Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ARCOS DE VALDEVEZ PATROCINA TRANSPORTES PÚBLICOS

Município arcuense promove consolidação e melhoria do Serviço de Transportes Públicos

A Câmara Municipal irá assegurar, pagando, o serviço de carreira de Transporte Público entre várias freguesias e a sede do concelho.

Na sequência da informação recebida por parte da empresa transportadora que assegurava as carreiras públicas de Cendufe/Miranda para a Vila; Eiras por Aguiã para a Vila; Sistelo para a Vila; Soajo para a Vila e Travassos – Senharei para a Vila, anunciando a cessação daquele serviço de transporte, dado o mesmo ser deficitário em termos económicos, atendendo ao número reduzido de passageiros diários, a Câmara Municipal aprovou a celebração de um contrato de prestação de Serviço Público de Transporte, no valor de cerca de 30 mil euros, de forma a garantir a manutenção do serviço até ao final do ano.

Mediante este contrato a empresa compromete-se a manter em exploração as carreiras identificadas, tendo em conta os horários, itinerário e preços aprovados, durante o período de vigência do presente acordo e a manter os níveis de qualidade do serviço.

Este é um esforço acrescido que a Câmara Municipal irá ter para garantir que os transportes públicos continuem a existir nestes locais, contribuindo para a melhoria da mobilidade da população arcuense.

ARCOS DE VALDEVEZ FOMENTA TURISMO

Arcos de Valdevez fomenta Cooperação com 85 empresas da área do Turismo

O site de viagens Trivago revelou recentemente que todos os dias, quatro milhões de pessoas procuram inspiração para as férias, sendo que dessas, são já muitas aquelas que no motor de busca escrevem “Arcos de Valdevez”, na ânsia de conhecer este espaço de turismo de natureza, que ocupa já o quarto lugar do ranking de destinos desta plataforma.

expositor_turismo3.JPG

Estes são números que desafiam a Autarquia a fazer mais e melhor com os seus parceiros.

A estratégia da comunicação passa por mostrar os aspetos diferenciadores de Arcos de Valdevez quando comparado com outros destinos.

Nesse sentido, o Município de Arcos de Valdevez, procedeu à entrega gratuita de um expositor, através do qual se disponibilizará todo o tipo de informação turística existente no concelho, e outros assuntos de interesse como notícias, agenda cultural, restaurantes, a possível aquisição de produtos de Arcos de Valdevez como a doçaria, os vinhos, o artesanato ou ainda obter informação sobre o turismo de Natureza aqui existente.

Foi também celebrado com 85 empresários do setor do turismo, com grande enfoque nas empresas de animação turística e Alojamento, um Acordo de Cooperação que visa a cooperação entre os parceiros com o objetivo de promover e divulgar as potencialidades turísticas de Arcos de Valdevez.

Esta parceria entre a Câmara Municipal e os agentes de Turismo arcuense é o ponto de partida para vencer os novos desafios de extrema importância para o território como a qualificação e desenvolvimento sustentável do turismo, a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento do turismo como ferramenta de dinamização da economia local.

expositor_turismo.JPG

expositor_turismo2.JPG

expositor_turismo4.JPG

expositor_turismo5.JPG

ARCOS DE VALDEVEZ AMPLIA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Mais de 200 mil euros para ampliar rede de abastecimento de água em Arcos de Valdevez

A Câmara Municipal adjudicou à empresa Habimonção a obra de ampliação da rede de abastecimento de água a ERMELO, no lugar de Igreja, que ainda não se encontra servido de rede pública de abastecimento de água, pelo valor de 188 271,74 €, mais IVA.

20181107_095944.jpg

O projeto preconiza a instalação de condutas de distribuição numa extensão de cerca de 2.82 km, a partir da rede em Alta que se encontra em fase de execução pelas Águas do Norte.

A intervenção prevê ainda a instalação de 86 ramais domiciliários, 3 redutoras de pressão e hidrantes e conta com um prazo de execução 300 dias.

Por outro lado também aprovou a aquisição de serviços para elaboração do projeto de execução de ampliação da rede de abastecimento de água a Carralcova através de adução a partir do reservatório de Vila Boa, pelo preço base de 14.000,00 euros.

Este investimento engloba a adução a partir de Vila Boa: Construção de Estação Elevatória no R4 (Vila Boa) e conduta de adução numa extensão de cerca de 7.00 km.

Estas obras juntam-se a um conjunto de outras que estão em fase de concurso no valor de 2 933 126,07 €, bem como das que estão a ser executadas pela Águas do Norte, no valor de 2,5 ME.

Estes investimentos são realizados para alargar a rede de abastecimento de água, contribuindo para o bem-estar da população arcuense.

20171215_113346_resized.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE VINHOS DA CASTA VINHÃO

Município lança obra Loja de promoção dos vinhos de Arcos de Valdevez

A Câmara Municipal vai proceder à reabilitação de uma loja, situada no Campo do Trasladário, para criar um espaço de promoção do vinho verde, sobretudo da casta Vinhão, que deverá estar concluída no verão.

Vinhão-3-2 - Cópia.png

Este espaço, cuja remodelação está orçada em cerca de 50 mil euros, servirá também para promover outros produtos locais, ou seja, para além dos vinhos, de produtores e engarrafadores arcuenses, também disponibilizará os doces, e os produtos da terra. Os visitantes poderão provar e comprar vinho, sentar-se para comer um petisco ou comprar algum produto produzido no concelho.

