Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MACAENSES LEVAM O MINHO AO FESTIVAL DA LUSOFONIA

O Lusofonia é um festival que todos os anos em Outubro, um encontro dos países lusófonas em Macau.

72748822_539069773333269_2589663660838223872_n.jpg

O Lusofonia é um festival que todos os anos em Outubro, um encontro dos países lusófonas em Macau.

O Lusofonia começa invariavelmente numa sexta-feira e termina no domingo

Todos os grupos que actuam nesse certame são grupos lusófonos locais ou convidados no exterior.

O festival inclui artes gráficas, gastronomia e outras iniciativas culturais.

O Grupo Macau no Coração mostrou uma vez mais que também o Minho cabe no seu grande coração!

Fotos: Ana Maria Manhao Sou

72860746_539069779999935_4968578701005422592_n.jpg

73026960_539069819999931_482917129100722176_n.jpg

72781748_539069836666596_3778647660777439232_n.jpg

72834721_539069866666593_2345684830953406464_n.jpg

72792071_539069883333258_2478061259228971008_n.jpg

75052221_539070176666562_6707931080248262656_n.jpg

73472601_539070196666560_7719226102694019072_n.jpg

75339572_539070219999891_9021448152342855680_n.jpg

PRESIDENTE DO GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO PRESENTE NAS COMEMORAÇÕES DO 70º ANIVERSÁRIO DA REPÚBLICA POPULAR DA CHINA

O Presidente do Grupo Folclórico Verde Minho, sr Teotónio Gonçalves, participou hoje nas comemorações do 70º aniversário da Fundação da República Popular da China que tiveram hoje lugar na embaixada daquele país, em Lisboa.

69839670_2376926109291406_6463341269790752768_n.jpg

Em 1 de Outubro de 1949, Mao Tse-Tung proclamou a República Popular da China, sob a liderança do Partido Comunista da China, colocando termo ao regime republicano criado em 1912 pelo Dr. Sun Yat-Sem e o Kuomintang (Partido Nacionalista) ao qual sucedeu Chiang Kai-shek.

Sob a égide do Grupo Folclórico Verde Minho, a comunidade minhota radicada na região de Lisboa vem aprofundando os laços de amizade com a laboriosa comunidade chinesa, nomeadamente através da participação mútua em eventos de ambas as comunidades.

IMG_9490.JPG

IMG_9491.JPG

IMG_9496.JPG

MACAENSES LEVAM O MINHO ATÉ PEQUIM

O Grupo Macau no Coração encontra-se neste momento em Pequim onde actuou na inauguração Horti Explo 2019, levando consigo o colorido das danças e dos trajes do Alto Minho.

70806144_10157480204024463_6682654300063137792_n.jpg

Hoje actuará na Expo das Flores que se realiza também em Pequim. O Grupo Macau no Coração chegou ontem à capital da República Popular da China e lá permanecerá até ao próximo dia 25 de Setembro.

Fotos: Ana Manhao Sou

71729534_10157480204514463_1582253350412353536_n.jpg

70503260_10157480204639463_7651963148152340480_n.jpg

70683818_10157480204739463_117844230335889408_n.jpg

71496459_10157480204819463_4415873567434997760_n.jpg

70609768_10157480205244463_6083845351154909184_n.jpg

71026727_10157480205394463_6524038993158340608_n.jpg

71097878_10157480205559463_1105998480091906048_n.jpg

70508037_10157480205584463_3860648662451355648_n.jpg

70954817_10157480205674463_2137999299353509888_n.jpg

71096344_10157480205774463_4038704370022350848_n.jpg

71589685_10157480205844463_5249581196953780224_n.jpg

71069389_10157480205889463_6924625357291126784_n.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ COOPERA COM REPÚBLICA POPULAR DA CHINA

Arcos de Valdevez e Benxi, localidade Chinesa, celebraram acordo de cooperação

O Presidente da Câmara Municipal, João Esteves, recebeu nos Paços do Concelho uma comitiva vinda da província chinesa de Liaoning, na China, com o intuito de apresentar e dar a conhecer as potencialidades do concelho ao nível do turismo e atividade económica.

