Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

“MIMARTE” DEMOCRATIZA ACESSO AO TEATRO E À CULTURA EM BRAGA

Festival de Teatro de Braga decorre de 02 a 11 de Julho, no Rossio da Sé

O Rossio da Sé, em Braga, volta a ser o palco de excelência para mais uma edição do ‘Mimarte – Festival de Teatro de Braga’, que decorre entre os dias 02 e 11 de Julho. A iniciativa é promovida pelo Município de Braga e tem como objectivo democratizar o acesso ao Teatro e à Cultura.

CMB30062015SERGIOFREITAS0000002114

Na apresentação da edição 2015, realizada hoje, 30 de Junho, a vereadora da Cultura, Lídia Dias, destacou a qualidade dos dez espectáculos que integram o programa orçado em cerca de 40 mil euros. “O ‘Mimarte’ é conhecido por apresentar peças de qualidade e por conseguir agregar diferentes públicos, que consegue trabalhar diferentes textos, desde os clássicos aos mais contemporâneos”, sustentou.

A responsável pelo Pelouro da Cultura realçou ainda a diversidade do cartaz, possibilitando ao público a identificação com algumas peças.

Dos dez espectáculos, nove serão apresentados no Rossio da Sé e têm entrada gratuita. A única peça em espaço fechado e com entrada paga – 5 euros – terá como palco o Theatro Circo, no dia 10 de Julho, às 21h45. ‘Sílvia’ é o nome do espectáculo da ‘Sola do Sapatos Produções’, encenado por Almeno Gonçalves e que conta com a participação de nomes bem conhecido do público, casos de Paulo Pires, Heitor Lourenço, Manuela Couto e Gabriela Barros.

A vereadora da Cultura sublinha ainda a parceria com a Companhia de Teatro de Braga que, no âmbito do programa ibérico, trará ao ‘Mimarte’ três companhias.

O Festiva de Teatro de Braga arranca já no dia 02 de Julho, no Rossio da Sé, às 21h45, com as “Bonequinhas de Ópera”, apresentado pelo Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga. O espectáculo, interpretado pelas alunas de Canto do Conservatório, fará uma “viagem por diferentes óperas”.

No dia 03 de Julho sobe ao palco o CENDREV com ‘Este(s) Auto(s) que ora vereis... uma viagem com Mestre Gil Vicente”, e no dia 04 é apresentada a peça ‘Caídos do Céu’, pelo Teatro Montemuro.

No dia 05 de Julho a Nova Comédia Bracarense leva à cena o ‘Morgado de Fafe Amoroso’, uma encenação de Fernando Pinheiro inspirada numa das obras mais representativas obras do teatro camiliano.

A companhia ‘La Nave del Duende’ apresenta, no dia 06 de Julho, ‘Wangari La Niña árbol’. No dia 07, a Companhia Jangada de Pedra protagoniza o espectáculo ‘American Way’; no dia 08 de Julho, o Teatro das Beiras apresenta ‘Loa, Xácara e bugiganga’; no dia 09 de Julho, o PIF’H leva ao palco do Rossio da Sé a peça ‘Agora’.

O Festival de Teatro de Braga encerra no dia 11 de Julho com a peça ‘Fardo’, apresentado pela Companhia ‘peripécia Teatro’. 

Toda a programação sobre o ‘Mimarte’ pode ser obtida em:  http://goo.gl/DmYHRO.

 CMB30062015SERGIOFREITAS0000002115