Arcos de Valdevez possui atualmente 15 produtores de vinhão com marca própria.

O lançamento desta obra vai fazer-se no próximo dia 1 de Junho, no âmbito do evento Festivinhão, o qual acontece de 31 de Maio a 2 de Junho, no Jardim dos Centenários.

Vinhão-1 - Cópia.png

1 - Cópia.jpg

4 - Cópia.png

ARCUENSES CAMINHAM PELO TRILHO DO LOBO IBÉRICO

“12 Trilhos 12 Experiências” – Pelos trilhos do lobo ibérico

O lobo ibérico, considerado uma espécie protegida, resiste no Parque Nacional da Peneda-Gerês. E, embora seja um animal cuja observação direta seja difícil, convidamo-lo a vir connosco, no próximo dia 2 de Junho, conhecer os vestígios que o Homem deixou no tempo de uma relação amor-ódio com o lobo.

Capturarlobarc.PNG

Partindo da aldeia de Lombadinha, com uma subida até ao fojo do lobo, disfrutaremos das vistas magníficas sobre o Vale do Vez e da paisagem do Parque Nacional, que combina as suas encostas agrestes com as pequenas chãs e prados verdejantes, onde se alimentam as cachenas e os garranos.

Pelo caminho, esperam-nos muitas histórias que povoam o imaginário destas comunidades serranas.

Programa:

Data: 2 de Junho de 2019

Local de encontro: Nature4, Arcos de Valdevez

(Coordenadas GPS: - 41°50`43.94``N; 8°25`02.76``O)

8h30 – Receção dos Participantes

9h00 – Partida dos participantes até Lombadinha

9h30 – Início da caminhada

11h00 – Visita ao fojo do lobo

13h00 – Fim da atividade

A hora de fim da atividade pode alterar-se conforme as condições e os participantes.

Inscrições:  258 510 100 / portadomezio@ardal.pt

Percurso

Distância: 8 km

Duração: 3h00

Dificuldade: Moderado

Nota: Os participantes devem trazer roupa e calçado impermeável, água, reforço alimentar assim como copo para o chá e café (não fornecemos copos de plástico por motivos ambientais).

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 24 DE MAIO DE 2019

     PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

  • No Período antes da Ordem do Dia o Sr. Presidente deu nota à Câmara e convidou a vereação a estar presente no Festivinhão, a decorrer de 31 de maio a 2 de junho, e a participar na iniciativa Arcos à Mesa – Bacalhau à Lavrador que também decorre nesses dias;
  • Também deu nota que no próximo dia 1 Junho, pelas 10h00, decorrerá a abertura do Museu da Água ao Ar Livre, no edifício de receção (antigo Fluvivez), bem como a consignação da obra do Plano de gestão dos riscos do Lima, da empresa Águas do Norte;
  • Também informou que no dia 15 de junho terá lugar uma ação ambiental que mobilizará as Juntas de Freguesia e a população. Foi solicitado a cada Junta que escolhesse um local público a limpar pela comunidade, de forma a chamar à atenção para as questões ambientais e a proteção do ambiente;
  • Também informou que nos dias 7 e 8 estará em Cenon e nos dias 9 e 10 de junho em Toulouse, junto da Comunidade arcuense que está envolvida na organização de eventos de produtos locais e empresas portuguesas, entre as quais muitas são arcuenses.
  • Por último informou que se encontra a ser ultimada a proposta para atribuição de Bolsas de Estudo para o corrente ano letivo.

REDE DE DISTRIBUIÇÃO A ERMELO: foi aprovado adjudicar a empreitada à empresa Habimonção Construções, Lda., pelo valor de 188.271,74 euros, sem IVA.

Reabilitação de Espaço Comercial no Campo do Trasladário - Promoção do Vinho Verde: foi aprovado adjudicar a obra à empresa Oliveiros – Sociedade Unipessoal, Lda., pelo valor de 39.948,99 euros, sem IVA.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE EXECUÇÃO DE “AMPLIAÇÃO DA REDE DE ABASTECIMENTO DE AGUA A CARRALCOVA - ADUÇÃO A PARTIR DO R4 (VILA BOA)”: foi aprovada a abertura de procedimento concursal, pelo preço base de 14.000,00 euros, para aquisição de serviços para elaboração do projeto de execução de ampliação da rede de abastecimento de água a Carralcova através de adução a partir do reservatório de Vila Boa, nomeadamente:

Adução a partir de Vila Boa: Construção de Estação Elevatória no R4 (Vila Boa) e conduta de adução numa extensão de cerca de 7.00 km;

REABILITAÇÃO, CONSTRUÇÃO E BENIFICIAÇÃO DE VIAS MUNICIPAIS - CONSTRUÇÃO DE MUROS DE SUPORTE (RIO DE MOÍNHOS, TABAÇÔ, MIRANDA E PAÇÔ): foi aprovado o auto de consignação relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à firma Martins & Filhos, S.A., pelo valor de 115.929,65 €, e prazo de execução de sessenta dias.

