Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

SOPRANO VIMARANENSE ELISABETE MATOS ATUA HOJE NO CENTRO CULTURAL DE BELÉM

A taipense Elisabete Matos atua amanhã no Centro Cultural de Belém

A consagrada soprano Elisabete Matos atua este domingo, às 17h, com a Orquestra Metropolitana de Lisboa, no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém. O concerto será dirigido pelo maestro estónio Kristjian Jarvi. 
O concerto Quatro Últimas Canções integra obras de R. Strauss Macbeth, Op. 23; R. Strauss Vier letzte Lieder, Op. posth. e A. Dvořák Sinfonia N.º 8, Op. 88.

52749975_1959989744130316_6956924898631483392_n.png

Reproduzimos as declarações de Elisabete Matos ao site da OML.

“QUAIS AS SUAS EXPECTATIVAS PARA O CONCERTO DESTE DOMINGO COM A ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA?

A expectativa de um músico é servir sempre a música ao mais alto nível. Com esta fabulosa obra de Strauss, “Vier Letzten Lieder”, para Soprano e Orquestra, desejo encontrar a inspiração da minha vocalidade e, juntamente com a Orquestra Metropolitana e o Maestro Järvi, servir humildemente a Strauss em comunhão com Hesse e Eichendorff.
A vida é uma caminhada que começa ardente e acaba na esperança da redenção! Assim espero sentir-me quando terminar o concerto do próximo domingo no CCB, com a sensação de que a caminhada sempre merece a pena se formos honestos e nos entregarmos à música de alma e coração.

O QUE PODEM OS ESPECTADORES DESTAS CANÇÕES DE RICHARD STRAUSS?

O público esperará com estas canções encontrar-se uma vez mais com Strauss e com os seus intérpretes e poder celebrar a beleza e força da arte. Estou confiante que tudo faremos para servi-lo, prestigiando assim o talento da criação.

VOLTA A ATUAR AO LADO DA ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA. COMO TÊM SIDO ESTAS EXPERIÊNCIAS?

Cada reencontro com a Orquestra Metropolitana é sempre para mim um motivo de alegria, de orgulho no trabalho sério, escrupuloso na qualidade e na permanente ideia de superação. Este será mais um desafio e é por isso que agradeço o convite e desejo à Orquestra Metropolitana de Lisboa as maiores venturas.

PARA ESTE CONCERTO, CONTARÁ COM O PREMIADO MAESTRO KRISTJAN JARVI. É MAIS UMA GARANTIA DE SUCESSO?

Sim, claro. Estou convencidíssima que com a direção do Maestro Kristjian Järvi, teremos todas as condições para um trabalho de sucesso e alta qualidade! Empenho não vai faltar.”

Fonte: Notícias das Taipas