Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BRAGA POTENCIA PARTILHA DE CULTURAS E EXPERIÊNCIAS

Capital Ibero-Americana deixa legado para o Futuro da Juventude

2016 foi um ano ímpar para Braga e para a juventude Ibero-Americana. Ao longo de vários meses, foram muitas as iniciativas que deixarão um legado incontornável para o futuro das políticas de Juventude. A intensa programação da Capital Ibero-Americana da Juventude (CIAJ) encerrou esta Quinta-feira, 15 de Dezembro, numa cerimónia que juntou diversas personalidades no Mosteiro de Tibães, em Braga.

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004183.jpg

Sob o mote ‘Colorir o Futuro’, Braga assumiu um papel de relevo no espaço Ibero-Americano, ostentando um título que, segundo Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga “encheu de orgulho a cidade de Braga e todos os seus cidadãos”, especialmente os mais jovens. “Ao longo deste ano desenvolveram-se inúmeras iniciativas que criaram laços neste espaço geoestratégico em que nos inserimos. Braga 2016 Capital Ibero-Americana da Juventude surgiu como um desafio para a Cidade na sua afirmação transcontinental, tendo os jovens como actores principais”, referiu o Autarca durante a cerimónia de encerramento e que contou com a presença do Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e do secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo.

Como explicou Ricardo Rio, este título, atribuído pela Organização Internacional da Juventude (OIJ) para Ibero-América, “surgiu como ponto de encontro para a diversidade e multiculturalidade entre povos da América Latina, Caribe, Portugal e Espanha”, tendo assumido como prioridades quatro eixos em que se foram desenvolvendo todas as iniciativas.

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004182.jpg

“Ao longo deste tempo apontamos caminhos em quatro vertentes que consideramos fundamentais para o futuro. Uma juventude com voz, onde capacitamos e proporcionamos aos jovens serem ouvidos e questionados; a economia do futuro, onde se criaram novas oportunidades para aumentar as relações económicas com os países da Ibero-América; o diálogo intercultural, através da concretização de diversas iniciativas para aumentar o conhecimento dos restantes países, mas também as relações culturais entre os povos e, por último, as novas políticas para uma juventude global, com a discussão de temas e ideias essenciais para o futuro da nossa juventude”, apontou.

O legado Bracarense apresenta-se ainda mais abrangente com a elaboração de um documento apresentado na XXV Cimeira Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo dos países ibero-americanos, que decorreu em Outubro último, em Cartagena das Índias, na Colômbia.

“Consideramos que era nossa obrigação elaborar um documento onde pudéssemos apresentar um conjunto de sugestões retiradas das conclusões de diversas iniciativas e projectos realizados ao longo deste ano em Braga”, explicou Ricardo Rio, lembrando que esse documento “foi o resultado das ideias e princípios orientadores nos diversos contactos que estabelecidos ao longo da CIAJ. Este trabalho é o contributo desta Capital para o futuro da juventude da Ibero-América, que esperamos que seja cada vez mais próspera e que proporcione todas as condições para um desenvolvimento sustentável e coeso”, concluiu.

Programação diversificada potenciou partilha de culturas e experiências

Por seu turno, a vereadora responsável pele pelouro da Juventude do Município de Braga lembrou que “foi com um enorme orgulho” que Braga ostentou este título, premiando as políticas de juventude que desenvolveu ao longo dos anos. “Este título de Capital Ibero-Americana da Juventude foi muito relevante, não só enquanto reconhecimento efectivo do trabalho que tem sido executado, mas também como forma de motivação para a renovação, para promoção de novas politicas e novos agentes, assim como uma alavanca para o que ainda podemos fazer no futuro”, referiu Sameiro Araújo.

Segundo a responsável, Braga apostou numa programação diversificada, focada não apenas na juventude Bracarense, mas também na partilha de culturas e de experiências com os países da Ibero-América. “Ao longo do ano realizámos diferentes iniciativas, desde exposições, concertos, palestras, encontros, mostras de cinema, debates ou actividades lúdico-desportivas. Estiveram em Braga diversos artistas, escritores, criadores, músicos ou desportistas dos diferentes países, celebrando a diversidade e a multiculturalidade dos povos da América Latina, Caribe e da Península Ibérica”, explicou Sameiro Araújo, não esquecendo a forte aposta nas relações diplomáticas com o intuito de “criar relações de proximidade e divulgar ao mundo todas as potencialidades de Braga”.

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004186.jpg

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004187.jpg

GUIMARÃES PROMOVE PRÁTICA DO FUTEBOL COMO RECREAÇÃO E LAZER

ESTA SEXTA-FEIRA, 16 DEZEMBRO, ÀS 11 HORAS

Assinatura de protocolo entre Câmara de Guimarães, FPF, AFB e AFPG

Presidentes das quatro instituições estarão presentes. Cerimónia decorrerá no Salão Nobre do Município.

A Câmara Municipal de Guimarães, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF), a Associação de Futebol de Braga (AFB) e a Associação de Futebol Popular de Guimarães assinam esta sexta-feira, 16 de dezembro, às 11 horas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, um protocolo que vai permitir enquadrar a prática do futebol de recreação e lazer na família do futebol.

Este protocolo surge em conformidade com o disposto no Decreto-lei 45/2015, de 9 de abril, que define os direitos exclusivos das federações com utilidade pública desportiva, através da emissão de parecer prévio (homologação) por parte das federações (FPF), para a promoção das suas atividades desportivas.

A cerimónia contará com a presença de Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Fernando Gomes, Presidente da FPF, Manuel Machado, Presidente da AF Braga, e Arlindo Costa, Presidente da Associação de Futebol Popular de Guimarães.

BRAGA VAI TER UMA DAS MELHORES POUSADAS DA JUVENTUDE DO PAÍS

Protocolo assinado com Movijovem e IPDJ viabiliza gestão municipal do equipamento

Dentro de um ano e meio, Braga terá uma das melhores Pousadas de Juventude do país e um equipamento à altura das suas ambições e da sua dinâmica associativa e juvenil. A ideia foi defendida hoje, 15 de Dezembro, pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, durante a cerimónia de assinatura do protocolo de gestão e exploração da Pousada da Juventude.

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004158.jpg

Na cerimónia, que contou com a presença do Secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, o Autarca Bracarense assegurou que o equipamento “continuará a ser um centro integrado de juventude”. Além da componente residencial e turística, o equipamento irá manter os serviços do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ), da Agência Erasmus + e continuará a ser palco de inúmeras actividades dirigidas à população mais jovem.

Recorde-se que o protocolo com o IPDJ e a Movijovem prevê a atribuição da gestão da Pousada da Juventude ao Município de Braga pelo prazo de 30 anos, comprometendo-se a Autarquia com a realização das obras de reabilitação do imóvel que deverão implicar um investimento na ordem dos 900 mil euros. 

