Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PÓVOA DE LANHOSO INAUGURA CENTRO DE CONVÍVIO

Centro de Convívio para o Baixo Concelho reabre no dia 1 de fevereiro

No próximo dia 1 de fevereiro, pelas 14h30, nas antigas instalações da Escola primária de S. João de Rei, o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e os Presidentes da União de Freguesias de Verim, Friande e Ajude e da Junta de Freguesia de S. João de Rei irão proceder à reabertura do Centro de Convívio, que servirá as freguesias do Baixo Concelho.

Foto geral 1

Esta reabertura trará como principal alteração em relação ao sistema anterior a centralização dos/as utentes seniores do Baixo Concelho apenas num Centro de Convívio que, por ora, intercalará mensalmente entre as anteriores instalações dos Centros de Convívio em Friande e em S. João de Rei para, desta forma, estar ao dispor dos/as utentes todos os dias úteis no horário da tarde.

Na tarde do dia 1, o programa previsto encontra-se aberto à população em geral e conta com muita animação, com o Rancho Folclórico de Verim e com a presença dos/as utentes dos Centros de Convívio de Esperança, Fontarcada e Vilela, para além dos utentes do Baixo Concelho.

Em breve, irão abrir mais dois Centros de Convívio, um em Rendufinho (no edifício da Junta de Freguesia) e outro em Galegos (nas instalações da Junta de Freguesia). As inscrições já se encontram abertas, pelo que as pessoas interessadas devem procurar informar-se nas Juntas de Freguesia correspondentes.

Atualmente os Centros de Convívio funcionam em Esperança (na Junta de Freguesia), em Vilela (na Junta de Freguesia), em Verim, Friande, Ajude e S. João de Rei (na Antiga Escola Primária de S. João de Rei) e na Póvoa de Lanhoso (no Edifício do Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Lanhoso).

Permitir a ocupação socialmente útil e ativa de pessoas desocupadas, proporcionando o contacto com outras pessoas; realizar atividades que previnam o isolamento e contrariem a natural tendência para o isolamento e exclusão; desenvolver tarefas comunitárias; apoiar a concretização de ideias e de outros projetos comunitários em função das necessidades identificadas pela comunidade; e concretizar uma estratégia de descentralização das atividades culturais e de lazer nas freguesias são os principais objetivos dos Centros de Convívio.

Atividades lúdicas (teatro, folclore, dança, ginástica, hidroginástica, trabalhos manuais, jogos diversos, costura, culinária, pintura, leitura); ações de (In)formação (de modo a que os/as utentes possam complementar saberes de cuidados básicos de higiene, saúde, segurança, cidadania, ambiente, etc.); atividades culturais (passeios, visitas a museus, locais históricos, eventos sociais); organização de feiras/certames, exposições de trabalhos realizados pelos/as próprios/as utentes são algumas das atividades desenvolvidas ao nível destas respostas no nosso concelho.