Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ESCOLA PROFISSIONAL DO ALTO LIMA CONQUISTA SELO DE CONFORMIDADE EQAVET

A Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP) atribuiu o Selo de Conformidade Europeu de Garantia de Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais EQAVET à Escola Profissional de Alto Lima - EPRALIMA.

A atribuição do selo vem reforçar o compromisso da EPRALIMA para a Qualidade na Educação e Melhoria Contínua da Formação Profissional!

O EQAVET - Quadro de Referência Europeu de Garantia de Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais é um instrumento que permite melhorar a eficiência da oferta de EFP e a qualidade das práticas de gestão, com os seguintes objetivos:

  • A promoção da empregabilidade de jovens e adultos;
  • A mobilidade de jovens e adultos no espaço europeu;
  • O equilíbrio entre a oferta e a procura de competências e qualificações de jovens e adultos;
  • O acesso inclusivo à Educação e Formação Profissional.

O Quadro EQAVET, foi desenvolvido, pelos Estados-Membros em colaboração com a Comissão Europeia e adotado pela Recomendação do Parlamento Europeu e do Conselho de 18 de junho de 2009, para melhorar o Ensino e Formação Profissional (EFP) no espaço europeu, sendo objetivos estratégicos:

(1) Tornar a Aprendizagem ao Longo da Vida (ALV) e a mobilidade uma realidade;

(2) Melhorar a qualidade e a eficácia da EFP;

(3) Promover a igualdade, a coesão social e a cidadania ativa;

(4) Incentivar a criatividade e a inovação, incluindo o espírito empreendedor, a todos os níveis da EFP.”

A Câmara Municipal reconhece assim, o trabalho de toda a comunidade educativa da EPRALIMA,  Alunos, Professores, Colaboradores não Docentes, Encarregados de Educação, Empresários e outros Parceiros, bem como o papel da formação profissional no desenvolvimento das pessoas, de Arcos de Valdevez e da região.

ARCOS DE VALDEVEZ INVESTE NA SEGURANÇA RODOVIÁRIA

Município de Arcos de Valdevez investe 100 mil euros em segurança rodoviária

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, continua empenhada em garantir a segurança nas estradas do concelho.

Assim, a Câmara vai investir cerca de 100 mil euros na marcação rodoviária, em várias vias do concelho, bem como na colocação de guardas de segurança, dando continuidade à política de redução dos níveis de sinistralidade nas estradas.

Com o propósito de tornar as marcações mais evidentes e visíveis para os condutores, será concretizada a marcação rodoviária em várias vias do concelho, oferecendo, assim, melhores condições de circulação.

Para além disso, a autarquia vai colocar guardas de segurança, nas bermas de diversas estradas concelhias, onde este equipamento se apresenta como necessário.

O Município apela ao cumprimento do código da estrada e à utilização responsável das vias do concelho.

Estas medidas contribuem para a valorização do território e para a segurança dos munícipes e visitantes.

ARCOS DE VALDEVEZ INVESTE NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA AO DOMICÍLIO

Câmara Municipal continua a investir na Ampliação do Abastecimento de água em Arcos de Valdevez

Na última reunião de Câmara Municipal foi aprovado adjudicar a Ampliação da rede de abastecimento de água a Carralcova e Vilela de Grade - Lote 1 ao concorrente Martins & Filhos, S.A., pelo valor de € 503 048,58.

Esta é uma das obras com o objetivo de fecho dos sistemas de abastecimentos de água em baixa no Município de Arcos de Valdevez. A candidatura “Intervenções nas Redes de Abastecimento de Água em Baixa nos Municípios de Arcos de Valdevez, Viana do Castelo e Vila Nova de Cerveira (SAA S. Jorge)”, em parceria com a ADAM – Águas do Alto Minho, é cofinanciada pelo Fundo de Coesão, Programa Operacional POSEUR, Portugal2020, Eixo III - Proteger o ambiente e promover a eficiência dos recursos e conta com um Investimento Elegível 3.357.573,68€ e Comparticipação Comunitária de 2.853.937,63€.

Nesta mesma reunião também foi aprovado adjudicar a Expansão da rede de abastecimento de água a Oliveira (Travassos) e instalação de coletor de águas residuais na EM 530-1 ao concorrente J. S. Gomes, Lda., pelo valor de € 131 804,54 e adjudicar a Aquisição de serviços para elaboração de projeto de execução de "Expansão da rede de abastecimento de água a Cabreiro e Mei" à empresa David Galvão Civil, Lda., pelo valor de € 27 490,50.

Estes investimentos somam-se a outros recentemente concluídos, em curso ou prestes a avançar, no montante global de 5,5 milhões de euros.

ARCOS DE VALDEVEZ JÁ TEM PARQUE DE ESTACIONAMENTO EM S. BENTO

Concluído Parque de estacionamento em S. Bento

A Câmara Municipal concluiu a empreitada de Reabilitação do Espaço Público do Centro Histórico – espaços envolventes ao Cemitério Municipal, a qual englobou a execução de um Parque de estacionamento de apoio à futura Casa Mortuária e ao Cemitério Municipal de S. Bento.

IMG_3592.JPG

Com esta empreitada ficam agora disponíveis 12 lugares de estacionamento, e mais um para pessoas com mobilidade condicionada.

Este parque de estacionamento contribui para valorizar o espaço público e melhorar a qualidade de vida da população, assim como reforçar a segurança rodoviária.

IMG_3595.JPG

MUNICÍPIO ARCUENSE SUBMETE A CONSULTA PÚBLICA ESTRATÉGIA LOCAL DE HABITAÇÃO

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez colocou em consulta pública a Estratégia Local de Habitação (ELH) até ao final do mês de agosto.

Habitação-solidária-Vida.jpg

A Estratégia Local de Habitação pretende ser uma ferramenta que promova a integração das necessidades habitacionais existentes, com as respostas mais adequadas a cada situação identificada.

