Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MUNICÍPIO DE AMARES PROMOVE ENCONTRO INTERGERACIONAL COM A LEITURA

A Câmara de Amares, através da Biblioteca Municipal Francisco de Sá de Miranda, promoveu, recentemente, várias sessões de mediação e promoção da leitura direcionadas a diferentes tipos de públicos.

14695530_1138139189613217_3501981092027172991_n.jpg

Potenciar o tempo de descoberta e aprendizagem das crianças, através de atividades criativas, fomentar e promover o encontro das crianças e famílias com o livro e a leitura, estimular a aprendizagem pela experiência de forma lúdica, bem como, partilhar histórias da memória oral com os seniores e, ainda, formar mediadores de leitura para crianças, jovens e seniores, foram os objetivos centrais desta iniciativa que decorreu durante dois dias no âmbito do projeto “Histórias Sem Idade”.

Na manhã do primeiro dia, foram realizadas nas bibliotecas escolares quatro sessões de contos e de mediação de leitura para público escolar intituladas “Contos da Mala”, direcionadas aos alunos do 1.º ciclo dos Centros Escolares de Amares, Ferreiros, Rendufe e Lago. A atividade envolveu um total de 10 turmas.

Durante a tarde, realizou-se uma sessão na Biblioteca Municipal de Amares intitulada “Histórias Herdadas”, desta feita, dirigida ao público sénior. Participaram nesta atividade os utentes da Associação Social de Figueiredo, alunos da Universidade Sénior, e utentes do Centro Social e Paroquial de Lago. Ao final do dia, realizou-se outra sessão no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Amares.

No segundo dia, a parte da manhã foi dedicada ao workshop “Livros com todos”. Direcionado a mediadores de leitura para crianças, jovens e seniores, o workshop decorreu na Biblioteca Municipal e contou com contos tradicionais, leitura em voz alta, leituras partilhadas, dinâmicas de grupo. Estimulação cognitiva a partir das memórias pessoais e coletivas, partilha de histórias, reforço da autoestima, expressão verbal foram outras das iniciativas abrangidas nesta atividade, na qual participaram cerca de 20 formandos, entre os quais técnicos de bibliotecas públicas, da autarquia, de lares de idosos, professores e pais.

A terminar “Histórias sem Idade”, realizou-se na Biblioteca Municipal uma sessão para crianças, famílias e mediadores de leitura, designada “Conto é, conto é”!

14716149_1138147779612358_879038329050800750_n.jpg

14716333_1138142899612846_388414715457111452_n.jpg

14725614_1138146906279112_7077808419325909924_n.jpg

14731277_1138140992946370_2250687574177173505_n.jpg