Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ESPOSENDE DEBATE LEI DA PROIBIÇÃO DO ABATE ANIMAL

O Município de Esposende vai promover, no próximo dia 12 de outubro, um seminário subordinado ao tema “Lei da proibição do abate: uma ameaça ou oportunidade?”.

CARTAZ

Esta iniciativa insere-se no Plano Estratégico Municipal para o Bem-Estar Animal, tendo em conta o paradigma atual nesta área, nomeadamente a exequibilidade da lei e as implicações para a saúde pública.

Com o objetivo de traçar um cenário sobre a realidade atual, pretende-se num primeiro painel efetuar um enquadramento legal sobre a lei de proibição do abate de animais, contando para o efeito com a presença da Subdiretora Geral da Direção Geral de Alimentação e Veterinária, Graça Mariano, que abordará o tema “A Lei de Proibição do Abate de animais | Enquadramento legal”, de Ricardo Lobo, Membro da Direção da Associação Nacional de Médicos Veterinários dos Municípios, que falará sobre “A Lei de Proibição do Abate de animais | Contexto e realidade” e Sónia Miranda, Membro do Conselho Diretivo Ordem dos Médicos Veterinários, que abordará o tema “O papel da OMV como parte integrante de uma possível resposta para este novo paradigma”.

No final da manhã será constituída uma mesa redonda que centrará o debate neste tema, apresentando a visão e as ideias dos diferentes interlocutores, contando para o efeito com representantes da Câmara Municipal de Esposende, da Direção Geral de Alimentação e Veterinária, da Associação Nacional de Médicos Veterinários dos Municípios, da Ordem dos Médicos Veterinários, da Câmara Municipal de Oeiras e do Canil Intermunicipal de Ponte de Lima.

Já no segundo painel e no período da tarde serão apresentados alguns projetos que se destacam ao nível das boas práticas nesta área, nomeadamente a Embaixada da Holanda, que apresentará o projeto “Holanda, oficialmente país sem animais de rua”, a Câmara Municipal de Oeiras, através do seu vereador, Nuno Neto, apresentará o projeto de promoção da qualidade de vida e bem-estar dos animais e, a concluir, o Plano Estratégico para o Bem-Estar Animal: plataforma colaborativa para socorro de animais feridos de Esposende, com a participação dos Bombeiros Voluntários de Fão, do Serviço Veterinário Municipal e Clínicas Veterinárias associadas.

O seminário decorrerá no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio e a participação é gratuita, mas sujeita a inscrição obrigatória, podendo ser realizada em:

http://www.municipio.esposende.pt/pages/1289

A este evento será, ainda, associada uma “cãominhada”, a realizar no dia 14 de outubro, pelas 10H00, tendo como local de partida o parque situado em frente às piscinas municipais. Esta atividade é aberta a toda a população e pretende sensibilizar para a problemática do abandono de animais e a importância da sua adoção.

IDOSOS DE ESPOSENDE CONVIVEM EM FÁTIMA

Festa do Idoso do Município de Esposende com 2000 participantes

Cerca de dois mil idosos do concelho de Esposende participaram, hoje, na Festa do Idoso promovida pelo Município de Esposende, e que, mais uma vez, decorreu no Santuário de Fátima. 

.

Este evento, que se realiza ininterruptamente há já 23 anos, integra o Programa Ativo Mais, desenvolvido no âmbito da Rede Social de Esposende. Edição após edição regista sempre elevada adesão, refletindo a satisfação da comunidade sénior tanto pela iniciativa em si como pelo destino escolhido, local que é do seu inteiro agrado e que reúne todas as condições para acolher tão elevado número de participantes.

O programa integrou, como habitualmente, a celebração da Eucaristia, pelo Arcipreste de Esposende, Padre Delfim Fernandes, na Basílica da Santíssima Trindade. Seguiu-se o piquenique nos parques do Santuário, proporcionando o convívio entre os participantes, alguns dos quais apenas se reveem nesta oportunidade. No regresso a casa, houve ainda tempo para outro momento de convívio no Parque da Senhora da Saúde, nos Carvalhos, onde não faltou alegria e animação.

Esta iniciativa destina-se aos idosos residentes no concelho, com idade igual ou superior a 65 anos, pessoas portadoras de deficiência com autonomia, com idade superior a 35 anos, e pessoas que frequentam as Instituições Particulares de Solidariedade Social com valência para a terceira idade.

O Presidente da Câmara Municipal, Benjamim Pereira, refere que o Município desenvolve, ao longo de todo o ano e de forma totalmente gratuita, um conjunto muito diversificado de iniciativas que contribuem para a qualidade de vida da comunidade idosa do concelho.

Benjamim Pereira garante que “a continuidade da Festa do Idoso não está em causa, na medida em que é das atividades que os idosos mais apreciam, como o têm largamente expressado”. Lembrou que este evento é fruto do envolvimento de várias pessoas e entidades, pelo que expressou agradecimentos às Juntas de Freguesia e Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho, aos Bombeiros Voluntários de Esposende e de Fão e à Delegação de Marinhas da Cruz Vermelha Portuguesa, que asseguraram o apoio à emergência, bem como aos coralistas que solenizaram a celebração eucarística.

.

CAFÉ MEMÓRIA SENSIBILIZA COMUNIDADE DE ESPOSENDE PARA DEMÊNCIAS

22 de setembro – Casa da Juventude

A Casa da Juventude de Esposende vai acolher, no próximo dia 22 de setembro, às 15h00, uma sessão itinerante do Café Memória, uma iniciativa da Sonae Sierra e da Associação Alzheimer Portugal, em parceria com a Fundação Montepio, a Fundação Calouste Gulbenkian e o Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa.

