Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BARCELOS: APROVADO FINANCIAMENTO PARA OBRAS E EQUIPAMENTOS NAS UNIDADES DE SAÚDE DE FRAGOSO E SEQUEADE

Investimento global de 682 mil euros

Foram aprovados as candidaturas a financiamentos comunitários para intervenção nas Extensões de Saúde de Fragoso e de Sequeade. São dois projetos que representam um investimento global de mais de 682 mil euros, com uma taxa de financiamento de 85 por cento por parte do Programa Operacional Norte 2020.

Apesar da responsabilidade dos investimentos nos cuidados de saúde primários competirem ao Ministério da Saúde, o Município de Barcelos chamou a si a realização das obras tendo, para o efeito, elaborado protocolos com a ARS Norte.

Na Extensão de Fragoso, que conta com cerca de 3700 utentes inscritos, o valor do investimento é de 462.538,48€ e tem como objetivo requalificar o edifício de uma antiga escola primária (propriedade do Município) para a instalação desta unidade de saúde e aquisição e instalação de equipamentos.

As atuais instalações não correspondem às exigências de qualidade do serviço, pelo que se torna premente uma resposta ao nível das instalações, de acordo com o mapeamento dos investimentos prioritários em infraestruturas de saúde no concelho, contribuindo, assim, para a melhoria e consolidação da rede de cuidados de saúde primários.

As atuais instalações da Extensão de Saúde de Sequeade serão alvo de um investimento global de 220.957,60€. Serão melhoradas as condições físicas e o equipamento desta unidade, garantindo as condições adequadas para o funcionamento dos cuidados de saúde da população servida por aquela Extensão.

A unidade de saúde vai passar a funcionar no rés do chão do edifício da Junta de Freguesia, tendo sido aprovado um contrato programa com a autarquia para esse fim.

Estão a decorrer os procedimentos de contratação pública para a realização das obras nestas unidades de saúde.

MUNICÍPIO DE BARCELOS ENCERRA CEMITÉRIO MUNICIPAL NOS DIAS 31 DE OUTUBRO E 1 E 2 DE NOVEMBRO

COMUNICADO

No dia 1 de novembro, por tradição, há uma grande afluência aos cemitérios.

Este ano, a data ocorre ao domingo, sendo de esperar que, na véspera, também se verifique uma grande afluência de pessoas aos cemitérios, para limpeza e ornamentação de sepulturas e jazigos.

No passado dia 14 de outubro foi declarada a situação de calamidade no país, devido à pandemia do Covid-19, tendo sido definidas restrições quanto à presença simultânea e no mesmo local de um grande número de pessoas.

Também a Unidade de Saúde Pública do concelho considera que “as recentes alterações na difusão da pandemia, com aumento muito acentuado do número de novos casos e claro descontrolo nos seus contactos”, devem levar os cidadãos a redobrar cuidados para evitar a transmissão do vírus, não recomendando a abertura de espaços como os cemitérios.

Por outro lado, na reunião da Comissão Distrital da Proteção Civil de Braga, realizada hoje, foi decidido apelar aos cidadãos para não se deslocarem aos cemitérios nos dias 31 de outubro e 1 e 2 de novembro, como medida de proteção e de prevenção do Covid-19.

Também o Arcebispo de Braga não recomenda a realização de romagens e procissões religiosas nos cemitérios naquelas datas.

Assim, atentas as razões de saúde públicas e as tomadas de posição de algumas entidades civis e religiosas, a Câmara Municipal de Barcelos decidiu encerrar o Cemitério Municipal de Barcelos nos dias 31 de outubro e 1 de novembro, autorizando a abertura daquele espaço até às 19h00, entre os dias 26 e 30 de outubro, de modo a possibilitar a visita a quem não o possa fazer noutro horário.

BARCELOS: PARQUE DE APOIO AO PEREGRINO VAI NASCER EM MACIEIRA DE RATES

Foi aprovada a candidatura elaborada pelo Município de Barcelos de “Qualificação das experiências de touring cultural no Minho – De Passagem / Barcelos” e que integra a Estratégia de Eficiência Coletiva PROVERE MINHO INOVAÇÃO, no âmbito do Programa Operacional Norte 2020.

macieirarates.jpg

O investimento total é de 57.061,74€, sendo comparticipado em 46.374,46€ por aquele programa.

Trata-se de um projeto de promoção e valorização dos recursos e de apoio a infraestruturas turísticas voltados para o Caminho de S. Tiago no concelho de Barcelos, e consiste na criação de uma infrestrutura de apoio ao peregrino, com parque de repouso, lazer e relação do peregrino de S. Tiago/turista com o território, a construir na freguesia de Macieira de Rates.