IMG_0140.JPG

Liaoning localiza-se no nordeste da China e encontra-se a apostar muito no turismo e no desenvolvimento económico, destacando-se por possuir um património natural e cultural relevante, classificado pela UNESCO.

No âmbito desta visita foi assinado com a localidade de Benxi, pertencente à província de Liaoning, um acordo de cooperação que visa o estreitar de relações e troca de experiencias ao nível do turismo, investimento, cultura, agricultura e floresta.

Nesta visita a Arcos de Valdevez a comitiva teve ainda a oportunidade de visitar o Centro Interpretativo do Barroco, o Paço de Giela e os Parques Empresariais, tendo ficado a promessa por parte do executivo arcuense de retribuir a visita a Benxi e Liaoning muito em breve.

IMG_0157.JPG

IMG_0166.JPG

IMG_0169 (1).JPG

IMG_0178.JPG

IMG_0192.JPG

CHINA ABRE A PRIMEIRA FACULDADE DEDICADA À LÍNGUA PORTUGUESA

30128522348_0068acc1a9_b

  • Crónica de Daniel Bastos

Recentemente, a imprensa nacional e lusófona destacou nas páginas dos seus órgãos de informação, que a China, o maior país da Ásia Oriental e o mais populoso do mundo, com mais de 1,38 bilhão de habitantes, quase um quinto da população da Terra, e presentemente a segunda maior economia do mundial, abriu no seu território continental a primeira Faculdade dedicada à Língua Portuguesa.

Designadamente, a Faculdade de Estudos Hispânicos e Portugueses da Universidade de Estudos Estrangeiros de Pequim. Ainda que, fosse já na Universidade de Estudos Estrangeiros de Pequim, uma das universidades de estudos estrangeiros mais antigas e prestigiadas da China, que estivesse implementado o mais antigo departamento de ensino do português na China continental, aberto na década de 1960, este redimensionamento académico permite desde logo um aumento do orçamento para contratação de corpo docente, e um incremento na organização de atividades e palestras.

Contexto que vai seguramente impulsionar, ainda mais, que milhares de chineses aprendam português, atualmente a quarta língua mais falada no mundo. Como aponta Guiming Sun na sua tese de tese de mestrado “Estudantes universitários chineses de Português Língua Estrangeira: Percursos de estudo, escolhas e desafios no mercado de trabalho”, nos últimos anos “devido ao desenvolvimento do mercado dos negócios sino-lusófonos, as relações de cooperação mútua têm vindo a ficar cada vez mais estreitas entre a China e os países lusófonos, o que provoca uma grande procura de pessoas que falem simultaneamente mandarim e português”.

De facto, o crescente papel da China no desenvolvimento global, como por exemplo em Portugal, o sétimo país europeu em termos de investimento chinês na Europa e que se constitui como uma porta de entrada chinesa no Velho Continente. Assim como na América Latina, como é o caso do Brasil, o maior país lusófono, e o reforço do envolvimento económico chinês em Angola, a maior economia lusófona africana, tem levado milhares de jovens chineses a aprenderem português, uma língua que se começa a assumir como indispensável para o sucesso no numeroso mercado de emprego chinês.

A Língua Portuguesa representa deste modo um ativo estratégico no reforço dos laços económicos, mas também socioculturais, entre o mundo lusófono e a China, laços que reavivam cada vez mais a expressão pessoana a “Minha pátria é a língua portuguesa”.

BRACARENSES APRENDEM MANDARIM

Ensino de Mandarim chega a 157 alunos de Braga. Autarquia prevê alargar projecto a diferentes níveis de ensino e a mais escolas do Concelho
O projecto de Ensino de Mandarim com recurso a aulas e dinamização de diversas actividades relacionadas com a Língua e a Cultura chinesas, visa promover a aprendizagem de uma das línguas mais faladas à escala mundial. Actualmente, 157 alunos de escolas públicas do Concelho de Braga já beneficiam do projecto que começou com 80 alunos e cuja procura tem crescido substancialmente.

