Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MONÇÃO REALIZA CONCURSO NACIONAL “FAÇA LÁ UM POEMA”

Rodrigo Ferreira, 12º ano, da Escola Secundária de Monção, conseguiu, com o poema “Marioneta”, o primeiro lugar do ensino secundário, entre milhares de poemas de alunos de todo o país e ilhas. Um orgulho para Monção. Parabéns, Rodrigo.

rodrigo

Com o objetivo de incentivar o gosto pela leitura e pela escrita de poesia, o Plano Nacional de Leitura (PNL 2027) e a Fundação Centro Cultural de Belém (CCB) lançaram “Faça lá um poema”, convidando todos os alunos do 3º Ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário a participarem no concurso.

A apresentação pública dos poemas selecionados e respetivos vencedores decorreu no passado dia 24 de março, sábado, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Poesia. Tratou-se da 9ª edição deste concurso.

rodrigo 2

Rodrigo Ferreira, 12º ano, da Escola Secundária de Monção, conseguiu, com o poema “Marioneta”, o primeiro prémio do ensino secundário, entre milhares de poemas de alunos de escolas públicas e privadas de todo o país e ilhas. Um orgulho para Monção. Parabéns, Rodrigo.

De acordo com critérios como a criatividade, a adequação morfológica e sintática, a riqueza do conteúdo, o estilo e a originalidade do tema, os poemas apresentados foram ordenados por um júri nacional, tendo a notícia da atribuição do primeiro prémio a Rodrigo Ferreira sido recebida com orgulho, alegria e satisfação pelo Agrupamento de Escolas de Monção.

Para Fernando Magalhães, professor bibliotecário, a vitória neste concurso nacional mostra que “o Agrupamento de Escolas de Monção consegue uma formação ao nível das melhores do país”, sublinhando que “ estamos sempre lá, na linha da frente, a apoiar a criatividade, a acompanhar o talento, a incentivar a motivação e a acarinhar o talento”.

A Rodrigo Ferreira, deixou palavras sentidas e encorajadoras: “Que este seja o início de um longo caminho. Que esta experiência te sirva de estímulo para alcançar outros sonhos. Que consigas encontrar poesia em tudo, nos amigos, nas plantas, nas ruas, nas casas, na saudade, no amor, enfim, na vida”.

POEMA