Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

AMARES É MUNICÍPIO MAIS FAMILIARMENTE RESPONSÁVEL

Amares recebeu bandeira de “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018”

O presidente da Câmara Municipal de Amares, acompanhado pela vereadora da Ação Social, recebeu, esta quarta-feira, em Coimbra, a bandeira “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018”, título atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), com o objetivo de distinguir as melhores práticas das autarquias portuguesas no que diz respeito às políticas de apoio municipal às famílias.

IMG_1047

É a primeira vez que o Município de Amares recebe esta distinção como resultado das opções e políticas sociais que têm sido implementadas e desenvolvidas nos últimos anos, motivadas pela prestação de um serviço cada vez mais próximo, equitativo e socialmente responsável à população amarense.

“Este galardão demonstra a aposta efetiva em políticas municipais mais amigas das famílias amarenses que têm vindo a contribuir para o aumento da qualidade de vida do nosso concelho. Estamos comprometidos com esse objetivo”, refere o presidente da Câmara de Amares, Manuel Moreira.

Reconhecendo que a atribuição desta distinção constitui “um motivo de alegria e orgulho”, Manuel Moreira lembra que a mesma representa um incentivo para fazer mais e melhor no que em matéria de políticas de apoio às famílias amarenses diz respeito.

Ao longo dos últimos anos, o executivo municipal liderado por Manuel Moreira implementou diversas medidas e políticas sociais familiarmente responsáveis, que vão desde a comparticipação mensal da medicação a mais de 200 idosos do concelho, passando pelo apoio à aquisição da vacina “Bexsero”, destinada a prevenir a meningite, a gratuitidade do transporte a todos os alunos de Amares que se encontrem a cumprir a escolaridade obrigatória, desde o 5º ao 12º ano, até aos projetos “Habitação Digna”, ou “Cartão Municipal Sénior”, entre outros.

A nível nacional, o Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis distinguiu 70 municípios com a Bandeira Verde por terem práticas amigas das famílias.

IMG_1053

AMARES PARTICIPA NA SEMANA EUROPEIA DA PREVENÇÃO DE RESÍDUOS

A Câmara Municipal de Amares associou-se à "Semana Europeia da Prevenção de Resíduos (EWWR)", uma iniciativa de cariz internacional que pretende promover a consciencialização para a necessidade da redução de produção de resíduos com vista à sustentabilidade no nosso planeta, dinamizando diversas iniciativas em todos os países da União Europeia e motivando várias entidades a aderir de modo que esta temática entre no dia-a-dia dos cidadãos europeus.

cartaz semana dos resíduo s

"Agir em conjunto, reduzir os resíduos" dá mote a esta Semana Europeia da Prevenção de Resíduos" que arrancou no passado dia 17 e novembro e decorre até 25 de novembro. Em Amares, as ações de sensibilização tiveram início ontem com uma troca de livros usados e outros materiais, a realizar-se na Biblioteca Municipal de Amares e na Associação de Funcionários do Município de Amares, entre os dias 19 e 23, uma oficina de reutilização de roupa promovida no dia 22, na Galeria de Artes e Ofícios, e a hora do conto "É tempo de desintoxicar por um planeta mais azul", agendada para o dia 24 também na Biblioteca Municipal.

AMARENSES DESCOBREM MUNDO MARINHO

Mais de 1300 amarenses foram à descoberta do mundo marinho

Alunos, professores e público em geral aprofundaram, entre os dias 13 e 17 de novembro, conhecimentos sobre o oceano, de visita ao “Vaivém Oceanário”, projeto de educação ambiental em movimento do Oceanário de Lisboa, que se instalou na Praça do Comércio, em Ferreiros, Amares.

02

Durante os cinco dias, cerca de 1200 crianças e 150 adultos amarenses tomaram contacto com este projeto, cujo objetivo central passa por promover o conhecimento dos mares e, simultaneamente, sensibilizar a comunidade para a conservação do património natural, através de um conjunto de ações lúdicas e pedagógicas de descoberta do mundo marinho.

O vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Amares, Vítor Ribeiro, reafirma “o compromisso do Município com a melhoria da qualidade ambiental e o seu papel na sensibilização de toda a comunidade para a sustentabilidade de todos os ecossistemas”. Em jeito de balanço, o vereador destaca, ainda, “a adesão da população” e o feedback “muito positivo” que recebeu ao longo desta estadia no concelho.

A iniciativa, promovida pela Câmara Municipal de Amares, através do pelouro do Ambiente, e pelo Oceanário de Lisboa, foi realizada no âmbito da Agenda Ambiental 2018, com o intuito de promover, uma vez mais, a responsabilidade social e a preservação ambiental como um compromisso com a vida.

AMARES PARTICIPA NO FÓRUM NACIONAL PARA A DIVERSIDADE

A Câmara Municipal de Amares, entidade pertencente à comissão executiva do Núcleo Norte da Carta Portuguesa para a Diversidade, integra, nos dias 21 e 22 de novembro, o II Fórum Nacional para a Diversidade. A iniciativa vai decorrer na Quinta Narcisus Eventos, na Póvoa do Lanhoso e as inscrições podem ser efetudas através do link: https://docs.google.com/…/1FAIpQLScZ_0_XER3w5Vhlf6…/viewform) , mediante pagamento.

Para participação no fórum sugere-se um contributo simbólico a partir de 10 euros por participante para organizações signatárias e 15 euros por participante para organizações não signatárias.

PROGRAMA (resumo):

21 de novembro

15h - Realização de visitas culturais gratuitas

18h - Receção dos participantes de Carta pelas novas entidades signatárias

19h00 – Jantar (mediante pagamento)

21h00 - Café Concerto Inclusivo

22 novembro

9h00 – Café de boas vindas: receção dos participantes

9h30 – Sessão de abertura

10h00 - Apresentação da Carta Portuguesa para a Diversidade e do Núcleo Norte

10h30: coffee break

Comunicando a Diversidade: O Papel das Cartas para a Diversidade

10h45 - Apresentação da Carta para a Diversidade da Estónia, Luxemburgo ePolónia

13h00: almoço (mediante pagamento)

14h00-16h30:

Painel 1 - Comunicando a Diversidade: o papel das empresas

Painel 2 - Comunicando a Diversidade: o papel do setor público

Painel 3 - Comunicando a Diversidade: o papel do 3º setor

17h30: Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade – Rosa Monteiro

MAIS INFORMAÇÕES:

Secretariado da Comissão Executiva da Carta Portuguesa para a Diversidade

Carla Calado - Fundação Aga Khan Portugal – 968630128 ou através do email secretariado@cartadiversidade.pt

cartaz II forum diversidade-1

VAIVÉM OCEANÁRIO ATERROU EM AMARES

O projeto de responsabilidade social do Oceanário de Lisboa em movimento tem como porto de abrigo, até ao próximo dia 17 de novembro, o Município de Amares. O Vaivém Oceanário já se encontra estacionado na Praça do Comércio, em Ferreiros, com o intuito de promover o conhecimento dos oceanos e sensibilizar a comunidade para a conservação do património natural. O projeto oferece um conjunto de ações lúdicas e pedagógicas de descoberta do mundo marinho.

DSC04850

As primeiras ações dedicadas às escolas arrancaram, esta manhã, e decorrem até ao próximo dia 16 de novembro. Pelo meio, vai ser realizado um workshop para professores e educadores e a terminar a estadia no concelho as portas vão estar abertas ao público em geral no dia 17 de novembro. As inscrições são gratuitas mas obrigatórias podendo ser eftuadas através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeLUH50ekxb-Onr88y-8FuSMiCdThpVQpkInbYR6CFLOS_j7A/viewform, para a sessão destinada a professores e educadores, e através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeNp67Mqb3CUY8lx5l7KNIe0Y5atK2NbsYSTYhKwJxd26jdQg/viewform, ou presencialmente na Galeria de Artes e Ofícios, para a população em geral.

A iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Amares, através do pelouro do Ambiente, e pelo Oceanário de Lisboa convida assim toda a população local a participar nas suas diversas atividades e a compreender como o oceano nos influencia, o nosso impacto no oceano e qual é o nosso papel na sua conservação.

"Embarque na descoberta do maior ecossistema do nosso planeta, residência de mais de 238 000 espécies marinhas e onde há muito por revelar e explorar. Apure os seus sentidos, parta numa viagem de ida e volta para todos os tamanhos e saiba como pode ajudar a combater uma das maiores ameaças que o oceano enfrenta: o plástico", é o desafio lançado aos visitantes.

Paralelamente, a Galeria de Artes o Ofícios tem patente uma mostra de fotografias alusivas à exposição interativa referente à Rede Natura 2000, que tem vindo a ser divulgada na Abadia, e que pode com recurso a novas tecnologias ser explorada pelos visitantes para que fiquem a conhecer um pouco mais sobre as espécies ali retratadas.

DSC04852

AMARES É MUNICÍPIO FAMILIARMENTE RESPONSÁVEL

Amares reconhecida como “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018”

O Município de Amares foi distinguido como “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018”, uma menção atribuída pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), que tem por objetivo galardoar e divulgar as melhores práticas das autarquias portuguesas em matéria de apoio municipal às famílias.

_    Autarquia-Familiarmente-Responsável

A cerimónia de entrega das bandeiras aos municípios distinguidos vai ter lugar no dia 21 de novembro, na Fundação CEFA – Fundação para os Estudos e Formação Autárquica, em Coimbra, momento em que o Município de Amares vai figurar entre os 70 municípios reconhecidos, de um total de 130 candidaturas.

Para o presidente da Câmara de Amares, Manuel Moreira, este é um reconhecimento do trabalho que têm sido feito na área social em prol das famílias amarenses e que constitui, ao mesmo tempo, um motivo de orgulho e um incentivo para que continuemos a trabalhar cada vez mais e melhor para sermos um concelho mais amigos das famílias amarenses nesta e em outras áreas”.

A vereadora da Ação Social, Cidália Abreu, lembra que esta distinção resulta de uma avaliação feita pelo OAFR a um conjunto de políticas “familiarmente responsáveis” dentro das quais o Município de Amares se enquadrou.

“Isto demonstra que tem sido feito um enorme investimento da área social e familiar e que o Município de Amares está a adotar medidas que promovem, cada vez mais, a qualidade de vida dos amarenses nas mais diversas áreas, nomeadamente no que diz respeito às políticas de apoio à família”. Naturalmente que este reconhecimento externo nos deixa muito orgulhosos”, sublinha.

Entre os critérios de distinção para atribuição do título de “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018” encontram-se as políticas de apoio à família em várias áreas de atuação dos municípios, entre outras, serviços básicos, educação e formação, habitação e urbanismo, transportes, cultura, desporto, lazer e tempos livres, cooperação, relações institucionais e participação social, saúde, entre outras.

No caso do Município de Amares destacam-se, entre um conjunto de medidas implementadas, o apoio à aquisição da vacina “Bexsero”, destinada a prevenir a meningite, o “Cartão Municipal Sénior”, a gratuitidade do transporte a todos os alunos de Amares que se encontrem a cumprir a escolaridade obrigatória, desde o 5º ao 12º ano, o projeto “Habitação Digna”, o apoio no transporte a doentes oncológicos e a comparticipação mensal da medicação a mais de 200 idosos do concelho.

