Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PRIMAVERA PÕE BRAGA EM FLOR

Abertas as inscrições para a ‘Braga Florida 2018’. Prazo de inscrição prolongado até 31 de Maio

Estão abertas até 31 de Maio as inscrições para mais uma edição da ‘Braga Florida’, uma iniciativa promovida pelo Município de Braga em estreita colaboração com a Associação Comercial de Braga e com as Freguesias da Sé, Cividade, S. João do Souto, S. Lázaro, S. Victor e S. Vicente.

Braga Florida 2018 cartaz

À semelhança dos anos anteriores, e dando continuidade à oferta de plantas na zona histórica da Cidade, os interessados deverão preencher a ficha de inscrição e entregar na respectiva sede de freguesia, na Câmara Municipal de Braga ou através do e-mail ambiente@cm-braga.pt até ao próximo dia 31 de Maio (prazo prolongado). A inscrição é gratuita.

A distribuição das floreiras e das plantas para renovação de floreiras será realizada no dia 5 de Junho, na Avenida Central (junto à Igreja dos Congregados) a partir das 10h00. Em alternativa, os interessados poderão recolher as floreiras na sua Junta de Freguesia nos dias 6, 7 e 8 de Junho, desde que manifestem essa vontade na ficha de inscrição.

Para mais informações contactar 253 202 860 ou envie e-mail para ambiente@cm-braga.pt.

A ficha de inscrição está disponível para download através do link http://goo.gl/ZtHfpM

AMARES VAI À FINAL DO CONCURSO NACIONAL DE LEITURA

Amares vai estar representada na final do XII Concurso Nacional de Leitura 2017/2018

Matilde Ribeiro, estudante do ensino secundário do Agrupamento de Escolas de Amares, vai representar o concelho na XII Concurso Nacional de Leitura 2017/2018, que acontece no dia 10 de junho, em Pombal. A aluna foi selecionada, durante o dia de ontem, na Fase Intermunicipal da CIM Cávado – Comunidade Intermunicipal do Cávado, que decorreu entre a Biblioteca Municipal Francisco de Sá de Miranda e o Auditório Dom Gualdim Pais, em Amares.

DSC07177

No total, 24 alunos de todos os níveis de ensino dos seis municípios que fazem parte da  CIM Cávado (Amares, Braga, Barcelos, Esposende, Terras de Bouro Vila Verde) participaram nesta fase de seleção, mostrando as suas competências através da realização de uma prova escrita e de uma prova oral. Desses, 3 alunos de cada um dos níveis de ensino representados (1º, 2º e 3º ciclos e secundário) receberam prémios patrocinados pela empresa DST, no valor de: 100 o 1º prémio, 75 € o 2º prémio, e 50 € o 3º prémio, numa cerimónia que contou com a presença do presidente da Câmara, Manuel Moreira. Para além desta empresa, também a Caixa de Crédito Agrícola, o Intermarché e a Farmácia do Mercado foram patrocinadores do evento.

Na final do dia 10 de junho, no Pombal, vão estar representados dois alunos por cada ciclo de ensino que participaram na Fase Intermunicipal, nomeadamente aqueles que conquistaram o primeiro de segundo lugares.

Antes da entrega dos prémios o vice-presidente e responsável pelo pelouro da Cultura do Município de Amares, Isidro Araújo, fez questão de deixar “uma palavra de apreço e de incentivo a todos os participantes para que a cultura e a literatura se mantenha presente nas suas vidas e para que se enriqueçam com essa área”. Congratulando-se com o facto de Amares acolher esta fase do concurso, Isidro Araújo felicitou, ainda, todos os pais, professores, bibliotecários que acompanharam esta iniciativa, todos os patrocinadores que apadrinharam, membros do júri e entidades envolvidas neste na concretização deste evento.

Apresentada por Jorge Brandão professor e bibliotecário e por Rodolfo Castro contador de histórias, a Fase Intermunicipal do Concurso Nacional de Leitura, contou com a representação da Direção Geral do Livro e das Bibliotecas (DGLAB), do Plano Nacional de Leitura, da CIM Cávado, de Coordenadores Interconcelhios da Rede de Bibliotecas Escolares dos seis municípios e professores bibliotecários. Também o escritor Virgílio Vieira e o escritor e ilustrador Pedro Seromenho foram convidados desta iniciativa.

A tarde foi abrilhantada pela Escola de Música da AFA e pela academia de Teatro Tim. Bra com a peça de teatro “Vem aí o Zé das moscas”.

