Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MAGIA DE NATAL REGRESSA A ARCOS DE VALDEVEZ

1 de Dezembro a 7 de Janeiro

Na época natalícia, a vila de Arcos de Valdevez veste-se a rigor para viver em pleno o espírito do Natal. As ruas são vestidas a preceito e, juntamente com a iluminação natalícia, a música e a animação nas principais artérias, o quadro fica composto.

O comércio local também adere em força ao espírito natalício, enfeitando as suas montras, que surgem mais bonitas e iluminadas. Na Praça Municipal é exibida a habitual exposição das árvores feitas pelas IPSS´S, escolas e associações concelhias.

Ao longo de quase um mês a população e visitantes terão ao dispor iniciatiivas de várias índoles, como Mercados de Natal, Feiras, concertos, coros infantis, animação para os mais pequenos, Campos de férias, teatro, trilhos, Workshops, Show Cookings  e muito mais.

A programação desta “Magia de Natal” arrancou dia 1 de Dezembro com o musical “Peter Pan: O segredo da ilha dos três Olhos”, pela Companhia Rituais dell Arte.

 De 04 a 18 dezembro decorre a iniciativa de sensibilização ambiental “Proteja a Floresta! Venha buscar o seu Pinheiro de Natal ao Mercado Municipal”. Através desta, as pessoas poderão obter gratuitamente a sua árvore até ao dia 18 de dezembro.

De 6 a 8 de Dezembro decorrerá a Feira dos Doces e do Chocolate, onde mais uma vez se poderá provar a excelente doçaria arcuense como o bolo de discos, os charutos de ovos, Doce Maravilha de Portugal, ou os rebuçados dos Arcos e aproveitar para assistir a showcookings, ao Workshop “Vamos Tecer o Natal”, pela Mater Minho – Associação de Saberes, a Seminários, palestras, ou participar no  “POP UP “Mercado da Terra – Agricultura Social e Sustentável, bem como divertir-se com a animação proporcionada por grupos de baile, grupos corais, pinturas Faciais e Esculturas de Balões, palhaços, teatro e muito mais.

Nesta altura ,aos sábados e domingos, de 07 de Dezembro a 06 de Janeiro decorre o Natal na Aldeia do Mezio com diversas atividades, nomeadamente “Natal Radical”; “Corrida à Prenda de Natal”; “Duendes Saltitantes”; “Passeios no Bosque Encantado; “Os Gnomos no Mezio; “Brincadeiras na Lapônia”; “Trilho da Pinhas”, “Vamos pintar o Natal”, “À procura do gnomo na floresta”, “A Sementinha do Pinheiro”.

De 18 a 20 de Dezembro e de 26 a 27 Dezembro o Paço de Giela abre as portas para as habituais Aventuras de Natal no Paço.

De 16 a 20 de dezembro o centro histórico ganhará nova vida com a diversa animação de rua e atuação de grupos corais e musicais, de várias associações do concelho.

De 19 a 22 de Dezembro decorrerá o “Mercado de Natal” da Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação de Arcos de Valdevez, no Mercado Municipal.

No dia 21 de Dezembro, sábado o Centro Interpretativo do Barroco/Igreja do Espírito Santo acolhe o espetáculo musical do Coral POLIFÓNICO MASCULINO: “A CUMPAGNIA” (Córsega - França).

De referir também, no dia 22 de Dezembro, domingo, a terceira edição do Natal Run Solidário. Uma iniciativa que alia o desporto e o bem-estar físico à solidariedade, e cujo objetivo é a recolha de bens alimentares para serem entregues a instituições sociais do concelho.

Para além de outros concertos e atividades agendadas, em Arcos de Valdevez também decorrerão as comemorações da Passagem de Ano a 31 de dezembro, no Centro de Exposições.

 Esta magia termina com o Grande Concerto de Ano Novo pela Banda da Sociedade Musical de Arcos de Valdevez a 4 de janeiro, no Auditório da Casa das Artes.

O concelho convida os arcuenses e visitantes a viverem uma época natalícia inesquecível, com as múltiplas e sugestivas propostas de animação que farão as delícias de todos.

A Campanha – Magia de Natal 2019 é organizada pela Câmara Municipal e a ACIAB – Associação Comercial e Industrial de Arcos de Valdevez e de Ponte da Barca, com o objetivo de promover o que se faz em Arcos de Valdevez, pensar na dinamização do comércio local e turismo, bem como na população, nomeadamente as crianças e os jovens.

Vamos espalhar Magia de Natal em Arcos de Valdevez.

