Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BRAGA REQUALIFICA EDIFÍCIO DA JUNTA DE FREGUESIA DE FROSSOS

Edifício da Junta de Frossos pronto para servir a População. Obras de requalificação inauguradas por Ricardo Rio

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, inaugurou esta Quarta-feira, dia 25 de Abril, as obras de requalificação do edifício da Junta de Freguesia de Frossos, que se apresenta agora com todas as condições para servir a comunidade.

CMB25042018SERGIOFREITAS00000012202

Dado o estado de degradação do edifício, esta era uma obra considerada fundamental para a União de Freguesias de Merelim (S. Pedro) e Frossos, que passou a contar com um equipamento totalmente remodelado e apto a dar resposta às necessidades da população. O edifício recebeu um conjunto de intervenções que levaram a uma profunda alteração do espaço e a uma redistribuição do seu interior, tendo em consideração os hábitos e rotinas da freguesia e das respectivas colectividades.

"Não há melhor maneira de celebrar o 25 de Abril do que ir demonstrando que houve conquistas resultantes dessa efeméride que nos trazem muitos benefícios. A remodelação deste espaço é uma boa demostração do desenvolvimento que o país teve ao longo destes 44 anos com uma rede de infra-estruturas e equipamentos que foram criados por todo o território, criando soluções de proximidade para a população e para as colectividades desenvolveram as suas actividades”, afirmou Ricardo Rio, durante a cerimónia de inauguração, enaltecendo a “visão e perseverança dos responsáveis locais que fizeram todos os esforços para que Frossos conseguisse contar com um edifício moderno, funcional e com as valências necessárias para o pleno desempenho das suas funções”.

Para o Autarca, a partir de hoje Frossos conta com um equipamento com toda a capacidade para dar “resposta às questões administrativas, mas também ao trabalho das diversas associações e com as actividades que são desenvolvidas no âmbito cultural, desportivo e social, assim como para a convivência da população".

As obras de requalificação do edifício representam um investimento de 230 mil euros suportados pela Junta de Freguesia de Frossos, que ao longo dos anos foi desenvolvendo esforços com vista a este objectivo. “Sempre dissemos que o dinheiro de Frossos seria gasto na Freguesia e assim nasceu esta obra. É nossa esperança que, numa segunda fase nasça um auditório na envolvência deste edifício e para a concretização desse projecto conto com o apoio do Município de Braga”, explicou Adélia Silva, presidente da União de Freguesias de Merelim (S. Pedro) e Frossos.

Um apelo que Ricardo Rio aceitou, elogiando o esforço e a pró-actividade da União de Freguesias que realizou esta intervenção “única e exclusivamente com fundos próprios resultando numa excelente complementaridade entre os diversos órgãos de poder local”.

Por isso, o Autarca garantiu que a Câmara Municipal “financiará a segunda fase do projecto, que resultará na ampliação deste mesmo edifício para que ele fique dotado com um amplo auditório com capacidade para 150 lugares e que será uma mais-valia para a população”.

Nesta cerimónia, o Autarca lembrou que ao longo dos últimos anos, em obras delegadas nas Juntas de Freguesia ou executadas por administração directa, o Município de Braga investiu mais de 25 milhões de euros em vários equipamentos de proximidade. “Nestes anos criamos um ciclo regular de investimentos nas mais diversas freguesias do Concelho e isso sente-se no terreno, com várias intervenções importantes e equipamentos que ajudam a melhorar a qualidade de vida das populações”, apontou Ricardo Rio.

No caso de Merelim (S. Pedro) e Frossos, o Edil sublinhou que têm sido muitos os projectos desenvolvidos em conjunto com esta União de Freguesias em diversas áreas de actuação, resultando em “claro benefício” da população. “Essas intervenções têm vindo a salvaguardar necessidades dos cidadãos através da qualificação de espaços públicos, engrandecendo esta União de Freguesias”, concluiu Ricardo Rio.

CMB25042018SERGIOFREITAS00000012206

CMB25042018SERGIOFREITAS00000012208

CMB25042018SERGIOFREITAS00000012211

BLOCO DE ESQUERDA QUER RETIRAR ESTÁTUA DO GENERAL GOMES DA COSTA EM BRAGA

Bloco quer fomentar discussão sobre a estátua de Gomes da Costa

Ativistas do Bloco de Esquerda, na madrugada deste 25 de Abril, taparam a estátua do Manuel Gomes da Costa, situada na Praça Conde de Agrolongo, em Braga.

De acordo com Alexandra Vieira, historiadora e deputada na Assembleia Municipal de Braga pelo Bloco de Esquerda, este militar foi responsável, a 28 de Maio de 1926, pela implantação da ditadura militar, que mais tarde deu origem à ditadura fascista.

A escultura está em Braga desde 1966, representa a implantação do fascismo em Portugal e mantém a cidade de Braga associada a este período da história portuguesa.

