Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

VIANA DO CASTELO INVESTE MAIS DE 366 MIL EUROS PARA APOIAR DESPORTO

O executivo municipal acaba de aprovar um conjunto de propostas, num valor global superior a 366 mil euros, para apoiar e incentivar a prática desportiva no concelho. No âmbito da candidatura de Viana do Castelo a Cidade Europeia do Desporto 2023, o executivo tem reforçado a aposta no desporto, com apoios diversos a atletas e a coletividades.

20180516_atividades_nauticas_ABELO9359.jpg


Assim, a maior fatia deste investimento vai para o programa educativo municipal “Náutica nas Escolas”, que implica um esforço financeiro de 182.400 euros. Este montante é dividido num valor mensal fixo, de 3.800 euros, a atribuir ao longo deste ano aos quatro clubes náuticos do concelho: Clube de Vela de Viana do Castelo, Darque Kayak Club, VRL – Viana Remadores do Lima e Surf Clube de Viana.
Neste ano letivo de 2021/2022, a Náutica nas Escolas abrange cerca de 2.000 estudantes de dez escolas vianenses, distribuídos por 97 turmas. Desta forma, integradas na disciplina de educação física, são lecionadas aos estudantes das escolas básicas e secundárias a prática de desportos náuticos num projeto que envolve os agrupamentos escolares e os clubes náuticos no Centro de Canoagem, Centro de Remo, Centro de Vela e Centro de Alto Rendimento do Surf.
Também o projeto Stand Up Paddle Para Todos, para pessoas com deficiência, integra este primeiro pacote financeiro desportivo. O projeto surgiu por iniciativa da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) e vai abranger 120 utentes da unidade de Areosa, numa iniciativa que merece um investimento municipal de 9.153 euros para aquisição do material necessário à prática da modalidade.
A APPACDM já tinha utentes integrados no projeto Náutica para Todos e agora alarga a prática desportiva dos utentes ao Stand Up Paddle. Numa segunda fase, este projeto irá abranger 200 pessoas com deficiência ou incapacidade, utentes de outras unidades da APPACDM e mais 100 crianças e jovens com deficiência ou com incapacidades apoiadas por outras instituições.
Foram ainda aprovados diversos apoios, no valor global de 59.740 euros, para o desenvolvimento desportivo de atletas do concelho. No âmbito do Programa Esperanças Desportivas, foram aprovados apoios a dois atletas do Clube de Atletismo Olímpico Vianense: Marta Araújo Lisboeta (renovação), com 2.750 euros, e Ricardo Pedro (renovação), também com 2.750 euros.
Na Alta Competição, através da Federação Portuguesa de Bilhar, foram atribuídos apoios a Henrique Correia, no valor de 6.780 euros, e a Maria Vânia Franco, no valor de 5.460 euros. Através do Surf Clube de Viana, foi ainda atribuído um apoio de 7.500 euros (renovação e aumento) à campeã mundial de surf adaptado, Marta Jordão Paço.
No Programa Olímpico, o município atribuiu ainda apoio a Miguel Ribeiro, do Clube de Atletismo Olímpico Vianense, com 4.000 euros; Beatriz Gago, Clube de Vela de Viana do Castelo, com 6.500 euros; Ana Rodrigues (renovação), nadadora da Escola Desportiva de Viana, com 7.500 euros; e Iuri Leitão, pela Federação Portuguesa de Ciclismo, com 7.500 euros. Foi ainda definido um patrocínio de 4.500 euros aos atletas Hélio Gomes e Cláudia Ferreira, do programa olímpico.
No âmbito da Medida 2 de Apoio à Atividade Desportiva, o Município aprovou igualmente 50.000 euros ao Sport Clube Vianense, para beneficiação dos vestiários e balneários do Estádio Dr. José de Matos, no âmbito da candidatura PRID.
No âmbito da Medida 4 de Apoio à Atividade Desportiva, foi aprovada uma verba de 36 mil euros aos Cyclones, para a realização da Meia Maratona Manuela Machado. Foram igualmente aprovados dois apoios à Federação Portuguesa de Bilhar, para os Campeonatos Europa Snooker 2021 e Campeonatos Europa Pool 2021, de 1.975 euros e 2.500 euros, respetivamente.
Foi ainda definido um apoio extraordinário de 20 mil euros à participação nas competições internacionais da Associação Juventude de Viana, como o “Rink Hochey European Club Competitions”, subsidiando assim as inscrições, deslocações e estadia da equipa.
Na reunião de executivo foi também aprovado um apoio extraordinário ao Clube de Atletismo Olímpico Vianense, que iniciou na presente época a prática da modalidade de “Orientação”. Para fazer face às novas despesas, foi, assim, definido um apoio de 5.000 euros.