A exploração do equipamento, situado na Rua Santa Margarida e integrado na Rede Nacional de Pousadas da Juventude, será da responsabilidade da InvestBraga, empresa municipal vocacionada para a dinamização económica.

Segundo Ricardo Rio, o projecto de reabilitação da pousada está em fase de finalização, esperando-se que, “no início de 2017, se possa avançar para as últimas especialidades técnicas com vista ao lançamento do concurso público para a execução da obra”.

“Seria mais confortável e mais económico ficarmos de braços cruzados e optar por aquele discurso que tantos apelam de que o Governo tem de cumprir as suas obrigações e de investir nestes equipamentos. Mas também temos consciência da realidade do país. Por isso, só é possível levar adiante projectos desta natureza se existir uma lógica de complementaridade entre todas as instituições do Estado Central e as Autarquias Locais”, sustentou, enaltecendo o contributo e o empenho de todos os interlocutores no processo negocial.

O Edil reiterou o desejo de “firmar Braga como um destino natural para a Juventude”, referindo que o Concelho quer ser um “bom anfitrião e ter todas as condições necessárias para receber jovens de todo o mundo”.

Considerando a importância estratégica da existência de um equipamento como uma Pousada da Juventude em Braga e a degradação verificada nas actuais instalações, a recuperação das instalações permitirá disponibilizar aos jovens e associações juvenis um equipamento de elevada qualidade e conforto.

Desta forma, e no âmbito da aposta do Município no desenvolvimento turística, pretende-se rentabilizar um equipamento que actualmente não reúne as condições necessárias ao desempenho das funções para as quais se encontra vocacionado. A requalificação e dinamização do espaço permitirão que Braga tenha um grande alcance em termos de atractividade e acolhimento de jovens, fazendo assim face ao volume de actividades que se realizam no território.

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004164.jpg

CMB15122016SERGIOFREITAS0000004167.jpg

 

ARCOS DE VALDEVEZ COMEMORA 40 ANOS DO PODER LOCAL

Assembleia Municipal e Câmara Municipal assinalam os 40 anos do Poder Local

Presidente da Câmara Municipal solicitou ao Governo apoios para a promoção da natalidade, maior acesso a serviços públicos e promoção da Economia.

poder_local2.jpg

Numa organização da Assembleia Municipal e da Camara Municipal, teve lugar na passada segunda-feira, 12 de dezembro, uma sessão extraordinária da Assembleia Municipal para assinalar os 40 Anos do Poder Local. Uma sessão que teve a honra de contar com a presença do Senhor Ministro Adjunto, Dr. Eduardo Cabrita.

No âmbito destas comemorações foi feito o Descerramento da Placa Comemorativa dos 40 Anos do Poder Local Democrático e usaram da palavra Jorge Alves – Professor da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, o qual fez uma resenha dos momentos mais importantes destes 40 anos, bem como das metas alcançadas com o suceder dos mesmos; os representantes dos Grupos Municipais (CDU, CDS/PP, PS, PSD), dos Presidentes de Junta de Freguesia do Concelho e da ANAFRE; o Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, o Presidente da Assembleia Municipal, Francisco Rodrigues de Araújo, bem como Sua Excelência o Ministro Adjunto, Dr. Eduardo Cabrita.

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves começou por enfatizar a importância do dia 12 Dezembro de 1976, para “lembrar, saudar e homenagear todos os autarcas de Freguesia, das Assembleias Municipais e das Câmaras Municipais que nos antecederam”, de forma especial os eleitos em 1976, bem como fazer um balanço do progresso alcançado, nos últimos 40 anos. “Hoje estamos muito melhor, mais modernos e com mais progresso social, económico e cultural”, atestou.

João Manuel Esteves, afirma ainda ser necessário ter a capacidade de imaginar e inspirar os caminhos de futuro“. Nesse sentido, apelou para que haja mais Descentralização das competências e Financiamento, dizendo ser necessáriopugnar pelo reforço dos poderes e dos meios financeiros das autarquias, pois estão mais próximas das populações”.

O autarca referiu ainda a Valorização do Interior,sendo urgente que existam “medidas de diferenciação positiva que funcionem como fatores de fixação de pessoas e empresas e como polo de animação da atividade social, cultural e económica.“

Aproveitou a presença do Sr. Ministro Adjunto para solicitar apoios para incentivar a natalidade, apoiar as famílias e apoiar a fixação ou o regresso das pessoas aos territórios de baixa densidade; apoios para garantir às populações do Interior maior equidade no acesso a serviços públicos, como educação, saúde, justiça e segurança, entre outros, tendo solicitado também medidas para promover a Competitividade da Economia, reforçando os apoios e os incentivos fiscais às empresas industriais, comerciais e agrícolas, para a reabilitação urbana e para desenvolver o Turismo.

João Manuel Esteves terminou afirmando que o Municipio conta com todos or arcuenses, residentes e emigrantes, para se continuar a construir o Futuro de “Arcos de Valdevez Onde Portugal se Fez”

Por sua vez, o Ministro Adjunto, Dr. Eduardo Cabrita referiu que o poder local dá um contributo decisivo para a qualidade de vida dos portugueses e afirmou ser urgente a descentralização para que haja uma resposta mais célere às populações.

Nesta cerimónia decorreu ainda a entrega da medalha comemorativa aos autarcas da Camara Municipal, da Assembleia Municipal e Presidentes de Junta de Freguesia eleitos em 1976, bem como aos atuais membros destas Autarquias.

poder_local5.jpg

FAMALICÃO MOSTRA OS CAMINHOS DO DESENVOLVIMENTO

Exposição está patente nos Paços do Concelho até 30 de abril

Os caminhos que Vila Nova de Famalicão percorreu desde o dia 12 de dezembro de 1976 – em que decorreram as primeiras eleições autárquicas que instituíram o poder local democrático em Portugal – até aos dias de hoje, estão patentes na exposição “40 anos de Poder Local Democrático em Portugal, 1976-2016”, que está aberta ao público até 30 de abril de 2017, nos Paços do Concelho.

AFS_5911.jpg

Os vários caminhos representados através de fios coloridos conduzem a exposição identificando as várias ações das políticas locais seguidas ao longo dos anos nos domínios do planeamento, habitação, infraestruturas, equipamentos, espaços verdes, participação pública, etc.

São mais de 40 painéis que recordam alguns dos principais passos dados pelo município no âmbito do desenvolvimento do território, ao longo dos 40 anos de poder local democrático. De realçar o Plano Geral de Urbanização de Famalicão, em 1978, o plano da rede de saneamento da vila, em 1981, a elevação a cidade, em 1985, e a inauguração de vários equipamentos, como o Citeve (1994), a Casa das Artes (2001), o Palácio da Justiça (2007) e o Parque da Devesa (2012).

