Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

SEMANA SANTA DE BRAGA TEM CONCURSO DE FOTOGRAFIA

unnamed

A Comissão informa que o júri reuniu no passado dia 17 de abril e deliberou para escolha dos premiados no Concurso de Fotografia “A Semana Santa de Braga”. Foram atribuídos os três primeiros prémios e as dez menções honrosas previstas no Regulamento.

O anúncio dos premiados e a entrega de prémios ocorre na loja FNAC do Shopping Braga Parque, em Braga, já amanhã, sexta-feira, dia 20 de abril, pelas 21h30.

Recordamos os prémios a concurso:

1º prémio:

EOS 77D C/ 18-135 IS Pack (no valor de 1.249€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

2º prémio:

EOS M50 BLK 15-45 IS STM (no valor de 749€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

3º prémio:

EOS 2000D 18-55 IS II (no valor de 539€) + assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

Para as 10 Menções Honrosas:

Uma assinatura digital anual do Diário do Minho (no valor de 60€)

ESPOSENDE LIMPA PRAIAS DO LITORAL E ZONAS RIBEIRINHAS

Esposende recolhe 4,5 toneladas de resíduos das praias e zonas ribeirinhas do concelho

Cerca de 4,5 toneladas de resíduos foram recolhidas no litoral e zonas ribeirinhas do concelho de Esposende, na ação de voluntariado ambiental que o Município, através da empresa municipal Esposende Ambiente, levou a efeito nos dias 13 e 14 de abril.

limpeza praias

A ação envolveu a participação de mais de meio milhar de voluntários, tanto do concelho como de outras localidades, que procederam à limpeza de vários pontos do litoral, desde o limite norte do concelho, na Foz do Rio Neiva, até à Praia da Ramalha - Apúlia, já perto do limite com o concelho da Póvoa de Varzim. Foram alvo desta intervenção cerca de 8,8 km de praias, dunas e estuários, abrangendo cerca de 45% do litoral de Esposende.

No dia 13, quase uma centena de alunos da Escola Básica António Rodrigues Sampaio e da Escola Profissional de Esposende recolheram os resíduos do areal e espaço dunar entre a praia de Cepães e a praia da Redonda, bem como da praia junto à Torre Norte de Ofir.

No dia seguinte, as praias, dunas e zonas ribeirinhas de Esposende encheram-se de voluntários que dedicaram algumas horas do seu fim-de-semana ao ambiente, mais concretamente a recolher os resíduos que, ao longo do inverno, foram ficando depositados nas margens dos rios e nas praias do concelho.

Para além da Esposende Ambiente e da Câmara Municipal de Esposende, esta ação de voluntariado ambiental contou também com a colaboração e participação do Parque Natural do Litoral Norte, de várias Juntas de Freguesia, das Associações AssoBio e Rio Neiva, dos Agrupamentos de Escuteiros de Esposende, Marinhas e Mar, das Guias de Apúlia, de várias escolas de surf e kitesurf do concelho (LUHU Surf, Onda Magna, Element Fish, GKS Clube, Kook Proof e Esposende Surf Team), dos Clubes Náuticos de Gemeses e Fão, da Associação Desportiva, Cultural Recreativa e Social do Município de Esposende, da Associação Cívica Mais Esposende, da Associação Desportiva de Esposende, do Gandra Futebol Clube, de elementos do projeto AMAReMAR, e de vários voluntários que, individualmente, quiseram dar o seu contributo para a melhoria da qualidade das praias do concelho.

Os voluntários foram desafiados a separar os resíduos de plástico recolhidos durante a ação, com o objetivo de permitir a sua posterior valorização, seja através da integração dos resíduos na produção de calçado, projeto sob responsabilidade da Zouri Shoes, seja através do desenvolvimento de oficinas de expressão artística, onde serão criadas esculturas a partir do lixo marinho recolhido.

Com estas ações pretende-se alertar a população para a problemática dos resíduos nas praias e oceanos, reduzir o impacto dos plásticos descartáveis no ambiente marinho, contribuir para a preservação dos habitats abrangidos e fomentar o voluntariado ambiental junto dos munícipes.

limpeza praias_

limpeza praias1

PONTE DA BARCA ALERTA PARA OS MAUS-TRATOS NA INFÂNCIA

Agentes de “palmo e meio” alertam para a problemática dos maus-tratos na infância

Abril é o mês da prevenção dos maus tratos na infância. Foi neste contexto que durante a manhã de ontem, em Ponte da Barca, várias crianças do concelho vestiram a farda das autoridades para uma "Operação STOP". Os pequenos agentes alertaram os automobilistas para outros perigos fora da estrada, em particular os maus-tratos na infância, numa ação promovida pela CPCJ de Ponte da Barca, em parceria com  a Escola Segura, GNR, Câmara Municipal e  Agrupamento de Escolas.

