Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MINHOTOS CAMINHAM PELA GEIRA EM AMARES

XI Ultra Geira /Via Nova Romana juntou mais de 700 participantes

Amares, acolheu, durante o dia de ontem, mais uma edição da mítica prova Ultra Trail da Geira /Via Nova Romana, iniciativa que juntou, no total, mais de 700 pessoas, que participaram nas várias modalidades da prova. Bruno Ferreira, do Águias de Alvelos, foi o grande vencedor da prova longa, de 50km, e que integra o Campeonato Nacional Ultra Trail Serie 100 TU (Grau 1). O atleta completou o percurso em quatro horas, nove minutos e 54 segundos.

DSC04619

Diogo Fernandes, representando a Dr. Merino/4Moove (04:12:11h) e Vítor Cordeiro, a EDV-Viana Trail (04:14:29h) completaram o pódio da prova principal, que decorreu entre Campo do Gerês, Terras de Bouro, e Caldelas, percorrendo parte da via romana que ligava Bracara Augusta e a Astúrica Augusta.

Em feminino, Catarina Fernandes, da Viriathus Runners Viseu, foi a primeira mulher a cortar a meta em 05:33:45h. Seguiram-se Susana Simões, da EDV-Viana Trail (05:40:40h) e Adriana Gomes, da Minho Aventura (05:42:26h).

Já no trail curto, com distância de 18km e a integrar o Campeonato Nacional de Trail Serie 100 TC (Grau 1) Victor Costa, da AD Amarante Trail Running, com 01:20:50h foi o primeiro atleta a finalizar o percurso entre S. Sebastião da Geira e Caldelas.

No segundo e terceiro lugares ficaram dois atletas da equipa Oralklass – Amigos do Trail:  António Braziela e Nuno Alves, com os tempos totais de 01:20:55 e 01:21:04 respetivamente.

Em femininos a vitória sorriu a Carla Moreira, da A.D. Amarante, com o tempo de 01:40:57, seguida de Maria Areias, da Oralklass - Amigos do trail, com o tempo de 01:42:38 e, finalmente, Alexandra Fernandes, da F50, com o tempo de 01:52:13.

Simultaneamente decorreu uma caminhada de 10 quilómetros nas imediações da Vila Termal de Caldelas.

Recorde-se que a Via Nova Romana constitui um património histórico, cultural e turístico único. As ruínas, as pedreiras ou os muitos marcos miliários da região – quantidade incomparável a outras áreas do Império Romano – são apenas alguns dos atrativos da Via Nova Romana.

DSC04652

DSC04710

DSC04717

AMARES COMEMORA O 25 DE ABRIL

A Assembleia Municipal de Amares e a Câmara Municipal de Amares assinalam o 44º aniversário da Revolução dos Cravos, lançando o convite à participação e ao envolvimento de todos os amarenses nas comemorações.

Programa:

De 23 e 29 de abril de 2018: III Semana do Associativismo

Dia 25 de abril:

10h00: Homenagem aos ex-combatentes, com deposição de coroa de flores (com a representação de um MAC – Movimento Cívico de Antigos Combatentes);

Largada de Pombos (Soc. Columbófila de Amares);

Hastear das Bandeiras;

Revista às Forças em Parada;

Exposição “Cravos de Abril – pelo associativismo de Amares” (associações concelhias, frente aos Paços do Concelho).

10h20: Participação de Alunos do Agrupamento de Escolas de Amares (frente aos Paços do Concelho).

10h30 Participação AFA – Estudos Musicais (frente aos Paços do Concelho).

10h40: Banda Filarmónica de Santa Maria de Bouro (frente aos Paços do Concelho).

11h10: Participação do CEM Luís Capela (Salão Nobre dos Paços do Concelho);

Homenagem a Trabalhadores do Mapa de Pessoal do Município (Salão Nobre dos Paços do Concelho);

Intervenção e recitação poética, pelo Agrupamento de Escolas de Amares (Salão Nobre dos Paços do Concelho)

11h30: Sessão Solene da Assembleia Municipal de Amares (Salão Nobre dos Paços do Concelho).

25 DE ABRIL

AMARENSES PEDALAM PELOS TRILHOS DE AMARES

Amares juntou cerca de 700 atletas na 3ª etapa da Gps Epic Series "Trilhos D´Amares"

Realizou-se, no passado sábado, a 3ª etapa da prova Gps Epic Series "Trilhos D´Amares", uma iniciativa promovida pelo grupo Pedalares BTT e que contou com a Câmara Municipal de Amares com um dos parceiros deste evento desportivo. No total, cerca de 700 participantes amantes da BTT aventuraram-se pelos 3 percursos distintos à disposição percorrendo os locais mais simbólicos do concelho.