Na base deste projeto está a relevância e a diversidade dos recursos patrimoniais do concelho, materiais e imateriais, valorizando itinerários já existentes e estruturantes como é o Caminho de S. Tiago, dada a sua relevância para o turismo de Barcelos e para a divulgação da cultural local.

Está a decorrer o procedimento de contratação pública para a realização dos trabalhos.

FALECEU A IRMÃ CARMELITA MARIA DA CONCEIÇÃO DO CORAÇÃO DE JESUS, NATURAL DE BARCELOS

Faleceu hoje, no Carmelo de Santa Teresinha, em Viana do Castelo, a Irmã Maria da Conceição do Coração de Jesus. Tinha 83 anos de idade e 35 de Carmelita Descalça.

122141765_826941184804214_3567717633008801581_n.jp

Natural da freguesia da Silva, concelho de Barcelos, é a segunda de muitos irmãos. Sentiu desde a infância o apelo a consagrar-se na Vida Religiosa, no que era muito apoiada pela sua mãe, que um dia a aconselhou a visitar a Bem-Aventurada Alexandrinha de Balazar, que, por sua vez, a animou à sua consagração como Carmelita Descalça. Naquele encontro em que abriu a alma a Alexandrina, esta que era muito devota de Nossa Senhora do Carmo e do Santo Escapulário, animou-a prontamente, porque urgia muito rezar pelos sacerdotes, e pelas vocações sacerdotais e de consagração. Disse-lhe: «— Vai, vai minha filha, que é muito necessário quem reze e se ofereça pelos sacerdotes e pelos pecadores!».

Aos 18 anos acabaria por se consagrar num Instituto Missionário, que a levou a trabalhar como missionária nos amplos espaços de Angola e Moçambique, onde se deu inteiramente como catequista, enfermeira e o que mais houvera. Por fim, aos 45 anos, acabaria por entrar no Carmelo de Santa Teresinha, onde, após um período de formação, fez a sua consagração como Filha de Santa Teresa e de São João da Cruz.

Demos graças pelo dom da sua vida consagrada a Deus no Carmelo, ao serviço da Igreja e do mundo e peçamos ao Pai do Céu que a receba no seu reino, numa morada eterna, bem junto do Seu coração, certos da sua intercessão pela família carmelita em Portugal.

Dai-lhe, Senhor, o eterno descanso. Que descanse em paz. Amen.

As suas exéquias realizam-se no dia 21 de Outubro, pelas 10:00 na capela do Carmelo de Santa Teresinha.

"RAPOSOS" ENCERRA O FESTIVAL DE TEATRO DE BARCELOS

"Os Raposos” marca o encerramento do Festival de Teatro de Barcelos. O espetáculo do Teatro de Balugas, distinguido pelo Guia dos Teatros como “Melhor Espetáculo Não Profissional 2020”, realiza-se este sábado, dia 24 de outubro, pelas 21h30, no Theatro Gil Vicente.

Raposos_Teatro de Balugas.jpg

O trabalho artístico, com texto e encenação de Cândido Sobreiro, é um alerta sobre a propriedade da terra e os seus elementos naturais. A história fala-nos de uma barragem abandonada na construção, que não passou o tamanho das portadas da igreja da localidade, ao contrário das grandes barragens que engoliram aldeias inteiras, aqui o rio pressentindo tamanha clausura secou. Entre as árvores cortadas e a aldeia abandonada, os que ficaram, entre homens e bichos, tudo tentam para encontrar o rio novamente, algum sinal de água. Esta é uma procura efabulada sobre esconderijos, animais e homens antigos.

Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteira do Theatro Gil Vicente ou através do site gilvicente.bol.pt

Cartaz_RAPOSOS_Teatro de Balugas 2019.jpg

VIANA DO CASTELO: RECLAMAÇÃO DOS MORADORES DE DARQUE FOI ACEITE PELAS CORTES GERAES E EXTRAORDINÁRIAS DA NAÇÃO PORTUGUEZA EM 1821

A Comissão de Agricultura, examinou o requerimento dos moradores de Darque, dando como aprovado o seu parecer na sessão das Cortes Geraes e Extraordinarias da Nação Portugueza na sua sessão de 12 de Julho de 1821.

“A Commissão de Agricultura examinou o requerimento dos moradores de Darque, termo da villa de Barcelos, e assignado por seu procurador.