Vencedores da Fase Intermunicipal:

Do 1º ciclo, Carolina Azevedo (Esposende) alcançou o primeiro lugar, seguida de Dinis Esteves (Braga) e de 3º Beatriz Martins (Amares), que conquistaram o segundo e terceiro lugares respetivamente. No que diz respeito ao 2º ciclo, Joel Neves (Vila Verde) ficou em primeiro lugar, Lara Miranda (Barcelos) em segundo lugar e Gonçalo Gonçalves (Terras de Bouro), em terceiro lugar. Já em relação ao 3º ciclo, o primeiro lugar foi atribuído a Inês Vilas Boas (Barcelos), o segundo a Lara Costa (Esposende) e o terceiro a João Pereira (Braga). Finalmente, entre os alunos do ensino secundário foram selecionados Matilde Ribeiro (Amares), Ana Borges (Barcelos) e Inês Araújo (Terras de Bouro).

VIZELA PREMEIA CURTAS POÉTICAS 2018

Entregues prémios das Curtas Poéticas 2018

No passado domingo foi apresentado o livro Curtas Poéticas 2018, no âmbito da Feira do livro de Vizela de 2018.

1º lugar infantil

Neste sexto ano de curtas poéticas, e por ocasião dos 20 anos do concelho de Vizela, foi homenageada a cidade e os vizelenses com o tema Vizela.

Foram recebidos  no total 347 poemas, de onde destacamos uma participação massiva das escolas, pelo que agradecemos a todos os alunos que participaram, aos professores que os motivaram e de forma especial às coordenadoras das bibliotecas escolares.

Destes poemas foram selecionados 50 para integrarem o livro das Curtas Poéticas Vizela.

O júri do concurso foi composto por duas professoras representantes dos dois agrupamentos de escolas de Vizela, Elsa Oliveira pelo Agrupamento de Escolas de Vizela e Carla Pedro pelo Agrupamento de escolas de Infias, Sónia Cunha, membro da Associação cultural Avicella, Conceição Lima, autora do programa Hora da Poesia e Agostinha Freitas, Vereadora da Câmara Municipal de Vizela.

O 1º 2º e 3ºs lugares de cada escalão tiveram direito a um prémio e todos os outros selecionados receberam um diploma e um bilhete de cinema patrocinado pelos Cinemas Fórum Vizela.

1º lugar adulto

Premiados:

Infantil

3º lugar infantil Carolina Alves

2º lugar infantil YARA Sampaio Vieira

1º lugar infantil Bruno Fernandes

Juvenil

1º Duarte Silva

Adulto

3º Paula Oliveira

2ª Paula Oliveira

1ª Sérgio Coelho

O livro encontra-se à venda na Biblioteca Municipal de Vizela pelo preço de 3,50€.

2º e 3º lugar adulto

2º lugar infantil

3º lugar infantil

PONTE DE LIMA INAUGURA FESTIVAL INTERNACIONAL DE JARDINS

Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins Preside à Abertura Oficial do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima 2018. Sexta-feira, 25 de maio, 17 horas

O Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima edição 2018 abre na próxima sexta-feira, 25 de maio, sob o tema “O Clima nos Jardins”. A inauguração oficial está marcada para as 17 horas e será presidida pelo Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins.

Capturarpl

Evento reconhecido internacionalmente, recebeu em 2013 o título Garden Tourism awards, no "North American Garden Tourism Conference", em Toronto, Canadá, e o ano passado foi distinguido pela "Europe for Festivals, Festivals for Europe" - EFFE Label 2017-2018.

Considerado como uma forte referência ao nível da inovação e da natureza, o Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima mantém a originalidade e a inovação, como forma de despertar a criatividade e a imaginação de quem o visita, sendo um verdadeiro ponto turístico, atraindo, progressivamente um maior número de visitantes.

Das 46 propostas rececionadas o júri selecionou criações provenientes da Alemanha, Argentina, Áustria, Espanha, Holanda, Inglaterra, Itália e Portugal, as quais vão estar expostas a partir de sexta-feira, no espaço do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima:

  1. a) Antropia no Jardim / Antropy in the Garden – Portugal
  2. b) O Jardim de Microclimas / The Garden of Microclimates – Holanda
  3. c) Círculo Verde / Green Circle – Itália
  4. d) Controle Climático / Climate Positive – Inglaterra
  5. e) Estações que Prendem / Seasons that Capture Us – Argentina
  6. f) Atitudes (In)Conscientes / (Un)Conscious Attitudes – Portugal
  7. g) O Espelho do Pensamento / The Mirror of Thought – Inglaterra
  8. h) Utopia Ecológica / Ecological Utopia – Portugal
  9. i) Nova Terra – Descobrindo um Novo Mundo / Nova Terra – Discovering a New World – Espanha
  10. j) O Museu do Passado / The Museum of the Past – Áustria
  11. k) Criado pela Natureza / Made By Nature – Alemanha
  12. l) Um Passeio pelo Clima / A Walk through Climates – Espanha

De realçar a 4ª edição dos Jardins Escolinhas de Ponte de Lima, que apresenta 12 jardins, criações da comunidade educativa, de doze escolas do concelho, projeto que contribuiu para a valorização do Festival, através da integração das novas formas de pensar, explorar e expor os temas.