CÂMARA DE CAMINHA ESTÁ A REQUALIFICAR A ENVOLVENTE À PAREDE DE ESCALADA DE PENICE, EM ARGA DE BAIXO

Investimento superior aos 60 mil euros visa a promoção do turismo e do desporto amigos da natureza

A área envolvente à Parede de Escalada de Penice, em Arga de Baixo, está a ser intervencionada pelo Município, através de um investimento da ordem dos 60 mil euros. O objectivo é a valorização de toda a zona, com limpezas, requalificação de infraestruturas, promoção do turismo e do desporto e criação de melhores condições a um lazer amigo da natureza.

parede_escalada_penice.jpg

O projeto prevê a valorização da área envolvente à Parede de Escalada de Penice, incluindo a requalificação de infraestruturas de apoio à actividade, ou seja, reposição e limpeza de acessos pedonais, melhorando as acessibilidades pedonais para os praticantes e para situações de emergência, nomeadamente à zona da base da parede, beneficiação da zona de estacionamento, criação de zona de lazer/merendas, colocação de sinalética informativa e interpretativa, bem como produção de materiais promocionais.

Estão também previstas iniciativas de promoção da prática deste desporto, através de realização de eventos e iniciativas que potenciem a prática da escalada em espaço natural, através do uso sustentável do património natural, usufruindo dos recursos endógenos locais.

Pretende-se criar condições materiais, de segurança, de informação e de comunicação que ofereçam aos turistas que praticam a escalada os melhores cenários possíveis, tornando as experiências inesquecíveis, de elevado valor sensorial e potenciando os recursos endógenos das povoações locais.

Incluem-se ainda no presente projeto a produção de conteúdos interpretativos sobre o património natural, nomeadamente na área da geologia, da fauna, flora e paisagem da área de intervenção em concreto, que serão disponibilizados quer no local quer em formato digital, e que contribuirão para a valorização dos itinerários e para o acréscimo de valor nas experiências de turismo de natureza, num território de características únicas, de elevado valor patrimonial, como é o caso da Serra d’Arga.

A intervenção decorrre no âmbito do projeto Escalada na Serra D'Arga, financiado pelo NORTE 2020/PROVERE, no âmbito das Ações de Qualificação dos Produtos Turísticos Estratégicos do Minho – Touring Cultural / Requalificação das Experiências de Turismo de Natureza no Minho, que prevê um investimento de 60.130,84 euros.

“No ‘coração’ da Serra d’Arga, a poucos quilómetros da fronteira com Espanha, situa-se a Fraga de Penice, um dos recursos endógenos diferenciadores do território, estrutura natural de características únicas que se conjugam com potencialidades de destaque para a prática da modalidade de escalada, nomeadamente para a escalada Desportiva e Bloco.

A zona de escalada de Penice já se encontra instalada há vários anos, e é servida por bons acessos viários, dispõe de vias dos mais diversos graus de dificuldade, o que potencia a visitação e prática deste desporto de natureza em grupo e/ou em família.

Situada num local de grande beleza, pelo seu enquadramento paisagístico, ao qual está associado um local de elevado interesse geológico e geomorfológico, com estruturas e litologias que se sabe serem raras e de alto valor patrimonial e científico, em particular no que respeita à expressão de elementos estruturais e paragéneses mineralógicas metamórficas que não se replicam com esta combinação, conjugação e modo de articulação em nenhum outro local conhecido dos terrenos para-autóctones da Unidade paleogeográfica e tectónica conhecida como do Minho Central.”

Recorde-se que a prática da escalada é considerada um desporto seguro e responsável, que reúne várias gerações e promove a prática familiar, constituindo um grande potencial turístico para a zona e também para a conservação da área, através do uso sustentável do património natural, usufruindo dos recursos endógenos locais.

3m1a7269_1_1024_2500 (1).jpg

DARQUE KAYAK CLUBE CONQUISTA 4 MEDALHAS INTERNACIONAIS NO ARRANQUE DA ÉPOCA DESPORTIVA

DKC de Viana: Alexis Esperança e Cristóvão Esperança Campeões Ibéricos de Slalom. Lucas Jacob vice campeão e melhor português, vence selectiva nacional sénior. Américo Castro vice campeão em veteranos. Quatro medalhas internacionais no arranque da época.

16..jpg

Sob os auspícios da organização da DKC de Viana, Desportivo Minho Teixugos, Federação Galega de Piraguismo e Federação Portuguesa de Canoagem, os atletas da DKC de Viana entraram bem na competição e conquistaram as primeiras medalhas internacionais da época de 2022, sendo duas de ouro e duas de prata nos escalões de seniores, juniores e veteranos. Os cadetes e os infantis também deram boa conta de si, com alguns atletas a estrear-se em competição.

A Taça Ibérica constituiu também a forma de selectiva nacional para a representação da selecção nacional nas competições internacionais.