30550582_1655070731235514_1388275834_o

Augusto Marinho, Presidente da Câmara Municipal não quis deixar de cumprimentar os agentes de “palmo e meio” e felicitar todos os envolvidos nesta iniciativa de alerta para esta problemática que como referiu “é da responsabilidade de toda a comunidade”.

A Campanha Laço Azul (Blue Ribbon) nasceu em nos Estados Unidos, no final da década de 80, quando Bonnie W. Finney, uma avó atenta e preocupada, amarrou uma fita azul à antena do seu carro. A trágica história de maus-tratos aos seus netos – um deles mortalmente espancado - levou Bonnie a alertar a comunidade para este flagelo da sociedade atual, utilizando o laço de cor azul como metáfora dos corpos espancados e nódoas negras resultantes das agressões.

IMG_0433

FAMALICÃO CEDE À ORDEM DOS ADVOGADOS A ANTIGA CASA DOS MAGISTRADOS

Antiga Casa dos Magistrados cedida à Delegação da Ordem dos Advogados de Famalicão. Escritura da constituição do direito de superfície foi celebrada segunda-feira

Uma das antigas Casas dos Magistrados de Vila Nova de Famalicão situada junto à Escola Básica Conde S. Cosme, na cidade famalicense, vai passar a servir a Delegação da Ordem dos Advogados do concelho. O edifício que pertencia ao município foi cedido à Ordem dos Advogados Portugueses, por um período de dez anos, renovado automaticamente, com a obrigação do edifício se destinar exclusivamente à instalação da Delegação de Famalicão da Ordem dos Advogados.

AFS_2445

A escritura foi celebrada esta segunda-feira, 16 de abril, com as presenças do presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, do Vice-Presidente do Conselho Geral da Ordem dos Advogados, Rui Assis, e do Presidente da Delegação de Famalicão, João Castro Faria, entre vários responsáveis nacionais.

Para Paulo Cunha, “é importante para Famalicão que este edifício histórico que durante tantos anos esteve ao serviço da justiça, continue a desempenhar esse papel, engradecendo a instituição dos advogados e o próprio concelho”. Por outro lado, “é muito importante para a autarquia poder oferecer condições de excelência aos atores da justiça para que façam o seu trabalho”, salientou, acrescentando que “todos ficam a ganhar com este acordo”.

Por sua vez, João Castro Faria, da Delegação de Famalicão, mostrou-se muito satisfeito com o novo edifício, referindo que logo que possível, a instituição avançará com “obras de reabilitação do espaço, criando as condições necessárias para a instalação dos serviços da ordem”. Exprimindo o agradecimento à Câmara Municipal, o responsável afirmou que“esta ação da autarquia resultará num claro beneficio para toda a comunidade”. Também o Vice-Presidente Rui Assis enalteceu “a melhoria das condições de trabalho” como essencial para a qualidade do trabalho prestado.

Refira-se que a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão adquiriu os terrenos e construiu duas casas em 1955, por imposição legal que determinava que todos os municípios deviam fornecer habitações, já mobiladas, aos juízes de Direito e delegados do Procurador da República.

AFS_2451

ARCOS DE VALDEVEZ COMEMORA O 25 DE ABRIL


Comemorações do 25 de Abril em Arcos de Valdevez

À imagem do que acontece, ano após ano, em todo o país, Arcos de Valdevez não deixa passar em branco as comemorações do Dia da Liberdade.

2018-04-25 - CONVITE - 25ABRIL2018 (2)

Desta feita, o presidente da Câmara Municipal, João Esteves, convida todos os munícipes a assistirem, pelas 09h00, à Homenagem a realizar aos Combatentes do Ultramar, na Praceta Combatentes do Ultramar (junto ao Centro Escolar Prof. António Melo Machado).

Após este momento, cerca das 09h30, na Praça Municipal, seguir-se-ão as Cerimónias Oficiais de Comemoração do 25 de Abril com o Hastear das Bandeiras e guarda de honra efectuada pelos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez, pelo Corpo Nacional de Escutas – Agrupº214 e pela Banda da Sociedade Musical Arcuense.

Por último, pelas 10h30, terá lugar no Auditório da Casa das Artes, o Concerto pela Banda da Sociedade Musical de Arcos de Valdevez (entrada gratuita).

Venha assistir às cerimónias e celebrar o Dia da Liberdade!