Para identificar as metas e os objetivos a atingir, bem como, definir as soluções habitacionais que serão desenvolvidas no concelho, foi efetuado um levantamento de necessidades, com a colaboração das Juntas de Freguesia, das diversas entidades da Rede Social Local, entre outros parceiros e realizados inquéritos à população.

Esta estratégia assenta num modelo de gestão dinâmico que permite a sua concretização, em termos de promoção e execução, com base na criação de sinergias entre o Município e outras entidades como também, na possibilidade de enquadramento com os apoios e incentivos legais em vigor em Portugal.

Foram definidas na Estratégia Local de Habitação de Arcos de Valdevez, um conjunto de medidas que visam: incrementar a oferta e melhorar a habitação Social, melhorar o acesso ao mercado de Arrendamento, criar incentivos à habitação própria, implementar benefícios e incentivos fiscais e melhorar a gestão e Serviços municipais no setor da habitação.

CRISTINA FERREIRA E NILTON EM ARCOS DE VALDEVEZ

Arcos de Valdevez, uma escolha das celebridades portuguesas

De férias pelo Norte do país, para Cristina Ferreira e Nilton Arcos de Valdevez foi paragem obrigatória.

117170538_655858541694838_2308567812262880940_o (1).jpg

O rosto mais conhecido das manhãs da televisão portuguesa, Cristina Ferreira, decidiu tirar férias em Portugal, e escolheu usufruir do Parque Nacional Peneda-Gerês. Por causa da pandemia, a escolha da apresentadora passou por locais onde predomina a paz e a natureza.

De passagem por Arcos de Valdevez, Cristina, não resistiu aos encantos de Soajo e partiu à aventura, partilhando com o país, os emblemáticos espigueiros e o delicioso Pão-de-Ló de Soajo.

Também visitou Sistelo, considerada como um dos melhores destinos para viajar na Europa, de acordo com a European Best Destinations, esta aldeia apaixona qualquer um. Foi a vez de Cristina Ferreira, que ficou rendida ao nosso “Pequeno Tibete Português” e não dispensou as iguarias da “Tasquinha Ti'Mélia”.

Para além disso, é impossível ficar indiferente aos muitos trilhos, cascatas, e locais de indescritível beleza que o concelho de Arcos de Valdevez tem.

Nos últimos dias, Nilton esteve por cá, onde aproveitou para experimentar algumas atividades de natureza. O humorista aventurou-se a fazer canyoning, não perdeu a oportunidade de experimentar o “Baloiço do Mezio”, o maior de Portugal, e ainda se deliciou com um maravilhoso piquenique, em Soajo. 

A escolha das celebridades nacionais pelo concelho de Arcos de Valdevez, é motivo de orgulho para o Município de Arcos de Valdevez, uma vez que, para além de mostrar que é um destino seguro, onde predomina o contacto com a natureza, também representa todo o esforço realizado nos últimos tempos na promoção do concelho.

DSC08346 (1).JPG

116477458_10158674848893914_7171482094539745578_o.jpg

116799603_655858878361471_4562207254681255410_o.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE ATIVIDADES AO AR LIVRE

𝗔𝗚𝗢𝗦𝗧𝗢 𝗡𝗢 𝗣𝗔Ç𝗢: 𝗔𝘁𝗶𝘃𝗶𝗱𝗮𝗱𝗲𝘀 𝗮𝗼 𝗮𝗿 𝗹𝗶𝘃𝗿𝗲

O Paço de Giela vai promover durante o mês de agosto um conjunto de atividades para famílias, sujeitas a marcação prévia. Estas terão lugar todos os domingos, com o intuito de propiciar o contacto com o Monumento e usufruto da zona envolvente do espaço.

O calendário de atividades será o seguinte:

📌 𝟮 𝗱𝗲 𝗮𝗴𝗼𝘀𝘁𝗼

-10h30 - Paço para todos: Atividades intergeracionais

📌 𝟵 𝗱𝗲 𝗮𝗴𝗼𝘀𝘁𝗼

-10h30 - Aula de Pilates

📌 𝟭𝟲 𝗱𝗲 𝗮𝗴𝗼𝘀𝘁𝗼

-10h30 - Aula de Yoga

📌 𝟮𝟯 𝗱𝗲 𝗮𝗴𝗼𝘀𝘁𝗼

-10h30 - Hora do Conto

📌 𝟯𝟬 𝗱𝗲 𝗮𝗴𝗼𝘀𝘁𝗼

-10h30 - Jogos Tradicionais

agosto no Paço.png

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE VOLUNTARIADO JOVEM PARA A NATUREZA E FLORESTAS

EcoVoluntariado do Vez

O Município de Arcos de Valdevez está a promover em parceria com o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) um Programa Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas: o EcoVoluntariado do Vez.

Este é um programa direcionado para jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos, que decorrerá entre 17 de agosto a 2 de setembro de 2020, e pretende promover a cidadania ambiental e o voluntariado jovem, que representa hoje, um dos instrumentos básicos de participação eficaz na solução dos problemas que afetam o ambiente.

O programa EcoVoluntariado do Vez engloba três ações principais:

- Limpeza e controlo de espécies invasoras;

- Vigilância da natureza de bicicleta;

- Vigilância da floresta.

Se tens entre 18 e 30 anos, esta é a oportunidade de fazeres a diferença e cuidares do nosso bem mais precioso: a Natureza!

Inscreve-te através do seguinte link:

 https://programas.juventude.gov.pt/florestas/projetos/detalhe/1386
Os jovens participantes neste projeto terão acesso:

- Ajudas de Custo no valor de 12€/dia;

- Seguro de acidentes pessoais;

- Certificado de participação atestando as competências adquiridas;

- Formação geral sobre voluntariado e específica sobre as atividades a desenvolver;

- Oportunidades de aprendizagem em diversas áreas e contacto com a natureza;

- Descida do rio em canoa.