O Município de Ponte de Lima convida o V. órgão de comunicação social a assistir à supra dita inauguração.

CERVEIRA É CAPITAL DA LEITURA NO ALTO MINHO

Foi a celebração da arte de ler e de ler com arte! O Cineteatro de Cerveira recebeu, esta quinta-feira, a Fase Intermunicipal do 12.º Concurso Nacional de Leitura, que contou com a participação de alunos de todos os níveis de ensino dos 10 concelhos do distrito. Os participantes demonstraram as suas competências e conhecimentos e os professores manifestaram-se orgulhosos pela prestação. Desafio final agendado para Pombal, a 10 de junho.

IMG_2980

Promovido pelo Plano Nacional de Leitura, em parceria com a Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas e com a Rede de Bibliotecas Escolares, em articulação com a RTP, esta fase intermunicipal do concurso teve Vila Nova de Cerveira como município anfitrião. Realizaram-se duas provas de eliminação: a escrita, que decorreu, pela manhã, na Biblioteca Municipal, e a oral, no período da tarde, no Cineteatro.

Esta segunda etapa foi avaliada por um júri composto por Aurora Viães, Vereadora do Município de Vila Nova de Cerveira, e presidente do Júri; Ágata Rodrigues, membro dos órgãos sociais da Associação Cultural Convento de S. Paio, instituição promotora da divulgação do acervo do Escultor José Rodrigues e da divulgação da língua e cultura portuguesa, no âmbito dos estudos da diáspora portuguesa; e por Gabriela Barbosa, doutorada em Didática das Línguas pela Universidade do Porto, Professora na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

Agradecendo o envolvimento de várias instituições, o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, destacou o excelente trabalho dinamizado pelos professores e desejou um futuro de muitas conquistas e sucessos a todos os participantes. “Independentemente dos resultados, todos vocês são vencedores por uma meritória prestação”, disse.

Do programa constou ainda uma visita ao VIII EDUCARTE e ao Castelo de Cerveira, assim como a cerimónia da parte da tarde foi abrilhantada com momentos musicais protagonizados pelos alunos da Academia de Música Fernandes Fão.

No final, foram apurados 12 vencedores, três por cada nível de ensino (1º ciclo, 2º ciclo, 3º ciclo e ensino secundário), que representarão o Alto Minho na final do Concurso Nacional de Leitura, que se realizará no dia 10 de Junho, em Pombal.

Concorrentes apurados para a fase final, concorrentes à Prova Nacional:

1º ciclo:

1º Prémio: Sebastião Miguel de Abreu Lima Batista, AE de Ponte de Lima

2º Prémio: Mariema Rodrigues Conde, AE Muralhas do Minho, Valença

Aluno suplente: Maria Rodrigues Pereira Rego, AE Ponte da Barca

2º ciclo:

            1º Prémio: Matilde Simões Seixas, AE Sidónio Pais de Caminha

2º Prémio: Marta Moreira Alves, AE Pintor José de Brito, Viana do Castelo

Aluno suplente: Letícia Mendes Gomes, AE dos Arcos de Valdevez

3º ciclo:

            1º Prémio: José Pedro Gomes Cerqueira, AE de Ponte da Barca

2º Prémio: Ricardo Pereira, AE Território Educativo de Coura, Paredes de Coura

Aluno suplente: Fabiana Vaz, AE Muralhas do Minho, Valença

Secundário:

            1º Prémio: Andreia Manuela Amorim Santos, AE dos Arcos de Valdevez

2º Prémio: Eva Rebelo Armada Direito, AE de Ponte de Lima

Aluno suplente: Adriana Sofia Frazão Pires, AE de Melgaço

ALUNO DE S. TORCATO VENCE 3º CONCURSO “SOLETRAR CIÊNCIA” DE GUIMARÃES

Aluno de S. Torcato venceu concurso Soletrar C-I-Ê-N-C-I-A 2018

Final envolveu 10 alunos dos agrupamentos de escolas do concelho de Guimarães

António Ribeiro Cardoso, aluno do Agrupamento de Escolas de S. Torcato, venceu a final do III Concurso Soletrar C-I-Ê-N-C-I-A, disputada esta terça-feira, no Instituto de Design de Guimarães.

image001

Vasco Ferreira Peixoto, aluno da EB 2,3 Egas Moniz (Agrupamento de Escolas Francisco de Holanda) e Sérgio Ribeiro da Silva, em representação do Agrupamento de Escolas de Caldas das Taipas (aluno da EB1 de Agrolongo, da freguesia de Sande S. Lourenço) ficaram em segundo e terceiro lugares, respetivamente. 

O concurso é organizado pelo grupo de trabalho de professores bibliotecários de Guimarães, Coordenador Interconcelhio da Rede de Bibliotecas Escolares e Centro Ciência Viva, com o apoio da Câmara Municipal de Guimarães, docentes de Ciências Naturais e Ciências Físico-Químicas dos agrupamentos participantes, Biblioteca Municipal Raul Brandão e do Instituto de Design de Guimarães.

