Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MENINAS DO CRAV VENCEM AS LISBOETAS

Na 9° jornada do Campeonato Nacional da Divisão de Honra, a equipa feminina do CRAV defrontou a equipa Ubuntu/CDUL, de Lisboa.

JML_1831.jpg

O jogo teve lugar no Parque Desportivo de Ramalde, Porto, no passado Domingo 22 de Janeiro.

A equipa minhota, formada por uma parceria entre o Sport C. P. e o C.R. Arcos de Valdevez venceu a equipa visitante por 135-5.

Com este resultado a equipa mantém-se no 3° lugar da tabela classificativa, com uma jornada em atraso, que se realizará no próximo Domingo, 29 de Janeiro, contra a equipa da M. C. R. Bairrada.

Foto: João Lima

BANDA DA SOCIEDADE MUSICAL DE ARCOS DE VALDEVEZ BRINDOU ARCUENSES COM CONCERTO DE ANO NOVO

A Banda da Sociedade Musical de Arcos de Valdevez subiu, mais uma vez, ao palco do Auditório da Casa das Artes concelhia para, tal como nos tem habituado no início do ano, brindar o público com os seus arranjos musicais de atestada qualidade.

concerto de ano novo.JPG

O tradicional concerto celebrativo da entrada do Novo Ano decorreu no habitual registo de qualidade e inovação aportado por esta centenária instituição, plena de história e uma verdadeira referência da vida cultural arcuense, e reconhecidamente uma das melhores bandas nacionais.

O Presidente da Câmara Municipal João Esteves, marcou presença neste concerto e fez questão de parabenizar os músicos, o Maestro da Banda e a Direção da Sociedade Musical Arcuense pelo excelente trabalho que desempenham.

Neste concerto de Ano Novo, o autarca também desejou a todos os arcuenses votos de um Próspero Ano de 2023 e solicitou o envolvimento de todos na construção de Arcos de Valdevez

Atualmente a Banda é composta por cerca de 65 músicos, muitos deles têm formação musical na própria Banda, outros frequentam academias e escolas profissionais de música e, existe ainda, o grupo de músicos com formação superior.

Atualmente sob regência do Maestro Álvaro Pinto, a Banda dispõe de um vasto, renovado e variado repertório e dispõe igualmente de um coral de música sacra que apoia o culto religioso.

concerto de ano novo 2.JPG

ARCOS DE VALDEVEZ: “CONVERSAS NA ESCOLA” ENCHEU AUDITÓRIO DA CASA DAS ARTES

O Conservatório de Música e Dança de Arcos de Valdevez apresentou a 3.ª Edição de Conversas na Escola, com o tema: “As Artes e a Educação”, no passado sábado, na Casa das Artes.

Conversas na escola.jpg

Com moderação de António Teixeira Rodrigues, o auditório encheu para ouvir os oradores Pedro Abrunhosa, o ex-ministro da Educação e atual deputado Tiago Brandão Rodrigues, o ator Henrique Carvalho e o diretor pedagógico da Academia de Música de Elvas, Luís Zagalo.

O evento, teve como objetivo primordial colocar em reflexão e dinamizar temas chave da sociedade, nomeadamente as dinâmicas da Cultura e da Educação, estimular os convidados a partilhar as suas experiências, assim como chamar à atenção do público para a importância que a música, o teatro e a dança têm na educação dos seus filhos e encarregados de educação.

O Presidente da Câmara Municipal, João Esteves, esteve presente neste momento, onde referiu que a “Educação e a Cultura são pilares do desenvolvimento que estamos a promover em Arcos de Valdevez, e como tal, temos investido nestas áreas, criando melhores condições para a formação dos alunos e enfrentarem os desafios futuros”.

Neste momento foi, ainda, celebrado o protocolo de colaboração entre o Município e o Conservatório, no valor de 26 350 euros que servirá para apoiar o ensino articulado de música e o de teatro. 

Para além do público em geral, marcaram também presença a diretora do Agrupamento de Escolas de Valdevez e a vereadora da Educação.

O Conservatório de Música e Dança de Arcos de Valdevez, enquanto espaço de educação e de cultura aberto à comunidade, privilegia uma relação estreita com instituições e organismos que se traduzem em potencialidades educacionais, culturais e/ou profissionais para toda a comunidade escolar, mas em particular para os alunos.

Do seu leque de ofertas formativas fazem parte o curso de Iniciação de Música, o curso Básico Articulado de Música, o curso Livre de Música, o curso Básico de Teatro, curso Articulado de Dança e Karaté.

conversas na escola 2 (2).jpg

conversas na escola 3.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE QUER REFORÇO DAS VERBAS PARA O PARQUE NACIONAL DA PENEDA-GERÊS

O Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, João Manuel Esteves, participou, em representação da ANMP- Associação Nacional de Municípios Portugueses, no Seminário “50 Anos de Áreas Protegidas em Portugal – Os Desafios do presente e as Metas”, da Ordem dos Biólogos, que decorreu na Assembleia da República.

arc.png

O autarca, que também é Presidente da Comissão de Cogestão do PNPG, participou no painel sobre “Modelos de Gestão e Financiamento das Áreas Protegidas em Portugal”.