 

PROVAS DE ACESSO AO ENSINO ARTICULADO DE MÚSICA

No âmbito das inscrições para as provas de acesso à frequência do Conservatório de Música de Guimarães – Pólo de Vieira do Minho, para os alunos que no próximo ano letivo irão frequentar o 5º ano de escolaridade e queiram ingressar no ensino articulado para a aprendizagem da música, informamos que nos dias 20 e 27, das 18h00 às 19h00, o Conservatório de Guimarães – Pólo de Vieira do Minho vai ter aulas abertas para aqueles alunos que queiram assistir e preparar-se para as provas.

DSC_0332

No que diz respeito à data da realização das provas de admissão para ensino articulado estas vão ter lugar nos dias 28 de abril – prova de instrumento e no dia 8 de maio – prova escrita.

Mais se informa que a data limite das inscrições  para as provas de acesso à frequência do Conservatório de Música de Guimarães – Pólo de Vieira do Minho terminam no próximo dia 21 de abril.

FAFE HOMENAGEIA "CAPACETES BRANCOS"

White Helmets/Capacetes Brancos homenageada no Terra Justa

Conceição Queiroz recebe Prémio Jornalismo pela Paz ‘Maria Barroso Soares’

A noite de ontem ficou marcada pela Homenagem aos White Helmets/Capacetes Brancos, numa cerimónia no Teatro Cinema.

ND5_8929A

A jornalista da SIC, Cândida Pinto, moderadora da cerimónia, revelou que “a linha que separa a guerra da paz é uma linha muito ténue. As guerras são frias, feias e cansativas. Apesar de tentarmos imaginar o que se passa em contextos de guerra, temos grande dificuldade em perceber o que é viver naquela realidade há tanto tempo.

O trabalho que esta ONG faz na Síria é um trabalho extraordinário que merece ser reconhecido por todos.

Há tempos ouvi que um Sírio quando está fora da Síria, ao ouvir um avião, assusta-se, porque lembra, de imediato, um bombardeamento. Para nós, uma avião é só e apenas sinónimo de viagem...”

ND5_8981A

Visivelmente emocionado, Nedal Izdden, membro dos White Helmets, revelou, que aquilo que mais desejam “é ver a paz, poder ouvir música, como aqui aconteceu, regressar às nossas casas, às nossas famílias de onde fomos forçados a sair.”

“Nós somos testemunhas oculares do horror que se passa na Síria. Somos os primeiros a correr para o bombardeamento, enquanto todos os outros fogem.”

Ahmad Yoused explicou, por sua vez, que o “financiamento dos Capacetes brancos é conseguido através de países doadores e daqueles a que chamamos de ‘amigos dos Capacetes Brancos': mais de 200 mil pessoas que nos ajudam a ser heróis também.”

Sobre aquilo que aconteceu a 7 de Abril, em Douma, Amad explicou que “foi um dia muito triste. Uma tragédia, A primeira vez que o regime sírio atingiu civis com armas químicas e que causou a morte de 42 pessoas. Nesse dia, só conseguimos chegar às vítimas duas horas depois, porque eram bombardeamentos atrás de bombardeamentos.”

Os dois voluntários aproveitaram ainda para revelar que, no que toca às ligações à Al Qaeda, de que agora se fala, “são acusações cómicas que não fazem sentido nenhum para nós. A nossa missão é salvar vidas, independentemente da origem, crença, religião ou cor de pele.”

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, destacou o papel fundamental que a ONG desempenha na defesa dos Direitos Humanos e na protecção de vidas em contextos de guerra.

“Depois de tudo o que vimos e ouvirmos, durante o dia de hoje, sobre o trabalho destes bravos homens justifica este reconhecimento e homenagem aos Capacetes Brancos. É de louvar a coragem destes homens e mulheres que, diariamente, empenham todo o seu esforço e dedicação para salvar vidas!

O Terra Justa tem o maior prazer em homenagear-vos!”.

Um dos momentos de destaque, neste primeiro dia, foi a entrega, na noite de ontem, pela mão de Isabel Soares do Prémio Jornalismo pela Paz ‘Maria Barroso Soares’ à Jornalista da TVI Conceição Queirós que, na ocasião, mostrou o seu orgulho pela distinção e recordou Maria de Jesus Barroso Soares como “uma mulher preocupada e com uma enorme sensibilidade com as crianças, sobretudo no que toca a problemas de saúde. Ela foi o rosto também da luta pela paz, pelos Direitos Humanos.”

A jornalista recordou ainda uma das reportagens que mais lhe ficou na memória sobre a mutilação genital feminina, revelando que “aquilo que ouvi durante o trabalho de investigação foi das coisas mais violentas que ouvi enquanto jornalista. Eu esperei 10 anos para conseguir ir para o terreno e partilhar este trabalho com o público.”