DSC04078

A GPS Epic Series – Trilhos D´Amares faz parte das etapas de 2018 desta prova de âmbito nacional que engloba diversos pontos do país. Em Amares, os atletas tiveram oportunidade de escolher de entre 3 percursos: um curto de 40 kms, um médio de 65 kms e um longo de 90 kms. O trajeto passou por locais únicos do concelho, como sendo a capela de Nossa Sr.ª da Paz,o Monte de São Pedro, a Aldeia de Urjal, a Sr.ª da Abadia, São Miguel o Anjo, Santa Isabel, os 4 caminhos, as Termas de Caldelas, a Praia fluvial da Malheira, o Mosteiro de Rendufe e a Ponte do Porto.

Os participantes passaram, ainda, pelas quintas de vinho verde, “Terras d´Amares” e “Solar das Bouças”, locais onde puderam provar os ímpares vinhos da região.

DSC04113

DSC04158

AMARES RECEBE PARTICIPANTES DA 1ª EDIÇÃO DO NORTE CLASSIC

Amares acolheu, durante a tarde de sábado, a 1ª edição do Norte Classic, rali de regularidade histórico, inserido no calendário da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting. De passagem pelo Mosteiro de Rendufe, as belas paisagens que o rodeiam por entre as vinhas da Quinta d´Amares serviram de porto de abrigo às dezenas dos imponentes exemplares participantes.

DSC04215

As centenas de carros reunidos neste evento desfilaram por algumas das principais artérias do concelho e fizeram uma paragem em Rendufe, na Quinta d´Amares, local onde desfrutaram de uma prova de vinhos acompanhada por alguns dos petiscos mais tradicionais, num aprazível momento de convívio.

Considerado o segundo maior evento nacional de carros antigos, o Norte Classic teve como objetivo promover o automóvel antigo e a região Norte como destino turístico, uma região também com grande tradição no desporto automóvel, pelo que o Município de Amares se associou a esta iniciativa como forma de promover o seu território e as suas gentes.

Na concretização da 1ª edição do Norte Classic, que decorreu entre os 13, 14 e 15 de abril, a comissão organizadora do evento e o Clube Português de Automóveis Antigos, contaram com o apoio do Turismo Porto e Norte, das Câmaras Municipais de Braga, Vieira do Minho, Ponte da Barca, Amares e Fafe, assim como de um conjunto de patrocinadores.

DSC04226

DSC04266

DSC04277

 

CDRC AMARENSE CELEBROU 40 ANOS DE EXISTÊNCIA

O Clube Desportivo Recreativo e Cultural Amarense está de parabéns! São 40 anos de existência, de atividades, partilha de experiências e saberes, memórias e testemunhos que foram celebrados, durante a tarde do passado sábado, numa cerimónia que juntou no Auditório Conde Ferreira, em Amares, muitos daqueles ajudaram a escrever as páginas da história do clube.

IMG_2499

A comemoração teve início com a apresentação de um vídeo de ilustrado com os testemunhos e imagens de dirigentes, voluntários, colaboradores, atletas e ex-atletas, seguidores, entre outras pessoas que marcaram precisamente os 40 anos do CDRCAmarense.

Durante a cerimónia, o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, felicitou a coletividade pelo 40º aniversário, destacando o papel da mesma na vitalidade do concelho. “O Associativismo tem um peso importante na nossa vida e no nosso concelho. Nos Jovens e nos menos jovens. Por isso, tenho de saudar a coletividade por tantas atividades com muita qualidade e o Martinho. É um homem de garra, determinado. És um rosto e tens feito muito pelo concelho”, sublinhou o autarca, salientando “a entrega, empenho e determinação” com que o CDRCAmarense tem trabalhado em prol do concelho.

DSC04182

Referindo-se aos 40 anos de existência do clube Martinho Antunes, presidente do CDRCAmarense, lembrou que estes foram feitos de “desafios e oportunidades” que foram “acompanhando”. “Quem é de Amares sabe porque estamos aqui. Começamos por fazer coisas pequenas que foram crescendo”.

Martinho Antunes agradeceu “o apoio e empenho” de todos que ao longo dos anos têm acompanhado o CDRCAmarense, lembrando que “o clube está aqui para servir os amarenses e não só, também outras freguesias e até outros concelhos. Um obrigado a toda a gente que aqui esteve e colaborou com este clube. Com estas parcerias consegue-se fazer sempre algo mais. É esta partilha de esforços entre todas as instituições que nos faz conseguir alcançar tudo isto”.

Quem também marcou presença no aniversário foi o Diretor Regional do Norte do IPDJ, Vítor Dias, que deixou uma palavra de apreço a todos os representantes, dizendo que o o CDRCAmarense “é uma referência a nível local, regional e nacional”. “O apoio que temos dado é algum, mas seguramente garanto que é pouco para o trabalho que fazem, para o desenvolvimento das comunidades e para a formação e qualificação dos nossos jovens. É pouco para aquilo que fazem mas quero agradecer em muito o trabalho que têm desenvolvido”, acrescentou.