Queixão-se dos pezados onus de seu foral, e das violencias que lhes fazem os rendeiros, não lhes deixando ceifar o pão e vindimar as uvas sem precedente alvitre; assim como não são senhores de abrirem seus lagares de vinho sem revistas. Pedem providencias.

A Commissão parece que elles terão o allivio que desejão na proxima lei nova, que ha de regular os foraes.

Sala das Cortes 10 de Junho de 1821. - Antonio Lobo de Barbosa Ferreira Teixeira Girão. - Francisco Antonio d'Almeida Moraes Pessanha. - José Carlos Coelho Carneiro Pacheco. - Pedro José Lopes d'Almeida. - Francisco de Lemos Bettencourt.

Approvado o parecer da Commissão.”

Capturarbarceloss2.PNG

Capturarbarceloss.PNG

BARCELOS ASSINALA O DIA MUNICIPAL PARA A IGUALDADE

O Município de Barcelos adere à Semana Nacional pelo Combate às Desigualdades, que decorre entre 17 e 27 de outubro, sob o tema “ Junt@s seremos + Igualdade de Desenvolvimento”.

barcelosdiaiguald.jpg

Assinalando-se no dia 24 de outubro o Dia Municipal para a Igualdade, o Município de Barcelos comemora a efeméride com uma campanha de sensibilização, em que vão ser colocadas mensagens alusivas ao tema em bancos de jardim no centro da cidade, de forma a chamar a atenção à comunidade em geral e através de uma exposição na Biblioteca Municipal de obras literárias na área da igualdade e não discriminação.

Recorde-se que em junho do ano passado o Município assinou um Protocolo de Cooperação com a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG), de onde resulta o Projeto “Cávado + Igual”, organizado pela CIM Cávado e pelos parceiros que a integram.

Este protocolo vem contribuir para o desenvolvimento de uma cultura de direitos humanos, igualdade e não discriminação. Alinhado com a visão abrangente e multissetorial da Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018-2030 “Portugal + Igual” (ENIND), o Município pretende intervir nas seguintes áreas: promoção da igualdade entre mulheres e homens, prevenção e combate de todas as formas de violência contra as mulheres e violência doméstica, incluindo a violência no namoro e as práticas tradicionais nefastas, como a mutilação genital feminina e os casamentos infantis, precoces e forçados, e a prevenção e combate à discriminação em razão da orientação sexual, identidade e expressão de género e caraterísticas sexuais.

Barcelos tem vindo a desenvolver um trabalho significativo no combate à violência e na promoção da igualdade e não discriminação, através de sinergias com os parceiros da Rede Social

BARCELOS: OBRAS DE REQUALIFICAÇÃO DA RUA CÂNDIDO DA CUNHA JÁ ARRANCARAM

Investimento de 741 mil euros

Começaram no dia 12 de outubro as obras de requalificação da Rua Cândido da Cunha, em Barcelos, uma empreitada com o valor de 741.430.06€ (IVA incluído) e que tem uma comparticipação financeira de 131.750,00€ do FEDER, no âmbito do programa PEDU (PI 4.5 – Mobilidade Urbana). O restante valor (609.680,07€) será suportado pelo Município.

Requalificaçãoobras.JPG

A empreitada, que tem um prazo de execução de 240 dias, contempla a requalificação das partes pedonais, tendo em conta as crescentes solicitações e necessidades de segurança dos cidadãos, a par da obrigação de adaptação das vias para os cidadãos com mobilidade condicionada.

Com esta obra, pretende-se elevar o nível de qualidade dos pavimentos pedonais, melhorar o ambiente urbano e revitalizar aquela parte da cidade, marcada pela presença de estruturas industriais desativadas.

A empreitada prevê, também, trabalhos de infraestruturas elétricas, hidráulicas e recolha de resíduos.

Durante o período de realização das obras o trânsito automóvel na Rua Cândido da Cunha está condicionado, devendo ser seguidas as indicações colocadas no local e nas zonas de acesso à rua.

MUNICÍPIO DE BARCELOS DISTINGUIDO COM O PRÉMIO VIVER EM IGUALDADE

Reconhecimento das boas práticas na integração da dimensão da Igualdade de Género, Cidadania e Não-Discriminação

O Município de Barcelos foi distinguido com o Prémio Viver em Igualdade 2020/2021, no âmbito da iniciativa bienal promovida pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG).

