Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MUNICÍPIO DE BARCELOS PROMOVE LIMPEZA DO RIO CÁVADO

A Câmara Municipal de Barcelos assinou hoje o contrato de limpeza do Rio Cávado, cujo valor ascende a 74.500 euros, com vigência de um ano. Esta adjudicação de trabalhos acontece três anos após se ter deixado de proceder à limpeza das águas do rio, no curso que faz parte do território barcelense.

cav (1).jpg

O objetivo desta prestação de serviços, contratualizada com a empresa Cifra Exótica Unipessoal Lda., é a contenção e limpeza de espécies de vegetação aquática exótica invasora existentes no rio Cávado (leito e margens) e a realização de ações de sensibilização ambiental.

Com estas operações de limpeza, além da valorização e preservação do rio, pretende-se efetuar uma série de diagnósticos e detetar focos de poluição. Na contratação destes serviços, está incluída a realização de até 12 sessões de sensibilização da população escolar e comunidade em geral, para a proteção e valorização da biodiversidade e para o problema das invasoras, bem como a realização de até 24 passeios interpretativos de barco para dar a conhecer o trabalho desenvolvido para melhorar o estado do ecossistema ribeirinho.

Segundo se pode ler nas Cláusulas Técnicas deste contrato de prestação de serviços, “pretende-se com estas operações de limpeza, além de valorizar o rio Cávado, efetuar uma série de diagnósticos e detetar focos de poluição. As ações incidem na remoção de espécies exóticas invasoras, tais como o jacinto-de-água e a pinheirinha-de-água, incluindo os recentes focos das espécies elódea-densa e da azola. Pretende-se ainda a remoção de todo o tipo de resíduos, incluindo os de grandes dimensões, como os “monstros domésticos”.

Os trabalhos abrangem o leito e as margens do rio Cávado desde a Barragem da Penide até ao limite jusante do concelho de Barcelos.

Este procedimento de limpeza do rio já peca por tardio. Recorde-se que, desde finais de 2019, não houve qualquer intervenção de limpeza das águas relativamente às espécies infestantes. Nessa altura, caducou o protocolo que o Município tinha estabelecido com os Bombeiros de Barcelos e Barcelos e a Associação Escola de Mergulho de Barcelos, tendo as corporações de Bombeiros expressamente declinado a intenção de estabelecer protocolo semelhante. Entretanto, um parecer jurídico dos serviços camarários datado de dezembro de 2019 identificava a tarefa de limpeza do rio como uma “Prestação de Serviços”, afirmando  que a mesma tinha de ser objeto de contratação.

Ultrapassados esses problemas legais, importa é que, a partir de agora, as águas fluviais vão ser minuciosamente monitorizadas, no que respeita ao “Controlo e Contenção de Espécies Exóticas Invasoras Aquáticas e Ripícolas no Rio Cávado”, assim se designa a empreitada hoje contratualizada.

No contrato hoje assinado, o adjudicatário é responsável pela preparação e planeamento de todos os trabalhos previstos no caderno de encargos, competindo-lhe também a sinalização de aviso à navegação no rio Cávado, do local dos trabalhos a decorrer no leito do rio e a sinalização na área envolvente e em todos os pontos que se considere necessário, de forma a alertar os utentes para a existência de possíveis perigos.

Entre outros serviços, existe a obrigação de inventariar e cartografar todos os focos das espécies exóticas invasoras aquáticas existentes na área de intervenção, proceder à recolha seletiva de todos os resíduos existentes na área de intervenção, de modo a permitir a sua valorização e o encaminhamento para destino adequado, não podendo efetuar-se qualquer abate, corte e limpeza de vegetação sem previamente haver confirmação por parte do Município.

A limpeza de vegetação será a estritamente necessária para se proceder à remoção das plantas invasoras aquáticas que permaneçam retidas nas margens. Os materiais origem natural, tais como, troncos mortos, vegetação morta, deverão ser transportados para local próprio, para serem encaminhados para destino adequado ou integrados como forma de valorização, para realização de estacas, entrançados, faxinas e pilhas de compostagem.

cav (2).jpg

BARCELINHOS: CANOAGEM, VOLEIBOL E PADDLE – ANIMAÇÃO NO AREAL DE BARCELINHOS ATÉ 15 DE NOVEMBRO

Este ano, Amigos da Montanha, Junta de Barcelinhos e Câmara Municipal de Barcelos decidiram prolongar até 15 de setembro o programa de atividades que, desde o início do verão, tem animado o areal de Barcelinhos.

barcelinh.jpg

Esta parceria, entre as três instituições, proporciona, de segunda a sexta-feira, das 14h às 18h, várias ações de dinamização do espaço, que também se estendem aos fins de semana, no que respeita à modalidade de ginástica.

Assim, até meados do mês de setembro, a população pode desfrutar de um passeio de canoa ou paddle, com o acompanhamento de um monitor. Além do lazer, há oportunidade ainda para a iniciação da aprendizagem na modalidade. Os que gostarem podem integrar a equipa de formação e tornarem-se atletas de canoagem dos Amigos da Montanha.

De resto, a coletividade de Barcelinhos convida os mais jovens para a prática desportiva, de forma a aprenderem a dar as primeiras pagaiadas, enquanto usufruem do areal e do rio Cávado.

Além da canoagem, as atividades à beira-rio incluem voleibol de praia e paddle. Como já foi referido, aos fins de semana há a possibilidade de usufruir de aulas de ginástica.

Recorde-se que todas as ações têm participação gratuita e o acompanhamento de um monitor. Além disso, o espaço está equipado com casas de banho, chuveiros e sombrinhas.

BARCELOS: PROGRAMAÇÃO DO THEATRO GIL VICENTE

Setembro chega com mais de uma dezena de espetáculos

Setembro chega com muitas novidades ao Theatro Gil Vicente e a alguns dos mais icónicos espaços municipais. Depois de um mês de férias, as portas do Theatro Gil Vicente voltam a abrir-se para acolher uma agenda eclética e pensada para abranger diversos públicos.

Ao todo, são 13 os espetáculos propostos para o mês que encerra a época de verão. Da música ao stand up comedy, do cinema ao circo contemporâneo, razões não faltam para um setembro na companhia da cultura e das artes.

A programação inicia com "Peter Pan - O Musical", nos dias 1 e 2 de setembro, às 21h30, pela Art’é Vida – Associação Cultural. Os espetáculos dedicados ao público infantil e famílias continuam. No dia 4 de setembro, sobe ao palco a peça "Fantastik Fantochum", pela companhia Cenas Teatro & Cia., às 16h00. No dia 18, com duas sessões, às 16h00 e às 17h00, pode-se ver "As árvores não têm pernas para andar", com Joana Gama. No dia 25, as Marias Catrapumbas vêm ao Theatro Gil Vicente para duas sessões de teatro para bebés, com a peça "A Fadinha Esverdeada", às 10h00 e às 11h30. De tarde, às 16h00, a mesma companhia apresenta "Faz Magia com a Ecologia", um espetáculo para assistir em Família, no TGV.

Jazz ao Largo

Setembro é o mês do Jazz em Barcelos com o 7.º Festival de Jazz e música improvisada. Um programa diversificado com vários workshops e concertos para todas as idades. De 4 a 7 de setembro, haverá Workshop JAL com a Big Band da Banda Musical de Oliveira sob a direção Porta-Jazz.

O Festival arranca a 8 de setembro com o concerto de música improvisada de estreia do Ensemble JAL, onde o cantor e multi-instrumentista Luís Castro assume a composição e direção. Após uma primeira parte, exclusivamente dedicada à improvisação musical coletiva, haverá lugar à coordenação da música improvisada com a projeção do filme “The Boat” de Buster Keaton e Edward Cline. O trabalho aqui exposto resulta de um workshop promovido pelo Festival Jazz ao Largo, em parceria com a Associação Porta Jazz. Este espetáculo conta também com a participação de elementos da Big Band da Banda Musical de Oliveira e com a curadoria cinematográfica da ZOOM – Associação Cultural.