Na sua intervenção solicitou um financiamento específico para o Plano de Cogestão do PNPG, o reforço das competências da Comissão de Cogestão e a criação da figura do Diretor do PNPG.

O autarca, ainda, referiu que “é necessário melhorar as condições de vida das populações do PNPG, investindo no conhecimento, inovação e valorização do património e dos produtos locais, promovendo uma gestão de proximidade e garantindo o equilíbrio entre as atividades humanas e a natureza”.

Neste seminário, também, intervieram o Secretário de Estado da Conservação da Natureza e Florestas, Deputados dos vários partidos da Assembleia da República, a Diretora Regional Norte do ICNF, o representante do Conselho Nacional de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e vários representantes das áreas protegidas, associações e peritos.

porta_mezio_imagem_n.jpg

CLUBE DE RUGBY DE ARCOS DE VALDEVEZ DERROTADO NAS CALDAS DA RAINHA

C.R. Arcos de Valdevez averba pesada derrota nas Caldas da Rainha

No sábado 21 de janeiro, a equipa minhota deslocou-se à cidade do Oeste e coroou uma exibição muito infeliz com 60 pontos sofridos, e apenas 7 marcados.

CRAV 3.jpg

Pelo peso dos números, fácil será perceber que o C.R. Arcos Valdevez terá feito pior exibição da época. Com efeito, 9 ensaios sofridos contra um marcado não pode deixar de ser sinal do avassalador domínio do Caldas RC, assim como das insuficiências defensivas dos visitantes.

Aliás, desde o início que essa tendência se fez sentir. A equipa da casa, mais experiente e mais confiante, revelou desde muito cedo muita facilidade em fazer progressões com bola em qualquer zona do terreno. Com efeito, era fácil ver fases de jogo com progressões individuais de 10 e 15 metros, uma vez que o C.R. Arcos de Valdevez nunca conseguia suster à primeira as investidas atacantes dos homens da casa. Além disso, era também notória a superioridade do Caldas RC nas formações ordenadas, criando sempre muitas dificuldades aos minhotos.

Assim, foi com naturalidade que o Caldas marcou quatro ensaios na primeira parte. Começou aos nove minutos de jogo e mesmo em cima do apito conseguiram o 29-0, resultado com que as equipas foram ao balneário no intervalo.

Na segunda parte, seria expectável um jogo diferente da parte do C.R. Arcos de Valdevez, mas tal não aconteceu. Aos três minutos o Caldas marcou mais um ensaio (34-0). Foi então que se deu o melhor período de jogo dos visitantes, que procuraram contrariar a superioridade do adversário. Marcaram um ensaio aos 10 minutos, mas não conseguiam manter a pressão sobre os homens do Oeste: a jogar só com o coração, a lutar mais do que a jogar, os arcuenses perderam a organização e desenvolveram um jogo anárquico e inconsequente, que rapidamente foi sacudido pelo Caldas. Seguiram-se mais quatro ensaios sem resposta dos homens da casa, que fixaram o resultado final em 60-7.

Neste momento, o CN1 sofrerá um interregno por força do calendário da Taça de Portugal, retomando apenas a 25 de fevereiro. Entretanto no dia 4, o C.R. Arcos de Valdevez deslocar-se-á a Belas, a propósito dos 1/8 final da competição citada.

CRAV 2.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE CURSO DE ASTRONOMIA

Porta do Mezio: ARDAL promove curso de Astronomia

No âmbito do programa de atividades do Parque de Observação de Estrelas, a Porta do Mezio, certificada como "Starlight Stellar Park, irá realizar um curso de astronomia, no dia 18 de Fevereiro, nas instalações da Porta do Mezio.

curso de astronomia_n.jpg

 Este curso é direcionado para o público em geral, as inscrições são obrigatórias e os interessados devem se inscrever através do 258 510 100 ou www.portadomezio.com

Curso de Astronomia – Introdução à Observação de Estrelas

Data: 18 de fevereiro 

Local: Porta do Mezio, Arcos de Valdevez

Destinatários: Publico geral

Preço: 20€/participante

Inscrições até 16 de fevereiro

Programa:

9:30 - 12h30

Introdução à Astronomia: definições e conceitos básicos; estrelas e o seu ciclo de vida; sistema solar; astronomia vs astrologia; princípios de mecânica celeste; constelações; mapas e cartas celestes: leitura e interpretação;

12:30 Pausa para Almoçar

14:30 - 18h30

Observação a olho nu: fisiologia, técnicas de observação, objetos observáveis; mapas, software e outras ferramentas; introdução aos instrumentos de observação do céu noturno (telescópios e binóculos);

19:00 Pausa para Jantar

20:00 - 23:00 

Aula prática de Astronomia e observação de astros: visita guiada às estrelas, identificação de estrelas e constelações; princípios de navegação usando as estrelas; mecânica celeste; lendas e contos contados pelas constelações; 

Introdução à observação de estrelas usando binóculos e telescópios; manuseamento de instrumentos de observação; aula prática de Astronomia e observação de astros.