Para o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, esta exposição visa sobretudo “proporcionar uma reflexão, sobre o passado, o presente e o futuro do concelho e da comunidade famalicense através de leituras partilhadas sobre a transformação do nosso território. Um território visto como um produto social em contínua transformação”.

A informação está exposta, segundo uma cronologia representada ao longo dos painéis dispostos na sala circular. Neles o público é convidado a ler e mesmo a levar para casa postais ilustrados sobre curiosidades, imagens, textos referentes às diferentes épocas e temas abordados.

Para o período de 2016 a 2025, ao centro da sala, estão postais em branco, que convidam as pessoas a deixar o seu contributo, ilustrado ou escrito. Também podem levar e enviar por correio. Pretende-se assim fomentar a partilha e a participação pública.

Para além dos painéis, está patente nesta exposição um vídeo sobre a história de Refira-se que a iniciativa insere-se no programa comemorativo da “Conquista e consolidação da democracia em Portugal”, promovido pelo Município ao longo do ano de 2016.

A mostra pode ser visitada de segunda a sexta-feira, no horário de funcionamento dos Paços do Concelho de Vila Nova de Famalicão e três vitrines com documentos originais.

Refira-se que a iniciativa insere-se no programa comemorativo da “Conquista e consolidação da democracia em Portugal”, promovido pelo Município ao longo do ano de 2016.

A mostra pode ser visitada de segunda a sexta-feira, no horário de funcionamento dos Paços do Concelho.

PARQUE NACIONAL DA PENEDA GERÊS É "LOCAL DARK SKY"

Aprovada a candidatura “Local Dark Sky no Parque Nacional da Peneda-Gerês” promovida pela ARDAL

A ARDAL viu aprovada, no âmbito do programa Norte 2020, na tipologia de intervenção Património Natural e Cultural, a candidatura “Local Dark Sky no Território do Parque Nacional da Peneda-Gerês”, que visa o desenvolvimento e promoção do potencial turístico do Parque Nacional da Peneda Gerês.

sky.jpg

Esta operação, que será levada a efeito em parceria com o Município de Arcos de Valdevez, tem fundamentalmente dois objetivos: obter a certificação internacional da Internacional Dark Sky Association (IDA) para um Local Dark Sky (LDS) no território do PNPG e implementar um LDS no território do PNPG com a demarcação de uma zona “core” de observação de astros e um centro de receção, interpretação e observatório LDS na Porta do Mezio, equipado com painéis informativos, material promocional e instrumentos de observação astronómica.

Um Local Dark Sky é um território de tamanho considerável, que possui uma qualidade excecional de noites estreladas e um ambiente noturno que é protegido pelo seu interesse científico, natural, educacional e cultural.

Para atingir estes dois objetivos principais irá ser auditado o território do PNPG para os requisitos definidos pela entidade certificadora, identificar os locais de elevado potencial para a zona principal no PNPG, submeter a certificação, bem como criar e produzir conteúdos para explicar no espaço de receção.

Com este projeto, cujo valor de orçamento ascende a 145.915,97 €, pretende-se diversificar a oferta na Porta do Mezio, criando novos públicos, com o objetivo de aumentar do número de visitantes, quer nesse equipamento, quer em toda a região do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

PROVA DE CORTA-MATO JUNTA MAIS DE DOIS MIL JOVENS DE FAFE

Parque da Cidade acolhe prova desportiva

O Parque da Cidade volta a ser palco de mais uma atividade desportiva promovida pelo Agrupamento de Escolas Montelongo e pelo Município de Fafe.

Amanhã decorre mais uma edição do Corta Mato Escolar Concelhio de Fafe.

Mais de 2000 jovens de várias escolas do concelho, do 4º ao 12º ano, estão inscritos para participar na prova, que decorre durante a manhã, das 09h00 às 13h00. 

A corrida, que tem como mote “Eu sou ativo, Eu sou saudável, Eu gosto de mim”, vai dividir-se em seis escalões: 4º ano, Infantil A, Infantil B, Iniciado, Juvenil e Júnior.

No final da corrida, serão atribuídos prémios por escalão e também por escola. 

Os melhores de cada escalão serão apurados para o Corta Mato Regional, a realizar em 2017. 

Para Pompeu Martins, Vereador do Desporto, o Corta Mato Escolar é “uma excelente iniciativa que estimula a prática desportiva nos mais novos, criando também momentos de convívio e lazer. 

Este ano, voltamos a escolher o Parque da Cidade como palco desta prova, abrindo assim à população um espaço que é de todos.

Os cerca de 2000 jovens participantes vão, certamente, fazer desta uma manhã divertida, saudável e descontraída”.

RTP2 DÁ A CONHECER A OBRA DOS MAIORES VULTOS DA ARTE NACIONAL

“Estou nas Tintas”: O homem à frente da obra

O “Estou nas Tintas” estreia a 6 de Janeiro de 2017, às 21h00, e as expectativas são imensas. Durante 13 semanas, o programa produzido pela RTP2 vai dar a conhecer a vida e a obra de cerca de 80 dos mais importantes nomes da arte nacional.

EstouNasTintas_FotoPress.jpg

 

Dar voz à obra e ao criador foi o principal objectivo deste projecto, que tenta abordar as mais variadas formas de expressão artística e divulgar métodos, pensamentos e singularidades dos artistas plásticos portugueses.

Além de nomes incontornáveis – Júlio Pomar, Cruzeiro Seixas, José Costa Reis, Odeith e o Mestre José Rodrigues (que infelizmente partiu aos 79 anos em setembro passado, deixando-nos uma última recordação sua e da sua obra) são alguns dos convidados do programa –, o “Estou nas Tintas” pretende também dar destaque a novos nomes do panorama artístico português. António de Almeida Lopes, realizador de programas como “Saúde com Sabor”, “Praia Limpa, Praia Segura” ou “Riscos e Rabiscos”, foi o autor da ideia e quem realizou o projecto e Joaquim Feijão o responsável pela Provetouch, a produtora que abraçou e embarcou nesta viagem durante sete meses.

Um ano depois do início do projeto chega finalmente a hora de o partilhar com o público, que tem desta forma a oportunidade de entrar dentro das casas e dos ateliers de múltiplos artistas nacionais. A ambição dos autores é que esta série se torne um documento incontornável da história da arte nacional, uma fonte de informação basilar para quem no futuro tiver interesse em conhecer uma parte significativa da herança artística portuguesa.