À mesma hora, e no mesmo local, sobe ao palco, no dia 9 de setembro, o Lisbon Underground Music Ensemble | L.U.M.E., projeto criado e dirigido por Marco Barroso. No dia 10, às 17h00, no Claustro da Câmara Municipal de Barcelos, é a vez de Steffano Pilia, guitarrista e compositor eletroacústico apresentar um concerto exploratório e improvisado. Regressamos ao Largo Dr. Martins Lima, no dia 10, para o concerto dos Get the Blessing. No dia 11, terminamos o programa com o workshop "Caixas Bruitas", com duração de 6h00 e dedicado a crianças dos 6 aos 14 anos, no Theatro Gil Vicente. Pete Judge estará no Salão Nobre dos Paços do Concelho para um Workshop às 15h00, seguido de concerto às 17h00.

Stand up comedy e Encontros de Imagem

Com a chegada de setembro, regressam as sessões de humor. No dia 16, às 21h30, o humorista Gilmário Vemba apresenta o espetáculo de stand up comedy “Temas”, o seu mais recente espetáculo, que prima por ser completamente novo todas as semanas. Família, guerra, supermercados, heróis, invasões alien, etc., são apenas alguns dos Temas. A sessão tem um custo de 12,50€.

O cinema também está de volta, mas ao ar livre, no Largo Dr. Martins Lima.  No dia 20, às 21h30, com a película “Estrada Fora”, de Panah Panahi; no dia 27, é a vez de “A Lei de Teerão”, de Saeed Roustayi”. As sessões, no âmbito do Cineclube ZOOM, têm um custo de 3,5 euros, sendo gratuitas para sócios da ZOOM.

A dança tem também lugar na programação de setembro na sala do Theatro. No dia 24, às 21h30, Cláudia Nóvoa apresenta o espetáculo “Um homem e o seu criado”.

Noutras artes, entre o dia 16 de setembro e o dia 16 de outubro, estará patente no Café-concerto a exposição "Double Days", uma colaboração de Miguel Refresco e Rui Pinheiro, num projeto artístico de Encontros de Imagem.

Os bilhetes para assistir aos espetáculos no Theatro Gil Vicente podem ser adquiridos no local, ou através de reserva por e-mail (tgv@cm-barcelos.pt) ou telefone (253 809 694).

Programação TGV setembro.jpg

BARCELOS ACOLHE PROGRAMAÇÃO DO PROJETO CALEIDOSCÓPIO

No Largo Dr. José Novais no fim de semana: Caleidoscópio com concertos do Ensemble Caleidoscópio com Bruno Pernadas e Blackoyote + Miguel C. Tavares

Durante o próximo fim de semana, 13 e 14 de agosto, a cidade de Barcelos acolhe a programação do projeto Caleidoscópio com espetáculos do Ensemble Caleidoscópio com Bruno Pernadas, Blackoyote + Miguel C. Tavares, NIB Rosa e a exposição Figurar o Figurado.

Programação Barcelos _ Caleidoscópio.jpg

Os espetáculos acontecem a partir 21.30H, no Largo Dr. José Novais e têm acesso livre.

O projeto Caleidoscópio resulta de um processo de trabalho desenvolvido pelas cidades de Barcelos, Braga, Fafe e Guimarães e tem por objetivo promover, valorizar e elevar a notoriedade dos espaços e lugares destes territórios.

No dia 13 de agosto pelas 22h o Ensemble Caleidoscópio faz a sua quarta apresentação. Depois de ter passado pelas cidades de Guimarães, Braga e Fafe é chegada a vez de se apresentarem na cidade de Barcelos. O Ensemble Caleidoscópio foi criado de raiz no contexto deste projeto, sob direção artística do compositor e multi-instrumentista Bruno Pernadas e é composto por oito músicos provenientes das cidades de Barcelos, Braga, Fafe e Guimarães. Construído ao longo de várias sessões, o projeto tem como principal objetivo fomentar a criação musical em comunidade, através da exploração de composições originais dos vários elementos do grupo.

Os NIB Rosa apresentam o seu espetáculo sobre a vida da artesã Rosa Ramalho no dia 14 de agosto pelas 21h30, no Largo Dr. José Novais. NIB é um coletivo artístico experimental sediado na cidade de Barcelos. Exibem uma performance de vídeo e música em torno da vida de Rosa Ramalho onde expandem o seu universo experimental e demoníaco.

A programação Caleidoscópio na cidade de Barcelos termina no dia 14 de agosto com um espetáculo de Miguel C. Tavares + Blackoyote pelas 23h no Largo Dr. José Novais.

Este projeto é promovido e desenvolvido por: Câmara Municipal de Fafe; A Oficina – Centro De Artes Mesteres Tradicionais De Guimarães, Ciprl; Empresa Municipal de Educação e Cultura de Barcelos; Teatro Circo de Braga, EM, SA, responsável pelo gnration.

Exposição “Figurar o Figurado”

A programação do caleidoscópio 2022 integra a exposição “Figurar o Figurado”, que também estará patente no Largo Dr. José Novais, durante os dias 13 e 14 de agosto. “Figurar o Figurado” promoveu o contacto entre os alunos dos cursos de Fotografia e Design Gráfico do 1ºano da Escola de Tecnologia e Gestão de Barcelos e quatro famílias de artistas barcelenses com ligação ao figurado: Baraça, Côta, Mistério e Ramalho. Esta é uma proposta de Ana Mariz e Joana Patrão, desenvolvida em articulação com os diretores do curso de Fotografia e Design Gráfico da ETG.

BARCELOS: CONCURSO FLORIDO CONTOU COM 32 PARTICIPANTES

Vencedor do Barcelos Florido arrecadou 500 euros

António Manuel Faria Ribeiro Novo, morador no Largo da Igreja, em Barcelinhos, é o grande vencedor do concurso Barcelos Florido edição 2022. Na segunda posição, ficou Maria da Conceição Faria Durães Silva, também do Largo da Igreja, Barcelinhos, enquanto Alzira Alves Costa, da Rua Miguel Bombarda, Barcelos, conquistou o terceiro lugar.

1º prémio.JPG

Na edição deste ano, deste popular concurso, e que decorreu entre 15 abril e 15 de julho, participaram 35 concorrentes, sendo que os primeiros 20 classificados têm todos direito a prémios pecuniários. Desta forma, o concorrente que obteve o primeiro lugar ganhou 500 euros, o segundo da tabela arrecadou 400 e o terceiro posto teve direito a 300 euros. Todos os outros concorrentes que conseguiram ficar nos 20 primeiros também têm direito a prémio, cujo valor vai decrescendo, conforme o lugar que têm na tabela.

Além dos prémios individuais, foram também atribuídos prémios coletivos. Assim, o prémio de melhor rua foi para a Rua Miguel Bombarda, Barcelos, e do de melhor largo para o Largo da Igreja, Barcelinhos, que tiveram direito a 350 euros cada.

Recorde-se que o concurso Barcelos Florido já leva 18 edições e é uma iniciativa do Município de Barcelos, promovida através do pelouro do Turismo. O objetivo deste concurso é contribuir para a atratividade turística à cidade de Barcelos e freguesias de Barcelinhos e Arcozelo, potenciando o embelezamento e decoração das janelas e varandas com flores naturais.

2º prémio.jpg

O evento é um dos concursos mais antigos na região e tem potenciado o envolvimento da comunidade na valorização das ruas, recantos e praças destes espaços urbanos, nomeadamente nas áreas de menor frequência turística, promovendo a sua dinamização e atratividade, e este ano a área foi alargada à freguesia de Arcozelo.

Este evento tem enriquecido a qualidade da experiência turística de quem passa por Barcelos, valorizando a qualidade da imagem da cidade, com ganhos para o seu posicionamento turístico na região.

Para efeitos de avaliação, o júri teve em atenção a riqueza e harmonia do conjunto floral atendendo à utilização de plantas exteriores, sendo excluídas as plantas exóticas e de interior, bem como flores artificiais; harmonia com a fachada do edifício; variedade das flores apresentadas; diversidade das cores das flores; criatividade e originalidade da composição cénica do conjunto; estado de conservação (fitossanitário) das flores; uso de artefactos de cariz típico relacionado com a nossa identidade, cultura e tradição; regularidade das varandas floridas ao longo do ano; adequação da composição ao exposto no artigo 13.º, quando aplicável; inovação face às composições apresentadas no ano anterior.