Alexis Esperança, atleta deste clube vianense, venceu toda a concorrência portuguesa e espanhola conquistando o lugar mais alto do pódio em k1 júnior.

Venceu assim, a selectiva nacional.

Lucas Jacob, também da DKC de Viana, foi segundo, em k1 sénior, apenas tendo sido batido pelo espanhol Alex Blanco do TEA.

Sendo o melhor português em k1 sénior, Lucas Jacob venceu a selectiva nacional.

Em veteranos, o destaque vai para Cristóvão Esperança, veterano B que venceu a Taça Ibérica na sua especialidade, ficando à frente da concorrência espanhola. Américo Castro, veternos B ficou em segundo lugar na sua categoria.

Nos cadetes o atleta vianense Pedro Martins alcançou a semifinal em k1, classificando-se em 7º lugar, sendo o segundo melhor português na sua categoria.

Mafalda Rodrigues não conseguiu atingir por muito pouco a semifinal, sendo a segunda melhor portuguesa em k1 cadete feminino. O mesmo aconteceu com Gonçalo Passos em c1, com o sétimo tempo na eliminatória e segundo melhor português, o mesmo acontecendo em k1 onde se classificou em 11º lugar, sendo o terceiro melhor português.

As atletas juniores femininas ficaram-se pelas eliminatórias em k1, sendo Daniela Silva a sétima na eliminatória e Helena Rodrigues oitava, segunda e terceira portuguesas, respetivamente.

Valéria Araújo sénior feminina disputou a sua eliminatória em k1, obtendo o quinto lugar na mesma, como terceira portuguesa, mas não disputando a semifinal.

Quanto aos atletas infantis, Tiago Vieira também da DKC de Viana, estreou-se nas lides do slalom, e logo numa prova internacional, tendo ido à final e conquistando o sétimo lugar, sendo o terceiro melhor português. 

Resultados que se revelaram muito positivos para a primeira competição de slalom da DKC de Viana na época de 2022, com a conquista das primeiras medalhas e vitórias da época.

O Presidente da DKC de Viana,

Dr. Américo Castro

11. 272243547_10227669225701509_742584487242873854

12. 272527411_10227669245502004_920218813939429807

13. 272268936_10227669199540855_895280931644797731

14. 272255942_10227669228661583_356709840102587041

15. 272624113_10227669263422452_629065901574327750

1. 272310354_10227674805400998_827729031828115123_

2. IMG_7349.JPG

3. 272334926_10227674806121016_1708182125801725802

4. 272423223_10227674754519726_1775517194021219037

5. 272271726_10227669365945015_3801144514918962107

6. 272442902_10227669320303874_5412123862608255699

7. 247437553_10227669380705384_8466490956267923543

8. 272385910_10227674797520801_8295571589432177898

9. 272298005_10227669345024492_1221615133324107161

17. 272254193_10227669199500854_271371871195894542

10. 272455685_10227674760359872_229600941079431606

ARCOS DE VALDEVEZ RECEBE TORNEIO TAÇA DAS REGIÕES - FASE ZONAL

28 a 30 de Janeiro no Estádio Municipal da Coutada

De 28 a 30 de Janeiro o Estádio Municipal da Coutada irá receber o torneio Taça das Regiões- fase Zonal.

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE VIANA DO CASTELO (3).pn

Em Arcos de Valdevez irão defrontar-se a Associação de Futebol de Viana do Castelo, a Associação de Futebol de Viseu, a Associação de Futebol do Porto e a Associação de Futebol de Braga.

O Torneio “Taça – Regiões” é uma prova nacional da Federação Portuguesa de Futebol, com a organização da Associação de futebol de Viana do Castelo e é disputado em duas fases, nomeadamente a Fase Zonal – disputada na área geográfica da respetiva Zona para apurar as seleções associativas que disputam, e a Fase Final, disputada em local definido pela FPF para apurar a Seleção vencedora do Torneio.

Este Torneio constitui um momento privilegiado de competição para os melhores praticantes amadores de cada região no sentido da sua afirmação desportiva e social e proporciona aos jogadores saídos ou a sair do escalão júnior que não tiveram acesso ao futebol profissional, a aquisição de experiências desportivas de exigência superior.

Calendário de jogos:

28 de Janeiro | 15h00 | Estádio Municipal da Coutada

Associação de Futebol de Viana do Castelo x Associação de Futebol de Viseu

29 de Janeiro | 15h00 | Estádio Municipal da Coutada

Associação de Futebol de Viana do Castelo x Associação de Futebol de Braga

30 de Janeiro | 10h30 | Estádio Municipal da Coutada

Associação de Futebol de Viana do Castelo x Associação de Futebol do Porto

Grelha de jogos.png

MUNICÍPIO DE ESPOSENDE ADQUIRE TERRENO PARA O CAMPO DE TIRO DE ANTAS POR 97 MIL EUROS

O Município de Esposende formalizou hoje a aquisição, através da assinatura da escritura, de uma parcela de terreno para o Campo de Tiro do Clube de Caça e Pesca de Antas, num investimento de 97.080 euros.