Voz aos artistas

“Essa frase ‘estou nas tintas’ é um exemplo de como o sentido que se pode dar às coisas pode ser muito diferente. Ninguém pense que tem a verdade absoluta.” – Júlio Pomar

“Pintar, para mim, é uma forma de estar vivo, é como respirar, comer…” – Diogo Navarro

“Picasso dizia que a arte limpa, do quotidiano, a poeira dos dias.” – Ana Mesquita

“Se a função do artista é a procura do belo, eu encontrei essa procura no corpo da mulher.” – Francisco Simões

“Nessa altura, comemorava-se a venda de um quadro, fosse de quem fosse.” – Gracinda Candeias

“Eu estou sempre apaixonada. Tento-me apaixonar nem que seja por um livro, por uma frase, pelo amanhecer…” – Tamara Alves

“Eu penso que a actividade artística se define, quer em pintura, quer no cinema, quer na literatura, seja onde for… é exactamente o repensar constantemente métodos, definições, objectivos, trajectórias…” – Jaime Silva

“Eu tenho pavor do óbvio e tento sempre fazer coisas inesperadas.” – José Costa Reis

“A técnica, no meu ponto de vista, é apenas um suporte ou um apoio para a concretização de um trabalho.” – Carlos Nogueira

“A pintura acaba por ser a nossa forma de nos expressarmos e acaba por ser o alfabeto da pessoa.” – Jorge Almeida

“Não temos um grande museu de arte portuguesa, por exemplo. Nós se quisermos ver a evolução da arte portuguesa, desde o princípio do século até hoje, onde é que vamos?” – Manuel Baptista

“O amor, a cultura, a poesia são realmente a coisa mais importante que nós temos, para agarrar com ambas as mãos com toda a força.” – Cruzeiro Seixas

“Qualquer fotógrafo é um contador de histórias.” – Joel Santos

“Os artistas portugueses, para mim, são mais uma dessas facetas que nós temos que ser capazes de valorizar, que fazem parte do nosso património.” – Manuel Botelho

“A arte é a zona mais criativa da natureza humana.” – Eurico Gonçalves

Lista de artistas convidados do programa

Pintores

Alexandre Alonso

Clo Bourgard

Cruzeiro Seixas

David Levy Lima

Diogo Navarro

Eleutério Sanches

Eurico Gonçalves

Gabriela Carrascalão

Gracinda Candeias

Gustavo Fernandes

Jaime Silva

Jorge Almeida

Júlio Pomar

Luís Noronha da Costa

Madalena Raimundo

Manuel Baptista

Manuel Botelho

Maria de Lurdes Oliveira

Mário Rita

Pedro Guimarães

Escultores

Carlos Nogueira

Francisco Simões

Frederico Elias

Isabel Garcia

Manuela Madureira

Mestre José Rodrigues

Rogério Timóteo

Rui Matos

Susana Piteira

Writers

Adalberto Brito (Youth One)

Artur Silva (Bordalo II)

Gustavo Teixeira (Mesk)

João SAMINA

Miguel Caeiro (RAM)

Nuno Palhas (Third)

Nuno Reis (Nomen)

Oliveiros Júnior (Utopia)

Sérgio Odeith

Ilustradores

Ana Mesquita

João Saramago

José Pereira

Marco Mendes

Rita Ravasco

Sara Osório (Sara-a-Dias)

Tamara Alves

Artistas plásticos

Ana Isabel Miranda Rodrigues

António Canau

Bernardete Moreira

Cristiano Neves

Dalila D’Alte

Joel Santos

José Costa Reis

José Pedro Alves

Paula Bernardes

Sérgio Santos

Outros especialistas

Ágata Rodrigues (Fundação José Rodrigues)

Ana Roque

António Soares

Celine de Azevedo

Fernando Catarino

Inês Almeida

Professora Joana de Oliveira (Agrupamento de Escolas D. Carlos I – Sintra)

José Esteves

Maria Hortense Canelas

Mizette Nielsen

Mouralinda Serralha

Nisha Narotomo

Nuno Lima de Carvalho (Galeria de Arte – Casino Estoril)

Sara António Matos (Atelier-Museu Júlio Pomar)

Sérgio Pinheiro

Telma Araújo

Wilson Galvão

Colaboração especial

Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa

Prof. Dalila D’Alte

Prof. Eurico Gonçalves

Prof. Jaime Silva

Prof. Manuel Botelho Carlos Sanches (Músico)

João Gil (Músico)

José Cid (Músico)

PONTE DE LIMA: BENS CULTURAIS DA CABRAÇÃO FORAM ARROLADOS APÓS A IMPLANTAÇÃO DA REPÚBLICA

Em 4 de Outubro de 1911, precisamente um ano após a implantação do regime republicano em Portugal, a então criada Comissão Jurisdicional dos Bens Culturais procedeu ao arrolamento dos bens cultuais situados na freguesia de Cabração, concelho de Ponte de Lima, constando de Igreja Paroquial de Cabração.

A Junta de Paróquia de Cabração reclamou do arrolamento que considerou indevido, de 11 inscrições do valor nominal de 100$00 cada, bem como títulos particulares no valor de 131$50.

O processo encontra-se no Arquivo Contemporâneo do Ministério das Finanças.

screenshot_20161215_150114.png

screenshot_20161215_150215.png

screenshot_20161215_150245.png

screenshot_20161215_150324.png

screenshot_20161215_150352.png

CANIL MUNICIPAL DE FAMALICÃO PROMOVE CAMPANHA DE ADOPÇÃO

Este domingo, 18 de dezembro, na Praça D. Maria II, entre as 14h00 e as 18h00

O Canil Municipal de Vila Nova de Famalicão vai estar este domingo, 18 de dezembro, na Aldeia Natal, instalada na Praça D. Maria II, para promover uma campanha de incentivo à adoção.

DSC_2832.jpg

Nesse dia, quem decidir levar para casa uma nova companhia de quatro patas poderá contar com a oferta do microship e da vacina antirrábica.

Na ação deste domingo, estarão disponíveis para adoção mais de uma dezena de cães e gatos.  

Sensibilizar os famalicenses para a importância da adoção responsável e para a problemática do abandono e maus tratos a animais de companhia, bem como divulgar o trabalho desenvolvido pelo Canil Municipal são os principais objetivos desta iniciativa, que decorrerá entre as 14h00 e as 18h00. 

Refira-se ainda que o Canil Municipal, localizado na Rua Alfredo Correia, na freguesia de Calendário, encontra-se aberto de segunda a quinta-feira, entre as 10h00 e as 12h30 e as 14h00 e as 16h00, e às sextas-feiras, entre as 08h00 e as 12h00.

GUIMARÃES VAI TER UM CENTRO DE BTT NO PARQUE DESPORTIVO DE SOUTO SANTA MARIA

NOVO PALCO PARA VÁRIAS VERTENTES DO CICLISMO

Primeira fase deve estar concluída até ao verão do próximo ano. Local terá uma rede de percursos com diferentes níveis de dificuldade e de condições para acolhimento de estágios.