Já o presidente da União de Freguesias de Amares e Figueiredo,  Paulo Brito, frisou o trabalho de excelência ao nível da cultura, do desporto e de uma diversidade tão grande de áreas” e que têm contribuído para divulgar o clube, a freguesia e o concelho.

Depois da sessão no Auditório Conde Ferreira, as comemorações terminaram com um lanche convívio na sede do clube.

DSC04165

AMARES PROMOVE COMPETÊNCIAS DIGITAIS ATRAVÉS DO PROJETO "CLIC@R NA MELHOR IDADE"

Iniciativa destina-se à população sénior do concelho

"Clic@r na melhor idade", assim se chama o novo projeto que vai ser implementado pela Câmara Municipal de Amares de forma concertada com a INCoDe 2030, com o intuito de procurar desenvolver algumas competências digitais ao nível da utilização básica do computador, da navegação na internet e na utilização responsável do email e das redes sociais.

Clic@r na melhor idade

Implementada em articulação com as juntas de freguesia e IPSS´s do concelho, esta ação destina-se a pessoas com idade igual ou superior a 60 anos que ainda não têm um contato muito forte com o mundo digital. O projeto vai deslocar-se, da parte da manhã, às IPSS's e, da parte da tarde, às juntas de freguesia de forma gratuita.

A ideia base desta iniciativa é contribuir para lutar contra o cenário de exclusão digital em que vivem algumas pessoas e que não lhes permite aceder a informação útil para si e o seu bem-estar ou comunicarem com algum familiar que possa estar longe geograficamente.

O projeto implica o desenvolvimento de um trabalho em rede entre parceiros sociais locais, tendo em vista a constituição de uma Comunidade Criativa para a Inclusão Digital, no âmbito do projeto do Eixo 1 Inclusão - INCoDe2030, coordenado por Sofia Marques da Silva, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto.

A iniciativa interministerial INCoDe2030 (http://www.incode2030.gov.pt/) procura promover de forma articulada as competências digitais em Portugal estruturando-se em torno de 5 eixos: Inclusão, Educação, Qualificação, Especialização e Investigação.

Mais informações podem ser obtidas junto do Município de Amares ou da Junta de Freguesia do local de residência.

MUNICÍPIO DE AMARES SOBE 82 LUGARES NO ÍNDICE DE TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL, APRESENTANDO A SEGUNDA MELHOR PONTUAÇÃO ENTRE OS MUNICÍPIOS DA CIM CÁVADO

O presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, congratula-se com os resultados alcançados pelo Município no ranking do Índice de Transparência Municipal (ITM) correspondente ao ano de 2017, hoje divulgados. Amares registou uma subida de 82 lugares relativamente ao ano anterior, ocupando o 101º lugar entre os 308 municípios portugueses e a segunda melhor pontuação entre os Municípios da Comunidade Intermunicipal do Cávado, figurando assim entre os 50 municípios que mais melhoraram a performance nos critérios avaliados.

DSC04043

“Em 2013 quando foi feita pela primeira vez esta avaliação, o Município de Amares teve 28 pontos e colocava-se na posição 213 entre os 308 municípios portugueses. O resultado conquistado este ano demostra a crescente preocupação com a disponibilização de informação aos cidadãos no site do município. Estamos empenhados para que no próximo ano o resultado seja ainda melhor”, sublinhou Manuel Moreira.

O Índice de transparência Municipal resulta de uma avaliação feita por uma associação cívica denominada Transparência e Integridade relativamente à informação disponibilizada aos cidadãos nos sites dos municípios. O mesmo é composto por 76 indicadores agrupados em sete dimensões: informação sobre a organização, composição social e funcionamento do município; planos e relatórios; impostos, taxas, tarifas, preços e regulamentos; relação com a sociedade; contratação pública; informação económico-financeira e informação na área do urbanismo.

Mais informação em https://transparencia.pt/itm-2017/

MUNICÍPIO DE AMARES APOSTA EM AUMENTAR AS TAXAS DE RECICLAGEM DO CONCELHO

140 contentores foram distribuídos pelas famílias amarenses

A Câmara Municipal de Amares está empenhada em aumentar as taxas de reciclagem do concelho, contribuindo para o alcance do desenvolvimento sustentável e melhoria da performance nos resíduos sólidos. Ontem à noite mais 140 ecopontos domésticos foram distribuídos pela população numa ação de sensibilização promovida em parceria com a CIM Cávado, que pretendeu sensibilizar as famílias amarenses para a importância da recolha seletiva dos resíduos e o impacto que as ações de cada um reproduzem no meio ambiente.

DSC04019

“Este é o desafio que lançamos à população: ajudem-nos a aumentar as taxas de reciclagem. Contamos com a vossa ajuda”, referia o vereador do Ambiente da Câmara de Amares, Vítor Ribeiro, dirigindo-se aos munícipes.