Terreno Campo de Tiro_área delimitada a verde.jpg

Em causa está uma área de 48.540 metros quadrados, contígua à autoestrada A28, propriedade da família Correia de Oliveira, que o Município pretende ceder à exploração da coletividade, possibilitando, deste modo, a melhoria das condições para o desenvolvimento da sua atividade, que se assume como diferenciadora e uma mais-valia tanto a nível concelhio como da região.

A Câmara Municipal dá, assim, cumprimento a um anseio antigo do Clube de Caça e Pesca e que era também pretensão da Junta de Freguesia de Antas, que tem vindo a apoiar este projeto.

O Presidente da Câmara Municipal, Benjamim Pereira, clarifica que é intenção do Município desenvolver agora um projeto para aquele espaço, de modo a criar as necessárias condições para o funcionamento do Campo de Tiro, em acordo com as normas legislativas. O autarca regozija-se com o desfecho deste processo, cujas negociações se vinham desenvolvendo ao longo dos dois últimos anos, considerando que “é mais um exemplo do empenho e determinação do executivo municipal no cumprimento dos projetos que entendemos importantes e determinantes para o nosso território”.

“Trata-se de um projeto da maior relevância, pela envolvência que lhe está subjacente e que é, claramente, um ativo importante, quer para a freguesia de Antas, quer para o concelho e para a região”, conclui.

Refira-se que o Clube de Caça e Pesca tem vindo a desenvolver a sua atividade em parte do terreno agora adquirido pela Câmara Municipal, cuja autorização de utilização havia sido concedida, a título gratuito, em 1999, pelos proprietários.

VIEIRA DO MINHO VOLTA A SER PALCO DO WRC VODAFONE RALLY DE PORTUGAL

A 55ª edição da WRC Vodafone Rally de Portugal, que vai para as estradas entre os dias 19 e 22 de maio, volta a ter a Serra da Cabreira como palco de espetáculo. A passagem por Vieira do Minho acontece no, dia 21 de maio , terceiro dia da prova. Refira-se que a edição deste ano conta com algumas novidades, destacando-se a presença na prova de carros híbridos e três super especiais (Coimbra, Lousada  e Porto), tudo para assinalar os 50 anos do WRC.

rali_vminho.jpg

De salientar ainda que a edição 2022 do rally de Portugal integra duas passagens por Vieira do Minho o que para António Cardoso “ vai oferecer uma enorme visibilidade ao concelho, proporcionada pela presença dos melhores pilotos mundiais”. Para o presidente da Câmara, “a passagem do WRC no concelho vai proporcionar a vinda de milhares de visitantes a Vieira do Minho, facto que nos deixa muito satisfeitos”.

O Rally de Portugal é um evento cuja importância excede em muito a sua dimensão desportiva, enquanto prova de referência integrada num campeonato mundial de grande projeção.

MUNICÍPIO DE BARCELOS ATRIBUI MEDALHA DE MÉRITO DESPORTIVO A JOAQUIM RODRIGUES

O piloto de motos Joaquim Rodrigues foi agraciado hoje pelo Município de Barcelos com a medalha de Mérito Desportivo. Em cerimónia realizada no Salão Nobre dos Paços do Concelho, e na presença de praticamente toda a vereação, Joaquim Rodrigues agradeceu a distinção e as palavras do presidente Mário Constantino, que sublinhou o magnífico percurso de vida e o excelente currículo desportivo do piloto, salientando que é um “dos maiores embaixadores do concelho de Barcelos pelo país e pelo mundo”. Antes já Joaquim Rodrigues tinha referido que passou “por momentos muito difíceis e complicados” (recorde-se que perdeu o seu cunhado e companheiro de provas Paulo Gonçalves, há cerca de dois anos), mas que tinha sido o desporto que o “tirou do buraco em que viveu, até voltar à competição”.

barcelosmeritodesportivo.JPG

Recorde-se que o piloto barcelense concluiu recentemente a 44.ª edição do Rali Dakar, na Arábia Saudita, sagrando-se o melhor português em prova, após ter terminado na 11.ª posição da geral. Joaquim Rodrigues foi ainda o primeiro piloto do mundo a levar a equipa indiana Hero à vitória numa etapa, tendo ainda alcançado o terceiro lugar noutra classificativa.

Currículo:

O barcelense Joaquim Rodrigues constitui uma das lendas do motociclismo português, sendo atualmente Piloto oficial da Hero. A carreira deste piloto de Barcelos começou na década de noventa, tendo a partir daí, somado diversos títulos.

Em 1999, já era conhecido em França pelas suas participações no campeonato de Supercross daquele país, contudo o SX foi a modalidade onde melhor se afirmou.
Em 2000, estreou-se no mítico Supercross de Paris Bercy, tendo conseguido subir ao pódio numa das Finais da classe 125cc.