Guimarães_Centro_BTT.jpg

A Câmara Municipal de Guimarães, em concertação com a Associação de Ciclismo do Minho/Federação Portuguesa de Ciclismo e a União das Freguesias de Souto Santa Maria, Souto São Salvador e Gondomar e a cooperativa Tempo Livre, planeiam criar um Centro de BTT no Parque Desportivo de Souto Santa Maria que proporcione a prática de uma ou mais disciplinas de ciclismo por todos os interessados, independentemente da idade, condição física e motivações.

O projeto, dividido em três fases, a primeira das quais deverá está concluída até ao verão do próximo ano, inclui a criação inicial de um circuito permanente de BTT Cross Country Olímpico (XCO), de uma rede de percursos de BTT com diversos níveis de dificuldade e de condições para acolhimento de estágios e de partidas e chegadas de competições de várias vertentes do ciclismo. Tanto a Associação de Ciclismo do Minho como a Federação Portuguesa de Ciclismo, cujo Presidente e técnicos já estiveram no local, manifestaram o seu agrado pelo projeto.

Recorde-se que o Parque Desportivo de Souto Santa Maria acolheu no passado competições de BTT Cross Country do Campeonato do Minho, uma das quais com a presença da Seleção Nacional de Juniores. «Este é um projeto prioritário para o concelho de Guimarães, que permitirá reforçar a coesão social, também através da prática desportiva», referiu Domingos Bragança, Presidente do Município, no decurso da reunião de Câmara descentralizada que decorreu esta quinta-feira no Centro Social de Souto Santa Maria.

«Foi com enorme satisfação que encontramos por parte da Autarquia e da União de Freguesias de Souto Santa Maria, Souto São Salvador e Gondomar uma recetividade e vontade para avançar com este projeto que, acreditamos, gerará uma nova centralidade e proporcionará boas condições para atividades de recreio, formação, treino e competição. Tudo faremos para que o Centro de BTT seja uma referência», disse José Luís Ribeiro, Presidente da Associação de Ciclismo do Minho.

PORTUGAL REGISTA SUCESSO NO LONDON INTERNATIONAL HORSE SHOW

Grande sucesso de Portugal em Inglaterra, no Olympia - The London International Horse Show

Portugal, representado por quatro importantes destinos equestres, Ponte de Lima, Golegã, Beja e Alter do Chão tem presença de grande destaque no The London International Horse Show.

ByJo.jpg

A estratégia passa pela promoção da admirável raça Puro Sangue Lusitano, produto de excelência do mundo rural, a ser criado em várias dezenas de países e pela divulgação de cada um destes destinos.

Um conjunto de 16 cavaleiros com os seus Lusitanos deslumbram com incrível espetáculo onde exibem as melhores qualidades do cavalo de sela mais antigo do mundo, conhecido também pela sua versatilidade e polivalência desportiva. Trata-se de um espetáculo que não só celebre esta raça magnânima, mas ostenta uma exibição magistral de equitação.

Com um espaço em Olympia, no Shopping Village Gallery, Portugal presenteia os visitantes deste grande evento com a degustação dos seus produtos mais característicos, entre os quais o vinho, o queijo, os enchidos, o mel e o azeite, despertando a curiosidade de muitos. Portugal tem feito as delicias dos milhares de visitantes com o sabor característico e único dos seus produtos.

Em poucos dias de venda, os bilhetes praticamente esgotaram, o que demonstra a importância internacional deste grande evento que conta com a presença de meio de comunicação de todo o mundo.

Stand1.jpg

ThePrideofPortugal1.jpg

ThePrideofPortugal2.jpg

CONCURSO PARA EXPLORAÇÃO DO FERRYBOAT NÃO TEVE CANDIDATOS

Concurso Público para exploração de ferryboat ficou deserto

Com o objetivo de dinamizar um equipamento de grande simbolismo e que dá apoio ao Parque de Lazer do Castelinho, a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira procedeu à abertura de um concurso público para a concessão e exploração do antigo Ferryboat como estabelecimento de restauração e bebidas, ou para fins turísticos. Concurso encerrou sem apresentação de propostas, mas autarquia mantém abertura para a sua utilização.

C5D_5590.jpg

Atracado no antigo cais de embarque/atracagem, o antigo Ferryboat – que, durante anos,transportou pessoas e veículos entre as duas margens do rio Minho, Cerveira e Goián - tem suscitado muitas conversas e manifestações deinteresse para a sua reativação enquanto bar de apoio.

Perante este cenário, e conjugado com o papel económico e social que lhe está associado, a autarquia cerveirense decidiu abrir um concurso público, por um prazo de cinco anos, para utilização daquele espaço destinado a café-bar com capacidade para 74 lugares, entre sentados no interior e exterior.

Após quase um mês para a receção de propostas, não houve interessados, pelo que o concurso ficou deserto. No entanto, a autarquiacerveirense mostra-se disponível para auscultar ideias e opiniões de potenciais investidores/empresários quer para a funcionalidade definida ou quer para outra que seja igualmente viável e respeite a identidade da estrutura e do espaço onde está instalado.

O antigo Ferryboat de Vila Nova de Cerveira transportou pessoas e veículos entre as duas margens do rio Minho, mas a construção da Ponte da Amizade, em 2004, retirou-lhe a razão de existir. Foi transformado em bar flutuante, após uma intervenção para adaptação a estabelecimento de restauração e bebidas, efetuada pela Câmara Municipal, e concessionado através de concurso público.

Sem interessados na sua exploração, ultimamente o antigo transbordador encontra-se de portas fechadas.

PAREDES DE COURA VIVE “NATAL ENCANTADO”

Caixa de Brinquedos e Escola do Rock | Paredes de Coura

A ‘Caixa dos Brinquedos’ e a ‘Escola do Rock’ merecem particular atenção no ‘Natal Encantado’ em Paredes de Coura, que tem mais uma vez as crianças e os mais jovens no centro das atenções com propostas tão diversas como a projeção dos filmes ‘Vaiana’ e ‘Cantar’, mas também a Pista Mágica, insufláveis e animação de rua com FK5 e Party Brass, entre outras iniciativas, que trazem por estes dias um outro colorido e encanto a esta vila no coração do Alto Minho.

O Largo Hintze Ribeiro acolhe a Tenda Natal Encantado com a ’pista mágica’ para karts a pedal, jipes e automóveis, bem como os sempre muito solicitados insufláveis e pinturas faciais. Os FK5 e Party Brass, à semelhança do que já nos habituou ‘O Mundo ao Contrário’, também emprestam um toque especial ao nível da animação de rua, numa vila que por estes dias é percorrida pelo já tradicional ‘O comboio vai partir’.