Podem participar, neste concurso, todos os residentes e proprietários das casas comerciais, a título individual e pessoas a título coletivo (condomínios e outros) das áreas elegíveis no concurso. Todavia, não são admitidas montras e/ou entradas comerciais, aceitando-se em exclusivo varandas, sacadas e janelas.

Classificação final do concurso Barcelos Florido

1º lugar: António Manuel Faria Ribeiro Novo – Largo da Igreja, Barcelinhos

2º lugar:  Maria da Conceição Faria Durães Silva – Largo da Igreja, Barcelinhos

3º lugar: Alzira Alves Costa – Rua Miguel Bombarda, Barcelos

4º lugar: Cooperativa Agrícola de Barcelos – Rua Fernando Magalhães, Barcelos

5º lugar: Maria Natércia Pacheco – Rua Miguel Bombarda

6º lugar: José Carlos Rodrigues Loureiro – Avenida Paulo Felisberto, Arcozelo

7º lugar: Sandra Elisabete Fernandes Longras (Casa Dourada) – Rua do Poço, Barcelos

8º lugar:  Paula Maria Pereira Perestrelo – Rua Brito Limpo, Barcelinhos

9º lugar: Maria Emília Vilas Boas da Silva – Rua Miguel Bombarda, Barcelos

10º lugar: Maria Ricardina Garrido Mateus  – Largo da Igreja, Barcelinhos

11º lugar: João Boaventura Simões Negrão – Praça de Pontevedra, Barcelos

12º lugar: Maria da Conceição Amaral Durães Rodrigues – Travessa do Moutilhão, Barcelinhos

13º lugar: João Miguel Miranda Fernandes Sá – Avenida da Liberdade, Barcelos

14º lugar: Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes – Avenida João Duarte, Arcozelo

15º lugar:  Lar Nossa Senhora da Misericórdia – Rua Dr. Santos Júnior, Barcelos

16º lugar:  Maria Alice Machado Gonçalves – Largo Marechal Gomes da Costa, Arcozelo

17º lugar: Lar da Misericórdia – Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, Barcelos

18º lugar: Maria Rosa Monteiro da Costa – Rua Silva Vieira, Barcelos

19º lugar: Hotel Lar Condes de Barcelos – Rua Arq. Borges Vinagre, Barcelos

20º lugar: Maria Cândida da Torre Esteves Coutinho – Rua Elias Garcia, Arcozelo

MELHOR RUA – Rua Miguel Bombarda, Barcelos

MELHOR LARGO – Largo da Igreja, Barcelinhos

3º prémio.jpg

BARCELOS DISTINGUE VENCEDORES DO CONCURSO MELÃO CASCA DE CARVALHO 2022

Já é conhecido o vencedor da VIII edição da Feira do Melão “Casca de Carvalho” que decorreu no passado fim de semana, na Avenida da Liberdade, na cidade de Barcelos.

mela (1).jpg

Trata-se do produtor Rui Silva, da freguesia de Abade de Neiva, que conseguiu convencer o júri composto por 5 elementos: um ligado à restauração, um produtor de vinhos, um técnico de Turismo e dois confrades da Confraria do Melão. Em segundo lugar, ficou o produtor de Vilar de Figos, Adelino Costa, e, na terceira posição, o stand Valente, da freguesia de Faria.

A promoção ao melão “casca de carvalho” tipo robusto ou Barcelos e a venda deste levou a que centenas de pessoas degustassem e comprassem este fruto nos 6 produtores presentes no certame.

A feira integrou também um stand de vinhos de Barcelos, demonstrando a harmonia entre estes dois produtos locais, e dando expressão ao provérbio popular: “com melão, vinho bom”!

mela (2).jpg

BARCELOS: LEÕES DA SERRA INAUGURAM RELVADO SINTÉTICO

MUNICÍPIO COMPARTICIPA CLUBES COM 100 MIL EUROS

A freguesia de Airó viveu ontem, dia 7 de agosto, um dia de festa ao inaugurar as novas instalações e o relvado sintético do Campo de Jogos da freguesia.

Inauguração.jpg

Os Leões da Serra FC começam assim a época desportiva 2022/2023 com uma nova infraestrutura, que inclui relvado sintético, uma pequena bancada atrás da baliza e um parque de estacionamento, num investimento total de cerca de 220 mil euros.

O Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Mário Constantino, marcou presença na inauguração, que contou também com a participação do Presidente da Junta, João Paulo Dias, do Presidente do Clube, Edgar Monteiro, e ainda com o pároco da freguesia, José António Andrade, que benzeu as obras executadas.

Perante dezenas de associados e simpatizantes, cerimónia de inauguração ficou marcada pelo ato simbólico do descerramento da placa pelos sócios fundadores do clube, Sr. Abílio e Sr. Martins.

O presidente da Câmara, Mário Constantino, disse ser uma “honra muito grande estar presente na inauguração de mais um espaço desportivo que vem dinamizar esta freguesia em particular, mas também o concelho”. Nas suas palavras, o edil barcelense destacou o facto de “vários particulares e empresas se unirem para dotar o clube de um bem comum, um espaço com condições para a prática do futebol e do desporto em geral”, frisando a “importância de todos nós podermos ajudar a melhorar as condições do concelho e assim construir um Barcelos mais desenvolvido, mais solidário e mais competente”.

Em nome da Câmara Municipal, mostrou-se “disponível para apoiar todas as associações e juntas de freguesia”, afirmando serem “parceiros privilegiados, e que em conjunto é mais fácil encontrar soluções e as melhores respostas para as necessidades da população”.

O Presidente dos Leões da Serra FC, Edgar Monteiro, assinalou que esta obra é “fruto da dedicação de toda a comunidade que ajudou na sua concretização”, e destacou que “sem o esforço de todos não seria possível estar a fazer a inauguração desta obra tão importante”. Segundo o presidente do clube, a direção “foi sempre bem recebida por todos os particulares e empresas por onde passaram e sempre se mostraram disponíveis para ajudar na concretização deste sonho”. No final, o presidente do clube agradeceu ainda o apoio financeiro do Município de Barcelos, no valor de 100.000,00€.

Capturarrelvar.JPG

DISTINÇÃO DE ARTESÃOS MARCOU O ENCERRAMENTO DA MOSTRA DE ARTESANATO EM BARCELOS

CERTAME COM BALANÇO MUITO POSITIVO 

A homenagem e distinção aos artesãos marcou o último dia da 39ª Mostra Nacional de Artesanato e Cerâmica de Barcelos. Na habitual Gala, que decorreu ontem à noite no Parque da Cidade, Glória de Jesus foi distinguida com o “Prémio Carreira 2022”, pela sua vida dedicada ao Bordado de Crivo de S. Miguel da Carreira. Na categoria “Revelação”, Cristiana Sá venceu o prémio na vertente artesanato contemporâneo, enquanto Minna Galos arrecadou o prémio na classe artesanato tradicional. A edição deste ano introduziu uma novidade – o Prémio Melhor Stand – com Fátima Miranda a obter o 1º lugar, Cristiana Sá o 2º posto, e os Irmãos Baraça a arrecadarem a 3ª posição. No que respeita à distinção Prémio Inovação, o 1º lugar coube a Luísa Pereira (Pasta de Papel), na 2ª posição ficou Glória Araújo (Bordado de Crivo) e o 3º posto foi para Daniel Alonso (Olaria).

CapturarREV.JPG

Num recinto lotado, e com a animação dos “The Classic”, a Gala de Artesanato, que decorreu num ambiente festivo, teve também um momento de homenagem póstuma para artesãos que faleceram nos últimos tempos, casos de João Abreu (pintura de figurado), Joaquim Cruz (cestaria) e Francisco Félix (figurado).

Presente neste evento, o Presidente da Câmara sublinhou a importância do artesanato barcelense e da criatividade dos seus criadores, enquanto “expressão máxima, pura e genuína” da identidade e cultura do concelho. Realçando o lema da edição da Mostra deste ano - Paz, Amizade, Igualdade –, Mário Constantino agradeceu a presença dos artesãos neste certame, afirmando que “sem vocês, sem o vosso trabalho, sem o vosso empenho, sem a vossa dedicação, sem a vossa criatividade esta Mostra não era possível, e não é possível ter a melhor Mostra do país, se não mesmo da Europa e do Mundo, se não fosse a vossa criatividade e o vosso talento”.

