Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

XVI FESTA INTERNACIONAL DAS CAMÉLIAS ARRANCA HOJE EM CELORICO DE BASTO

A Capital das camélias já está engalanada para receber milhares de visitantes

Exposição/concurso com 52 expositores é grande atração no sábado, grande maioria da vizinha Espanha

_DSC3276.jpg

A XVI Festa Internacional foi ontem, 14 de março, apresentada nos Paços do Concelho pelo Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, e o Vereador da Cultura, Fernando Peixoto, em conferência de imprensa.

“Uma festa que tem vindo a ganhar maior significado com a envolvência de toda a comunidade” disse o Presidente da Autarquia durante a apresentação do certame. “Esta festa é cada vez mais uma festa de toda a população com as associações, entidades, Agrupamento de Escolas, comércio local e demais população a colaborar ativamente nas diferentes ações promovidas com enfase para a decoração de ruas que este ano será ainda mais grandiosa”. De facto, “a vila “vestiu-se” a rigor para receber os milhares de visitantes esperados neste fim-de-semana, uma perspetiva que surge dos inúmeros contactos que têm sido feitos com este Município demonstrando um interesse notório em visitar Celorico durante este evento e fruto, também, das promoções em diferentes plataformas e diferentes pontos do país e da vizinha Espanha”. Um evento que tem como pontos altos a exposição/concurso que abre portas no sábado, amanhã, às 15h00, “uma exposição que conta com a participação dos nossos vizinhos da Galiza, grandes apaixonados e colecionadores de camélias e que consolidam cada vez mais o carácter internacional desta Festa” continuou o edil. À noite irá decorrer no Cineteatro de Celorico de Basto o desfile de moda para a eleição das princesas e da rainha das camélias, “um evento cheio de beleza e glamour numa integração plena do setor têxtil neste certame”. 

No domingo, o “desfile temático intitulado “as mais belas histórias na terra das camélias” percorre a avenida principal de Celorico e termina na Praça Cardeal D. António onde estará um “cameliodromo” com bancadas para que os visitantes possam assistir com outra qualidade ao desfile e fazer parte da batalha das flores que, à semelhança do que aconteceu na edição anterior, dará por encerrada a Festa Internacional das Camélias ” Joaquim Mota e Silva salientou “a importância desta festa no setor do turismo, com as casas de turismo de habitação, alojamento local e hotelaria sem capacidade para fazer face à procura. É uma festa com notoriedade regional, nacional e internacional que vai afirmando Celorico de Basto como um local de eleição para visitar”.  

Durante este fim de semana, quem visitar Celorico de Basto poderá passear-se pela quinta do Prado onde estarão os murais, os espantalhos, o mercado das camélias com produtos derivados de camélia e os produtos endógenos como o vinho verde e os enchidos, uma exposição de pintura, música clássica e música pop itinerante, desfile de bicicletas clássicas, caminhada das camélias, passeios pelos jardins e muito mais. Hoje, à noite decorre a abertura do IV Raid das Camélias.

Para concluir o autarca disse que “as condições atmosféricas irão colaborar connosco e estou certo que será uma grande festa, sintam-se convidados”.

_DSC1108.jpg

CELORICO DE BASTO ACOLHEU GALA DOS TROFÉUS DESPORTIVOS "O MINHOTO"

Capital das camélias recebeu os melhores do Minho no Desporto

Celorico de Basto foi, no dia 11 de março, o palco de todas as atenções desportivas com a gala dos trofeus Desportivos “o Minhoto”, uma iniciativa que premiou aqueles que atingiram resultados de excelência em 2018.

_DSC2576.jpg

João Sousa, tenista, e Diogo Dalot, jogador do Manchester United, foram dois dos 28 premiados com o troféu o Minhoto, atletas Celoridescentes que muito orgulham a comunidade local.

A iniciativa que decorreu pelo 22º ano consecutivo teve lugar pela primeira vez em Celorico de Basto numa organização da Associação “A nossa Terra” em parceria com o Município de Celorico de Basto.

A abrir a gala e em representação da organização, Ana Campos, deu a conhecer a todos os convidados desta gala, as particularidades e os objetivos desta iniciativa que se assume como “a grande festa do desporto minhoto, uma festa que sempre teve como preocupação, desde a 1ª hora, a valorização e reconhecimento de todo o fenómeno desportivo da região”. Acrescentou, ainda, que “na edição deste ano estão nomeados 84 atletas de 18 concelhos da região, acrescentando também, que no decorrer desta noite de festa serão homenageados 9 atletas Campeões do Mundo, bem como 17 atletas e um Clube Campeões da Europa, a exemplo do que tem sucedido em edições anteriores”.

Um evento notável que trouxe a Celorico “os melhores da região do Minho, aqueles que, em 2018, conseguiram alcançar resultados de excelência nas diferentes modalidades e atividades desportivas” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, anfitrião desta iniciativa. Durante a sua intervenção o autarca salientou a importância deste tipo de reconhecimento na valorização do desporto e da própria região, de facto “estas iniciativas são uma forma de mostrar o reconhecimento pelo sacrifício que muitos atletas fazem diariamente para atingir patamares de excelência. A valorização evidencia-se também quando há interesse na evolução de cada atleta, quando se criam infraestruturas de qualidade, quando se aprimoram formas de apoio que permitam que estes jovens possam crescer com uma retaguarda sustentada que os ajude a atingir o sonho. Sem retaguarda muitos destes jovens não estariam aqui, hoje, a ser galardoados, porque o sonho seria muito mais difícil de alcançar” disse o autarca alguns minutos antes da homenagem à equipa do Beca que recentemente se consagrou campeã regional.

A gala dos troféus desportivos o Minhoto permitiu ainda que o Município homenageasse Pedro Silva, atleta na modalidade de atletismo, celoricense e com palmarés na Seleção Nacional de Atletismo.

