Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

GABINETE DE APOIO À VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PRESTA AUXÍLIO ÀS QUARTAS-FEIRAS EM AMARES

O Município de Amares relembra que o Projeto Chega Mais disponibiliza, no concelho, um serviço de Apoio à Vítima de Violência Doméstica com o objetivo de dar uma resposta de intervenção no âmbito da violência de género, integrando as componentes de combate à violência doméstica/violência no namoro e apoio às vítimas de qualquer género. O atendimento acontece todas as quartas-feiras, entre as 10h00 e as 16h00, no edifício da autarquia.

Este serviço é dinamizado numa parceria conjunta com os Municípios de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde, com o intuito de proporcionar atendimento, apoio e reencaminhamento de vítimas de violência doméstica, atuando numa lógica de trabalho em rede, por forma a dar respostas de proximidade no apoio e intervenção multidisciplinar e especializada às vítimas.

Tendo em conta as mais recentes diretrizes da Direção Geral da Saúde (DGS) e o cumprimento dos procedimentos de segurança e higiene necessários ao combate da COVID-19, o atendimento é efetuado através de agendamento prévio.

O Projeto Chega Mais é dinamizado pela SOPRO ONGD – Solidariedade e Promoção, no âmbito do cofinanciamento pelo POISE-03-4437-FSE-000186 com tutela da CIG–Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género

Isolamento social aumentou exposição das vítimas aos maus tratos

De acordo com o Projeto Chega Mais, a pandemia COVID-19, além de impôr o medo do contágio e dos seus efeitos sobre a saúde ou a própria vida, veio pôr em evidência um agravamento específico das condições de vida das pessoas mais vulneráveis às situações de violência doméstica. As condições de isolamento social aumentaram a exposição das vítimas aos maus tratos decorrentes de relacionamentos abusivos, trazendo ainda mais dificuldades ao acesso aos mecanismos de denúncia e procura de ajuda.

A violência doméstica deve ser, no seu entender, ser tratada como um problema social, que intensifica o seu o grau de complexidade neste período de pandemia, com consequências nas áreas social, económica, laboral e familiar.

Gabinete de Apoio à Vítima de Violência Doméstica disponível em quatro estruturas locais nos seguintes horários:

Segundas – feiras | 10h00 – 16h00

Município de Vila Verde

Praça do Município

4730-733 Vila Verde

Terças – feiras | 10h00 – 16h00

Espaço Cidadão da Vila de Prado

Bom Sucesso, Rua 1

4730-452 Vila de Prado

Segundas – feiras | 10h00 – 16h00

Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro

Av. dos Bombeiros Voluntários, 21

4840-100 Terras de Bouro

Quartas – feiras | 10h00 – 16h00

Município de Amares

Largo do Município

4720-058 Amares

Contactos da Equipa Projeto Chega Mais

Telemóvel: 963 667 175 | 933 588 520

E-mail: chega@sopro.org.pt

Cartaz_geral (1)-1.jpg

AMARES PREVINE MEDIDAS DE PRECAUÇÃO PARA O DIA DE TODOS OS SANTOS

Dia de Todos os Santos: Medidas a ser tomadas entre os dias 29 de outubro e 1 de novembro

A Câmara Municipal de Amares informa que, entre os dias 29 de outubro e 1 de novembro, o Cemitério Municipal vai estar aberto de forma condicionada.

Dias 29 e 30 de outubro (quinta e sexta-feira)

8.30h-12.30h; 13.30h às 17h

Dia 31 de outubro (sábado)

9h-13h;14h às 18h

Dia 01 de novembro (domingo)

9-13h; 14h às 18h

O número de pessoas em permanência no Cemitério Municipal, para efeitos de visita ou asseio das campas/jazigos, é limitado ao máximo de 30 pessoas em simultâneo, sendo que apenas poderão permanecer 2 pessoas por campa/jazigo, cumprindo, sempre, as medidas de afastamento e de proteção definidas pela Direção Geral da Saúde;

O tempo de permanência da visita ou asseio das respetivas campas/jazigos será restrito a um período máximo de 30 minutos;

É obrigatório o uso de máscara e a manutenção de uma distância social superior a 2m para as pessoas que não vivam no mesmo agregado familiar;

Deverá ser evitada a aglomeração de pessoas à entrada do cemitério.

Estas medidas podem ser modificadas, a todo o tempo, em função de novas orientações da Direção Geral de Saúde. O Município de Amares apela ao cumprimento destas normas por parte de toda a população, de forma a diminuir o risco de contágio e garantir a saúde pública.