“Estamos empenhados nesta missão e a desenvolver todos os esforços com a Braval no sentido de aumentar a rede de ecopontos para que isso nos permita aumentar também as taxas de reciclagem no concelho”, sublinhou o vereador.

No âmbito desta ação de sensibilização os munícipes assistiram a uma palestra subordinada à temática, ministrada por José Rodrigues em representação da CIM Cávado, e, no final, levaram para casa o respetivo ecoponto doméstico.

Esta ação inseriu-se na “Missão 3R´s, uma iniciativa levada a cabo pela Câmara Municipal de Amares, com o intuito de capacitar as famílias amarenses com um equipamento doméstico, que facilite a prática de separação dos resíduos e promova a correta deposição nos ecopontos.

As ações implementadas no âmbito desta iniciativa são promovidas pelo pelouro do Ambiente da Câmara Municipal de Amares em colaboração com a CIM do Cávado, resultado de uma campanha de sensibilização intermunicipal para a recolha seletiva e

compostagem doméstica a promover no território da CIM Cávado e financiada pelo PO SEUR.

Esta é apenas uma das atividades que a Missão 3R´s tem levado a cabo e vai continuar a levar e que fazem parte da Agenda Ambiental 2018 do Município de Amares, que contempla umas séries de atividades, entre as quais se destacam: o Ecoconcerto, no dia 11 de maio, outra iniciativa onde vão ser entregues ecopontos aos expectadores; a presença, em Amares, do VaiVém Oceanário de Lisboa, entre os dias 12 a 18 de novembro e a segunda edição da Urjalândia: Aldeia de natal sustentável, que regressará este ano, desta vez, promovida durante três dias e com muitas surpresas.

DSC03977

DSC03995

DSC04014

DSC04016

AMARES PROMOVE OS MELHORES SABORES DA TERRA

A cor pitoresca, a frescura e o sabor inconfundível dos produtos da terra atraiu, no passado sábado, dezenas de amarenses até ao Largo Dom Gualdim Pais naquele que foi o primeiro mercado tradicional de produtos locais – “Sabores da nossa terra”. O campo veio até à praça, aproximando os produtores locais e consumidores, numa iniciativa que pretendeu estimular a promoção, valorização e comercialização daquilo que é do concelho.

DSC03811

“Amares tem uma grande riqueza que vem da terra e o grande objetivo é expor precisamente os produtos da terra”, referia a presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, no decorrer deste mercado, dando conta que para uma primeira iniciativa o balanço era já muito positivo. “Os produtores têm vendido bem a broa, o mel, os nabos, as couves as tangerinas e as laranja. A iniciativa vem mexer com os nossos produtores o que é fundamental para o concelho”, reconheceu o autarca.

DSC03871

“Optamos por vir para este local para descentralizar um pouco. É importante explorar zonas diferentes do concelho e, neste caso, viemos trazer uma nova dinâmica à freguesia nomeadamente ao Largo D. Gualdim Pais”, acrescentou Manuel Moreira, referindo-se à importância da descentralização das diversas atividades impulsionadas pelo Município de Amares.

Frutas, hortaliças, citrinos, mel, compotas, licores, azeite e broa foram apenas alguns dos produtos que os amarenses puderam adquirir diretamente aos produtores locais nesta iniciativa organizada pela Amar Citrus com o apoio da Câmara Municipal de Amares e da Junta de Freguesia de Amares e Figueiredo.

“Está a ser um êxito. Esta é uma iniciativa que à partida sabíamos que tinha tudo para dar certo, temos os nossos produtos da terra, os nossos produtores, uns estão presentes outros não puderam estar mas estão cá representados e proporcionamos aos locais e a quem nos visita os produtos frescos da nossa terra, aproximando o produtor do consumidor, criando uma relação curta de comercialização dos produtos agrícolas e o consumidores, animando também este espaço”, sublinhou Adelaide Pereira, da Amar Citrus.

A ideia explica “é a partir de agora criar o hábito de vir ao mercado no primeiro sábado de cada mês, dar aos produtores a possibilidade de escoar os seus produtos e aos consumidores de poderem comprar os produtos frescos e de qualidade”.

O primeiro mercado tradicional de produtos locais foi animado pelo Rancho Folclórico de Figueiredo. A iniciativa repete-se no primeiro sábado do mês de maio.

DSC03798

DSC03810

AMARES RECEBE NORTE CLASSIC 2018

A Câmara Municipal de Amares associou-se à 1ª edição do Norte Classic, rali de regularidade histórico, inserido no calendário da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting. No próximo dia 14 de abril, as centenas de participantes esperados neste evento vão fazer uma paragem pelo nosso concelho e desfrutar do melhor que temos para oferecer.

Cartaz Norte Classic 2018-1

O programa contempla uma visita à Quinta d´Amares e ao Mosteiro de Rendufe (entre as 16h30 e as 18h00), locais onde esperamos proporcionar uma excelente experiência a todos os participantes.