AF ESPOSENDE A3

Esta ação será o ponto de partida para a criação do “Café Memória” no concelho de Esposende, na sequência do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo Município de Esposende em parceria com Associação Alzheimer Portugal, Centro Social da Juventude Unida de Marinhas e Unidade ConVidaSaúde do Agrupamento de Centros de Saúde Cávado Ill–Barcelos/Esposende.

Neste contexto, o Município aprovou, recentemente, o protocolo a celebrar com a Associação Alzheimer Portugal, Sierra Portugal, S.A e o Centro Social da Juventude Unida de Marinhas com vista a criar no concelho um espaço destinado aos familiares, cuidadores e amigos de pessoas com Alzheimer ou com outro tipo de demência, em que possam partilhar experiências, informação e servir de suporte mútuo, num contexto informal.

Esta sessão pretende, assim, informar e sensibilizar a comunidade sobre as demências, de forma descontraída e informal. Inicia com o acolhimento individual de cada um dos participantes, uma dinâmica de apresentação seguida de uma pausa para café para promover o convívio entre todos. Termina com a apresentação do tema “Vamos falar sobre Doença de Alzheimer e outras demências” por dois técnicos que conduzem a sessão. A participação nesta sessão é gratuita e não necessita de inscrição prévia.

O Café Memória foi lançado em 2013 e consiste numa intervenção comunitária na área das demências complementar à resposta técnica. Conta atualmente com 18 locais de encontro em todo o país e com o contributo de mais de 60 entidades parceiras, a nível nacional e local. Destina-se a pessoas com problemas de memória ou demência, bem como aos seus familiares e cuidadores e concretiza-se com a criação de locais de encontro para partilha de informação, experiências e suporte mútuo, com o acompanhamento de profissionais de saúde ou ação social e voluntários.

Pretende, assim, contribuir para a melhoria da qualidade de vida e redução do isolamento social em que muitas destas pessoas e famílias se encontram e sensibilizar as comunidades locais para a relevância crescente do tema das demências, desconstruindo o estigma que lhe está associado.

Igualmente com o objetivo de sensibilizar a comunidade para a problemática das demências, no dia 21 de setembro, Dia Mundial da Doença de Alzheimer, terá lugar em Esposende o Passeio da Memória, uma caminhada solidária a favor da Associação Alzheimer Portugal.

ESPOSENDE AMBIENTE DIVERTIU AS CRIANÇAS NAS FÉRIAS LETIVAS DE VERÃO

Esposende Ambiente envolveu um milhar de crianças e jovens em atividades de verão

Com o objetivo de ocupar os tempos livres das crianças e jovens durante as férias letivas do verão, a empresa municipal Esposende Ambiente, no âmbito do Plano de Atividades do Centro de Educação Ambiental (CEA) e do Programa da Campanha Bandeira Azul, promoveu, ao longo dos meses de julho e agosto, um conjunto diversificado de atividades ligadas a temáticas ambientais.

CIG_IMG011

Perto de um milhar de crianças e jovens, a título particular ou integrados em instituições concelhias e extra concelhias, tiveram, assim, oportunidade de participar em atividades orientadas para a gestão da rede hídrica do concelho, a politica dos 3 R’s com particular enfoque na reutilização de resíduos e materiais, a importância dos oceanos, a problemática do lixo marinho e os impactes do plástico nos mares e oceanos, a manutenção da biodiversidade marinha, as ciências experimentais e a sustentabilidade das praias.

O programa das Oficinas de Férias de Verão no CEA contemplou a realização de workshops ligados não só à reutilização de materiais, mas também às expressões dramática e plástica, à ilustração e escrita criativas, jogos ambientais dedicados à gestão sustentável do recurso água, bem como atividades relacionadas com as áreas das ciências, onde não faltou a monitorização das margens e da qualidade da água de linhas de água, e a observação de macroinvertebrados. Foram também realizadas várias sessões da peça de teatro de marionetas “Viagem ao fundo do mar”, oficinas de ciências experimentais e ações de limpeza de praias que foram complementadas com trabalho de monitorização da tipologia e quantidade de resíduos recolhidos. Ao nível das ações de limpeza desenvolvidas no espaço praia, e para além das centenas de quilos de resíduos recolhidos pelos voluntários, de destacar a iniciativa “Caça-Beatas” desenvolvida na praia de Ofir, com a colaboração da Onda Magna, e que resultou na recolha de mais de 5000 pontas de cigarros do areal.

CIG_IMG023

Ao longo do ano letivo de 2017/2018, o Centro de Educação Ambiental de Esposende mobilizou milhares de visitantes nas mais variadas atividades e serviços que este equipamento de promoção para a sustentabilidade oferece à população.

Para além da visita à exposição permanente “Ambiente Interativo”, o Plano de Atividades contemplou um vasto leque de propostas de atividades e iniciativas abrangendo várias temáticas e dirigidas a vários públicos-alvo, como oficinas lúdico-pedagógicas, workshops, palestras, disponibilização dos espaços para dinamização de eventos, entre outras iniciativas. Entre setembro e junho, estas atividades contaram cerca de 6000 participantes de todas as faixas etárias.

Já o Programa de Educação para a Sustentabilidade, também da responsabilidade da Esposende Ambiente, e que vem complementar o trabalho educativo realizado no Centro de Educação Ambiental, integrou, ao longo do ano letivo, um conjunto diversificado de iniciativas e projetos educativos dirigidos a diversos grupos da comunidade, com especial destaque para a comunidade educativa, com vista à sensibilização, formação e educação para o ambiente dos munícipes. Muitas das iniciativas foram desenvolvidas em colaboração com várias entidades, das quais se destacam a Resulima, o Parque Natural do Litoral Norte e a empresa municipal Esposende 2000. Nas várias ações realizadas estiveram envolvidos mais de 4000 participantes.