Tais orientações foram tomadas tendo em consideração que: a situação epidemiológica que se verifica em Portugal e no concelho de Amares, em resultado da pandemia causada pela COVID-19, tem justificado a adoção de várias medidas com o intuito de garantir a prevenção, contenção e mitigação da infeção; a situação de calamidade decretada pelo Governo, face ao crescimento de novos casos diários e contágio da doença, justifica a adoção de medidas restritivas visando o combate à pandemia, impondo às autarquias locais a adoção de medidas que garantam a inexistência de aglomerados de pessoas e o controlo das distâncias de seguranças e estão canceladas as celebrações religiosas habitualmente realizadas nos cemitérios no dia 1 de Novembro.

AMARES ASSINALA DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO

Dia Mundial da Alimentação: Município de Amares promove reflexão sobre alimentação saudável em tempos de pandemia

No Dia Mundial da Alimentação, que se comemora hoje, 16 de outubro, o Município de Amares desafia os mais novos a refletir sobre a temática “Alimentação saudável e COVID-19”, através da distribuição de um cartaz com algumas “regras de ouro” para uma alimentação saudável, por todas as turmas dos centros escolares do concelho.

CARTAZ - dia mundial alimentacão imp.jpg

A intenção é que essas regras sejam exploradas em contexto de sala durante o presente ano letivo, levando a cabo a produção de trabalhos lúdico-pedagógicos (histórias/textos, desenhos, entre outros) para que mais facilmente assimilem essas dicas nutricionais e possam aplicá-las no seu quotidiano.

No que respeita à COVID-19, recorde-se que os especialistas na matéria defendem que as boas práticas de higiene continuam a ser a melhor forma de prevenir a doença, porém, ao mesmo tempo, é desejável que o sistema imunitário de cada um esteja em pleno funcionamento, sendo, por isso, necessário adotar determinados comportamentos que promovam a alimentação saudável, garantindo mais saúde e bem-estar.

MUNICÍPIO DE AMARES PROMOVE ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Município de Amares continua a promover alimentação saudável nas escolas: Fruta e/ou produtos hortícolas distribuídos duas vezes por semana

No ano letivo 2020/2021, o Município de Amares volta a dar continuidade ao Regime Escolar de distribuição de fruta e produtos hortícolas nas escolas, iniciativa de âmbito europeu que consiste na distribuição de fruta e/ou produtos hortícolas, duas vezes por semana, aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico. A medida será novamente alargada à educação pré-escolar, fruto de um esforço financeiro da autarquia.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda um consumo mínimo de 400g de hortofrutícolas/dia, no entanto várias investigações sugerem que as crianças portuguesas consomem quantidades inferiores aos valores recomendados. Simultaneamente, Portugal é um dos países com maior prevalência de obesidade infantil, que atinge dimensão preocupante. Perante estas evidências, torna-se necessário o reforço de consumo de alimentos nutricionalmente mais ricos, tais como frutas e hortícolas. É com este objetivo que o Município de Amares, em parceria com o Agrupamento de Escolas continua a apostar na promoção de um ambiente escolar mais saudável, disponibilizando, desde o dia de ontem, fruta/hortícolas no lanche de todas as crianças dos centros escolares, às terças e quintas-feiras, até ao final do ano letivo.

Junte-se a nós nesta causa, colocando fruta na lancheira dos seus filhos nos restantes dias da semana.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE AMARES APOIA CANDIDATURA DO DR. ANTÓNIO CUNHA À PRESIDÊNCIA DA CCDRn

Manifesto de apoio à candidatura do Doutor António Cunha

IMG_4590.JPG

No próximo dia 13 de outubro decorrem as eleições para as CCDRs.

Recebi com muito agrado a notícia de que o Doutor António Cunha é candidato à Presidência da Comissão de Coordenação do Desenvolvimento Regional do Norte.

Com um percurso notável, o Doutor António Cunha é um profundo conhecedor da região norte e uma personalidade com provas dadas de capacidade de trabalho, competência e determinação, nomeadamente como Reitor da Universidade do Minho.

Esta candidatura tem o meu apoio pois considero que congrega a visão e a garra para o planeamento e a definição de uma estratégia regional forte que vise a defesa das imensas potencialidades da região norte e que potencie também o desenvolvimento e crescimento do concelho de Amares.