Mais informações no Museu da Água ao Ar Livre do Rio Vez (telf. 258247317) ou no site do programa (https://programas.juventude.gov.pt/florestas)

voluntariado - natureza.jpg

MUNICÍPIO DE ARCOS DE VALDEVEZ CRIA GABINETE DE APOIO AO EMIGRANTE

O Município de Arcos de Valdevez, que se mostra empenhado em intensificar o envolvimento dos emigrantes no desenvolvimento do concelho, criou o GAE - Gabinete de Apoio ao Emigrante.

Gabinete de apoio ao emigrante.jpg

Uma vez que, para a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez assume particular relevância a relação com a comunidade de emigrantes arcuenses, este gabinete surge para prestar apoio no regresso e reinserção dos emigrantes no país.

Dirigido aos emigrantes, àqueles que já regressaram, assim como todos os cidadãos e empresas que pretendam iniciar um processo migratório, com o GAE - Gabinete de Apoio ao Emigrante, o Município pretende oferecer um atendimento de grande proximidade e dar apoio em várias áreas, fomentando a inter-relação entre o Município e as Comunidades Portuguesas.

O GAE está capacitado para responder a questões inerentes ao regresso dos cidadãos e reinserção em todas as suas vertentes, seja social, jurídica, económica, investimento, emprego, estudos, entre outras. Para além disso, o serviço encontra-se apto a apoiar os emigrantes em matérias da competência da Câmara Municipal, nomeadamente nos Licenciamentos, Alvarás, Projetos e Ação Social, assim como prestar apoio junto de outros organismos públicos.

Desta forma, com a criação deste Gabinete, o Município pretende congregar os talentos das comunidades arcuenses, o seu dinamismo, o seu apego às raízes e aos valores que a distinguem, em prol do progresso do concelho de Arcos de Valdevez.

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA ASSOCIAÇÃO DE PAÇÔ

Município de Arcos de Valdevez apoia com 85 mil euros a Associação Recreativa e Cultural de Paçô
O Município de Arcos de Valdevez, com o objetivo de proporcionar à população condições de acesso à prática de desporto e ocupação dos tempos livres, celebrou um protocolo com a Associação Recreativa e Cultural de Paçô.

WhatsApp Image 2020-08-03 at 09.30.12.jpeg

Nesse sentido, o referido protocolo tem como finalidade apoiar a Associação Recreativa e Cultural de Paçô, no montante de 85.000,00 €, com a realização das obras de Requalificação das suas instalações desportivas.
O projeto prevê a criação de um campo de futebol de 7, a requalificação dos balneários, arranjos envolventes e iluminação do recinto superior. Desta forma, pretende-se criar uma nova área para formar equipas, e em simultâneo, com a requalificação dos balneários, aumentar o espaço disponível, permitindo receber mais equipas no recinto, assegurando todas as condições necessárias para a prática do desporto.
Uma vez que as atividades recreativas e culturais contribuem para o desenvolvimento harmonioso da condição física, intelectual e moral da sociedade, o Município pretende, através de apoios, contribuir para a melhoria dos espaços, promovendo atividades assentes em padrões formativos, desportivos, sociais e culturais.

9d12cc8f-f820-48c7-8c81-4cefb4888b86.jpg

ff0efe10-6442-4ce4-872f-da5efc4a1530.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REABILITA RUA PADRE MANUEL HIMALAYA

Decorre a bom ritmo a reabilitação da Rua Padre Manuel Himalaya

Decorre a bom ritmo a empreitada de “Reabilitação do Espaço Público do Centro Histórico – 4º fase (Rua Padre Manuel Himalaya)”, a qual tem como objetivo aumentar a atratividade do centro urbano, através da melhoria na acessibilidade e mobilidade rodoviária e pedonal.

IMG_3590 - Cópia.JPG

Com esta operação, adjudicada por 313.093,37€, à empresa Martins & Filhos, S.A., pretende-se melhorar as condições de circulação e fluidez viária e de segurança pedonal da zona, tornando o centro histórico cada vez mais acessível e atrativo, bem como melhorar a área envolvente da Oficina de Criatividade Himalaya.

Relativamente à intervenção, visa o redimensionamento/reperfilamento do arruamento, uniformizando-se, o perfil da faixa de circulação automóvel, e o revestimento dos diferentes pavimentos que o constituem.

Prevê-se ainda a consolidação e reforço dos passeios, assegurando percursos contínuos, seguros e desobstruídos, a uniformização do mobiliário urbano, a renovação das infraestruturas públicas e o redimensionamento e retificação das infraestruturas urbanas existentes, nomeadamente, abastecimento de água, drenagem de águas pluviais e residuais, iluminação pública e distribuição em baixa e média tensão.

A empreitada “Reabilitação do Espaço Público do Centro Histórico – 4º fase (Rua Padre Manuel Himalaya)”, cofinanciada pelo FEDER, Programa Operacional Norte2020, Portugal2020, Eixo Prioritário 4 – Qualidade Ambiental, com um Investimento Elegível de 221.771,01€ e Comparticipação Comunitária de 188.505,36€, contribui para melhorar a acessibilidade e mobilidade rodoviária e pedonal no centro histórico da vila de Arcos de Valdevez.

CÂMARA E ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE MELGAÇO CONTRA INSTALAÇÃO DA LINHA DUPLA PONTE DE LIMA – FONTE FRIA NO CONCELHO

Em Melgaço o projeto prevê a passagem pela freguesia de Penso.

O executivo melgacense deliberou, por unanimidade, a discordância da instalação da Linha Dupla Ponte de Lima – Fonte Fria troço português, a 400KV – AIA 3295 no concelho de Melgaço. O projeto visa a construção de uma nova linha dupla trifásica, de muito alta tensão, entre a subestação de “Vila Fria”, em Ponte de Lima e a rede elétrica de Espanha (REE). A área de implantação abrange em Portugal sete concelhos - Vila Verde, Ponte de Lima, Ponte da Barca, Arcos de Valdevez, Paredes de Coura, Monção e Melgaço – e um total de 60 freguesias. Em Melgaço o projeto conjetura a passagem numa determinada área da freguesia de Penso.