 Ana Campos, coordenadora da iniciativa, agradeceu a presença de tão ilustres convidados e apresentou-lhes a revista oficial do evento “o minhoto” que foi distribuída à entrada desta gala-jantar. Este boletim serve como “anuário do desporto minhoto, retratando a realidade desportiva de cada concelho, desde atletas de referência, dirigentes e os clubes mais relevantes do fenómeno desportivo da região, “um registo para a posterioridade, com feitos e factos desportivos da nossa região”. Fez ainda referência aos jornalistas e entidades envolvidos na seleção dos premiados “uma tarefa árdua face à qualidade desportiva desta nossa região”.

 Uma gala que homenageou os campeões da Europa e do Mundo e medalhas de ouro nos jogos Olímpicos da Juventude, num total de 30 atletas e um clube.

E que entregou 28 troféus “o Minhoto” nas diferentes categorias desde Clube Desporto Escolar, Clube fomento Jovem, Modalidades diversas, Ténis, Artes Marciais, Râguebi, Basquetebol, Voleibol, Futebol Amador, Futsal, Desporto Adaptado, Natação, Remo, Canoagem, Desportos Motorizados, Ciclismo, Hóquei em Patins, Atletismo, Andebol, Futsal Profissional, Evento Desportivo, Dirigente Desportivo, Árbitro, Treinador, Revelação, Consagração de Carreira, Grande Prémio de Júri Individual e Grande Prémio de Júri Coletivo.

_DSC2639.jpg

_DSC2668.jpg

_DSC2681.jpg

_DSC2743.jpg

_DSC2767.jpg

PARABÉNS, CLÁUDIA FIGUEIREDO! - ATLETA CERVEIRENSE CONQUISTA TROFÉU "O MINHOTO

Cláudia Figueiredo, da ADCJC, conquista Troféu ‘O Minhoto’ da modalidade

A atleta Cláudia Figueiredo, que vestiu as cores da Associação Desportiva e Cultural da Juventude Cerveira durante nove anos, foi uma das distinguidas na 22ª Gala dos Troféus Desportivos O Minhoto, celebrada esta segunda-feira, em Celorico de Basto. Autarquia felicita percurso distinto da atleta.

Claudia Figueiredo 2.jpg

Após três nomeações consecutivas, a atleta Cláudia Figueiredo, da Associação Desportiva e Cultural da Juventude Cerveira, levou para a casa a estatueta ‘O Minhoto’ na modalidade, figurando entre os 28 vencedores distinguidos na 22ª Gala dos Troféus Desportivos O Minhoto.

Atualmente a estudar e treinar na universidade Louisville, Kentucky EUA, Cláudia Figueiredo vestiu as cores do Remo Cerveira durante nove anos, conquistou 18 títulos de campeã nacional e representou a seleção nacional em várias regatas internacionais, campeonatos da europa e campeonatos do mundo.

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira felicita publicamente a atleta por este merecido reconhecimento de âmbito regional, de um distinto percurso desportivo consubstanciado num vasto palmarés. Também uma palavra especial para a ADCJC pela contínua aposta na modalidade, assim como pelas boas condições proporcionadas para a sua prática.

Aos 28 novos homenageados com a estatueta dos Troféus O Minhoto, juntaram-se mais 31 atletas que se sagraram campeões da Europa e do Mundo, no último ano, em representação dos seus clubes e das seleções nacionais portuguesas de cada modalidade, categoria e escalão.

A Gala dos Troféus Desportivos O Minhoto voltou a revelar-se, mais uma vez, como a verdadeira cerimónia dos Óscares do Desporto da região do Minho, levando a Celorico de Basto centenas de atletas, dirigentes, treinadores, árbitros e clubes desportivos do distrito de Braga e Viana do Castelo que foram homenageados pelo seu desempenho, com o qual contribuíram para ajudar a consolidar o desporto, no seu mais elevado conceito de competição, associado a uma forma de estar saudável e correta da vida, contribuindo também para promover e estimular os valores desportivos.

MESTRE FILIPE PEREIRA MOSTROU EM CELORICO DE BASTO A ARTE DE PINTAR EM PORCELANA

“Em segundos nasce uma obra de arte”

Foi no âmbito do mês das camélias que o Município de Celorico de Basto promoveu o workshop “Pintura em Porcelana”, uma arte apresentada pelo mestre Filipe Pereira, madeirense, que tem vindo, desde os 21 anos, a apresentar a pintura em porcelana pelo mundo. A ação decorreu no atelier de cerâmica, no dia 09 de março com o apoio do professor de cerâmica, Vitor Resende.  

_DSC2016.jpg

Um artista altamente conceituado na arte de pintar em porcelana que mostrou aos presentes, neste workshop, algumas das principais técnicas utilizadas desde o óleo mole, a texturas, o relevo, para criar as obras-primas apresentadas. Depois de pintadas essas obras são colocadas a temperaturas de 800 graus tendo em conta os materiais utlizados para adquiri o formato desejado.

O artista pintou sobretudo flores, tendo incidido em trabalhos com camélias, lembrando que estamos no mês das camélias, mas pinta também rostos, animais, preferindo objetos concretos ao abstrato.

 “Descobri esta vocação quando tinha 12 anos e a partir desse instante fui aperfeiçoando esse talento. Apesar das reticências dos meus pais nunca mais deixei de pintar em porcelana e desde os 21 anos tenho vindo a levar esta arte pelo mundo fora” salientou o mestre Filipe Pereira.

O entusiasmo de quem assistia e participava no workshop era prova evidente do trabalho deste artista como nos referiu Ana Maria, participante vocacionada para a pintura. “ Eu olho para a pintura como uma forma de relaxamento, é algo que me deixa tranquila e hoje estou encantada, gostei muito deste workshop, o mestre é de facto extraordinário no trabalho que apresenta”.

Todos os participantes no workshop usaram algumas das técnicas apresentadas numa peça de porcelana que foi devidamente transformada em arte pelo mestre Filipe Pereira. Essas peças foram ao forno a 800 graus e serão entregues oportunamente a todos os intervenientes.

O mestre Filipe Pereira já percorreu mais de 106 países na apresentação da sua arte e irá estar na próxima semana na Coreia do Sul a apresentar mais um workshop em pintura em Porcelana.

No mesmo dia decorreu o espetáculo “ballet da Camélias” com o cineteatro dos bombeiros voluntários pleno para assistir aos momentos artísticos apresentados. Um espetáculo produzidos por estúdio 89.