Dr. Manuel Moreira

Presidente da Câmara Municipal de Amares

AMARES REALIZA COM SUCESSO V SEMANA DO DESPORTO E JUVENTUDE

V Semana do Desporto e Juventude de Amares envolveu perto de 100 participantes. Iniciativa decorreu com recurso às redes sociais

Uma semana diferente, com recurso às novas tecnologias, ajustada aos tempos que vivemos, fruto da COVID-19, mas com o mesmo intuito: sensibilizar para prática desportiva e os seus benefícios. Assim foi a V Semana do Desporto e Juventude de Amares, que decorreu entre os dias 23 e 30 de setembro, envolvendo cerca de 100 participantes e várias coletividades. O programa contemplou webinar´s, partilha de testemunhos de diversas personalidades das mais variadas modalidades desportivas do concelho de Amares e propostas de atividades físicas online.

Este ano, a V Semana do Desporto e Juventude de Amares foi dividida por temas, abrangendo diferentes tipos/áreas de intervenção do desporto, nomeadamente o desporto: no trabalho, outdoor, na escola, náutico, inclusivo e, finalmente, o desporto sénior. A iniciativa foi promovida pelo Município de Amares, através do Gabinete do Associativismo, Desporto e Juventude, articulada com o Programa Nacional Desporto para todos e integrada na Semana Europeia do Desporto.

“Vamos continuar a promover políticas públicas de promoção do desporto e valorização da atividade física. Esta semana trouxemos a destaque muito daquilo que se faz em Amares, quer no desporto competitivo quer ao nível do desporto recreativo e de saúde. Partilhamos bons exemplos que podem inspirar mais gente para a prática desportiva, e isso é muito importante”, referiu o presidente do Município de Amares, Manuel Moreira. “Temos muito orgulho nas instituições do nosso concelho que têm feito um trabalho meritório ao longo dos anos. Penso que o Desporto está no nosso ADN e, por isso, temos referências tão interessantes de amarenses bem-sucedidos no panorama Desportivo”, sublinhou.

Diariamente, foram, ainda, lançados vídeos com o testemunho de diversas personalidades do quadrante desportivo de Amares, que vão partilhar as suas experiências e incentivar à prática desportiva.

"Este ano, devido à pandemia, tivemos que inovar no sentido de fazer atividades recorrendo às plataformas digitais tentando assim envolver a comunidade e sensibilizar para a prática regular de atividade física mas penso que conseguimos proporcionar momentos muito interessantes, nomeadamente através dos dois webinars que foram momentos de reflexão e partilha muito interessantes”, disse o vereador do Desporto João Esteves. “O balanço foi bastante positivo, pelo feedback que tivemos através das redes sociais e penso que o nosso objetivo foi cumprido”, concluiu deixando um agradecimento muito especial a todas as entidades e personalidades que participaram e que enriqueceram esta semana.

Jovens atletas homenageados pelo Município de Amares

Depois da homenagem à canoísta Joana Vasconcelos que venceu, recentemente, a medalha de ouro em K1 500 metros na Taça do Mundo de Velocidade, na Hungria, o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, e o vereador do Desporto, João Esteves, distinguiram, "o excelente desempenho" de mais dois jovens desportistas amarenses, a marcar o encerramento da V Semana do Desporto e Juventude de Amares. Gustavo Mendonça e Bárbara Afonso foram os dois futebolistas agraciados com reconhecimento de mérito desportivo. No caso de Gustavo Mendonça, a lembrança foi entregue à mãe por impossibilidade do jovem poder comparecer à entrega. Já Bárbara Afonso, que recebeu, esta distinção pessoalmente reconheceu que

“tem um significado muito especial”.  “É um reconhecimento do meu trabalho e isso é muito bom e muito gratificante. É também uma forma de servir como exemplo para outros jovens do concelho”, admitiu.

Coletivos envolvidos na V Semana do Desporto e Juventude

SC Braga

CD Trofense

Abouaaboua

Agrupamento de Escolas de Amares

Amares Volei

Ginásio Pro Energy

Ginásio Urban Academy

Ginásio VIP

ADDVH – Associação de Desenvolvimento Desportivo do Vale do Homem

Centro de Atividades Ocupacionais - Ser Igual

Piscina de Amares

Associação de Fomento Amarense

Agrupamento de Escolas de Amares

Clube Desportivo e Recreativo Amarense

Câmara Municipal de Amares

Coordenação Saúde Escolar

Futebol Clube de Amares

Auditório Conde de Ferreira

Jornal Desportivo Vale do Homem

EPATV MINISTRA FORMAÇÃO PARA ADULTOS NAS ÁRES DE COZINHA E PASTELARIA

Arranque do novo EFA: Educação e Formação de Adultos na EPATV

A Escola Profissional Amar Terra Verde iniciou, a 1 de outubro, o curso EFA de Técnico(a) de Cozinha/Pastelaria. O curso destina-se a adultos, maiores de 23 anos, em situação de desemprego, que pretendam aprender uma profissão e concluir o 12º ano.