MUNICÍPIO DE AMARES LANÇA FACTURA ELECTRÓNICA

Medida facilitadora e mais amiga do ambiente

No âmbito da aposta contínua da modernização administrativa e com o objetivo de proporcionar uma maior qualidade no atendimento prestado aos munícipes, a Câmara Municipal de Amares passa a disponibilizar a possibilidade de receber e pagar,de forma eletrónica,as faturas de consumo de água, saneamento e resíduos sólidos, entre outras.

Fatura      eletrónica

A adesão à fatura eletrónica permite de forma rápida, segura e amiga do ambiente a substituição da receção das faturas, em papel, através de correio normal, pela receção cómoda na caixa de correio eletrónica.

Maior facilidade, mais segurança e melhor organização, são as vantagens associadas à adesão a este serviço, totalmente grátis,e que permitirá aos amarenses o acesso à sua área pessoal, onde poderá consultar todas as suas faturas a partir de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Quem pretender aderir à fatura eletrónica, pode fazê-lo através da Chave Móvel Digital (CMD), um meio de autenticação seguro e totalmente digital associado ao cartão de cidadão e que permite a associação de um número de telemóvel ao número de identificação civil (NIC) para um cidadão português e o número de passaporte para um cidadão estrangeiro residente em Portugal.

Caso já tenha a CMD, basta seguir os passos: aceder ao link: https://facturaeletronica.municipioamares.pt; clicar em cartão do cidadão; autorizar a utilização dos seus dados; introduzir o seu número de telemóvel e PIN; introduzir o código que recebeu por SMS e confirmar os seus dados pessoais.

Caso ainda não tenha a CMD, o munícipe pode efetuar o seu pedido através do link: https://www.autenticacao.gov.pt/cmd-pedido-chave.

Há, ainda, a possibilidade de adesão por correio eletrónico através do email:faturacao@municipioamares.pt ou ainda no balcão de atendimento dos serviços da Câmara Municipal de Amares.

Para mais informações consultar: http://www.cm-amares.pt/fatura-eletronica

BOMBEIROS DE AMARES QUEREM ADQUIRIR AUTOTANQUE

Município de Amares atribui subsídio de 25 mil euros aos Bombeiros Voluntários. Verba destina-se a aquisição de um autotanque

O presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, e o presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares, José Gonçalves, acabam de assinar um protocolo de concessão de apoio financeiro através do qual a autarquia concede à instituição, a título de subsídio extraordinário, o montante de €25.000,00, destinado à comparticipação nas despesas com a aquisição de um autotanque para a corporação.

DSC04424

O respetivo protocolo resulta de um pedido efetuado pela direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares junto da Câmara de Amares a solicitar um apoio financeiro para aquisição de um autotanque com capacidade de 16/18 mil litros a ser colocado no corpo de bombeiros e que servirá também para abastecimento de água às populações, sempre que necessário.

Para o presidente Manuel Moreira, este autotanque vem resolver “um problema grave”. “O ano passado, infelizmente, com o problema da seca que houve a câmara gastou muito dinheiro, cerca de 100 mil euros em transporte de água. Com esta compra situações desse género poderão ser acauteladas, esperemos que não volte a acontecer, mas se acontecer temos aqui uma resposta pronta para essas e outras eventualidades”, refere o edil.

Também o presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amares reconhece que esta aquisição será uma “mais-valia” quer para o corpo de bombeiros que para o concelho. “Este é um investimento que não tínhamos capacidade para fazer sem o apoio da câmara municipal e que vai ajudar em duas vertentes: no caso abastecimento de água situação em que ficamos muito melhor apetrechados já que o atual auto tanque apenas tem capacidade para 8 mil litros e no caso de incêndios também passamos a estar munidos de mais água para fazer chegar aos locais”.

DSC04443

 

AMARES HOMENAGEIA GUALDIM PAIS

No âmbito das comemorações evocativas dos 900 anos do nascimento de D. Gualdim Pais, figura incontornável do Município de Amares, vai ser inaugurada, esta sexta-feira, dia 2 de novembro, a partir das 11h00, no Centro Escolar D. Gualdim Pais, em Amares, um painel comemorativo e uma exposição alusivos ao mestre da Ordem do Templo em Portugal.