MUNICÍPIO ARCUENSE APOIA ARRENDAMENTO À HABITAÇÃO

Subsídio ao Arrendamento de Habitação: Câmara Municipal aprovou os primeiros apoios mensais à renda

O Município de Arcos de Valdevez aprovou pela primeira vez apoios ao arrendamento de habitação.

png.quadrado.png

O Subsídio ao Arrendamento é uma medida aprovada pela Câmara Municipal que visa apoiar as pessoas e famílias com mais dificuldades económicas a suportar uma parte da sua renda de casa, melhorando a gestão do orçamento familiar e contribuindo para a fixação de pessoas.

No âmbito dos apoios ao pagamento da renda da habitação em qualquer freguesia do concelho, aprovou recentemente 8 pedidos de apoio, ao longo de 12 meses.

O Município de Arcos de Valdevez aprovou a Estratégia Local de Habitação, através da qual está a criar mais e melhores condições de acesso à habitação, concedendo apoios ao arrendamento, à construção, à reabilitação e à aquisição de habitação, bem como a conceder isenções e reduções de impostos e taxas municipais.

Para aceder a estes subsídios à renda os interessados deverão apresentar a sua candidatura nos Serviços de Ação Social do Município de Arcos de Valdevez, através do preenchimento de formulário próprio a fornecer pelo referido serviço.

Para mais informações poderão ainda entrar em contacto através dos números de telefone:258 520 500/ 258 520 504 ou dos e-mails: geral@cmav.pt / imafonso@cmav.pt.

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

Camara Municipal r.jpg

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 19 DE JANEIRO DE 2023

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

O Sr. Presidente informou que o Secretário de Estado da Saúde, Ricardo Mestre, a Secretária de Estado da Inclusão, o Presidente dos Serviços Partilhados de Saúde e o Presidente da União das Misericórdias Portuguesas estavam em Arcos de Valdevez para a inauguração do primeiro Balcão SNS24, no Centro Social da Santa Casa da Misericórdia;

Também deu nota da digressão que os símbolos das Jornadas Mundiais da Juventude estão a fazer pelo País, referindo a sua passagem por Arcos de valdevez entre os dias 16 e 19 de janeiro;

Deu nota igualmente da realização do Concerto de Ano Novo pela Banda da Sociedade Musical arcuense no próximo domingo, às 16h30, na Casa das Artes;

Também informou que interveio, em representação da ANMP- Associação Nacional de Municípios Portugueses, no Seminário “50 Anos de Áreas Protegidas em Portugal – Os Desafios do presente e as Metas 30.10.30”, da Ordem dos Biólogos, que decorreu na Assembleia da República, no painel sobre “Modelos de Gestão e Financiamento das Áreas Protegidas em Portugal”;

O Sr. Presidente informou igualmente que no sábado irá realizar-se uma reunião com a Ministra da Agricultura que terá como temática central o debate sobre a elegibilidade das áreas de baldio à certificação no modo de produção biológica no âmbito do PEPAL e a possibilidade dos produtores de gado pecuário usarem os baldios;

Por fim informou que foi convidado para ir a Bordéus para participar, na próxima quinta-feira, numa iniciativa da Câmara do Comércio Luso Francesa para falar sobre o desenvolvimento económico, oportunidades de investimento na área industrial, agrícola, entre outros.

Continuação das carreiras de transporte público coletivo de passageiros - Pagamento de uma compensação financeira ao concessionário para o período de 1 de janeiro a 30 de junho de 2023: foi aprovada a reativação do contrato para o período de 1 de janeiro a 30 de junho de 2023 com os operadores Salvador Alves Pereira & Filhos, Lda, e AutoViação Cura, Lda, no valor global de 315 000,00€.

Pedidos de apoio económico eventual - RSI - Janeiro 2023: foram aprovadas 3 propostas de apoio económico eventual, relativas ao mês de janeiro de 2023, no valor global de 365,90€.

Pedidos de apoio económico eventual - SAAS - Janeiro 2023: foram aprovadas 5 propostas de apoio económico eventual, relativas ao mês de janeiro de 2023, dos processos de ação social em acompanhamento no SAAS, no valor global de 864,00€.

Pedidos de subsídio ao arrendamento habitacional: foi aprovada a atribuição de dois subsídios ao arrendamento habitacional, no valor de

170,00 euros e de 160,00 euros, respetivamente, por um período de 12 meses.

PEDIDO DE RECONHECIMENTO DO DIREITO à ISENÇÃO DE IMt - IMPOSTO MUNICIPAL SOBRE A TRANSIÇÃO ONEROSA DE IMÓVEIS, de acordo com o regulamento municipal para concessão de incentivo fiscal à aquisição de habitação por jovens no concelho de arcos de valdevez: foram aprovados dois pedidos de reconhecimento do direito à isenção de IMT para jovens.