O concurso tem como objetivos aumentar o vocabulário, melhorar a pronúncia e a ortografia e aprofundar o conhecimento de conceitos científicos. A final foi disputada por 10 alunos apurados nas eliminatórias realizadas nos agrupamentos de escolas do concelho: Briteiros, Caldas das Taipas, Arqueólogo Mário Cardoso, Professor Abel Salazar, Vale de S. Torcato, Abação, Santos Simões, João de Meira e Francisco de Holanda.

Na prova final cada um dos finalistas teve de soletrar um conjunto de palavras apresentadas pela organização, cabendo a avaliação a um júri composto por representantes do Município de Guimarães, Ciência Viva e Biblioteca Municipal Raul Brandão.

Antes da prova final, o Curtir Ciência dinamizou um atelier de Impressão 3D. As muitas dezenas de alunos presentes puderam ver em funcionamento uma das impressoras 3D cedidas ao Centro Ciência Viva de Guimarães no âmbito da parceria da Universidade do Minho e empresa Bosch.

IMG_4553

PÓVOA DE LANHOSO REALIZA CONCURSO LITERÁRIO ESCOLAR

Concurso Literário Escolar António Celestino com prémios entregues

Cerca de 106 crianças, a frequentar os dois Agrupamentos de Escolas do Concelho da Póvoa de Lanhoso, participaram no Concurso Literário Escolar António Celestino, referente ao presente ano letivo.

Antonio Celestino

Criar e consolidar hábitos de leitura, fortalecer práticas de escrita criativa e valorizar a expressão literária são os objetivos desta iniciativa, que a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso promove e organiza, numa parceria com a Rede de Bibliotecas Escolares.

Instituído há alguns anos pelo Município da Póvoa de Lanhoso, o Concurso Literário Escolar António Celestino é uma justa homenagem a um artista das letras das Terras de Lanhoso, António Simões Celestino da Silva, poeta, escritor e amante das artes, falecido em 2013.  

Na noite de 27 de abril, decorreu no fórum dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso a cerimónia de entrega de prémios aos alunos e alunas participantes provenientes do Agrupamento de Escolas de Póvoa de Lanhoso e do Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio.

Este Concurso Literário abrange quatro categorias: Secundário, 3º Ciclo, 2º Ciclo e 1º Ciclo.

O primeiro prémio da categoria Secundário foi atribuído ao trabalho “O Nosso conto de fadas” da autoria de Cândida Nunes (Pseudónimo). O segundo prémio foi atribuído ao texto “Saudades de quem não volta” assinado por A rapariga do sorriso nos olhos. O texto “Desafios da vida” de Minerva obteve o terceiro lugar.

Na categoria do 3º Ciclo, o primeiro prémio foi atribuído ao texto “Felicidade Exibida” da autoria de Afonso vale de urtigas. O segundo prémio foi para “Dia do Funeral” de Orquídea. O terceiro prémio foi para “Os Livros” de Manuela Andrade Vieira. “A Porta” de Maria Almeida conseguiu uma menção honrosa.

“Maria” de Ermelinda Silva obteve o primeiro lugar na categoria de 2º Ciclo. “Um Mundo em Tons de Cinza” de Bina Mar obteve o segundo posto. “Um pedacinho de Mim” de Filferper conseguiu o terceiro lugar.

No 1º Ciclo, o primeiro prémio coube ao texto “A Doença Incompreensível” assinado por Mary Gonçalves. O segundo lugar foi atribuído ao texto “O Tablet da minha avó” da autoria de Lousa. O terceiro prémio nesta categoria foi para Rita Castelo que escreveu “Nós fazemos floresta”. Houve ainda uma menção honrosa para o texto “A União na Floresta” de Pena Azul.

Os nomes dos/as jovens autores/as aqui apresentados/as referem-se a pseudónimos.

TERRAS DE BOURO REALIZA CONCURSO ESCOLAR DE IDEIAS EMPREENDEDORAS

UP Cávado Escolas promoveu final municipal em Terras de Bouro

A Final Municipal de Terras de Bouro do concurso escolar de ideias empreendedoras, promovido pela Comunicada Intermunicipal (CIM) do Cávado, decorreu a 9 de maio no auditório da Escola Básica e Secundária de Terras de Bouro.

32186365_971346649696466_1492022409715253248_n

Contando com a presença do Executivo Municipal de Terras de Bouro e da Direção do Agrupamento de Escolas, além dos responsáveis da CIM do Cávado, nesta final, que foi abrilhantada pela atuação da Escola de Musica do Centro Municipal de Valências, estiveram em competição 12 ideias de negócio de alunos do ensino secundário e profissional do nosso concelho, envolvendo cerca de 40 alunos. O júri escolheu as duas melhores ideias de negócio, no caso o “Kit de Emergência Inteligente e Automático” e “Terras de Bouro Peça a Peça, que irão agora representar Terras de Bouro na Final Intermunicipal UP Cávado Escolas.