CMB28052019SERGIOFREITAS00000019163.jpg

Através de um protocolo com o Instituto Confúcio da Universidade do Minho, o Município de Braga responde ao crescente interesse da comunidade em conhecer a cultura chinesa, contribuindo para o desenvolvimento intelectual das crianças.
Este projecto, que abrange maioritariamente alunos do 2º ciclo de escolaridade, encontra-se a ser desenvolvido em seis Agrupamentos de Escolas: Alberto Sampaio, André Soares, Carlos Amarante, Dona Maria II, Francisco Sanches e Maximinos. Dado o grande interesse manifestado por pais e alunos, o Município prevê alargar o projecto a mais escolas e a diferentes níveis de ensino. A introdução do mandarim como uma das opções de Língua Estrangeira proporciona aos alunos maior possibilidade de escolha, permitindo que iniciem (ou retomem) a aprendizagem da língua mais falada no mundo.
De acordo com Lídia Dias, vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, a aprendizagem do mandarim, que está em difusão exponencial no mundo, tem recebido particular atenção nos últimos anos. “Acreditamos que, dadas as relações estreitas entre Portugal e a China, o mandarim será um elemento diferenciador e fonte de vantagem no futuro dos nossos alunos. Os conteúdos leccionados são vastos e preparam os alunos para o domínio das bases da língua”, referiu a vereadora durante uma visita a uma aula na EB 2,3 de Nogueira, que se realizou esta Terça-feira, 28 de Maio.
Lídia Dias explicou que a parceria com o Instituto Confúcio “tem sido fortalecida ano após ano, reflectindo-se num aumento considerável de alunos que frequentam a disciplina”, nesse sentido, o principal objectivo passa por “tentarmos ter mais Professores a leccionar mandarim para que, assim, a oferta possa abranger mais turmas”.
Na última visita dos representantes do Município de Braga ao Instituto Hanban, em Pequim, ficou patente a vontade de alargar o projecto do ensino de mandarim a mais escolas, assim como estabelecer parcerias entre escolas de Braga e escolas chinesas, de modo a que exista maior partilha de informações sobre os seus países, cidades e escolas.
“A grande mais-valia da aprendizagem das línguas é que necessitamos delas para comunicar e a comunicação é precisa em todos os contextos profissionais. Acreditamos nesta máxima e é a partir dela que trabalhamos pela formação de excelentes alunos, como também, homens e mulheres globalizados, preparados para brilhar em qualquer contexto profissional”, concluiu Lídia Dias.
Recorde-se que a oferta de aulas de mandarim nas escolas do Concelho, consta do Plano Estratégico para o Desenvolvimento Económico de Braga (2014-2026), desenvolvido pela InvestBraga. Esta é uma aposta do Município para diversificar a oferta educativa.

CMB28052019SERGIOFREITAS00000019165.jpg

CMB28052019SERGIOFREITAS00000019167.jpg

MINHOTOS DE MACAU DANÇAM NA CAPITAL DE CANTÃO

A cidade chinesa de Guangzhou assistiu anteontem à actuação do grupo “Macau no Coração” que se exibiu com os tradicionais trajes de lavradreira da nossa região. Tratou-se do 15º Festival de cultura folclórica de Guangzhou e Huang Po "Polo Natal", Feira do Templo do Milénio

52902896_416423852264529_7348464382306680832_n.jpg

Com mais de doze milhões de habitantes, Guangzhou – historicamente designada por Kwangchow – é a terceira mais populosa cidade da República Popular da China, constituindo a capital da província de Cantão. Situa-se no sul do país, nas margens do rio Zhu Jiang, constitui um importante centro portuário, possuindo o estatuto de sub-província administrativa.

Fotos: Macau no Coração

53886118_416494875590760_6535503240123908096_n.jpg

53916281_415918105648437_1376199399578796032_n.jpg

54236909_416423835597864_8837744343734288384_n.jpg

54255541_415918045648443_2676555930182615040_n (1).jpg

54255541_415918045648443_2676555930182615040_n.jpg

54257237_416494312257483_8302992736101859328_n.jpg

54463043_416494622257452_2068119653166612480_n.jpg

54522008_415918155648432_4268568769141407744_n.jpg

54728225_416494675590780_4260607626351476736_n.jpg

54729896_415918088981772_6879476768449757184_n.jpg

54731063_415918135648434_4247899131655225344_n.jpg

55492834_416494178924163_1828863887148056576_n.jpg

55586282_416493662257548_6938494734402846720_n.jpg

MINHOTOS DE MACAU DANÇAM EM ZHUHAI NAS CELEBRAÇÕES DO ANO NOVO CHINÊS

A Associação “Macau no Coração” participou em Zhuhai nas celebrações do Ano Novo Chinês, actuando nomeadamente em palco para a televisão local.