APOIOS

Foi aprovado o pedido de apoio financeiro do CCD - Centro Cultural e Desportivo dos Trabalhadores da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, para pagamento do Jantar de Natal dos 172 funcionários do Município que participaram, no dia 07.12.2022, cujo valor total ascende a 6.020,00 euros.

Foi aprovado apoiar a Casa do Minho de Newark, no montante de 600,00 euros, através da aquisição de uma página de publicidade, na sua revista do 35º Aniversário do seu grupo folclórico.

APOIOS AOS OTL do ADECAS e do Centro Recreativo e Cultural de Távora S. Maria: a Câmara aprovou atribuir apoios à atividade dos OTL do ADECAS e do Centro Recreativo e Cultural de Távora S. Maria, no valor de 20 euros por aluno.

Como o ADECAS tem 58 alunos a frequentar estas atividades, este valor resulta num apoio mensal de 1160,00€, já o Centro Recreativo e Cultural de Távora S. Maria tem consigo 61 crianças o que perfaz um apoio de 1220,00€ mensais.

APOIO Conservatório de Música e Dança de Arcos de Valdevez: foi aprovado um apoio anual no valor de 26 350,00€, de forma a apoiar o ensino de iniciação, o ensino básico de música e o ensino básico de teatro.

Zona desportiva - Construção do terceiro campo de padel e cobertura: foi aprovado o mapa de quantidades retificado e as peças desenhadas para inclusão nas peças do procedimento e divulgação aos concorrentes, assim como os esclarecimentos adicionais prestados pelo autor do projeto; foi igualmente aprovada a prorrogação do prazo de entrega das propostas por 2 dias, isto é, até 12/01/2023.

Aquisição de serviços de limpeza de vias, parques empresariais, ecovias e outros espaços municipais – LOTE 3: foi aprovado adjudicar os serviços à empresa Luís Manuel Dias de Amorim Coelho, pelo valor de 24.331,57 euros, mais IVA.

Zona desportiva - Construção do terceiro campo de padel e cobertura: foi aprovado adjudicar à empresa Monte & Monte, S.A., pelo valor de 149.793,98 euros, mais IVA.

REABILITAÇÃO DA PISTA DE ATLETISMO DO ESTÁDIO MUNICIPAL: foi aprovado adjudicar à empresa RED – Relvados e Equipamentos Desportivos, Lda., pelo valor de 126.503,00 euros, mais IVA.

CONCURSO PÚBLICO DO SERVIÇO PÚBLICO DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS NOS MUNICÍPIOS DO ALTO MINHO - Decisão de Contratar e Aprovação de minuta de Agrupamento de Entidades Adjudicantes: foi aprovada a minuta de proposta de deliberação do início de procedimento incluindo as peças do procedimento; a delegação no Presidente da Câmara Municipal o ato de adjudicação (…) e demais formalidades inerentes; o preço base; o prazo de duração do contrato; os critérios de adjudicação; o enquadramento financeiro (inscrição orçamental em rubrica a definir; os encargos plurianuais (previsão plurianual no orçamento / autorização plurianual da Assembleia Municipal); a constituição do júri; e a minuta de agrupamento de Entidades adjudicantes.

Recuperação da Derrocada de Sistelo - 2ª fase: foi aprovada a prorrogação a prorrogação de prazo solicitada a título gracioso sem direito a revisão de preços, ou seja, até 12 de fevereiro de 2023.

ATRIBUIÇÃO DE NÚMEROS DE POLÍCIA: foi deliberado atribuir à empresa Diligent Capacity, Lda., edificação sita na rua transversal à rua da Leirada, o número um (1) para a porta de acesso às frações A e B e o número cinco (5) para o acesso às frações C e D.

MURO EM RISCO DE RUIR: foi aprovado tomar as medidas necessárias por forma a salvaguardar a segurança de pessoas e bens que utilizem a rede viária que confina com o muro em causa.

PROCESSO Nº 4/2020 URB-IMD – imóvel degradado: foi aprovado fixar o prazo de 30 dias úteis, improrrogável, para os proprietários do imóvel darem cumprimento ao determinado, informando-os das consequências legais, no caso do eventual incumprimento, nomeadamente a determinação da execução coerciva das obras.

OPERAÇÃO DE DESTAQUE: foram aprovadas as operações de destaque relativamente aos prédios propriedade do Município de Arcos de Valdevez, sitos na União de Freguesias de Guilhadeses e Santar, de Souto e Tabaçô e Távora (Santa Maria) e Távora (Vicente) e freguesias de Couto e de Sabadim.