O Up Cávado é um programa que visa dinamizar o ecossistema empreendedor do território, qualificar e reforçar a sua capacidade produtiva e aumentar a visibilidade e notoriedade internacional dos seus bens e serviços. Procura também promover ações estruturantes e sustentadas no território, a partir de um trabalho em rede entre entidades de relevo na região.

32130755_971346943029770_6184993312739426304_n

32148215_971346326363165_1871346147407167488_n

32151978_971346576363140_5020295793785962496_n

32162808_971347319696399_7610188552474722304_n

32169634_971345879696543_6219161963717459968_n

32186698_971345716363226_5656563394455535616_n

32191043_971346633029801_538683323774402560_n

32191489_971347139696417_489479358092673024_n

32191823_971347169696414_1496292440431132672_n

32202747_971347069696424_7864271589276123136_n

32202922_971346959696435_1047556636756934656_n

32205908_971346163029848_4417983221011054592_n

32215265_971347456363052_4215228329046835200_n

32226873_971347006363097_683947089184423936_n

32247393_971346219696509_304356900311400448_n

32253538_971346786363119_5551366885028659200_n

CAPA

DSC07120

DSC07122

DSC07128

DSC07132

DSC07143

DSC07158

DSC07161

DSC07164

DSC07166

DSC07168

DSC07180

DSC07181

DSC07188

DSC07189

DSC07193

DSC07199

DSC07206

DSC07210

DSC07217

DSC07220

DSC07228

VILA DE PRADO REALIZA "CONCURSO DE MAIOS"

Vila de Prado: Está aí à porta a IV edição do ‘Concurso de Maios’ organizado pelo Clube Fontaínha!

Apesar de ir apenas na 4ª edição, o ‘Concurso de Maios’ foi muito bem-recebido por pradenses e ‘forasteiros’ e conta anualmente com várias dezenas de propostas a concurso. A iniciativa é organizada pelo Clube Fontaínha, uma das mais antigas coletividades da Vila de Prado, e prepara-se para voltar a desafiar a criatividade dos participantes num espetáculo de cor e arte, absolutamente deslumbrante à vista. O evento de corre a 12 e 13 de maio na antiga EB1 da Igreja, junto à ‘Igreja nova’ da Vila de Prado.

18451331_1301964409858310_2075842555270969763_o

Os interessados devem entregar os respetivos Maios durante a tarde do dia 12, a partir das 14h30. No dia seguinte, as coroas de flores estarão em exposição na escola durante toda a manhã (09h00 às 13h00) e os vencedores da edição de 2018 serão anunciados pelas 11h15. A iniciativa conta com o apoio da Junta de Freguesia da Vila de Prado, da Câmara Municipal de Vila Verde e do Instituto Português do Desporto e Juventude.

BANDAS DE VIZELA VÃO A CONCURSO

Concurso de Bandas de Vizela duplica o prémio e passa pelas freguesias

A Câmara Municipal de Vizela apresentou o Concurso de Bandas de Vizela num evento realizado na Praça do Município, no passado dia 22 de abril, que contou com a participação do músico Rui Taipa.

apres. bandas

Após ter aprovado o normativo do concurso em reunião de câmara, o Município de Vizela aproveitou a logística montada para as comemorações do 25 de abril para fazer a primeira apresentação pública do concurso que vai já na sua sexta edição.

Rui Taipa deu o pontapé de saída à apresentação pública do concurso de bandas de Vizela 2018, no entanto as surpresas não ficaram por aqui.

A Câmara Municipal irá organizar o evento em conjunto com as juntas de freguesia, fazendo com que se realize uma eliminatória em cada freguesia.

A primeira eliminatória realiza-se no dia 8 de junho em Sto. Adrião, a segunda ocorrerá no dia 15 de junho na União de Freguesias de Tagilde e S. Paio, sendo que a terceira terá lugar na freguesia de Sta. Eulália a 22 de junho. A última eliminatória realizar-se-á em Infias no dia 29 de junho.

No final da última eliminatória serão divulgadas as 3 bandas finalistas, que irão tocar na grande final a realizar na União de freguesias S. Miguel e S. João no dia 14 de setembro.

Este ano, o concurso irá apurar apenas 8 bandas, sendo que o normativo dá prioridade à inscrição de bandas do Concelho, concedendo entrada direta no concurso a, pelo menos, uma banda de Vizela.

Para além desta grande novidade, a Autarquia anunciou a duplicação dos valores dos prémios em dinheiro. A banda vencedora receberá 1.000 euros, a segunda classificada 500 euros e a terceira 300 euros.

A cereja no topo do bolo foi anunciada pelo Presidente da Câmara, Victor Hugo Salgado. A Câmara Municipal de Vizela irá promover, de dois em dois anos, a gravação e edição de um CD com temas originais das bandas a concurso.