“Como é que 44 anos depois a cidade de Braga ainda existem estas esculturas simbólicas numa praça pública no centro da cidade?”, questiona a deputada do Bloco.

“O objetivo desta ação é pôr os bracarenses a pensar e a discutir a razão pela qual a escultura foi hoje tapada”, de modo a perceberem “quem é esta personagem e o que ela representa”, explica.

Fonte: https://www.esquerda.net/

captura_de_ecra_2018-04-25_as_02.21.01

BRACARENSES SABOREIAM “RUM COM JAZZ”

Ciclo de Concertos 'RUM com Jazz': André Fernandes ´CENTAURI`

3 de maio às 21h30 no Museu Nogueira da Silva, em Braga

Qualquer alma que devote o mínimo de atenção às movimentações jazzísticas portuguesas da última década e meia sabe que, quando se fala de guitarristas, há um nome que se destaca acima de qualquer suspeita: André Fernandes.

unnamed

Exímio instrumentista e dotadíssimo compositor, já tocou com uma miríade de enormes jazzmen nacionais e estrangeiros que lhe elogiam a originalidade (Lee Konitz, Mário Laginha, Maria João, Bernardo Sassetti, David Binney entre outros), a vitalidade e a versatilidade artística. André Fernandes tem um novo grupo: “Centauri” junta Fernandes a dois dos mais talentosos e jovens saxofonistas portugueses, José Pedro Coelho e João Mortágua, e a uma das mais jovens e requisitadas secções rítmicas nacionais em Francisco Brito e João Pereira.

André Fernandes - Guitarra e Composição

José Pedro Coelho - Saxofone Tenor e Soprano

João Mortágua - Saxofone Alto e Soprano

Demian Cabaud  - Contrabaixo

João Pereira – Bateria

Bilhete: 3€ à entrada, a partir das 21h

Lotação limitada a 80 pessoas

Reservas através do email reservas@rum.pt

Mais infos em fb.com/radiorum

Ciclo RUM/Conselho Cultural da UMinho com o apoio do Museu Nogueira da Silva

BRAGA REALIZA GALA FINAL DO CONCURSO DE DANÇA "DONHOS NOS PÉS"

Amanhã, Quarta-feira, 25 de Abril, às 17h00, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga

O Município de Braga leva a efeito a Gala Fina do Concurso de Dança ‘Sonhos nos Pés’, que se realiza amanhã, Quarta-feira, 25 de Abril, pelas 17h00, no Auditório Adelina Caravana, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga.

Este concurso tem como objectivo estimular a divulgação dos novos talentos na área da dança, premiando o mérito e excelência dos jovens. Destinado a jovens naturais ou residentes no Concelho de Braga que actuem individualmente ou em grupo, o concurso tem dois escalões. O primeiro para os bailarinos com idades entre os 6 e os 10 anos e o segundo escalão para idades entre os 11 e os 16. A concurso vão estar 19 finalistas.

Os vencedores, escolhidos por um júri, terão direito a prémios monetários que vão desde os 750€ para o primeiro classificado no primeiro escalão, 500€ para o segundo classificado e 250€ para o terceiro lugar. Já no segundo escalão contará com 1.000€ para o grande vencedor, 750€ para o segundo e 500€ para o terceiro classificado.

 

GALERIA FORUM ARTE BRAGA VAI SER INAUGURADA A 28 DE ABRIL

“The Anthropologist In Me” é a primeira exposição da nova galeria de arte contemporânea de Braga

O Forum Arte Braga vai apresentar no próximo dia 28 de abril a exposição “The Anthropologist in me”. Trata-se da primeira exposição da nova galeria de arte contemporânea da cidade de Braga, que será inaugurada nesse mesmo dia, pelas 18h00, no Forum Braga.

TheAnthropologistInMe

Com a curadoria de Duarte Sequeira e Guilherme Braga da Cruz, “The Anthropologist in me” apresenta 15 obras de nove artistas, em formato pintura, escultura, fotografia, vídeo e instalação.

O Forum Arte Braga é uma iniciativa da InvestBraga e a sua criação está inserida na estratégia de dinamização económica e cultural de Braga. “Queremos que Braga seja uma referência no panorama da arte em Portugal e com isso trazer novos públicos para a cidade”, explica Carlos Oliveira, presidente da InvestBraga.

Esta primeira exposição conta com obras da dupla de arte performativa e conceptual britânica Gilbert & George, os escoceses Douglas Gordon, Martin Boyce, Jim Lambie e Eva Rotschild, sendo os três primeiros detentores do prémio artístico com maior relevo internacional, o Turner Prize, atribuído pela Tate Modern, em Londres. A exposição conta ainda com a obra do fotógrafo e realizador brasileiro Miguel Rio Branco, o escultor inglês Gary Webb e o artista austríaco Franz West.

