Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

RANCHO FOLCLÓRICO DA CASA DO MINHO – DECANO DO FOLCLORE MINHOTO NA REGIÃO DE LISBOA – COMEMORA 75 ANOS DE DIVULGAÇÃO DAS NOSSAS TRADIÇÕES NA CAPITAL DE PORTUGAL!

Constituído em 1943, o Rancho Folclórico da Casa do Minho é o mais antigo agrupamento folclórico minhoto na região de Lisboa.

10409468_1422446658034434_4138927194034844996_n

Integrando a Casa do Minho, fundada em fundada em 1923, de igual modo a mais antiga agremiação regionalista minhota sediada na capital com vista a congregar as gentes da região d’Entre-o-Douro-e-Minho ali radicadas, com a finalidade de defender os interesses do Minho e das suas gentes.

P1120503

O Rancho Folclórico da Casa do Minho tem como objectivo divulgar a etnografia e a cultura minhota, fruto de uma recolha feita com rigor e critério ao longo de muitos anos no Alto e no Baixo Minho.

Esta recolha baseia-se na música, nos cantares e nas danças, assim como nos trajes típicos que os seus elementos envergam.

Sob a divisa “Pelo Minho e pelos minhotos!”, comemora a Casa do Minho 95 anos de Regionalismo – e o Rancho Folclórico da Casa do Minho 75 anos de Folclore – como um estandarte a erguer-se em prol do Minho!

A comunidade minhota que vive na região de Lisboa – naturais e seus descendentes – celebram ambas as efemérides com o mesmo entusiasmo com que certamente os seus fundadores experimentaram no acto inaugural.

O BLOGUE DO MINHO endereça a todos os sócios e dirigentes da Casa do Minho e do seu Rancho Folclórico as mais cordiais felicitações, augurando-lhes mais e maiores êxitos na sua caminhada!

15625996_1279982578712075_8610819901668532075_o

20988327_10209469386041304_7803292463936448932_o (1)

fatima 2016 (1)

foto batalha 1

8334A580-3CFB-47EE-BA84-94D1C8BB875A

PONTE DE LIMA LEVA A LOURES ALHEIRA DE GALO E ARROZ DE SARRABULHO À MODA DE PONTE DE LIMA E O GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO ANIMA A FESTA

Estão quase esgotadas as inscrições para o almoço de arroz de sarrabulho com rojões à moda de Ponte de Lima e a alheira de galo, numa iniciativa do Grupo Folclórico Verde Minho em parceria com os restaurantes de Ponte de Lima. Mas, praticamente metade das inscrições já estão asseguradas, devendo as mesmas ficarem esgotadas dentro de pouco tempo!

IMG_6274

A iniciativa vai ter lugar no próximo dia 3 de Fevereiro em Loures, a ter lugar na cantina da Câmara Municipal de Loures.

Sob a experiente batuta do Chefe Paulo Santos, da Casa de S. Sebastião, na freguesia limiana de S. Pedro de Arcos, espera-se uma adesão bem mais superior à verificada no ano passado. Os comensais vão ter a oportunidade de saborear uma das requintadas obras do paladar da gastronomia minhota e portuguesa em geral – o arroz de sarrabulho com rojões à moda de Ponte de Lima!

Trata-se, realmente, de uma iniciativa a não perder e cuja inscrição não deve ser relegada para mais tarde… os contactos são os seguintes:

- Teotónio Gonçalves – 964 006 657

- Mário Oliveira – 914 080 246

IMG_6307

CapturarAlmoçoSarrabulho2019

GRUPO DE FOLCLORE DAS TERRAS DA NÓBREGA REALIZOU EM CARNAXIDE TARDE DE FOLCLORE COM CASTANHAS E VINHO À MODA DO MINHO

“Ponte da Barca,

Sempre formosa e contente!

É tanta a graça,

Que cativa toda a gente!”

- Hino de Ponte da Barca

Castanhas e Minho” – foi sob esta divisa que teve hoje lugar em Carnaxide, mais uma tarde de folclore.

O Salão Paroquial de Centro Cívico de Carnaxide, concelho de Oeiras, recebeu muitos minhotos que apreciaram a actuação do Grupo Folclórico da Associação Cultural e Recreativa de Conde – São Martinho – Guimarães, do Grupo Folclórico de Paço Vedro de Magalhães – Ponte da Barca e, naturalmente, do anfitrião Grupo de Folclore das Terras da Nóbrega, justamente considerado uma dos mais lídimos e representativos grupos folclóricos minhotos sediados em Lisboa.

DSCF2915 (2)

Com mais de 5 anos de existência, o Grupo de Folclore das Terras da Nóbrega foi constituído na região de Lisboa por um punhado de minhotos e seus descendentes, oriundos na sua maior parte dos concelhos que outrora constituíam as Terras da Nóbrega, predominantemente os concelhos de Ponte da Barca e Vila Verde, precisamente a região frequentemente designada por “Alto Minho Interior”.