O Norte Classic tem como objetivo promover o automóvel antigo e a região Norte como destino turístico, uma região também com grande tradição no desporto automóvel.

Na realização desta iniciativa, que se estende entre os 13, 14 e 15 de abril, a comissão organizadora do Norte Classic 2018 e o Clube Português de Automóveis Antigos, contam com o apoio do Turismo Porto e Norte, das Câmaras Municipais de Braga, Vieira do Minho, Ponte da Barca, Amares e Fafe, assim como de um conjunto de patrocinadores.

AMARES APRESENTA PRODUTOS TRADICIONAIS

Mercado tradicional de produtos locais arranca já este sábado em Amares

O campo vem até à praça trazer os produtos mais saborosos e frescos da terra. É já esta sábado, a partir das 9h00, que o Largo Dom Gualdim Pais, em Amares, recebe, o primeiro mercado tradicional de produtos locais, uma iniciativa que pretende aproximar os produtores locais e consumidores, estimulando a promoção, valorização e comercialização daquilo que é nosso.

Mercado

Frutas, hortaliças, mel, compotas, azeite e broa são apenas alguns dos produtos que o consumidor vai poder adquirir diretamente aos produtores locais e a preços convidativos.

Sob o mote “Sabores da nossa terra, esta iniciativa é organizada pela Amar Citrus com o apoio da Câmara Municipal de Amares e da Junta de Freguesia de Amares e Figueiredo e vai ter lugar no primeiro sábado de cada mês.

CERVEJA JORRA EM AMARES

Festival Vira Pop lança cerveja própria

Junho é para Amares. E este ano com uma confirmação exclusiva: o Vira Pop prepara-se para lançar duas edições especiais da cerveja artesanal Letra para o 4º ano do festival.

Este ano, o festival inspirado na música, na arte, na tradição e no património cultural quer dar um gosto especial aos festivaleiros. A apresentação da bebida oficial acontece no dia 7 de Abril, na Letraria – Craft Beer Garden, no Porto, com concerto de Make Like a Tree e Dj set da fes:tão.

O verão cai bem com Vira Pop e melhor ainda com cerveja! Para a fusão destes dois ingredientes, a organização do festival contou com a marca de cerveja artesanal minhota - a Cerveja Letra, uma marca pioneira na produção na região. Para os mais curiosos, antes ainda da data do festival, será possível comprar a cerveja Vira Pop em locais específicos a anunciar brevemente. João Araújo, membro da Fest:ão – a promotora do festival –, explica a ideia que levou o Vira Pop para dentro de uma garrafa: “Para todas as edições pensamos em algo que possa acrescentar valor ao Vira Pop. Para a quarta edição, a ideia de termos uma cerveja com o nome do festival combina com a descontração que o público procura e encontra em Caldelas. Pode parecer um lugar-comum dizer que o Vira Pop é mais do que um festival de música, mas é dessa forma que o sentimos e é através destas particularidades que tentamos passar essa mensagem”, explica.

A apresentação da cerveja Vira Pop está agendada para as 18h30 na Letraria - Craft Beer Garden no Porto e segue pela noite dentro com concerto às 22h00 de Make Like a Tree, projeto indie-folk de Sergey Onischenko, e Dj Set da fest:ão às 23h00.

O Vira Pop 2018 acontece entre os dias 29 e 30 de Junho, no “anfiteatro” natural do Parque das Termas de Caldelas, em Amares. O cartaz completo será revelado muito em breve, este ano, com uma promessa à mistura: se amares Amares, Caldelas vira festa!

DESPORTO SOBRE RODAS EM DESTAQUE NOS MESES DE ABRIL E MAIO EM AMARES

Concelho acolhe 3 ª etapa da GPS Epic Series

O grupo Pedalares BTT organiza pela 1ª vez, em Amares, uma etapa da Gps Epic Series, denominada como Trilhos D´Amares. A prova realiza-se no dia 14 de abril, com 3 percursos distintos à disposição dos participantes. Logo no mês seguinte, a 20 de maio, e retomando a tradição de integrar a Feira Franca de Amares, realiza-se a 11ª edição da Rota da Laranja. Os dois eventos de cariz desportivo foram dados a conhecer, esta manhã, à comunicação social pela organização e pela Câmara Municipal de Amares, um dos parceiros destas iniciativas.

DSC03766

Para o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, estes “são dois bons exemplos de que o concelho de Amares continua a dar cartas na área do desporto” dando continuidade a provas com tradição, como é o caso da Rota da Laranja, e abrindo portas a provas de cariz nacional, como é o caso da GPS Epic Series, “promovendo o concelho como um todo”, nomeadamente nas suas vertentes turísticas, gastronómicas, culturais, paisagísticas e económicas”.