O Programa de Educação para a Sustentabilidade para o ano letivo que agora se inicia estará disponível no próximo mês de outubro, no site da Esposende Ambiente www.esposendeambiente.pt e no no blogue CEA http://www.esposendeambiente.pt/cea/.

CIG_IMG027

ESPOSENDE ASSINALA DIA MUNDIAL DA DOENÇA DE ALZHEIMER

Esposende alerta para as demências com Passeio da Memória. 21 de setembro

O Dia Mundial da Doença de Alzheimer, que se comemora a 21 de setembro, vai ficar marcado em Esposende pela realização do Passeio da Memória. Trata-se do grande evento anual da Associação Alzheimer Portugal, que assinala o Dia Mundial desta doença e ao qual o Município de Esposende se associa, com a colaboração da empresa municipal Esposende 2000.

O Passeio da Memória consiste numa caminhada solidária a favor da Alzheimer Portugal. A participação pressupõe um donativo de 5 euros por pessoa, sendo que a receita reverte integralmente para a Associação Alzheimer. As inscrições são efetuadas diretamente no site institucional do evento em: http://passeiodamemoria.org/pt/esposende, ou presencialmente nas Juntas de Freguesia ou no Centro de Informação Turística.

A caminhada terá início pelas 21h30, no parque em frente às Piscinas Foz do Cávado e percorrerá a avenida marginal até à Praça das Lampreias, na foz do rio Cávado.

Para além de assinalar o Dia Mundial da Doença de Alzheimer, o Passeio da Memória pretende informar e consciencializar a comunidade para a importância de reduzir o risco de desenvolver demência e para os sinais de alerta da Doença de Alzheimer e, sobretudo, para a importância do diagnóstico atempado.

A doença de Alzheimer é a forma mais prevalente das várias demências existentes e provoca uma deterioração global, progressiva e irreversível de diversas funções cognitivas (memória, atenção, concentração, linguagem, pensamento, entre outras). Esta deterioração tem como consequências alterações no comportamento, na personalidade e na capacidade funcional da pessoa, dificultando a realização das suas atividades de vida.

Também com o intuito de informar e sensibilizar a população para a problemática das demências, realiza-se, no dia 22 de setembro, na Casa da Juventude de Esposende, uma sessão itinerante do Café Memória, a partir das 15h00, com entrada livre.

passeio memória

ESPOSENDE ACOLHE SIMPÓSIO SOBRE A DOENÇA HEMOCROMATOSE

A Câmara Municipal de Esposende associa-se à Associação Portuguesa de Hemocromatose (APH) e ao Agrupamento de Centros de Saúde do Cávado III - Barcelos/Esposende na realização de um Simpósio, subordinado ao tema “Sobrecarga de Ferro: quando, como e porquê referenciar?”, iniciativa que terá lugar no próximo dia 21 de setembro, no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio, em Esposende.

Simpósio Hemocromatose

Os trabalhos iniciam-se às 14h00, com a abordagem de “Os grandes desafios na deteção precoce da hemocromatose”, seguindo-se a discussão de casos clínicos. O encerramento está previsto para as 18h00, com a intervenção de António Duarte, Presidente da Associação Portuguesa de Hemocromatose. 

A participação neste Simpósio é gratuita, contudo carece de inscrição obrigatória, a efetuar on-line em: https://goo.gl/forms/jIv46wNw1ePnzCkv1.

O Município, no âmbito do Plano Municipal de Promoção da Saúde, contribui, deste modo, para a divulgação da hemocromatose, caracterizada como uma doença hereditária onde se verifica uma absorção exagerada de ferro. Estimando-se que 5 a 10 por cada mil pessoas seja portadora do gene da hemocromatose é importante diagnosticar e tratar precocemente, pois caso contrário o excesso de ferro e os depósitos de ferro poderão dar origem a outras problemáticas a nível da saúde, como cirrose, cancro, insuficiência cardíaca, diabetes, artrite ou impotência sexual.

O Município reconhece o papel importante da APH junto da sociedade, em matérias como a sensibilização da comunidade científica e médica para o diagnóstico e prevenção da hemocromatose, de modo a atenuar os seus efeitos na qualidade de vida da população portuguesa; realização de ações de divulgação, alertando para a necessidade de realizar o diagnóstico precoce - simples exame ao sangue; auxílio dos doentes e suas famílias e atuação junto do Governo e da Administração da Saúde, para a execução de programas para o diagnóstico precoce da Hemocromatose.

ASSOCIAÇÃO DE KARATÉ DE ESPOSENDE

A BAKE-Bushido Associação de Karate de Esposende, leva a efeito o XIX EGKF CHAMPIONSHIP (XIX Campeonato Europeu de Karate Goju-Ryu), que decorrerá no Complexo Municipal de Ténis da cidade da Maia, de 19 a 23 deste mês de setembro.

A BAKE estará a representar Portugal com a seguinte comitiva:

- Sensei Jonas Vilar – treinador

- Joninhas Vilar – atleta kumite

- Olívia Campos - atleta kumite

- Leandro Penteado - atleta kumite

Programa de participação da BAKE no Campeonato Europeu de Karate Goju-Ryu:

» dia 20 de setembro (quinta-feira): Olívia Campos e Leandro Penteado

» dia 22 de setembro (sábado): Joninhas Vilar

1

2

3

4

5

JOVENS DE ESPOSENDE VÃO AO PARLAMENTO EUROPEU

CoderDojo Esposende será recebido no Parlamento Europeu

No próximo mês de outubro, um grupo de alunos do CoderDojo de Esposende estará em Bruxelas para falar do seu projeto aos deputados europeus. Trata-se de uma sessão no Parlamento Europeu para os Dojos de todo o mundo, sendo que a representar Portugal estará apenas o de Esposende.