Projeto Ecovia de Jolda (São Paio) e Jolda (Madalena): -
foi aprovado o projeto e orçamento da Ecovia de Jolda (São Paio) e Jolda (Madalena), no valor de 50 mil euros.

projeto "Rochas que contam Histórias": foi aprovada a abertura de procedimento concursal, pelo valor base de 184.000,0 euros, sem IVA, para a aquisição da Conceção, execução e colocação de painéis de início de percursos pedestres para conteudos definidos - 5 unidades; Conceção, execução e colocação de painéis interpretativos para colocação exterior - 9 unidades; Conceção, execução e colocação de painéis tamanho Ao para colocação interior - 4 unidades; Conceção, execução e colocação de estruturas para colocação de códigos QR - 20 unidades; Conceção, execução e colocação de placas sinalizadoras em 5 trilhos - 35 unidades; Posto interativo tátil - 1 unidade; Painel com iluminação led para colocação interior - 1 unidade; Unidade Interativa 3D + Conteúdos digitais para visitação virtual - 1 unidade; Desenvolvimento e conceção de aplicação móvel APP.

Prestação de Serviços de Apoio Logístico a Eventos da Divisão de Desenvolvimento Sociocultural - Ano 2019: foi autorizada a abertura de Concurso por Consulta Prévia respeitante à Prestação de Serviços de Apoio Logístico a Eventos da Divisão de Desenvolvimento Sociocultural - Ano 2019, pelo preço base de 37.200.00 Euros, acrescido de IVA à taxa legal em vigor.

CONTRATO DE SERVIÇO PÚBLICO DE TRANSPORTE ENTRE O MUNICÍPIO DE ARCOS DE VALDEVEZ E A EMPRESA SALVADOR ALVES PEREIRA & FILHOS, Ldª, DE ARCOS DE VALDEVEZ:  dada a intenção da empresa de cessar o serviço, e de forma a manter as carreiras de transporte público, foi aprovada a celebração de um contrato de serviço público de transporte, no montante de cerca de 30 mil euros, visando garantir a continuação das carreiras de transporte público coletivo de passageiros abaixo descritas:

  1. a) - Cendufe/Miranda – Arcos de Valdevez;
  2. b) - Eiras por Aguiã - Arcos de Valdevez;
  3. c) - Sistelo – Portela do Alvito – Arcos de Valdevez;
  4. d) - Soajo – Arcos de Valdevez;
  5. e) - Travassos – Senharei – Arcos de Valdevez.
  6. As carreiras públicas mencionadas nas alíneas a) e b) serão asseguradas 5 dias por semana, de segunda a sexta; e as restantes 3 dias por semana, à segunda, quarta e sexta-feira.

PROTOCOLO DE APOIO

  • Foi aprovado apoiar o Centro Paroquial e Social de S. Jorge, em 90 mil euros, para ajudar a fazer face aos custos com as obras de ampliação das instalações do Centro Paroquial;
  • Foi aprovado Protocolo a celebrar entre o Município de Arcos de Valdevez e a Associação de Vinhos de Arcos de Valdevez no âmbito da parceria com o Município, para realização do ¿Festivinhão¿ - Festival Enoturístico de Arcos de Valdevez - Edição 2019, a decorrer nos dias 31 de Maio,01 e 02 de Junho, no valor de 63.000€.
  • Idem a Associação Recreativa e Cultural de Paçô, no valor de 2000€, para apoiar a realização do V Torneio de Veteranos da ARC Paçô a levar a efeito no dia 1 de junho de 2019;
  • Idem, a Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental, de Viana do castelo, em 5 800,00€ para ajudar a fazer face aos custos com o transporte para o ano lectivo 2019/2020 dos clientes oriundos do concelho de Arcos de Valdevez, com início no dia 2 de Setembro de 2019.
  • Idem a SOLARIS – Associação DASS, com sede em Darque, no montante de 500,00 euros, para apoiar a participação da representante portuguesa no concurso Miss Asia Pacific Internacional 2019;
  • Idem, a R3Volution Associação RRP, com sede em Cachada – Guilhadeses, no valor de 6000€ para ajudar a fazer face aos custos com a organização de um torneio de futebol juvenil "Revolution Cup III - Arcos de Valdevez", designadamente: no dia 10 de junho - escalão de Sub7 (32 equipas), no Estádio Municipal da Coutada (relvado natural); Dia 15 de junho - escalão de Sub11 (16 equipas), no Estádio Municipal da Coutada (relvado natural) e no Estádio Municipal (relvado sintético); Dia 15 de junho - escalão de Sub9 (16 equipas), no Estádio Municipal da Coutada (relvado natural) e no Estádio Municipal (relvado sintético).
  • Foi aprovado efetuar uma adenda à Claúsula 4ª do Protocolo de Cedência dos Terrenos e das Instalações do Campo de Jogos de Monte Aval ao Centro Recreativo e Cultural de Távora Santa Maria, onde conste que “a cedência é feita pelo prazo de 10 anos, a contar da conclusão do relvado sintético que já se encontra em concurso, renovável sucessivamente por períodos iguais, se não houver de qualquer das partes intenção de não o renovar, a qual deverá ser manifestada à contraparte com antecedência mínima de 60 dias”.