O município de Melgaço considera que o traçado apresentado pode colocar em causa a aposta que tem realizado na zona ribeirinha do concelho, ao longo dos últimos anos, e que é estruturante no desenvolvimento económico, nomeadamente no que respeita ao turismo e ao alvarinho, áreas que têm despertado o interesse junto de empreendedores e de turistas.

E ainda: a proposta de linha dupla de Ponte de Lima – Fonte Fria atravessa a Rede Natura 2000 – zona especial de conservação do Rio Minho e a Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurês onde estão identificadas 25 espécies da fauna listadas no anexo II da diretiva “Habitats”. A autarquia salienta que a construção da linha causaria danos irreparáveis nas espécies e habitats desta área.

melgaco-aerea.jpg

MOÇÃO DE CENSURA APRESENTADA NA ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE 27 DE JUNHO

(…)

«Em abril de 2018, e já na sequência deste projeto, a Assembleia da República recomendou ao Governo que promovesse um estudo sobre o tipo de impacto dos postes e linhas de alta e muito alta tensão na saúde das populações e que suspendesse a construção da referida linha enquanto não fossem conhecidas as conclusões de tal estudo. Na referida recomendação foi ainda solicitada “a regulamentação urgente dos níveis máximos de exposição humana admitidos a campos eletromagnéticos derivados das linhas de alta e muito alta tensão”. Finalmente, a Assembleia da República aconselhou a “realização de um estudo sobre a possibilidade alternativa da colocação subterrânea dos cabos da linha de muito alta tensão”.

Também a Organização Mundial de Saúde (OMS) tem publicado vários estudos que demonstram uma relação direta do aumento de doenças do foro oncológico, depressões, aumento de stress, alterações do sono, cefaleias e crises epiléticas, em populações que residem perto ou estão sobre grande exposição aos campos eletromagnéticos criados pela Linha de Muito Alta Tensão.

Sabemos que este projeto se insere numa estratégia de reforço da Rede Nacional de Transporte de Energia entre Portugal e Espanha estando, pelo efeito, previsto no PDIRT (Plano de Desenvolvimento e Investimento da Rede Nacional de Transportes). No entanto, importa não esquecer que, a sua implantação no terreno trará, também, impactes negativos que importa, em tempo útil, equacionar, ponderar, minimizar e, se possível, colmatar.

No nosso entender será premente garantir que a implementação do projeto em apreço não prejudica nem compromete a vida das populações destas zonas.»

ARCOS DE VALDEVEZ: INVESTIGADORES DAS UNIVERSIDADES DO MINHO E DO PORTO ESTUDAM OS FOJOS DO LOBO DA SERRA DA PENEDA

Uma equipa de investigadores do Departamento de Engenharia Civil da Universidade do Minho e da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto, apoiados pelo Município de Arcos de Valdevez, iniciaram o estudo dos Fojos do Lobo da Serra da Peneda com o objetivo conhecer este património vernáculo em pedra seca do Noroeste de Portugal e promover a preservação. A primeira fase do trabalho de campo decorreu nos passados dias 16 e 17 de Julho de 2020.

pic1.jpeg

Este não é o primeiro trabalho do género que esta equipa de investigação realiza nesta área de montanha, pretendendo-se assim dar seguimento aos bons resultados da campanha de 2014-2016, que se focou nas brandas de Sistelo e no estudo das estruturas pastoris em falsa cúpula.

A equipa de investigação multidisciplinar analisou duas tipologias distintas de fojos, usadas pelas populações locais para gerir a presença do lobo no seu meio. Com uma presença incontornável na paisagem, tanto o Fojo da Cabrita (Gondoriz) como o Fojo de Seida (Gavieira), ambos no concelho de Arcos de Valdevez, são exemplares de património vernáculo de elevado valor cultural tangível e intangível, sendo exemplos de inegável autenticidade e da identidade das comunidades locais e das suas práticas comunitárias na construção e gestão do território.

Os trabalhos realizados prenderam-se com a recolha de informação morfológica e tipológica das estruturas em estudo e do seu território envolvente, complementadas com análises construtivas e ao seu estado de preservação. Foi ainda recolhida informação digital com vista à construção de modelos virtuais.

O estudo destas estruturas permite compreender as estratégias de implantação no território e relação com as paisagens pastoris da alta montanha Arcuense, bem como a elevada flexibilidade da técnica da alvenaria em junta seca, adaptação às condicionantes do território e às características do granito existente, e elevada resiliência das estruturas resultantes.

Serão futuramente desenvolvidos conteúdos em diversos formatos, capazes de contribuir para a divulgação do conhecimento deste tipo de património, promovendo a sua preservação junto da comunidade local e dos diferentes públicos que visitam este território, inserido no Parque Nacional Peneda-Gerês, declarado como Reserva Mundial da Biosfera pela UNESCO.

pic2.jpeg

pic3.jpeg

pic4 (1).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 31 DE JULHO DE 2020

Camara Municipal - Cópia (3).JPG

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

No Período Antes da Ordem do dia a Presidência deu conhecimento à Câmara dos seguintes assuntos:

  • Da situação pandémica da COVID-19 ser motivo de satisfação devido ao registo de 0 pessoas ativas, embora de elevada responsabilidade. O Presidente apelou ainda a colaboração de todos no cumprimento do distanciamento social e das outras regras das autoridades;
  • Deu nota da atual situação relativamente aos incêndios florestais. Salientou ainda a extrema importância de um segundo helicóptero, no combate aos incêndios, no concelho. Referiu ainda que, embora a Proteção Civil tenha atuado eficazmente, é necessário o reforço de recursos humanos, das forças de segurança e investigação, considerando o elevado número de ocorrências;
  • Deu ainda nota do programa alternativo, para celebrar as festas em honra de Nª Srª da Lapa, tendo em conta as limitações relacionadas com a COVID-19. Informou ainda que esta iniciativa, intitulada “Festa da Nª Srª da Lapa Digital 2020”, recorre à inovação, permitindo o acesso a vídeos, com os melhores momentos do ano transato, mediante o recurso às redes sociais e ao QR Code disponível nos diversos cartazes de divulgação da iniciativa; todos os dias, de 1 a 9 de agosto, serão colocados vídeos, seguindo a programação estabelecida, que ficarão disponíveis durante o mês de agosto. O Sr. Presidente referiu ainda que o a missa em honra a Nª Sª da Lapa, decorrerá no horário normal da missa de domingo, às 11h, na Igreja Matriz, não se realizando a procissão;
  • O Sr. Presidente informou os vereadores presentes que na próxima quarta-feira, 5 de agosto, às 11h, haverá uma missa no Santuário de Nª Srª da Peneda, no âmbito das comemorações dos 800 anos. Será aberta a porta jubilar do Santuário de Nossa Senhora da Peneda, pelo bispo de Viana do Castelo, dando a oportunidade de visitar uma exposição cronológica do templo. Assinalou ainda que, embora seja um evento do ponto de vista religioso, também é muito importante a nível artístico, cultural e turístico;

Reabilitação, Construção e Beneficiação de Vias Municipais (Bloco 9) Caminho de Ligação do Pontão de Pogido à EN101 (Gondoriz); CM1305-2 (Vila Fonche); Caminho (Guilhadeses); EM 530-1 (Oliveira) entre outros caminhos municipais: foi aprovada a abertura de procedimento pelo valor base de 500.000,00 €.

Marcação rodoviária em vias do concelho de Arcos de Valdevez: foi aprovado adjudicar a marcação ao concorrente Intervega – Sinalização e Segurança, Lda., pelo valor de € 45.179,93, mais IVA.

Medidas de segurança rodoviária - Guardas de segurança: - foi aprovado adjudicar ao concorrente S. N. S. V. – Sociedade Nacional de Sinalização Vertical, Lda., pelo valor de € 52.066,40, mais IVA.

Ampliação da rede de abastecimento de água a Carralcova e Vilela de Grade - Lote 1: foi aprovado adjudicar ao concorrente Martins & Filhos, S.A., pelo valor de € 474.574,13, mais IVA.

Expansão da rede de abastecimento de água a Oliveira (Travassos) e instalação de colector de águas residuais na EM 530-1: foi aprovado adjudicar a empreitada ao concorrente J. S. Gomes, Lda., pelo valor de € 124.343,91, mais IVA.

Aquisição de serviços para elaboração de projeto de execução de "Expansão da rede de abastecimento de água a Cabreiro e Mei": foi aprovado adjudicar os serviços ao concorrente David Galvão Civil, Lda., pelo valor de € 22.350,00, mais IVA.

JARFIM DE INFÂNCIA DE GIELA - REABILITAÇÃO DE FACHADAS E COBERTURA: foi aprovado o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Obvious Preference, Lda., pelo valor de 23.137,06 euros, e prazo de execução de 60 dias.

Reabilitação da Cobertura e Fachadas do Bloco 4 da EB 2,3/S e Reabilitação da Cobertura do Pavilhão Desportivo do Centro Escolar de Sabadim: foi aprovado o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Baltor Steel, Lda., pelo valor de 278.954,76 euros, e prazo de execução de 90 dias.

Pavilhão Municipal de Arcos de Valdevez - Reabilitação de revestimentos interiores e caixilharias do pavilhão desportivo: Foi aprovada a abertura de procedimento pelo valor base de 65.000,00 euros.

OFICINA DE CRIATIVIDADE HIMALAYA - ADAPTAÇÃO DE ESPAÇO PARA LABIRINTO E ARRANJOS EXTERIORES: foi aprovado adjudicar a empreitada ao concorrente Baltor Street – Metalomecânica, Lda., pelo valor de € 147.694,00, mais IVA.

OFICINA DE CRIATIVIDADE HIMALAYA - RAMPA PARA ACESSO DE MOBILIDADE CONDICIONADA E ESTRUTURA INTERIOR DO HEMISFÉRIO: foi aprovado o auto de consignação da empreitada acima referida, adjudicada à empresa Coelho Torres & Filhos, Lda., pelo valor de 35.668,0 euros, e prazo de execução de 30 dias.

3.º LOTEAMENTO DE PARQUE EMPRESARIAL  DE MOGUEIRAS - 5.ª ALTERAÇÃO: foi aprovada a abertura de procedimento para alteração ao 3.º Loteamento do Parque Empresarial de Mogueiras - Tabaçô - 5.ª Alteração, prevendo a admissibilidade da unificação total ou parcial de lotes, bem como a  construção e instalação,  em parte dos  lotes, de infraestruturas de telecomunicações ou outras.

COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE UNIDADE INDUSTRIAL: foi aprovada a construção de um pavilhão industrial, sito na Zona Industrial de Padreiro, deste concelho.

EXPANSÃO DA REDE DE ECOVIAS DO ALTO MINHO - ECOVIA DE LOUREDA/CABREIRO: foi aprovado o auto de consignação da empreitada acima referida, adjudicada à empresa TOSCCA – Equipamentos em Madeira, Lda., pelo valor de 148.542,80 euros e pelo prazo de execução de 90 dias.

REQUALIFICAÇÃO DE TODOS OS TRILHOS PEDESTRES EXISTENTES NO CONCELHO: foi aprovado adjudicar a requalificação ao concorrente Life Out Life, Lda., pelo valor de € 10.899,87, mais IVA.

Centro de BTT no Soajo: foi aprovada a abertura de procedimento concursal com vista ao início dos trabalhos de construção civil para o efeito (alteração e ampliação de edifício de instalações sanitárias), pelo valor base de 40.000,00 euros + IVA e prazo de execução de 90 dias.

Requalificação de Campo de Jogos de Távora (St.ª Maria) - Equipamentos Desportivos, Revestimentos e Outros Trabalhos: foi aprovado o auto de consignação da empreitada acima referida, adjudicada à empresa Costa & Carreira, Lda., pelo valor de 37.986,08 euros, e prazo de execução de 45 dias.