Um ano após, surgiu o primeiro contrato internacional, com a Honda, tendo participado no campeonato do mundo de Motocross, na categoria 250cc.

No ano seguinte, ascendeu à classe 500cc noutra equipa de fábrica, desta vez a italiana VOR.

No ano 2003, Joaquim Rodrigues viria a cumprir um sonho e foi competir para os EUA, como piloto oficial da Red Bull KTM, tendo-se estreado na categoria principal do AMA Supercross.

No ano seguinte,  viria a desenvolver a primeira KTM 450SX-F no campeonato AMA Motocross, tendo terminando na 11.ª posição.

Da KTM mudou-se para a Honda para competir na classe 250F na equipa Factory Connection (hoje conhecida como Geico Honda).

Foi o primeiro português a subir ao pódio de uma prova do AMA Supercross.

Em 2008, regressou à Europa para fazer algumas rondas do Mundial de MX2 e, em 2009, conseguiu o apoio da Aprilia para disputar várias etapas do Mundial de MX3.

Seguidamente, voltou ao campeonato nacional de Supercross para conquistar três títulos consecutivos, antes de se dedicar ao Enduro.

Na modalidade de Enduro, viria a conseguir mais um êxito para o seu palmarés e ganharia experiência que lhe seria útil na fase seguinte da sua carreira, os Rally Raids.

Em 2018, foi contratado pela Hero Motosports para se estrear no Dakar.

Em 2019, terminou muito perto do Top 10. Meses mais tarde, em setembro desse ano, viria a conquistar a sua primeira vitória em Rally Raids ao triunfar no Panafrica Rally em Marrocos.

No ano de 2020, voltou a participar no Rali Dakar.

Em 2021,  participou no rali Rota da Seda, na Rússia, tendo em novembro terminado no pódio do Campeonato do Mundo de TT no Abu Dhabi Desert Challenge.

No passado dia 14 do corrente mês, concluiu a 44.ª edição do Rali Dakar, na Arábia Saudita, sagrando-se o melhor português em prova, após ter terminado na 11.ª posição da geral e o primeiro piloto a levar a equipa indiana Hero à vitória numa etapa. Nesta edição do Rali Dakar, venceu a terceira etapa e fez terceiro lugar noutra etapa.

CDU EM FAMALICÃO DEFENDE O DIREITO AO DESPORTO PARA TODOS

A CDU promoveu hoje, sábado, pela manhã, na Praceta Cupertino de Miranda, em Vila Nova de Famalicão, uma tribuna pública sobre o Direito ao Desporto. Estiveram presentes, entre outros, os candidatos Torcato Ribeiro, cabeça de lista da CDU no distrito de Braga, e Tânia Silva , candidata do referido concelho.

IMG-20220122-WA0033.jpg

Nas palavras de Torcato Ribeiro foi destacado o papel "insubstituível dos clubes desportivos e de todo o movimento associativo na promoção e desenvolvimento da prática desportiva federada, assegurando o apoio do Estado em meios materiais, humanos e financeiros".

Tânia Silva sublinhou que a "democratização da prática desportiva só será possível quando se obedecer a um projecto devidamente estruturado, em que os intervenientes participem activamente , respondendo a toda a população com o direito à prática desportiva para todos". A candidata rematou a sua intervenção afirmando que é tempo de lutar e de mobilizar todos aqueles que querem romper de forma séria e comprometida com as políticas do passado, que evidenciam as desigualdades, as discriminações, as difíceis condições de vida do homem e da mulher no trabalho, na família, na cultura e no desporto".

A CDU considera que é urgente concretizar um processo de autêntica democratização actividade física, que assegure à generalidade da população condições de acesso em igualdade à prática desportiva regular, dando resposta às necessidades concretas nas etapas de vida de mulheres e homens, de forma integrada com os processos de educação, formação, cultura, sociabilização, saúde e qualidade de vida. Para a CDU a Educação Física e o Desporto são meios de valorização humana e factor de desenvolvimento da personalidade e democratização da vida social.

IMG-20220122-WA0036.jpg

MELGAÇO: O TRAIL MAIS A NORTE DE PORTUGAL REGRESSA A 15 DE MAIO

Melgaço Alvarinho Trail - Quintas de Melgaço tem inscrições abertas para a 7ª edição

O Melgaço Alvarinho Trail (MAT) regressa no dia 15 de maio (domingo), voltando a integrar os circuitos nacionais de trail da ATRP – Associação de Trailrunning de Portugal, pontuável nas distâncias trail curto (sprint), trail longo e trail ultra. As inscrições para percorrer os trilhos do destino de natureza mais radical de Portugal poderão ser efetuadas até ao dia 8 de maio de 2022, aqui (stopandgo.net).