PEDIDO DE ALTERAÇÃO DE ZONA TERRITORIAL: foi aprovado que a concessionária da licença de táxi nº Z2/4/2004, contemple a integração na Unidade Territorial nº 1, tendo em conta que se verificou a integração de freguesias, ocorrida em data posterior à aprovação do Regulamento de Táxis.

Lista de Fornecedores de Bens e Serviços do Município de Arcos de Valdevez para 2019: foi aprovada a proposta de Lista de Fornecedores de Bens e Serviços do Município de Arcos de Valdevez para 2019.

OBRAS MUNICIPAIS

REQUALIFICAÇÃO ARBÓREA DAS FREGUESIAS DE ARCOS DE VALDEVEZ (SALVADOR), ARCOS DE VALDEVEZ (S.PAIO) E GIELA, RIO DE MOINHOS, ALVORA E LOUREDA E ZONA RIBEIRINHA NO CENTRO DA VILA: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Árvovalor – Unipessoal, Lda.

REQUALIFICAÇÃO ARBÓREA DO PARQUE DE ESTACIONAMENTO DA AVENIDA 5 DE OUTUBRO: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Digave, Lda.

REQUALIFICAÇÃO ARBÓREA DO MEZIO: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Árvovalor – Unipessoal, Lda.

REQUALIFICAÇÃO ARBÓREA DO CAMPO DO TRASLADÁRIO: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Digave, Lda.

REQUALIFICAÇÃO ARBÓREA DOS ARRUAMENTOS: RUA CONSELHEIRO PEDRO DE BRITO, PLÁCIDO ABREU, SOARES PEREIRA E ALFERES B. CERQUEIRA: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, relativo à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Árvovalor – Unipessoal, Lda.

Requalificação da EB2,3/S de Arcos de Valdevez: foi aprovada a substituição dos depósitos para garantia da empreitada no valor de 155.053,45 euros por seguro caução n.º 4.213.105 de igual valor.

BENEFICIAÇÃO DAS ETAR's do Centro Escolar Dr. Manuel Brandão (Sabadim) e da Escola Básica de Távora": foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de liberação de caução da empreitada referida em assunto.

EXECUÇÃO DE OBRAS DE MANUTENÇÃO/RECUPERAÇÃO DE PAVIMENTOS NA ECOVIA: foi aprovado o auto de vistoria para efeitos de liberação de caução da empreitada referida em assunto.

CASA DO CONCELHO DE ARCOS DE VALDEVEZ DISCORDA DA EXPLORAÇÃO DE LÍTIO NA NOSSA REGIÃO

44460872_2133163440069274_3494356199132889088_n.jpg

A propósito da exploração do lítio no Minho, nomeadamente na Serra d'Arga, o BLOGUE DO MINHO questionou junto de Joaquim Cerqueira de Brito, Presidente da Direcção da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez, em Lisboa, qual a posição daquela Instituição regionalista. E obtivémos a seguinte resposta:

“A Casa do Concelho de Arcos de Valdevez discorda completamente. Temos que defender e preservar aquilo que é mais belo no nosso País, a Natureza

Além de tudo isso, é preciso defender o bem estar das populações , que começa pela qualidade de vida.”

JUVENTUDE ARCUENSE DESCE À RUA PARA PROTESTAR CONTRA ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS

Alunos arcuenses na rua pelo combate às alterações climáticas

O movimento dos jovens tem origem numa estudante sueca, Greta Thunberg, que no verão passado começou sozinha uma greve às aulas, manifestando-se em frente ao parlamento sueco de onde esperava ver tomadas medidas no sentido de revolver a crise climática.

Centenas de alunos arcuenses associaram-se ao segundo protesto em prol do Planeta, que levou hoje às ruas milhares de jovens de uma centena de países. Com esta greve estudantil, em que todos podem participar, os estudantes pretendem chamar à atenção do governo para a crise climática e exigem que a sua resolução seja feita prioridade.

manifestação_alteraçoes_climáticas11.JPG

Segundo o manifesto desta iniciativa, esta greve climática estudantil é um movimento político-apartidário, descentralizado e pacífico, bem como a voz de uma juventude farta da negligência das classes políticas face ao futuro. Os jovens solicitam a proibição da exploração de combustíveis fósseis em Portugal, o encerramento das centrais elétricas a carvão de Sines e do Pego, o uso de 100% de energias renováveis até 2030 e neutralidade carbónica nessa altura (o Governo tem 2050 como meta), melhores transportes públicos e menos agricultura intensiva.

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez apelou aos jovens que olhem para o seu concelho, “rico em património ambiental, com valores naturais únicos”, e ajudem a preservá-lo e valorizá-lo.

 “Temos que continuar a trilhar este caminho de valorização do nosso património, de promoção do equilíbrio entre o Homem e a Natureza, pois há milénios que esta interação existe, e o que fizermos hoje é determinante para o que teremos amanhã.

Assim contamos com todos para promover o desenvolvimento sustentável da nossa Terra. “, afirmou João Esteves, Presidente da Câmara Municipal.

Valorizando o movimento dos estudantes, o autarca convidou os jovens para participarem na inauguração o Museu da Água ao Ar Livre do Rio Vez, no dia 1 de Junho, e nas várias ações de limpeza que acontecerão um pouco por todo o concelho, no dia 15.

Juntos para um Futuro Melhor em Arcos de Valdevez onde Portugal se Fez, Faz e Fará.”, rematou o autarca.