DSA_3747A

DSA_3755A

DSA_3824A

DSA_3831A

ND5_8670A

ND5_8851A

ND5_8918A

ALUNOS BRACARENSES VISITAM EXPOSIÇÃO “ERA UMA VEZ UMA CIDADE”

No âmbito do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Celebrou-se ontem, dia 18 de Abril, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. A data foi assinalada com uma actividade promovida pelo Município de Braga intitulada “Era uma vez uma Cidade”, na qual é proposto um percurso pedagógico que visa aprofundar o conhecimento dos diversos monumentos e sítios da nossa Cidade.

CMB18042018SERGIOFREITAS00000012127

A acção insere-se no âmbito do programa “À Descoberta de Braga” e decorre até Sábado, dia 21 de Abril, no Centro Histórico da Cidade, sendo dirigida os alunos do 4º, 5º e 6º ano de escolaridade.

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios visa promover os monumentos e sítios históricos, valorizar o nosso património e, ao mesmo tempo, salvaguardar a herança cultural cimentando a importância da cultura e do património enquanto elementos aglutinadores das comunidades. Este ano, sob a égide “Património Cultural: de geração em geração”, será desenvolvida uma acção tendo em vista a sensibilização para esta temática.

jalberto.fernandes-à descoberta-11

 

MONÇÃO CELEBRA DIA DA COMUNIDADE LUSO-BRASILEIRA

Amanhã, vai decorrer nas instalações da EPRAMI (Escola Profissional Alto Minho Interior), em Monção o Colóquio Portugal / Brasil – A descoberta continua, a partir de Monção, evento no qual a Casa Museu de Monção/Universidade do Minho também colabora.

Neste colóquio pretende-se celebrar o Dia da Comunidade Luso-Brasileira e o momento histórico em que Pedro Álvares Cabral avista terra do Brasil, onde é hoje Porto Seguro, a 22 de abril de 1500. Foi essa a data que o Senado Brasileiro aprovou como “Dia da Comunidade Luso Brasileira” - iniciativa que viria a ser ratificada por Portugal. A efeméride é celebrada em todo o Brasil, com grande empenho dos Portugueses, mas passa quase despercebida em Portugal. Esta iniciativa dará oportunidade de debate em torno de questões de Emigração, Cidadania e Lusofonia, a nível nacional, com particular enfoque para o Minho e, em especial, para Monção.

Capturaraac

Capturarac2

Capturarac3

 

AMARES COMEMORA O 25 DE ABRIL

A Assembleia Municipal de Amares e a Câmara Municipal de Amares assinalam o 44º aniversário da Revolução dos Cravos, lançando o convite à participação e ao envolvimento de todos os amarenses nas comemorações.

Programa:

De 23 e 29 de abril de 2018: III Semana do Associativismo

Dia 25 de abril:

10h00: Homenagem aos ex-combatentes, com deposição de coroa de flores (com a representação de um MAC – Movimento Cívico de Antigos Combatentes);

Largada de Pombos (Soc. Columbófila de Amares);

Hastear das Bandeiras;

Revista às Forças em Parada;

Exposição “Cravos de Abril – pelo associativismo de Amares” (associações concelhias, frente aos Paços do Concelho).

10h20: Participação de Alunos do Agrupamento de Escolas de Amares (frente aos Paços do Concelho).

10h30 Participação AFA – Estudos Musicais (frente aos Paços do Concelho).

10h40: Banda Filarmónica de Santa Maria de Bouro (frente aos Paços do Concelho).

11h10: Participação do CEM Luís Capela (Salão Nobre dos Paços do Concelho);

Homenagem a Trabalhadores do Mapa de Pessoal do Município (Salão Nobre dos Paços do Concelho);

Intervenção e recitação poética, pelo Agrupamento de Escolas de Amares (Salão Nobre dos Paços do Concelho)

11h30: Sessão Solene da Assembleia Municipal de Amares (Salão Nobre dos Paços do Concelho).

25 DE ABRIL

BRAGA ACOLHE EXPOSIÇÃO DE CLÁSSICOS “DRIVE IT DAY”

Concentração decorre no Domingo, no Largo do Pópulo

A Cidade de Braga recebe no próximo Domingo, 22 de Abril, a exposição de veículos clássicos ‘Drive It Day’, uma iniciativa que pretende promover uso do veículo clássico, como forma de demonstrar a sua importância cultural e social e a dimensão do universo de entusiastas.

Driv-it Day

O evento decorrerá no Largo do Pópulo, onde os veículos estarão concentrados entre as 9h30 e as 12h00. Após este período, realizar-se-á um passeio até ao Circuito Vasco Sameiro, onde os clássicos irão desfilar.

