Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

FAMALICÃO CELEBRA 30 ANOS DE GEMINAÇÃO COM SAINT FARGEAU

Famalicão e Saint Fargeau celebram 30 anos de geminação

Vila Nova de Famalicão e Saint Fargeau Ponthierry, de França, celebraram neste fim de semana o 30.º aniversário de geminação entre os dois municípios, renovando a Carta de Amizade que liga as duas comunidades desde o dia 11 de junho de 1989 num espírito de abertura e de modernidade, de fraternidade e de cooperação para as gerações futuras.

Famalicão e Saint Fargeau (1).jpg

Os votos de amizade foram renovados no Dia da Cidade de Saint Fargeau Ponthierry que decorreu neste domingo, 14 de julho, e onde esteve uma delegação famalicense pesidida pelo Vereador da Educação, Conhecimento e Cultura, Leonel Rocha, e que integrou o ex-presidente da Câmara, Agostinho Fernandes, que celebrou o acordo de geminação original em 1989.

Em Outubro, aquando a realização em Vila Nova de Famalicão da International Week 2019, será realizado o processo inverso, com a deslocação de uma comitiva de Saint Fargeau a Vila Nova de Famalicão. Saint-Fargeau-Ponthierry é uma comuna francesa localizada na região administrativa da Île-de-France, no departamento Sena e Marne.

ass. RAHBVV (2).JPG

OS FILHOS DE AMARES JAMAIS ESQUECERÃO AS SUAS ORIGENS!

Empresário amarense conquista o mundo com material desportivo para guarda-redes. HO Soccer distribuiu cerca de 200 mil pares de luvas por ano

A marca de luvas de guarda-redes HO Soccer lançou-se no mercado em 2001 e tem vindo a crescer exponencialmente e a conquistar, com determinação, um lugar no mundo do futebol. Com um armazém de distribuição sediado no concelho de Amares, é atualmente, uma das marcas mais usadas a nível amador e profissional e detentora de uma extensa coleção de luvas, disponível em vários cortes e estilos e, ainda, de uma variedade de outros produtos destinados a guarda-redes. O internacional Eduardo, do Sporting Clube de Braga, e Willy Caballero do Chelsea Argentino são apenas dois exemplos dos grandes nomes do futebol 11 que envergam a marca.

IMG_20190704_104455.jpg

Numa perspetiva de continuidade de aproximação aos empresários do concelho, o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, acompanhado pelo vereador do Desporto, João Esteves, visitou as instalações da empresa e congratulou-se com mais um bom exemplo de sucesso do setor empresarial amarense.

“Fiquei muito agradado com o projeto desta empresa e com a dinâmica que implementa no nosso concelho ao nível da economia. O José é um jovem empreendedor que tem uma visão de negócio muito aprimorada, que está muito bem lançado no mercado, com um grande volume de negócio em quase todo o mundo, e o facto de ter escolhido o nosso concelho para se instalar constitui para nós um motivo de muito orgulho”, referiu, Manuel Moreira, sublinhando a importância de continuar a apostar num concelho inovador e competitivo, que dê respostas de qualidade aos desafios impostos pela realidade económica atual.

Natural de França mas com raízes no concelho de Amares, na freguesia de São Vicente do Bico, de onde são naturais os familiares, José Mendes, um dos sócios da marca desvendou um pouco daquilo que poderá ser a chave do êxito da empresa, que começou por ser um pequeno negócio nacional e que hoje em dia domina o mercado internacional, nomeadamente, Espanha, Japão, Estados Unidos e Brasil, entre outros.

“Um guarda-redes possui necessidades especiais em relação aos outros jogadores e a competitividade do mercado impõe padrões altos e nós trabalhamos muito para garantir que oferecemos sempre a melhor linha de material possível”. “Comecei com o meu sócio o lançamento de uma marca a nível nacional e depois fomos crescendo a nível internacional. Aqui em Portugal trabalhamos mais como armazém, em Espanha como escritório e depois temos a nossa fábrica no Paquistão”, mencionou José Mendes, dizendo que desde a ideia inicial, passando pelo design até à criação do material todos os produtos são concebidos pela marca.

A título de exemplo, de acordo com o empresário, são distribuídos mais de 200 mil pares de luvas por ano.