Segundo as palavras de Guilherme Braga da Cruz, esta exposição “propõe ser um espaço partilhado de liminaridade, uma ocupação do fluxo e da transformação pela qual determinamos e intervimos nos mecanismos dos quais exposições, obras de arte, plateias e comércio estão integrados”. Duarte Sequeira acrescenta ainda: “Desenvolvido em colaboração direta com artistas, coleções privadas e institucionais, a exposição reúne um conjunto de artistas internacionais de diferentes gerações, que ao longo do tempo desenvolveu práticas de rutura, com base em pensamentos de antropologia cultural”.

“The Anthropologist In Me” é a primeira exposição do Forum Arte Braga, sendo que a nova galeria de arte contemporânea de Braga acolherá quatro exposições por ano. A inauguração deste espaço coincide com a abertura do Forum Braga – a nova infraestrutura do norte do país para a realização de concertos, festivais, exposições, congressos, feiras, espetáculos e grandes eventos. O Forum Braga pretende posicionar a cidade de Braga como uma referência no turismo de negócios em Portugal.

Forum Arte Braga é uma galeria de arte contemporânea fundada em 2018, pela mão da InvestBraga e localizada no Forum Braga. Com a curadoria de Duarte Sequeira e Guilherme Braga da Cruz, o Forum Arte Braga cultiva um programa cujas principais premissas são o conceptualismo, o rigor intelectual e a preocupação com o futuro. Com o intuito de exibir artistas portugueses e internacionais num contexto favorável ao diálogo crítico, a galeria identifica como eixo central da sua programação a preocupação com diferenças regionais e individuais, ao mesmo tempo que promove o cosmopolitismo e a colaboração.

GABINETE DE INFORMAÇÃO, ACOMPANHAMENTO E ACOLHIMENTO PARA A IGUALDADE EM BRAGA JÁ TEM 1 ANO DE EXISTÊNCIA

Comemorações do 1.º aniversário do Gabinete de Informação, Acompanhamento e Acolhimento para a Igualdade (GIAPI). Amanhã, Quarta-feira, 25 de Abril, às 11h00, na Rua de S. Domingos, n.º 3, em Braga

O Município de Braga comemora o 1.º aniversário de abertura do Gabinete de Informação, Acompanhamento e Acolhimento para a Igualdade (GIAPI), a qual terá lugar amanhã, Quarta-feira, dia 25 de Abril, às 11h00, na Rua de S. Domingos, n.º 3, em Braga.

A iniciativa contará com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques.

Recorde-se que o GIAPI tem como missão desenvolver no Concelho de Braga uma resposta municipal integrada de apoio a vítimas de violência doméstica, de combate à violência doméstica e de promoção da igualdade de género e de oportunidades, assente nas seguintes valências:

  • Atendimento e acompanhamento personalizado a vítimas de violência doméstica do Concelho de Braga;
  • Apoio residencial de transição, e apoio técnico, a vítimas provenientes de Casas de Abrigo em processo de autonomização;
  • Ações de prevenção primária da Violência Doméstica;

·        Ações de promoção da Igualdade de Género e de Oportunidades.

BRAGA PROMOVE ACTIVOS TURÍSTICOS EM BARCELONA

Município e ACB presentes no Salão de Turismo de Barcelona

O Município de Braga esteve presente no Salão de Turismo ‘B Travel’, que decorreu entre os dias 20 e 22 de Abril, em Barcelona. Com a participação neste evento especializado, o Município cumpriu mais uma etapa na estratégia de internacionalização da marca Braga junto de mercados com elevado potencial, promovendo assim os seus activos turísticos.

Barcelona 1

Ao longo da feira, milhares de visitantes procuraram obter informações sobre Braga, tendo-se revelado esta iniciativa um palco privilegiado para promover o conhecimento sobre a Cidade nas suas mais diversas vertentes: património, gastronomia, comércio, história, cultura, alojamento, eventos, desporto, natureza e turismo religioso e de negócios.

Com cerca de seis mil metros quadrados, a iniciativa reuniu 200 expositores, incluindo agências de viagens, hotéis, operadores de cruzeiros, empresas de transporte e empresas de serviços de turismo, em representação de 40 destinos internacionais.

À semelhança do que aconteceu em Ourense e em Paris, a participação de Braga contou com a parceria da Associação Comercial de Braga e de operadores turísticos da Cidade.

Para Altino Bessa, vereador responsável pela área do Turismo, a parceria com os operadores locais é fundamental para a afirmação de Braga como destino turístico. “Acreditamos que é desta forma, em parceria com os agentes públicos e privados, que Braga pode vingar neste mercado tão competitivo”, referiu Altino Bessa, salientando a importância da promoção em mercados de proximidade como o espanhol.