_DSC2089.jpg

_DSC2107.jpg

_DSC2138.jpg

_DSC2241.jpg

CELORICENSES RENDEM-SE À FOLIA CARNAVALESCA

Vila de Celorico de Basto rendida à folia do Carnaval

Centenas de pessoas deslocaram-se, no dia 01 de março, à vila de Celorico de Basto para ver de perto os foliões oriundos do Centro Escolar de Celorico de Basto, da Creche e do CAO da Associação de Solidariedade Social de Basto e do Infantário da Santa Casa da Misericórdia de Arnoia.

_DSC0848.jpg

Um momento de folia para participantes e plateia como referiu o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, presente na iniciativa e colaborante com a iniciativa. “Estas tradições devem ser preservadas sobretudo pela alegria que os participantes emanam durante o cortejo”. Um cortejo que atraiu centenas de pessoas à vila de Celorico de Basto e que, como referiu o autarca, “demonstra o trabalho das diferentes entidades na organização do mesmo, com trajes bem conseguidos, arrojados e que deixaram o público certamente agradado”.

Do Centro Escolar da Vila participaram 14 turmas que tiveram como tema as mais belas histórias infantis desde a gata borralheira, a Cinderela, a Alice no País das maravilhas, o Aladino, os 101Dalmatas, a bela adormecida, entre outras. Segundo a Coordenadora do Centro Escolar da vila, Maria José Carvalho, vestida de fada madrinha, “vale muito a pena participar nesta iniciativa basta olhar para a cara dos pais”. Uma iniciativa que demorou cerca de um mês a ser preparada, “desde reuniões à preparação mas que contou com uma intensa colaboração dos pais e encarregados de educação”, referiu.

O CAO – Centro de Atividades Ocupacionais e a creche da Associação de Solidariedade Social de Basto mascaram-se de “Anos 50”. “Neste desfile procuramos retratar os Anos 50, um tema simples que demorou cerca de 2 meses a ser preparados para conseguirmos apoiar os nossos utentes e ao mesmo tempo preparar o carnaval” referiu Natália Lage, coordenadora técnica do CAO. Segundo a técnica, os adereços irão sofrer algumas alterações para participarem no desfile das camélias agendado, para dia 17 de março.

Já o infantário da Santa Casa da Misericórdia, que abriu o cortejo, inspirou-se no filme infantil Frozen e mascarou os foliões de Olaf, uma personagem do filme.

Há mesma hora decorreu o cortejo de Carnaval em Fermil de Basto, à tarde decorreram os cortejos na Mota e na Gandarela, com centenas de pessoas a assistir ao carnaval das escolas.

_DSC0874.jpg

_DSC0887.jpg

_DSC0906.jpg

_DSC0914.jpg

_DSC0926.jpg

_DSC0962.jpg

_DSC0974.jpg

_DSC0994.jpg

_DSC1063.jpg

_DSC1089.jpg

TROFÉUS DESPORTIVOS "O MINHOTO" FORAM ONTEM APRESENTADOS EM CELORICO DE BASTO

Troféus Desportivos “O Minhoto” apresentados em conferência de imprensa

A Gala de atribuição dos Troféus Desportivos “O Minhoto” – XXII Edição, foi apresentada ontem, dia 28 de Fevereiro, em conferência de imprensa, realizada na Câmara Municial de Celorico de Basto.

_DSC1985.jpg

A organização deste evento, representada por Ana Campos, deu a conhecer as particularidades e os objetivos desta iniciativa que se assume como a grande festa do desporto minhoto, tendo esta “realçando a importância da rotatividade de municípios no acolhimento deste evento no que sempre foi uma preocupação desde a 1ª hora, neste projeto de valorização e reconhecimento de todo o fenómeno desportivo da região”. Acrescentou, ainda, que “na edição deste ano estão nomeados 84 atletas de 18 concelhos da região, acrescentando também, que no decorrer desta noite de festa serão homenageados 9 atletas Campeões do Mundo, bem como 17 atletas e um Clube Campeões da Europa, a exemplo do que tem sucedido em edições anteriores”.

Por sua vez, o Vereador do Desporto do município anfitrião – Celorico de Basto, Fernando Peixoto, manifestou-se satisfeito pelo acolhimento da Gala, “ após um longo namoro este é o momento certo para recebermos este prestigiado evento. Não só pela crescente aposta do município na melhoria das infraestruturas desportivas, mas também pela extraordinária dinâmica desportiva do concelho, que tem vindo a crescer em número de atletas, modalidades praticadas e adeptos nos mais diferentes recintos”, a titulo de exemplo recordou a recente conquista do BECA - Bastinhos Escola Clube Andebol de Celorico de Basto cuja “equipa de juvenis masculinos foi recentemente Campeã Regional, numa modalidade que conta já com mais de 250 atletas no nosso concelho”, destacou também outras modalidades que têm vindo a crescer em resultados e número de atletas nomeadamente “o basquete, futebol, futsal e a natação” afirmando  “que Celorico de Basto respira desporto”. Fernando Peixoto lembrou ainda os atletas Celoridescendentes que têm vindo a levar Portugal pelo mundo, como João Sousa, Tenista, Miguel Oliveira, em Moto GP, e também a Liliana Mendes vice-campeã de kickboxing.

Em jeito de remate, Fernando Peixoto, afirmou também que esta gala acontece na altura certa, na semana que antecede a Festa Internacional das Camélias. “Aproveitamos também esta iniciativa para dar a conhecer uma das atividades culturais mais coloridas do nosso concelho, no dia da gala as nossas ruas já estarão devidamente engalanadas e deixarão certamente encantados os visitantes que passarem por Celorico de Basto.” Concluindo que “este evento é também uma oportunidade de promoção do concelho”.

Ana Campos, coordenadora da iniciativa, salientou que nesta gala-jantar que contará com a presença de centenas de convidados, será também distribuída a revista oficial do evento, que serve como anuário do desporto minhoto, retratando a realidade desportiva de cada concelho, desde atletas de referência, dirigentes e os clubes mais relevantes do fenómeno desportivo da região, “Um registo para a posterioridade, com feitos e factos desportivos da nossa região” .