“É de facto um número impressionante e que demonstra a quão bem cotada está esta empresa a nível mundial. Nós tivemos conhecimento que a HO Soccer tinha aqui as suas instalações e que já é uma empresa grande ao nível do material desportivo, tivemos curiosidade em conhecer as instalações e confesso que foi uma agradável surpresa”, indicou o vereador do Desporto do Município de Amares, João Esteves. “Confirma-se que é uma empresa que está no top ao nível do material desportivo, neste caso de guarda-redes de futebol, e é enriquecedor para o nosso concelho ter uma empresa desta dimensão”, conclui desejando as maiores felicidades ao empresário.

DELEGAÇÃO FRANCESA DE LILLE EXPLORA FAMALICÃO

O Município de Vila Nova de Famalicão recebeu ontem, 4 de julho, a visita de uma delegação de decisores públicos e privados de Hauts-de-France, Região Administrativa do Norte de França, iniciativa da Câmara de Comércio Internacional (CCI) Hauts-de-France em conjunto com o Comité France Portugal da região.

Delegação de Lille em Famalicão.jpg

A deslocação a Famalicão da delegação francesa, surge na sequência de uma série de encontros bilaterais que têm sido desenvolvidos entre o município famalicense e a cidade francesa de Lille, capital daquela região, no sentido de uma relação estratégica institucional conjunta.

Presidida por Luc Doublet, da CCI Região Hauts - de - France, a delegação foi recebida pelo presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, nos Paços do Concelho, e tomou contacto com a capacidade instalada no concelho, ao nível económico e empresarial, sobretudo ao nível do Setor Têxtil, com deslocações à empresa Riopele, à incubadora Famalicão Made IN e à Associação Têxtil e Vestuário de Portugal, com sede no CITEVE. Uma visita ao Espaço Famalicão Made IN, conduzida pelo vereador da Economia, Inovação e Empreendedorismo, Augusto Lima, mostrou a capacidade instalada de Famalicão ao nível das respostas e apoio aos investimentos empresariais.   

Recorde-se que o município de Vila Nova de Famalicão está a desenvolver um ambicioso processo de internacionalização do concelho com aproximações estratégicas a municípios europeus numa ótica de partilha de conhecimentos e de crescimento conjunto.

SARDINHADA EM PARIS (DRANCY) JUNTOU 2500 LUSO – PORTUGUESES

Consideradas já uma referência na comunidade portuguesa radicada na região de Paris e um pouco na França, (numa organização de um grupo de nossos compatriotas e Pontelimenses que dirigem a Associação dos Amigos de Portugal de Drancy), a qual foi responsável nos dois últimos fins de semana por festividades que reuniram milhares de luso – portugueses, os seus eventos sucedem-se uns aos outros!

27062019-2.jpg

Assim, no Sábado 15 de Junho, aquela instituição representativa de tradições lusitanas naquele município que dista uma dezena e meia de quilómetros de Paris, participou na Festa da Cidade, no Parque da Duquesa. O programa repartiu-se entre cantares e comida portuguesa, designadamente grelhados de carne e peixe, tudo regado com vinhos verdes e maduros, para as centenas de participantes que responderam ao convite.

Mas, uma semana volvida, e eis nova e vincante Festa da comunidade lusíada, em comemoração do mês popular junino!

O Sábado 22 e o Domingo 23 do corrente, juntaram no Ginásio Auguste Delaune e exterior, mais de 2500 pessoas, na sua maioria luso – portugueses, oriundos do Minho às Beiras.

Como manda a tradição, o ponto alto dos festejos foi a sardinhada, com duas centenas de quilos do peixinho assado nas brasas. Para completar as escolhas de menú, também não faltaram enchidos, fumados, vinhos, doces e demais iguarias, na sua maior parte encomendados em Portugal.

Na animação, há a salientar a noite de Sábado animada por Carlos Pires e sua Banda, e na tarde de Domingo, principalmente os anfitriões: o grupo folclórico Romarias do Minho, dirigido pela conterrânea Glória da Silva, natural da freguesia limiana da Seara.

Mas, o calendário de eventos de Drancy para o corrente ano prosseguirá com outros, marcantes, para a lusofonia.