PROPRIEDADE HORIZONTAL: foram aprovadas as operações de propriedade horizontal, relativamente às edificações propriedade do Município de Arcos de Valdevez, destinadas a Habitação Social, sitos na União de Freguesias de Guilhadeses e Santar, de Souto e Tabaçô e Távora (Santa Maria) e Távora (S. Vicente) e freguesias de Couto e de Sabadim.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE RECURSOS HUMANOS PARA A DIVISÃO DE DESENVOLVIMENTO SOCIOCULTURAL - ASSISTENTES OPERACIONAIS PARA ESCOLAS - JANEIRO A AGOSTO 2023: foi aprovado o relatório final de análise das propostas do procedimento acima referido, ao concorrente Expandir Afetos Unipessoal, Lda., pelo valor de 176.465,00 euros, mais IVA, assim como a minuta do contrato.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE RECURSOS HUMANOS PARA A DIVISÃO DE DESENVOLVIMENTO SOCIOCULTURAL - ANO 2023 - EQUIPAMENTOS INTERPRETATIVOS E DIDÁTICOS: foi aprovado o relatório final de análise das propostas do procedimento acima referido, ao concorrente SKILLMIND – Consultoria e Trabalho Temporário, Lda., pelo valor de 136.206,78 euros, mais IVA, assim como a respetiva minuta do contrato.

AQUISIÇÃO DE GASÓLEO RODOVIÁRIO PARA A FROTA MUNICIPAL (2023): foi aprovado o relatório final de análise das propostas do procedimento acima referido, ao concorrente Lubrifuel – Combustíveis e Lubrificantes, Lda., pelo valor de 0,2350 euros/litro, mais IVA, assim como a minuta do contrato.

PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO RNSI: foi aprovada a celebração do Protocolo com o Ministério da Administração Interna que visa a instalação e configuração de um circuito de acesso à RNSI, através do qual o Município poderá aceder às aplicações de Entidades (do MAI e externas) que estão ligadas à RNSI. A instalação deste circuito é muito importante para a gestão dos processos de contraordenação rodoviárias, assim como facilitará o acesso à plataforma de informação relativa à afluência às urnas e dos resultados eleitorais apurados no escrutínio provisório da SGMAI.

PEDIDO DE ABERTURA DE PROCEDIMENTO | PO 461/2022 -RBCVM (BLOCO 22) - MUROS DE SUPORTE E DRENAGENS: foi aprovada a abertura de procedimento pelo valor base de 85.000,00 euros.

COBERTURAS METÁLICAS PARA RECREIOS EXTERIORESDE ESPAÇOS ESCOLARES: foi autorizada a liberação de 100% da caução inicial, por terem decorrido 5 anos completos desde a receção provisória.

Pavimentação de sobrelarguras e bermas em zonas de contentores, ecopontos e transportes coletivos: foi autorizada a liberação de 90% da caução total, por terem decorrido 4 anos completos desde a receção provisória.

PEDIDO DE APOIO PARA PAGAMENTO DE TARIFAS DE ÁGUA E SANEAMENTO: foi aprovada uma candidatura ao apoio social nos encargos com água e saneamento.

PEDIDO DE REVISÃO DE RENDA DA HABITAÇÃO: foi aprovado um pedido de revisão do valor da renda, sendo o valor revisto, calculado em função do rendimento mensal corrigido do agregado familiar, de 14,55 euros (catorze euros e cinquenta e cinco cêntimos).

ALTERAÇÃO DE TITULARIDADE DE HABITAÇÃO POR MOTIVO DE FALECIMENTO: foi aprovado um pedido de alteração da titularidade da habitação.

PROTOCOLO: foi aprovada a celebração de um protocolo com a Câmara de Comércio Luso-Francesa, de forma a promover a divulgação das potencialidades económicas de cada um dos intervenientes

Divisão administrativa e financeira – desistênciaS de LUGARES Da feira quinzenal: foram aprovados dois pedidos de desistência de lugares na feira quinzenal.

PROPOSTA DE AQUISIÇÃO DE IMÓVEL PARA A AMPLIAÇÃO DO PARQUE EMPRESARIAL DE PAÇÔ: foi aprovado autorizar a Presidência a outorgar contrato promessa de compra e venda e ou escritura de compra e venda, pelo preço de 25.215,00 euros.

Suplemento remuneratório com fundamento no exercício de funções em condições de penosidade e insalubridade - DASG e DOMCP: foi aprovada a atribuição de um suplemento remuneratório com fundamento no exercício de funções em condições de penosidade e insalubridade, sendo que no caso da DOMCP se aplica aos colaboradores do serviço de Rede Viária que asseguram as funções de asfaltamento de rodovias, e no caso da DASG se aplica aos colaboradores do serviço de RSU’s, Varredura Urbana e Cemitério.

No nível de penosidade/Insalubridade alto, este suplemento fixa-se nos 4,99 euros diários (Coveiro (Cemitério Municipal) e do Cantoneiro de Limpeza – Recolha de Lixo); se for médio, fixa-se nos 4,09€ diários (Cantoneiro de Limpeza – Varredura Urbana, Motorista de Pesados – Recolha de Lixo e Cantoneiro/a de Vias – Asfaltamento de Vias)

AUTARCA ARCUENSE QUER MAIS E MELHORES SERVIÇOS DE SAÚDE

Na visita a Arcos de Valdevez, do Secretário de Estado da Saúde e da Secretária de Estado da Inclusão, no âmbito do lançamento da iniciativa Balcão SNS24, na Santa Casa da Misericórdia, o Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, solicitou ao Secretário de Estado da Saúde apoio para a realização de obras de melhoria das instalações do Centro de Saúde e das Extensões de Soajo e Loureda.