EXTENSÃO DA FIBRA ÓTICA AOS PONTOS DE INTERESSE - PORTA DO MEZIO - SOAJO - ARCOS DE VALDEVEZ: foi aprovada a adjudicação ao concorrente Dstelecom, S.A., pelo valor de € 60.000,00, mais IVA.

fibra ótica

Foi aprovada a minuta de contrato enviada pela DSTelecom Norte, S.A., de instalação de Contentor de Telecomunicações, para expansão de rede de fibra ótica, localizado no prédio da antiga escola primária, sito no lugar de Costa do Seixo – Grade, na união de freguesias de Grade e Carralcova.

PROPOSTA DE ESTRATÉGIA LOCAL DE HABITAÇÃO DO CONCELHO DE ARCOS DE VALDEVEZ – ABERTURA DE PROCEDIMENTO DE CONSULTA PÚBLICA: foi aprovada a proposta de definição da Estratégia Local de Habitação (ELH) para o território do concelho de Arcos de Valdevez apresentada pela Presidência. Este, trata-se de um documento, previsto na Lei de Bases de Habitação, que define a estratégia de intervenção em matéria de política de habitação à escala local, tendo por base o diagnóstico das carências existentes relativamente ao acesso à habitação, e identifica as metas e os objetivos a atingir, bem como as soluções habitacionais a desenvolver no concelho.

PORTAS DO MEZIO - DEFICIÊNCIAS NO PARQUE TEMÁTICO: foi aprovada a abertura de procedimento pelo valor base de 24.835,00 euros e prazo contratual de 60 dias.

Transportes Escolares 2020/2021 - Pedido de autorização para estabelecimento de protocolos com associações locais:

            Foi aprovada a celebração de protocolos com as entidades a seguir descriminadas, com vista à realização de transportes escolares durante o ano letivo 2020/2021:

Associação Amigos de Oliveira, 25,00€ diários.

Associação Recreativa e Cultural Juventude de Vila Fonche, 46,92€ diários.

Associação Cultural de Teatro - Grupo Alerta 56,00€ diários.

Associação Desportiva e Cultural Aboim/Sabadim, 105,80€ diários.

Associação Recreativa e Cultural de Guilhadeses, 55,20€ diários.

Associação Amigos de Sá, 46,00€, diários.

Renovação DE software de Gestão Documental, designadamente eGOV (GSE/MDD, SeAP, Cartão Munícipe, GSP, ScOG, Portal GSP, Assinatura Digital) SGA Portal Inst. Camara: foi aprovada a abertura de procedimento pelo valor base de 36.655,20 (s/IVA), para o período de 3 anos.

Aquisição de Serviços de Recursos Humanos para Equipas Multidisciplinares do Projeto School 4 All; 2020-2021: foi aprovada a abertura de concurso por Consulta Prévia, tendo em vista a Aquisição de Serviços para Recursos Humanos para Equipas Multidisciplinares do Projeto School 4 All, para os anos de 2020-2021, pelo valor base de 20.000,00 euros, acrescido de Iva à taxa legal em vigor.

proposta de renovação de contrato ELA - Licenciamento Global de Tecnologia SIG: foi aprovada a abertura de procedimento para a aquisição de serviços em causa pelo valor base de 33.802,65 (s/IVA), para o período de 3 anos.

Foi aprovado apoiar em 15.000,00 euros o Conselho Diretivo dos Baldios da Freguesia de Cabana Maior, para ajudar a fazer face aos custos com a vedação de uma área de 40 hectares na zona do Mezio, tendo em vista a proteção das 34.000 árvores que plantaram.

Foi aprovado apoiar no valor de 3.000,00 euros a Assembleia de Compartes de Távora (Santa Maria) para ajudar com os custos da candidatura PDR2020-815-052193, referente ao baldio de Távora Santa Maria, a cargo da Assembleia de Compartes da mesma freguesia.

Foi aprovado apoiar em 8 000,00€ a Fábrica da Igreja Paroquial de Santa Marinha de Prozelo, para ajudar a fazer face aos custos com a execução de obras na zona envolvente da Capela de N. S. da Madre de Deus.

Foi aprovado apoiar em 20 000,00€ a Confraria de Nossa Senhora da Guia – Gondoriz, para ajudar a fazer face aos custos das obras de restauro e conservação no exterior do Santuário da Sra. da Guia, bem como o restauro de casas de banho públicas.

Foi aprovado proceder à liquidação do protoloco celebrado entre o Município e a Junta de Freguesia de Sistelo, em 19 de março de 2020, referente às “Obras Complementares Casa do Castelo de Sistelo”, devido à necessidade financeiramente causada pelo atraso na devolução da parte financiada pelo Turismo de Portugal, referente ao projeto “Promoção e Sensibilização Ambiental da Paisagem Cultural Evolutiva Viva de Sistelo”.

Foi autorizada a colocação de dois equipamentos de atividades de recriação lúdica no Campo do Trasladário, os quais já estiveram presentes nos anos transatos, para exploração, sendo denominados Pedal Karts e AirBungee.

CIM Alto Minho  - Comparticipação Financeira Projetos 2019

Foi aprovado o pagamento de fatura no valor de 1.562,00 euros, respeitante a Comparticipação Financeira Projetos 2019; Foi aprovado o aprovado o pagamento de uma fatura no valor de 3.000,00 euros, respeitante a Comparticipação Financeira 2019.

Casa Mortuária de S. Bento - Instalação de Climatização: foi aprovado adjudicar a instalação ao concorrente Planominho Unipessoal, Lda., pelo valor de € 19.466,23, mais IVA.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES FIXAS E MÓVEIS E DE ACESSO À INTERNET: foi aprovada a adjudicação ao concorrente MEO - Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A., pelo valor de € 32.614,83, mais IVA.

