Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ARTISTAS MINHOTOS VÃO A OURÉM ANIMAR A FESTA COMEMORATIVA DOS 24 ANOS DA VILA DA FREIXIANDA

Em junho a Freixianda assinala dia da freguesia e 24º Aniversário de elevação a vila

De 21 a 23 de junho decorrem em Freixianda, no norte do concelho de Ourém, as suas tradicionais celebrações de evocação de elevação a vila. No programa há animação musical, tasquinhas, folclore, desfile da Charanga da GNR, exposições de artesanato e ainda uma exposição de maquinaria agrícola e automóvel.

47319633_1917418215022586_393209401319620608_n.jpg

Participam nas tasquinhas oito coletividades da freguesia com pratos que vão desde a “Chanfana à moda da Ribeira” à “Perna de Porco no espeto com migas”. No que toca à animação está prevista uma sardinhada popular, jogos escutistas, marchas populares, Festival de Ranchos, e um Passeio Pedestre.

O programa musical é encabeçado por Quim Barreiros, dia 22, sábado, pelas 23h00.Foka Energie sobe a palco pelas 22h00 de dia 21, sexta-feira; “Só Ritmo”” atua antes e depois de Quim Barreiros dia 22 , sábado dia 23; o Grupo PA 3 encerra as festas dia 23, domingo, a partir das 22h00. Destaque também para a presença dia 21 de Pedro Cachadinha e seus amigos na sexta feira ás 20h00. No Sábado dia 22 ás 21h00 atuará a Marcha da Pelmá. No Domingo dia 23 haverá um desfile pelas ruas pela Charanga a Cavalo da GNR que depois atuará no Largo do Mercado. Também no domingo ás 18h30 haverá uma tarde de folclore.

47484893_1917415915022816_7183930580403224576_n.jpg

Programa

Sexta feira dia 21 ( dia da Freguesia)

19h30 – Sardinhada Popular

20h00 – Atuação de Pedro Cachadinha e seus amigos

22h00 – Atuação de Foka Energie

Sábado dia 22

21h00 – Atuação da Marcha da Pelmá

22h00 Atuação do Grupo “ Só Ritmo”

23h00 Actuação de Quim Barreiros e sua Banda

00h30 Continuação da atuação do Grupo “ Só Ritmo”

Domingo dia 23

17h00 Desfile da Charanga a cavalo da GNR pelas ruas da vila

17h30 Atuação da Charanga a cavalo  da GNR no Largo Juvêncio Figueiredo

18h30 – Tarde de Folclore

22h00 – Atuação do Grupo PA3

48356500_1920334921397582_6426215069972955136_n.jpg

MONÇÃO FESTEJA EM HONRA DE NOSSA SENHORA DA CABEÇA

Muito concorrida por romeiros portugueses e galegos, a Festa em Honra à Nossa Senhora da Cabeça, em Cortes, realiza-se nos dias 21, 22 e 23 de abril. O principal dia da festa é na terça-feira, dia 23, reservando aos fiéis os momentos mais solenes da festividade.

A entrada da Banda Musical de Monção tem lugar às 9h00, seguindo-se, pelas 11h00, missa solene com sermão, seguida de majestosa procissão acompanhada de quadros bíblicos e orquestrada pela Banda Musical de Monção.

Com a finalidade de melhorar as condições disponibilizadas aos visitantes e prevenir eventuais contratempos climatéricos, a festividade deste ano conta com uma área coberta de mil metros quadrados, onde se localizam os expositores comerciais e gastronómicos.

Além do seu aspeto festivo, com atuação de grupos populares e orquestras galegas, a celebração da Senhora da Cabeça, logo a seguir à Páscoa, assume-se, desde muitas décadas, como uma festa dedicada ao convívio e confraternização com famílias inteiras a fazerem o “merendeiro” nas zonas sombreadas próximas da capela.

Em tempos idos, quando Monção ainda tinha a estação de comboios em funcionamento, milhares de pessoas deslocavam-se, nestes dias, da sede do concelho até ao apeadeiro de Cortes, num percurso de três a quatro quilómetros. A afluência era tanta que a CP fazia horários especiais para cobrir as necessidades da procura.

Ao caráter festivo e confraternizador da festa, junta-se uma acentuada e sentida carga religiosa. O interior da capela está sempre lindíssimo, sendo habitual a presença de crentes no “pagamento” de promessas. Por tradição, adquirem uma cabeça de cera de Nossa Senhora e cumprem o prometido na procissão ou à volta da capela.

VIA SACRA DE MAXIMINOS ABRE PERÍODO COMEMORATIVO DA SEMANA SANTA DE BRAGA

14 de abril de 2019 pelas 21h30

A maior Via Sacra ao vivo da Península Ibérica volta a sair às ruas de Maximinos, em Braga, já amanhã, 14 de abril, pelas 21h30. A XIV edição trará consigo muitas novidades, que garantirão um envolvimento maior da comunidade, mas também de reflexão. Este momento marca o arranque da Semana Santa de Braga.