Presidente da Câmara e Sec.Estado da Saúde.jpg

Presidente do Município e Secretário de Estado da Saúde

Desta forma será possível ter melhores condições para os utentes e os profissionais de saúde.

Também foi abordada a necessidade de reforçar as consultas de especialidade e dos meios complementares de diagnóstico no concelho.

Para o autarca, João Manuel Esteves “Devemos pugnar junto do Governo pelo reforço da proximidade e a melhoria dos serviços de saúde para os arcuenses”.

Centro de Saúde.JPG

Centro de Saúde de Arcos de Valdevez

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZOU PROVA DE CORTA-MATO ESCOLAR

Cerca de 300 alunos participaram no Corta-mato escolar do Agrupamento de Escolas no Estádio Municipal

No passado dia 12 de janeiro realizou-se no Estádio Municipal de Arcos de Valdevez o Corta-mato Escolar do Agrupamento de Escolas de Valdevez.

avcortamatoesc (1).jpg

Participaram nesta competição 296 alunos, entre o 4.º ano e o 12.º ano de escolaridade, 14 alunos colaboradores do 12.º F e a aluna Renata Dias do 8.ºE, para além de alguns assistentes operacionais e os docentes dos grupos de Educação Física.

Os alunos que ficaram nos três primeiros lugares de cada escalão e género foram brindados com uma medalha. Os primeiros 6 classificados do escalão Iniciados masculino e feminino irão representar o Agrupamento no corta mato distrital que se vai realizar no dia 10 de fevereiro em Caminha, assim como os 3 primeiros classificados nos escalões Infantil A, Infantil B e Juvenis masculinos e femininos.

Mesmo com um tempo algo instável os alunos presentes foram apoiando e incentivando os colegas, ao longo de toda a manhã.

Marcaram presença nas diversas cerimónias protocolares a vereadora da Educação e do Desporto da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, Emília Cerdeira, e a diretora do AEV, Anabela Araújo, o que demonstra a importância do desporto e dos eventos desportivos como promoção da educação no seio da nossa comunidade.

avcortamatoesc (2).jpg

avcortamatoesc (3).jpg

avcortamatoesc (4).jpg

avcortamatoesc (5).jpg

avcortamatoesc (6).jpg

avcortamatoesc (7).jpg

avcortamatoesc (8).jpg

avcortamatoesc (9).jpg

avcortamatoesc (10).jpg

avcortamatoesc (11).jpg

avcortamatoesc (12).jpg

avcortamatoesc (13).jpg

CÂMARA DE ARCOS DE VALDEVEZ APOIA A RECUPERAÇÃO HABITACIONAL DE NOVE FAMÍLIAS ARCUENSES

A Câmara aprovou a atribuição de uma verba no valor global de 86.000,00 € para apoiar a recuperação habitacional de 9 famílias desfavorecidas de várias freguesias de Arcos de Valdevez.

recuperação habitacional - Antes e depois (2).png

Estas verbas têm como objetivo apoiar a reabilitação de habitações de pessoas e agregados familiares carenciados de Arcos de Valdevez, assumindo um papel relevante ao nível social, no que respeita ao fomento da qualidade de vida, através da criação de condições de habitabilidade e conforto aos munícipes, bem como evitar não deslocar as pessoas das suas casas e manter o seu local de residência.

Estes apoios contribuem para a melhoria do conforto habitacional, para a reabilitação urbana do concelho e para a fixação de pessoas em Arcos de Valdevez.

Estes apoios enquadram-se nas medidas da Estratégia local de habitação de Arcos de Valdevez, através da qual o Município pretende o reforço da oferta de habitações sociais e da reabilitação de habitações existentes, a melhoria no acesso ao mercado de arrendamento, a reabilitação de habitação própria permanente e o apoio à construção e arrendamento de habitação jovem.

A Câmara Municipal pretende a melhoria das condições de habitação e contribuir para a fixação das pessoas e melhoria da qualidade de vida dos arcuenses.

recuperação habitacional - Antes e depois (1).png

recuperação habitacional - Antes e depois (3).png

ARCUENSES COM CIÊNCIA

Oficinas de Criatividade Himalaya-Centro de Ciência Viva dos Arcos

Arcuense, Professor Doutor Luís Cunha apresentou a investigação “O desafio de criar uma barreira de proteção invisível”.

325617121_1178590069684250_22034140753749299_n.jpg

As Oficinas de Criatividade Himalaya/Centro de Ciência Viva dos Arcos receberam, no passado sábado, dia 14 de janeiro, o Arcuense, Professor Doutor Luís Cunha, com a apresentação do projeto de investigação “O desafio de criar uma barreira de proteção invisível”.