Envento_Face_MAT22.jpg

O evento, que vai já na sétima edição, continua a afirmar-se como uma referência no panorama regional e nacional. Os percursos ainda estão a ser revistos, pelo que as distâncias definitivas ainda não estão fechadas, no entanto, as propostas são:

  • Ultra Trailde cerca de 48Km (inserido no Circuito Nacional de Ultra Trail Séries 100, da ATRP)
  • Trail Longode cerca de 36Km (inserido no Circuito Nacional de Trail Longo Séries 150, da ATRP)
  • Trail Curto (sprint)de cerca de 19Km (inserido no Circuito Nacional de Trail Longo Séries 100, da ATRP)
  • Caminhadade cerca de 13Km, para percorrer Melgaço de uma forma mais descontraída e desfrutar das paisagens.

As provas arrancam no Largo Hermenegildo Solheiro: a primeira terá início pelas 8h e o evento termina por volta das 17h, com as cerimónias de entrega de prémios a iniciar às 14h30.

A idade mínima para participar nos trail´s Curto, Longo e no Ultra Trail é de 18 anos, sendo que a categoria Juvenil (16 a 17 anos) e restantes remetem para o regulamento geral de competições (2021/2022). A idade mínima para a Caminhada será a partir dos 14 anos, desde que acompanhados por um adulto (seio familiar diário) e após preenchimento do respetivo termo de responsabilidade.

O evento, que contou com cerca de 1300 entusiastas na edição passada (2021), decorrerá de acordo com as medidas emanadas pela Direção Geral da Saúde, de forma a garantir todas as condições de segurança.

A iniciativa é organizada pela Melsport – Melgaço, Desporto e Lazer, EM e conta com o apoio do Município de Melgaço e de diversas entidades. Pelo quarto ano consecutivo, as Quintas de Melgaço voltam a ser o patrocinador oficial do evento, associando-se ao nome do mesmo.

melgaco-alvarinho-trail-municipio (19).jpg

MELGAÇO TEM CONDIÇÕES DE EXCELÊNCIA

Entre montanhas e planícies, subidas e descidas, os atletas terão condições de excelência durante a prova. Ao longo dos vários percursos, os atletas poderão contemplar as maravilhas que Melgaço ostenta: os caminhos e pontes romanas, as aldeias típicas (Brandas), os trilhos, as paisagens sobre os vales dos rios Minho e Mouro e vários monumentos como o Castelo de Melgaço, conventos e igrejas centenárias, museus, entre outros. Este ano, o evento passará pelas freguesias da Vila, Prado, Paderne, Gave, Parada do Monte, S. Paio, Cousso e Roussas.

Manoel Batista, Presidente da Câmara Municipal de Melgaço e também presidente do Conselho de Administração da MELSPORT, considera que Melgaço, apesar do contexto pandémico, «continuou a trilhar um caminho de forma ajustada, promovendo a prática desportiva e mobilizando os vários agentes desportivos, contribuindo para o desenvolvimento económico e social do concelho. O MAT é, sem dúvida, um importante impulsionador de novas transações comerciais.», atenta, considerando que «Melgaço é também um destino de eleição em termos do produto turismo desportivo. O nosso concelho dispõe, por um lado, de equipamentos desportivos homologados com elevado nível de qualidade e, por outro lado, de um conjunto de instituições que, aliadas às nossas condições naturais de excelência, nos colocam numa posição ímpar para a realização de atividades desportivas. Não tenho dúvidas de que Melgaço tem condições para receber eventos desportivos das mais variadas modalidades.»

Post_MAT_22.jpg

O MAT ESTÁ NOS ROTEIROS DOS TRAILS DE PORTUGAL

Começou com cerca de 250 atletas, em 2015, e, desde então, tem atraído atletas e entusiastas de vários pontos. Os participantes deslocam-se ao município mais a norte de Portugal não só para um trail com percursos exigentes, mas também para desfrutar das paisagens soberbas, da tranquilidade da natureza, assim como da deliciosa gastronomia, acompanhada pelo ex-libris da região, o vinho alvarinho.

Em 2019 foi considerado o evento desportivo do ano pelo “O Minhoto” Troféus Desportivos, uma ação destinada ao reconhecimento público do mérito de todos os envolvidos no fenómeno desportivo da região Minho, através da atribuição de Troféus.

Storie_Facebook_MAT22.jpg

melgaco-alvarinho-trail.jpg

mat-melgaco-trail-creditosfotos-Matias-Novo (451).

mat-melgaco-trail-creditosfotos-Matias-Novo (441).

mat-melgaco-trail-creditosfotos-Matias-Novo (439).

MAT- MARCO BARBOSA.jpg

MAT22_cartaz.jpg

mat-melgaco-trail-creditosfotos-Matias-Novo (216).