PROGRAMA completo em www.cmav.pt

cartaz 2 - Cópiaarcvalde.jpg

VIZELA CONDICIONA TRÂNSITO NA QUADRA NATALÍCIA

Trânsito condicionado nos dias 7 e 8 de dezembro

No seguimento da abertura oficial do ‘Vizela Cidade Natal’ e da realização do programa ‘Somos Portugal’, o programa de domingo da TVI, a Câmara Municipal de Vizela informa que estará condicionado o trânsito nos dias 7 e 8 de dezembro, nas seguintes ruas:

Rua Dr. Alfredo Pinto

Trânsito e estacionamento proibido

Das 06h00 do dia 7 de dezembro até às 23h00 do dia 8 de dezembro

Rua Jardim Manuel Faria

Trânsito e estacionamento Proibido  

Das 06h00 do dia 7 de dezembro até às 23h00 do dia 8 de dezembro

Praça da República

Trânsito condicionado

Dia 8 de dezembro

12h00 – 21h00

Cortejo de Natal

Trânsito condicionado durante a passagem do cortejo de Natal

Dia 8 de dezembro

16h00 às 17h30

Rotunda dos Bombeiros Voluntários

Avenida dos Bombeiros Voluntários

Rua Dr. Abílio Torres

Rua Joaquim Ribeiro Ferreira

Rua Dr. Pereira Caldas

Praça da República

A Câmara Municipal de Vizela pede desculpa e apela à compreensão de todos os munícipes para os constrangimentos resultantes do evento ‘Vizela Cidade Natal’, que decorrerá de 7 de dezembro a 6 de janeiro, mas o objetivo é dar mais vida a Vizela, atraindo visitantes, revitalizando o coração da cidade e estimulando o comércio, envolvendo as instituições públicas e privadas e, ao mesmo tempo, devolver o orgulho aos vizelenses, despertando o espírito natalício, próprio desta época festiva.

VILAVERDENSES MERGULHAM NO RIO CÁVADO

Vila de Prado pronta para receber 2020 com o ‘Mergulho no Cávado – 1º Domingo do Ano’

A Vila de Prado vai fazer do primeiro domingo do ano um dia de verão. No próximo dia 5 de janeiro, pelas 11h15, o cenário idílico da margem direita do rio Cávado prepara-se para ser ‘invadido’ por banhistas de todas as idades, que esquecem as temperaturas baixas e se aventuram a receber o novo ano com o rejuvenescedor ‘Mergulho no Cávado - 1º Domingo do Ano’. A participação é aberta a todos, não sendo necessária qualquer inscrição. Basta aparecer, ganhar coragem e desfrutar do mergulho.

DSC_0421.JPG

A iniciativa é uma forma de promover a Praia Fluvial do Faial, altamente concorrida no verão, e mostrar que a imensa beleza natural do espaço faz com que mereça uma visita em qualquer altura do ano. Convívio e confraternização entre pradenses e visitantes não vai faltar, até porque tudo começou assim, em 2015, com um grupo encabeçado por António Silva, mais conhecido por Mousinho. O que era uma brincadeira entre amigos cresceu, e ao longo dos anos o número de participantes e de pessoas a assistir foi aumentando. As últimas edições contaram já com centenas de pessoas, e o Mergulho no Cávado esteve em destaque em vários órgãos de comunicação social.

VILA NOVA DE CERVEIRA: ARROLAMENTO DOS BENS CULTUAIS DA FREGUESIA DE COVAS

Em 17 de Julho de 1911, pouco tempo decorrido desde a implantação do regime republicano, procedeu-se ao arrolamento dos bens cultuais situados na freguesia de Covas, concelho de Vila Nova de Cerveira, distrito de Viana do Castelo, constando de: Igreja Paroquial de Covas; Capela do Senhor dos Aflitos; Capela da Senhora da Conceição; Capela de Santa Marinha; Capela de Santa Maria Madalena; Capela da Senhora da Piedade; Capela de São Gregório; Capela de São Sebastião.

Fonte: Arquivo do Ministério das Finanças

Capturarco1COVAS (1).PNG

Capturarco1COVAS (2).PNG

Capturarco1COVAS (3).PNG

Capturarco1COVAS (4).PNG

Capturarco1COVAS (5).PNG

Capturarco1COVAS (6).PNG

Capturarco1COVAS (7).PNG

Capturarco1COVAS (8).PNG

Capturarco1COVAS (9).PNG

Capturarco1COVAS (10).PNG

Capturarco1COVAS (11).PNG

Capturarco1COVAS (12).PNG

Capturarco1COVAS (13).PNG

Capturarco1COVAS (14).PNG

Capturarco1COVAS (15).PNG

PAULO CUNHA INAUGURA OBRAS DA ESCOLA DO 1º CICLO DE RIBA DE AVE

Sessão decorre amanhã, sábado, 7 de dezembro, pelas 10h45

O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, inaugura amanhã, sábado, 7 de dezembro, pelas 10h45, as obras de requalificação da Escola do 1.º ciclo de Riba de Ave.

A escola que beneficiou de uma profunda remodelação abriu portas no terceiro período do ano letivo 2018/2019. Com um investimento superior a 500 mil euros, as obras implicaram uma ampliação com a criação de mais duas salas, passando para oito. Foi ainda construída uma sala de apoio, biblioteca, sala de professores e recreio coberto. Os arranjos exteriores contemplaram também um espaço desportivo com relva sintética.

O projeto foi cofinanciado pelo NORTE 2020, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

ARCOS DE VALDEVEZ: ARROLAMENTO DOS BENS CULTUAIS DA PARÓQUIA DE MIRANDA

Em 8 de Novembro de 1911, pouco mais de um ano decorrido desde a implantação do regime republicano, procedeu-se ao arrolamento dos bens cultuais da freguesia de Miranda, concelho de Arcos de Valdevez e distrito de Viana do Castelo, constando de Igreja Paroquial de Santa Maria de Miranda.