53664057_410470079526573_3498486991303999488_n.jpg

Trajando há vianesa e representando como podem e sabem as nossas tradições, eles representam um símbolo de continuidade dos laços de amizade que desde há vários séculos unem o povo português ao povo chinês e, em particular, conservando o Minho no coração dos macaenses, muitos dos quais fruto do amor construído entre portugueses e macaenses.

Zhuhai – qual “Mar de Pérola” – constitui uma cidade situada na província de Cantão, limitando a sul com a Região Administrativa Especial de Macau, com a qual se encontra ligada através da Ponte Flor de Lótus, inaugurada um mês antes da transferência do território para a soberania da República Popular da China.

Fotos: Associação Portugal no Coração

53026368_410469159526665_7637249831441793024_n.jpg

53303478_410464286193819_9031459454821859328_n.jpg

50244739_393796001193981_6191789746298028032_n (1).jpg

50715926_393796107860637_809578795307630592_n (1).jpg

50755841_393796164527298_1790422826042261504_n (1).jpg

50849925_393796127860635_3573532332096749568_n (1).jpg

50887901_393795987860649_5638658517612101632_n (1).jpg

50998075_393796087860639_6844512861327196160_n (1).jpg

51068976_393796051193976_7950096709571313664_n (1).jpg

51116968_393796021193979_8845670044454092800_n (1).jpg

51559146_393795947860653_9092365879240294400_n (1).jpg

53040418_410465959526985_7056650113644494848_n.jpg

MINHOTOS DESFILAM EM LISBOA NO CORTEJO DO ANO NOVO CHINÊS E ATUAM NA ALAMEDA D. AFONSO HENRIQUES - O MINHOTO QUE FOI PRIMEIRO REI DE PORTUGAL!

O Grupo Folclórico Verde Minho está a chegar neste instante à Alameda D. Afonso Henriques, em Lisboa, onde este ano se comemoram a entrada do Ano Novo Chinês, em virtude do Largo do Martim Moniz ter entrado em obras de requalificação.

51720808_2208653449452007_1475186524461989888_n.jpg

As celebrações do próximo ano terão maior escala e importância uma vez que neste ano se comemora o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e a República Popular da China e ainda o 20º aniversário da transferência da administração de Macau.

52134273_1224803111005474_2634713169079042048_n.jpg

O Porco de Terra é o animal e o elemento do Ano Novo Chinês 2019. O Porco é o animal do zodíaco cuja energia vai ser prevalecente durante 2019, juntamente com a Terra, o elemento do ano.

O calendário chinês rege-se pelos ciclos lunares em conjugação com a posição do sol, iniciando-se na noite de lua nova mais próxima do dia em que o sol passa pelo décimo grau de Aquário. As representações dos doze animais do horóscopo a que correspondem os anos no calendário chinês possuem a sua origem na lenda segundo a qual, os doze animais se apresentaram a Buda, correspondendo ao seu chamamento.

Ascende a mais de vinte mil o número de chineses que vivem em Portugal, oriundos principalmente da província de Cantão em virtude da sua proximidade com Macau, constituindo uma comunidade pacífica e trabalhadora, dedicada sobretudo ao comércio e com uma presença considerável na nossa região.