O ‘Drive It Day’ é uma efeméride celebrada em muitos países europeus. Esta celebração conheceu a sua origem em Inglaterra, onde se realiza há diversos anos com o objectivo de enaltecer o vigor da paixão pelos veículos antigos.

O propósito deste dia é movimentar os entusiastas dos clássicos e seus respectivos veículos por todo o país em diversas localidades. Para inscrições e informação os interessados poderão contactar o número de telefone 253 278 614 ou através do email caacbraga@gmail.com.

Esta é uma iniciativa do Clube Automóvel Antigo e Clássico de Braga, da ACCAN, do KIB, e outros clubes nortenhos, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Braga.

MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA E TEATRO DIOGO BERNARDES APESENTAM UM CONJUNTO DIVERSIFICADO DE ESPECTÁCULOS EM PERÍODO DE COMEMORAÇÕES DO DIA 25 DE ABRIL

Ponte de Lima, 20 a 25 de Abril de 2018

O conjunto de espectáculos que se apresentam nos próximos dias em Ponte de Lima tem início com teatro para a infância e famílias – a Companhia Elefante Elegante leva à cena, no Teatro Diogo Bernardes, às 22h00, Dança da Chuva, espectáculo que venceu, em 2017, o Prémio de Teatro Maria Casares na categoria de melhor espectáculo para a infância.

sergio_g_mupi_

Que aconteceria se de repente deixasse de chover? Não durante um mês, um verão ou um ano, mas para SEMPRE? Esta é a pergunta que coloca a DANÇA DA CHUVA, um espectáculo sem palavras onde convivem o teatro gestual, a dança, a manipulação de objectos e as marionetas.

A Dança da Chuva trata de um tema sério através de uma encenação poética e visual. Os seus efeitos cómicos, plásticos e oníricos advertem e divertem o público familiar e infantil a partir dos 3 anos.

No dia seguinte, 21 de Abril, igualmente no Teatro Diogo Bernardes, às 22h00, sobem ao palco os Diabo a Sete para um concerto muito peculiar desta formação que muito tem contribuído para o desenvolvimento da música portuguesa.

Os Diabo a Sete estão de regresso aos palcos e aos discos. Figura de Gente é o título do álbum e do novo espectáculo. De entre os novos originais, destaque para Tamboril, o primeiro single do terceiro registo discográfico da banda.

O grupo sediado no Ateneu de Coimbra nasceu em 2003 e, desde então, tem percorrido vários palcos nacionais (e não só), tocando em festivais como o MED em Loulé, o Intercéltico de Sendim, o Bons Sons em Cem Soldos e o Festival Músicas do Mundo de Sines. Os Diabo a Sete têm vindo a construir um repertório baseado em temas originais e outros inspirados na música tradicional portuguesa, ainda que procurem sempre abordá-los sem preconceitos puristas e com a consciência de que a música que elaboram é contemporânea.

Em 2007, a banda lançou Parainfernália, o seu primeiro trabalho. Quatro anos depois surgiu Tarara, que contou com a participação de vários músicos convidados, entre os quais Carlos Guerreiro (Gaiteiros de Lisboa), uma das vozes de Paraíso Fiscal. Os novos temas de Figura de Gente aprofundam a tarefa de pegar em ritmos, sons e instrumentos associados à tradição e de lhe dar letras, roupagens e desenhos melódicos actuais.

A 24 de Abril, a partir das 22h00, no Largo de Camões, oportunidade para participar, gratuitamente, no baile popular em que actuará Delfim Júnior & Ympério Show.

No mesmo local, no dia seguinte, a partir das 16h00, lugar para o Concerto pela Banda Musical de S. Martinho da Gandra, com acessos também gratuitos.

Na noite de 25 de Abril, o Teatro Diogo Bernardes recebe, a partir das 22h00, Sérgio Godinho, que apresentará o seu mais recente trabalho “Nação Valente”.

Sérgio Godinho, o “escritor de canções”, está de regresso com “Nação Valente”, o novo disco e novo espectáculo. Não que Sérgio alguma vez tenha desaparecido das nossas vidas – por entre “Caríssimas Canções” e “Liberdade” de 2013 e 2014, respectivamente, encontrou ainda tempo para o projecto “Juntos” com Jorge Palma assim como para a publicação do livro de contos “Vidadupla” e o romance “Amor mais que perfeito”, mas o seu último registo de originais “Mútuo Consentimento” data já de 2011.

“Nação Valente” traz-nos de volta ao conforto e à inquietação que Sérgio Godinho nos tem proporcionado ao longo da sua carreira. Mas transporta-nos ainda para territórios poéticos e musicais de alguma forma inéditos na obra do cantautor e que ilustrarão, seguramente, os seus futuros “best of”, um conjunto de temas que pode muito bem representar aquele que tem sido o “nosso” quotidiano na presente década.