Barcelona 2

BRAGA CRIA REDE DE CUIDADOS PRIMÁRIOS PARA ANIMAIS EM RISCO

Viatura de emergência para animais em funcionamento a partir de Maio

O Município de Braga e a Ordem dos Médicos Veterinários assinaram esta Sexta-feira, dia 20 de Abril, o protocolo de colaboração que prevê a implementação do Programa de Apoio de Saúde Preventiva a Animais em Risco. Entre as medidas previstas está a atribuição do cheque-veterinário a famílias carenciadas do Concelho ou a quem adoptar um animal de companhia no Centro de Recolha Oficial (CRO) de Braga.

2

Para o presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, esta é uma medida que vai permitir que as famílias carenciadas possam usufruir de tratamentos médico-veterinários aos seus animais de companhia, criando assim uma rede de cuidados primários médico-veterinários para animais em risco.

Na cerimónia de assinatura do protocolo, que contou com a presença de Jorge Cid, bastonário da Ordem dos Médicos Veterinários, Autarca Bracarense revelou ainda que a viatura de emergência exclusiva para animais abandonados entrará em pleno funcionamento na primeira quinzena de Maio.

5

O ‘Cheque Veterinário’ representa um investimento anual de 25 mil euros por parte do Município e visa apoiar os Bracarenses na vacinação, desparasitação e esterilização dos seus animais, bem como o acesso a outros tratamentos e urgências 24 horas. A esta parceria juntaram-se várias clínicas do Concelho e o Município espera agora que mais clínicas veterinárias adiram a este protocolo.

“A juntar a este programa a Autarquia Bracarense está a implementar o projecto de Captura, Esterilização e Devolução dos animais (CED) que está a ser desenvolvido em parceria com associações devidamente acreditadas para acompanhar animais, de forma a promovermos o bem-estar animal e a defesa da saúde pública”, adiantou Ricardo Rio.

6

MUNICÍPIO BRACARENSE ENTREGA COLEÇÃO DE LIVROS SOBRE BRAGA

Nas comemorações do Dia Mundial do Livro

A partir da próxima segunda-feira, 23 de Abril, o Município de Braga irá proceder à entrega de uma colecção de livros sobre Braga dirigidas às bibliotecas escolares das 13 Escolas do 2.º e 3.º ciclo do Ensino Básico existentes no território do concelho. A vereadora da Cultura e Educação, Lídia Dias, procederá à entrega de um dos conjuntos esta Segunda-feira, pelas 11h00, na biblioteca da Escola EB2/3 de Cabreiros.

livro

Esta iniciativa, que pretende comemorar o Dia Mundial do Livro assinalada anualmente a 23 de Abril, intitula-se “Braga nas Bibliotecas” e integra o projecto “À Descoberta de Braga”, cujo objectivo é fomentar no público escolar e na população bracarense o conhecimento e afecto pela história, património e identidade de Braga enquanto comunidade. Através da oferta de uma colecção de livros contendo estudos sobre Braga às bibliotecas escolares das escolas EB 2 e 3, o Município de Braga pretende a criação de uma secção intitulada “Bracarografia” de forma a fomentar o conhecimento dos alunos sobre o Município onde habitam.

São no total 112 livros centrados em estudos sobre a história e património bracarense, aos quais acrescem monografias de diversas freguesias e outras publicações temáticas. Além de publicações próprias, ou realizadas em parceria, a Câmara Municipal de Braga contou com a gentil colaboração da Junta de Freguesia de Adaúfe, Junta de Freguesia de S. Vicente, Junta de Freguesia de S. Victor, União de Freguesias de Nogueiró e Tenões, União de Freguesias de S. Lázaro e S. João do Souto, União de Freguesias de Celeirós Aveleda e Vimieiro, União de Freguesias de Ferreiros e Gondizalves, União de Freguesias de Lomar e Arcos, Junta de Freguesia de Gualtar, União de Freguesias de Merelim S. Pedro e Frossos, União de Freguesias de Merelim S. Paio Panoias e Parada de Tibães, União de Freguesias de Real Dume e Semelhe, Junta de Freguesia de Sequeira, Junta de Freguesia de Sobreposta, Junta de Freguesia de Tadim, Junta de Freguesia de Tebosa, Misericórdia de Braga, Irmandade de Santa Cruz, Lar Conde de Agrolongo, Instituto Monsenhor Airosa, Grupo Folclórico Dr. Gonçalo Sampaio, Rusga de S. Vicente, Instituto de História e Arte Cristãs da Arquidiocese de Braga e Associação de Festas de São João de Braga.