Neste momento, foi também entregue uma carta da Câmara Municipal onde são referidas as ações que se encontram a ser levadas a cabo em prol do ambiente, como sendo a adesão ao Pacto de Autarcas, o Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas; ao nível da Educação e Sensibilização Ambiental, o Programa Eco-Escolas, School4All, Mercado Municipal Circular, projetos em curso no Parque Nacional da Peneda-Gerês como o Plano de prevenção e recuperação de habitats naturais.

A construção na Porta do Mezio do Parque Biológico da Porta do Mezio; a criação do Museu da Água ao Ar Livre do Rio Vez, do Centro da Biodiversidade do Alto Vez em Sistelo, ou, a realização, pela Câmara e a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), de obras de Reabilitação e Requalificação dos Ecossistemas Ribeirinhos e a futura execução do Parque urbano com resiliência às cheias no baixo Vez.

manifestação_alteraçoes_climáticas4.JPG

manifestação_alteraçoes_climáticas7.JPG

manifestação_alteraçoes_climáticas8.JPG

manifestação_alteraçoes_climáticas10.JPG

MINHOTOS NOS EUA: BARQUENSES + ARCUENSES = BARCUENSES!

Constituído sobretudo por naturais e descendentes de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, o Rancho Folclórico Barcuense iniciou a sua actividade em 1977, na cidade de Newark, New Jersey, tendo mantido-se em actividade até 1981.

60773188_2333277610295219_6376711981293895680_n.jpg

Após mais de duas décadas de interreg-no, o Rancho Folclórico Barcuense ressurge e desde então nunca mais parou de actuar. Em Portugal e nos Estados Unidos da América, em França e no Canadá, são numerosos os palcos que tem pisado levando as tradições da nossa região.

Nas imagens, a Rusga do Barcuense… que significa a união entre barquenses e arcuenses onde quer que se encontrem!

Fotos: Rancho Folclórico Barcuense

60742241_2333277556961891_216685150237360128_n.jpg

60781895_2333277846961862_3601949970325831680_n.jpg

60789136_2333278423628471_4088824933264654336_n.jpg

60797000_2333277776961869_4124437298844532736_n.jpg

60805759_2333277720295208_7044026350063058944_n.jpg

60878298_2333278196961827_3261795419545403392_n.jpg

60885089_2333277953628518_7603017069486931968_n.jpg

60966017_2333278100295170_125522047018205184_n.jpg

61051367_2333278963628417_2826079057609752576_n.jpg

61223699_2333277666961880_6639571246893760512_n.jpg

61545925_2333279376961709_7793411878796918784_n.jpg

CAMPANHA DA FNAJ PERCORRE PORTUGAL PARA PROMOVER O ASSOCIATIVISMO E O VOLUNTARIADO JOVEM

Milhares de jovens portugueses participam numa Campanha Nacional que promove o associativismo e a capacitação jovem e que esteve presente em Arcos de Valdevez.

cartaz_campanhaarcc (1).jpg

Durante os meses de novembro de 2018 a Abril de 2019, a FNAJ - Federação Nacional das Associações Juvenis esteve com a sua Campanha Nacional “Associativismo Juvenil: Escola de Cidadania e Voluntariado”, em Arcos de Valdevez numa ação inédita que visa promover a participação ativa dos jovens na sociedade, assente no empoderamento, na capacitação e na afirmação da sua cidadania.

O concurso “Vamos criar uma Associação Juvenil”, no âmbito desta Campanha Nacional da FNAJ, percorreu cerca de 40 escolas portuguesas, inspirando, nos mais de 4000 jovens envolvidos na Campanha, a capacidade de agir, criar e crescer, despoletando novas lideranças com impacto direto nas comunidades, desenvolvendo novas competências e estimulando ações concretas a partir das suas ideias, ajudando-os a mudar o mundo, ao mesmo tempo que se promove o talento e a iniciativa jovem.

Depois de uma primeira fase que contou com a presença da Unidade Móvel da FNAJ – Infobus da Cidadania, em ações de sensibilização e de orientação de jovens, promovendo a participação e o voluntariado, a equipa de projeto esteve na EPRA Lima Arcos de Valdevez para desenvolver um conjunto de sessões dinâmicas e interativas criando um espaço de estímulo à criatividade e empreendedorismo social, nas quais, através de metodologias de Educação Não Formal, foram trabalhadas e desenvolvidas ações com base nas ideias dos jovens, originando inúmeros projetos inovadores que darão origem à criação de associações juvenis na sua comunidade, verdadeiros laboratórios de ideias e espaços para o exercício de uma cidadania ativa e plena.

Este é um projeto cofinanciado pela Fundação Calouste Gulbenkian, e com o apoio do Ministério da Educação, da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto, da Secretaria de Estado para a Cidadania e Igualdade, do Instituto Português do Desporto e da Juventude, da Movijovem, da Agência Nacional Erasmus+ Juventude em Ação, das Federações Regionais/Distritais de Associações Juvenis e das Associações Juvenis de base local.

cartaz_campanhaarcc (2).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ: CONSELHO LOCAL DE AÇÃO SOCIAL APROVA CONTRATO LOCAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Grande objetivo deste Plano é capacitar para criar melhores serviços e respostas adequadas às necessidades da população.