O Presidente da Câmara aludiu ainda à candidatura que, conjuntamente com a cidade de Braga, o Município de Barcelos apresentou para receberem a XVI Conferência das Cidades Criativas da UNESCO, em 2024, e deixou um repto à vereadora da Cultura, Elisa Braga, para que no próximo ano a Mostra de Artesanato e Cerâmica de Barcelos se internacionalize e tenha representações de artesanato de outras partes do mundo.

CapturarREVCONT.JPG

CERTAME COM BALANÇO MUITO POSITIVO

A 39ª edição da Mostra de Artesanato e Cerâmica de Barcelos, que decorreu entre o dia 29 de julho e o dia 7 de agosto, teve todas as noites casa cheia, recebendo todas as noites milhares de pessoas. Reunindo cerca de cento e trinta expositores, de norte a sul do país, o certame teve animação diária, com Folclore e os concertos de Gisela João, Sons do Minho, Miguel Araújo, Dança da ARCA, Guitarras de Manhente e Tunas do IPCA. A cereja no topo do bolo foi a realização da Gala de Artesanato, que encerrou a edição deste ano, e durante a qual, ao som dos The Classic, foram entregues distinções a diversos artesãos.

A mostra barcelense afirma-se pela valorização dos produtos da terra e o trabalho dos artesãos barcelenses, pois, mais que artistas da atualidade, são repositórios da memória comum e de um saber-fazer muito nosso. Sublinhe-se que nesta mostra participaram cerca de 70 artesãos barcelenses.

Fazendo jus ao título de Barcelos Cidade Criativa da UNESCO, a Mostra de Artesanato e Cerâmica constitui uma montra viva de produtos das artes e ofícios, desde a olaria e o figurado, à cestaria, bordados e linhos, passando pelos trabalhos em madeira e em cobre, artigos em pele e têxteis, até ao artesanato contemporâneo e joalharia.

O certame teve também uma forte componente lúdico-pedagógica e todos os dias permitiu que crianças e adultos participassem nos inúmeros workshops criativos proporcionados por diversos artesãos: Júlia Cota; Mário Coutinho; João Lopes; António Ramalho; Abílio Pereira; João Lourenço; Glória de Jesus; Conceição Sapateiro; Bernardino Coelho; Mina Gallos; Rosália Abreu; Daniel Alonso; Luísa Pereira; Júlio Ferreira; Conceição Messias; e Maria da Conceição Pereira.

CapturarMELHORSTAND.JPG

CapturarMELHORSTAND2.JPG

CapturarMELHORSTAND1.JPG

CapturarINOV3.JPG

CapturarINOV2.JPG

CapturarINOV1.JPG

CapturarCR2.JPG

FESTIVAL DA JUVENTUDE BARCELOS 2022 REALIZA-SE DIA 12 DE AGOSTO NA FRENTE RIBEIRINHA COM ENTRADA LIVRE

Música, animação, diversão e muita alegria vão marcar o Festival da Juventude Barcelos 2022, que vai decorrer na Frente Ribeirinha, no próximo dia 12 de agosto, entre as 18 horas de sexta-feira e as duas da manhã de sábado.

Cartaz_Festival da Juventude.jpg

Esta iniciativa visa juntar, no mesmo espaço, a alegria do convívio musical com a adrenalina de algumas atividades radicais.

Coincidindo com a celebração do Dia Internacional da Juventude, o Município de Barcelos, através da Casa da Juventude, preparou um diversificado programa que inclui as atuações musicais de Profjam e Lon3r Johny, e dos Djs Tiago Cruz, Pette, Fábio Vasquez, Rafman e Lila`s. Paralelamente, há todo um conjunto de atividades radicais entre as quais slide, escalada, trampolim e insufláveis.

Após dois anos de restrições devido à pandemia da COVID-19, esta é também uma boa ocasião de promover a importância de momentos sociais, pelo que fica o repto e o desafio para que todos os jovens do concelho e da região venham desfrutar deste festival.

De resto, esta iniciativa é uma excelente oportunidade de comemorar o Dia Internacional da Juventude, proporcionando momentos lúdicos, recreativos e radicais, num palco privilegiado como é o caso da Frente Ribeirinha do Cávado, em Barcelos, tanto mais o acesso é livre e gratuito.

Pretende-se que este Festival seja um espaço de liberdade e fraternidade, no qual os jovens possam desfrutar de boa música e de atividades de desenvolvimento pessoal, social e físico.

Cartaz de artistas

ProfJam

Lon3r Johny

Meninos do Rio

Tiago Cruz

Rafman

Pette

Fábio Vasquez

Lilas

Atividades paralelas

Slide

Escalada

Trampolim

Insufláveis

BARCELOS REALIZA FEIRA DO MELÃO CASCA DE CARVALHO

Sábado e Domingo na Avenida da Liberdade

A Feira do Melão Casca de Carvalho está de volta à cidade de Barcelos. Nos próximos dias 6 e 7 de agosto, a Avenida da Liberdade acolhe mais uma edição dedicada a este fruto autóctone singular e muito apreciado na região.

Este certame tem como objetivo a preservação e promoção de um produto característico de Barcelos, o Melão Casca de Carvalho, cativando o público e demonstrando a importância que este fruto tem para os agricultores da região.

A Feira conta com 6 produtores de melão e um produtor de vinho da região.

feiramelao.jpg

BARCELOS: BISPO D. ANTÓNIO BARROSO CARICATURADO POR RAFAEL BORDALO PINHEIRO

A 2 de agosto de 1899, toma posse como novo bispo do Porto, D. António Barroso (1854 - 1918), bispo missionário, natural de Barcelos, conhecido por ser uma figura conciliadora e pelo seu carácter destemido.

Rafael Bordalo Pinheiro caricatura-o alguns meses depois desta tomada de posse, salientando precisamente essa sua faceta conciliadora. Nesta ilustração, o prelado atravessa o rio Douro sobre pedras, equilibrando-se com uma vara que é de facto um "pau de dois bicos". Numa das margens encontra-se um membro da anticlerical "comissão liberal"; na outra um grupo de jesuítas acossados. Conciliador, o bispo procurou acalmar diplomaticamente os ânimos entre poderes e facções, após a ocorrência no Porto do muito falado "caso Calmon" e a publicação do polémico decreto regulamentador dos institutos religiosos, de 10 de Março de 1901, circunstâncias que fraturaram profundamente a sociedade portuguesa e acenderam reações anticongreganistas.

Ilustração publicada n'"A Paródia" de 10 de abril de 1901.

Leia os jornais bordalianos em https://museubordalopinheiro.pt/.../jornais-bordalianos/

Fonte: Museu Bordalo Pinheiro

296039072_5410486902345483_8203490812649536768_n.jpg

BARCELOS: ATIVIDADES DE VERÃO DECORRERAM DURANTE O MÊS DE JULHO

Dois mil e quinhentos alunos nas férias de verão do Município

Foram quatro semanas bem passadas. Dois mil e quinhentos alunos barcelenses, entre os 3 e os 16 anos, tiveram a oportunidade de participar nos programas preparados pelos diversos serviços municipais e passarem em excelente ambiente de convívio bons momentos de amizade e confraternização. Esse é, aliás, o grande objetivo da Câmara Municipal barcelense quando todos os anos promove um conjunto de atividades culturais, lúdicas, recreativas e desportivas, e que este ano tiveram a adesão de dois mil e quinhentos jovens.

Galeria Municipal.jpg

Assim, na edição das Férias de verão 2022, que decorreram nos diferentes espaços e equipamentos do Município: Biblioteca Municipal, Museu de Olaria, Galeria Municipal, Casa da Juventude, Pavilhão, Piscinas Municipais e Theatro Gil Vicente, crianças e jovens assistiram a sessões de teatro e cinema, participaram em oficinas de ciência, de artesanato e reciclagem, fizeram percursos pedestres, praticaram desporto e alinharam com jogos tradicionais, experimentaram corrida e orientação, visitaram os locais históricos da cidade, e deram uns refrescantes mergulhos nas Piscinas Municipais.