PREMIADOS DA 10ª EDIÇÃO DO CONCURSO FOTOGRÁFICO “A SEMANA SANTA DE BRAGA”

Foi no dia 20 de abril, pelas 21h30, na loja FNAC do shopping Braga Parque, de Braga, que ocorreu o anúncio dos premiados e respetiva entrega de prémios da 10ª edição do Concurso de Fotografia subordinado ao tema “A Semana Santa de Braga”.

entrega-premios-conc-foto-semana-santa-braga-2018

Sobre a iniciativa

Esta é uma iniciativa da Comissão da Semana Santa de Braga, com o apoio à divulgação da entidade regional de turismo do Porto e Norte de Portugal e da loja FNAC de Braga, como media partner o jornal “Diário do Minho”, e com o patrocínio exclusivo da prestigiada marca Canon e que visa sensibilizar todos os amantes da fotografia para o tema em particular, e em geral para esta época tão especial da cidade de Braga, bem assim como estimular e difundir a criatividade na arte da fotografia.

Sobre a edição e resultados deste ano

Embora a participação tenha diminuído este ano (recorda-se que a meteorologia não ajudou, inclusive obrigando à supressão de uma das procissões, evento que atrai, inevitavelmente, muitos fotógrafos deste Concurso), a qualidade das fotos a concurso, de um modo geral, e aliás como habitual, foi elevada e de excelente qualidade. Tanto assim é que o júri do concurso, após sucessivas rondas de eliminação, ficou com uma shortlist que gerou grande discussão e dificuldade na escolha final.

O concurso continua a despertar grande interesse e tem adeptos fiéis que, ano após ano, continuam a apostar e a acreditar nesta iniciativa. Há concorrentes que já foram premiados em edições anteriores, mas a maior parte são novos contemplados, apesar de concorrentes, alguns deles, em edições anteriores. A organização considera que a participação continuada de alguns dos concorrentes é um claro sintoma da credibilidade e confiança que a iniciativa detém junto dos potenciais interessados. Por outro lado, também considera que o crescente número de novos participantes é sintomático de que, apesar dos dez anos de existência, a iniciativa continua a ser relevante e a despertar interesse.

A diversidade de participação é também um aspeto a destacar com participantes de todas as idades (dos 18 aos 70 anos) e das mais variadas localidades do país (mas também do país vizinho).

Podemos adiantar ainda alguns dados estatísticos desta edição:

  • 161 pessoas com inscrição validada
  • 92 concorrentes
  • 517 fotos a concurso
  • 22 fotos premiadas
  • Média de idades: 45 anos
  • Participantes masculinos: 68 (74%)
  • Participantes femininos: 24 (26%)

O júri foi composto pelas seguintes personalidades:

  • Presidente: Hugo Delgado
  • Representante da Comissão: José Alberto de Sousa Ribeiro
  • Representante da Canon: António Coelho
  • Representante do Diário do Minho: Luis Carlos Lopes Fonseca
  • José Manuel Bacelar, convidado

O júri atribuiu os principais prémios aos seguintes concorrentes:

1º prémio: José Rodrigo de Carvalho Faria Lima, 44 anos, de Braga

EOS 77D C/ 18-135 IS Pack (no valor de 1.249€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

2º prémio: Luís Vilaça, 27 anos, de Braga

EOS M50 BLK 15-45 IS STM (no valor de 749€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

3º prémio: Nuno Miguel da Silva Sampaio, 40 anos, de Braga

EOS 2000D 18-55 IS II (no valor de 539€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Também todas as 10 Menções Honrosas previstas no Regulamento foram atribuídas a:

André Rodrigues, 37 anos, de Braga

António Alves Tedim, 67 anos, de Moreira da Maia

António Costa Pinto, 70 anos, de Condeixa-a-Nova

Bruno Ismael da Silva Alves, 42 anos, do Póvoa de Lanhoso

João Miguel Gomes Silva, 26 anos, de Braga

Jorge Manuel Rocha Pimenta, 49 anos, de Braga

José Pedro Martins, 57 anos, de Vila do Conde

Luís Braga Simões, 54 anos, de Braga

Silvino Jorge Rodrigues, 49 anos, de Braga

Sofia Carolina Rodrigues Brandão Bahia, 24 anos, de Braga

Para todas as Menções HonrosasAssinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Todos os premiados recebem ainda um Certificado de Participação.

As fotos premiadas estão disponíveis no sítio oficial da Semana Santa, neste link.

A quase totalidade dos prémios e certificados foi entregue na ocasião. Para os não presentes, informa-se que estes estão disponíveis para levantamento mediante apresentação do BI ou Cartão de Cidadão, até ao dia 30 de junho, ao balcão da FNAC de Braga.

A assinatura digital do Diário do Minho será disponibilizada, via email, diretamente pelo Diário do Minho.

Para além dos premiados, todos os concorrentes que manifestarem vontade de obter um Certificado de Participação, devem informar a organização, que o remeterá via email ou em papel (para levantamento na Sé Catedral de Braga). Todos os pedidos serão atendidos no máximo até ao dia 4 de maio. Os Certificados serão disponibilizados, de uma só vez, no dia 11 de maio.