A GPS Epic Series – Trilhos D´Amares faz parte das etapas de 2018 desta prova de âmbito nacional que engloba diversos pontos do país. Em Amares, os atletas vão poder escolher entre 3 percursos: um curto de 40 kms, um médio de 65 kms e um longo de 90 kms. O trajeto vai passar por locais únicos do concelho, como sendo a capela de Nossa Sr.ª da Paz,o Monte de São Pedro, a Aldeia de Urjal, a Sr.ª da Abadia, São Miguel o Anjo, Santa Isabel, os 4 caminhos, as Termas de Caldelas, a Praia fluvial da Malheira, o Mosteiro de Rendufe e a Ponte do Porto, conforme explicou Pabelo Marques, do Pedalares BTT.

Os participantes vão passar, ainda, pelas quintas de vinho verde, “Terras e Amares” e “Solar das Bouças”, locais onde vão poder provar os “fantásticos” vinhos da região, acrescentou, dizendo que é “um orgulho” para a Pedalares BTT apresentar pela primeira uma etapa do Circuito GPS Epic Series e dar continuidade à Rota da Laranja.

Rota de Laranja de volta à Feira Franca de Amares

Este ano a 11ª edição da Feira Franca de Amares realiza-se no dia 20 de maio e apresenta como novidade a passagem “por um dois sítios mais altos do concelho de Amares, situado em Santa Marta” e, ainda, o regresso da prova ao programa da Feira Franca.

A partida está marcada para o Largo D. Gualdim Pais, às 9h00, e reserva ao atletas um percurso de 40 km de dificuldade média/alta.

“Garanto que este ano vão ter novos trilhos e muita adrenalina”, anunciou Moisés Vieira da organização que destacou, também, o cariz solidário da iniciativa já que 1€ do valor da inscrição será entregue à Cruz Vermelha de Amares.

De referir que, nas duas provas, os participantes vão ter como desafio final uma pista de obstáculos, no Largo D. Gualdim Pais.

Na apresentação oficial à comunicação social, o vereador do Desporto do Município de Amares, João Esteves, congratulou-se com o facto de a organização ter conseguido trazer ao concelho uma prova de cariz nacional e destacou “o sucesso” que tem sido a Rota da Laranja que abraça já a 11ª edição. João Esteves lembrou, também, que o Município de Amares tem "todo o gosto" em associar-se este género de atividades.

Mais informações e inscrições: http://bttpedalares.com/

DSC03790

PRIMEIRA SEDE DA ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DO VALE DO HOMEM NASCE EM AMARES

A AEVH – Associação Empresarial do Vale do Homem abriu oficialmente, ontem, em Amares, a sua primeira sede. O novo espaço, acolhido pela Galeria de Artes e Ofícios, na Praça do Comércio, em Ferreiros, resulta de um protocolo assinado com a Câmara Municipal de Amares e tem como finalidade oferecer um atendimento de proximidade aos empresários do concelho, fornecendo-lhe um conjunto de serviços distintos.

DSC03697

“Esperamos que empresários de Amares recorram a este espaço para que o concelho desenvolva”, referiu o presidente da Autarquia, Manuel Moreira, no decorrer da assinatura do respetivo protocolo de colaboração.

Lembrando que no último ano a Câmara de Amares fez “um investimento na ordem dos 700 mil euros no apoio à criação de novas empresas o que é muito bom”, Manuel Moreira sublinhou que “esse é um caminho que vamos continuar a fazer”.

Reconhecendo a importância de trabalhar em rede, o autarca pediu à AEVH para “ajudar também os empresários do concelho a crescer”.

Por sua vez, o presidente da AEVH, Jorge Pereira, garantiu que “o Município não se vai arrepender de confiar na associação. Queremos e vamos usar bem este espaço”.

“Vamos, com toda a certeza, fazer um trabalho importante no sentido de dinamizar o tecido empresarial do Vale do Homem e, com isso, melhorar a qualidade de vida dos amarenses, vilaverdenses e terrabourenses”, acrescentou Jorge Pereira, adiantado que brevemente a AEVH vai abrir também sedes nestes concelhos vizinhos.

Em Amares, a sede vai estar aberta às quartas e sextas-feiras, das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 17h30, disponibilizando um conjunto de serviços aos empresários, nomeadamente na elaboração de candidaturas a apoios comunitários, apoio jurídico fiscal, jurídico, licenciamentos, entre outros.

DSC03701

DSC03703

AS ESCOLAS, A CULTURA E O TRABALHO PEDAGÓGICO DO CONCELHO EM DESTAQUE NA FEIRA DO LIVRO DE AMARES

Encerrou portas, no passado domingo, mais uma edição da Feira do Livro de Amares. A iniciativa decorreu, entre os dias 19 e 25 de março, na Galeria de Artes e Ofícios, promovendo um contacto privilegiado entre os amarenses e a cultura. A par desta iniciativa decorreu a X Mostra Pedagógica que deu a conhecer aos visitantes trabalhos de todos os ciclos de ensino dos centros escolares do concelho.