Na mesma ocasião, o respectivo Pároco, Padre Gaspar Himalaya da Rocha Fernandes, reclamou por escrito junto do Presidente da Comissão dos Inventários dos Bens Eclesiásticos, pelo facto de pretenderem “tirar à Igreja a legítima posse dos bens, aliás muito reduzidos, que ainda possue”.

Fonte: Arquivo do Ministério das Finanças

Capturarmi1.PNG

Capturarmi2.PNG

Capturarmi3.PNG

Capturarmi4.PNG

Capturarmi5.PNG

Capturarmi6.PNG

PONTE DE LIMA HOMENAGEIA SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDRESEN

TUDO QUANTO VI - UM POEMA COREOGRÁFICO PARA SOPHIA | DANÇA EM DIÁLOGOS – A HOMENAGEM DO TEATRO DIOGO BERNARDES A SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDRESEN

6 de Dezembro – 22h00 – Teatro Diogo Bernardes – Ponte de Lima

Exactamente um mês depois do início das Comemorações do Nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen, o Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, apresenta, hoje, 6 de Dezembro, às 22h00, o espectáculo de dança e bailado Tudo Quanto Vi – Um Poema Coreográfico para Sophia, pela Dança em Diálogos.

Tudo quanto vi....jpg

Uma performance poética que celebra a obra de Sophia de Mello Breyner Andresen, revelando que a sua poesia poderá ser absorvida e partilhada através de diversas perspectivas. Num subtil entrelaçar entre poema e música, as palavras de Sophia são metamorfoseadas em imagens em movimento, por vezes fragmentadas, sobrepostas ou até silenciosas, procurando uma fusão entre a linguagem neo-clássica e contemporânea. Um diálogo entre dança e sonoridade poética, corporificando uma dupla antologia rítmica da escrita e da escritora.

Ficha técnica |

Direcção Artística | Solange Melo . Fernando Duarte

Coreografia | Fernando Duarte

Poemas | Sophia de Mello Breyner Andresen

Selecção de Poemas | Nicolau Santos

Música | Fernando Lopes-Graça . J. S. Bach . Luís de Freitas Branco . Luís Tinoco

Figurinos | Solange Melo

Desenho de luz | VP

Elenco | Solange Melo . Fernando Duarte . Carlota Rodrigues .PatriciaKeleher

Produção | Dança em Diálogos

Assistente de Produção | Margarida Garcez

Apoio aos Ensaios | Fátima Brito

Apoio à Língua Gestual | Cidália de Jesus

A criação do bailado teve o apoio à criação através de residências artísticas na Escola Superior de Dança - IPL, Estúdios Victor Córdon, Estúdio CAB e Estúdio Pro.Dança.

Bilhetes à venda (5,00€) e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo emailteatrodb@cm-pontedelima.pt.

Tudo quanto vi..jpg

tudo_quanto_vi_mupi_.png

GOVERNO RESTITUI EM 1931 OS BENS CULTUAIS E PATRIMONIAIS DA PARÓQUIA DA CABRAÇÃO

Em 17 de Janeiro de 1931, o Governo, através do Ministro da Justiça e dos Cultos, mandou proceder à entrega de bens nos termos do Decreto n.º 11887, e 6 de Julho de 1926, na freguesia de Cabração, concelho de Ponte de Lima, distrito de Viana do Castelo, nomeadamente a igreja paroquial, dependências e objectos de culto, e passal composto de casa de habitação, lojas, terreiro, terra de cultivo, vinha e árvores de fruto.

Refira-se que esta decisão situa-se numa fase de transição da Ditadura Militar instaurada em 1926 para o Estado Novo que se estabelece definitivamente com a aprovação da Constituição de 1933.

Fonte: Arquivo do Ministério das Finanças

Capturarcabr1 (1).PNG

Capturarcabr2 (1).PNG

Capturarcabr3.PNG

Capturarcabr4.PNG

Capturarcabr5.PNG

Capturarcabr6.PNG

Capturarcabr7.PNG

Capturarcabr8.PNG

Capturarcabr9 (1).PNG

Capturarcabr10 (1).PNG

Capturarcabr11.PNG

Capturarcabr12.PNG

Capturarcabr13.PNG

Capturarcabr14.PNG

Capturarcabr15.PNG

Capturarcabr16 (1).PNG

Capturarcabr17 (1).PNG

Capturarcabr18.PNG

Capturarcabr19.PNG

Capturarcabr20.PNG

Capturarcabr21.PNG

Capturarcabr22 (1).PNG

Capturarcabr23 (1).PNG

Capturarcabr24 (1).PNG

Capturarcabr25 (1).PNG

Capturarcabr26.PNG

Capturarcabr27.PNG

Capturarcabr28.PNG

Capturarcabr29.PNG

PELOURINHO DE PAREDES DE COURA PERTENCE AO MUNICÍPIO DESDE 1909

Em resposta à Direcção Geral da Fazenda Pública, relativamente à pertença do Pelourinho de Paredes de Coura, a Direcção de Finanças do Distrito de Viana do Castelo respondeu em 16 de Novembro de 1942  ao Director Geral da Fazenda Pública - Repartição do Património, que o referido Pelourinho de Paredes de Coura está afecto à Câmara Municipal do referido concelho desde 1909 ou 1910, data em que foram reunidas as diferentes peças de que é constituído e se encontravam dispersas por várias localidades, o colocou no local onde hoje (1942) se encontra, isto é, no largo em frente dos Paços do concelho. Direcção de Finanças de Viana do Castelo.