IMG_3159 edit (Large).jpg

O grupo de formandas mostrou grande entusiasmo neste primeiro dia de formação, considerando a possibilidade de aumentar quer a sua escolaridade, quer o seu nível de qualificações.

A EPATV congratula-se pela abertura deste curso e pela presença de um grupo de formandos adultos, que se junta aos restantes do Centro Qualifica, dando voz à educação de adultos numa escola com espírito de diversidade e onde ninguém fica para trás.

EPATV PARTICIPA NA SEMANA DE TREINO DO WORLDSKILLS 2021

A Escola Profissional Amar Terra Verde (EPATV), através da sua docente Ana Luís Nogueira, está a participar na semana de treino do Campeonato das Profissões “Worldskills Portugal”, onde os jovens altamente qualificados competem entre si, em 27 profissões a concurso.

ana luis.jpg

Trata-se de uma iniciativa do IEFP (Instituto de Emprego e Formação Profissional) que decorre no Porto até ao dia 2 de outubro, tendo-se iniciado no dia 28 de setembro, em que a docente da EPATV participa como jurada convidada.

Esta ação integra-se no estágio para Graz (Áustria), que acolhe a final europeia, onde participam os vencedores — jovens entre os 17 e os 25 anos — que concluíram ou frequentam o ensino profissional e lhes permite realizar provas que simulam situações reais de trabalho.

Estas provas visam testar as suas capacidades, rigor, competência e o domínio das técnicas e de ferramentas para o exercício da sua profissão. Este campeonato nacional acontece de dois em dois anos e reúne os melhores da fase da pré-seleção que disputaram entre si o título de campeão nacional em cada profissão

Para a WorldSkills Portugal, esta representação nacional ganha relevância acrescida num tempo em que a qualificação dos nossos jovens se afigura como fundamental para combater o cenário de excecionalidade em que vivemos.

Foi em clima de boa disposição e com palavras de reconhecimento e de ânimo que o Vice-presidente do IEFP, António Leite, deu início à 1.ª semana de estágio para o Campeonato Europeu das Profissões, EuroSkills Graz 2021. António Leite sublinhou que "são os momentos difíceis que nos moldam", reafirmando a convicção de que todos estarão à altura das provas que os esperam nos próximos meses na Áustria e, daqui a um ano, em Xangai.

No último Campeonato Europeu das Profissões, Portugal ficou na 8.ª posição entre 28 países europeus e confirmou que a nossa formação profissional possui qualidade, preparando os jovens para um mercado de trabalho global e competitivo. Por outro lado, os jurados beneficiam com a aquisição de “know-how” por via da partilha e contacto com os seus pares internacionais, tornando esse conhecimento uma mais valia para as respetivas entidades formadoras.

É neste contexto, ainda que num quadro e alguma incerteza, que este estágio de treino leva os concorrentes a dar o salto entre as competências adquiridas por via da formação e as que são exigidas num ambiente de competição, visando uma participação de excelência para Portugal.

IGESP REÚNE CESPU, ISAVE E IESF NUM TRIO DE FORMAÇÃO SUPERIOR

A Associação IGESP - Implementação e Gestão do Ensino Superior Profissional (associação sem fins lucrativos), surge no âmbito de um consórcio entre três Instituições de Ensino Superior: CESPU - Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário, CRL; ISAVE - Instituto Superior de Saúde e o IESF - Instituto de Estudos Superiores de Fafe.

igesp 30set2020 v2_Prancheta 1.jpg

Esta é uma excelente oportunidade de se criarem sinergias de forma a promover-se um ensino e investigação de referência em áreas prioritárias na região.

Esta associação assume os seguintes parâmetros de atuação:

   - Promoção da formação profissionalizante pré-graduada, não conferente de grau e de âmbito superior através de cursos de formação e CTeSP, visando a formação especializada e orientada para as necessidades dos vários agentes económicos;

   - Promover a difusão do conhecimento e da cultura, destacando-se no espaço europeu e possibilitando um quadro de estudos de formação alargado a múltiplas áreas;

   - Diversificar a oferta formativa, projetando um cluster multidisciplinar integrando as áreas da Gestão, Hotelaria, Turismo, Saúde e Bem-estar, contribuindo para a (re)qualificação de profissionais de elevada capacidade técnica e científica, que persigam a exigência da qualidade na prestação da sua atividade.