O projeto consiste na aplicação de uma barreira invisível na cortiça, para garantir a durabilidade do uso deste material, numa lógica de sustentabilidade.

Este ciclo de palestras “Arcuenses com Ciência” é uma iniciativa aberta à participação de investigadores arcuenses e à comunidade em geral, que visa promover a cultura científica e tecnológica, tanto pela partilha de projetos desenvolvidos em contextos de investigação, como pela apresentação e debate das temáticas apresentadas.

Com esta programação, pretende-se proporcionar um maior conhecimento e informação à comunidade acerca de diversos conteúdos científicos e do trabalho desenvolvido pelos arcuenses e /ou no concelho de Arcos de Valdevez.

324578709_1361035274711260_7870275510645912576_n.jpg

325456202_853174445983348_4776804824557462500_n.jpg

325491723_1411198552751821_2069886705104337963_n.jpg

325580645_665754308678210_8326750542882602259_n.jpg

325610276_4103451509880638_3149458914395371297_n.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ CONVIDADA A INTEGRAR REDE EUROPEIA DE AUTARQUIAS AMIGAS DA FAMÍLIA

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez aderiu à Rede Europeia de Autarquias Amigas da Família, a qual promove políticas locais a favor do bem-estar das famílias.

Certificado.jpg

Recorde-se que a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez tem sido anualmente reconhecida e premiada como “Autarquia familiarmente Responsável” pelo Observatório por implementar práticas amigas das famílias, na execução de políticas que promovem e facilitam a vida familiar e na implementação de programas e projetos que assentam na coesão social, na sustentabilidade social e económica.

A Autarquia integra, desde 2021, o Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis, entidade que assinou um protocolo com a Rede Europeia de Autarquias Amigas da Família.

Assim, o convite para participação nesta rede é um reconhecimento do investimento que o Município tem dedicado ao desenvolvimento e à implementação de políticas de apoio à família.

A Rede tem por objetivo definir um padrão comum de políticas familiares de qualidade na Europa, para estabelecer a médio prazo para uma certificação europeia nesta matéria.

A Rede Europeia de Autarquias Amigas da Família foi criada em 2008 pela ELFAC (Confederação Europeia de Famílias Numerosas). Os objetivos desta Confederação são representar social e economicamente os interesses das famílias com crianças, em geral, e das grandes famílias, em particular. Para além de promover e defender os interesses das famílias, esta rede visa influenciar as políticas públicas, informar e aconselhar as famílias e partilhar informação sobre as melhores práticas em matéria de política a nível europeu.

Integrar a Rede Europeia de Autarquias Amigas da Família tem como vantagens: aceder a uma base de dados exclusiva de boas práticas a nível europeu; publicar informação sobre a autarquia no website da rede europeia; participar nas reuniões, seminários, workshops e convenções europeias e aderir ao movimento a favor de uma Europa mais amiga da família.

ARCOS DE VALDEVEZ: DR. LUÍS CUNHA PROFERE PALESTRA SOBRE “ARCUENSES COM CIÊNCIA”

𝐎𝐟𝐢𝐜𝐢𝐧𝐚𝐬 𝐝𝐞 𝐂𝐫𝐢𝐚𝐭𝐢𝐯𝐢𝐝𝐚𝐝𝐞 𝐇𝐢𝐦𝐚𝐥𝐚𝐲𝐚𝐂𝐞𝐧𝐭𝐫𝐨 𝐝𝐞 𝐂𝐢𝐞̂𝐧𝐜𝐢𝐚 𝐕𝐢𝐯𝐚

A Câmara Municipal vai promover no próximo dia 14 de janeiro, pelas 10 horas, nas Oficinas de Criatividade Himalaya - Centro Ciência Viva dos Arcos, a palestra intitulada “𝐎 𝐝𝐞𝐬𝐚𝐟𝐢𝐨 𝐝𝐞 𝐜𝐫𝐢𝐚𝐫 𝐮𝐦𝐚 𝐛𝐚𝐫𝐫𝐞𝐢𝐫𝐚 𝐝𝐞 𝐩𝐫𝐨𝐭𝐞çã𝐨 𝐢𝐧𝐯𝐢𝐬í𝐯𝐞𝐥”, que terá como orador o arcuense Luís Cunha, docente da Universidade do Minho, Investigador do Centro de Física das Universidades do Minho e do Porto e Professor honorário da Universidade Transilvânia de Brasov (Roménia).

324671768_844863939946994_3924257139016149224_n.jpg

Esta iniciativa enquadra-se no âmbito do projeto “Arcuenses com Ciência” das Oficinas de Criatividade Himalaya, que pretende dar voz a cientistas das mais diversas áreas, que de algum modo estejam ligados a Arcos de Valdevez, contribuindo para a proximidade que pretendemos fomentar entre a comunidade e a ciência.

