Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE TERRAS DE BOURO EXIGE À "ÁGUAS DO NORTE" PRIORIDADE NO TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS EM VILAR DA VEIGA, RIO CALDO E VALDOZENDE

Exigido “caráter prioritário” à ligação do saneamento em alta no Vale do Cávado

O Município de Terras de Bouro reclama cumprimento de responsabilidade da ‘Águas do Norte’ para o tratamento de águas residuais em Vilar da Veiga, Rio Caldo e Valdozende.

O presidente do Município de Terras de Bouro, Manuel Tibo.

A Câmara Municipal de Terras de Bouro pretende assegurar com caráter de urgência a concretização do plano programado pela ‘Águas do Norte’ para a rede de saneamento em alta no Vale do Cávado.

O presidente do Município, Manuel Tibo, defende que “tem de ser assumido como prioritário” o investimento para a construção da ligação do saneamento das freguesias de Vilar da Veiga, Rio Caldo e Valdozende ao sistema intermunicipal do Cávado-Homem, que abrange os concelhos de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde.

O investimento faz parte dos compromissos de investimento da ‘Águas do Norte’ enquanto responsável, em regime de exclusivo, pela concessão da exploração e da gestão do sistemamultimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal.

A urgência da construção da ligação de saneamento em alta para Vilar da Veiga, Rio Caldo e Valdozende é um dos assuntos que o presidente do Município de Terras de Bouro pretendediscutir na reunião com os responsáveis da ‘Águas do Norte’ agendada para o próximo dia 28.

Na mesma reunião, será igualmente discutida a oposição do Município ao projeto da ‘Águas do Norte’ para a construção de uma nova estação de tratamento de águas residuais (ETAR), na margem rio Homem na freguesia de Souto, conforme posição conjunta já assumida pelos presidentes das Câmaras Municipais de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde.

Cabe à Águas do Norte cumprir o estipulado com os municípios, nomeadamente ao nível dos investimentos previstos e programados, incluindo com recurso a fundos públicos, para resolver problemas de saneamento e saúde pública nos vales do Cávado e Homem.

Conforme defendem os três municípios, a ‘Águas do Norte’ deve cumprir com oscompromissos assumidos no que toca à ligação dos efluentes provenientes de várias freguesias de Terras de Bouro, Amares e Vila Verde, à estação de Tratamentos de Águas Residuais do Cávado-Homem (ETAR), em Cabanelas, concelho de Vila Verde – inaugurada em junho de 2014.

Esta construção permite solucionar o saneamento em alta, servindo os concelhos de Vila Verde, Amares e uma parte de Terras de Bouro. O investimento rondou os oito milhões de euros e foi destinado a servir uma população de cerca de 50 mil habitantes dos três concelhos, à qual corresponde um caudal médio de cerca de 7.617 m3/dia.

Com a construção da ETAR do Cávado-Homem, os municípios de Amares, de Terras de Bouro e de Vila Verde pretendem que os efluentes provenientes dos três concelhos sejam diretamente direcionados para a ETAR sita em Cabanelas.

A concretização deste investimento sempre foi sustentada na necessidade de eliminar pequenas ETAR’s que, implantadas ao longo deste território, se revelaram como potenciais focos de poluição, nomeadamente dos rios Homem e Cávado.

foto da Câmara Municipal de Terras de Bouro.