Esta iniciativa surge fruto de um desafio lançado pela Câmara Municipal de Amares a todos os alunos do respetivo estabelecimento de ensino para que dessem “asas à sua imaginação” e elaborassem ilustrações alusivas a D. Gualdim Pais, monge guerreiro que dá nome a um dos centros escolares do Agrupamento de Escolas de Amares e que contou com a participação de 13 turmas, com cerca de 225 trabalhos a concurso.

Encerramento Jornadas Gualdinianas

PROJETO DE VOLUNTARIADO JOVEM DE AMARES DISTINGUIDO ENTRE OS TRÊS MELHORES DO DISTRITO DE BRAGA

O Projeto Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas “ Valorizar e Proteger a Rede Natura 2000” do Município de Amares foi um dos três selecionados a nível distrital no concurso "Boas Práticas de Voluntariado e Geração Z", promovido pelo IPDJ - Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P.. O projeto segue agora para a segunda fase do concurso na qual vão ser apurados os melhores da região norte.

DSC01503

O projeto amarense surgiu no âmbito do programa “Voluntariado Jovem”, do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), acolhido pela Câmara Municipal de Amares, durante o passado mês de julho, e que contou com a participação de seis jovens: cinco de Amares e um de Guimarães.

07

Para Vítor Ribeiro, vereador do Ambiente da Câmara de Amares, “este é um reconhecimento por parte do IPDJ por todo o trabalho desenvolvido e que permitiu aliar a vigilância da floresta ao reconhecimento da biodiversidade existente no perímetro florestal da Abadia. Este espaço integra a Rede Natura 2000 e a Reserva da Biosfera da Unesco e possui uma riqueza enorme ainda por explorar”.

“O trabalho destes jovens foi extraordinário e é um orgulho para o Município de Amares ser distinguido pelo trabalho desenvolvido” acrescentou o vereador, agradecendo a colaboração de todos os que contribuíram para o sucesso deste projeto de voluntariado levado a cabo em articulação com o IPDJ e a Confraria da Abadia.

Recorde-se que, fruto do trabalho desenvolvido durante este programa de voluntariado, esteve patente no Centro Interpretativo da Abadia uma exposição interativa alusiva à Rede Natura 2000, através da qual foi possível dar a conhecer aos visitantes o património ecológico do concelho.

Outra das iniciativas levadas a cabo foi a criação da brochura “Viagem pela Biodiversidade: a Abadia enquanto laboratório vivo”, um retrato que dá a conhecer as espécies naturais existentes e promove, simultaneamente, a Abadia enquanto destino turístico em termos paisagísticos e ambientais e que vai, posteriormente, ser distribuída em todas as escolas do concelho.

02

MUNICÍPIO DE AMARES VOTA ORÇAMENTO MUNICIPAL

Orçamento de 20.6 milhões de euros votado pela Câmara Municipal de Amares

O valor global do orçamento municipal de Amares, que se posicionava em valores superiores a 16milhões e 700 mil euros no ano 2018 –na altura jáconsiderado um valor histórico – situa-se, em 2019, em valores superiores a 20 milhões de euros(20.658.205€). Segundo o Presidente Manuel Moreira “este valor é o reflexo de uma política fortemente empenhada e comprometida com a captação de investimento”. As despesas de capital representam 51% da despesa total reforça o autarca.

DSC04410

Ao nível da RECEITA, as previsões de receitas correntes correspondem a 56% das verbas arrecadadas e as receitas de capital a 44%. Asreceitas de capital resultantes de investimentos já garantidos através do Norte 2020 e POSEUR situam-se em valores globais superiores a cinco milhões de euros (5.209.709.00€).A este valor acresce o empréstimo a médio/longo prazo de 3.355.035,00€ obtido na sequência de uma candidatura ao EQBEI, homologada pela Agência de Desenvolvimento e Coesão, para financiar investimento comunitário, nomeadamente.