DKC DE VIANA PARTICIPA NA ORGANIZAÇÃO DA TAÇA IBÉRICA DE SLALOOM

DKC de Viana na organização da Taça Ibérica de slalom com Desportivo Minho Teixugos (da Galiza), Federação Galega de Piraguismo e Federação Portuguesa de Canoagem.

Capturartaçaiberica.JPG

Com o apoio da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, a Taça Ibérica de Slalom vai retomar a sua edição anual após dois anos de interrupção devido à pandemia.

A competição vai decorrer entre os dias 22 e 23 de janeiro, na pista internacional de slalom partilhada entre a DKC de Viana e o Clube Galego “Desportivo Minho Teixugos”, nas Azenhas do Pagade, freguesia de Covas, Vila Nova de Cerveira, em pleno Rio Coura e constitui o arranque da época competitiva das provas do calendário da Federação Portuguesa de Canoagem.

A DKC de Viana regressa assim à organização de grandes eventos internacionais, dando o seu apoio organizativo à competição.

A prova vai contar com 12 clubes e 134 atletas, sendo seis clubes portugueses e seis clubes espanhóis disputando cerca de 170 largadas

A DKC de Viana leva 11 atletas disputando 12 largadas, sendo também o arranque da sua época competitiva.

Programa da prova

Dia 22

– 10h início da competição – eliminatórias

- 14h – meias finais

Dia 23

- 10h – finais.

O Presidente da DKC de Viana,

Dr. Américo Castro

TRILHOS DO VISO POR ENTRE MONTANHAS E PAISAGENS SUBLIMES EM CELORICO DE BASTO

Está agendado para 13 de março um trail longo, um trail curto e uma caminhada a decorrer nos trilhos do Viso, pequenas rotas desenvolvidas pelo Município de Celorico de Basto que proporcionarão aos participantes destas provas, experiências únicas por entre paisagens sublimes.

ester2.jpg

Os trilhos do Viso são uma organização conjunta entre o Município de Celorico de Basto e o Boavista Futebol Clube e serão apadrinhados pela atleta de Trail Portuguesa, Ester Alves, uma das melhores atletas de sempre a nível nacional e internacional.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, José Peixoto Lima, “esta prova desportiva irá marcar a inauguração oficial do PR2, que contempla 3 pequenas rotas desde Borba de Montanha até ao Viso, passando por entre castros e mamoas, vestígios arqueológicos que remontam à antiguidade da nossa história e memória e que pretendemos preservar e dar a conhecer. Estas pequenas rotas são o início de um circuito de rotas que irão circundar o Viso e tornar-se, por certo, dos locais de eleição para quem gosta de provas como trail’s ou caminhadas por entre a natureza”.

O Boavista Futebol Clube contempla o trail como modalidade amadora, Boavista Trail, tendo o seu diretor, Rodolfo Silva, verificado a pertinência de integrar a organização dos trilhos do Viso, pela qualidade e dificuldade do percurso. “Os trilhos do Viso apresentam-se com as características ideais para quem pratica trail, as dificuldades dos percursos, a beleza, a natureza, a história, tudo junto aumenta a adrenalina daqueles que dão o máximo para concluir as provas com sucesso. O Boavista Trail conta com uma equipa altamente motivada quer para organizar estes eventos quer para participar nos mesmos. Temos atletas de referência que se destacam a nível nacional e internacional que não querem perder a oportunidade de percorrer os Trilhos do Viso”.

Os trilhos do Viso constam de 3 provas o trail longo com 23 km (1000M D+), o trail curto com 13,5 km (500mD+) e a caminhada com 8,4 km (300m D+).

As inscrições já se encontram disponível através do link https://lap2go.com/pt/event/trilhos-do-viso-2022

imagem da prova.jpg

ester.jpg

MUNICÍPIO DE ESPOSENDE INVESTE MAIS DE MEIO MILHÃO DE EUROS NO DESPORTO

O Município de Esposende aprovou hoje, em reunião de Câmara e por unanimidade, o montante de 546.918 euros de apoios para a área do desporto.

canoagemesp.jpg

Em causa está o montante associado aos contratos programa de desenvolvimento desportivo para a época 2021/2022 com associações e federações desportivas, que contempla o pagamento, por parte da Câmara Municipal, das taxas de inscrição e seguros dos atletas dos escalões de formação e acompanhamento de atletas “especiais” na vertente de desporto adaptado junto das associações e federações das respetivas modalidades. Serão, assim, celebrados contratos programa com a Federação Portuguesa de Canoagem, Federação Equestre Portuguesa, Federação Portuguesa de Surf, Federação Portuguesa de Taekwondo, Associação de Andebol de Braga, Associação de Atletismo de Braga, Associação de Badminton do Norte, Associação de Basquetebol de Braga, Associação de Futebol de Braga, Associação de Patinagem do Minho, Associação Portuguesa de Deficientes - Delegação Distrital de Braga, Associação de Voleibol de Braga e Associação de Ciclismo do Minho.