Todos os trabalhos premiados (um total de 22 fotos) serão alvo de exposição, esta inserida no programa cultural da Semana Santa de Braga de 2019.

A organização endereça os votos de parabéns a todos os premiados e, em geral, a todos quantos se inscreveram e submeteram fotos ao concurso.

Na expectativa de podermos uma vez mais contar com a V. prestimosa colaboração na divulgação deste Comunicado,

Subscrevemo-nos com elevada estima e consideração,

Atentamente,

Abel Rocha

Comissão da Quaresma e Solenidades da Semana Santa de Braga

ESTAFETA DA AMIZADE UNE BRAGA A GUIMARÃES

Realiza-se amanhã, Domingo, dia 22 de Abril, pelas 10h00, a edição de 2018 da Estafeta da Amizade, uma prova de atletismo que irá unir as Cidades de Braga e Guimarães. Com um percurso de 20 Km a cumprir pela Estrada Nacional 101, o início da prova terá lugar em Guimarães, na Avenida Dr. Alfredo Pimenta, terminando em Braga, na Avenida Dr. Francisco Pires Gonçalves, junto ao Parque da Ponte.

Num formato de estafeta, com equipas de quatro elementos, dois atletas masculinos e dois femininos, a prova será repartida por quatro etapas, sendo que cada membro da equipa irá fazer um percurso de cinco quilómetros.

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, integra a Equipa N.º 1 da qual fazem também parte o vereador da Câmara Municipal de Guimarães, Ricardo Costa, e pelas atletas Filomena Costa e Dulce Félix.

Todas as informações sobre o evento podem ser obtidas em http://www.estafetadaamizade.pt ou em www.facebook.com/EstafetadaAmizade

De referir no Domingo e durante o período em que decorrer a prova, o trânsito estará condicionado na EN 101.

BRACARENSES JÁ PODEM REPORTAR AO MUNICÍPIO OCORRÊNCIAS DE FORMA SIMPLES E INTERACTIVA

Nova aplicação permite ligação mais próxima entre Município e Cidadãos

O Município de Braga apresentou hoje, 19 de Abril, a ‘Braga Resolve’ uma nova ferramenta que permite aos cidadãos reportar ocorrências no espaço público de forma simples, rápida e interactiva.

CMB19042018SERGIOFREITAS00000012168

A aplicação tem como objectivo promover uma ligação mais próxima e transparente entre a Câmara Municipal de Braga e os cidadãos que, desta forma, podem dar conta de problemas relacionados com o estado de conservação do espaço público em todo o território concelhio.

Segundo João Rodrigues, vereador da Câmara Municipal de Braga responsável pelo pelouro da Gestão e Conservação do Espaço Público, as ocorrências são localizadas de forma automática via GPS, encaminhadas para uma plataforma e daí reportadas aos serviços municipais competentes com vista à resolução do problema. Após a recepção da ocorrência, o problema é analisado e avaliada a sua prioridade de forma a ser escalonada uma intervenção.

CMB19042018SERGIOFREITAS00000012172

 

A grande mais-valia desta ferramenta reside na possibilidade do cidadão que reportou a ocorrência poder acompanhar de forma interactiva todo o processo, desde o primeiro contacto até à sua resolução. Outra das vantagens da aplicação prende-se com a captação e tratamento estatístico de informação sobre o território concelhio que pode ser consultada a qualquer momento.

“Braga integra um grupo de Cidades que se compromete a monitorizar o respectivo desempenho e a fazer reflectir os resultados nas suas políticas com o intuito de melhorar a qualidade de vida dos cidadãos de forma sustentável e eficiente”, salientou João Rodrigues.

De referir que a aplicação já se encontra disponível para sistema Android e estará acessível para IOS a partir da próxima semana. O reporte de ocorrências pode ainda ser feita através do site bragaresolve.pt.

CMB19042018SERGIOFREITAS00000012170

SEMANA SANTA DE BRAGA TEM CONCURSO DE FOTOGRAFIA

unnamed

A Comissão informa que o júri reuniu no passado dia 17 de abril e deliberou para escolha dos premiados no Concurso de Fotografia “A Semana Santa de Braga”. Foram atribuídos os três primeiros prémios e as dez menções honrosas previstas no Regulamento.

O anúncio dos premiados e a entrega de prémios ocorre na loja FNAC do Shopping Braga Parque, em Braga, já amanhã, sexta-feira, dia 20 de abril, pelas 21h30.