Boas notícias para quem pensa inscrever-se no nosso concurso!

As inscrições estão abertas até ao dia 22 de maio e podem ser feitas no site da Câmara Municipal de Vizela em http://www.cm-vizela.pt/

PREMIADOS DA 10ª EDIÇÃO DO CONCURSO FOTOGRÁFICO “A SEMANA SANTA DE BRAGA”

Foi no dia 20 de abril, pelas 21h30, na loja FNAC do shopping Braga Parque, de Braga, que ocorreu o anúncio dos premiados e respetiva entrega de prémios da 10ª edição do Concurso de Fotografia subordinado ao tema “A Semana Santa de Braga”.

entrega-premios-conc-foto-semana-santa-braga-2018

Sobre a iniciativa

Esta é uma iniciativa da Comissão da Semana Santa de Braga, com o apoio à divulgação da entidade regional de turismo do Porto e Norte de Portugal e da loja FNAC de Braga, como media partner o jornal “Diário do Minho”, e com o patrocínio exclusivo da prestigiada marca Canon e que visa sensibilizar todos os amantes da fotografia para o tema em particular, e em geral para esta época tão especial da cidade de Braga, bem assim como estimular e difundir a criatividade na arte da fotografia.

Sobre a edição e resultados deste ano

Embora a participação tenha diminuído este ano (recorda-se que a meteorologia não ajudou, inclusive obrigando à supressão de uma das procissões, evento que atrai, inevitavelmente, muitos fotógrafos deste Concurso), a qualidade das fotos a concurso, de um modo geral, e aliás como habitual, foi elevada e de excelente qualidade. Tanto assim é que o júri do concurso, após sucessivas rondas de eliminação, ficou com uma shortlist que gerou grande discussão e dificuldade na escolha final.

O concurso continua a despertar grande interesse e tem adeptos fiéis que, ano após ano, continuam a apostar e a acreditar nesta iniciativa. Há concorrentes que já foram premiados em edições anteriores, mas a maior parte são novos contemplados, apesar de concorrentes, alguns deles, em edições anteriores. A organização considera que a participação continuada de alguns dos concorrentes é um claro sintoma da credibilidade e confiança que a iniciativa detém junto dos potenciais interessados. Por outro lado, também considera que o crescente número de novos participantes é sintomático de que, apesar dos dez anos de existência, a iniciativa continua a ser relevante e a despertar interesse.

A diversidade de participação é também um aspeto a destacar com participantes de todas as idades (dos 18 aos 70 anos) e das mais variadas localidades do país (mas também do país vizinho).

Podemos adiantar ainda alguns dados estatísticos desta edição:

  • 161 pessoas com inscrição validada
  • 92 concorrentes
  • 517 fotos a concurso
  • 22 fotos premiadas
  • Média de idades: 45 anos
  • Participantes masculinos: 68 (74%)
  • Participantes femininos: 24 (26%)

O júri foi composto pelas seguintes personalidades:

  • Presidente: Hugo Delgado
  • Representante da Comissão: José Alberto de Sousa Ribeiro
  • Representante da Canon: António Coelho
  • Representante do Diário do Minho: Luis Carlos Lopes Fonseca
  • José Manuel Bacelar, convidado

O júri atribuiu os principais prémios aos seguintes concorrentes:

1º prémio: José Rodrigo de Carvalho Faria Lima, 44 anos, de Braga

EOS 77D C/ 18-135 IS Pack (no valor de 1.249€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

2º prémio: Luís Vilaça, 27 anos, de Braga

EOS M50 BLK 15-45 IS STM (no valor de 749€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

3º prémio: Nuno Miguel da Silva Sampaio, 40 anos, de Braga

EOS 2000D 18-55 IS II (no valor de 539€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Também todas as 10 Menções Honrosas previstas no Regulamento foram atribuídas a:

André Rodrigues, 37 anos, de Braga

António Alves Tedim, 67 anos, de Moreira da Maia

António Costa Pinto, 70 anos, de Condeixa-a-Nova

Bruno Ismael da Silva Alves, 42 anos, do Póvoa de Lanhoso

João Miguel Gomes Silva, 26 anos, de Braga

Jorge Manuel Rocha Pimenta, 49 anos, de Braga

José Pedro Martins, 57 anos, de Vila do Conde

Luís Braga Simões, 54 anos, de Braga

Silvino Jorge Rodrigues, 49 anos, de Braga

Sofia Carolina Rodrigues Brandão Bahia, 24 anos, de Braga

Para todas as Menções HonrosasAssinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Todos os premiados recebem ainda um Certificado de Participação.

As fotos premiadas estão disponíveis no sítio oficial da Semana Santa, neste link.

A quase totalidade dos prémios e certificados foi entregue na ocasião. Para os não presentes, informa-se que estes estão disponíveis para levantamento mediante apresentação do BI ou Cartão de Cidadão, até ao dia 30 de junho, ao balcão da FNAC de Braga.