CODERDOJO ESPOSENDE

O encontro estará integrado na EU Code Week (Semana do Código da UE), um conjunto de iniciativas destinadas a promover o conhecimento das técnicas de código e da programação informática em toda a União Europeia. No ano passado, cerca de 150.000 pessoas participaram em 4.200 eventos associados, em 36 países na Europa e fora dela. A EU Code Week vai para a sua terceira edição.

Numa sessão com eurodeputados e também alguns convidados especiais, os jovens irão falar na primeira pessoa e expor diretamente os seus trabalhos. Alguns eurodeputados serão inclusivamente convidados a aprender a criar as suas primeiras linhas de código, sob orientação dos jovens. O CoderDojo Esposende assinalou no passado mês de junho o seu primeiro aniversário.

Projeto “Visite Esposende desde o olhar de uma criança”

Adicionalmente, o CoderDojo Esposende encontra-se a promover outros projectos. Os alunos  irão brevemente apresentar o projeto “Visite Esposende desde o olhar de uma criança”. Esta iniciativa consiste numa página web, cujo conteúdo será inteiramente escolhido por crianças e jovens entre os 7 e os 17 anos, que são as idades dos alunos que frequentam os cursos. É um projeto inovador no concelho e em Portugal que vai permitir, pela primeira vez, ver turismo do ponto de vista das crianças e dos jovens, e não do dos adultos. A página web terá fotografias tiradas pelas crianças e jovens de Esposende, e os textos serão elaborados por eles mesmos, cabendo aos professores um mero papel de assistência e revisão. A página será colocada online e divulgada junto dos agentes de turismo nacionais e internacionais.

Distinções para o CoderDojo Esposende

O CoderDojo abriu em Esposende em julho de 2017, através da Associação de Cidadãos de Esposende, e em apenas um ano recebeu já várias distinções. Recentemente, um dos seus professores, Mário Ferreira, recebeu o reconhecimento de Giustina Mizzoni, diretora executiva da Fundação CoderDojo, como “mentor exemplo”. Apenas quatro pessoas em todo o mundo foram galardoadas com este reconhecimento.

Para Maria Araújo, presidente da Associação de Cidadãos de Esposende, estes reconhecimentos, bem como a ida ao Parlamento Europeu, são fruto do excelente trabalho realizado e motivam toda a equipa a prosseguir com o projeto.

A Fundação CoderDojo

Criada em 2013, a Fundação CoderDojo é um movimento internacional, grátis e promovido por voluntários, tendente à criação de clubes de programação informática destinados a crianças e jovens. Nestes clubes, os participantes podem aprender a criar um website, uma aplicação para smartphone ou um jogo, e dominar as técnicas de criação de código informático. A fundação acredita que um maior conhecimento das tecnologias de programação informática será essencial para criar cidadãos mais esclarecidos e independentes para o futuro.

ESPOSENDE SENSIBILIZA PARA O AMBIENTE

Município de Esposende prossegue sensibilização ambiental

Constituiu um enorme sucesso, a iniciativa de sensibilização “Ecopontos Humanos” que decorreu durante a Festa da História – Esposende, Terra de Mareantes, entre os dias 31 de agosto e 2 de setembro.

2

Esta iniciativa resultou da parceria do Município de Esposende com a Resulima e a Sociedade Ponto Verde e teve o intuito de contribuir para a consciencialização ambiental.

Em função do material de sensibilização ambiental distribuído pelos monitores, estima-se que foramalcançadas cerca de 300 famílias/grupos de pessoas. Foram, ainda, recolhidos cerca de 15 quilogramas de plástico e metal, nas mochilas-embalão que os monitores transportavam às costas, onde eram depositadas embalagens usadas.

Entretanto, as entidades envolvidas nesta parceria já retomaram os contactos junto do comércio e dos serviços do concelho de Esposende, no âmbito da iniciativa “Comércio a reciclar”, divulgando o serviço de recolha gratuita de resíduos valorizáveis.

3

ANO ESCOLAR ARRANCA EM ESPOSENDE

Município de Esposende assinala arranque do ano escolar. Apresentados programas educativos a todos os docentes do concelho

O Município de Esposende apresentou a estratégia educativa municipal para o triénio 2018-2021 que passa pela implementação do Projeto de Combate ao Insucesso Escolar intitulado “Rumo ao Sucesso”; pelos Projetos Intermunicipais “+Cidadania”, “No Poupar está o Ganho” e “UP Cávado: Empreendedorismo nas Escolas” e pelo seu Plano Estratégico Educativo Municipal que se encontra em fase de conclusão. Relativamente ao ano letivo 2018/2019, foram apresentados os diversos programas educativos a desenvolver pela Câmara e pelas empresas municipais.

ed 1

Para alcançar o estádio de “Município Educador”, Esposende elege os professores como agentes primordiais para a qualidade das aprendizagens, valorizando a importante ação dos seus órgãos de gestão escolar, dos restantes membros da comunidade educativa e das entidades parceiras como Juntas de Freguesias, Associações de Pais e Encarregados de Educação, IPSS e outras associações que colaboram com as escolas na potenciação das suas atividades.

Perante uma sala repleta de professores, representando todas as escolas e todos os graus de educação/ensino do concelho, o Presidente da Câmara Municipal de Esposende, acompanhado de todo o Executivo, apontou as linhas de ação do Município na área educativa, destacando a importância do trabalho articulado com toda a comunidade escolar.