Reuniu no passado dia 16 de maio, na Biblioteca Municipal, o Conselho Local de Ação Social de Arcos de Valdevez, o qual, integra todos os parceiros da Rede Social de Arcos de Valdevez.

reunião clas2.JPG

Da ordem de trabalhos fizeram parte a aprovação do Plano de Ação do Contrato Local de Desenvolvimento Social e a Apresentação de proposta de criação do Comité Municipal do Voluntariado.

Naquilo que toca ao Plano de Ação do Contrato Local de Desenvolvimento Social, o presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves informou os presentes de todo o processo que deu origem à elaboração do CLD 4G.

Este Plano de Ação incidirá no Eixo 2 Intervenção familiar, parental e preventiva da pobreza infantil e o Eixo 3 Promoção do Envelhecimento ativo e apoio à população idosa. Está desenhado para um período de duração entre 2019 e 2022, será executado pela Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez e conta com um orçamento de 446 395,73€.

Este plano engloba diversas ações, nomeadamente o Serviço de Atendimento à Família: que visa aconselhar, orientar e mediar situações de crise e acompanhamento psicológico; Ciclos de Conversa com as famílias ao nível da gestão do orçamento familiar, da alimentação saudável através da elaboração de receitas saudáveis e económicas e ainda, ao nível da parentalidade positiva, (Coaching Parental, Inteligência emocional); Campos de Férias, dirigidos a crianças e jovens de agregados familiares com baixos rendimentos; Férias Inclusivas, a qual irá também proporcionar, nas pausas letivas, atividades lúdico recreativas, destinadas a crianças e jovens portadores de deficiência;

Relativamente à população sénior estão previstas ações como Ginástica Geriátrica: Séniores + Ativos; Turismo Sénior; TIC Sénior; Mais Mobilidade sénior; Bem-me-quer: a cuidar + de si, que irá procurar prestar serviços complementares aos utentes de serviço de apoio domiciliário no concelho; BricolaSénior, que visa criar um serviço de apoio ao idoso no seu domicílio, ao nível da realização de pequenas reparações; Apoio ao Cuidador Informal; Mais voluntariado; Animação Sociocultural Itinerante para idosos do concelho, com especial enfoque na população institucionalizada ou a usufruir de algum serviço de apoio social.

Já na apresentação de proposta de criação do Comité Municipal do Voluntariado, o Presidente da Câmara Municipal informou que o Município de Arcos de Valdevez integra, no âmbito do URBACT, uma rede internacional de Cidades de Voluntariado e que nesse contexto está a desenvolver um trabalho de promoção e gestão do voluntariado a nível local. Neste âmbito foi apresentada a proposta de criação do referido Comité Municipal de Voluntariado, seguindo o documento para todos os Comissários, onde constam as normas orientadoras do mesmo, nomeadamente, objetivos, composição, funcionamento e competências para que seja possível proceder-se à aprovação do mesmo e à eleição dos elementos constituintes do Comité Municipal de Voluntariado na próxima reunião do CLAS.

No final da reunião, João Manuel Esteves lembrou que o envolvimento de todos os parceiros que compõem o CLAS é essencial para que seja possível continuar a prosseguir com o apoio aos mais desfavorecidos e promover a inclusão e coesão social

ARCOS DE VALDEVEZ RECEBE EQUIPA DE FUTEBOL DA ESCÓCIA

Câmara Municipal recebe equipa de futebol escocesa

Nos dias 18, 19 e 20 de maio o ARC Paçô recebeu no seu complexo desportivo um grupo de veteranos escoceses, para um convívio que incluiu um jogo de Futebol.

IMG_8011.JPG

Foi neste âmbito que a Câmara Municipal teve o prazer de receber esta equipa nos Paços do Concelho, aproveitando para lhe dar as boas-vindas e desejar uma boa estadia, bem como fazer uma breve apresentação do concelho.

Neste momento o Presidente da Câmara fez referências históricas e patrimoniais, enalteceu as belezas naturais e a qualidade da gastronomia e dos vinhos locais, bem como enumerou alguns pontos de visitação obrigatória.

IMG_8026.JPG

ARCOS DE VALDEVEZ ENSINA A CRIAR JÓIAS

PAÇO EM FAMÍLIA: Jóias de Ontem para Hoje

Desde a Pré-história que o homem e a mulher utilizam diferentes objetos para se embelezarem. Inicialmente eram feitos de conchas, dentes de animal, osso e pedra. Mais tarde começaram a utilizar metais como o cobre, o ouro e a prata.

Nesta oficina partimos à descoberta das jóias e objetos de adorno criados ao longo do tempo, desde os colares de contas aos brincos de filigrana.

Através de diferentes técnicas e materiais e com a ajuda da arqueologia experimental, vamos criar a nossa própria jóia, inspirados na ourivesaria castreja, romana ou medieval.

No final, vestidos a rigor, faremos uma demonstração das nossas obras de arte!