Para concluir a apresentação da XXII Gala dos Troféus Desportivos “O Minhoto” Ana Campos referiu que “estão estabelecidas todas as condições para ser uma grande gala, há sempre novos atletas a homenagear, novos rostos a conhecer, novas modalidades a surpreender, há muito potencial na região do Minho”.

SOCIAIS-DEMOCRATAS DE CELORICO DE BASTO DEBATEM ATUAÇÃO DO PARTIDO NO CONCELHO

Comissão Politica do PSD promove encontros para discutir atuação do partido no concelho

A Comissão Politica secção (CPS) do Partido Social Democrata (PSD) de Celorico de Basto realiza hoje, sexta feira, 01 de Março, o segundo encontro, com militantes e simpatizantes do Partido.

Capturarpsdcelor.PNG

Este encontro acontece em Molares, na sede da União de Freguesias de Veade, Gagos e Molares, e contará com a presença representantes desta união de freguesias, da União de Freguesias de Canedo e Corgo, bem como de representantes de toda a comissão Política de secção do PSD. Este encontro vem no seguimento do já realizado em Gandarela de Basto, onde reuniu o núcleo do PSD de Ribas, (Basto) S. Clemente e Vale de Bouro,

Estes encontros surgem na sequência da prioridade manifestada pela Comissão Politica do PSD de Celorico de Basto de ouvir e envolver os militantes e simpatizantes do PSD. Aberto a todos os militantes e simpatizantes do partido, a CP apela à participação.

Após estes dois encontros, a CPS irá percorrer todo o concelho em datas e locais a anunciar brevemente.

CELORICO DE BASTO QUER CHEGAR AO CAMPEONATO NACIONAL DA 1ª DIVISÃO

Beca vence primeiro desafio da 2ª Fase da 2ª Divisão Nacional para chegar ao Campeonato Nacional da 1ª Divisão

A equipa de Juvenis Masculinos do Beca – Bastinhos Escola Clube de Andebol defrontou em casa, Celorico de Basto, no dia 22 de fevereiro, o ISMAI e conseguiu a primeira vitória na fase de subida à 1ª divisão.

_DSC1870.jpg

O Gimnodesportivo de Celorico de Basto encheu para apoiar a equipa da casa num jogo frenético entre duas equipas que ansiavam pela vitória. Ao intervalo o Beca perdia por 8-9 mas na segunda parte conseguiu dar a volta ao resultado terminando a partida a vencer por 21-19. A satisfação do treinador era evidente numa fase difícil mas com objetivos concretos. “Estou muito satisfeito, confio plenamente nos meus jogadores e sei que têm capacidade para competir de forma muito competente com qualquer adversário. Hoje, tivemos alguma dificuldade em imprimir o nosso ritmo, e apesar de estarmos a perder durante grande parte do jogo, conseguimos superar o adversário com determinação e empenho dos nossos atletas. Os  adeptos foram fantásticos, e deram um excelente contributo para o resultado alcançado”, disse João Varejão, treinador do Beca.

_DSC1880.jpg

Antes do arranque do jogo que levou os adeptos ao rubro, toda a equipa de Juvenis Masculinos recebeu as medalhas e a taça de campeões regionais, tarefa a cargo de Manuel Moreira, Presidente da AA de Braga. Um momento que contou ainda com a presença de um representante da autarquia, David Pinto, o sub diretor do Agrupamento de Escolas, Paulo Loureiro, e dois antigos diretores do Agrupamento de Escolas, Ernesto Mesquita e Marcelino Mota.

Segundo David Pinto, responsável pela Coordenação Municipal de Desporto do Município, esta consagração “é fruto de muito trabalho e dedicação de todos os que fazem parte do Beca, um clube que tem vindo a crescer em atletas, adeptos e parceiros e que tem atingido grandes feitos no andebol. Para o Município é muito gratificante assistir a estes resultados”.

_DSC1898.jpg

No grupo do Beca constam o Arsenal FC Devesa, o Padronense FC, CC Tarouca, SC Espinho, CDC Santana, ADA Maia / Ismai, CDRJ Anreade.

Na próxima jornada a equipa de Juvenis Masculinos do BECA desloca-se até Gueifães para defrontar a equipa do CDC Santana.

É também importante ressalvar o jogo de domingo, 24 de Fevereiro, em que colocou a  equipa de Juniores Masculinos a disputar a última jornada da 1ª Fase do Campeonato Nacional, frente à equipa do ISMAI. O jogo até começou bem para a equipa do BECA com um parcial de 3-1, mas a experiente equipa do ISMAI, atual 2º classificado, conseguiu aproximar-se do marcador, chegando ao intervalo a vencer por 9-11. Com ambas as equipas já apuradas para a 2ª fase, na 2º parte, e com todos os jogadores a terem a oportunidade de jogar, a equipa do ISMAI venceu por 16-24.

No final desta fase, o 6º lugar obtido pelo BECA garantiu a passagem à 2ª Fase do Campeonato Nacional da 2ª Divisão.

_DSC1908.jpg

CELORICO DE BASTO É CAPITAL DAS CAMÉLIAS

Celorico de Basto prepara-se para receber a XVI Festa Internacional das Camélias

Agendada para os dias 15, 16 e 17 de março, a XVI Festa Internacional das Camélias é um dos pontos altos da cultura Celoricense que envolve toda a comunidade nas diferentes ações promovidas.

_DSC9264.jpg

“Somos a Capital das Camélias um título que nos confere maior responsabilidade quando falamos deste património natural e por isso, trabalhamos por forma a valorizar e incrementar o gosto pela planta” disse Joaquim Mota e Silva, Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto. O autarca referiu que “temos vindo a plantar as camélias pelo nosso concelho, nos jardins e canteiros, e incentivamos toda a população a fazer o mesmo”. Ressalvou também que a Festa Internacional das Camélias é a atividade que mais valoriza este património natural, “um certame cada vez mais participado com a organização de inúmeros concursos e atividades que permitem uma participação individual e coletiva numa festa feita por todos e para todos. O programa será brevemente lançado e não faltarão motivos para que Celorico de Basto seja o local de eleição para milhares de visitantes nos dias 15, 16 e 17 de março”.