O pelourinho, outrota também designado por picota, consistia numa coluna de pedra onde era exercida a justiça a justiça sobre aqueles que eram punidos por actos criminosos, sendo por tal considerados símbolos da liberdade municipal. Situam-se geralmente frente aos paços do concelho das diversas municipalidades pelo menos desde o século XII,tendo desde o século XV servido para a execução de penas capitais.

De estilo românico, gótico ou manuelino, os pelourinhos são geralmente constituídos por uma base cobre a qual assenta a coluna que é encimada por um capitel on apresentavam uma espécie de guarita, com grades de ferro.

Em relação especificamente aos pelourinhos de Paredes de Coura, o site https://www.visitarportugal.pt/ refere-nos o seguinte:

“Com a honra de obtenção de dois Pelourinhos, o primeiro obtido em 1257, outorgado por D. Afonso III, e o segundo através do documento do novo foral em 1515, por D. Manuel I, mantendo-se assim como concelho até à atualidade através dos seus dois elementos como o Pelourinho e a Antiga Prisão.

Contudo, o Pelourinho esteve perdido e desmantelado durante muitos anos, vindo a ser reconstruído em 1909, com materiais de fragmentos da picota original, integrando também elementos datados da reconstrução.

De uma simplicidade, ergue-se sobre um pedestal de três degraus quadrangulares, também quadrangular o plinto em que assenta a base da coluna. O fuste cilíndrico e liso, rematado no topo também por uma moldura lisa, como indicação de capitel. Este é encimado por dois cilíndricos de faces côncavas, rematados com tabuleiros quadrangulares, um sobre o outro. Aqui pousa o remate propriamente dito, constituído por uma grande esfera lisa com o escudo nacional adossado e coroado por um cone esguio.

No decorrer do ano de 1933, este monumento foi classificado como Imóvel de Interesse Público.”

Capturarpel1.PNG

Capturarpel2.PNG

Capturarpel3.PNG

VIZELA RECEBE O PAI NATAL

Pai Natal chega a 'Vizela Cidade Natal' no domingo

Integrado no programa do Vizela Cidade Natal - ‘Um Novo Natal no Vale’, o Pai Natal chega a Vizela Cidade Natal no próximo domingo, dia 8 de dezembro, num cortejo de Natal, com saída às 16.00h, dos Bombeiros Voluntários de Vizela.

Cortejo Natal Vizela.JPG

O Cortejo segue depois em direção à Casa do Pai Natal na Praça da República, com passagem pela Avenida dos Bombeiros Voluntários, Rua Dr. Abílio Torres, Fórum Vizela e finaliza na Praça da República.

A chegada do Pai Natal contará com a participação de dezenas de figurantes e também do movimento associativo do Concelho, num desfile repleto de cor, criatividade e fantasia e que será sem dúvida, um dos momentos altos da programação natalícia de Vizela.

Tendo em atenção o sucesso do Vizela Cidade Natal no ano passado, este ano a Câmara Municipal continua a aposta neste evento com o objetivo dar mais vida a Vizela, atraindo visitantes, revitalizando o coração da cidade e estimulando o comércio, envolvendo as instituições públicas e privadas e, ao mesmo tempo, devolver o orgulho aos vizelenses, despertando o espírito natalício, próprio desta época festiva.

VIZELA PROCURA VOLUNTÁRIO PARA PROJETO EM FRANÇA

Câmara Municipal de Vizela procura jovem voluntário para projeto de 9 meses em Frontignan – França

No seguimento dos objetivos definidos no Plano Estratégico para a Juventude - Juventude em Ação, a Câmara Municipal de Vizela procura um(a) jovem voluntário(a) para um projeto de ERASMUS+ Corpo Europeu de Solidariedade na cidade Frontignan la Peyrade. O projeto europeu tem a duração de 9 meses, com início a 1 de março e término a 30 de novembro de 2020.

FRONTIGNAN (1).jpg

Os voluntários deste projeto irão promover a mobilidade europeia dos jovens da cidade francesa, onde terão a oportunidade de colaborar na organização e dinamização de várias atividades culturais, desportivas e educativas dos serviços de juventude e/ou cultura da câmara de Frontignan. Aprender a aprender, sentido de iniciativa e empreendedorismo, expressão e consciência cultural, comunicação em língua estrangeira, aptidões digitais, sociais e cívicas são algumas das competências desenvolvidas no Serviço de Voluntariado Europeu.

Um programa de forte cariz educativo e que certifica as competências adquiridas através do Youthpass, uma ferramenta ao dispor dos participantes em projetos financiados pelo Programa Erasmus+ Juventude em Ação e que descreve aquilo que fizeram bem como, aquilo que aprenderam.

