Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CABECEIRAS DE BASTO ENSINA A “CULINAR”

Aprender a ‘Culinar’ com Orelheira e Fumeiro em showcookings e provas comentadas para miúdos e graúdos

20ª Edição da Festa da Orelheira e do Fumeiro marca encontro com inovação e a tradição secular | 5 a 8 de fevereiro – Pavilhão Desportivo de Cabeceiras de Basto.

Existem elementos de identidade de duas regiões que não se apagam e é do encontro entre as tradições e saberes de Trás-os-Montes e a hospitalidade e a gastronomia do Minho que acontece a XX Festa da Orelheira e Fumeiro, em Cabeceiras de Basto, entre os dias 5 e 8 de fevereiro. O mote desta edição é o da inovação. A Festa será o espaço privilegiado para o público experienciar formas alternativas e menos tradicionais de consumo do fumeiro e da orelheira, bem como de outros produtos regionais. Além do vasto programa de animação paralelo, estão asseguradas provas comentadas de vinhos e showcookings com degustações a cargo de Chefs de referência da nossa praça, como Hernâni Ermida, Sandra Pinto, Marta Pereira e Joana Vieira. Os mais pequenos não ficam esquecidos até porque está reservado um showcooking muito especial com pais e filhos na cozinha.

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto prepara este ano uma edição comemorativa assente no caráter diferenciador e único deste evento. Além de dar a conhecer a qualidade e autenticidade dos produtos locais com mais de 50 expositores, o grande foco passa por demonstrar a arte de bem ‘culinar’ o fumeiro da Região, aliando a tradição secular das gentes com as melhores práticas de confeção do produto final. Na XX Festa da Orelheira e do Fumeiro “apostamos no caráter diferenciador em relação a outros eventos de promoção do fumeiro regional. Acresce ainda a importância na divulgação dos produtos tradicionais em exposição, o artesanato e o programa geral de animação que, acreditamos, são igualmente fatores de interesse e dinamização da economia local”, acrescenta Francisco Alves, presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.

“E como do porco tudo se aproveita…”, além da recuperação de parte do receituário tradicional da região – como o lançamento da receita do Bucho Doce, no âmbito dos Fins de Semana Gastronómicos promovidos pela Turismo Porto e Norte, que acontecem em paralelo com a Festa da Orelheira e do Fumeiro -, será dada a conhecer a outra faceta do fumeiro e da orelheira em showcookings temáticos: ‘O Porco come-se todo’, ‘O meu amigo porco’ e ‘O meu amigo fumeiro’ a cargo dos Chefs Hernâni Ermida, Sandra Pinto, Marta Pereira e Joana Vieira, intercalados com provas comentadas de vinhos, degustações voláteis de fumeiro e degustações com pão “mel, compotas e doces”.

A par da Festa da Orelheira e do Fumeiro com exposição e venda de produtos de fumeiro decorre um vasto programa de animação que inclui espetáculo de concertinas, corso carnavalesco e parada de máscaras, assim como a recriação do auto de S. Tiago de Esporões.

Cabeceiras de Basto aguarda, assim, de 5 a 8 de fevereiro, milhares de visitantes nesta que é a 20ª edição da Festa da Orelheira e do Fumeiro.