De facto, a Festa Internacional das Camélias é um dos eventos mais procurados por visitantes e turistas e envolve a população nas mais variadas atividades promovidas. As ruas engalanam-se com decoração suspensa, com as montras, as varandas e outros coloridos de camélias, os murais dão uma beleza diferente à quinta do prado, local onde acontecem grande parte das ações desenvolvidas, com a exposição-concurso de camélias no epicentro.

Neste momento, a população poderá inscrever-se nas mais variadas ações, desde a exposição/concurso de camélias, nos murais, no concurso de moda para eleição da rainha e princesas das camélias, nas montras e varandas decoradas com camélias e no desfile temático. Toda a informação está patente em www.mun-celoricodebasto.pt

imagem (1).jpg

ALUNOS DE CELORICO DE BASTO PARTICIPAM NA IV EDIÇÃO DO SAGAZ

Sucesso do projeto junto dos alunos leva Município de Celorico de Basto e Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto à IV edição do Sagaz.

O Município de Celorico de Basto e o Agrupamento de Escolas reuniram, nos Paços do concelho, com a equipa técnica da Alento que contempla o Sagaz, para alinhar os detalhes e dar início a mais um programa em que “Mestres e “aprendizes” se unem em prol de um percurso académico brilhante e/ou um percurso profissional de sucesso”.

_DSC1803.jpg

Para o dia 8 de março está agendada a 1ª ação de sensibilização para o projeto junto dos alunos do 12º ano do Agrupamento, num total de quatro turmas. Para o 3 de abril está agendada a seleção dos aprendizes, mediante a escolha de 15 mestres que os acompanharão ao longo do seu percurso académico ou profissional permitindo uma integração mais eficaz no mercado de trabalho ou, de algum modo, ter um papel de guia/orientador junto do aprendiz relativamente ao plano curricular que o mesmo frequentará.

Esta edição resulta de uma parceria entre o Município, o Agrupamento de Escolas e a CIM-TS.

“Estamos informados do sucesso que tem sido este projeto e por isso só podemos continuar a facultar o mesmo aos nossos alunos. Todos os alunos do 12º ano terão a mesma igualdade de oportunidades independentemente dos resultados curriculares. O nosso objetivo, em parceria com o Agrupamento, é proporcionar a todos competências, vontades e orientações que os guiem para o caminho do sucesso, seja profissional seja académico” disse Fernando Peixoto, Vereador da Câmara Municipal de Celorico de Basto.

O objetivo do programa centra-se em evidenciar o “voluntariado preventivo” que permitirá aos jovens um desenvolvimento pessoal maior, para que, com a atitude certa possam fazer frente aos desafios que lhe serão apresentados ao longo do seu percurso.

Os mestres são pessoas reconhecidas, quer pessoal quer profissionalmente, com um sentido de missão bem patente, que irão acompanhar, da melhor forma, os seus aprendizes. Paralelamente a esta situação existe um programa designado “Gestão de carreira” com um consultor especializado, que o aprendiz pode ativar se verificar necessário, durante os próximos 3 anos.

Posteriormente todos os alunos inscritos previamente receberão o KIT - Emprega-te com estratégias que visam a procura ativa de emprego.

CELORICO DE BASTO REQUALIFICA RUA SENADOR MAGALHÃES BASTOS

Obras já se encontram em fase de execução

“Esta rua apresenta algumas características que dificultam a circulação automóvel mas sobretudo a circulação de peões pelo seu acentuado declive e irregularidade do piso. A intervenção é pertinente e urgente numa zona localizada mesmo no coração da vila e que tem vindo a aceder a um crescente interesse do investimento privado” disse Joaquim Mota e Silva, Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto. O autarca referiu ainda que os trabalhos serão executados “o mais célere possível, seguindo as diretivas próprias da obra, por forma a causar o menor transtorno aos seus utilizadores”.

_DSC0766.jpg

Enquanto a obra decorre o trânsito será efetivamente condicionado estando inviabilizada a circulação naquela rua. Contudo, a circulação será permitida em ruas adjacentes permitindo o acesso aos serviços e habitações existentes próximas da rua.

A intervenção surgiu pelo facto de na rua Senador Magalhães de Basto o pavimento se encontrar completamente deteriorado, composto por uma calçada de pedra muito irregular, alternando pontualmente com pavimentos de cubo de granito. Nesse sentido, a intervenção passará por clarificar a faixa de rodagem, devendo esta ser o prolongamento do desenho urbano definido à cota mais baixa, junto à Praça Albino Alves Pereira. O desenho urbano no início desse arruamento resulta da intervenção feita naquela Praça, apontando-se o arranque deste arruamento com uma faixa de rodagem de 3,50 metros, ladeada por um passeio que acompanha a inclinação do arruamento e ainda uns degraus de granito, de modo a facilitar a circulação pedonal, uma vez que a rua é muito inclinada. Propõe-se então que a faixa de rodagem continue exatamente com o mesmo perfil, sendo esta ladeada por lancis de granito. O pavimento será em asfalto por ser considerar que é o pavimento mais adequado tendo em conta a forte inclinação do arruamento.

 As áreas contíguas à faixa de rodagem serão utilizadas para passeios e/ou áreas de estacionamento, mantendo-se a uma cota aproximadamente idêntica à da faixa de rodagem (1 a 2 cm acima), podendo essas áreas intersticiais – entre a faixa de rodagem e os limites de propriedade – serem conjuntamente utilizados como passeios e zonas de estacionamento.

A área de intervenção abrange ainda o largo Prof. António Alves de Moura, por se tratar de uma zona contígua à rua Senador Magalhães de Basto e por se considerar que estas duas áreas urbanas coabitam funcionalmente. Este largo será todo pavimentado à mesma cota, conferindo-lhe um aspeto de Praça regular e homogénea por forma a ganhar características do principal espaço público da zona envolvente à Capela N.ª S.ª da Conceição, devendo ser este o espaço de excelência, de comunicação com o edifício da Capela e com o edifício do antigo ciclo, que será a curto prazo requalificado.