Sedeada na Rua São Domingos 94B, São Vítor, 4710-435 Braga, a IGESP disponibiliza os seguintes CTeSP (Cursos Técnicos Superiores Profissionais): Turismo de Saúde e Bem-Estar; Gestão Operacional Hospitalar; Comércio Internacional; Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação; Animação em Turismo de Natureza e Aventura; Estética, Cosmética e Bem-Estar e Cuidados Continuados Integrados.

AMARES: CONSOLIDAÇÃO E SEGURANÇA ABREM NOVO ANO NO ISAVE

A consolidação como Escola inovadora e o grande enfoque na segurança dos seus alunos constituíram os sentimentos que se viveram hoje, dia 29 de setembro, na abertura do novo ano letivo do Instituto Superior de Saúde (ISAVE), em Amares.

IMG_3155.jpg

“Pela primeira vez”, destacou Mafalda Duarte, presidente da direção, “o ISAVE abre uma nova licenciatura, a de Dietética e Nutrição, ao mesmo tempo que consolida o CTeSP (Curso Técnico e Superior Profissional) de Proteção Civil e Socorro, com uma turma no segundo ano e uma nova turma no primeiro”.

No que diz respeito às áreas de Fisioterapia e Enfermagem “há um enorme incremento do número de matrículas” o que faz do ISAVE “um projeto mais consolidado e importante pelo serviço académico que presta, promotor do desenvolvimento local”.

O aumento exponencial de novos alunos e a nova licenciatura têm “efeitos visíveis na economia local, desde o alojamento ao comércio, com destaque para a restauração e serviços”.

A presidente do ISAVE destacou, ainda, o sistema misto de ensino que esta Escola vai adotar, de modo a corresponder e respeitar as regras de saúde, em contexto de pandemia, com uma parte dos alunos em ensino presencial e outra parte em plataformas on-line.

“Este sistema misto de aprendizagem responde à preocupação de ocupação do edifício, segundo as regras da DGS (Direção Geral de Saúde), e garante a segurança de alunos, professores e funcionários” – acrescentou Mafalda Duarte.

“Sendo as tecnologias da saúde uma componente principal das nossas licenciaturas, tudo o que à prática ou teórico-prática diz respeito, ocorrerá presencialmente”, salientou aquela responsável.

Para permitir aos alunos a sua máxima segurança, o ISAVE realizou uma conferência, através da Web, sobre as novas normas de funcionamento da escola.

O Webinar Covid-19: preparação do ano letivo, foi dinamizado pela Professora Daniela Gonçalves, no dia 23 de setembro, divulgando as medidas de prevenção implementadas no ISAVE, obedecendo a um plano de contingência rigoroso, num momento crucial de regresso às atividades letivas presenciais.

O dia inaugural de aulas foi também marcado pela distribuição de Equipamento de Proteção Individual contra a Covid-19, incluindo uma máscara reutilizável e um frasco de álcool gel.

ESCOLA PROFISSIONAL AMAR TERRA VERDE (EPATV) É UMA DAS MAIORES E MELHORES ESCOLAS DE ENSINO PROFISSIONAL EM PORTUGAL

EPATV… 27 anos de credibilidade, competência profissional, humanismo e confiança no futuro...  sem deixar ninguém para trás

A Escola Profissional Amar Terra Verde (EPATV) é uma das maiores (700 alunos) e melhores Escolas de Portugal (89% de empregabilidade e 95% de sucesso escolar) e prepara-se para “assinalar hoje, dia 27 de Setembro, vinte e sete anos de vida, num ambiente de inovação, segurança sanitária, confiança e credibilidade confirmada junto dos jovens, pais e encarregados de educação dos concelhos do Vale do Homem (Terras de Bouro, Amares e Vila Verde)” — garante João Luís Nogueira, num misto de satisfação e  alguma amargura…

dr joao luis nogueira.JPG

“O Governo isenta de IVA as escolas públicas na compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPI's) face à Covid-19 mas os 700 alunos da EPATV, na sua maioria oriundos de famílias carenciadas, têm de contar com o esforço financeiro da EPATV que foi forçada a investir cerca de cem mil euros. Ninguém se insurge contra esta ignorância do poder que desrespeita os mais elementares direitos constitucionais?” — pergunta o Diretor Geral da EPATV.