Concurso      Sá de Miranda

Momentos musicais protagonizados por diferentes escolas/grupos do concelho, sessões de leitura, mostra de produtos regionais e tradicionais, apresentações de livros e encontros com escritores, oficina de robótica, entre outros, fizeram parte desta iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Amares, através da Biblioteca Municipal de Amares, em articulação com o Agrupamento de Escolas de Amares.

Em jeito de balanço, o vice-presidente da Câmara Municipal de Amares e vereador da Cultura, Isidro Araújo, refere que “é sempre difícil mobilizar as pessoas para este género de atividades culturais” mas entende que “de qualquer forma é um trabalho em busca da cultura que deve ser feito de forma contínua e que tudo isso deverá colher frutos no futuro”.

O vice-presidente destaca, ainda, o esforço que é feito pela autarquia para trazer “qualidade e diversidade” na escolha dos escritores. “Esta é uma iniciativa de mérito e de sucesso até pela programação que oferecemos e pelo modelo como é dinamizada, pela ligação que tem ao Agrupamento de Escolas e a tudo de bom que nos é permitido promover nesse contexto. O facto de haver uma mostra pedagógica é uma mais-valia”, conclui Isidro Araújo, endereçando uma palavra de “agradecimento muito especial” à direção do agrupamento, professores, alunos, colaboradores bibliotecários e funcionários municipais envolvidos nesta atividade.

Piçarra

Diogo Piçarra e José Milhazes foram destaques desta edição

A apresentação de “Diogo Piçarra em Pessoa”, um projeto que faz uma abordagem à obra do poeta e através do qual o músico mostra-se, apresenta-se e reinventa-se em Pessoa partilhando um pouco mais da sua identidade foi, a par do encontro com o escritor e jornalista José Milhazes (um dos correspondentes na Rússia mais destacados da televisão portuguesa), um dos momentos mais marcantes da Feira do Livro de Amares.

A estes nomes juntaram-se os do escritor e ilustrador Pedro Seromenho, o da escritora Ana Saldanha, o do narrador de histórias, Thomas Bakk, bem como se destacou a apresentação do livro “A Procissão da Burrinha”.

A Feira do Livro deu também ênfase a talentos locais, nomeadamente através do Concurso Literário Sá de Miranda, uma iniciativa destinada a todos os ciclos de ensino do Agrupamento de Escolas de Amares. O momento que serviu, ainda, para dar a conhecer os vencedores da fase concelhia do concurso nacional de leitura 2017/2018, destinado ao 2º e 3º ciclos e secundário.

De salientar também a participação da AECA – Associação Educação Cultura e Artes, da AFA Estudos Musicais, da Escola de Música Luís Capela e do Grupo de Bombos “Escola “EscolABombar" que abrilhantaram a programação.

DSC02914

Milhazes

MUNICÍPIO DE AMARES ASSOCIA-SE A PROJETO DE PROMOÇÃO DE EMPREENDEDORISMO JÚNIOR

A Câmara Municipal de Amares juntou-se ao JA Júnior Achievement, uma iniciava que tem por base promover o desenvolvimento de competências empreendedoras, de preparação para o mercado de trabalho e de literacia financeira junto do ensino básico.

IMG_7529

Os voluntários angariados pela autarquia já receberam formação dos técnicos da JA Júnior Achievement e vão ter a missão de levar o empreendedorismo até aos mais jovens em contexto de sala de aula, de forma a familiarizá-los com o conceito e desenvolverem competências suficientes para o futuro.

O programa abrange turmas do 1º ao 9º ano, num total de 19 voluntários.

IMG_7531

RELATÓRIO DE CONTAS DO MUNICÍPIO DE AMARES REFERENTE A 2017 APONTA CRESCIMENTO DO INVESTIMENTO SUPERIOR A 50%

O relatório de gestão da Câmara Municipal de Amares referente ao ano de 2017 apresenta taxas de execução da receita e da despesa superiores a 90%, ficando claramente acima dos 85% de execução exigidos pelo princípio do equilíbrio orçamental.

DSC04727

A taxa de arrecadação da receita fixou-se em 90,4% e a taxa de realização da despesa global em 92,1%, com valores na ordem dos treze milhões e meio de euros (13,5 milhões), um crescimento de 13%, relativamente a 2016. As despesas de capital registam um crescimento de 57,3%, corporizando um crescimento muito significativo na obra realizada. Ao nível da despesa é também de destacar a redução de meio milhão de euros (0,5 milhões) nos gastos totais.

Para o presidente da Câmara de Amares, Manuel Moreira, “o relatório reflete o fio condutor do trabalho, o crescimento ao nível do investimento na rede viária e infraestruturas e a permanente aposta na coesão social, educação e promoção do território para reforço do turismo e valorização da identidade local”.

