público à segunda-feira, o Curtir Ciência vai de encontro  às inúmeras solicitações das Escolas para agendamento de visitas durante a semana.

Assim, o Curtir Ciência passa a ter o seguinte horário: das 10:00 às 18:00 horas de segunda a sexta e das 11:00 às 19:00 horas aos sábados e feriados. O dia de encerramento semanal passa a ser o domingo.

VIMARANENSES PROCURAM INVERTEBRADOS NAS CALDAS DAS TAIPAS

O Centro Ciência Viva de Guimarães – Curtir Ciência promove, no próximo dia 29 de setembro (sábado), entre as 10:00 e as 12:00 horas, no Parque de Lazer das Caldas das Taipas, mais um Percurso Interpretativo no âmbito do projeto “Por Este Rio Acima”, coordenado pela Agência Nacional Ciência Viva.

image001

O percurso, denominado “Que Invertebrados Habitam o Parque de Lazer das Caldas das Taipas?”, conta com a participação de investigadores do “Projeto Vacaloura.pt”, um projeto de ciência cidadã coordenado pela Associação Bioliving em parceria com a Unidade de Vida Selvagem do Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro, com a Sociedade Portuguesa de Entomologia e com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

O Projeto Vacaloura tem como objetivo compilar e organizar informação enviada pelos cidadãos sobre a distribuição e estado das populações da Vaca-Loura e dos restantes escaravelhos da família Lucanidae em Portugal, de forma a colaborar na Rede Europeia de Monitorização da Vaca-Loura.

O Parque de Lazer de Caldas das Taipas é o habitat de um grande número de seres vivos e nesta atividade pretende-se conhecer os invertebrados que ali habitam (com foco em espécies protegidas) e discutir o contributo que qualquer cidadão pode dar para ajudar à sua conservação. Inclui, também, um percurso pedestre pelo Parque de Lazer, ao longo do rio Ave.

Sérgio Silva, Diretor Executivo do Curtir Ciência, realça que este percurso pretende ser “uma jornada de sensibilização e de incentivo a uma cidadania mais ativa, aberta e participada”, em linha com o desígnio do Município de Guimarães de obtenção do título de Cidade Verde Europeia.

VIMARANENSES CURTEM CIÊNCIA NO DIA MUNDIAL DO TURISMO

Visitas gratuitas ao Curtir Ciência no Dia Mundial do Turismo

O Dia Mundial do Turismo celebra-se a 27 de Setembro é uma data que visa mostrar a importância do Turismo e o seu valor cultural, económico e social.

DSC_0286

O Município de Guimarães, através da Divisão de Turismo, assinala a data com várias atividades.

O Curtir Ciência - Centro Ciência Viva associa-se à efeméride oferecendo visitas guiadas gratuitas ao interior e exterior do edifício (Antiga Fábrica de Curtumes da Ramada), em Português e ou Inglês, às 11:00 e às 16:00 horas.

image003

VIMARANENSES CAMINHAM À DESCOBERTA DAS AVES JUNTO AO RIO SELHO

À descoberta das aves junto ao rio. 22 SET  | 9:00 - 12:00

“À descoberta das aves junto ao rio” é o mote para o segundo percurso “Rio Acima” organizado pelo Centro Ciência Viva de Guimarães – Curtir Ciência.

A iniciativa realiza-se sábado, dia 22 de setembro, das 9:00 às 12:00, e inclui um percurso pedestre entre a Horta Pedagógica de Guimarães (ponto de encontro) e o final do Caminho Real, ao longo do rio Selho, na designada Veiga de Creixomil.

image003

A participação é gratuita mediante inscrição online.  Os percursos do Curtir Ciência integram-se no projeto nacional “Por este rio acima: Património natural e água”, coordenado pela agência Ciência Viva.

MUNICÍPIO DE GUIMARÃES LEVA A CIÊNCIA ÀS ESCOLAS

Curtir Ciência leva atividades científicas às escolas

Programa faz parte da Componente de Apoio à Família, a cargo do Pelouro de Educação do Município de Guimarães e abrange alunos do pré-escolar e do 1º ciclo.

explosao de cores

Um secador que dispara bolas de ping-pong, um vulcão em atividade a expelir lava vermelha, uma garrafa com água que parece mágica – são algumas das muitas atividades que o Centro Ciência Viva de Guimarães (CCVG) - Curtir Ciência está a levar a várias escolas do 1º Ciclo do concelho no arranque do novo ano escolar 2018-2019.

Estas sessões diárias de Ciência nas escolas são coordenadas pelo Pelouro da Educação do Município de Guimarães no âmbito da CAF – Componente de Apoio à Família e prolongam-se por todo o 1º período de aulas.

“É um projeto extremamente aliciante e positivo, em boa hora lançado pelo Pelouro da Educação, que permite o estímulo à curiosidade científica de alunos do 1º ciclo”, salienta Sérgio Silva, Diretor Executivo do Curtir Ciência.

Por seu turno, Adelina Pinto, Vice-Presidente da Câmara Municipal e responsável pelo Pelouro da Educação, realça o papel do Centro Ciência Viva enquanto “espaço vital no novo paradigma de ensino que contempla mais interatividade e estimulação nos alunos”. Esse relevo, adianta esta responsável, “já tinha sido determinante para a parceria com o CCVG na coordenação das visitas dos alunos do 3º ano ao Curtir Ciência. Agora, o Pelouro da Educação assegura também as sessões itinerantes do CCVG pelas escolas, compostas por experiências científicas educativas e divertidas”.

O Município de Guimarães já assegurava as Atividades de Animação e Apoio à Família no Pré-escolar; agora, procurando consolidar o Projeto Educativo Municipal iniciado em 2016, alarga a sua abrangência aos alunos do 1º Ciclo do ensino básico. Os objetivos são os mesmos: assegurar o acompanhamento dos alunos, antes e ou depois das componentes do currículo e das AEC (Atividades de Enriquecimento Curricular), bem como, durante os períodos de interrupção.

As atividades da CAF garantem o acompanhamento dos alunos do 1.º ciclo nos períodos que vão além da componente curricular e durante os períodos de interrupção letiva, adequando a resposta educativa à organização e necessidades das famílias, mediante a oferta de uma diversidade de atividades relevantes para a formação integral dos alunos, orientadas por princípios de qualidade, adequação pedagógica e de igualdade de oportunidades. Tudo em estreita articulação com os agrupamentos de escolas.

As atividades de CAF visam garantir uma resposta social às famílias no que respeita ao acompanhamento dos alunos; assegurar que os alunos usufruam de momentos de diversão que contribuam não só para o seu equilíbrio emocional e psicológico, como também para o desenvolvimento da capacidade de concentração e contribuir para a formação dos alunos nas dimensões pessoal, social e humana.

IMG_1479

FALECEU O SR. JOÃO SILVA DO GRUPO FOLCLÓRICO DE SÃO TORCATO – O FOLCLORE ESTÁ DE LUTO!

Acaba de falecer o sr. João Silva que deveria ser o mais antigo dançador de folclore do país.

41992070_1158927014264483_3249634722157953024_n

Com cerca de oitenta anos e a dançar há mais de sessenta no Grupo Folclórico de São Torcato – Guimarães, era vê-lo com uma vivacidade e alegria em cima do palco… e em nada ficava atrás dos mais jovens!

E, sempre por onde passava, o público, em particular os componentes de outros ranchos folclóricos, olhavam-no com admiração e respeito. Era um verdadeiro jovem que ali bailava como nenhum outro.

O sr. João Silva partiu para a eternidade. Que descanse em paz!