Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

SINOS DA IGREJA DE S. MIGUEL DE REFOJOS VOLTAM A DOBRAR EM CABECEIRAS DE BASTO

Sinos beneficiados da Igreja de S. Miguel de Refojos regressam à torre

Estão hoje a ser instalados os sinos da torre da Igreja de S. Miguel de Refojos, que haviam sido retirados no passado dia 16 de abril para serviços de manutenção e restauro de todas as madeiras que compõem as estruturas de suporte dos mesmos.

Sinos beneficiados da Igreja de S. Miguel de Refojos regressam à torre (1)

Para além destes trabalhos, a intervenção inclui também a modernização de todo o sistema elétrico do mecanismo de funcionamento dos sinos e do relógio.

De referir que as intervenções em curso estão a ser executadas no âmbito da empreitada de beneficiação das coberturas da ala nascente do Mosteiro e da Igreja.

Brevemente vão iniciar-se as obras de beneficiação da fachada principal e das torres sineiras, intervenção que inclui o arranjo do adro e a instalação de um sistema eletrostático de afastamento de aves.

Estas obras resultam de uma candidatura a fundos comunitários no montante global de 2 milhões de euros, aprovada pelo Programa Operacional Regional do Norte (Norte 2020) – designada ‘Mosteiro de S. Miguel de Refojos, Património Cultural Ímpar’ – que visa a afirmação do património histórico-cultural como produto turístico de afirmação do território de Cabeceiras de Basto na oferta turística da região.

Estas obras contam também com o apoio e acompanhamento da Direção Regional de Cultura do Norte.

Sinos beneficiados da Igreja de S. Miguel de Refojos regressam à torre (2)