_DSC0767.jpg

CELORICO DE BASTO DEBATE DELIMITAÇÃO DE UNIDADE DE EXECUÇÃO NA ZONA INDUSTRIAL DA LAMEIRA

Delimitação de Unidade de Execução (UE 04) na Zona Industrial da Lameira, em Celorico de Basto, em Discussão Pública

O objetivo desta delimitação visa legalizar um pavilhão industrial com vista a instalar uma unidade fabril que será posteriormente validada através de processo próprio de licenciamento da unidade fabril. Um processo requerido pela firma ARTEMALHA- Malhas, Lda.

_DSC9303.jpg

Nesse sentido, a Câmara municipal de Celorico de Basto deliberou, em reunião extraordinária de 22 de janeiro, proceder ao período de discussão pública relativo à proposta de delimitação da Unidade de Execução UE4, localizada na zona Industrial da Lameira, na freguesia do Rego, em Celorico de Basto.

Todas as especificidades do PDM foram validadas encontrando-se agora em período de discussão pública.

O período de discussão pública tem a duração de 20 dias úteis com início no 5.º dia posterior à publicação do presente aviso no Diário da República, nos termos do n.º 2 do artigo 89.º do Decreto-Lei n.º 80/2015 de 14 de maio.

 A planta com a delimitação da unidade de execução, bem como a respetiva justificação, estarão disponíveis para consulta no Departamento de Planeamento e Serviços Socioculturais e na página da Internet http://www.mun-celoricodebasto.pt, podendo os interessados apresentar as suas reclamações, observações e sugestões por escrito, devendo identificar-se com o nome completo, n.º de contribuinte, morada e n.º de telefone ou e-mail de contacto de forma presencial, nos serviços da Câmara Municipal; Por correio para Município de Celorico de Basto - Departamento de Planeamento, Praça Cardeal D. António Ribeiro, 4890-291 Celorico de Basto ou por e-mail para geral@mun-celoricodebasto.pt

planta.jpg

CELORICO DE BASTO LEVOU CAMÉLIAS AO XANTAR EM OURENSE

Xantar recebeu “Celorico de Basto, Capital da Camélias”

O Xantar - 20º Salão Internacional de Gastronomia e Turismo recebeu no dia 06 de fevereiro, dia de abertura oficial do evento, uma comitiva de Celorico de Basto que aproveitou uma dos maiores eventos da região para promover a XVI Festa Internacional das Camélias, a decorrer em Celorico de Basto, de 15 a 17 de março.

_DSC1769.jpg

“Temos muito em comum com a Galiza e por isso só faz sentido esta interação. A nível gastronómico apresentamos sempre os nossos enchidos e a nossa doçaria e damos, porque somos da terra do vinho verde, especial enfoque a esse produto diferenciador. No entanto, o nosso destaque, nestas ações promocionais, assenta nas camélias, neste património natural que tão bem nos identifica e nos diferencia dos demais” disse o Vereador do Turismo da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Fernando Peixoto. Num certame que privilegia o turismo gastronómico, o Município inebriou os visitantes com a beleza das camélias e dos produtos que estão a ser desenvolvidos graças à força deste património natural. “Somos muito incisivos na promoção porque apostamos fortemente neste produto, e sabemos que os nossos vizinhos da Galiza são igualmente apaixonadas por esta flor. E por isso, esta é mais uma forma de os atrair a Celorico de Basto, de os incentivar a estar connosco durante o nosso certame”. 

_DSC1529.jpg

O autarca realçou ainda que “o concelho tem vindo a sentir uma forte alavancagem do turismo nestes últimos anos, fruto também do investimento privado, mas muito graças a estas atividades culturais únicas, destes produtos diferenciadores, das ações complementares que envolvem grande parte da população e que tornam a dinâmica do evento ainda mais atrativa para quem vem de fora”.

_DSC1588.jpg

Este ano o Xantar apresenta como país convidado, o Brasil, nomeadamente a Prefeitura de Iguaçu, mais um país que começa a integrar a participação na Festa Internacional das Camélias.

A ação promocional no Xantar, integrada no stand do Turismo Porto e Norte, contou com uma degustação dos produtos endógenos, vinho verde, enchidos e doçaria, proporcionada aos visitantes do Xantar e à comitiva de abertura do evento. Contou ainda com a promoção dos vestidos da Rainha das Camélias e a promoção efetiva à Festa Internacional das Camélias, com distribuição de Flyers inerentes ao certame, camélias em tecido e flor natural. Ao fim da tarde, a Escola Profissional de Fermil proporcionou, através do enólogo Jorge Sousa Pinto, uma aula de Catas, onde foram apresentados aos interessados os vinhos verdes e os espumantes produzidos na Escola.

_DSC1645.jpg

_DSC1673.jpg

_DSC1703.jpg

_DSC1764.jpg

CELORICO DE BASTO DESTACA-SE NO ANDEBOL

Em Celorico de Basto o BECA apresenta resultados positivos em várias frentes

Desporto mostra-se cada vez mais crucial na formação global dos jovens

O Andebol volta a destacar-se em Celorico de Basto desta vez com a chamada de 9 atletas do Beca – Bastinhos Escola Clube de Andebol ao centro de treinos do Norte e Seleções Regionais AA de Braga. Os treinos decorreram ontem e hoje, 5 de fevereiro.

juvenis Masculinos.jpg

“É com muita satisfação que vemos a evolução deste clube. Têm vindo a fazer um trabalho notável e a representar este concelho em vários campeonatos com atletas altamente promissores no andebol” disse Fernando Peixoto, Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Celorico de Basto.

Também, João varejão, treinador do Beca enalteceu o trabalho de todos mas foi contundente ao afirmar que “estes são exemplos de atletas convocados pelos diferentes selecionadores aos trabalhos de seleções, que pelas características que apresentam podem ser potenciados na sua formação. Reforçamos que em todos os casos são atletas que conseguem gerir o tempo dos estudos e dos treinos, sendo alguns deles, alunos do quadro de mérito e valor do agrupamento de escolas de Celorico de Basto. Um verdadeiro exemplo da importância e da valorização do desporto na formação global dos jovens.