O evento que hoje teve lugar contou com a participação de representantes de outros grupos folclóricos minhotos e casas regionais sediadas na região de Lisboa, para além de autoridades locais, num claro gesto de reconhecimento pela importância e trabalho desenvolvido do Grupo de Folclore das Terras da Nóbrega sob a orientação experiente do engenheiro Artur Brito. A apresentação coube ao Dr. Carlos Cardoso, personalidade bem conhecida do associativismo e do folclore no concelho de Oeiras.

DSCF2884 (2)

DSCF2873

DSCF2878

DSCF2880

DSCF2889

DSCF2890

DSCF2909

DSCF2924

DSCF2925

DSCF2927 (2)

DSCF2928 (2)

DSCF2929

DSCF2933 (2)

DSCF2936 (3)

DSCF2951

DSCF2958

DSCF2962

DSCF2964

DSCF2974

DSCF2984

DSCF2985

DSCF2987

DSCF2988

DSCF2989

BOMBOS DE LAVACOLHOS RUFAM NO FOLKLOURES’19

Iniciativa do Grupo Folclórico Verde Minho com o apoio da Câmara Municipal de Loures, no âmbito do FolkLoures’19

O Grupo de Bombos de Lavacolhos – Fundão vai participar no Festival intercultural que terá lugar no dia 6 de Julho de 2019. A próxima edição do FolkLoures decorre de 29 de Junho a 6 de Julho de 2019, e incluirá conferências, exposições, feira de produtos tradicionais e um festival de folclore a ter lugar no Parque da Cidade, em Loures.

CapturarLavacolhos

Os Bombos de Lavacolhos constituem um verdadeiro cartão-de-visita da aldeia de Lavacolhos, do concelho do Fundão e, de uma maneira geral, dos usos e costumes da região da Beira Baixa. Trata-se essencialmente de um grupo de animação de rua, constituído por três bombos, duas caixas, pífaro e coro.

Os bombos são de tais dimensões que necessitam de ser apoiados sobre a coxa esquerda do tocador enquanto este caminha, lançando-o por vezes bem alto, o que torna a sua execução muito peculiar conferindo-lhe um ritmo marcial.

Na construção do bombo usam preferencialmente peles de burro, deixando sempre à vista pedaços de pêlo mal rapado.

Layout 1

CASA DO MINHO NO LUXEMBURGO ESTÁ A CRIAR RANCHO FOLCLÓRICO

Casa do Minho no Luxemburgo procura jovens para rancho folclórico

A recém-criada associação Casa do Minho no Luxemburgo procura jovens e menos jovens com gosto pelo folclore e tradições minhotas para a formação de um rancho folclórico. Procuram tocadores, dançarinos, cantadores e cantadeiras.

Para mais informações contacte a presidente da associação, Carminda Oliveira.

Os ensaios estão marcados para as quintas-feiras a partir das 20h30 na sala Don Bosco em Pfaffenthal.

Fonte: http://bomdia.lu/

naom_502e9f6895ee0

JOVENS FOLCLORISTAS REÚNEM-SE AMANHÃ EM VISEU - FOLCLORE É UMA PALAVRA JOVEM!

O Congresso de Jovens Folcloristas reúne amanhã em Viseu, nas instalações do Viseu Arena, numa iniciativa da Federação do Folclore Português.

40561804_1788833471166268_6199167271751909376_n

Atendendo a que 2018 será o Ano Europeu do Património Cultural, com o objetivo de celebrar a diversidade e a riqueza do património cultural europeu e de sensibilizar os cidadãos para a História e valores europeus, de modo a promover o diálogo intercultural e a coesão social; pretendendo demonstrar as diferentes oportunidades oferecidas pelo património cultural, bem como os desafios que este enfrenta, sugere-se que o tema do Congresso da FFP para jovens folcloristas 2018 seja em torno deste assunto, enquadrado pelos grandes objetivos da promoção da diversidade cultural, do diálogo intercultural e da coesão social, visando chamar a atenção para o papel do património no desenvolvimento social e económico.

Será um momento importante para chamar a atenção não só para as oportunidades que o património cultural, tradicional e popular nos oferece, mas também para os imensos desafios que hoje se nos colocam.

VETERANOS DA CASA DO MINHO DO RIO DE JANEIRO COMEMORAM 21 ANOS A DANÇAR

Gostaríamos de convidá-los para a comemoração dos 21 anos de sucesso dos nossos Veteranos que mantêm viva as tradições de Portugal, através dos cantos e das danças do Alto Minho!

No cardápio churrasco completo com saladas variadas.

Para dançar o conjunto "Os Amigos do Alto Minho".

O folclore ficará por conta dos nossos Veteranos e do Rancho convidado, os Camponeses de Portugal! Reservas pelos telefones (21) 2225-1820 | (21) 2205-4698 ou pelo email contato@minho.com.br.

Reservas pelos telefones (21) 2225-1820 | (21) 2205-4698 ou pelo email contato@minho.com.br

45132928_1894645210614059_509627320261148672_n