Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MUNICÍPIO DE MONÇÃO APOIA BOMBEIROS COM OFERTA DE 50 FATOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

Investimento superior a 16 mil euros, inteiramente suportado pela autarquia. O comandante, José Passos, sublinhou o papel relevante que o atual executivo tem desempenhado na área da proteção civil e no apoio à atividade operacional da corporação.

11

Na reunião descentralizada realizada em Valadares, no passado dia 7 de agosto, o Executivo Municipal aprovou um subsidio extraordinário à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Monção (AHBVM), no valor de 16.464,45 €, para a aquisição de 50 fatos de proteção individual para combate a incêndios florestais.

A entrega/apresentação do equipamento, constituído por calça, casaco e botas, teve lugar, esta manhã, no quartel dos “soldados da paz” monçanenses. Ato simbólico que contou com o presidente da Câmara Municipal de Monção, António Barbosa.

O comandante da AHBVM, José Passos, enalteceu a importância do equipamento individual para os bombeiros e sublinhou o papel relevante que o atual executivo tem desempenhado na área da proteção civil e no apoio à atividade operacional da corporação.

Afirmou: “a proteção civil é um dos pilares da nossa sociedade e o nosso presidente, desde o primeiro momento, tem-lhe dado o devido valor, mostrando-se presente e sensível às nossas preocupações e necessidades. Estamos agradecidos pelo apoio”.

“Um momento de grande alegria”, complementou o Presidente da Direção, Paulo Rocha, realçando “o extraordinário relacionamento entre a autarquia e os bombeiros” e agradecendo “o apoio incondicional que tem sido dado à corporação”.

13

Investimento coerente e responsável

Entre um e outro, António Barbosa, dava a sensação de sentir-se em casa. Um local seguro, onde somos felizes. Disse que a entrega do equipamento individual garante melhores condições de trabalho/segurança e lembrou o desempenho excecional dos bombeiros em prol da proteção das populações locais.   

“O apoio do Município de Monção aos bombeiros não deve ser entendido como uma despesa mas, pelo contrário, como um investimento, coerente e responsável, na defesa do nosso território e na salvaguarda de todos os monçanenses” adiantou.

E, como novidade, deixou a indicação que o apoio será alargado no próximo ano: “Uma das prioridades dos bombeiros é a aquisição de um camião cisterna. Pois bem. Hoje trago-vos a notícia que vamos cabimentar uma verba para, no exercício de 2019, darmos cumprimento a essa aspiração”.

Os fatos de proteção individual para combate a incêndios florestais não são abrangidos pelas comparticipações da ANPC, sendo um material de grande desgaste, assumindo-se como bastante importantes para minorar os riscos daqueles que, de forma voluntária, arriscam a própria vida no combate a fogos florestais e na salvaguarda de pessoas e bens.

01

04

06

07