“Neste ano letivo, colocamos atónica no combate ao insucesso escolar, com o projeto Rumo ao Sucesso, inserido no Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar do Cávado. Há, ainda, uma multiplicidade de projetos municipais que focam temáticas que vão desde a alimentação à equitação terapêutica, da cultura à educação ambiental, à Alimentação, à Saúde, à Segurança, ao Património, à Arqueologia; projetos de consciencialização para questões de natureza social; comemoração de efemérides, campanhas de solidariedade, programas de ocupação de alunos nas pausas letivas,…proporcionando uma educação integral dos nossos alunos”, destacou Benjamim Pereira que apontou um compromisso: “trabalhar para a melhoria contínua da qualidade do ensino no nosso Município”.

Aos projetos e programas que o Município de Esposende e as empresas municipais vão implementar, acresce uma consistente política social de apoio a alunos e famílias, que se prolonga desde o pré-escolar, até ao ensino superior, “tornando o ensino verdadeiramente universal, impedindo que qualquer aluno abandone a escola por falta de recursos financeiros”, disse o presidente da Câmara Municipal de Esposende.

A vereadora da Educação, Angélica Cruz, manifestou grande confiança no trabalho dos professores, na sua dedicação e profissionalismo e espera que no final da implementação do projeto Municipal de Combate ao Insucesso possa ser elaborado “um manual de boas práticas” que será uma referência nacional. Para tal, contamos com o contributo de todos, desenvolvendo estratégias em rede”.

O Município de Esposende é precursor na oferta das Fichas de Atividades para todos os alunosdo 1.º Ciclo do Ensino Básico, oferece material escolar a todos os alunos do 1.º CEB com Escalão 1 e 2 de Abono de Família, material didático-pedagógico às crianças do 1.º CEB com necessidades educativas especiais que não utilizam manuais escolares.

O Município de Esposende comparticipa nas despesas de refeição, no âmbito da Educação Pré-Escolar e apoia nas despesas de refeição no âmbito do 1.º Ciclo do Ensino Básico.

Ao nível do transporte escolar, o Município de Esposende garante a oferta aos alunos do ensino básico que residam a dois ou mais quilómetros do estabelecimento escolar, apesar de a legislação em vigor apenas prever tal apoio aos alunos que residam a mais de três ou quatro quilómetros.

O apoio financeiro aos Agrupamentos de Escolas para fazer face a despesas com atividades diversas para a Educação Pré-Escolar e 1.º CEB é uma referência para o Município de Esposende, assim como a atribuição de bolsas de estudo para alunos do Ensino Superior com maior carência económica. Em 2018 foram atribuídas 40 bolsas.

Alargando a área de ação, o Município tem realizado, em parceria com a Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende, o programa de apoio à integração na vida ativa, facultando formação em contexto real de trabalho.

A todos estes apoios, acresce um leque alargado de intervenções da Câmara Municipal no parque escolar e no apetrechamento, com obras de reparação, manutenção e requalificação dos estabelecimentos e alocação de equipamentos e materiais.

No próximo ano letivo, o presidente da Câmara Municipal de Esposende espera contar com a presença de representantes do ensino superior, porque, “durante o próximo ano deverá arrancar o funcionamento da extensão do IPCA e estará em curso a pós-graduação na área social, da Universidade Católica”.

Benjamim Pereira anunciou que as parcelas da Estação Radionaval de Apúlia, cedidas pelo Estado, já estão registadas nas Finanças e na Conservatória, em nome do Município para a instalação do Instituto Multidisciplinar de Ciência e Tecnologia Marinha, onde decorrerá investigação avançada. O autarca anunciou, ainda, que se encontra em curso o processo decedência pelo Estado à Autarquia, por um período de 50 anos, do Forte de S. João Batista. Aí funcionará o Centro de Divulgação Científica que integrará um conjunto alargado de valências.

projetos educativos 1

ESPOSENDE INVESTE EM TRANSPORTE SOCIAL

Município de Esposende investe 60 000 euros em transporte social

No próximo ano letivo, o Município de Esposende vai investir cerca de 60 000 euros no apoio ao transporte social dos cidadãos do concelho portadores de deficiência, de acordo com deliberação aprovada, por unanimidade, em reunião do executivo.

.

Em causa está o transporte de 28 cidadãos com deficiência, desde o domicílio até diversos Centros de Atividades Ocupacionais localizados no concelho ou em concelhos vizinhos. Dado que a maioria destes cidadãos utiliza a cadeira de rodas para a sua locomoção, e, por conseguinte, necessita de transporte adaptado, a Câmara Municipal mantém a parceria com a Delegação de Marinhas da Cruz Vermelha Portuguesa, que assegura este serviço, garantindo as devidas condições de conforto e acompanhamento destes utentes.

Esta medida enquadra-se no âmbito das políticas de reforço da solidariedade e coesão social, traduzindo-se numa ação de proteção social que torna mais fácil a conciliação entre a vida familiar e profissional dos agregados familiares com pessoas dependentes na mobilidade, potenciando a igualdade de oportunidades dos cidadãos.

Refira-se que, em todos os casos, as famílias são chamadas a comparticipar nos custos do respetivo transporte de acordo com as suas possibilidades, sendo o valor determinado com base numa análise socioeconómica efetuada a cada agregado familiar.

ESPOSENDE QUER REPOR LEGALIDADE NA APÚLIA

ESCLARECIMENTO

Cedovém/Pedrinhas

No seguimento das notícias vindas a público acerca do encerramento e correspondente demolição dos restaurantes de Cedovém, em Apúlia, o Município de Esposende vem esclarecer o seguinte:

A zona em questão constitui-se há décadas, maioritariamente, como um aglomerado de génese ilegal. Os diferentes planos existentes para o local previam a demolição total de todas as edificações.

Não foi possível, até à data, apesar de algumas tentativas, levar por diante uma ação que, por um lado, permitisse a reposição da legalidade e, por outro, avançar com um projeto de requalificação de toda essa zona.