O Município aprovou também a celebração de contratos programa de desenvolvimento desportivo com os vários clubes e associações desportivas do concelho, com vista ao apoio à realização de atividades desportivas, apoio à concretização de projetos junto de populações com necessidades educativas especiais, integração de crianças e jovens indicados pela comissão de proteção de crianças e jovens em risco, no desenvolvimento de projetos fomentados pelo Município, na compra de equipamentos e material de treino/pedagógico, na formação e/ou contratação de técnicos habilitados e na sua atividade desportiva regular.  

Pela primeira vez, o Município vai também celebrar contratos programa com os agrupamentos de escolas do concelho e a Escola Secundária Henrique Medina, com o intuito de promover, estimular e apoiar a prática desportiva, seja conjuntamente com as agremiações desportivas, quer por sua iniciativa própria, quer ainda com as escolas.

Estes apoios para o ano 2022 ou época desportiva 2021/2022 traduzem-se no montante global de 257.500 euros, contemplando os clubes/associações Forjães Sport Clube, Antas Futebol Clube, Futebol Clube Marinhas, Associação Desportiva Esposende, Gandra Futebol Clube, União Desportiva de Vila Chã, Desportivo Recreativo Estrelas de Faro, Clube de Futebol de Fão, Grupo Desportivo de Apúlia, Clube Náutico de Fão, GCDR Gemeses, Rio Neiva – ADA, Hóquei Clube de Fão, Centro Social da Juventude de Mar, Forum Esposendense, CICS - Esposende Surf Team, Associação de Karaté de Apúlia, Bushido AK Esposende, Taekwondo Clube de Esposende, Clube Hípico do Norte, Equivau - Quinta do Vau, ACD "Os Apulienses", ADRC Criaz, C.S.J. Belinho, APD – Braga, ACARF, Associação Ciclismo Minho, bem como a Escola Secundária Henrique Medina e os agrupamentos de escolas António Rodrigues Sampaio e António Correia de Oliveira.

Ainda em matéria de apoio ao fomento desportivo, a Câmara Municipal aprovou uma adenda ao contrato desportivo com o Grupo Desportivo de Apúlia (GDA), que prevê o reforço da verba para as obras de beneficiação do Campo dos Sargaceiros e aquisição dos terrenos envolventes e necessário à execução da intervenção, no montante de 268.350 euros.

Na reunião de hoje, o executivo municipal aprovou, ainda, uma medida excecional de apoio ao associativismo desportivo referente ao escalão sénior, para compensar as dificuldades financeiras que os clubes enfrentam devido à situação pandémica. Em causa está uma verba no valor global de 21.068 euros, destinada ao pagamento das taxas de inscrição e seguros dos atletas do escalão Sénior, junto das associações e federações das respetivas modalidades.

Ainda na vertente desportiva, a Câmara Municipal aprovou e valor das taxas de inscrição e as normas de participação no 18.º Encontro Luso Galaico de BTT, que se realizará nos dias 23 e 24 de abril.

CCFI_esp.jpg

DSC04511esp.JPG

PONTE DE LIMA REAFIRMA-SE DESTINO EQUESTRE INTERNACIONAL

Município de Ponte de Lima e Federação Equestre Portuguesa pretendem consolidar Ponte de Lima como Destino Equestre Internacional

O Município de Ponte de Lima e a Federação Equestre Portuguesa reuniram-se para, em conjunto, analisar a atividade equestre no país, enquanto potenciadora do turismo em Portugal, considerando o sector como um dos fatores de atratividade do território e gerador de dinamismo na economia do concelho.

Federação Equestre.jpg

O presidente da Federação Equestre Portuguesa, Bruno Rente, foi recebido pelo Vice-Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, Paulo Sousa, e por Filipe Pimenta, Diretor Executivo da Feira do Cavalo de Ponte de Lima.

Neste encontro, foi analisado o desenvolvimento da atividade equestre e do setor do Turismo Equestre em Portugal, tendo sido, também, abordada a criação de eventuais parcerias regionais e nacionais visando o crescimento do setor, no qual Ponte de Lima se constitui como uma referência nacional.

A reunião ficou, ainda, marcada pela vontade dos intervenientes em implementar novas infraestruturas que permitam consolidar Ponte de Lima como um destino reconhecido internacionalmente na organização de eventos equestres, maximizando o aumento dos proveitos económicos para o desenvolvimento da economia do concelho.

Para o Município de Ponte de Lima e para a Federação Equestre Portuguesa, este encontro revelou-se profícuo, mostrando-se ambas as entidades empenhadas na dinamização e promoção do setor equestre, reconhecendo as suas potencialidades para atrair cada vez mais apaixonados pelos cavalos a Ponte de Lima, à região e ao país.