Em palco, “Nação Valente” crescerá. Às canções que compõem o disco juntar-se-ão outras, menos recentes, das mais e menos conhecidas, e que por certo enriquecerão o retrato desta nação valente.

Bilhetes à venda, para os espectáculos em ambiente fechado e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt

banda_s_martinho_25ab_mupi_

danca_chuva_4x3_

delfim_junior_mupi_

diabo_mupi_

ESPOSENDE CELEBRA DIA MUNDIAL DA DANÇA

Com o intuito de assinalar o Dia Internacional da Dança, que se comemora a 29 de abril, o Município de Esposende vai promover a apresentação de espetáculos e proporcionar aulas de dança a crianças.

Sem título-6

Pretende-se, assim, divulgar e promover o gosto por uma das mais importantes manifestações de arte, bem como dar a conhecer o trabalho que é desenvolvido pelas academias e escolas locais, espaço privilegiado de afirmação e lançamento de novos talentos.

Os espetáculos, com entrada gratuita, decorrerão no Auditório Municipal de Esposende. No dia 21 de abril, às 21h30, e, no dia 29 de abril, às 16h00, exibe-se a Academia de Bailado de Esposende; no dia 5 de maio, às 21h30, o espetáculo é com o Centro de Estudos Ás do Saber e, no dia 12 de maio, às 18h00, apresenta-se a PráxiStudio.

As crianças do 1.º Ciclo de escolas do concelho terão, no âmbito destas comemorações, a oportunidade de participar numa aula aberta na Academia de Bailado de Esposende. Assim, nos dias 26 e 27 de abril, participarão, respetivamente, os alunos os alunos das Escolas Básicas de Pinhote-Marinhas e de Antas, e, nos dias 3 e 4 de maio, será a vez dos alunos das Escolas Básicas de Gemeses e de Curvos.

O Município continua, assim, a apoiar e a incentivar o trabalho que é desenvolvido no concelho ao nível da dança, promovendo a sua divulgação e valorização.

VIZELA APROVA PLANO OPERACIONAL MUNICIPAL

A Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios de Vizela aprovou por unanimidade o Plano Operacional Municipal (POM) de Vizela para o ano de 2018 apresentado pelo Gabinete Técnico Florestal do Município, em reunião do dia 16 de abril.

dav

A Comissão, presidida pelo Presidente da Câmara, Victor Hugo Salgado, é composta pelos cinco Presidentes das Juntas de Freguesia, pelo Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, pelo Comandante do Posto da Guarda Nacional Republicana de Vizela, pelo Comandante dos Bombeiros Voluntários de Vizela, e pela Associação Silvicultores do Vale do Ave.

Esta Comissão é uma estrutura de articulação, planeamento e ação, que tem como missão a coordenação dos programas de defesa da floresta, a desenvolver no combate aos incêndios florestais, ao nível do Município de Vizela, em complemento da Diretiva Operacional Nacional n.º 2/2018 -"Dispositivo Especial de Combate aos Incêndios Rurais".

Estão definidos neste plano os meios humanos e respetivos contactos, os meios técnicos e materiais que serão utilizados nas operações de vigilância e deteção, fiscalização e primeira intervenção, combate, rescaldo e vigilância pós-incêndio, bem como a sua coordenação no teatro de operações e a cartografia de apoio à decisão.

Assim, com este planeamento municipal, pretende-se acautelar uma intervenção mais rápida nos incêndios na sua fase inicial, para assim se limitar o seu desenvolvimento.

O Município também iniciou, no passado mês de março, o reforço dos equipamentos da Proteção Civil, com a aquisição de uma viatura 4x4 com diverso equipamento, com a constituição da equipa de prevenção de Proteção Civil, que foi também devidamente equipada com o fardamento respetivo.

MINHOTOS NO PRINCIPADO DE ANDORRA ORGANIZAM MOSTRA INTERNACIONAL DE FOLCLORE

Dr Daniel Café, Presidente da Federação do Folclore Português, participará no colóquio “Conversas sobre Folclore”

No âmbito das comemorações do 22º aniversario do Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’, terá lugar no Sábado, 28 de Abril, no Complexo Socio-cultural de Encamp a Mostra Internacional de Folclore com grupos folclóricos de Andorra, França e Portugal.

SONY DSC

O encontro cultural estará formado por cerca de 200 folcloristas, em representação do folclore andorrano através do Esbart Sant Romà d’Encamp e do folclore português pelo Grupo anfitrião, através do grupo Gentes de Almeirim que irá viajar desde o Ribatejo e o Rancho Folclórico dos Portugueses de Beausoleil, cidade francesa situada na fronteira com o Mónaco.