O Município decidiu, assim, dar início, às notificações dos proprietários dos restaurantes em causa, com vista a espoletar este processo, tomando como base, por um lado, as alterações em curso ao POOC (Plano de Ordenamento da Orla Costeira) e ao Plano de Ordenamento do Parque Natural Litoral Norte, assim como a expetativa real de financiamento dessa ação, e por outro, esclarecer que há outras entidades com jurisdição nesta área, nomeadamente a APA – Agência Portuguesa do Ambiente, que terá um papel determinante em toda esta situação.

As iniciativas tomadas são do conhecimento e estão concertadas com a APA, estando em preparação um protocolo entre esta entidade e o Município, no sentido de definir as ações concretas a desenvolver legitimando, por sua vez, o Município na contratação e gestão do projeto de intervenção para o local.

O Município defende a reposição da legalidade, comprometendo-se a respeitar os direitos de todos, reconhecendo, desde logo, a importância daquele núcleo de ponto de vista da economia local e dinamização turística do Município e de Apúlia em particular.

Nos últimos dias foram recebidos todos os proprietários dos restaurantes, a quem foi explicada a posição e intenção do Município.

O Município pretende desenvolver uma solução que salvaguarde ainda outras realidades existentes, mais concretamente o núcleo piscatório de Cedovém, a análise da situação das famílias que aí residem, assim como observar o valor arquitetónico que algumas edificações possam ter.

O Município empenhar-se-á, ainda, para que este seja um processo participado por todos os interessados, conduzido com total espírito de colaboração e transparência na defesa dos interesses da população e do Município em geral.

ESPOSENDE PROMOVE "SEMANA DA ALFABETIZAÇÃO E DAS LITERACIAS"

1 a 8 de setembro

O Centro Qualifica Litoral Cávado, em parceria com o Município de Esposende, a ACICE (Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende), Juntas de Freguesia e Associações concelhias, vai promover, entre os dias 1 e 8 de setembro, a “Semana da Alfabetização e das Literacias”.

Alfabetização e Literacias

Esta iniciativa enquadra-se nas comemorações do Dia Internacional da Alfabetização, que se assinala a 8 de setembro, promovidas pela Associação Portuguesa de Educação e Formação de Adultos, em parceria com a Associação Nacional de Municípios Portugueses.

Assim, a exemplo de outros municípios, várias entidades locais, um pouco por todo o concelho, irão promover diversas atividades de índole desportivo, cultural e recreativo como forma de sensibilização para o flagelo do analfabetismo e das iliteracias.

O programa engloba atividades como caminhadas, yoga, canoagem, fado, poesia, folclore, animação musical, mareada, wokshop, entre outras, sendo que a participação é gratuita, pelo que se apela à participação de toda a população.

Em Antas, a Associação Rio Neiva organiza, no dia 1 de setembro, às 10h00, o percurso pedestre “Foz do Neiva/Atlântico”, e, no dia 2, atividades de canoagem, a partir das 8h30, propondo, ainda, para dia 3, às 15h00, na sede da coletividade, o workshop “Reutilização de materiais”.

Em Gemeses, a Junta de Freguesia promove, no dia 2, às 16h00, na Barca do Lago, um programa com folclore, concertinas e variedades, e no dia 7, às 21h30, no mesmo local, leva a efeito uma Noite de Fados.

Na sede da Junta de Freguesia de Forjães, terá lugar, no dia 2 de setembro, às 21h30, poesia e animação musical com Álvaro Maio. Ação idêntica decorrerá no dia 5, às 21h30, nas instalações de Palmeira de Faro da Junta da União das Freguesias de Palmeira de Faro e Curvos, e no dia 7, às 21h30, na sede da Associação Desportiva Cultural e Social de Criaz, em Apúlia. Também em Apúlia, os Sargaceiros da Casa do Povo apresentam, no dia 5, às 21h30, na sua sede, a Mareada e filme “Atividades Agromarítimas”. No dia 8, às 21h30, no      Salão Paroquial de Fão, o GATA-Grupo de Teatro Amador de Fão e a União das Freguesias de Apúlia e Fão apresentam “Memórias… dos GATA (teatro)”.

Numa organização da Junta da União das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra, decorrerá, no dia 4, às 21h30, no Largo da Igreja de Marinhas, um espetáculo de fado e poesia. No dia 8, a partir das 10h00, as ruas da cidade de Esposende acolhem uma arruada pelo Grupo de Zés Pereiras de Antas, e, às 18h00, a empresa municipal Esposende 2000 organiza a caminhada “Alfabetização e yoga”. À noite, o Largo da Igreja de Gandra acolhe, pelas 21h30, a atuação do Coro da Associação Rio de Moinhos.

Em Fonte Boa, na Barca do Largo, decorrerão duas atividades no dia 5 de setembro, nomeadamente um Passeio Turístico, às 11h00, e atividades de canoagem, a partir das 15h00, orientadas pela Proriver e Município de Esposende.

ESPOSENDE É TERRA DE MAREANTES E EVOCA A SUA HISTÓRIA

“Festa da História - Esposende, Terra de Mareantes” anima cidade até domingo

Com o cortejo de boas vindas aos mareantes desembarcados e a chegada do Arauto Régio anunciando a Carta de Feira arrancou, esta tarde, a “Festa da História – Esposende, Terra de Mareantes”, um evento cultural e de recriação histórica, promovido pelo Município de Esposende, em parceria com a ACICE – Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende, e que vai animar a cidade até ao próximo domingo, dia 2 de setembro. Integrado na programação Verão 2018, o evento tem como objetivos a promoção turística do concelho e a dinamização do tecido económico local.

DSC_0016

A segunda edição da Festa da História é dedicada à tradição marítima da cidade, trazendo à memória o Rei D. Sebastião e as razões que levaram este monarca a atribuir, através de Carta Régia, o título de vila a Esposende no longínquo ano de 1572. Ao longo do evento, os visitantes serão convidados a viajar no tempo e a conhecer as origens de Esposende, através de recriações históricas e de toda a envolvência caraterística da época.