A Câmara Municipal de Vizela assume neste projeto a missão de envio de um(a) voluntário (a), assegurando a preparação e um acompanhamento personalizado, desde a fase de candidatura até ao regresso de França em novembro de 2020. 

Todos os projetos ao abrigo do programa europeu garantem, alojamento, alimentação, viagem internacional, transportes locais, seguro de saúde, bolsa mensal, apoio e mentoria. As inscrições estão abertas até ao dia 15 de janeiro através do email juventude@cm-vizela.com.

De destacar que o projeto de ERASMUS+ se insere numa das áreas do Plano Estratégico para a Juventude - Juventude em Ação, nomeadamente a área da Capacitação, Mobilidade e Geminação, cujo objetivo passa por diversificar os espaços e as oportunidades de aprendizagem e capacitação dos jovens de Vizela com vista à sua realização pessoal, profissional e social.

Mais informações:

Perfil do voluntário:

  • Idade entre os 18 e os 30 anos.
  • Ter noções de francês  e vontade de evolução no uso da língua.
  • Capacidade de trabalhar em equipa e facilidade de adaptação.
  • Ter mente aberta e procura ativa de novas experiências.
  • Ter conhecimentos no campo da animação sociocultural
  • Estar motivado e disponível para participar das atividades propostas
  • Ser comunicativo e sociável;

Missões gerais do voluntário:

  • Promover a mobilidade europeia entre os jovens de Frontignan dos 10 aos 25 anos
  • Participar de eventos culturais, especialmente eventos internacionais.
  • Dinamizar sessões de divulgação dos programas europeus para jovens trabalhadores da região.
  • Demonstrar vantagens da mobilidade internacional com as entidades parceiras do município de Frontignan.
  • Animação de debates com jovens sobre temas europeus

Viagens, bolsa e alojamento:

  • Alojamento em apartamento totalmente equipado (quarto individual, cozinha, máquina de lavar roupa, utensílios ...);
  • Pensão de alimentos no valor de 250 euros;
  • Bolsa no valor de 7 euros por dia;
  • Reembolso total das despesas de viagem adiantadas pelo voluntário. Limite máximo de 275 euros para viagem de ida e volta;
  • Reembolso dos custos de transporte local;
  • fornecimento gratuito de bicicleta;
  • Subsídio mensal de 25 euros para telecomunicações (Telefone, telemóvel e internet);
  • Oferta de cartão desconto jovem comboio no valor de 50 euros.

O município de Frontignan tem uma estrutura bastante experiente, recebendo há vários anos jovens vizelenses enviados em missão de voluntariado europeu pelo Município de Vizela. O voluntário terá permanente apoio, orientação e tutoria não só do serviço municipal competente em Frontignan, mas também do serviço de juventude da Câmara Municipal de Vizela.

EXECUTIVO VIEIRENSE REÚNE COM PRESIDENTES DE JUNTAS DE FREGUESIA

Decorreu, esta semana, a última reunião do ano com os Presidentes de Junta de Freguesia do Concelho.

DSC_2222.JPG

Este encontro de trabalho, presidido pelo presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho, António Cardoso, teve por objetivo debater e analisar vários assuntos de interesse para o concelho.

Em primeiro lugar, o presidente da Câmara Municipal, António Cardoso, fez o balanço das atividades realizadas no mês de novembro, com destaque para a comemoração do Dia do Município e do Mercado da Castanha.

O momento serviu também para o edil informar os presidentes de Junta sobre as atividades que o Município tem programadas para a época Natalícia, com destaque para a apanha e moagem da azeitona no largar tradicional de Vilarchão, dos almoços de Natal a realizar com as Instituições Particulares de Solidariedade Social e Centros de Convívio e Lazer do concelho, da corrida S. Silvestre, da Feira das Velharias, e ainda do Mercado de Natal.

Os protocolos e transferências de competências para as Juntas de Freguesia, a iluminação pública  foram também assunto de trabalho e discussão. A próxima reunião de trabalho irá realizar-se em Janeiro de 2020.

COROS COMUNITÁRIOS ANIMAM NATAL EM FAMALICÃO

Concertos decorrem todos os domingos até 5 de janeiro, no Mercado de Natal

Até 5 de janeiro, os coros de Natal vão fazer-se ouvir em Vila Nova de Famalicão, levando magia e emoção ao centro da cidade com dez concertos verdadeiramente extraordinários. A iniciativa “Comunidades (en) Coro” decorre no Mercado de Natal, localizado na Praça D. Maria II e envolve no total perto de meio milhar de participantes, divididos em dez grupos representativos de cada uma das Comissões Sociais Inter-Freguesias do concelho.

AFS_8855.jpg

A iniciativa que arrancou no domingo dia 1 de dezembro, decorre todos os domingos até 5 de janeiro com dois concertos, pelas 16h00 e pelas 17h00. Na última semana, irá realizar-se uma atuação conjunta reunindo todos os participantes num enorme Coro Famalicão Comunitário.

Os coros são constituídos por pessoas das diversas freguesias que foram desafiadas a cantar através do programa Famalicão Comunitário promovido pela Câmara Municipal de Famalicão. Os vários grupos estão a ser orientados por pessoas do próprio território, sendo que o Coro Famalicão Comunitário será dirigido pelo maestro Keith Horsfall.