Atividade gratuita, sujeita a inscrição prévia. A inscrição poderá ser efetuada presencialmente ou através dos contactos:

Email: pacodegiela@cmav.pt

Telefone: 258520529

2019-05-25 - PAÇO EM FAMÍLIA - JÓIAS DE ONTEM PARA HOJE.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ ENCONTRAM-SE ENTRE OS MAIS PROCURADOS DESTINOS TURÍSTICOS

Arcos de Valdevez em 1º lugar dos destinos mais procurados do Minho no Trivago

A Trivago, plataforma global de pesquisa de hotéis, onde todos os dias quatro milhões de pessoas procuram inspiração para as férias, fez um estudo sobre os destinos portugueses que mais cresceram como tendência no País, a partir dos dados recolhidos nos últimos anos.

jn_arcos_pub-01.jpg

Entre janeiro de 2015 e janeiro de 2017 há uma clara preferência pelo chamado “turismo de natureza”, estando Arcos de Valdevez posicionado em 4º lugar, dentre os 10 destinos em Portugal que mais subiram nas pesquisas.

Este resultado dá ânimo e contribui para que o Município e os agentes do turismo da terra continuem, afincadamente, o trabalho de promoção e divulgação dos recursos turísticos do concelho, nomeadamente do património natural, histórico e construído, bem como da gastronomia e vinhos

Estes são os 10 destinos em Portugal que mais subiram nas pesquisas, segundo o estudo do site Trivago:

  1. Ferreira do Zêzere (+70%)
    2. Odeceixe (+56%)
    3. Abrantes (+55%)
    4. Arcos de Valdevez (+52%)
    5. Arrifana (+50%)
    6. Porto de Mós (+50%)
    7. Mirandela (+47%)
    8. Vila Verde (+46%)
    9. Vila Nova de Foz Côa (+40%)
    10. Golegã (+40%)

ARCOS DE VALDEVEZ HOMENAGEIA TEIXEIRA DE QUEIROZ

Teixeira de Queiroz homenageado em colóquio: Literatura, Medicina e Cidadania foram as temáticas abordadas

Por ocasião do primeiro centenário da morte de Francisco Teixeira de Queiroz, natural de Arcos de Valdevez, o Município de Arcos de Valdevez encontra-se a levar a efeito até dezembro, um vasto programa cultural em torno do escritor, falecido em 1919, que conhecerá diversos momentos, incluindo a reedição da Obra de Teixeira de Queiroz, e de diversos originais, em parceria com a INCM.

txqeuir (1).JPG

Despois de na Semana da Leitura os alunos do Agrupamento se terem debruçado neste autor realizou-se agora um segundo momento com o Colóquio Teixeira de Queiroz (1919-2019): Literatura, Medicina e Cidadania, o qual homenageou um autor cuja personalidade multifacetada se expressou com brilho nas Letras e na Medicina, entre muitas outras áreas da sua intervenção. Este vulto marcante da sociedade portuguesa de finais do século XIX e inícios do século XX, que chegou a utilizar o pseudónimo literário de Bento Moreno, foi autor de duas importantes séries de romances que fixaram de modo inesquecível a experiência portuguesa finissecular: a Comédia do Campo e a Comédia Burguesa. Estas duas séries romanescas constituem o exemplo português mais notável da ambição literária em representar a totalidade da vida de uma sociedade, revelando estima pelos modelos distantes de um Balzac ou de um Zola.

Este colóquio reuniu cerca de 15 palestrantes de diversas Universidades nacionais, entre eles a Ex Ministra da Cultura e Professora Catedrática Isabel Pires de Lima ou o Neurologista, Professor, Alexandre Castro Caldas, bem como um número significativo de convidados e entusiastas de Teixeira de Queiroz.

João Manuel Esteves, presidente da Câmara Municipal, enalteceu a realização deste colóquio que permitiu trazer ao de cima muitas das características da escrita deste autor arcuense. Para o autarca, e porque o amor à terra minhota fez com que as obras de Teixeira de Queiroz, sobretudo as da Comédia do Campo, sejam uma fonte muito rica de conhecimento oitocentista, é importante dar a conhecer mais aprofundadamente este escritor às gerações mais novas, pois foi um homem inovador e sempre à frente em tudo o que fez, sendo possível a partir dele “promover a Cultura, a Ciência e a nossa identidade cultural, bem como aquilo que é nosso”.

txqeuir (2).JPG

Próximos momentos do Programa do Centenário da Morte de Teixeira de Queiroz

(1919-2019)

20 de Junho

- Apresentação do livro “Família de Teixeira de Queiroz- Casa de Cortinhas”, da autoria e edição de Luís Teixeira de Queiroz Pinto; Paço de Giela

 

11 de Julho

- Descerramento de placa de Homenagem ao escritor Teixeira de Queiroz; Casa de Cortinhas

 

27 de Julho

- Apresentação do livro “Teixeira de Queiroz- Uma Casa em Construção”, da autoria e edição de Pedro Castro Caldas; Paço de Giela

 

Outubro

- Ações de promoção e esclarecimento junto do público escolar sobre o Concurso Literário “Teixeira de Queiroz”; Estabelecimentos de Ensino concelhios

 

Novembro

- Apresentação do volume da obra “Comédia do Campo”, de Teixeira de Queiroz; edição da Imprensa Nacional Casa da Moeda e do Município de Arcos de Valdevez. Arcos de Valdevez (Auditório da Casa das Artes) e Lisboa (Academia das Ciências).