A Caixa dos Brinquedos volta a ser o centro das atenções, onde as crianças podem brincar e criar as mais variadas construções num espaço exclusivamente dedicado às famosas peças multicolores da Lego® e que continua a agarrar todas as gerações. A Caixa da Música, paredes meias com a Caixa dos Brinquedos, está por estes dias também com muita animação, acolhendo a 3ª edição da Escola do Rock, iniciativa com que no ano passado Paredes de Coura foi distinguida com o Prémio UM-Cidades. Ao longo de seis dias, jovens músicos provenientes de todo o país e com idade superior a 14 anos desenvolvem competências musicais e criativas, em especial na área da música rock, numa iniciativa complementada este ano com a atuação de algumas bandas emergentes e que culmina dia 23 com a Apresentação Final da Escola do Rock 2016, no Centro Cultural.

Para além destas duas iniciativas ‘âncora’, Paredes de Coura elaborou um cartaz apelativo para os mais novos e comunidade educativa. Assim, já esta sexta-feira, 16 de dezembro, o Centro Cultural acolhe a Festa de Natal das Escolas e Jardins de Infância de Paredes de Coura, contemplando a peça teatral ‘Noite de Natal’, apresentada pelo Grupo de Teatro Aquilininhos, cuja encenação e figurinos tem assinatura de Ana Costa.

Já os filmes ‘Vaiana’ e ‘Cantar’ têm cinco dias de projeções, levando a Paredes de Coura dois dos mais bem conseguidos ‘blockbuster’ da temporada. O primeiro com chancela da Walt Disney Animation Studios e o segundo com selo Illumination e que têm merecido a atenção dos mais jovens à escala planetária.

Mas também há o Coro Coura All Stars acompanhado por um grupo de metais composto por professores da Academia de Música de Viana do Castelo, que percorrerá as ruas de Paredes de Coura logo pela manhã do dia 23, coincidindo com a data para a Apresentação Final da Escola do Rock. E há também os Chef de Palmo e Meio, com sessões de ‘showcooking’ para os mais novos no Museu Regional, num sem número de iniciativas que se complementam em cor e luz, enriquecendo o ‘Natal Encantado’ que o Município de Paredes de Coura preparou para estes dias frios e cinzentos de dezembro.

CERVEIRA BENEFICIA REDE VIÁRIA EM SAPARDOS E REBOREDA

Executivo cerveirense cumpre promessas de beneficiação viária com 7 anos em Sapardos e Reboreda

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira acaba de concluir duas importantes obras de proximidade, ao nível da melhoria das condições de acessibilidade viária, que já estavam prometidas às suas populações há cerca de sete anos. Trata-se do Caminho de Cimo de Vila, na freguesia de Sapardos, e do Caminho de Zuragues, em Reboreda, entretanto já disponíveis para utilização digna.

20161213_112447.jpg

 “Desde o início do mandato que procuramos estar atentos a várias áreas, colocando a tónica na gestão de proximidade e em interligação com as forças vivas locais. A valorização da nossa terra tem de estar alicerçada nas suas pessoas e na melhoria da qualidade de vida, e estes eram dois casos muito peculiares e cujo compromisso assumimos e concretizamos”, explica o edil cerveirense, Fernando Nogueira, acrescentando: “Os acessos viáriossão utilizados nas rotinas diárias, para o trabalho para levar os filhos à escola, para chegar até à sua residência, por isso a mobilidade e a segurança são nossas preocupações”.

O Caminho Cimo de Vila, localizado na freguesia de Sapardos, já remonta ao ano de 2010 quando sofreu uma intervenção de alargamento e execução dos muros de suporte pela então Junta de freguesia. O passo seguinte seria a pavimentação que, apesar de ter integrado os vários planos de investimento da Câmara Municipal, a sua concretização - por razões diversas - acabou por ser arrastada no tempo. Entretanto, o atual executivo assumiu-a como um compromisso que acaba de cumprir.

Outra via que aguardava um rumo definitivo fica na freguesia de Reboreda. O caminho de Zuragues, que serve várias habitações, também já está totalmente pavimentado, proporcionando melhores condições de acesso e circulação. Trata-se de um caminho em calçada que, após a empreitada de saneamento executada há alguns anos, aguardava uma oportunidade orçamental para receber um novo piso, pois a opção derepavimentação em calçada já não servia os interesses das populações.

A estratégia autárquica de Vila Nova de Cerveira ao nível das acessibilidades insere-se num conceito de um Município mais coeso e competitivo, baseada num desenvolvimento harmonioso e sustentável para o bem-estar da população.

ESCULTURA “MEMÓRIA AO REMADOR” EM CAMINHA VAI SER INAUGURADA AMANHÃ PELO MINISTRO DA EDUCAÇÃO

Pelas 16h00, cerimónia insere-se nas comemorações dos 90 anos do Sporting Club Caminhense

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, participa amanhã, em Caminha, na inauguração do “Memorial ao Remador”, uma escultura que homenageia os remadorescaminhenses e que se insere nas comemorações dos 90 anos do Sporting Club Caminhense. Da autoria do escultor Damião Porto, a peça ficará no centro da rotunda da EN13, junto à marginal de Caminha, nas proximidades do Posto Náutico e do Parque Municipal 25 de Abril. Depois desta cerimónia decorrerá a sessão de entrega das faixas de campeão nacional aos atletas e dirigentes, nos Paços do Concelho.

SCC.jpg

O Município de Caminha associa-se às comemorações do 90º aniversário do clube, que nasceu a 14 de dezembro de 1926, tendo a sua primeira sede na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Caminha. Com outras modalidades nos primeiros anos, o remo só foi introduzido em 1933, mas “as grandes glórias e emoções do Caminhense aconteceram efetivamente no remo, que fez com que o clube se descobrisse e trabalhasse com persistência para a conquista de novos sócios e admiradores”.

Amanhã, sexta-feira, a inauguração da escultura está marcada para as 16h00. Segundo o seu autor, “é constituída, tecnicamente, por duas grandes peças: o remo, como elemento primordial, e dois painéis que se estendem verticalmente e que pretendem representar os rios Minho e Coura; ambos ‘abraçam’ o remo e elevam as marcas da pá na água como testemunho do esforço do remador. Nestes painéis emergem diferentes imagens recortadas, sendo que na face frontal é visível o logotipo do Sporting Club Caminhense e na face posterior o símbolo do clube, um leão, com vista a representar o papel do clube no desenvolvimento, apoio e acompanhamento dos remadores”.

Damião Porto é um escultor caminhense. Residente em Moledo, abriu o seu primeiro atelier em 1994 e tem já uma vasta obra, representada em diversas coleções públicas e privadas. 