Imagem 1barcelosdisting.jpg

O Prémio “Viver em Igualdade” tem como objetivo distinguir municípios com práticas que promovam os objetivos da Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018-2030 – Portugal + Igual, designadamente nas dimensões da igualdade entre mulheres e homens, da prevenção e combate à violência contra as mulheres e a violência doméstica, e a prevenção e o combate à discriminação em razão da orientação sexual, identidade, expressão de género e características sexuais.

Nesta quinta edição do prémio, o júri decidiu atribuir o Prémio a 15 municípios do país, sendo que Barcelos foi distinguindo pela primeira vez.

O Município de Barcelos tem vindo a investir na implementação de uma estratégia integrada neste âmbito de intervenção. Ciente das suas responsabilidades na promoção de políticas de igualdade de género e na sequência de todas as ações até hoje implementadas nesta área, o Município considera que contribuirá para um alicerçar do seu esforço permanente de integração da dimensão de género e do conceito de cidadania ativa nas dinâmicas de desenvolvimento social local.

Para Armandina Saleiro, Vereadora do Pelouro da Ação Social, esta distinção “é um prémio simbólico que reconhece a excelência do trabalho efetuado em prol da Igualdade, uma área em que ainda há muito a fazer”. “Este reconhecimento significa que têm sido dado passos importantes a nível local que se devem, sobretudo, a diversos mecanismos que têm vindo a ser adotados de consolidação das políticas locais de promoção da igualdade de género e integrado este princípio em diferentes instrumentos estratégicos do Município”.

Na candidatura apresentada eram destacadas as principais ações desenvolvidas pelo Município de Barcelos de forma consistente ao longo dos últimos anos, no sentido da criação de condições para a promoção de um debate alargado sobre a questão da igualdade de género e para os direitos e responsabilidades do exercício de uma cidadania plena.

A cerimónia de entrega dos prémios realiza-se no próximo dia 23 de outubro, em S. João da Madeira.

TEATRO DE BALUGAS VAI PARTICIPAR NO FESTIVAL IBÉRICO DE TEATRO AMADOR

121445168_759590451565034_8951310327222233411_o.jp

"Pão Nosso" do Teatro de Balugas selecionado para o Festival Ibérico de Teatro Amateur

Os espetáculos “Pão Nosso” do Teatro de Balugas e “A importância de se chamar Ernesto” da Retorta Teatro foram as peças selecionadas para representar Portugal na sétima edição do Festival Ibérico de Teatro Amateur, que se realiza de 16 a 18 de outubro de 2020.

O certame realiza-se de dois em dois anos, alternando entre Espanha e Portugal. A edição de 2020 decorrerá em Mérida e La Garrovilla, numa organização conjunta da Federación Asociaciones Teatro Extremadura, da Escenamateur - Confederación Española de Teatro Amateur e da Federação Portuguesa de Teatro.

Devido à situação pandémica atual, os espetáculos portugueses serão transmitidos online e, no final, as companhias estarão também online em conversa com o público.

MUNICÍPIO DE BARCELOS PROLONGA APOIOS ÀS INSTITUIÇÕES NO ÂMBITO DO COVID-19

Valor já pago ultrapassa os 256 mil euros

A Câmara Municipal aprovou, na reunião ordinária de 9 de outubro, a expansão dos apoios financeiros aos bombeiros, forças de segurança, instituições sociais e freguesias, destinados a custear as despesas no âmbito da pandemia do Covid-19, conforme deliberado em abril do corrente ano. Os apoios serão dados com base nas faturas validadas para a aquisição de equipamentos de proteção individual, encargos com desinfeções, testes de rastreio, transportes, combustíveis e produtos de desinfeção. Até ao momento, a Câmara Municipal já efetuou pagamentos no valor de mais de 256 mil euros. Esta extensão aplica-se em qualquer estado decretado ou a decretar pelo Governo da República.

O executivo aprovou, também, diversos apoios sócio-educativos às freguesias e a aprovação de um protocolo de parceria entre o Município de Barcelos e o Projeto Open B (Oportunidades, Parcerias e Empreendedorismo no Núcleo de Barcelos). Este projeto integra-se no programa de Contratos Locais de Desenvolvimento Social (CLDS), que tem vindo a ser desenvolvido em parceria entre o Município de Barcelos, a Associação ATAHCA e o Centro Social e Paroquial de Arcozelo e que tem contribuído para a promoção da inclusão dos cidadãos através de ações que permitam combater a pobreza e a exclusão social no núcleo urbano de Barcelos. Este é mais um programa que concretiza a política social diversificada que tem vindo a ser implementada pelo Município e que engloba diversas modalidades de apoio às ações contra a exclusão social e a promoção da igualdade de oportunidades, com base na cooperação com os parceiros sociais.