Durante o ano 2019 o Município de Amares irá terminar: a execução do cadastro das infraestruturas dos sistemas em baixa de água e saneamento do concelho; concluir a obra de Ampliação e Reabilitação da EB23 de Amares;dar continuidade à extensão e fecho de sistemas de saneamento de águas residuais; dar continuidade à execução do projeto “Amares Mais Digital” para modernização dos serviçose dar continuidade ao Projeto Escola para Todos e ParaAmares a Leitura.

A captação de investimentofoi definida como uma área de atuação prioritária para o próximo ano e para tal, o Presidente anunciou a vontade de intervir na revitalização do comércio local. “Queremos, de mãos dadas com os nossos comerciantes e investidores, criar condição de atratividade. Vamos, por isso, a par de outras medidas, intervir na Praça do Comércio e no espaço da Feira Semanal com o intuito de criar espaços que promovam o convívio e a circulação de pessoas e possam reatar laços de proximidade com o comércio local”.

Na apresentação do orçamento foi, ainda, anunciado que está concluído um projeto de Mobilidade Urbana Sustentável que conectará a Praça do Comércio com o Centro Escolar de Ferreiros, a EB 2/3, a Escola Secundária de Amares e o Centro de Saúde. As piscinas municipais cobertas serão também requalificadas, ao abrigo do programa da eficiência energética, criando melhores condições para os utentes.

A criação de um centro de recolha oficial de animaisé outro dos projetos ambicionados para 2019 e permitirá construir uma infraestrutura moderna para promover o bem-estar animal de acordo com a legislação em vigor.

Do capítulo despesas de capitalsairão,ainda,cerca de 8 milhões e 800 mil euros para aquisição de bens de capital, transferências de capital para as juntas de freguesia com um valor absoluto superior a 680 mil euros e subsídios ao investimento a instituições num valor superior a 250 mil euros.

Ao nível do Investimento, as Grandes Opções do Plano apresentado estão direcionadas para as Funções Sociais, com destaque para a Educação com verbas na ordem dos 738.288.20€, Ordenamento do Território 4.272.409.50€ e Saneamento 2.763.924.00€.

“Entramos num novo ciclo de investimento, num novo tempo, onde novos paradigmas se impõem. Mas mais do que as obras, mais até do que a exigência, o rigor e a transparência com que gerimos os dinheiros públicos que nos são confiados, saberemos sempre interpretar o sentido mais profundo do interesse público e da coisa pública.Para nós os Amarenses estão sempre em primeiro lugar e é para eles que trabalhamos.Procurámos construir um orçamento que sirva os cidadãos, que melhore a sua qualidade de vida e atenda às suas necessidades e anseios legítimos”, sublinha o Presidente Manuel Moreira.

Para o orçamento de 2019 é, ainda, de destacar uma previsão de redução das despesas correntes, que representarão 49% das despesas, na linha do padrão já verificado no orçamento do ano anterior.

O Orçamento e Plano Plurianual de Investimentos para o ano 2019 foi aprovado, esta manhã, com cinco votos a favor e duas abstenções em reunião de câmara. A proposta vai ser analisada em Assembleia Municipal no dia 30 de novembro.

AMARES PROMOVE DEFESA PESSOAL

Amares voltou a receber um dos maiores especialistas mundiais em defesa pessoal

Luna Martim, um dos maiores especialistas mundiais em defesa pessoal (Krav Maga) esteve, no passado, sábado de regresso ao concelho de Amares para ministrar mais um seminário, acompanhado pela sua equipa e por Fernando Suissas, representante do mestre argentino em Portugal.

DSC_2831

A iniciativa juntou cerca de 80 amantes da modalidade, que vieram um pouco de todo o país e também da vizinha Espanha, para aprender um pouco mais sobre a arte da defesa pessoal.