Aluguer de Equipamentos e Recursos Técnicos de Som e Luz para Casa das Artes/ 4º Trimestre 2020: foi aprovada a abertura de um procedimento tendo em vista assegurar o aluguer de equipamentos e recursos técnicos de Som e Luz profissional para os eventos a realizar/produzir pela Casa das Artes, pelo valor base de 19.900,00 euros, acrescido de IVA à taxa legal em vigor e prazo contratual de 92 dias.

DESTRUIÇÃO DE NINHOS DE VESPA ASIÁTICA: foi aprovada a adjudicação ao concorrente António Domingues da Silva, pelo valor de € 18.000,00, mais IVA.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE NO TRABALHO – 2020: foi aprovada a adjudicação ao concorrente CSBE – Clínica de Saúde e Bem Estar, Lda., pelo valor de € 19.375,02, mais IVA.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E MANUTENÇÃO PREVENTIVA DE 5 FONTES LUMINOSAS E SUBSTITUIÇÃO DE ELETROBOMBAS AVARIADAS: foi aprovada a adjudicação ao concorrente Socalco Perfeito, Unipessoal, Lda., pelo valor de € 19.919,94, mais IVA.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESINFEÇÃO DOS WC'S E DA ZONA ENVOLVENTE DA PRAIA DA VALETA: foi aprovada a adjudicação ao concorrente J. S. B. – Limpezas em Instalações Unipessoal, Lda., pelo valor de € 7.200,00, mais IVA.

pedido de licenciamento de ocupação de espaço público: foi aprovado o pedido de ocupação da via pública para a instalação de esplanada de apoio ao estabelecimento de bebidas denominado de “Antica”, na Rua Cerqueira Gomes, na união de freguesias de Arcos de Valdevez (S. Paio) e Giela.

PEDIDO DE UTILIZAÇÃO DE ÁREA CONTÍGUA À ESPLANADA DO BAR DA CASA DAS ARTES: foi autorizada a utilização da área relvada contígua à esplanada daquele Bar/Café, durante os meses de junho a setembro.

PEDIDO DE ISENÇÃO DE PAGAMENTO DE RENDA e outros benefícios: foi aprovado proceder-se à revisão do valor da renda, calculada em função do rendimento mensal corrigido do agregado familiar, sendo o valor atualizado de 7,93€.

PEDIDO DE RECONHECIMENTO DE BENEFICIO FISCAL À AQUISIÇÃO DE HABITAÇÃO POR JOVENS NO CONCELHO DE ARCOS DE VALDEVEZ: foi aprovado reconhecer o direito à isenção total do Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT) na aquisição de imóvel destinado a habitação própria e permanente do agregado familiar da requerente.

Requalificação de Espaço Público do Centro Histórico - 2.ª Fase - Rua de S. Bento e Espaços Envolventes: foi aprovado o valor final da empreitada no montante de 510.781,22 euros (com IVA: 541.428,09 euros).

Renovação de Pavimentos em Vias Municipais (2018/2019) - Lote 1 - Aprovação de trabalhos: foram aprovados trabalhos a menos no valor de 36.566,76 euros e trabalhos complementares de espécie prevista no contrato no valor de 10.383,29 euros, bem como aprovada prorrogação graciosa de prazo de 120 dias, até 31/07/2020.

MUNICÍPIO ARCUENSE INVESTE NA REABILITAÇÃO DO JARDIM DE INFÂNCIA DE GIELA

O Município de Arcos de Valdevez encontra-se a reabilitar as fachadas e a cobertura do Jardim de Infância de Giela, as quais se encontram bastante danificadas devido às infiltrações.

IMG_7379.JPG

Com um custo global cerca de 24 mil euros, a presente empreitada tem como objetivo melhorar o conforto e qualidade das infraestruturas, proporcionando melhores condições à comunidade escolar, nomeadamente a alunos e professores.

Esta obra está inserida num conjunto de intervenções na área da educação, de cerca de 650 mil euros.

EXPOSIÇÃO O "FUMO DOS DIAS" PATENTE EM ARCOS DE VALDEVEZ

Exposição o “Fumo dos Dias”: Patente ao público na Biblioteca Municipal Tomaz de Figueiredo de 31 de julho e 30 de setembro

Está patente ao público na Biblioteca Municipal Tomaz de Figueiredo até dia 30 de setembro, a exposição o Fumo dos Dias, da autoria de Luís Carvalhido, fotógrafo vianense há vários anos a residir em Barcelos.

exposição Fumo dos Dias4.JPG

Esta trata-se de uma exposição de fotografia resultado de uma convivência de oito meses com a comunidade cigana de Fornelos, concelho de Barcelos, e mostra retratos da realidade que lá se vive. Uma realidade chocante de seres humanos que vivem em condições degradantes e de enorme privação, submersos num clima de vulnerabilidade e de crescente incerteza quanto ao seu futuro.

Inicialmente, Luís Carvalhido não tinha como objetivo fazer qualquer abordagem antropológica ou sociológica ao fenómeno, pois o fim era puramente estético. Contudo, e com o passar do tempo, o fotógrafo viu-se totalmente envolvido na “questão cigana”. Foram oito meses de uma quase cumplicidade com uma comunidade que nem sempre se mostrou recetiva. A sensibilidade e persistência do autor acabaram por resultar na obra O Fumo dos Dias, um trabalho que vai muito além da fotografia, oferecendo um retrato cru de um quotidiano que rebate estereótipos.

Com um olhar fundado no fotojornalismo, Luís Carvalhido põe de parte o convencional e o politicamente correto para abalar consciências e mexer com poderes instalados. As suas fotografias têm essa robustez, essa capacidade de questionar o mundo que nos rodeia.

exposição Fumo dos Dias5.JPG

exposição Fumo dos Dias3.JPG

exposição Fumo dos Dias2.JPG

exposição Fumo dos Dias.JPG

ARCOS DE VALDEVEZ: SANTUÁRIO DE NOSSA SENHORA DA PENEDA TEM 800 ANOS!