Para o Domingo de 6 de Outubro, está agendado um Encontro para saborear o que é bom das nossas terras, especialmente com cheirinho a Ponte de Lima e Minho, cujo programa será tornado público em Agosto próximo.

Tito Morais / https://www.luso.eu/

 

A MEMÓRIA HISTÓRICA DOS “BIDONVILLES” PORTUGUESES EM FRANÇA

30128522348_0068acc1a9_b

  • Crónica de Daniel Bastos

Um dos capítulos mais marcantes da história da emigração portuguesa é seguramente o ciclo da emigração lusa para França nos anos 60, derivado ao processo de reconstrução gaulês do pós-guerra. Que em parte, foi suportado por um enorme contingente de mão-de-obra portuguesa pouco qualificada, que encontrou nos setores da construção civil e de obras públicas da região de Paris o seu principal sustento.

Num país estruturalmente condicionado pelo regime autoritário e conservador que vigorou em Portugal entre 1933 e 1974, a miséria rural, a ausência de liberdade, a fuga ao serviço militar e a procura de melhores condições de vida, impeliram entre 1954 e 1974, a saída legal ou clandestina, de mais de um milhão de portugueses em direção ao território francês

Essencialmente masculino e oriundo das regiões rurais do norte e centro do país, o fluxo migratório em massa com destino à França, ficou desde logo assinalado pela vida difícil dos portugueses nos “bidonvilles” dos arredores de Paris. Enormes bairros de lata, com condições de habitalidade deploráveis, sem eletricidade, sem saneamento nem água potável, construídos junto das obras de construção civil, como os de Saint-Denis ou Champigny, que na década de 60 albergou mais de uma dezena de milhares de portugueses, tornando-se um dos principais centros de distribuição de trabalhadores de nacionalidade lusa em França.

Embora os “bidonvilles” não tenham constituído a residência predominante dos emigrantes lusitanos em território francês, como aponta o investigador em Geografia Humana, Hélder Diogo, “menos de 20% dos portugueses chegaram a viver nestes espaços”, a crise do alojamento francês no pós-guerra, e o projeto pessoal do emigrante de amealhar e poupar o máximo para regressar à terra de origem com o sonho de construir uma casa, esta forma de habitação e acolhimento marcou a primeira fase de chegada dos emigrantes portugueses a França.

O vislumbre dos tempos em que muitos portugueses viveram nos “bidonvilles”, constituiu na atualidade um dever de memória e de homenagem aqueles que com sacrifício alcançaram o direito a uma vida melhor, e um alerta à consciência das novas gerações lusas que não se podem afastar do espirito de solidariedade entre os povos e nações, porquanto essa é uma marca indelével da mundividência dos seus antepassados.

TERRAS DE BOURO GEMINA-SE COM LE BEAUSSET (FRANÇA)

Geminação com Le Beausset proporciona visita a França

No âmbito do processo de geminação com a localidade francesa de Le Beausset e no período dedicado às Festas de Portugal, a 8 e 9 de Junho, uma comitiva de terrabourenses deslocou-se a França.

20190608_123707(0).jpg

Para além da participação num torneio convívio de futebol entre atletas das duas localidades, realizaram diversas atividades de intercâmbio social e cultural, destacando-se a receção nos Paços do Concelho de Le Beausset, onde o Presidente da Câmara local, Georges Ferrero e todo o respetivo executivo deram as boas vindas e comprometeram-se a desenvolverem novas atividades no sentido de fortalecer os laços nossas duas comunidades.

Por fim,  a Câmara Municipal não pode deixar de enaltecer o trabalho e dedicação que o Sr. Fernando Pereira, pessoa responsável pela geminação da localidade francesa, tem tido ao longo de muitos anos contribuindo para promover e integrar a comunidade portuguesa em Le Beausset, e aos terrabourenses que planearam e organizaram este intercâmbio desportivo e cultural.