Fotos: Teotónio Gonçalves / Bruno Rebelo

51346388_2208653679451984_2274391058194366464_n (1).jpg

51704631_2208653399452012_149131834431635456_n (1).jpg

51720821_2208653362785349_899588171526832128_n.jpg

51791356_2208653666118652_1399264112692690944_n.jpg

IMG_8666.JPG

IMG_8670.JPG

IMG_8670-2.JPG

IMG_8665.JPG

IMG_8662.JPG

IMG_8663.JPG

IMG_8664.JPG

IMG_8656.JPG

IMG_8660.JPG

IMG_8625.JPG

IMG_8627.JPG

IMG_8628.JPG

IMG_8631.JPG

IMG_8584.JPG

IMG_8587.JPG

IMG_8588.JPG

IMG_8589.JPG

IMG_8591.JPG

IMG_8592.JPG

51510883_2264528226912195_3814615679714197504_n.jpg

51532681_2264529400245411_6418086453523251200_n.jpg

51540161_2264527020245649_490957333648637952_n.jpg

51593821_2264528206912197_7927913779013091328_n.jpg

51608096_2264527820245569_5757159139209904128_n.jpg

51669872_2264527590245592_49298747020017664_n.jpg

51705718_2264526693579015_6776296209297440768_n.jpg

51727802_2264528043578880_3062080599922573312_n.jpg

51758606_2264526703579014_948876297092726784_n.jpg

51795648_2264527853578899_8254323545388089344_n.jpg

51799128_2264526203579064_291639497852977152_n.jpg

51874793_2264524503579234_9140844905982066688_n.jpg

GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO PARTICIPA EM LISBOA NO PRÓXIMO FIM-DE-SEMANA, NAS CELEBRAÇÕES DO ANO NOVO CHINÊS

A convite da Embaixada da República Popular da China, o Grupo Folclórico Verde Minho vai participar uma vez mais nas celebrações do Ano Novo Chinês que vão realizar-se em Lisboa no próximo dia 9 de Fevereiro.

CapturarcHINAcARTAZ.PNG

As celebrações deste ano terão maior escala e importância uma vez que neste ano se comemora o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e a República Popular da China e ainda o 20º aniversário da transferência da administração de Macau.

O Porco de Terra é o animal e o elemento do Ano Novo Chinês 2019. O Porco é o animal do zodíaco cuja energia vai ser prevalecente durante 2019, juntamente com a Terra, o elemento do ano.

O calendário chinês rege-se pelos ciclos lunares em conjugação com a posição do sol, iniciando-se na noite de lua nova mais próxima do dia em que o sol passa pelo décimo grau de Aquário. As representações dos doze animais do horóscopo a que correspondem os anos no calendário chinês possuem a sua origem na lenda segundo a qual, os doze animais se apresentaram a Buda, correspondendo ao seu chamamento.

Ascende a mais de vinte mil o número de chineses que vivem em Portugal, oriundos principalmente da província de Cantão em virtude da sua proximidade com Macau, constituindo uma comunidade pacífica e trabalhadora, dedicada sobretudo ao comércio e com uma presença considerável na nossa região.

DSCF8087

应中华人民共和国大使馆邀请, 民间团体 "绿色明浩" 将再次参加将于 2月 9日在里斯本举行的中国新年庆祝活动。

明年的庆祝活动将更加大规模和重要, 因为今年是葡萄牙和中华人民共和国建交 40周年, 也是行政移交20周年澳门。

猪是一种动物, 中国的新年是2019年。猪是黄道带的动物, 它的能量将与当年的元素地球一起在2019年流行。

中国历法是由月球周期与太阳的位置一起控制的, 从新月的夜晚开始, 最接近太阳通过十年级的那一天。在中国历法中相应年份的十二种动物的表现在传说中有你的起源, 根据这个传说, 十二种动物展示了佛陀, 与你的呼唤相对应。

居住在葡萄牙的中国人超过2万人, 主要是因为你靠近澳门, 澳门是一个和平的社区, 勤奋, 特别致力于贸易, 有存在在我们地区相当大。

DSCF8144

GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO PARTICIPA EM LISBOA NO PRÓXIMO FIM-DE-SEMANA, NAS CELEBRAÇÕES DO ANO NOVO CHINÊS

A convite da Embaixada da República Popular da China, o Grupo Folclórico Verde Minho vai participar uma vez mais nas celebrações do Ano Novo Chinês que vão realizar-se em Lisboa no próximo dia 9 de Fevereiro.

DSCF8052

As celebrações do próximo ano terão maior escala e importância uma vez que neste ano se comemora o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e a República Popular da China e ainda o 20º aniversário da transferência da administração de Macau.

O Porco de Terra é o animal e o elemento do Ano Novo Chinês 2019. O Porco é o animal do zodíaco cuja energia vai ser prevalecente durante 2019, juntamente com a Terra, o elemento do ano.