Os ciclos de férias que o Município promove, coincidido com as pausas escolares, visam permitir que muitos pais, que se encontram a trabalhar e não têm onde deixar os seus filhos, encontrem nestes programas uma alternativa que colmata essa dificuldade. Por outro lado, e simultaneamente, verifica-se que há cada vez mais jovens interessados em participar nestas atividades, que, no fundo, proporcionam que passem um mês repleto de convívio, recreio e lazer.

BARCELOS: TEATRO COMUNITÁRIO REGRESSOU À IGREJA DE BALUGÃES

O adro da Igreja Românica de São Martinho de Balugães, em Barcelos, encheu para o espetáculo de teatro comunitário TERREIRO.

TERREIRO 2022_2.jpg

Depois da residência artística levada a cabo durante o mês de julho, no passado sábado a aldeia de Balugães e a companhia de teatro local, o Teatro de Balugas, levaram à cena um trabalho que procura refletir sobre as aldeias envelhecidas, despovoadas e a evolução da paisagem rural, marcadas pelas monoculturas e pela escassez da água, como retrato da realidade que afeta o próprio território do espetáculo. Nas palavras do diretor artístico da companhia de teatro, Cândido Sobreiro, “o TERREIRO é também essa consciência necessária ao meio que o rodeia, e o teatro comunitário tem esse poder de alertar as pessoas”.

O projeto “TERREIRO - teatro comunitário” é desenvolvido no âmbito do Programa Cultura para Todos numa Cidade Educadora Inclusiva, promovido pelo Município de Barcelos e cofinanciado pelo Fundo Social Europeu através do Programa Norte 2020.

TERREIRO 2022_3.jpg

TERREIRO 2022_1.jpg

BARCELOS: CASA CHEIA PARA VER COMÉDIA COM FERNANDO MENDES

Theatro Gil Vicente celebrou 120 anos

Ontem foi dia de aniversário para o Theatro Gil Vicente. Ao celebrar 120 anos de existência, o Theatro Gil Vicente acolheu a peça “Insónia”, do apresentador e comediante Fernando Mendes. Esta encenação, que já no sábado teve casa cheia, voltou a lotar a secular casa de espetáculos barcelense, numa tarde que animou de gargalhadas toda a plateia.

tgvbarcel (1).jpg

O ano de 2022 tem sido de enorme atividade e sucesso, com a programação do TGV a ficar classificada entre as melhores a nível nacional, merecendo, por isso, o financiamento da dgARTES de apoio à programação, até 2025, no valor 600.000€. Foi também aprovada uma outra candidatura, apresentada pelo Município no âmbito do PRR para modernização de infraestruturas tecnológicas de vídeo e imagem, no valor de 150 mil euros.

Por outro lado, os números que o Theatro vai registando até ao momento indicam claramente que 2022 será um ano de records, ultrapassando todos os números desde a reabertura do teatro em 2013. Com efeito, dados relativos a 31 de julho dão conta da realização de 134 espetáculos, no Theatro Gil Vicente, a que correspondem 16.398 espetadores, ou seja, 63,7 % de taxa de ocupação global, numa receita de bilhética 33.326,75€; sublinhando, no entanto, que muitos desses espetáculos tiveram entrada grátis. A estes números acrescem 3 sessões de cinema e 10 espetáculos realizados fora de portas, onde estiveram presentes 1698 espetadores.

SINOPSE:

Em ‘Insónia’, Fernando Mendes estará a solo e encarnará na pessoa de Custódio Reis, um vendedor de vinhos e licorosos, que vive com a corda no pescoço. Tanto financeiramente, como familiarmente. É o comum português de classe média, que vive afogado em dívidas e créditos.

Custódio encontra-se à beira do divórcio. A mulher, Sónia, esgotou de vez a sua paciência para com um marido que é cada vez mais um falhado e um tipo sem rumo ou grandes objetivos de vida para além de comer, beber e dormir. É um marido ausente e um pai ainda mais. Não tanto por falta de amor, mas mais de energia… Custódio sente-se cansado, pesado e sem paciência. A única ginástica que faz é financeira e a pouca pachorra que ainda vai tendo é para o trabalho. Aos dezassete anos começou a trabalhar como padeiro. Hoje em dia, vende vinho, mas, na verdade, é quase tanto aquele que bebe como aquele que vende. Até gosta do que faz e acha-se entendido em vinhos, não o sendo verdadeiramente.

É, em boa verdade, um tipo sem grande profundidade intelectual e sem grandes teses filosóficas. Por sua vez, é desenrascado e tem lábia de vendedor. O típico português de café que fala de tudo sem dizer quase nada.

Certa noite, Custódio, que sempre teve preguiça de pensar muito na sua vida, pára para pensar e ao contrário de passar a noite a ressonar, como é seu hábito, não consegue dormir. Tem uma terrível insónia. Uma insónia onde vai questionar tudo na sua vida e tentar encontrar soluções. Só que, por mais que grande parte dos seus problemas tenham soluções óbvias, para um homem que foi toda a vida assim, a mudança não parece fácil.

Assistimos, então, a uma hilariante crise interior pela qual, em tempo real, Custódio vai passar, na tentativa de alcançar a paz de alma necessária para que volte a conseguir dormir.

Pelo meio desta ‘Insónia’ vamos assistindo a alguns programas de televisão que Custódio vai vendo para “ver se chama o sono”, onde Fernando Mendes protagoniza momentos muito improváveis com alguns dos seus amigos e colegas de toda a vida.

‘Insónia’, um espetáculo para brincar com coisas sérias.

Insónia – o que é?

Insónia é um distúrbio do sono caracterizado por dificuldades em adormecer ou manter-se adormecido durante o tempo desejado. No dia seguinte, a pessoa geralmente apresenta sonolência, falta de energia, irritabilidade e depressão. As insónias podem ser de curta duração, durando dias ou semanas, ou de longa duração, com duração superior a um mês. As insónias podem ocorrer de forma independente ou ser uma consequência de outro problema. Entre as condições que podem ser causa de insónias estão o stresse psicológico, dor crónica, insuficiência cardíaca, hipertiroidismo, azia, síndrome das pernas inquietas, menopausa, alguns medicamentos e substâncias viciantes como a cafeína, nicotina e álcool.

O tratamento inicial das insónias consiste geralmente em higiene do sono e alterações no estilo de vida. Entre as práticas de higiene do sono estão deitar-se sempre à mesma hora, manter o quarto sossegado e escuro, praticar exercício físico com regularidade e apanhar luz do sol com regularidade. Embora os medicamentos para dormir possam ajudar, este tipo de medicamentos está associado a dependência psicológica, lesões e demência. O tratamento com medicamentos não está recomendado para durações superiores a quatro ou cinco semanas. Em qualquer momento no tempo, entre 10 a 30% dos adultos são afetados por insónias. Cerca de metade das pessoas apresenta pelo menos um episódio de insónias por ano. Cerca de 6% da população apresenta insónias que não são causadas por outros problemas e com duração superior a um mês. A insónia é mais comum entre as pessoas com mais de 65 anos de idade e mais comum entre mulheres do que entre homens.

tgvbarcel (2).jpg

MUNICÍPIO DE BARCELOS ATUALIZA LIMITES DE RENDA PARA PEDIDOS DE APOIO SOCIAL

375 AGREGADOS FAMILIARES JÁ BENEFICIAM DE APOIOS À RENDA DE CASA

A Câmara Municipal de Barcelos aprovou hoje a atualização dos limites dos valores das rendas que poderão a vir a ser apoiadas pelo Município, no âmbito do regulamento de apoio ao arrendamento habitacional. Esta atualização tem em conta os atuais “valores praticados no mercado de arrendamento” e abre a possibilidade de mais famílias em “situação de maior vulnerabilidade social” poderem concorrer aos apoios sociais concedidos pelo Município.

Na sustentação desta deliberação colocada à votação do Executivo Municipal, diz-se claramente que esta alteração aos limites da renda de casa tem como finalidade possibilitar aos munícipes, com carência económica, beneficiar do apoio à renda, bem como prevenir situações de possíveis ações de despejo face a atualizações dos valores das rendas por parte dos proprietários.