Ao longo de quatro dias, a animação será constante, com espetáculos teatrais, atores, figurantes e animadores de rua, música, espetáculos circenses, tendas de comércio, jogos para as crianças e outros atrativos. Componente essencial é também a vertente gastronómica, com alargada diversidade de sugestões.

A expetativa é de que se repita o sucesso da edição anterior, que atraiu milhares de visitantes, fazendo de Esposende um destino cada vez mais procurado neste período. Benjamim Pereira, Presidente da Câmara Municipal de Esposende, realça que “o Município tem desenvolvido uma forte aposta na programação de Verão, promovendo as mais variadas iniciativas e eventos, por forma a atrair todo o tipo de públicos”. Considerou que “a estratégia tem sido bem-sucedida, atendendo ao cada vez maior número de pessoas que escolhem Esposende como destino neste período”. Benjamim Pereira salientou, contudo, que a estratégia do Município passa também pelo combate à sazonalidade, razão pela qual, ao longo de todo o ano, é desenvolvido um conjunto alargado de iniciativas de diversa índole.

O programa da Festa da História está disponível em www.visitesposende.com

DSC_0023

DSC_0006

DSC_0014

ESPOSENDE RECEBE SEMANA DA ALFABETIZAÇÃO E DAS LITERACIAS

De 1 a 8 de setembro, Iniciativa Nacional, SEMANA DA ALFABETIZAÇÃO E DAS LITERACIAS alerta poder político e sensibiliza instituições e populações para o flagelo do analfabetismo em Portugal

Capturar1

Autarquias incentivadas a promover ações de sensibilização para erradicação do analfabetismo nos seus territórios .

Decorre, de 1 a 8 de setembro, por todo o país, a iniciativa Nacional Semana da Alfabetização e das Literacias para sensibilizar Portugal para a problemática do analfabetismo que atinge mais de meio milhão de portugueses, um terço em idade ativa, e os priva da liberdade, da autonomia e de plena cidadania e que, desde 2010, o estado ainda não disponibiliza uma solução formativa ajustada.

Atenta aos territórios e consciente do inequívoco do papel dos Municípios, na escolarização e capacitação das pessoas e dos territórios, acentuada pelos desafios de uma sociedade globalizada e pela revolução 4.0, a ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS – Apendências, APEFA, com o apoio da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE MUNICÍPIOS PORTUGUESES, ANMP, promove, em todo o país e pelos municípios aderentes, a “INICIATIVA NACIONAL EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS - SEMANA DA ALFABETIZAÇÃO E DAS LITERACIAS para de comemoração do Dia Internacional de Alfabetização, assinalado a 8 de Setembro.

Neste sentido, todos os municípios portugueses foram estimulados,  em comunicação dirigida pela ANMP, a promoverem, durante esta semana, a realização de atividades, tão díspares quanto criativas, como saraus ou concertos musicais, teatro ou animações, declamações de poesia, por praças e ruas, partilhas de saberes com artesãos referentes de ofícios e artes em risco de extinção, perpetuando a memória coletiva, apresentação de livros, cinema, espetáculos musicais, folclóricos e etnográficos, exposições de arte, pintura, fotografia, etc. etc., como estratégia de sensibilização das populações para a nossa responsabilidade social, individual e coletiva, e para a simbologia desta data comemorativa do Dia Internacional de Alfabetização e o combate ao flagelo do analfabetismo que Portugal tem de empreender.

São já várias as Câmaras, do norte ao sul e ilhas, que manifestaram a sua adesão a esta iniciativa nacional promovida pala APEFA e vão proporcionar momentos de reflexão, partilha e sobretudo, de alerta para esta realidade do analfabetismo, impensável em pleno sec XXI e que não encontrará, nas próximas décadas, a sua erradicação na demografia.

A Iniciativa Nacional Semana da Alfabetização e das Literacias encerra com um seminário, em Faro, promovido pela APEFA em parceria com a DGEstE, Serviço SegionaL do Algarve  e do IPDJ do Algarve.

Será, por isso, bom para Portugal e para todos os portugueses que esta referência efetiva ao Dia Internacional da Alfabetização induza a sensibilidade suficiente, necessária a criação de ambientes favoráveis e amigos para uma Aprendizagem ao Longo da Vida, a bem e Felicidade das Pessoas e dos Territórios.

Para a APEFA, a Pessoas Felizes corresponde Territórios bem sucedidos! “

Capturar2

ESPOSENDE ACOLHE PALESTRA “ENTENDER AUTÍSMO”

10 outubro, 18h00 – Auditório Municipal

O Município de Esposende, em parceria com a Associação Vencer Autismo, vai organizar, no próximo dia 10 de outubro, às 18h00, no Auditório Municipal de Esposende, uma palestra, subordinada ao tema "Entender Autismo".

endender autismo

A iniciativa é aberta ao público em geral, com especial interesse para profissionais e pais/familiares de crianças com Perturbações do Espetro do Autismo. Nesta sessão, os fundadores da Associação Vencer Autismo, Susana Silva e Joe Santos, irão explicar em detalhe os desafios associados ao autismo, as suas possíveis causas e as áreas a dar prioridade no desenvolvimento da criança. Haverá espaço para colocar questões e esclarecimento de dúvidas.

A participação na palestra é gratuita, contudo carece de inscrição a efetuar online em: https://goo.gl/forms/VVc4rEmOvNguq8Rf2. Mais informações sobre o evento estão disponíveis em: https://www.facebook.com/events/268293493894777 e/ou

http://vencerautismo.org/evento/esposende.