Os CLDS foram criados em 2018 e, em 2019, o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social determinou que o concelho de Barcelos é elegível neste programa, com financiamento garantido. Na parceria desenvolvida para a sua execução, o Município assume o compromisso de ceder parte de uma fração em edifício situado no Bairro de Barcelos II (onde está instalado o espaço Open B) e assegurar o fornecimento de água, luz e comunicações, limpeza e manutenção e apoio com recursos humanos.

Apoios sociais e às freguesias

Ainda na mesma reunião o executivo municipal aprovou subsídios a cinco freguesias, no valor global de 98.268,42€, destinados à comparticipação na aquisição de viatura, repavimentação de ruas e construção de sistemas de drenagem de águas pluviais, entre outros.

Nas áreas social e educativa foram aprovados os seguintes apoios: refeições escolares de 60 alunos dos jardins de infância e do 1.º ciclo; apoio à renda de 10 agregados familiares; atribuição de subsídio, no valor de 3.870,49€, à Delegação de Barcelos da Liga Portuguesa Contra o Cancro, como comparticipação na aquisição de um sistema de ar condicionado; atribuição de subsídio, no valor de 7.500,00€, à Associação Carapeços Solidário, como comparticipação na aquisição de uma viatura; apoio técnico ao Centro Social Paroquial Imaculado Coração de Maria, de Vila Cova, para acompanhamento e orientação na elaboração de um concurso público; atribuição de subsídio, no valor de 1.000,00€, ao Colégio Didálvi – Cooperativa de Ensino, como comparticipação nas despesas de um evento equestre; atribuição de subsídio, no valor de 809,09€, ao Agrupamento de Escolas Gonçalo Nunes, como comparticipação nas despesas de impressão de cartões eletrónicos; ratificação da atribuição de passes escolares a 14 alunos que frequentam estabelecimentos de ensino fora da sua área de residência.

BARCELOS REABRE PISCINAS MUNICIPAIS

Piscinas municipais interiores reabrem dia 12 de outubro

As Piscinas Municipais interiores de Barcelos, encerradas desde março devido à pandemia da COVID-19, vão reabrir a partir de segunda-feira, dia 12 de outubro, encontrando-se já a decorrer o período de inscrições.

Imagem 1piscibarcelos.jpg

A atividade do equipamento cumprirá rigorosamente as orientações da Direção Geral de Saúde, nomeadamente em matéria de higienização dos equipamentos e espaços, proteção individual e distanciamento físico, no sentido de salvaguardar as condições de segurança para todos os utilizadores e de segurança sanitária.

Em virtude das alterações ao funcionamento das piscinas, que o contexto da pandemia da COVID-19 obriga, foi necessário reformular o horário, o mapa de aulas e a sua duração e também o número máximo de alunos por turma.

De acordo com as recomendações da Direção Geral de Saúde e de modo a evitar aglomerados, as inscrições devem ser feitas preferencialmente através do formulário online, apenas sendo aconselhável que se desloque à secretaria das Piscinas quem não tenha possibilidade de efetuar a pré-inscrição online. Para efetuar a inscrição online, deverá aceder ao site do Município em https://www.cm-barcelos.pt/viver/desporto/reabertura-das-piscinas-municipais-interiores/

Importa salientar que devido ao elevado número de inscrições e submissão das mesmas, a frequência nas aulas só será viabilizada após um contacto via sms por parte dos serviços das Piscinas.

O plano de reabertura prevê a retoma das aulas de natação de crianças (dos 7 aos 14 anos) e adultos com autonomia dentro de água (não necessitando de auxílio com contacto físico por parte do professor), de aulas de grupo como hidroginástica e atividade aquática e de bebés. Para as novas turmas, as aulas serão uma vez por semana num período de 40 minutos.

É permitida a utilização dos balneários, mas deverá ser o mais rápida possível; o uso de máscara é obrigatório, sendo apenas dispensada para a realização da aula; é obrigatória a , utilização de calçado nos chuveiros, nas instalações sanitárias e nas áreas de circulação do recinto, cumprir a etiqueta respiratória e respeitar a sinalética existente no local.

Estas regras serão devidamente afixadas no recinto e deverão ser cumpridas por todos os que tenham acesso às piscinas interiores.

O Município pretende que este equipamento continue ao serviço de todos os cidadãos, reconhecendo a sua importância para a saúde e bem-estar físico e para o apoio às atividades das suas instituições, assim como dos utilizadores em geral.