A assinatura digital do Diário do Minho será disponibilizada, via email, diretamente pelo Diário do Minho.

Para além dos premiados, todos os concorrentes que manifestarem vontade de obter um Certificado de Participação, devem informar a organização, que o remeterá via email ou em papel (para levantamento na Sé Catedral de Braga). Todos os pedidos serão atendidos no máximo até ao dia 4 de maio. Os Certificados serão disponibilizados, de uma só vez, no dia 11 de maio.

Todos os trabalhos premiados (um total de 22 fotos) serão alvo de exposição, esta inserida no programa cultural da Semana Santa de Braga de 2019.

A organização endereça os votos de parabéns a todos os premiados e, em geral, a todos quantos se inscreveram e submeteram fotos ao concurso.

Na expectativa de podermos uma vez mais contar com a V. prestimosa colaboração na divulgação deste Comunicado,

Subscrevemo-nos com elevada estima e consideração,

Atentamente,

Abel Rocha

Comissão da Quaresma e Solenidades da Semana Santa de Braga

FAMALICÃO REPRESENTADO NA FASE REGIONAL DO CONCURSO NACIONAL DE LEITURA

Mais de duas dezenas de alunos do município de Vila Nova de Famalicão participaram na passada segunda-feira, dia 16 de abril, na etapa concelhia da 12.ª edição do Concurso Nacional de Leitura.

Concurso Nacional de Leitura

A iniciativa decorreu na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco e os alunos apurados vão agora representar o concelho famalicense na fase regional do concurso, promovido no âmbito do Plano Nacional de Leitura e à qual se associam a Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a Rede das Bibliotecas Escolares (RBE), o Camões IP, a Direção de Serviços de Ensino e Escolas Portuguesas no Estrangeiro.

O aluno vencedor do 1º CEB foi Pedro Afonso Martins Vale, da EB de Joane; do 2º CEB foi Cláudia Isabel Rocha e Silva, da EB D. Maria II; do 3º CEB foi Maria Alves Gonçalves, da Didáxis, Cooperativa de Ensino de Riba de Ave, e do Ensino Secundário foi Laura Viviana Silva Figueiredo, da Escola Secundária Camilo Castelo Branco.

Estimular a prática da leitura, como forma de conhecimento e lazer; aprofundar hábitos de leitura e aferir as competências leitoras das crianças e jovens do concelho são os principais objetivos da iniciativa.

SEMANA SANTA DE BRAGA TEM CONCURSO DE FOTOGRAFIA

unnamed

A Comissão informa que o júri reuniu no passado dia 17 de abril e deliberou para escolha dos premiados no Concurso de Fotografia “A Semana Santa de Braga”. Foram atribuídos os três primeiros prémios e as dez menções honrosas previstas no Regulamento.

O anúncio dos premiados e a entrega de prémios ocorre na loja FNAC do Shopping Braga Parque, em Braga, já amanhã, sexta-feira, dia 20 de abril, pelas 21h30.

Recordamos os prémios a concurso:

1º prémio:

EOS 77D C/ 18-135 IS Pack (no valor de 1.249€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

2º prémio:

EOS M50 BLK 15-45 IS STM (no valor de 749€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

3º prémio:

EOS 2000D 18-55 IS II (no valor de 539€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Para as 10 Menções Honrosas:

Uma assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

BRAGA PROMOVE CONCURSO DE FOTOGRAFIA SUBORDINADO AO TEMA DA SEMANA SANTA

A Comissão tem a decorrer uma iniciativa inserida no programa cultural deste ano, o Concurso de Fotografia subordinado ao tema “A Semana Santa de Braga”, iniciativa que cumpre este ano a sua 10ª edição.

unnamed

Depois de esgotado o prazo de pré-inscrição (condição obrigatória para os concorrentes poderem agora submeter trabalhos a concurso), encontra-se aberta a fase de submissão de trabalhos, que decorre das 0h00 horas de 6 de abril às 23h59 do próximo dia 11.

Os prémios a concurso, como habitual, são aliciantes:

PRÉMIOS

  • 1º Prémio: EOS 77D C/ 18-135 IS Pack no valor de 1.249€ + assinatura digital anual do Diário do Minho
  • 2º Prémio: EOS M50 BLK 15-45 IS STM no valor de 749€ + assinatura digital anual do Diário do Minho
  • 3º Prémio: EOS 2000D 18-55 IS II no valor de 539€ + assinatura digital anual do Diário do Minho
  • Menções Honrosas: Assinatura digital anual do Diário do Minho + impressão gratuita de 50 fotos na FNAC *

* exclusivamente para impressões em papel fotográfico até ao formato 20x30

Todos os premiados terão direito a Diploma de Participação. Para os restantes concorrentes, será fornecido Diploma, a pedido.

MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA PROMOVE CONCURSO “PONTE DE LIMA, VILA FLORIDA”

Candidaturas até 30 de abril

Estão abertas as candidaturas ao Concurso “Ponte de Lima, Vila Florida 2018” iniciativa do Município de Ponte de Lima, com periodicidade bienal.

Print

Fomentar o apego ao lugar, fortalecer a autoestima e o reconhecimento dos valores locais, criando laços e comportamentos que perdurem no tempo, é o objetivo deste concurso, cujo objetivo visa embelezar e inovar as janelas, varandas, espaços comerciais, de alojamento e de restauração, e canteiros na via pública, em todo o perímetro do concelho.

Ao lançar este desafio a todos os residentes ou pessoas que possuam ou ocupem imóveis dentro do concelho de Ponte de Lima, a título individual ou coletivo (condomínios), e todas as entidades públicas ou privadas que possuam ou ocupem imóveis na referida área, pretende-se promover uma nova imagem de Ponte de Lima, sensibilizando os cidadãos para outras formas de Sentir e Viver Ponte de Lima, incentivando de forma notória o gosto pelos espaços verdes, tirando partido dos jardins de proximidade, proporcionando novas vivências e formas de estar, para além de um contributo claro para o aprofundamento da promoção do civismo e da consciência ambiental.

São três as categorias para as quais cada concorrente pode apresentar-se a concurso:

Janela mais florida; Varanda mais florida; Canteiro mais florido e Estabelecimento (comercial e/ou de alojamento e/ou de restauração) mais florido.

De acordo com o regulamento os espaços a concurso terão de estar floridos durante o período compreendido entre a última sexta-feira do mês de maio e o dia 30 de setembro, de cada ano.

As inscrição são gratuitas e deverão ser endereçada ao Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, Praça da República, 4990-062 Ponte de Lima, ou por e-mail para festivaldejardins@cm-pontedelima.pt , até ao dia 30 de abril de cada ano.

CABECEIRAS DE BASTO LANÇA CONCURSO DE ILUSTRAÇÃO E DE QUADRAS DE S. MARTINHO

Câmara Municipal aprova dois novos concursos: VI Concurso de Ilustração Infantil e VI Concurso Quadras de S. Martinho são os novos desafios para os alunos Cabeceirenses

O Executivo Municipal de Cabeceiras de Basto aprovou, por unanimidade, na sua reunião do passado dia 9 de março, as Normas de Participação do VI Concurso de Ilustração Infantil, bem como as Normas de Participação do VI Concurso Quadras de S. Martinho.

Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto

Com o intuito de sensibilizar os mais novos para as artes plásticas, estimulando e promovendo a criatividade e o gosto pela ilustração, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, através da Biblioteca Municipal Dr. António Teixeira de Carvalho, lançou a 6ª edição do Concurso de Ilustração Infantil dirigida a alunos do 1º, 2º e 3º ciclos do Ensino Básico do concelho de Cabeceiras de Basto.

Os temas a abordar nesta sexta edição do concurso são o Mosteiro de S. Miguel de Refojos e o património edificado de Cabeceiras de Basto, sendo critérios de avaliação do júri a criatividade, originalidade e as competências de expressão artística.

Aos três primeiros classificados de cada categoria serão entregues prémios no valor de 50, 30 e 20 euros, respetivamente, em material pedagógico.

São objetivos deste concurso sensibilizar o público infantil para o património e história Cabeceirense, valorizar a criatividade e o imaginário infantil e incentivar o desenvolvimento de competências relacionadas com a prática da expressão artística.

Os trabalhos deverão ser entregues até ao dia 30 de maio de 2018 na Biblioteca Municipal Dr. António Teixeira de Carvalho, no Arco de Baúlhe.

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto lançou também o VI Concurso de Quadras de S. Martinho que tem como objetivos estimular a criatividade e a imaginação, o gosto pela escrita, nomeadamente de poesia, no caso particular a poesia de cariz popular.

Neste concurso podem participar todos os alunos do 1º, 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico do concelho de Cabeceiras de Basto e os trabalhos deverão subordinar-se ao tema S. Martinho: magusto, castanhas, vinho, partilha, entre outros.

O júri baseará a sua avaliação nos critérios de organização, coerência e coesão das quadras, criatividade e originalidade.

Com este concurso pretende-se estimular a criatividade e o imaginário infantil, incentivar o desenvolvimento de competências relacionadas com a escrita, nomeadamente de poesia e preservar as tradições populares.

Aos três primeiros classificados de cada categoria serão entregues prémios no valor de 50, 30 e 20 euros, respetivamente, em material pedagógico.

Os trabalhos a concurso deverão ser entregues até ao dia 9 de novembro de 2018 na Biblioteca Municipal Dr. António Teixeira de Carvalho, no Arco de Baúlhe, bem como na direção do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto.

Para mais informações consulte o site da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto em https://cabeceirasdebasto.pt.