O calendário chinês rege-se pelos ciclos lunares em conjugação com a posição do sol, iniciando-se na noite de lua nova mais próxima do dia em que o sol passa pelo décimo grau de Aquário. As representações dos doze animais do horóscopo a que correspondem os anos no calendário chinês possuem a sua origem na lenda segundo a qual, os doze animais se apresentaram a Buda, correspondendo ao seu chamamento.

Ascende a mais de vinte mil o número de chineses que vivem em Portugal, oriundos principalmente da província de Cantão em virtude da sua proximidade com Macau, constituindo uma comunidade pacífica e trabalhadora, dedicada sobretudo ao comércio e com uma presença considerável na nossa região.

DSCF8087

应中华人民共和国大使馆邀请, 民间团体 "绿色明浩" 将再次参加将于 2月 9日在里斯本举行的中国新年庆祝活动。

明年的庆祝活动将更加大规模和重要, 因为今年是葡萄牙和中华人民共和国建交 40周年, 也是行政移交20周年澳门。

猪是一种动物, 中国的新年是2019年。猪是黄道带的动物, 它的能量将与当年的元素地球一起在2019年流行。

中国历法是由月球周期与太阳的位置一起控制的, 从新月的夜晚开始, 最接近太阳通过十年级的那一天。在中国历法中相应年份的十二种动物的表现在传说中有你的起源, 根据这个传说, 十二种动物展示了佛陀, 与你的呼唤相对应。

居住在葡萄牙的中国人超过2万人, 主要是因为你靠近澳门, 澳门是一个和平的社区, 勤奋, 特别致力于贸易, 有存在在我们地区相当大。

DSCF8144

GRUPO FOLCLÓRICO VERDE MINHO PARTICIPA EM LISBOA NAS CELEBRAÇÕES DO ANO NOVO CHINÊS

A convite da Embaixada da República Popular da China, o Grupo Folclórico Verde Minho vai participar uma vez mais nas celebrações do Ano Novo Chinês que vão realizar-se em Lisboa no próximo dia 9 de Fevereiro.

DSCF8052

As celebrações do próximo ano terão maior escala e importância uma vez que neste ano se comemora o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e a República Popular da China e ainda o 20º aniversário da transferência da administração de Macau.

O Porco de Terra é o animal e o elemento do Ano Novo Chinês 2019. O Porco é o animal do zodíaco cuja energia vai ser prevalecente durante 2019, juntamente com a Terra, o elemento do ano.

O calendário chinês rege-se pelos ciclos lunares em conjugação com a posição do sol, iniciando-se na noite de lua nova mais próxima do dia em que o sol passa pelo décimo grau de Aquário. As representações dos doze animais do horóscopo a que correspondem os anos no calendário chinês possuem a sua origem na lenda segundo a qual, os doze animais se apresentaram a Buda, correspondendo ao seu chamamento.

Ascende a mais de vinte mil o número de chineses que vivem em Portugal, oriundos principalmente da província de Cantão em virtude da sua proximidade com Macau, constituindo uma comunidade pacífica e trabalhadora, dedicada sobretudo ao comércio e com uma presença considerável na nossa região.

DSCF8087

应中华人民共和国大使馆邀请, 民间团体 "绿色明浩" 将再次参加将于 2月 9日在里斯本举行的中国新年庆祝活动。

明年的庆祝活动将更加大规模和重要, 因为今年是葡萄牙和中华人民共和国建交 40周年, 也是行政移交20周年澳门。

猪是一种动物, 中国的新年是2019年。猪是黄道带的动物, 它的能量将与当年的元素地球一起在2019年流行。

中国历法是由月球周期与太阳的位置一起控制的, 从新月的夜晚开始, 最接近太阳通过十年级的那一天。在中国历法中相应年份的十二种动物的表现在传说中有你的起源, 根据这个传说, 十二种动物展示了佛陀, 与你的呼唤相对应。

居住在葡萄牙的中国人超过2万人, 主要是因为你靠近澳门, 澳门是一个和平的社区, 勤奋, 特别致力于贸易, 有存在在我们地区相当大。

DSCF8144