No contexto atual, as normas de saúde pública não permitem que a Escola faça a celebração dos seus 27 anos de forma a evitar ajuntamentos e a cumprir as regras da DGS (Direção Geral de Saúde). Esta contingência condiciona um programa festivo com atividades gerais, com maior participação da comunidade e grande interação de projetos (envolvendo empresas, autarquias e pais), como vem sendo hábito.

“Mas esse não é o nosso maior problema — destaca João Luís Nogueira — uma vez que esta situação de pandemia a manter-se, vai condicionar a colocação dos nossos jovens em estágios profissionais quer nacionais, quer internacionais”, o que exige aos “professores e colaboradores um elevado esforço no cumprimento das regras e organização diária de modo a manter o foco na aprendizagem”.

Mesmo assim, a EPATV não vai deixar passar em claro a data da sua fundação, com um programa redimensionado às circunstâncias, no dia 28 de Setembro, com a entrega de iPads aos alunos das turmas do primeiro ano (190), numa cerimónia simbólica de entrega ao Curso Técnico de Frio e Climatização. Ao longo da manhã, são confiados a toda a comunidade escolar, Kit's Covid de Proteção Individual (máscaras e álcool-gel individual).

Apesar do convite limitado, por razões sanitárias, às 13 horas, realiza-se o almoço comemorativo dos 27 anos da EPATV, com homenagem aos colaboradores com vinte anos de serviço à escola (Nuno Silva, Américo Silva, Palmira Moreira e João Martins).

Momento emocionante será a entrega de prémios de mérito aos melhores alunos do passado ano letivo: Patrícia Dias (17.8 valores no curso Técnico de Cozinha/Pastelaria) e Daniela Azevedo (do CEF T3 em Assistente Administrativo).

João Luís Nogueira destaca, neste contexto, “a alteração de horários, a reorganização do espaço escolar para encontrar novos espaços de recreio e locais que evitem ajuntamentos e ofereçam conforto e bem-estar aos alunos, em segurança e tranquilidade para os pais”.

A EPATV investiu cerca de “cem mil euros para dar segurança e confiança à comunidade educativa, pais e encarregados de educação, para apetrechar os alunos com meios tecnológicos e digitais que lhes permitam aceder a ferramentas que facilitem a sua aprendizagem e em Equipamentos de Proteção Individual (EPI's), como um túnel de desinfeção, saídas específicas para evitar cruzamentos, entre outras”.

Uma das 'marcas de água' deste esforço da EPATV é a “entrega de IPAD's aos alunos do primeiro ano, de forma a que possam acompanhar, com maior aproveitamento, mais competências digitais, que lhes permitam um ensino à distância com qualidade, se a Covid assim exigir”.

João Luís Nogueira refere que esta “aposta na educação digital já fazia parte do plano estratégico e a Covid veio acelerar este sonho, até porque temos em marcha a aquisição de PC's (computadores pessoais) para alunos com dificuldades aquisitivas e se cumpra o lema de escola inclusiva - não deixando ninguém para trás”.

“Porquê?” — interroga o diretor geral da EPATV. “Afinal, quem são os alunos da EPATV? São filhos da terra e pretendem, com as suas competências adquiridas, contribuir para o seu sucesso escolar e profissional, na ajuda da sua família a obter melhores condições de vida, no desenvolvimento da terra onde vivem, são alunos responsáveis e conscientes dos seus direitos no cumprimento do seu dever, são cidadãos de primeira, vivam onde vivam. Não somos julgados pelo que fomos ou somos, mas pelo que fazemos, pela capacidade de produzir, integrar e socializar”.

As “autarquias do Vale do Homem devem perceber e agir em conformidade com alunos da EPATV que têm vontade própria, têm sonhos, têm objetivos para vencerem as adversidades, a integração social e económica no seu território”.

O Diretor Geral da EPATV reconhece o “esforço e dedicação, neste momento difícil e imprevisível das escolas no ensino/formação e toda a comunidade educativa tem um acréscimo de responsabilidade na realização de uma normalidade possível mas entristece-nos e lamentamos que o poder local e o Ministério da Educação não entendam nem valorizem o esforço e dedicação das escolas privadas neste combate pela coesão e integração socioeconómica dos nossos alunos,  mantendo permanentes discriminações na equiparação com a escola pública”.