“É com imenso orgulho que voltamos a receber em Amares grandes mestres da defesa pessoal. Ver esta sala repleta de pessoas motivadas é sinal de que este género de iniciativas atraem cada mais gente ao nosso concelho o que prova também a qualidade do desporto e das ações deste cariz que são organizadas por cá” referiu, Manuel Moreira, presidente da Câmara Municipal de Amares, uma das entidades que apoiou este evento desportivo, ao dar as boas vindas a todos os participantes.

Pela segunda vez em Amares, Luna Martim reconheceu que era com “muito gosto” que regressava ao concelho e destacou a utilidade desta modalidade no dia-a-dia de cada um. “Nos dias de hoje é cada vez mais importante as pessoas saberem como se defenderem, pois vivemos num mundo cada vez mais violento. Podemos encontrar situações hostis e  é importante saber como nos comportarmos. A expressão facial, corporal e o saber falar pode ajudar-nos muito a sair bem de determinadas situações”.

No decorrer do seminário, que decorreu no Salão Nobre dos Bombeiros Voluntários de Amares, Jorge Silva e José Costa ofereceram uma lembrança à filha de “um dos grandes amigos” do Clube Karaté-Wado Ferreiros/FC. Amares Rui Marques, que faleceu recentemente, em sinal de homenagem.

DSC_2864 (1)

ABADIA É PONTO TURÍSTICO ESTRATÉGICO DE ATRAÇÃO AO CONCELHO DE AMARES

Município e Confraria de Nossa Senhora da Abadia formalizam protocolo de colaboração para valorização do espaço.

IMG_20181016_110657

O presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, e o presidente da Confraria de Nossa Senhora da Abadia, Carlos Portela, assinaram, esta semana, um protocolo de colaboração com o intuito de apresentar uma candidatura para requalificação do Terreiro do Santuário de Nossa Senhora da Abadia e para remodelação e ampliação da “Casa das Estampas” e do ponto de venda de produtos locais, instalados no rés do chão dos Quarteis Norte.

O Santuário de Nossa Senhora da Abadia, situado na freguesia de Bouro (Santa Maria), concelho de Amares e considerado o Santuário Mariano mais antigo da Península Ibérica representa, no entender da Câmara Municipal de Amares, um foco estratégico para a dinamização de um programa cultural plurianual, para a promoção turística e económica do concelho de Amares.

“Tenho dito e volto a afirmar que a Abadia é uma das pérolas do nosso concelho. Esta candidatura representa, neste contexto, mais um importante passo para valorização e revitalização deste espaço, cujo valor arquitetónico, cultural, religiosos e simbólico contribui para atrair muitos milhares de turistas ao concelho de Amares e à região”, sublinha o presidente da Autarquia, Manuel Moreira.

A candidatura vai ser apresentada no âmbito do Aviso Norte - 28- 2018- 04 - "Estratégias de Eficiência Coletiva Provere - Projetos Âncora" para obtenção de financiamento comunitário para execução dos projetos designados de " Loja de Turismo da Abadia" e "Requalificação do Terreiro do Santuário de Nossa Senhora da Abadia".

Recorde-se que o edificado monumental da Abadia foi classificado como Monumento de Interesse Público, para o concelho de Amares e Região Norte, pela Portaria n.º 254/2016, publicada na 2.ª série do Diário da República N.º 167 de 31 de agosto. O Santuário de Nossa Senhora da Abadia integra a Rota dos Santuários Marianos.

IMG_20181016_110602

JOGADOR DE VOLEIBOL LEVA BANDEIRA DE AMARES À POLÓNIA

Jogador de voleibol amarense representa bandeira do concelho na Polónia

O amarense Filipe Ferreira, ex atleta da equipa AAAESA - Amares Volei, encontra-se a representar as cores da bandeira de Amares pelo ks metro Varsóvia league2, do campeonato de voleibol da Polónia. Uma conquista pessoal do desportista que é vista como “motivo de orgulho” para o Município de Amares.