Fundada em 2010 e com sede no Porto, a Associação Vencer Autismo presta apoio a famílias com crianças e jovens com Autismo, em Portugal, no Brasil e na Europa, dotando-as de ferramentas para ajudar estas crianças e jovens a desenvolver o seu máximo potencial.

Em 2017, a Associação Vencer Autismo foi um dos dez projetos europeus convidados para o evento da Comissão Europeia "Opening Up to an Era of Social Innovation" para apresentar o seu projeto “Autism Rocks!”, que já se encontra a ser implementado na Área Metropolitana do Porto.

LOJA SOCIAL DE ESPOSENDE É FINALISTA DO PRÉMIO MANUEL ANTÓNIO DA MOTA

A Câmara Municipal de Esposende figura entre as 10 instituições finalistas da 9.ª edição do Prémio Manuel António da Mota, que distingue organizações e personalidades que se destaquem nos vários domínios da sua atividade.

Loja Social_

Na edição de 2018, a Fundação Manuel António reconhece as instituições que contribuam com os seus projetos para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), sendo que o Município de Esposende apresentou uma candidatura no âmbito da intervenção da Loja Social enquanto Plataforma Colaborativa de Esposende.

Este projeto traduz-se numa rede de partilha e solidariedade de toda a comunidade, bem como um complemento à intervenção social concelhia, rentabilizando os recursos disponíveis, eliminando a sobreposição da intervenção e permitindo um melhor planeamento entre serviços e entidades que intervêm nesta área.

Esta Plataforma tem-se afirmado como uma iniciativa de elevado potencial de empreendedorismo social, considerando o conceito como um processo de procura de soluções inovadoras e sustentáveis para a resolução de problemas importantes da comunidade. Permite não só apoiar as famílias com vulnerabilidades sociais, mas também aquelas que, com preocupações ambientais e económicas, acedem a este equipamento, através da doação e do processo da troca por troca, entregando os bens de que não precisam por aqueles de que têm necessidade.

O projeto assenta na dinamização de sinergias da comunidade, dos agentes económicos e dos parceiros sociais, estimulando o diálogo e a cooperação entre todas as estruturas locais para reforço das redes estratégicas promotoras de desenvolvimento, empreendedorismo e inovação social. Fomenta-se, assim, a promoção do voluntariado, a educação ambiental, a educação para os direitos humanos, a educação do consumidor e a promoção do desenvolvimento sustentável, que materializam a estratégia da Educação para a Cidadania.

A mudança de instalações da Loja Social, prevista para o início do próximo ano, potenciará a operacionalização de novas atividades em função das necessidades sentidas pela comunidade.

O anúncio da candidatura vencedora do Prémio Manuel António da Mota terá lugar no dia 25 de novembro, em cerimónia a realizar no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, após apreciação in loco dos projetos concorrentes, ação esta integrada no conjunto de reportagens que serão realizadas pela TSF – Rádio Notícias com cada uma das instituições finalistas.

O Presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, realça que “integrar esta fase do concurso é já um reconhecimento de todo o trabalho desenvolvido diariamente na Loja social de Esposende, pelos seus colaboradores, voluntários, parceiros e todos os intervenientes que contribuem para a concretização deste projeto”.

Em dezembro de 2014, a Plataforma Colaborativa de Esposende foi selecionada como ES+ (Iniciativa de Alto Potencial em Inovação e Empreendedorismo Social) no Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social (MIES) de Portugal. Na sequência desta distinção passou a integrar a REDE IES, obtendo o reconhecimento nacional e internacional pelo trabalho realizado, com oportunidades de divulgação e reconhecimento do mesmo, e teve acesso a um networking de pares de grande qualidade e diversidade.

Em 2015, foi nomeada para os Prémios Município do Ano Portugal, que visa reconhecer e premiar as boas práticas em projetos implementados pelos municípios com impactos assinaláveis no território, na economia e na sociedade, que promovam o crescimento, a inclusão e/ou a sustentabilidade.

A Plataforma Colaborativa de Esposende foi também distinguida, em janeiro de 2016, com uma Menção Honrosa, na categoria Inovação e Sustentabilidade, pela Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (CASES), no âmbito da 4.ª edição do Prémio Cooperação e Solidariedade António Sérgio.

Loja Social

ESPOSENDE PROMOVE RECICLAGEM

“Ecopontos Humanos” na Festa da História sensibilizam para separação de resíduos

A par da vertente histórica, a componente ambiental também vai estar presente na Festa da História – Esposende, Terra de Mareantes, evento que decorrerá entre os dias 28 de agosto e 2 de setembro, na cidade de Esposende.

Ecopontos Humanos

Com o intuito de contribuir para uma maior consciencialização ambiental, aumentando a quantidade de resíduos enviados para valorização, o Município de Esposende, em parceria com a Resulima e a Sociedade Ponto Verde, vai levar a efeito, durante este evento, a campanha de sensibilização ambiental “Ecopontos Humanos”.

Assim, durante estes dias estarão presentes equipas de monitores “Ecopontos Humanos”, sensibilizando e incentivando a população para a correta separação dos resíduos de embalagem. Estes monitores circularão pelo evento sensibilizando os visitantes para a importância e necessidade de adoção de boas práticas de separação de resíduos e incentivando-os à colocação de embalagens usadas de plástico e metal na “mochila-embalão” que transportam às costas.

A Festa da História é organizada pela Câmara Municipal de Esposende, em parceria com a ACICE – Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende, e visa a promoção turística do concelho e a dinamização do tecido económico local. Nesta edição será recordado o Rei D. Sebastião e as razões que levaram o monarca a atribuir, através de Carta Régia, o título de vila a Esposende. O evento integra animação, espetáculos, gastronomia, recriações históricas, mercados, espaços para os mais novos, entre várias outras ações.