20190608_123816.jpg

20190608_160707(2).jpg

20190608_160841(0).jpg

20190608_181538.jpg

20190608_181546.jpg

CELORICO DE BASTO FESTEJA COM CIDADES GEMINADAS

Celorico de Basto participou em fim-de-semana cultural promovido em houilles, Paris, cidade geminada

O Comité de Geminação de Houilles promoveu um fim-de-semana cultural, de 7 a 9 de junho, com as vilas com as quais estabeleceu um protocolo de geminação no qual esteve integrada a comitiva de Celorico de Basto.

cerimoniaMAIRIE.jpg

Este fim-de-semana foi um momento de aproximação com a comunidade de Houilles que tem uma experiência de 45 anos de intercâmbios com as vilas geminadas. Nesta visita em particular, e como muitas das atividades da geminação vivem da reciprocidade, a comissão de Geminação de Celorico de Basto teve a oportunidade de incluir membros da Universidade Sénior de Celorico de Basto que, em atividades futuras promovidas neste concelho, também serão anfitriões no acolhimento de famílias de muitos países.

“Esta partilha de experiências e de conhecimento cultural e social é a principal forma de criar laços entre comunidades geminadas. É fundamental que as comunidades fortaleçam as relações, conhecendo-se mutuamente e, a partir dai, intensificar uma ligação com intercâmbios mais produtivos para ambas as vilas geminadas” referiu Joaquim Mota e Silva, ciente da responsabilidade destes protocolos de geminação.

Em Houilles, a comitiva presidida pelo Presidente da Comissão de Geminação de Celorico de Basto, Fernando Vilas Boas, agradeceu a forma calorosa como foram recebidos pelo Presidente do Comité de Geminação de Houilles, Joel Zani, e pelo Presidente da Câmara Municipal de Houilles, Alexandre Joly. “Fomos muito bem recebidos por todos e aproveitamos os momentos culturais e históricos promovidos pelo comité de Geminação de Houilles para conhecer o mais possível da cultura desta região. Em paralelo, conhecemos os outros comités geminados com Houilles, e participamos em reuniões de trabalho conjuntas para planificação de atividades futuras.

Durante os três dias, a comitiva orientou-se por um programa previamente estabelecido pelo Comité de Geminação de Houilles onde não faltou a receção na Câmara Municipal, a vista à  cidade de Chartres, e respetiva catedral, e o convívio com as famílias de acolhimento, tal como se prevê em Celorico de Basto aquando da vinda da Comitiva de Houilles e outras cidades geminadas, para participar na Feira de Artesanato e Gastronomia e Festa Internacional das Camélias.

houillesSALA.jpg

IMG_20190608_122107.jpg

IMG_20190608_131132.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE COM OS EMIGRANTES A PROMOVER ARCOS DE VALDEVEZ EM TERRAS DE FRANÇA

Entre os dias 7 e 9 junho, o Município de Arcos de Valdevez, representado pelo Presidente da Câmara, João Manuel Esteves, pelo Vereador Olegário Gonçalves e pela ARDAL, voltou a participar em mais uma edição da Feira Anual de Artesanato e Gastronomia Portuguesa de Cenon, promovida pela Associação Alegria Portuguesa de Gironde e pelo município de Cenon e da Feira Lusitana de Gastronomia e Artesanato de Toulouse, promovida pela Associação Nossa Senhora de Fátima, a Associação A Cabana e o Rancho Folclórico “Vila Rosa”.

IMG_20190608_123405.jpg

Para o autarca “Estes são momentos de encontro com a comunidade portuguesa, e em especial a arcuense, bem como um forte veículo de promoção de Arcos de Valdevez”, referiu, adiantando também que “Nestes certames promovemos a nossa cultura, as nossas potencialidades, o nosso saber fazer e o nosso tecido empresarial. Transmitimos além-fronteiras as vantagens de pertencermos a um concelho onde é bom viver, trabalhar, investir e visitar.”

João Esteves aproveitou ainda para “felicitar e agradecer o empenho de todos os promotores e participantes, pela dinâmica e proximidade criada entre comunidades.”

A Câmara Municipal tem participado, incentivado e apoiado a realização destas e de outras iniciativas em vários países, pois está empenhada no reforço de laços e na criação de dinâmicas sociais, culturais e económicas, indispensáveis ao desenvolvimento e promoção do concelho de Arcos de Valdevez.

IMG_20190608_191508.jpg

IMG_20190608_225217.jpg