Paralelamente à convocatória destes 9 atletas, o Beca viu, estes fim-de-semana, os seus atletas Juvenis Masculinos a sagrarem – se campeões Regionais da AA Braga.

Foi no sábado, 2 de fevereiro, que a equipa do BECA se deslocou até à Régua para defrontar a equipa do AD Godim, e com a vitória por 20-25 garantiu o título de campeão Regional da AA Braga.

Um fim-de-semana único para o Beca que viu também, a equipa de Juniores Masculinos garantir a passagem à 2ª fase do Campeonato nacional da 2ª Divisão, após vitória frente ao ABC de Nelas. Com este resultado o BECA somou a 7ª vitória e garantiu ainda com 4 jogos por disputar, um lugar nos seis primeiros classificados que vão lutar na fase seguinte pela subida de divisão.

ALUNOS DE CELORICO DE BASTO PENSAM NO AMBIENTE

Parlamento Jovem do Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto leva alunos à reflexão ambiental

“Opinião pública cada vez mais consciente deste problema”

“Educar para a cidadania é a melhor forma de contrariar as alterações climáticas”

Deputado da Assembleia da República, Joaquim Barreto, marcou presença num momento de reflexão e partilha de conhecimentos sobre as alterações climáticas, promovido pelo Agrupamento de Escolas, no âmbito do Parlamento jovem, no dia 28 de janeiro, no Centro Cultural Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa.

_DSC1471.jpg

O tema estipulado para o Parlamento Jovem deste ano foram as alterações climáticas tendo como subtemas “Salvar os Oceanos” e “reverter o aquecimento global”.

A abrir a sessão a Diretora do Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto, Eduarda Alves, formada em química no ramo de qualidade de matérias plásticas, e por isso, familiarizada com o tema, disse que “estas alterações climáticas, esta necessidade de salvar os oceanos e de reverter o aquecimento global está finalmente a chegar à perceção das populações. A tomada de consciência de que é urgente colocar o lixo nos contentores certos, de que é possível dar uma segunda vida a este lixo, reciclando-o, é fundamental e uma questão de cidadania. Só com atitudes de conservação e de preservação é que conseguimos salvar o nosso planeta”. Mas esta tomada de consciência deve começar desde cedo, em casa, na escola. Não me agrada quando chego à escola e vejo lixo no chão, ou plástico no contentor errado, por exemplo, também nós temos um longo trabalho de cidadania pela frente, cada um tem que fazer e fazer bem o seu papel.

Uma posição reiterada pela Câmara Municipal de Celorico de Basto que teve como porta-voz, nesta ação, a técnica de educação da Câmara Municipal, Maria José Marinho, que realçou a necessidade de comportamentos a montante onde se evidencie a preservação do meio ambiente. Um trabalho que o Município tem vindo a desenvolver.

A plateia mostrou-se atenta do princípio ao fim mas foi a intervenção do deputado da Assembleia da República que mais atenção despertou nos jovens estudantes. O deputado, formado em engenharia de Recursos Florestais, e Presidente da Comissão de “Agricultura e mar”, iniciou a sua intervenção com uma explicação do funcionamento dos órgãos de soberania nomeadamente da Assembleia da República a pedido da Coordenadora do Parlamento Jovem do Agrupamento de Escolas, Margarida Carvalho. Uma intervenção que esclareceu muitas dúvidas dos jovens presentes. Relativamente ao tema a abordar, o deputado disse que “estas alterações climáticas irão refletir-se muito brevemente na vida das pessoas. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera em pouco tempo deixaremos de ter as estações intermédias e passaremos a ter apenas 2 estações. Relembro, por exemplo os incêndios deste ano, incêndios de grandes proporções causados pelas altas temperaturas e pela velocidade dos ventos, condições que, com estas alterações climáticas, passarão a ser recorrentes. E isto deve levar-nos a refletir, devemos pensar na biodiversidade, criando uma relação favorável entre o meio ambiente e os seres vivos. Também os oceanos sofrem inúmeras descargas que prejudicam a sua sobrevivência, as fábricas libertam gases para a atmosfera e provocam efeito de estufa. É importante que se perceba que estas alterações climáticas estão a destruir-nos, porque estamos a destruir a natureza, o planeta”.

O deputado esclareceu ainda que “é urgente educar para a cidadania, a Assembleia da República e os restantes órgãos de soberania vão fazendo o seu papel mas é preciso que todos estejam envolvidos na mesma missão, começando pelos mais novos, pelas escolas, em casa, a responsabilidade desta situação é de todos, por isso todos têm que atuar no sentido de criar um ambiente mais saudável”.

O Presidente da Comissão de Agricultura e Mar terminou a sua intervenção com uma alusão ao Presidente da América, John F. Kennedy e é célebre frase “não perguntem o que o vosso país pode fazer por vocês, mas o que é que vocês podem fazer pelo vosso país” direcionando o sentido para o meio ambiente e para o que cada um pode fazer para o preservar.

A ação terminou com perguntas e respostas sobre o tema.

_DSC1480.jpg

CELORICO DE BASTO DÁ POSSE À COMISSÃO DE GEMINAÇÃO E RELAÇÕES INTERNACIONAIS

Tomou posse a Comissão de Geminação e Relações Internacionais do Município de Celorico de Basto

José Vilas Boas foi, no dia 25 de Janeiro, empossado Presidente da Comissão de Geminação e Relações Internacionais do Município de Celorico de Basto. Um órgão com funções específicas e devidamente estruturadas e com um mandato até 2021.

_DSC1182.jpg

A cerimónia de tomada de posse foi presidida pelo Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, entidade a que pertence CGRI.

“Esta comissão terá um papel muito importante na concretização e efetivação de relações internacionais designadamente no quadro de acordos de cooperação e protocolos de geminação, contribuindo para fomentar uma maior multilateralidade de relações com pessoas, instituições e organizações de outros países” disse o autarca. Com esta Comissão, continuou o edil celoricense, “o município estará mais próximo dos portugueses pelo mundo, e promoverá ações integradas nas políticas transatlânticas onde os nossos cidadãos também buscam uma perspetiva diferente ao nível de desenvolvimento. Este CGRI será uma forma de levar o melhor de nós ao mundo e de atrair o melhor de outros povos para Celorico num fomentar constante de relações”.