A Mostra será conduzida por Alfred Llahí, escritor, jornalista e presentador de televisão. Diferentes personalidades andorranas confirmaram assistência e os organizadores confirmam tambem a presença de Daniel Café, Presidente da Federação do Folclore Português, institució que no passado mês de Fevereiro reconheceu o Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’ como socio aderente. No final do festival de folclore todos os assistentes estão convidados a uma festa a cargo do grupo musical Euphória.

Coincidindo com a presença do máximo representante do folclore português, os membros do Grupo de Folclore ‘Casa de Portugal’ organizam na manhã de Domingo, dia 29 de Abril, no Centro Cultural la Llacuna, em Andorra la Vella, um colóquio com Daniel Café, sob o título “Converses sobre folclore” em presença de folcloristas de grupos portugueses em Andorra e França.

Este evento, organizado pela colectividade cultural portuguesa em Andorra desde a sua fundação em 1996, conta com o patrocínio oficial da empresa Nova Constructora, gerida pelo luso José Costa, assim como de diversas empresas andorranas que, juntamente com a Câmara Municipal (Comú) de Andorra la Vella e de Encamp, proporcionam a organização desta manifestação cultural e de afirmação da portugalidade em Andorra.

casa portugal_2018.fh11

10º ANIVERSÁRIO DA ASSOCIAÇÃO GERÊS VIVER TURISMO

Fundada em 2008, a associação Gerês Viver Turismo comemorou o seu décimo ano de existência.

O evento decorreu no Hotel S. Bento, tendo estado representadas diversas entidades, públicas e privadas, com quem a associação se tem relacionado proactivamente ao longo dos anos. Também presentes, estiveram representantes de empresas associadas da Gerês Viver Turismo, fornecedores e amigos da mesma.

.

O momento serviu para evidenciar o trabalho desenvolvido pela associação e apresentar o novo website da mesma.

Intervieram, José Arriscado, Vice-Presidente da associação e Director do Hotel S. Bento, Armando Carvalho Araújo, Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Jorge Coelho, técnico de turismo, Marco Sousa, em representação da Entidade Regional Porto e Norte, Sónia Almeida, Directora Executiva da ADERE-PG, José Carlos Pires, Presidente da associação Gerês Viver Turismo e Manuel Tibo, Presidente da Câmara Municipal de Terras de Bouro.

.

ESPOSENDE DEBATE "LITERACIA EM SAÚDE"

No âmbito do Programa Municipal de Promoção da Saúde e ao abrigo do protocolo recentemente celebrado com o ISAVE - Instituto Superior de Saúde, o Município de Esposende realizou, hoje, o Seminário "Literacia em Saúde".

_DSC5723

A iniciativa decorreu no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio, em Esposende, reunindo um alargado leque de reputados oradores, que, através de diferentes abordagens, possibilitaram a reflexão acerca desta matéria.

Na sessão de abertura, a Vice-presidente da Câmara Municipal e responsável pelo Pelouro da Saúde Pública, Alexandra Roeger, referiu que este evento se enquadra nas atividades do Mês da Saúde, que o Município está a desenvolver ao longo deste mês, para assinalar o Dia Mundial da Saúde, justamente sob a temática “Literacia em Saúde”. Alexandra Roeger notou que esta é uma matéria ainda em evolução, não obstante o muito trabalho que vem sendo desenvolvido neste plano. Defendeu, por isso, a pertinência e a importância de apostar numa maior informação e formação dos vários públicos, nomeadamente através de ações concertadas e de parcerias entre os vários agentes associados à área da saúde, considerando que “com o contributo de todos chegaremos a bom porto neste domínio da capacitação dos cidadãos que permitam a adequada tomada de decisões em saúde e, assim, a sua qualidade de vida e bem-estar”.

_DSC5749

A Vice-presidente deu nota do vasto e profícuo trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Município no âmbito do Programa Municipal de Promoção da Saúde e que abrange as várias franjas da população, com particular incidência na infância, juventude e terceira idade.

Apontou, a título de exemplo, os projetos na área da qualidade e segurança alimentar, não apenas na preparação de ementas nutricionalmente ajustadas e em observância relativamente às mais modernas orientações, mas também na formação das colaboradoras das cozinhas e cantinas escolares. Referiu também os bons resultados do projeto Hortifuti, que está a ser desenvolvido junto da comunidade escolar e que pretende incentivar o consumo de legumes, bem como o impacto das iniciativas do evento “Março com Sabores do Mar”, evento que contou também com a colaboração do ISAVE, e que envolveram não só a comunidade escolar, bem como a população em geral, numa ótica de promoção de uma alimentação saudável, incentivando ao consumo de peixe.