A entrega das faixas de campeão nacional está marcada para as 18h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

PONTE DA BARCA TEM NATAL ANIMADO

Natal em Ponte da Barca recheado de atividade para todos os gostos e idades

Mercado de Natal de 17 a 22 com diversas atratividades como apresentação do Maior Bolo de Mel do País, o Concerto dos Contraponto, o Showcooking com Eva Gonçalves, o espetáculo Musical “Pai Natal Onde Estás?” de Miguel Fernandes, o Musical de Natal com a participação de Grupos Corais concelhios, entre outras iniciativas.

IMG_1155.jpg

O coração da Vila de Ponte da Barca vai ser palco, já a partir de sábado, dia 17, do Mercado de Natal, iniciativa que se prolonga até ao dia 22 de dezembro, altura em que vai decorrer também a tradicional Feira do Mel e os vários concursos de mel e doçaria de mel, nomeadamente, bolo e rabanadas. É também neste dia que terá lugar oShowcooking 'Doce de Natal fora da Caixa' com Eva Gonçalves, uma das finalistas do programa televisivo Master Chef. Porém, ao longo destes seis dias, a Praça da República vai transformar-se num espaço de Natal com muitas mais atividades e diversos momentos natalícios, cruzando o universo do Pai Natal com o imaginário de todos os visitantes, quer miúdos quer graúdos.

'Trata-se de um leque variado de atividades com as quais procuramos dinamizar o concelho e o comércio tradicional nesta época, envolvendo vários parceiros, pois entendemos que é fruto deste trabalho de equipa que conseguimos proporcionar mais magia a esta quadra natalícia', salienta o autarca de Ponte da Barca, Vassalo Abreu.

Apresentação do maior bolo de mel do País

Quatro pastelarias de Ponte da Barca vão confecionar, pelo segundo ano consecutivo, um bolo de mel, com mais de 50 metros e mais de 200 quilos de peso que será montado domingo, dia 18, junto à Praça da República, onde vai decorrer o Mercado de Natal (de 17 a 22 de dezembro). Para tal, vão ser utilizados na confeção do bolo mais de 100 quilos de farinha, 30 litros de mel, 50 quilos de açúcar, mais de 200 ovos, e 20 quilos de nozes.

A duração da confeção do bolo gigante, a cargo das pastelarias Cascata, Caracas, Doce Lima e Liz, que voltaram a aceitaram o desafio lançado pela autarquia, e esperam superar o do ano passado (que tinha 50 metros) está estimada em mais de seis horas, sem contabilizar o tempo necessário para que a montagem, no dia 18, a partir das 14h00.

O Musical de Natal com a participação dos Grupos Corais de Entre Ambos-os-Rios e Britelo; Vila Chã S. João; Oleiros e Santa Maria de Moía, Vila Nova de Muia; os Showcookings 'Pastelaria de Natal', pela Pastelaria Caracas, o 'Biscoitos de Mel', e o 'Doce de Natal fora da Caixa', com Eva Gonçalves, o espetáculo Musical “Pai Natal Onde Estás?” de Miguel Fernandes, o Concerto dos Contraponto, finalistas do programa televisivo Got Talent, o workshop 'O ciclo do mel explicado aos mais pequenos', são algumas das outras propostas que a Câmara Municipal, Associações concelhias, IPSS's, Pastelarias e vários outros parceiros vão promover, não esquecendo, naturalmente, a chegada do Pai Natal, prevista para as 14h30, de sábado (17 de dezembro).

PONTE DE LIMA PROMOVE ANIMAÇÃO DE NATAL

“Neste Natal Vem Brincar Connosco”. Alameda de S. João - 17 a 24 de dezembro

Este é o convite do Município de Ponte de Lima, para participar num conjunto de atividades natalícias que vão decorrer numa tenda climatizada montada para o efeito na Alameda de S. João de 17 a 24 de dezembro, com o objetivo de brindar as crianças nesta época tão especial e ocupar os seus tempos livres nestas pequenas férias.

neste_natal_vem_brincar_connosco_4x3_.jpg

Toda esta animação de Natal é proporcionada a todas as crianças que nos queiram visitar, com entrada gratuita, podem usufruir de vários momentos inesquecíveis, como a chegada do Pai Natal, dos passeios de charrete, das pinturas, das músicas, dos contos, das oficinas, etc.

A organização desta festa é uma parceria entre o Município de Ponte de Lima e a Associação Empresarial de Ponte de Lima, com a colaboração da companhia das Artes – Duplaface, que nos vai proporcionar estas atividades.

A animação vai iniciar-se todos os dias às 10h00 da manhã, encerrando para almoço às 12h30h, reabrindo das 14h00 às 18h00 todos os dias, exceto dia 24 de dezembro que encerra às 16h00.

A aventura começa no dia 17 de dezembro, seguindo-se uma semana recheada de animação, começando pelas músicas de Natal cantadas ao vivo, pinturas faciais, os desenhos e a carta ao Pai Natal, os contos, as Natalícias com os palhaços, construção de marionetas de papel, contos, oficinas de Natal, e como não podia deixar de ser, a tão esperada chegada do Pai Natal. Este será talvez o momento do dia mais emblemático para as crianças, pois reveste-se de grande fantasia nesta época natalícia, e por isso vai ser apreciado em dois momentos todos os dias (de manhã e à tarde).

As oficinas de Natal elaboradas pela Biblioteca Municipal carecem de inscrição para todas as crianças interessadas, isto para haver mais organização.

Para uma informação mais detalhada confira o programa:


17 DE DEZEMBRO – SÁBADO
10h30 – Músicas de Natal cantadas ao vivo...
10h30 – Pinturas Faciais
11h00 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14H00 – Pinturas Faciais
15h00 – Desenhos de Natal e Carta ao Pai Natal
15h30 – Contos na Hora
17H00 – Chegada do Pai Natal

18 DE DEZEMBRO – DOMINGO
10h30 – As Natalícias – Palhaços
11h00 – Pinturas Faciais
11h00 – Construção de Marionetas de Papel
11h30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h00 – Construção de Marionetas de Papel
15h00 – Eu é Que Conto – Fértil Cultural
16h00 – Construção de Marionetas de Papel
17h00 – Chegada do Pai Natal

19 DE DEZEMBRO – SEGUNDA-FEIRA
10H30 – Construção de Marionetas de Papel
11h00 – Pinturas Faciais
11h30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h30 – Oficinas de Natal da Biblioteca Municipal (por inscrição)
15h00 – Construção de Marionetas de Papel
15h30 – As Natalícias – Palhaços
16h00 – Construção de Marionetas de Papel
16h30 – Chegada do Pai Natal