Keith Horsfall é um músico e professor, envolvido na educação artística há mais de 30 anos. Apresenta uma vasta experiência como coordenador de um serviço regional de música, em Dudley, Inglaterra, como dirigente de uma equipa de artes da comunidade e de um centro de artes regional. É o atual presidente do Conselho de Artes de Dudley e também de uma estação de rádio comunitária.

Os ensaios decorrem até às datas dos concertos e são abertos a todos os que gostam de cantar.

Programa

1 de Dezembro

15h30 – CSIF Bairro, Carreira Bente, Delães, Ruivães, Novais

16h00 – CSIF de Vale D’ Este - Arnoso Sª Maria, Sª Eulália, Sezures, Lemenhe, Mouquim, Jesufrei, Nine

8 de Dezembro

16h00 – CSIF de Fradelos, Ribeirão, Vilarinho das Cambas

17h00 – CSIF de Castelões, Oliveira Sª Maria, Oliveira S. Mateus, Pedome e Riba d’Ave

15 de Dezembro

16h00 – CSIF de Avidos, Lagoa, Landim e Seide

17h00 - CSIF de Gondifelos, Cavalões, Outiz, Louro

22 de Dezembro

16h00 – CSIF LEC - Lousado, Esmeriz e Cabeçudos

17h00 – CSIF De Vale do Pelhe - Cruz, Requião, Vale S. Cosme, Telhado, Portela e Vale S. Martinho

29 de Dezembro

16h00 – CSIF da Área Urbana - Antas, Abade Vermoim, Brufe, Famalicão, Calendário e Gavião

17h00 – CSIF de Joane, Mogege, Pousada de Saramagos e Vermoim

5 de Janeiro

16h00 – Atuação CORO FAMALICÃO COMUNITÁRIO

AFS_8856.jpg

MUSEU DA INDÚSTRIA TÊXTIL LANÇA COLEÇÃO MONOGRÁFICA "ARQUEOLOGIA INDUSTRIAL"

Conferência com visita realiza-se no próximo dia 14 de dezembro, pelas 14h30. A participação é gratuita

Depois do sucesso das últimas conferências do ciclo “Percursos e memórias da indústria na Bacia do Ave”, promovido pelo Museu da Indústria Têxtil, que tem levado os participantes a percorrer alguns dos marcos históricos do cluster têxtil da região, a iniciativa chega ao fim no próximo dia 14 de dezembro a partir das 14h30.

Museu Indústria Têxtil.jpg

A conferência arranca, no Museu da Indústria Têxtil, com a apresentação da coleção monográfica “Arqueologia Industrial”, a cargo do professor Lopes Cordeiro.  Fundada em 1987 como publicação periódica, é agora lançada, em 2019, no formato de livro, constituindo uma coleção monográfica nas áreas da arqueologia, património e museologia industrial, procurando acompanhar o desenvolvimento destas áreas no país e no estrangeiro.

A sua edição é da responsabilidade do Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave/Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão e da APPI – Associação Portuguesa para o Património Industrial, representante em Portugal do TICCIH – The International Committee for the Conservation of the Industrial Heritage, sendo publicada pelas Edições Humus.

Segue-se o debate “O Contributo da Revista de Guimarães para a mudança do paradigma industrial local”, com Paulo Ramos Nogueira, da Universidade de Coimbra.

A iniciativa termina com uma visita à exposição temporária “Industria Têxtil de Guimarães: do sistema antigo ao advento das máquinas”, no Arquivo Municipal Alfredo Pimenta, em Guimarães. Os participantes são convidados a visitar a exposição, num autocarro disponibilizado gratuitamente. O regresso ao Museu acontece pelas 18h00.

A participação é gratuita, sendo que as inscrições e informações devem ser solicitadas junto do Museu da Indústria Têxtil ou através do email geral@museudaindustriatextil.org

Refira-se que estas conferências estão certificadas como Ação de Curta Duração para os professores pelo que as inscrições decorrem através de formulário online disponível em https://bit.ly/2mU3p92

Contactos:

Tel.: 252 313 986

geral@museudaindustriatextil.org

Programa

14 dezembro ‘19

14h30 Apresentação da coleção monográfica

Arqueologia Industrial

Professor Doutor J. M. Lopes Cordeiro

15h00 Conferência “O contributo da Revista de Guimarães para a mudança do paradigma industrial local”

Paula Ramos Nogueira

Universidade de Coimbra, Instituto de Investigação Interdisciplinar, Centro de Física

Local Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave

16h30 Visita à exposição temporária “Indústria Têxtil da Guimarães: do sistema antigo ao advento das máquinas” (Arquivo Municipal Alfredo Pimenta, Guimarães)

17h15 Regresso ao Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave

18h00 Encerramento

GERÊS EXTREME MARATHON® É A MARATONA MAIS BELA E MAIS DURA DO MUNDO!