Atualmente, tendo em conta os números apurados em junho, o Município de Barcelos já está a apoiar o pagamento de renda de casa a 375 agregados familiares.

Bombeiros recebem apoios para aquisição de novas ambulâncias

Entre outras medidas, das cerca de quarenta deliberações aprovadas hoje, figuram a atribuição de subsídios à aquisição de viaturas à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Barcelinhos e Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Barcelos, que vão receber uma comparticipação financeira no valor de 10 mil euros, para aquisição de novas ambulâncias.

Lista completa das deliberações:

PROPOSTA N.º 1. Aprovar a ata da reunião da Câmara Municipal realizada em 15 de julho de 2022.

PROPOSTA N.º 2. A atribuir apoio ao arrendamento habitacional a um novo munícipe, aprovar a continuidade de apoio mantendo o valor anterior a nove beneficiários, aumentar o valor do apoio a dois beneficiários e diminuir o valor do apoio a quatro beneficiários.

PROPOSTA N.º 3. Aprovar submeter à Assembleia Municipal para apreciação e votação a atualização dos limites das rendas, no âmbito do Regulamento de Apoio ao Arrendamento Habitacional do Município de Barcelos, com vista ao direito ao acesso à candidatura para uma habitação condigna permitindo a aproximação do presente apoio à realidade do mercado de arrendamento.