“Os nossos alunos são cidadãos e pleno direito, os seus pais pagam os devidos impostos. Não pode haver apoios para os alunos da escola pública e nada para os alunos da escola privada que presta um serviço público, garantido pela Constituição da República Portuguesa” — garante o diretor Geral da EPATV.

Instado a dar exemplos destas desigualdades, João Luís Nogueira enumera “discriminações várias, a começar pela exclusão da EPATV em participar nos projetos de promoção do sucesso escolar, na ausência de entrega de Equipamentos de Proteção Individual (EPI's), exigência de pagamento de IVA nos investimentos realizados no combate a pandemia da Covid”.

A EPATV, com os seus professores e colaboradores, vai “agarrar o futuro com todas as suas forças, apesar das pedras que nos colocam no caminho. É nossa intenção continuar a investir na EPATV para garantir aos pais e seus filhos as ofertas diversas e únicas nos concelhos do Vale do Homem, com a qualidade já reconhecida pelo Ministério da Educação rumo à excelência”.

João Luís Nogueira sabe que é “preciso a compreensão e colaboração de todos no melhoramento do edifício escolar para o dotar de um Pavilhão Gimnodesportivo para a Educação Física e prática de desportos, o alargamento das oficinas, a aquisição de equipamento, máquinas e ferramentas, com tecnologias de ponta”.

“Só assim continuaremos a ser uma das maiores e melhores escolas profissionais” — conclui o Diretor Geral da EPATV, esperançado num novo ano letivo que “é hoje melhor que ontem e amanhã será melhor que hoje”.

AMARES DES-TRAVA-LÍNGUAS

O Auditório Conde de Ferreira, em Amares, recebe amanhã, dia 25 de setembro, a partir das 21h30, um DES-TRAVA-LÍNGUAS dedicado ao tema “COVID-19, crianças e jovens: efeitos e medidas a adoptar em Amares”.

120031645_736862910195382_108658875708496032_o.jpg

Que dificuldades estão a ser sentidas pelas crianças e jovens? Que medidas estão a ser tomadas pelas instituições do Concelho? As escolas estão completamente preparadas para o ano letivo? A população está devidamente sensibilizada para os cuidados a ter? Estas são alguma das questões que vão ser colocadas à reflexão.

O painel de debate vai contar com as representações da Câmara Municipal de Amares, a Autoridade de Saúde local e o Agrupamento de Escolas de Amares. A discussão vai ser, ainda, enriquecida com a participação de instituições locais que trabalham com crianças e jovens.

A iniciativa é organizada pelo Clube Desportivo Recreativo e Cultural Amarense, no âmbito da Semana do Desporto e Juventude, promovida pelo Município de Amares, articulada com o Programa Nacional Desporto para todos e integrada na Semana Europeia do Desporto. O debate vai ter transmissão online, em direto a partir das redes sociais dos promotores do evento.

AMARES ASSINALA SEMANA DO DESPORTO E JUVENTUDE

Webinar “Treinadores de Amares: futebol e a nova realidade”
O Município de Amares promove no próximo dia 28 de setembro, a partir das 21h00, um webinar subordinado ao tema “Treinadores de Amares: futebol e a nova realidade”. Sérgio Vieira, Miguel Santos, António Barbosa, Nelo Darque e Dani Fernandes são os treinadores convidados para este momento de partilha e reflexão.
A iniciativa vai ser dinamizada no âmbito da Semana do Desporto e Juventude, promovida pelo Município de Amares, articulada com o Programa Nacional Desporto para todos e integrada na Semana Europeia do Desporto. O debate vai ter transmissão online, em direto a partir das redes sociais do Município de Amares.

120121489_1771988772966943_832605493165675795_o.jp

AMARES REALIZA SEMANA DO DESPORTO E DA JUVENTUDE

V Semana do Desporto e Juventude de Amares decorre de 23 a 30 de setembro. Iniciativa mobiliza para a prática desportiva em segurança em tempos de pandemia

Amares prepara-se para viver a V Semana do Desporto e Juventude, iniciativa promovida pelo Município de Amares entre os dias 23 e 30 de setembro, articulada com o Programa Nacional Desporto para todos e integrada na Semana Europeia do Desporto. Este ano, tendo em conta as circunstâncias atuais fruto da pandemia provocada pela COVID-19, as atividades vão realizar-se com recurso às novas tecnologias.