Ainda no plano da promoção da saúde, Alexandra Roeger revelou que estão em perspetivas novos projetos, nomeadamente direcionados para franjas específicas da sociedade, e adiantou que, brevemente, será apresentado à comunidade o conjunto de eixos estratégicos, medidas e ações que constituem o Programa Municipal de Promoção da Saúde, como forma de potenciar o envolvimento direto e a participação de toda a comunidade.

Referindo-se ao Seminário “Literacia em Saúde”, a Vice-presidente do Município realçou a mais-valia das parcerias e as vantagens do trabalho em rede e manifestou a disponibilidade do Município para abraçar novos projetos.

Na sessão de abertura, interveio a Presidente do ISAVE, Mafalda Duarte, que saudou o Município pela iniciativa e pela pertinência do debate, realçando, ainda, o painel de excelência de oradores. Na mesma linha, o Presidente do Conselho de Direção do ISAVE, João Luís Nogueira, vincou que a literacia em saúde é da maior relevância, na medida em que contribuir para ajudar a população a viver com saúde.

A Diretora Executiva do ACES Cávado III – Barcelos/Esposende, Sofia Leal, afirmou que a literacia em saúde é uma preocupação nacional e um desafio que deverá envolver privilegiar o trabalho em rede, envolvendo diversas entidades e apontou já os exemplos do trabalho que o ACES se encontra a executar nestes domínios.

Este Seminário visou contribuir para que os cidadãos tenham acesso, compreendam e usem a informação de forma a que promovam e mantenham a sua saúde e bem-estar, tendo também a capacidade para tomar decisões em saúde fundamentadas, no decurso da vida do dia a dia – em casa, na comunidade, no local de trabalho, no mercado, na utilização do sistema de saúde.

Assim, no primeiro painel da manhã, dedicado à promoção da literacia em saúde, Ana Rito Pedro, da Escola Nacional de Saúde Pública, da Universidade Nova de Lisboa, abordou o tema “Literacia em saúde, dos dados à ação” e Débora Miranda, da mesma Instituição, falou sobre a “Estratégia de literacia em saúde adotada no âmbito do programa SNS+Proximidade”. Neste painel foi ainda abordado o tema referente à “Biblioteca de Literacia em Saúde”, com a presença de Sofia Leal, Diretora Executiva do ACES Cávado III – Barcelos/Esposende.

Num segundo painel foram apresentadas boas práticas em literacia em saúde, nomeadamente o trabalho realizado pelo “Laboratório de Criação para a Literacia em Saúde” e o “Programa de Literacia: Grau de literacia em Saúde numa amostra de Pessoas Idosas”, por Carla Serrão da Escola Superior de Educação Porto – Instituto Politécnico do Porto.

Já no período da tarde foi abordado o tema “Desafios e Constrangimentos em Literacia em Saúde”, com a presença de Rita Espanha, do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, que apresentou o “Inquérito à literacia em Saúde em Portugal: o papel das fontes de informação”, de Luís Saboga Nunes, da Escola Nacional de Saúde Pública, da Universidade Nova de Lisboa, que abordou a temática “Promoção da literacia em contextos de saúde” e de Luisa Lima, do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, que se debruçou sobre “Caminhos a definir no âmbito da literacia em saúde”.

_DSC5760

LETIZIA USA BRINCOS OFERECIDOS POR MARCELO REBELO DE SOUSA

A rainha de Espanha mostrou ao Presidente português que apreciou o presente durante o jantar realizado em Madrid esta terça-feira, dia 17.

2018-04-18-1

Em visita oficial a Espanha, Marcelo Rebelo de Sousa cumpriu a tradição de trocar presentes com os seus anfitriões, neste caso os reis Felipe VI e Letizia. Para a rainha, Marcelo escolheu uns brincos em filigrana, peças tradicionais da joalharia portuguesa que transmitem um pouco da cultura e história do nosso país.

Encantada com a oferta, Letizia usou os brincos durante o jantar organizado pelo Presidente da República de Portugal esta terça-feira, dia 17, no Palácio El Pardo, em Madrid, em homenagem aos monarcas. Os brincos completaram e deram brilho ao visual da rainha, que para essa noite escolheu usar um look preto total graças a um vestido Carolina Herrera. A imprensa internacional tem feito fortes elogios a Letizia pela indumentária eleita para este evento.

Os brincos escolhidos por Marcelo para presentear Letizia vêm da Ourivesaria Freitas, uma casa criada em 1920 em Viana do Castelo.

Fonte: http://caras.sapo.pt/