Assim, 2017 foi um ano de muitos investimentos no concelho de Amares, nomeadamente ao nível das intervenções na rede viária, realizadas um pouco por todo o concelho. Foram, ainda, realizadas várias infraestruturas importantes, particularmente, a 1ª fase da interligação do depósito da N. Sra. Da Paz ao depósito da Torre, bem como intervenções de modernização no parque escolar, com a “Requalificação da Escola Secundária” (empreitada que permitiu algumas ações de melhoria) e a “Ampliação e Reabilitação da EB 2 e 3”, uma obra ainda em curso, que vai modernizar e dignificar o ensino do 2º e 3º ciclos do concelho.

Os documentos de prestação de contas relativo ao ano de 2017 mostram que o investimento em obra cresceu 62.3% em relação a 2016. Mas, ainda assim, não foram descorados o peso e importância das dimensões imateriais. Para além destas obras, a Educação absorveu verbas na ordem dos 628 mil euros em investimento, 398 mil euros em refeições confecionadas para as escolas e cerca de 445 mil euros em transportes escolares, além de outras, nomeadamente bolsas de estudo e aquisição de livros.

Em termos de gestão a aposta nos vários intervenientes socias do concelho, como agentes de desenvolvimento e parceiros, continua a estar refletida nas contas. Foram efetuadas transferências de capital, que correspondem a subsídios ao investimento de instituições do concelho e transferências para as juntas de freguesia ao abrigo dos acordos de execução, com valores na ordem dos novecentos mil euros.

As medidas ao nível da coesão social, nomeadamente com o apoio à medicação, vacinação e arrendamento, rondaram os cento e vinte e cinco mil euros (125.000.00€), representando, mensalmente, o apoio a uma média de 70 pessoas ao nível do arrendamento e cerca de 100 pessoas ao nível da medicação. Ao longo do ano foram comparticipadas 274 vacinas para prevenção da meningite das crianças de Amares e cerca de 15 famílias foram apoiadas no projeto da “Habitação Digna”, num investimento a rondar os 100 mil euros.

As transferências correntes para instituições representaram um milhão de euros do bolo orçamental. Destes, cerca de quatrocentos mil euros (400.000.00€) foram atribuídos a associações para apoiar a concretização dos seus planos de atividades.

Em 2017 houve um investimento na ordem dos seiscentos mil euros para iniciativas empresariais e económicas, ao abrigo do regulamento em vigor, procurando reforçar a ação e importância do empreendedorismo e captação de emprego, essenciais para a fixação dos jovens e famílias.

Não obstante os investimentos em curso, a Câmara Municipal de Amares registou fundos disponíveis positivos em todos os meses do ano. A autarquia continua a gozar de uma margem de endividamento muito confortável na ordem de um milhão e setecentos mil euros (1,7 milhões).

Referindo-se aos resultados alcançados, Manuel Moreira reforçou a importância da união de sinergias com os Presidentes de Junta com o objetivo comum de melhorar a qualidade de vida da população de Amares. “Deixo uma palavra de apreço aos Presidentes de Junta que foram parceiros cruciais na concretização dos objetivos que definimos para 2017, uma vez que a forma próxima e articulada como trabalhámos permitiu a execução de obra em todas as freguesias do concelho, respondendo a anseios muito específicos das nossas populações”.

Os documentos de prestação de contas relativo ao ano de 2017 foram aprovados, esta manhã, em reunião do órgão executivo com quatro votos a favor e duas abstenções dos vereadores eleitos pelo Movimento Mais – Primeiro as Pessoas e pelo PS.

MUNICÍPIO DE AMARES RECEBE CARRINHA OFERECIDA PELA REN

A Câmara Municipal de Amares recebeu uma carrinha “pickup” oferecida pela REN – Redes Energéticas Nacionais. A viatura vem reforçar a frota de veículos da autarquia e dar apoio aos serviços municipais, nomeadamente ao nível da defesa da floresta contra incêndios.

DSC03273

Para o presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, “esta carrinha vem dar uma grande ajuda e um importante contributo no desempenho nas funções dos funcionários municipais e é um gesto muito amável e muito nobre por parte da REN”. O autarca agradeceu, por esse motivo, e em nome do povo de Amares este gesto que "vem contribuir para a renovação da frota do município" e que, não tem dúvidas, “reforça a necessidade da união de sinergias em prol da população”.

A oferta, explicou João Gaspar responsável pela área de Servidões e Património da REN, é resultado da política de responsabilidade social da empresa. “A floresta é um pouco a casa das nossas infraestruturas e, neste sentido, um espaço que nos importa cuidar pelo que esta carrinha dará o seu contributo na defesa da floresta contra incêndios”. É com muito gosto partilhamos esta unidade com os nossos parceiros”, acrescentou.

José Pedro Abrantes, responsável pela área de Apoio às Comunidades Locais, sublinhou que esta é também uma forma de “melhorar a proximidade e a comunicação com as autarquias”. Queremos cá estar ao mesmo tempo que as nossas estruturas, deixar um legado”, concluiu.

DSC03269

DSC03271