IMG_3664.jpg

Para o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, “esta iniciativa tem como grande objetivo promover a prática desportiva, essencial para a saúde e o bem estar, para o lazer e o equilíbrio individual mas também para a transmissão de valores essenciais para a estruturação da vida em sociedade”. “O Município de Amares tem feito uma aposta clara na valorização do desporto para todos e hoje temos uma prática desportiva muito interessante no nosso concelho. Para além disso, temos excelentes exemplos de personalidades de Amares que, numa outra dimensão, se têm destacado ao mais alto nível do Desporto, o que é também um grande orgulho para o nosso concelho”, acrescenta.

“Esta é a 5ª semana do Desporto e Juventude de Amares. Este ano devido às contingências tivemos que adaptar o programa mas o objetivo continua a ser o mesmo: incentivar à prática do desporto e da atividade física e, este ano particularmente, demonstrar que é possível praticar atividade física mesmo com a obrigatoriedade de distanciamento social”, refere o vereador do Desporto, João Esteves. “Temos diversos espaços públicos propícios à prática desportiva individualizada em segurança e a COVID-19 não deve ser motivo para uma vida mais sedentária”, sublinha João Esteves.

O programa vai contemplar 2 webinar´s. O primeiro, presencial, vai acontecer no dia 25 de setembro, às 21h00, no Auditório Conde de Ferreira, com o intuito de levar a refletir sobre a COVID-19 e o seu impacto nas instituições e na juventude. A iniciativa vai ser organizada pelo Clube Desportivo Recreativo e Cultural Amarense e também vai ser transmitida online. O segundo, decorre no dia 28, subordinado ao tema “Treinadores de Amares: futebol e a nova realidade” e vai contar com a participação de Sérgio Vieira, Miguel Santos, António Barbosa, Nelo Darque, Dani Fernandes.

A V Semana do Desporto e Juventude de Amares vai ser dividida por temas, abrangendo diferentes tipos de desportos, nomeadamente o desporto: no trabalho, outdoor, na escola, náutico, inclusivo e, finalmente, o desporto sénior. Diariamente, vão ser lançados vídeos com o testemunho de diversas personalidades do quadrante desportivo de Amares, que vão partilhar as suas experiências e incentivar à prática desportiva.

Está também prevista a realização de uma noite desportiva, no dia 26, dinamizada por três ginásios do concelho, através das redes sociais do Município de Amares.

A semana encerra no dia 30 de setembro com uma singela cerimónia de reconhecimento de mérito desportivo a três atletas do concelho: Joana Vasconcelos, Gustavo Mendonça e Bárbara Afonso.

Programa

Dia 23 – Desporto no Trabalho

Dia 24 – Desporto Outdoor

Dia 25 – Desporto na Escola /Webinar a COVID-19 O impacto nas instituições e na juventude

Dia 26 – Noite Desportiva

Dia 27 – Desporto Náutico

Dia 28 – Desporto Inclusivo / webinar tema  Treinadores de Amares futebol, e a nova realidade e

Dia 29 – Desporto Sénior

Plataformas de acesso:

https://amares.pt/

https://www.facebook.com/cmamares

ARTISTA ROSA VAZ EXPÕE EM AMARES

Rosa Vaz nasceu em Angola. Representada em várias colecções particulares e públicas. Artista plástica e promotora cultural com incidência na Lusofonia. Membro de várias associações culturais e de apoio Sócio/Cultural e Humanitário.

Vive em Braga.

É artista do projecto ARTÁFRICA da Fundação Calouste Gulbenkian.

Participou num vasto conjunto de exposições individuais e colectivas em Portugal e no estrangeiro.

Em exposição no Solar das Bouças até 11 de Outubro intitulada da Leira para a Bouça

Texro e fotos: Fernando Araújo

120016967_10218434400986429_6896632036673102728_o.

119962085_10218434397546343_9084956403812456169_o.

119946247_10218434398826375_8975539366896969963_o.

120014497_10218434400506417_4245754046506300815_o.

119833240_10218434401386439_1373731411478093311_o.

119950841_10218434407986604_5415844368301203422_o.

119976417_10218434409026630_6374469895912562985_o.

119969745_10218434407826600_8690680796637089580_o.

119964600_10218434409226635_2664340135897042189_o.

119984219_10218434408506617_7143089559099930594_o.

119962590_10218434406786574_7113636121674906209_o.

119996249_10218434407906602_7634438152422746133_o.

119934999_10218434408986629_7195023292903351627_o.

119993510_10218434408626620_2980315975627336237_o.