Recordamos os prémios a concurso:

1º prémio:

EOS 77D C/ 18-135 IS Pack (no valor de 1.249€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

2º prémio:

EOS M50 BLK 15-45 IS STM (no valor de 749€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

3º prémio:

EOS 2000D 18-55 IS II (no valor de 539€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Para as 10 Menções Honrosas:

Uma assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

ALUNOS BRACARENSES VISITAM EXPOSIÇÃO “ERA UMA VEZ UMA CIDADE”

No âmbito do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Celebrou-se ontem, dia 18 de Abril, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. A data foi assinalada com uma actividade promovida pelo Município de Braga intitulada “Era uma vez uma Cidade”, na qual é proposto um percurso pedagógico que visa aprofundar o conhecimento dos diversos monumentos e sítios da nossa Cidade.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012127

A acção insere-se no âmbito do programa “À Descoberta de Braga” e decorre até Sábado, dia 21 de Abril, no Centro Histórico da Cidade, sendo dirigida os alunos do 4º, 5º e 6º ano de escolaridade.

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios visa promover os monumentos e sítios históricos, valorizar o nosso património e, ao mesmo tempo, salvaguardar a herança cultural cimentando a importância da cultura e do património enquanto elementos aglutinadores das comunidades. Este ano, sob a égide “Património Cultural: de geração em geração”, será desenvolvida uma acção tendo em vista a sensibilização para esta temática.

jalberto.fernandes-à descoberta-11

 

BRAGA ACOLHE EXPOSIÇÃO DE CLÁSSICOS “DRIVE IT DAY”

Concentração decorre no Domingo, no Largo do Pópulo

A Cidade de Braga recebe no próximo Domingo, 22 de Abril, a exposição de veículos clássicos ‘Drive It Day’, uma iniciativa que pretende promover uso do veículo clássico, como forma de demonstrar a sua importância cultural e social e a dimensão do universo de entusiastas.

Driv-it Day

O evento decorrerá no Largo do Pópulo, onde os veículos estarão concentrados entre as 9h30 e as 12h00. Após este período, realizar-se-á um passeio até ao Circuito Vasco Sameiro, onde os clássicos irão desfilar.

O ‘Drive It Day’ é uma efeméride celebrada em muitos países europeus. Esta celebração conheceu a sua origem em Inglaterra, onde se realiza há diversos anos com o objectivo de enaltecer o vigor da paixão pelos veículos antigos.

O propósito deste dia é movimentar os entusiastas dos clássicos e seus respectivos veículos por todo o país em diversas localidades. Para inscrições e informação os interessados poderão contactar o número de telefone 253 278 614 ou através do email caacbraga@gmail.com.

Esta é uma iniciativa do Clube Automóvel Antigo e Clássico de Braga, da ACCAN, do KIB, e outros clubes nortenhos, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Braga.

BRAGA DESTACA-SE PELA COMPETITIVIDADE ECONÓMICA E QUALIDADE DE VIDA

‘Os Desafios da Engenharia’ debatidos no gnration

 “Estamos a trabalhar para uma Braga dinâmica, competitiva, coesa do ponto de vista social, constantemente inovadora do ponto de vista económico e da gestão urbana e aberta ao mundo”. Foi desta forma que Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, descreveu o caminho que a Cidade está a percorrer durante uma sessão plenária dedicada ao tema ´Braga 2030 – Desafios à Engenharia e à Sociedade´. A acção inseriu-se na conferência ‘Os Desafios da Engenharia’, organizada pela Ordem dos Engenheiros – Região Norte.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012132

Na ocasião, o Edil salientou que Braga é, actualmente, um dos territórios mais inovadores do país ao nível económico, sendo esse um dos traços distintivos do Concelho. “Fruto da cada vez maior ligação às Universidades e ao conhecimento, temos empresas a transformar as suas unidades e a criarem centros de investigação e desenvolvimento. Braga é hoje o sétimo Concelho mais exportador do país e essa é uma tendência que certamente se irá reforçar no futuro, já que são várias as empresas que estão a seguir este caminho e a tirar partido desta ligação ao conhecimento produzido nas Universidades”, afirmou, Ricardo Rio, realçando que a capacidade de inovação tem de continuar a ser um dos principais argumentos para atrair população. ”Para termos um território coeso e com altos níveis de desenvolvimento é essencial existir uma economia dinâmica, com recursos qualificados e capaz de gerar emprego”.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012131

O Autarca destacou a necessidade de juntar a essa componente económica uma qualidade de vida que vá ao encontro das pretensões dos cidadãos. “Uma cidade só pode ser competitiva se complementar a dinâmica económica com padrões elevados de qualidade de vida. Temos efectuado esforços no sentido de garantir respostas ao nível ambiental. Nesse sentido, temos uma empresa municipal, os TUB, que transporta anualmente mais de 11 milhões de passageiros e outra empresa que faz a gestão integrada e eficaz de todos os serviços ambientais. Por outro lado, importa olhar para as zonas de lazer e fruição da Cidade, uma área onde temos um enorme manancial para explorar, sobretudo na ligação com o rio Cávado, um destino lúdico, desportivo e ambiental natural para os Bracarenses”, disse.