A comissão de Geminação e Relações Internacionais é constituída a Presidente por José Fernando Dias Vilas Boas, a Secretário por Tiago Alexandre Teixeira Gonçalves e a Vogal por Joaquim Carvalho de Oliveira.

Especificamente esta CGRI visa desenvolver as suas relações internacionais e a cooperação e colaboração europeia e internacional, incrementar a afirmação do Município de Celorico de Basto no plano europeu e internacional, promover a cooperação técnica junto dos municípios e comunidades geminadas com quem partilha acordos de cooperação, nomeadamente com Wiltz (Luxemburgo), Houilles (França) e Catanduva (Brasil).  Pretende ainda apoiar as iniciativas internacionais, dando especial atenção aos grupos sociais mais carenciados, à cultura, intercâmbio internacional, comercial e económico. Promover a adesão e participar ativamente junto de vários organismos de reconhecido interesse para o Município, quer como membro, quer como observador. Organizar programar a receção e visitas dos grupos dos Municípios, Organizações e Comunidades Protocolares, no nosso país, bem como, em iguais circunstancias nos países e municípios de destino e por fim, e fundamental incentivar e promover a proximidade entre celoricenses residentes e os celoricenses da Diáspora.

CELORICO DE BASTO CANTA AS JANEIRAS

Tradição e identidade no XIX Encontro “Vamos Cantar as Janeiras” em Celorico de Basto

A população do concelho de Celorico de Basto deslocou-se em massa para assistir às interpretações das janeiras entoadas pelos 20 grupos que participaram no XIX Encontro “Vamos Cantar as janeiras”. Este encontro teve lugar no gimnodesportivo da Escola Básica e Secundária de Celorico de Basto, no dia 27 de janeiro, e procurou mostrar o melhor “da cultura popular, da nossa tradição e identidade”.

_DSC1255.jpg

Ausente por motivos familiares, o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, não deixou de mostrar a satisfação por verificar que a comunidade está mobilizada para “defender, preservar e trabalhar em prol daquilo que melhor nos identifica ao participar num evento que se afirmou de forma inequívoca no calendário das atividades do Município. Estes 20 grupos que passaram por este palco motivam-nos a continuar este trabalho de manter vivas as tradições e dinamizar o associativismo promovendo a cultura”.

_DSC1296.jpg

No mesmo sentido, e seguindo o pensamento do Presidente, o Vereador da Cultura, Carlos Fernando Peixoto, enalteceu a participação da comunidade “num evento que tem vindo a crescer e a mobilizar gente de todas as faixas etárias na celebração das nossas tradições. Este espetáculo promovido pelo Município é a exaltação do espirito coletivo que existe nesta comunidade. De ano para ano temos vindo a aprimorar a organização do evento por forma a acolher melhor quem a nós se junta para salvaguardar os nossos usos e costumes, as nossas tradições”. De facto, continuou o autarca, “esta iniciativa procura dar voz a uma tradição amplamente conhecida na região, juntando no mesmo espaço, os grupos que habitualmente percorrem as ruas das freguesias com músicas típicas das janeiras, grande maioria para angariar fundos para as atividades promovidas pelas diferentes associações”

_DSC1352.jpg

Foram 3 horas de espetáculo onde não faltou a alegria, animação e muito convívio entre todos os participantes que, com as vozes bem afinadas, apresentaram as mais belas músicas das janeiras.

Pelo palco passou o Clube de cavaquinhos do Agrupamento de Escolas que interpretou a música “Vamos Cantar as Janeiras”, o Grupo de Cavaquinhos de Arnoia com a música Janeiras Vimos Cantar”, os Reis Magos de Veade apresentaram a música “Vimos das as boas festas, a Associação Amar e Partilhar 21 presenteou os presentes com a música “Somos Estrelas”, o Grupo de Amigos da Santa Casa da Misericórdia de Arnoia apresentou “Há rabanadas”, os Amigos de Veade também apresentaram a música “Há rabanadas”, a Junta de Freguesia de Agilde brindou a plateia com a música “Pastorinhos no deserto”, o Centro Cultural e Folclórico de Gandarela de Basto apresentou a música “Jesus Criador”, a Freguesia de Carvalho e Basto Sta. Tecla apresentou a música “Cantamos ao Deus Menino”, o Rancho Recreativo e Cultural de Santa Maria de Canedo cantou a música “a noite é bela”, Somos Minho Ass. Música Tradicional apresentou a música “Janeiras Somos Minho”, o Grupo Cultural e Recreativo e Núcleo Infantil de Gandarela presenteou a plateia com a música “Salvé, salvé Jesus”, a Tuna de Arnoia com uma bela melodia desejou a todos “Boas festas, Feliz Natal”, a Associação Cultural e Recreativa de Ourilhe apresentou a música “No dia de hoje cantam-se os Reis”, o Futebol Clube de Gandarela apresentou “Janeiras lindas Janeiras”, a Universidade Sénior de Celorico de Basto presenteou a plateia com a música “Abri as portas, já estamos de saída”, a ACRD Amigos do Castelo cantaram a música “Ó menino Jesus”, a Associação Viva Moreira interpretou a música “Vamos Cantar as Janeiras”, a ADIC- Associação Dinamizadora dos Interesses do Corgo apresentou a música “Reisadas” e o Clube Desportivo Celoricense encerrou a tarde com a entoação da música “Cantamos Pró Celoricense”. 

_DSC1370.jpg

Todos os grupos apresentaram belas canções de janeiras, maravilhosamente interpretadas e acompanhadas por instrumentos musicais como a viola, o cavaquinho, o bombo, a pandeireta, e outros. Todos os membros foram vestidos à época tal como estava descrito no regulamento inerente a esta iniciativa, o que tornou o espetáculo ainda mais rico.

_DSC1461.jpg