Foi neste último fim de semana de 30 de Novembro e 1 de Dezembro que as ruas da Vila do Gerês receberam os atletas que se aventuraram a participar na 6ª edição da Gerês Extreme Marathon – a maratona mais bela e mais dura do mundo!

unnamedmarathon.png

Este evento foi organizado pela Carlos Sá Nature Events, com a supervisão do conceituado ultramaratonista português Carlos Sá, em parceria com a Câmara Municipal de Terras de Bouro e com o apoio dos patrocinadores: Impetus, Milaneza, Ecomobile - Aluguer de Automóveis, 4moove, Chocolates Avianense, Água do Fastio e OZ Energia.

Percorrendo as estradas de montanha do único Parque Nacional de Portugal – o Parque Nacional Peneda-Gerês, os 1300 atletas de 17 nacionalidades que se aventuraram na Gerês Extreme Marathon usufruíram de paisagens e cenários de montanha incríveis, rodeados de vegetação luxuriante e verdejante. A harmonia com as florestas nativas portuguesas e com o silêncio tão característico da montanha do Parque Nacional Peneda-Gerês foram apenas quebrados pela dureza e desnível positivo da prova.

O primeiro atleta a cortar a meta na distância de 42 Km e a bater em 6 minutos o recorde anteriormente estabelecido, foi o português José Gaspar, do Belenenses que, pela primeira vez e com o tempo de 2:42:14, vence a prova rainha do evento, não dando hipótese aos seus mais diretos concorrentes. Partilharam o pódio os atletas Bruno Ferreira, da Team Lantemil com 02:45:33 em 2º lugar e, no 3º lugar, Edgar Resende (SIM

Summit) com o tempo de 03:10:07.

Nas concorrentes femininas, foi Fátima Melo (individual) quem conquistou o lugar mais alto no pódio com 03:14:19batendo também em 6 minutos o seu próprio recorde da prova.

Seguiram-se Cristiana Ferreira com 04:00:16 Blandine Craveiro (Marão Trail) com 04:14:53.

Para além da prova rainha de 42 km, a Gerês Extreme Marathon contou também com mais quatro provas em diferentes distâncias: Extreme Mile, 32 Km, 21 Km e 13 Km. Todas as provas tiveram partida e chegada no centro da Vila do Gerês.

No sábado dia 30 de Novembro decorreu a 3ª edição da Extreme Mile! Num desafio curto mas bastante exigente e audaz os intrépidos participantes tiveram de correr uma milha com uma inclinação média de 35% e 525 metros de desnível positivo. Com partida na Albufeira da Caniçada e com chegada no miradouro das Voltas de São Bento, os atletas percorreram a árdua distância tendo como pano de fundo a bela paisagem da Albufeira da Caniçada ladeada

pelas suas belas montanhas. O grande vencedor da Extreme Mile foi Alex Tondela do Montanha Clube TrailRunning/EFAPEL que só precisou de 00:21:01 para percorrer a totalidade do percurso e colocar-se no primeiro lugar do pódio. Já no lado feminino foi Renata Gonçalves (individual), com o tempo de 00:26:19, quem se sagrou vencedora.

Houve ainda tempo para que os participantes colaborassem na plantação de árvores autóctones que se realizou junto à linha de meta da Extreme Mile, contribuindo assim para reflorestação das montanhas do nosso país e para a preservação dos espaços que são utilizados para a realização destes eventos.

Em mais um ano consecutivo, a Gerês Extreme Marathon mostra ser uma óptima oportunidade para dar a conhecer uma das mais belas regiões de Portugal, as suas gentes, os seus costumes e a sua gastronomia, não só aos milhares de atletas nacionais que participam e suas famílias, bem como aos atletas internacionais cuja participação vai aumentando ano após ano, revelando-se assim um importante porta-estandarte na promoção de Portugal, do Minho e em particular do Parque Nacional Peneda-Gerês!

Nas restantes provas competitivas os resultados foram os seguintes:

Prova de 32Km (masculino)

- NUNO FERNANDES (CLUBE ATLETISMO FAFE) - 02:07:48

- EMÍLIO CARVALHO (THE ROOKIES) - 02:08:22

- EUSÉBIO FERNANDES (INDIVIDUAL) - 02:30:38

Prova de 32Km (feminino)

- PAULA RIOS (VIANA RUNNING) - 02:43:21

- SOFIA PIMENTA (LION RUNNERS - G. D. LEÕES DA GUARDA) - 02:48:35

- CRISTINA IGLESIAS (VIANA RUNNING) - 02:56:49

Prova de 21Km (masculino)

- NELSON FEITEIRA (GRUPO DE CORRIDA DE ARGONCILHE) - 01:23:16

- FEDERICO CONDE (CASTRO-TRAIL) - 01:23:45

- JOSÉ AFONSO (Hosp. SANTA MARIA RT) - 01:25:54

Prova de 21Km (feminino)

- ALEJANDRA HERNANDEZ (INDIVIDUAL) - 01:48:46

- CIDALIA NOVAIS (RINUS FAFE) - 01:50:46

- HELENA SOUSA (VIANA RUNNING) - 01:54:26

Prova de 13 km (masculino)

- HÉLDER OLIVEIRA (SOCIEDADE RECREIO CEPANENSE) - 00:50:04

- JOSÉ FERREIRA (INDIVIDUAL) – 00:50:09

- JOSÉ PIRES (SOCIEDADE RECREIO CEPANENSE) – 00:50:28

Prova de 13 km (feminino)

- ANA KUKUTSCHKA (INDIVIDUAL) – 01:01:32

- FRANCISCA MARTINS (INDIVIDUAL) – 01:03:28

- CRISTINA CARNEIRO (SOCIEDADE RECREIO CEPANENSE) – 01:08:53

A 7ª edição da Gerês Extreme Marathon já tem data marcada para o próximo ano. 