Santuário de Nossa Senhora da Peneda celebra 800 anos e Município Arcuense associa-se à comemoração

No próximo dia 5 de agosto iniciarão as comemorações dos 800 anos de culto do Santuário de Nossa Senhora da Peneda. O culto a Nossa Senhora da Peneda remonta a 5 de agosto de 1220, data em que a Nossa Senhora apareceu a uma pastorinha e pediu que "fosse construída uma ermida em sua honra".

Santuário da Nossa Senhora da Peneda - Cópia.jpg

Com o objetivo de instalar um núcleo de visitação histórica, que represente os 800 anos do culto a Nossa Senhora da Peneda, a Câmara Municipal apoiou com 20.000,00€, o restauro de uma ala do Santuário, para aí conter um espaço expositivo, que permite aos visitantes viajarem no tempo e ficarem a conhecer os principais acontecimentos nestes 800 anos de existência, e a construção da Porta Jubilar.

Deste modo, na próxima quarta-feira será aberta a porta jubilar do Santuário de Nossa Senhora da Peneda pelo bispo de Viana do Castelo, oferecendo aos fiéis a oportunidade de visitar uma exposição cronológica do templo, desde 1220 até 2020.

Por causa da pandemia, a novena vai ser reduzida à oração de Laudes e à Missa, às 10h00, bem como à oração de Vésperas e do Rosário, às 17h00.

Estão também previstas iniciativas de âmbito cultural, no contexto dos 800 anos de culto a Nossa Senhora da Peneda, por parte do Comissariado para a Confraria e do Município de Arcos de Valdevez.

Salienta-se ainda que o Município vai inaugurar um espaço informativo e interativo com a finalidade de promover o concelho, e em simultâneo prestar apoio aos visitantes.

Peneda_004.jpg

Peneda_005.jpg

ARCUENSES CORREM PELA NATUREZA

Corrida Outdoor – 16 de Agosto

No próximo dia 16 de Agosto, vem com a ARDAL-Porta do Mezio e com o atleta Rúben Veloso, correr numa atividade de natureza, desporto e gastronomia.

Cartaz_Corrida outdoor_16 de agosto.jpg

Vem descarregar a adrenalina acumulada. Junta-te ao nosso mundo de emoções e aventuras em total segurança.

Após a corrida, poderás desfrutar de um excelente almoço convívio.

Inscreve-te…as vagas são limitadas!

Caraterísticas da atividade:

Local de encontro: Porta do Mezio – Arcos de Valdevez

Distância: cerca de 18 km

8:45 – Encontro na Porta do Mezio. Mezio, Arcos de Valdevez

9:00 – Início da Corrida

13:00 – Almoço no Centro Gastronómico do Mezio (opcional)

Inscrições: www.portadomezio.com

Contactos: 258 510 100 / portadomezio@ardal.pt

ARCOS DE VALDEVEZ QUER REFORÇAR MEIOS DE COMBATE AO FOGO

Incêndios: Autarquia arcuense reclama reforço do policiamento, da investigação dos incêndios e o segundo helicóptero

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez participou numa reunião da Subcomissão Distrital de Proteção Civil, com a ANMP, GNR, PSP, Polícia Judiciária e outras entidades de Proteção Civil, para analisar o elevado número de ignições ocorridos no distrito e no concelho neste mês de julho.

helicóptero.jpg

Nesta reunião, o Presidente da Câmara arcuense solicitou o reforço do efetivo de patrulhamento e vigilância, nomeadamente GNR e Exército, a intensificação da investigação dos incêndios pelas forças de Segurança, nomeadamente, a Polícia judiciária.

A Autarquia apela aos cidadãos que assumam e pratiquem comportamentos que contribuam para a diminuição do risco de ignição, não usando fogo junto das áreas florestais e informando as Autoridades sobre qualquer situação suspeita.

João Manuel Esteves também solicitou ao Ministério da Administração Interna, o reforço de meios, em particular de efetivos das forças de segurança, para vigilância mais ativa das áreas florestais, bem como a presença do segundo helicóptero no centro de meios aéreos do distrito.

De notar que, apesar das dificuldades deparadas pela dispersão dos meios pelas várias ignições praticamente simultâneas, o sucesso das operações tem sido visível, com a envolvência dos Bombeiros e de todos os Agentes de Proteção Civil, entre outras entidades cujo apoio é fulcral.

MUNICÍPIO ARCUENSE INICIA INTERVENÇÃO ARQUEOLÓGICA NO ACAMPAMENTO MILITAR ROMANO DO ALTO DA PEDRADA

Os trabalhos arqueológicos no Alto da Pedrada começam esta segunda-feira, dia 3 de Agosto e prolongam-se até ao final da semana. Este Sitio é um recinto fortificado, em bom estado de conservação, localizado em Arcos de Valdevez, na Serra do Soajo, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês. O objetivo científico passa por validar as hipóteses formuladas pelo coletivo de investigação romanarmy.eu, o que a confirmar-se será o primeiro acampamento militar romano, de carácter temporário, localizado no Norte de Portugal e perto da fronteira galega.

03-geres-soajo-1024x682 (1).jpg

O recinto do Alto da Pedrada está localizado a uma altitude de 1416 metros, o ponto mais alto de todo o Distrito. A condição especial de isolamento, longe das estradas e dos núcleos de povoamento da zona, facilitou a preservação de grande parte do recinto fortificado e até de três das características portas de entrada originais. O seu paralelo mais próximo no Noroeste Peninsular é o acampamento Romano de Penedo dos Lobos, em Manzaneda (Ourense), investigado pela mesma equipa no Verão de 2018.

A intervenção é financiada integralmente pelo Município de Arcos de Valdevez, envolvendo administrativamente outras entidades locais como as Juntas de Freguesia e Baldios de Soajo, Cabreiro e Gondoriz, bem como o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas.

Os trabalhos arqueológicos integram-se no projeto Finisterrae, financiado pela Comissão Europeia através de uma bolsa individual Marie Skłodowska-Curie, liderada por João Fonte (Universidade de Exeter).