𝐏𝐚𝐥𝐞𝐬𝐭𝐫𝐚: 𝐧𝐨𝐭𝐚 𝐢𝐧𝐭𝐫𝐨𝐝𝐮𝐭ó𝐫𝐢𝐚

Alguns materiais naturais como a cortiça, são muito usados atualmente em artigos de consumo. No entanto, um dos problemas da cortiça é a facilidade com que se desgasta e se degrada quando exposta à radiação ultravioleta proveniente do Sol. Para resolver este problema coordeno um projeto financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia para criar um revestimento que proteja materiais complexos como a cortiça. Este projeto tem a participação de um instituto de investigação espanhol (Ctechnano Coatings Technologies, S.L., de San Sebastian) e duas empresas portuguesas (Amorim Cork Composites, do grupo Amorim) e a Flowco.

O grande desafio é que o revestimento usado seja eficiente, mas mantendo as propriedades intrínsecas da cortiça (ou outro material).

𝐄𝐯𝐞𝐧𝐭𝐨 𝐠𝐫𝐚𝐭𝐮𝐢𝐭𝐨, 𝐝𝐞 𝐢𝐧𝐬𝐜𝐫𝐢çã𝐨 𝐨𝐛𝐫𝐢𝐠𝐚𝐭ó𝐫𝐢𝐚 𝐞 𝐜𝐨𝐦 𝐯𝐚𝐠𝐚𝐬 𝐥𝐢𝐦𝐢𝐭𝐚𝐝𝐚𝐬.

𝐏𝐚𝐫𝐚 𝐢𝐧𝐬𝐜𝐫𝐢çã𝐨 𝐛𝐚𝐬𝐭𝐚 𝐩𝐫𝐞𝐞𝐧𝐜𝐡𝐞𝐫 𝐨 𝐬𝐞𝐠𝐮𝐢𝐧𝐭𝐞 𝐟𝐨𝐫𝐦𝐮𝐥á𝐫𝐢𝐨:

https://forms.gle/G7fSjVEDmdoavJJVA, até ao dia 12 de janeiro.

𝐏ú𝐛𝐥𝐢𝐜𝐨-𝐚𝐥𝐯𝐨: 𝐩ú𝐛𝐥𝐢𝐜𝐨 𝐞𝐦 𝐠𝐞𝐫𝐚𝐥

Dúvidas e/ou esclarecimentos: Telf. 258 247 326 / E-mail: oficinashimalaya@cmav.pt

325358693_1151237315534363_1315288537194608875_n.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA PROJETOS TURÍSTICOS

INVESTARCOS - Apoio ao Turismo 2022. Municipio arcuense apoia com 73 mil euros 10 projetos de Turismo

No âmbito do INVESTARCOS, a Câmara Municipal aprovou a atribuição do apoio municipal de 73 343,19€ a 10 projetos, da área de animação turística (3), restauração tipo tradicional (2) e alojamentos turísticos (5), os quais contam com um investimento global de 173 350,00€ e um apoio da parte da Câmara Municipal no valor de 73 343,00€.

O “Investarcos - Programa de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego” em Arcos de Valdevez, destina-se a apoiar a criação e promoção do emprego e empreendedorismo de micro e pequenas empresas em todo o concelho, podendo beneficiar dos incentivos as micro e pequenas empresas e empresários em nome individual.

Sendo o Turismo um dos pilares do desenvolvimento económico de Arcos de Valdevez, a Câmara Municipal pretendeu contribuir para a estimulação deste setor, através do apoio direto ao investimento empresarial nas áreas do Alojamento, Restauração e Animação Turística.

Estas são medidas do Município de apoio à economia local para a dinamização e revitalização da atividade empresarial no concelho, através do reforço da sua competitividade, inovação e diferenciação. De igual modo está a contribuir para a criação de postos de trabalho e fixação de investimento em Arcos de Valdevez.

ARCOS DE VALDEVEZ: PROCOM – APOIO AO COMÉRCIO DE ARCOS DE VALDEVEZ FOI UM SUCESSO

A Câmara Municipal criou o Programa de Apoio ao Comércio de Arcos de Valdevez, que se destina a apoiar a criação, expansão ou modernização de micro e pequenas empresas de comércio de Arcos de Valdevez, e, através do qual podem beneficiar as micro e pequenas empresas de todo o concelho.

comércios_antes e depois das intervenções.png

A primeira edição deste programa, revelou-se um grande sucesso, com 14 candidaturas aprovadas, um investimento realizado da ordem dos 285 mil euros e um apoio da parte do Município no valor de mais de 133 mil euros. Os objetivos foram atingidos, tendo sido executado praticamente todo o investimento e criados 10 postos de trabalho no comércio do concelho.

Mediante este resultado, que contribuiu para a criação de rendimento e emprego, o Município felicita os comerciantes. Este é também um incentivo para a 2ª edição do PROCOM, atualmente em curso, e será um estímulo para que a Câmara Municipal, a ACIAB e os outros parceiros continuem a apoiar e promover a revitalização do tecido social e económico em Arcos de Valdevez.