Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

GRANDE PRÉMIO DE PORTUGAL ENCHE HIPÓDROMO DE PONTE DA BARCA

Foi com o Hipódromo de Ponte da Barca cheio que decorreu ao longo de toda a tarde de domingo mais uma prova do Campeonato Nacional da Liga Portuguesa de Criadores e Proprietários de Cavalos de Corrida/Liga Portuguesa de Trote e Galope – LPCPCC/LPCC, inserida no Grande Prémio de Portugal, prova que consagra os melhores velocistas do ano nas categorias de galope e trote, bem como o melhor equino nascido e criado em Portugal.

Capturar1

Tarek (IRE) da quadra Supermercados Cardoso com preparação e montado pelo jóquei Diogo Duarte foi o brilhante vencedor do Grande Prémio de Portugal para velocistas na categoria de Galope. Na categoria de Trote, o vencedor do Grande Prémio foi Sapolino (FR) da quadra Jardins Acúrcio, Lda com preparação e condução do driver Acúrcio Peixoto.

No Grande Premio de Portugal para cavalos nascidos e criados em Portugal disputado sobre a distância de 2000 metros, o vencedor foi Jasmine (POR) da quadra Quinta das Figueiras com preparação de Pedro Santos e montado pelo Jóquei Filipe Vaz.

Durante o dia decorreu ainda um handicap dividido de 2300 metros na categoria de trote atrelado que consagrou Senior Justice (FR) da quadra Mustang com preparação de Bruno Bessa e condução do driver António Bessa na sua primeira parte e Roc de Cossio (FR) da quadra espanhola J. Alvarez com condução e preparação de Juan Alvarez na segunda parte do handicap.

A galope decorreu ainda uma prova sobre a distancia de 2000 metros que consagrou vencedor First Cornilliere (FR) da quadra Pereira & Pereira Joker com preparação de António Pereira e monta do jóquei Luís Fonseca, bem como a sempre emocionante prova reservada a cavalos Puro Sangue Árabes, sobre a distancia de 1400 metros, que sagrou vencedor Haddar (SPA) da quadra espanhola Videirinha com a monta de Augusto Pereira.

A iniciativa não podia ter deixado o Presidente da Câmara de Ponte da Barca, Augusto Marinho, mais satisfeito: "perante a moldura humano que aqui se formou, esta é sem dúvida uma aposta ganha", referiu o autarca saudando, ainda, todo o público presente, participantes e em particular aos vencedores.

41930299_1474527915981520_7246373396227817472_o

41974109_1474527442648234_7786334193599905792_o

42086243_1474528859314759_1315719873434746880_o

42090673_1474527102648268_5195217979117142016_o

42111728_1474529259314719_5838509376029065216_o