PROPOSTA N.º 4. Conceder apoio à elaboração de projeto de arquitetura, especialidades e isenção de todas as taxas e licenças, a uma requerente, no âmbito do Regulamento de Apoio à Habitação Social.
PROPOSTA N.º 5. Autorizar a disponibilização de um técnico à Paróquia de Santa Maria Maior de Barcelos para apoiar e acompanhar o procedimento de um concurso para a realização de obras de conservação e restauro na Igreja Matriz de Barcelos.
PROPOSTA N.º 6. Aprovar a Minuta de Acordo de Colaboração a celebrar entre o Município de Barcelos e a Associação Desportiva e Cultural de Manhente (Guitarras de Manhente).
PROPOSTA N.º 7. Aprovar a minuta do acordo de colaboração anexa à presente proposta, a celebrar entre o Município de Barcelos e a Associação “Amigos do Pato”.
PROPOSTA N.º 8. Aprovar a minuta do acordo de colaboração anexa à presente proposta, a celebrar entre o Município e a Associação de Moradores do Bairro da Misericórdia.
PROPOSTA N.º9. Conceder um apoio monetário no valor de 5.000,00 € ao Moto Clube Serra de Airó, no âmbito das atividades que vai realizar nos dias 12, 13 e 14 de agosto: X Encontro Motard.
PROPOSTA N.º 10. Atribuir de um subsídio no valor 500,00 € à Associação Ambiental, Cultural e Desportiva de Macieira de Rates – Viver Macieira para comparticipar as despesas do evento “O Dia de S. Tiago”, no Parque do Peregrino.
PROPOSTA N.º 11. Conceder uma comparticipação financeira no valor de 7.836,95 € ao Centro Social e Paroquial de Fragoso para proceder à regularização de algumas situações que poderiam comprometer o normal funcionamento da instituição, nomeadamente a substituição de toda a iluminação de emergência, colocar nova sinalização e corrigir sistemas de segurança.
PROPOSTA N.º 12. Conceder uma comparticipação financeira no valor de 903,42 € ao Centro Social e Paroquial de Fragoso, relativa ao esvaziamento das fossas
PROPOSTA N.º 13. Atribuir um apoio financeiro no valor de 1.000,00€, ao Agrupamento de Escuteiros de Silveiros, destinado a colaborar na aquisição dos equipamentos: cadeiras, mesas, secretárias, data show e computador, sendo que o compromisso financeiro tornar-se-á exigível mediante a apresentação dos documentos comprovativos da realização da despesa.
PROPOSTA N.º 14. Conceder uma comparticipação financeira no valor de 12.570,00 € acrescido de IVA à taxa legal em vigor, ao Centro de Solidariedade Social de S. Veríssimo, para comparticipar obras realizadas no edifício
PROPOSTA N.º 15. Conceder uma comparticipação financeira no valor de 10.000,00€ à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Barcelinhos, para comparticipar na aquisição de uma nova ambulância.
PROPOSTA N.º 16. Conceder uma comparticipação financeira no valor de 10.000,00€ à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Barcelos, para comparticipar na aquisição de uma nova ambulância.
PROPOSTA N.º 17. Ratificar o despacho do Presidente que autorizou a despesa validada conforme faturas: APAC – 3.884.50 e Centro de Solidariedade Social de S. Veríssimo – 7.318,40 € no âmbito das despesas de resposta à pandemia COVID-19.
PROPOSTA Nº 18. Aprovar a Adenda ao Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município de Barcelos e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Viatodos, relativo ao transporte de um utente.
PROPOSTA N.º 19. Aprovar a Adenda ao Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município de Barcelos e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Barcelos, visando o transporte de munícipes com deficiência, das suas residências para os Centros de Atividades Ocupacionais da APAC e da APACI e volta.
PROPOSTA N.º 20. Aprovar a Adenda ao Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município de Barcelos e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos, visando o transporte de munícipes com deficiência, das suas residências para os Centros de Atividades Ocupacionais da APAC e da APACI e volta.
PROPOSTA N.º 21. Aprovar a Adenda ao Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município de Barcelos e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Viatodos, visando o transporte de munícipes com deficiência, das suas residências para os Centros de Atividades Ocupacionais da APAC e da APACI e volta.
PROPOSTA N.º 22. Aprovar a Minuta do Acordo de Colaboração a celebrar entre o Município de Barcelos e o Grupo de Danças e Cantares de Barcelos:
PROPOSTA N.º 23. Aprovar as Minutas dos Acordos de Colaboração – 2022, a celebrar entre o Município de Barcelos e os Grupos/Ranchos Folclóricos do Concelho de Barcelos: Grupo Folclórico Casa do Povo de Martim; Rancho Folclórico Sta. Eulália de Oliveira; Associação Desportiva, Recreativa e Cultural de Gilmonde (Grupo Etnográfico de Danças e Cantares); Associação Etnográfica de Sta. Maria de Gilmonde; Rancho Folclórico do Centro Social de Aguiar; Grupo Danças e Cantes de Aldreu.
PROPOSTA Nº 24. Revogar a deliberação da Câmara Municipal – Proposta n.º 5 da
reunião ordinária de 04 de julho de 2022, relativa à comparticipação financeira à Escola Secundária de Barcelinhos, uma vez que a atividade subsidiada não se realizou.  
PROPOSTA N.º25. Aprovar a toponímia das seguintes freguesias
Junta de Freguesia de Abade de Neiva - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Travessa da Estrada Velha, com início na Rua da Estrada Velha e sem saída, com cinquenta e oito metros de comprimento; b) Travessa do Pinheiro, com início na Rua do Pinheiro e sem saída, com duzentos metros de comprimento; c) Rua Detrás da Poça de Narciso, com início na Rua da Poça de Narciso e fim na Travessa da Poça de Narciso, com cento e vinte e oito metros de comprimento; d) Rua de Santiago, com início na Rua do Espírito Santo, no limite com Vila Boa, e sem saída, com sessenta e seis metros de comprimento.
Junta de Freguesia de Airó - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Rua das Serrazinas, com início na Rua Nova e fim na Rua Padre João Nunes Vilaça, com setenta e cinco metros de comprimento; b) Travessa de Pensal, com início na Rua de Pensal e sem saída, com setenta e cinco metros de comprimento; c) Travessa Professor Doutor Ramos Lopes, com início na Rua Professor Doutor Ramos Lopes e fim na Rua de Airó de Cima, com setenta metros de comprimento; d) Travessa da Fonte das Serrazinas, com início na Rua da Fonte das Serrazinas e fim na Rua de Nossa Senhora do Rosário, com cinquenta e cinco metros de comprimento.
Junta de Freguesia de Martim - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Rua da Cachada, com início na Avenida de Martim e sem saída, com oitenta metros de comprimento.
Junta de Freguesia de Silva - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Travessa de Bouças, com início na Rua da Estrada e fim em campos agrícolas, com cem metros de extensão; b) Travessa de Fijô, com início na Rua da Estrada e fim em campos agrícolas, com cento e oitenta metros de comprimento; c) Travessa do Corgo, com início na Rua do Corgo e sem saída, com quarenta metros de comprimento; d) Travessa da Pena, com início na Rua da Pena e fim em caminho de servidão, com quarenta metros de comprimento.
Prolongamento de arruamentos - a) prolongamento da Rua da Gandra para sudoeste, ficando com 180 metros de extensão.
Junta da União de Freguesias de Durrães e Tregosa - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Rua 8 de dezembro, com início na Rua da Igreja e fim na Rua das Carvalhas, com duzentos metros de extensão; b) Travessa de Sobreiros, com início na Rua de Sobreiros e fim em caminho de bouças, com oitenta metros de extensão; c) Beco da Escola, com início na Rua Mário Gonçalves Leite e sem saída, com setenta metros de comprimento; d) Beco da Balsa, com início na Rua da Balsa, e sem saída, com quarenta e quatro metros de extensão; e) Beco do Lagar da Cera, com início na Rua do Lagar da Cera e sem saída, com setenta metros de comprimento.
Junta de Freguesia de Martim - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Travessa da Vinha, com início na Rua da Senra e fim em campos agrícolas, com cinquenta metros de extensão.
Junta de Freguesia de Perelhal - Prolongamento de arruamentos: Prolongamento da Rua de Mouriz em direção a sul, ficando com quatrocentos e sessenta e cinco metros de comprimento.
Junta da União de Freguesias de Milhazes, Vilar de Figos e Faria - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Travessa da Vinha, com início na Rua da Senra e fim em campos agrícolas, com cinquenta metros de extensão.
Junta da União de Freguesias de Negreiros e Chavão - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Rua do Ferreiro do Alto, com início na Rua da Estrada Nacional N.º 206 e fim no limite desta freguesia com a União de Freguesias de Gondifelos, Cavalões e Outiz, Vila Nova de Famalicão, com cento e vinte e sete metros de comprimento; b) Travessa de Casinhas, com início na Rua de Casinhas e sem saída, com vinte e cinco metros de comprimento.
Junta da União de Freguesias de Silveiros e Rio Covo Santa Eulália - Novas artérias com designações que correspondem a lugares com esses nomes: a) Caminho de São João Batista, com início na rua de São João Batista e fim em caminho florestal, com oitenta e cinco metros de comprimento.
PROPOSTA N.º 26. Aprovar o 15.º Ato de Imposição de Obrigações de Serviço Público de Transporte de Passageiros – Serviço Público Essencial.
PROPOSTA N.º 27. Aprovar o 16.º Ato de Imposição de Obrigações de Serviço Público de Transporte de Passageiros – Serviço Público Essencial
PROPOSTA N.º 28. Aprovar, relativamente à empreitada de "Requalificação do Edifício da Antiga Escola Gonçalo Pereira", os trabalhos complementares no montante de 245.532,35 €, acrescidos de IVA, correspondentes a “Trabalhos Não Previstos” no valor de 120.055,76 € e a “Trabalhos Imprevisíveis” no valor de 125.476,60 €; Aprovar a prorrogação do prazo contratual em 90 dias; Autorizar a celebração do 1.º contrato adicional no valor global de 245.532,35 €.
PROPOSTA N.º 29. Aprovar a revisão de preços provisória - 4º Cálculo, relativa à Requalificação da Escola Básica EB1/JI de Carapeços, com os seguintes valores: resultado final no valor de 30.288,86 €, acrescidos de IVA; saldo a favor do adjudicatário no montante de 15.431,98€, com IVA incluído.
PROPOSTA N.º 30. Aprovar a Revisão de preços provisória. 2.º Cálculo. Empreitada de Reabilitação da Casa Ascensão Correia, com os seguintes valores: resultado final no valor de 22.479,74 €, acrescidos de IVA; saldo a favor do adjudicatário no montante de 10.238,97 €, com IVA incluído.
PROPOSTA N.º 31. Aprovar a 3.ª Revisão de preços provisória. “Reabilitação do Edifício dos Paços do Concelho”, com os seguintes valores: resultado final no valor de 54.425,92 €, acrescidos de IVA; saldo a favor do adjudicatário no montante de 35.501,93 €, com IVA incluído.
PROPOSTA N.º 32. Aprovar a Revisão de preços provisória. Empreitada de “Remoção de fibrocimento nos edifícios escolares – lote nº 1 – Escolas Norte-Nascente”. 1º Cálculo, com os seguintes valores: resultado final no valor de 16.084,40 €, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor; saldo a favor do adjudicatário no montante de 17.049,47 €, com IVA incluído.
PROPOSTA N.º 33. Aprovar submeter à apreciação e votação da Assembleia Municipal o Plano Municipal de Defesa da Floresta contra incêndios de Barcelos.
PROPOSTA N.º 34. Ratificar o Acordo de Colaboração entre o Município de Barcelos e o Município de Manises-Valência, Espanha.
PROPOSTA N.º 35. Ratificar os despachos do Presidente que aprovaram/autorizaram o seguinte: cedência de 4 galos médios e 300 garrafas de água de 0,33 cl à Federação Portuguesa de Basquetebol, no âmbito da organização do evento “Torneio Internacional Cidade de Barcelos”, no escalão de sub 16 Masculinos; cedência da máquina varredora à Junta de Freguesia de Roriz, para recolha das flores sobrantes do tapete de flores realizado no âmbito da procissão anual à N. Senhora do Facho; cedência das instalações do Estádio Cidade de Barcelos e dos balneários do Centro Empresarial, ao Turismo Porto e Norte de Portugal, para realização da Final do Torneio “A COPA AFIA Portugal 2022”, a 15 de julho; disponibilização de 10 galos médios e 5 minhotas, ao Turismo Porto e Norte de Portugal, para oferecer quando da Final do Torneio “A COPA AFIA Portugal 2022”, a 15 de julho.
PROPOSTA N.º 36. Ratificar os despachos proferidos pelo Vice-Presidente, que aprovaram/autorizaram: disponibilização de 50 galos médios, à Confraria Gastronómica O Galo de Barcelos, para oferecer a outras confrarias nas visitas programadas ao longo do ano; cedência do Auditório Municipal, à APAC- Associação de Pais e Amigos das Crianças, para realização da 1ª Edição das Jornadas da APAC, subordinada ao tema “Crescer com Resiliência”, no dia 28 de outubro; cedência do Salão Nobre à GIVEC – Importação e Exportação Têxtil, S.A., para fotografar a coleção Outono-Inverno 2022 da sua marca, no dia 22 de julho; disponibilização de 80 give-aways à 2ª Companhia de Caçadores do Batalhão 5010/74 dos Ex-Combatentes do Ultramar Angola, para oferecer aos participantes do 17º Encontro a realizar a 24 de setembro; disponibilização de 25 give-aways ao Goldwing Clube de Portugal para oferecer aos participantes do Encontro de Verão a realizar em Barcelos no dia 23 de julho; disponibilização de 4 galos médios ao Grupo Folclórico de Tregosa, para oferecer aos participantes no XXX Festival de Folclore Águas do Neiva, dia 23 de julho; disponibilização de 120 give-aways ao Centro de Desporto Cultura e recreio do Pessoal dos CTT – Delegação do Minho, para oferecer aos participantes no VII Mototurismo “Do Berço ao Galo, pelo coração do Minho”, a realizar a 30 de julho; utilização das instalações da EB do Bairro 1º de Maio, em Arcozelo, à Junta de Freguesia de Arcozelo, no dia 26 de julho, para realização de uma atividade comemorativa do Dia dos Avós; disponibilização de 1300 give-aways ao Gil Vicente Futebol Clube para oferecer nas competições europeias; disponibilização de 40 give-aways ao Agrupamento de Escuteiros de Galegos Santa Maria, para trocar com escuteiros de todo o mundo aquando da viagem à Suiça, a fim de participarem no maior centro escutista do mundo
PROPOSTA Nº 37. Ratificar os despachos proferidos pela Vereadora, Mariana Carvalho, que aprovaram/autorizaram o seguinte: utilização das instalações da Escola Básica de Bastuço Santo Estêvão e Bastuço São João, à Junta de Freguesia da União de Freguesias de Sequeade e Bastuço, para a realização de atividades direcionadas às crianças dos 3 aos 12 anos, durante o mês de julho; utilização do polivalente da Escola Básica do 1º ciclo de Perelhal, à Junta de Freguesia de Perelhal, para realização de aulas de fitness/ginástica e aulas de dança, de segunda a sexta, das 19 às 20 horas; utilização das instalações da Escola Básica da Silva, à Junta de Freguesia da Silva, para realização de aulas de zumba, segundas e sextas-feiras, das 21 às 22 horas; utilização das instalações da Escola Básica de Moure, à Junta de Freguesia de Moure, para realização do Dia da Freguesia a 17 de julho; cedência de apoio logístico para transporte de uma mesa de ténis, à Couto Vivo – Associação de Apoio Social e Cultural, no âmbito da realização da 2ª Edição do Campo de Férias na Aldeia; disponibilização de 30 m2 de piso de borracha, ao Gil Vicente Futebol Clube, para reformular um dos ginásios para as equipas de formação.
PROPOSTA Nº 38. Ratificar o despacho proferido pelo Vereador, António Ribeiro, que aprovou/autorizou o seguinte: disponibilização de 25 plantas aromáticas, ao Projeto CLDS 4G OPEN B, inserida no Eixo II – Intervenção Familiar, Parental preventiva da Pobreza Infantil denominada “Gerações Pro”, para uma atividade no Dia dos Avós;
PROPOSTA Nº 39. Aprovar a Ata em Minuta.