Voltaremos a percorrer as ruas do Parque Nacional da Peneda-Gerês a 5 e 6 de Dezembro de 2020! Não percas!

Plantacao©LuisFerreira.jpg

Plantacao1©LuisFerreira.jpg

FátimaMelo©JorgeCosta.jpg

FátimaMelo2©JorgeCosta.jpg

GerêsMarathon©NelsonCosta.jpg

GerêsMarathon2©NelsonCosta.jpg

GerêsMarathon4©NelsonCosta.jpg

GerêsMarathon5©NelsonCosta.jpg

GerêsMarathon7©NelsonCosta.jpg

GerêsMarathon8©NelsonCosta.jpg

JoséGaspar©JorgeCosta.jpg

JoséGaspar2©JorgeCosta.jpg

Plantacao2©LuisFerreira.jpg

Pódio42km©JorgeCosta.jpg

FIA ESCOLHE BRAGA COMO PALCO DO HILL CLIMB MASTERS 2020

Prova irá decorrer em Outubro do próximo ano

A FIA – Federação Internacional do Automóvel, escolheu Braga para a realização do Hill Climb Masters, que terá lugar a 10 e 11 de Outubro do próximo ano, na mítica Rampa da Falperra.

Hill Climb Masters 2020.jpg

Esta é uma prova única que se realiza desde 2014, de dois em dois anos, sempre em diferentes países, reunindo os melhores pilotos de automóveis de todo o mundo, vencedores dos vários campeonatos internacionais da FIA. Para este evento, cada um dos campeões terá de correr ao volante do carro que usou durante a temporada.

Com a escolha de Braga para palco de excelência do Hill Climb Masters 2020, a prova do próximo ano do Campeonato da Europa de Montanha passará para a Rampa de Boticas. No entanto, a Rampa da Falperra e Braga voltarão a ter presença no calendário Europeu de Montanha em 2021. Esta alteração acontece para que Portugal pudesse receber as duas competições no mesmo ano, tendo em conta as necessidades logísticas de cada uma das provas.

“Mais do que um espectáculo desportivo, este evento enquadra-se numa estratégia de afirmação de Braga promovendo o seu turismo, o património e a economia. Trata-se de uma iniciativa de grande potencial económico que irá gerar retorno para todos os Bracarenses e para o futuro da Cidade”, salienta Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, acrescentando que com esta prova, “a Cidade mostra, mais uma vez, o que de melhor Braga tem e contribuiremos desta forma para a procura e promoção turística da Cidade e da marca Braga, num evento único e de alcance internacional”.

Ricardo Rio realça, ainda, o enorme trabalho desenvolvido pelas várias entidades envolvidas na organização deste evento. Para o Autarca Bracarense, “é extraordinário o cenário de cooperação entre as diversas entidades, para que seja possível montar este grande evento que colocará, uma vez mais, Braga além-fronteiras pelos melhores motivos”.

Também o Clube Automóvel do Minho (CAM) manifesta o seu regozijo com a atribuição do Hill Climb Masters 2020 à Cidade de Braga e à mítica Rampa da Falperra. Rogério Peixoto, presidente do CAM, refere que “este evento, mais do que uma prova de montanha será uma grande festa da montanha em que além de um piloto vencedor terá também uma nação vencedora. É também o coroar de todo um trabalho desenvolvido pelo CAM ao longo dos anos, que só será possível devido ao apoio imprescindível da Câmara Municipal de Braga, através do seu presidente Dr. Ricardo Rio”.

O responsável garante ainda que em 2021 o Europeu de Montanha volta à Rampa da Falperra nos moldes habituais. “No ano de 2021 prometemos voltar à Falperra na data habitual do mês de Maio. Contamos com a participação de todos os Bracarenses e amantes do automobilismo no apoio importante que têm dado a esta prova”, concluiu Rogério Peixoto.

VILA VERDE: ERA UMA VEZ UMA CONTADORA DE ESTÓRIAS QUE NÃO SABIA LER...

Da APPACDM para a EPATV: Era uma vez uma contadora de estórias que não sabia ler

A Cláudia, da APPACDM de Vila Verde, visitou hoje a EPATV para contar a estória d'O Elmer aos alunos dos Cursos de Estética e Geriatria.

IMG_0101 (Large).jpg

A peculiaridade desta interpretação é o facto da jovem de 28 anos ler a estória a partir de imagens - um projeto com o apoio da professora Mila Martins, que permite à Cláudia fazer o que tanto gosta, contar e encantar com a sua boa disposição.

Não descurando a apresentação, os utentes e colaboradores da APPACDM de Vila Verde desenvolveram para a performance da Cláudia uma roupa muito especial, para que esta história tenha mais cor.

IMG_0093 (Large).jpg

IMG_0099 (Large).jpg