 

16 de Novembro

- Inauguração da Bienal de Arte “D’Art Vez 2019”, sob o tema Teixeira de Queiroz e a sua época; apresentação dos vencedores do concursoCria um Ex-libris”; Casa das Artes

 

23 de Novembro

- Estreia da peça de teatro/musical de Teixeira de Queiroz “O Grande Homem”, pelo GTV- Grupo de Teatro do Vez; Auditório da Casa das Artes.

 

NOTA: em 2020 e 2021, respetivamente, serão apresentados os volumes “Comédia Burguesa” e “Vária/Obra Dispersa” (edição INCM/Município de Arcos de Valdevez)

txqeuir (3).JPG

txqeuir (4).JPG

txqeuir (5).JPG

txqeuir (6).JPG

ARCOS DE VALDEVEZ ESTREITA COOPERAÇÃO COM OS PARQUES NACIONAIS DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez em encontro com representantes dos Parques Nacionais dos Estados Unidos da América

O Presidente da Câmara Municipal participou recentemente numa reunião com o vice-presidente dos Parques Nacionais dos Estados Unidos da América e representantes da Embaixada Americana em Portugal.

Capturararccos.PNG

Este foi um momento que serviu para a troca de contactos e experiências entre os vários participantes e abriu espaço para um diálogo mais vantajoso entre o ICNF, as Autarquias e o representante dos Parques Nacionais dos EU.

O objetivo deste encontro consistiu em congregar os esforços e os talentos de ambas as partes no sentido de promover o desenvolvimento sustentável destes territórios, mantendo o equilíbrio entre o Homem e a Natureza.

Tratou-se de uma oportunidade única para promover o Parque Nacional Peneda Gerês e para o fortalecimento dos laços entre as entidades, visando ao mesmo tempo o estabelecimento de cooperação entre o PNPG e os Parques Nacionais americanos.

Capturaraaaarrrrccc.PNG

PNPG- Arcos de Valdevez_ foto Eduardo Pimenta.JPG

Portocova1-branda_2.jpg

CENTRO DE INFORMAÇÃO DE CASTRO LABOREIRO CELEBRA 15º ANIVERSÁRIO

No próximo sábado, dia 18 de maio

O Centro de Informação de Castro Laboreiro (extensão da Biblioteca Municipal de Melgaço) celebra o seu 15º aniversário no próximo sábado, dia 18 de maio, com um workshop de broa artesanal e uma caminhada de 3 km, para o público em geral.

centro informação castro laboreiro.png

As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias e limitadas. Poderão ser realizadas através dos contactos mcodesso@cm-melgaco.pt |museuclaboreio@cm-melgaco.pt | 251 410 060 | 251 465 040; ou presencialmente na Casa da Cultura ou na Biblioteca em Castro Laboreiro.

PROGRAMA

9h00 – Concentração na Casa da Cultura

9h30 – Partida de autocarro para Castro Laboreiro

10h00 – Concentração no Centro de Informação de Castro Laboreiro

Workshop de broa artesanal

Caminhada: trilho Castrejo de 3 Km (percurso fácil)

12h00 – Degustação de broa artesanal com produtos locais | Bolo de aniversário | Música com concertinas

13h30 – Regresso a Melgaço

ARCOS DE VALDEVEZ EXPANDE REDE DE SANEAMENTO BÁSICO E ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Mais expansão da rede de saneamento básico e de abastecimento de água

Na última reunião de Câmara foram aprovadas duas aberturas de procedimentos concursais para a ampliação da rede de saneamento básico em Arcos de Valdevez (S.Paio), na zona de Morilhões, e a expansão da rede de abastecimento de água nos lugares de Gração e Vilarinho do Souto – da União de Freguesias de S. Jorge e Ermelo.

Naquilo que toca à ampliação da rede de saneamento básico – Arcos de Valdevez (S.Paio) – tramo 2 e 3, foi aprovado dar início ao procedimento concursal pelo preço base de 139.113,25 euros e prazo contratual de 150 dias. Com este projeto pretende-se fazer a ampliação de dois troços da rede de saneamento em Morilhões através de elevação, que ainda não se encontram servidos, drenando para a rede existente. O mesmo preconiza também a instalação de coletores gravíticos, numa extensão de cerca de 0,85 km, 2 estações elevatórias e 18 ramais domiciliário.

Já em relação à empreitada de expansão da rede de Abastecimento de água rede de distribuição aos lugares de Gração e Vilarinho do Souto – da União de freguesias de S. Jorge e Ermelo foi aprovado dar início ao procedimento concursal, pelo preço base de 637.590,00 euros e prazo contratual de 365 dias.

O projeto preconiza, em Gração, a instalação de condutas de distribuição numa extensão de cerca de 4.90 km e 107 ramais domiciliários, a partir de uma picagem na adução a instalar pelas Águas do Norte; em Vilarinho do Souto, a instalação de condutas de distribuição numa extensão de cerca de 4.10 km e 79 ramais domiciliários, a partir do Reservatório a construir pelas Águas do Norte.

Em termos de abastecimento de água, estas obras juntam-se às das Águas do Norte que estão em curso no valor de 2,5M€, e da que está em fase de adjudicação de abastecimento ao lugar de Ermelo, no valor de 188 271,74€.

Apesar de muito já ter sido investido, as atenções da Câmara Municipal continuam viradas para o reforço das infraestruturas básicas de forma a continuar a melhorar a qualidade de vida dos arcuenses.