Por fim, Ricardo Rio destacou a importância de desenvolver uma política consertada do ponto de vista estratégico com as regiões vizinhas. “Tanto ao nível do Quadrilátero como da ligação com a Euro-região, a criação de parcerias resulta numa enorme mais-valia para a criação de uma nova centralidade”, finalizou.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012136

BRAGA VIA CAPITAL DA DANÇA

Ritmos e movimentos invadem Braga para a terceira edição do ‘B de Dança’. Evento decorre de 21 a 29 de Abril

A partir do próximo Sábado, a Dança volta a invadir a Cidade de Braga com muito ritmo e movimento através da terceira edição do ‘B de Dança’. Organizado pelo Município de Braga em parceria com várias escolas de dança Bracarenses, o evento chega a vários palcos numa semana de exaltação desta expressão artística que é a dança.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012122

De 21 a 29 de Abril, o ‘B de Dança’ conta com mais de 60 horas de programação distribuídos por 40 iniciativas com epicentro na Tenda Estúdio, montada em plena Avenida Central. Este será um espaço de acesso livre a toda a população, que poderá usufruir de aulas abertas, workshops, exibições, concursos, espectáculos das diferentes propostas do mundo da dança.

“Neste evento temos a dança no seu esplendor e na máxima força, apresentada por aqueles que todos os dias trabalham esta expressão artística em diferentes estilos e composições nas escolas de dança do Concelho”, referiu esta Quarta-feira a vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, destacando o “enorme dinamismo de Braga nesta vertente cultural”.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012124

Para além da Avenida Central, a Dança irá invadir outros espaços emblemáticos da Cidade, desde o Theatro Circo, ao Auditório Vita, passando pelo Museu Nogueira da Silva, Conservatório Calouste Gulbenkian e pela Casa dos Crivos, o evento conta ainda com um percurso pelo património mais simbólico do Centro Histórico através da realização do concurso ‘I Photo Dance Walk Braga’.

Este ano, o ‘B de Dança’ apresenta mais novidades e engloba a primeira edição do Concurso de Dança “Sonhos nos Pés”. Esta iniciativa, que se realiza no âmbito da Braga Cidade Europeia do Desporto, terá lugar a 25 de Abril, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian.

Após a fase de selecção, são 19 os finalistas que irão demonstrar todo o seu talento durante a gala final do concurso.

Para Sameiro Araújo, vereadora do Desporto e Juventude da Autarquia Bracarense, esta é mais uma forma de difundir e promover o talento dos jovens Bracarenses. “Braga possui muito talento na área da dança e com este concurso estamos a divulgar e a dar palco aos bailarinos Bracarenses que são muitos e de grande qualidade”, explicou Sameiro Araújo, esperando que esta primeira edição do concurso “sirva para motivar ainda mais os jovens a apostarem no seu talento”.

O concurso, destinado a jovens naturais ou residentes no Concelho de Braga que actuem individualmente ou em grupo, tem dois escalões a concurso. O primeiro para os bailarinos com idades entre os 6 e os 10 anos e o segundo escalão para idades entre os 11 e os 16. Os vencedores, escolhidos por um júri, terão direito a prémios monetários que vão desde os 750€ para o primeiro classificado no primeiro escalão, 500€ para o segundo classificado e 250€ para o terceiro lugar. Já no segundo escalão contará com 1.000€ para o grande vencedor, 750€ para o segundo e 500€ para o terceiro classificado.

Evento lança concurso de fotografia para fotógrafos e bailarinos

Outro destaque nesta edição do ‘B de Dança’, vai para o novo desafio que o Município de Braga lançou a todos os apaixonados pela arte da dança e fotografia com a realização do ‘I Photo Dance Walk Braga’.

Trata-se de um concurso de fotografia que tem por tema ‘2018 – Ano Europeu do Património Cultural’ e que convida fotógrafos e bailarinos para um percurso de recolha fotográfica nos principais monumentos e sítios do património Bracarense. Assim, em cada monumento ou sítio, os fotógrafos poderão fazer registos com um ou dois bailarinos, em diferentes tempos e em diferentes estilos de dança numa simbiose com o tempo e o estilo artístico do monumento onde se realiza a performance.

Esta iniciativa cuja organização é da responsabilidade do Município de Braga, da Backstage Escola de Dança e Artes Performativas e do fotógrafo profissional Marco Mendes, conta ainda com o apoio da UNESCO que divulgará a selecção de trabalhos nos seus canais de comunicação oficiais.

O resultado desta simbiose entre os diversos estilos de dança e monumentos históricos, após selecção do júri, resultará numa exposição a estar patente no Braga Parque.

O programa completo do evento está disponível online no site do Município, podendo ser consultado em: https://goo.gl/Ehcf7Y

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012125