43766910_1941809285885488_5262115285913042944_n

“O executivo municipal de Amares congratula-se com o facto de ver mais um amarense levar a bandeira de Amares para fora de portas. É com imenso orgulho que assistimos ao progresso de um produto de formação da terra, a dar cartas e a vingar no estrangeiro, conhecendo outras realidades desportivas e abrindo portas para novas oportunidades e projetos”, referiu o vereador do Desporto do Município de Amares, João Esteves.

Filipe Ferreira integrou, durante vários anos, o projeto AAAESA - Amares Volei, fazendo parte dos escalões juvenis e posteriormente da equipa. O Município de Amares espera, agora, que o jogador de voleibol tenha uma carreira bem sucedida e plena de vitórias.

AMARES DESVENDA "SEGREDOS DO CÁVADO"

O Município de Amares, a Comunidade Intermunicipal do Cávado e a Agência de Energia do Cávado inauguram a exposição "Segredos do Cávado", a ter lugar amanhã, dia 19 de outubro, pelas 11h30, na Galeria de Artes e Ofícios de Amares. A iniciativa vai esta patente neste espaço até ao dia 29 de novembro.

_    Exposição Segredos do Cávado

A exposição fotográfica “Segredos do Cávado” está Integrada na 4.ª edição do Projeto “AQUA Cávado: o rio que nos une”, edição 2018, e pretende dar a conhecer o imenso e valioso património construído existente ao longo dos Rios Cávado e Homem, quer de fins hidráulicos, industriais ou de qualquer o passado para prepararmos o futuro, assinalando assim Ano Europeu do Património Cultural 2018.

AMARES PROMOVE EXPOSIÇÃO CONTRA A POBREZA

“Missão Amar (es)” destacada pelo Município como exemplo de boas práticas no dia Internacional da Erradicação da Pobreza. Exposição fotográfica do projeto patente nos Paços do Concelho

No mês em que se assinala o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, marcado anualmente a 17 de outubro, com o objetivo de consciencializar sobre a pobreza e a miséria em todo o mundo, a Câmara Municipal acolhe a exposição “Missão Amar (es) ” – um projeto uma proposta de vida.

DSC04090

Esta exposição é um testemunho visual da experiência de voluntariado vivida nas províncias de Maputo e Chibuto, em Moçambique, pelo Clube de Solidariedade da Escola Secundária de Amares, coordenado pelo professor Bernardino Silva. Um exemplo amarense bem-sucedido que tem envolvido, ao longo dos anos, vários jovens e o apoio de diversas entidades, nomeadamente da Câmara Municipal de Amares.

A exposição vai estar patente até ao dia 31 de outubro à entrada do edifício da autarquia, no horário de funcionamento dos serviços municipais, para dar a conhecer à população amarense um pouco daquilo que está na génese deste projeto e do trabalho que tem sido efetuado no terreno.

DSC04093

Paralelamente, e para quem estiver interessado em dar o seu contributo, estão à venda, na receção dos serviços municipais, pulseiras de apoio a este projeto de cariz solidário. Outras formas de apoio são também acolhidas pelo Clube de Solidariedade da Escola Secundária de Amares, pelo que havendo essa intenção por parte de particulares ou empresários podem contactar o coordenador da “Missão Amar (es)” através do seguinte endereço eletrónico: bernardino.silva@gmail.com.

Implementada em 2016, a “Missão Amar (es) ” já cumpriu 3 ações de voluntariado internacional, ajudando mais de 300 crianças. Construção de casas, apoio nos hospitais, formações de higiene, saúde oral, primeiros socorros, lavagem nasal, aleitamento materno e ações de educação são apenas algumas das ações levadas a cabo nas províncias de Maputo e Chibuto.

DSC04097