NOTA: As deliberações nºs de 1 a 27 e de 33 a 39 foram aprovadas por unanimidade.
As deliberações n.ºs 28,29,30 e 32 foram aprovadas por maioria com abstenção dos vereadores eleitos pelo PS. A deliberação 31 foi aprovada por maioria , com votos contra dos vereadores eleitos pelo PS.

JÁ ABRIU A 39ª MOSTRA NACIONAL DE ARTESANATO E CERÂMICA DE BARCELOS E CERTAME DECORRE ATÉ 7 DE AGOSTO NO PARQUE DA CIDADE

Foi inaugurada oficialmente, esta sexta-feira, pelas 18 horas, a 39ª edição da Mostra Nacional de Artesanato e Cerâmica de Barcelos. No tradicional cortejo de abertura, que percorre todos os stands, o vice-presidente da Câmara Municipal, Domingos Pereira, acompanhado da restante vereação, cumprimentou um a um todos os artesãos e, agradecendo-lhes a presença, desejou-lhes boas vendas e muito sucesso. “Estamos empenhados em apoiar e divulgar o que de melhor Barcelos tem, e todos sabemos que no artesanato Barcelos é imbatível”, declarou o autarca.

artesabarcel (2).jpg

A Mostra deste ano reúne cerca de cento e trinta expositores, de norte a sul do país, que encontram no Parque da Cidade do Galo uma excelente oportunidade de divulgar e comercializar os seus produtos artesanais. O certame, que se prolonga até ao dia 7 de agosto, pretende valorizar os produtos da terra e o trabalho dos artesãos barcelenses, pois, mais que artistas da atualidade, são repositórios da memória comum e de um saber-fazer muito nosso. Sublinhe-se que nesta mostra participam cerca de 70 artesãos barcelenses.
Fazendo jus ao título de Barcelos Cidade Criativa da UNESCO, a Mostra de Artesanato e Cerâmica é uma verdadeira montra viva de produtos artesanais das artes e ofícios locais. Desde o trabalhar o barro – olaria e figurado -, à cestaria, bordados e linhos, passando pelos trabalhos em madeira e em cobre, artigos em pele e têxteis, até ao artesanato contemporâneo e joalharia, estes são alguns dos exemplos da atividade artesanal que poderá ser apreciada no decorrer do certame.

artesabarcel (1).jpg

Programa de animação musical todas as noites: destaque para Gisela João, Miguel Araújo, Sons do Minho

Além da Mostra propriamente dita, esta iniciativa conta com um vastíssimo e diversificado programa de animação. Desde logo, hoje, no palco principal, há Folclore Rio – com grupos de Angola, Chile e Indonésia. Amanhã, sábado, 30 de julho, uma grande artista da terra, Gisela João, faz as honras da casa, num concerto há muito ansiado pelos seus milhares de fãs. No domingo e segunda-feira, há de novo Folclore Rio, desta feita com grupos de Porto Rico e da Ilha da Madeira, Burundi, Roménia e Canadá. Já na terça-feira, é a vez de subir ao palco a escola “Guitarras de Manhente”, e, na quarta-feira, há Serenatas académicas pelas tunas do IPCA. Na quinta-feira à noite, a animação fica a cargo do “Sons do Minho”, num espetáculo que promete mobilizar todos os que gostam da música popular da região, enquanto, na sexta-feira, o grande destaque vai para o concerto do inconfundível Miguel Araújo que subirá ao palco principal da Mostra para um concerto que não vai deixar ninguém indiferente.

À entrada do fim de semana, sábado, a animação fica por conta do espetáculo de dança da ARCA e a mostra fecha no domingo à noite com a gala do Artesanato que visa distinguir artesãos locais em diversas modalidades. Esta Gala terá a participação especial dos The Classic.

Folclore, gastronomia e … mãos ao barro

Com a Mostra a estar aberta todos os dias da semana (segunda a sexta-feira, das 18h às 24 horas, e aos fins de semana, das 16h às 24 horas), a organização do evento preparou um programa de atividades que possibilita a ocupação do tempo de estada no recinto da melhor maneira. Assim, todos os dias pode jantar ou simplesmente petiscar nas tasquinhas de comida regional no recinto da Praça da Alimentação, assistir e participar nas arruadas de folclore, meter as mãos no barro nos workshops criativos, ou simplesmente fazer compras nos stands dos artesãos ou no mercado dedicado à gastronomia e vinhos.

Para quem gosta de experiências novas e pretende ir mais além do que visitar e comprar produtos artesanais, então nada melhor do que participar num dos diversos workshops criativos. Logo no primeiro dia, avança o workshop de Figurado com a reconhecida Júlia Cota; no sábado é a vez de Mário Coutinho ensinar como se pinta um galo e, no domingo, o oleiro João Lopes mostra como moldar uma peça, e António Ramalho ensina-lhe a meter as mãos no barro e a produzir um boneco de Figurado. Entretanto, segunda-feira, o workshop criativo conta com a presença de Abílio Pereira, em Cestaria, e a mestria de João Lourenço, na Olaria; enquanto, na terça-feira, Glória de Jesus mostra como se faz Bordado de Crivo e a artesã Conceição Sapateiro ensina a fazer Figurado de um pedaço de barro. Já, na quarta-feira, Bernardino Coelho mostra como se trabalha em Madeira, e Mina Gallos demonstra a pintura de galos. Segue-se, na quinta-feira, Rosália Abreu na pintura de galos, e Daniel Alonso a mostrar como se trabalha no barro. Os workshops criativos continuam na sexta-feira com Luísa Pereira a demonstrar como de papel se podem fazer belas peças e, no sábado, cabe a vez a Júlio Ferreira de mostrar o trabalho em Ferro, e a Conceição Messias demonstrar a modelação de Figurado. O ciclo de workshops fecha com a presença de Maria da Conceição Dias Pereira a trabalhar em tecelagem.

Certame encerra com Gala de Homenagem aos artesãos barcelenses

A 39ª Mostra Nacional de Artesanato e Cerâmica de Barcelos reservou para o dia de encerramento – domingo, 7 de agosto, às 22 horas, um dos momentos mais emblemáticos do certame: a realização da “Gala do Artesanato”, iniciativa que pretende homenagear os artesãos barcelenses, sendo atribuídos os prémios “Inovação”, “Revelação Artesanato Contemporâneo”, “Revelação Artesanato Tradicional”, “Prémio Carreira”, e melhor “Stand da Mostra”.

artesabarcel (3).jpg