Protagonizada por associações da freguesia de Maximinos, Sé e Cividade, a Via Sacra, iniciada em 2005, trará para as ruas da freguesia milhares de espectadores. Com 10 cenários criados de raíz e 15 estações, a Via Sacra de Maximinos envolve mais de 300 voluntários – entre figurantes e staff -, a organização espera ver o número de espectadores aumentar consideravelmente face à edição de 2017, ano em que saiu pela última vez à rua.

No percurso, que se estenderá entre o Largo do Penedo e o Monte de São Gregório, será possível assistir, através da representação de mais de 180 personagens, ao caminho feito por Cristo até ao Calvário.

A edição de 2019 contará com algumas reformulações no cenário, mas também nas condições garantidas aos espectadores com a alocação de dois ecrãs gigantes no início e final da Via Sacra, de forma a serem transmitidos os momentos-chave da encenação da mesma.

Pela primeira vez, a Via Sacra terá também disponível para pessoas com necessidades específicas (visual, intelectual, motora e auditiva) um serviço que permitirá acompanhar toda a representação.

Recorde-se que esta encenação junta várias gerações, tendo, a título de exemplo, o figurante mais novo 7 anos de idade e o mais velho 80.

Condicionamentos ao trânsito devido à Via Sacra de Maximinos 

  • Proibição de estacionamento no Lugar do Penedo ‘interior’ das 18h00 do dia 12 de Abril às 23h59 do dia 14 de Abril;
  • Proibição de estacionamento das 00h00 às 23h59 do dia 14 de Abril na Rua Costa Gomes, Lugar do penedo (interior), Avenida de S. Gregório, estacionamento em frente à Escola Secundária de Maximinos;
  • Trânsito proibido das 16h00 às 23h59 do dia 14 de Abril na Rua Costa Gomes, Lugar do Penedo, Rua do Penedo, Avenida de S. gregório, Avenida de S. Pedro e Rua dos Órfãos de S. Caetano.

Início da Via Sacra: 21h30

Local: Largo do Penedo, Maximinos. Braga

JOVENS SANTAMARTENSES QUE FIGURARAM NO CARTAZ DE 1959 REGRESSAM À ROMARIA DA SENHORA D’AGONIA

Rostos da Romaria d’Agonia de 1959 em destaque na festa deste ano

Os rostos da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia de há 60 anos vão ser os convidados de honra da festa em 2019.

56730569_2509110159358077_7358142760395735040_n.jpg

Na apresentação do programa geral, realizada esta quinta-feira em Viana do Castelo, foram apresentados os convidados de honra da festa, que em 2019 são precisamente os rostos do primeiro cartaz da Romaria ilustrado com fotografia, em 1959.

É o caso de Rosa Jesus Dias da Silva, popularmente conhecida como Rosa “Rabeca”, hoje com 85 anos, e Agostinho Aurélio Mendes Pereira, de 83 anos, mais conhecido como Agostinho Melro, ambos antigos elementos do Grupo Folclórico de Santa Marta de Portuzelo, freguesia de onde são naturais.

57183840_2509109659358127_8344307147508547584_n.jpg

A festa deste ano vai ainda contar com aquela que já recebeu o título de melhor Charanga a Cavalo do mundo: a da Guarda Nacional Republicana (GNR). A Charanga a Cavalo do Regimento de Cavalaria da GNR é a única no mundo que consegue tocar a galope, sendo por isso das mais apreciadas no estrangeiro e vai o cortejo histórico-etnográfico da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia deste ano.

O filme promocional da Romaria, que será divulgado para todo o mundo, demonstrando como uma festa local se tornou na “Romaria de Portugal” também foi apresentado hoje.

Em 2019, devido ao calendário, a festa prolonga-se por cinco dias, entre sexta e terça-feira, de 16 a 20 de agosto, o que obriga a “alguma imaginação” na programação. Desde logo com quatro noites de fogo-de-artifício, mantendo o Cortejo Histórico/Etnográfico no sábado, a Procissão Solene em Honra de Nossa Senhora d’Agonia no domingo à tarde ou a tradicional Procissão ao Mar e ao Rio na terça-feira, o último dia da festa.

Outra das novidades do programa geral prende-se com o primeiro grande desfile da festa deste ano. Comprovado o sucesso da alteração do horário do Desfile da Mordomia, que se passou a realizar à tarde, essa modificação mantém-se este ano, com a saída agendada para as 16:00 de sexta-feira (16 de agosto), do antigo Governo Civil sem paragens até ao final, no Largo de São Domingos. Contudo, a novidade deste ano consistirá nos cumprimentos às edilidades da parte da manhã, que é a essência do próprio desfile, conforme dita a tradição.

“Para conferir maior dinamismo ao desfile e rigor ao momento dos cumprimentos, vamos fazê-los da parte da manhã, na Câmara Municipal e no fim do desfile ao Digníssimo Bispo da Diocese de Viana, Dom Anacleto Oliveira. Isso tornará o desfile, pelas ruas da cidade, maisfluido e sem paragens até ao Largo de São Domingos”, explicou António Cruz.

A rainha das Romarias de Portugal realiza-se, este ano, de 16 a 20 de agosto em Viana do Castelo.

Fonte: http://www.radiogeice.com/

57154987_2509109179358175_4612018921342500864_n.jpg