20 DE DEZEMBRO – TERÇA-FEIRA
10h30 – Músicas de Natal cantadas ao vivo
10h30 – Pinturas Faciais
11h30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h30 – Oficinas de Natal da Biblioteca Municipal (por inscrição)
15H30 – Desenhos de Natal e Carta ao Pai Natal
16h30 – Chegada do Pai Natal

21 DE DEZEMBRO – QUARTA-FEIRA
10h00 – As Natalícias – Palhaços
11h00 – "Um conto de Natal - palavras atiradas e tecidas com música", pelo Teatro da Lua
11H30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h30 – Oficinas de Natal da Biblioteca Municipal (por inscrição)
15h00 – Contos na Hora
16h00 – Desenhos de Natal e Carta ao Pai Natal
16h30 – Chegada do Pai Natal

22 DE DEZEMBRO – QUINTA-FEIRA
10h30 – "Um conto de Natal - palavras atiradas e tecidas com música", pelo Teatro da Lua
11h00 – Pinturas Faciais
11H30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h30 – Oficinas de Natal da Biblioteca Municipal (por inscrição)
15h00 – As Natalícias – Palhaços
16h00 – Eu é Que Conto – Fértil Cultural
17h00 – Chegada do Pai Natal

23 DE DEZEMBRO – SEXTA-FEIRA
10h30 – Músicas de Natal cantadas ao vivo
10h30 – Pinturas Faciais
11h30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h30 – Oficinas de Natal da Biblioteca Municipal (por inscrição)
15h00 – Pinturas Faciais
16h00 – Desenhos de Natal e Carta ao Pai Natal
16h30 – Chegada do Pai Natal

24 DE DEZEMBRO – SÁBADO
10h00 – As Natalícias – Palhaços
10h30 – Contos na Hora
11h30 – Chegada do Pai Natal
14h00 – Passeios de Charrete com o Pai Natal
14h00 – Pinturas Faciais
15h00 – Contos na Hora
15h30 – Chegada do Pai Natal

AMARES REÚNE CONSELHO LOCAL DE AÇÃO SOCIAL

Foi aprovado, por maioria, em reunião do Conselho Local de Ação Social (CLAS) de Amares, o projeto do Centro Social do Vale do Homem (CSVH) para criação da resposta Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) acoplada ao Lar das Termas.

DSC00120.JPG

Na mesma ocasião, procedeu-se à avaliação da Execução do 1º Plano de Ação de Desenvolvimento Social (PDS) 2015-2021 e à avaliação da intervenção do Contrato Local de Desenvolvimento Social 3ªGeração (CLDS 3G) Valor Humano, no período compreendido entre junho e dezembro de 2016.

A apresentação de alterações às componentes técnica e financeira do Plano de Ação do CLDS 3G e respetiva aprovação pelo plenário, entre outros assuntos gerais, também estiveram em cima da mesa.

DSC00122.JPG

MUSEU DE ARTE POPULAR REABRE HOJE AO PÚBLICO

O Museu de Arte Popular reabre hoje ao público com a mostra “Da Fotografia ao Azulejo”. Dentro de pouco tempo haverá um centro interpretativo sobre a história, com mais de 70 anos, do museu.

Mercado Primavera 026

De acordo com a directora-geral do Património Cultural, Paula Silva, os primeiros passos desse centro interpretativo vão ser dados em breve, com a abertura de uma sala que conterá uma maqueta do museu e um filme sobre a história da sua actividade, iniciada em 1948.

Durante uma visita guiada aos jornalistas, Paula Silva e o director do Museu de Arte Popular (MAP), Paulo Costa, mostraram o conteúdo da exposição que reabre metade do espaço expositivo, na sequência de obras de conservação, que consiste numa viagem pelo Portugal da primeira metade do século XX, através de azulejos e das fotografias que os inspiraram.

A exposição constitui o culminar da pesquisa de Jose Luis Mingote Calderon, conservador da Colecção Europeia do Museu Nacional de Antropologia de Madrid, que, ao longo de diversos anos, desenvolveu pesquisa de terreno em Portugal e fez uma recolha de imagens usadas para a criação dos azulejos sobre monumentos, actividades tradicionais e paisagens simbólicas.

13292_10150163435315442_1035069_n

Organizada e inicialmente apresentada pelo Museu Nacional de Soares dos Reis, no Porto, a exposição esteve em Espanha, no Museo Etnográfico Provincial de León e, mais recentemente, no Museo Nacional de Antropología.

Paula Silva disse ainda que o objectivo é prosseguir no MAP as obras de conservação, e abrir gradualmente todo o espaço expositivo do museu, imprimindo nele uma programação própria que passará não só por exposições, mas por outras actividades.

À entrada da primeira sala surge um percurso de fotografias de antigas estações de caminho-de-ferro, começando por Vilar Formoso, cujos edifícios estão em parte revestidos de azulejos, e estão expostas seis ampliações de imagens estudadas pelo investigador, que deram origem a painéis de azulejos.

A exposição percorre três salas do museu com as fontes gráficas que deram origem aos azulejos: fotografias, ilustrações, imagens retiradas de jornais e postais que os criadores depois compunham com vários elementos.

No interior foram também colocadas algumas peças do acervo do Museu Nacional de Etnologia: um carro de bois do Douro e artefactos das vindimas, um traje de lavradeira de Viana do Castelo, e uma capa típica de Miranda do Douro.

226571_10150606299360442_6227824_n

O comissário e investigador Jose Luis Mingote Calderon, que também acompanhou a visita, disse que "existe uma tradição antiga de criar azulejos a partir de gravuras e [que], depois do surgimento da fotografia, foi muito ampliada".

"Com o surgimento da fotografia no início do século XX, deu-se um grande desenvolvimento das artes gráficas. A fotografia forneceu a verdade do país e lançou o movimento da modernidade", salientou, em declarações aos jornalistas.

Inaugurado em 1948, o Museu de Arte Popular nasceu da reformulação do antigo pavilhão da “Secção da Vida Popular” criado para a Exposição do Mundo Português de 1940, com projeto da autoria dos arquitetos António Reis Camelo e João Simões.

Foi concebido de acordo com o programa formulado, em 1946, por António Ferro, então diretor do Secretariado de Propaganda Nacional (SPN) sob a denominação de “Museu do Povo” e organizado de acordo com a divisão administrativa do território nacional da Constituição Portuguesa de 1933. (A exposição está encerrada ao público, mantendo-se a loja do museu aberta ao público).

Fonte: http://rr.sapo.pt/

acon728415001e45_base.jpg

MELGAÇO HOMENAGEIA ATLETAS MEDALHADOS NOS JOGOS PARALÍMPICOS RIO 2016

Durante a Gala de Natal do Centro de Estágios, no próximo dia 17, às 21h30, no Gimnodesportivo

Melgaço homenageia no próximo dia 17 os atletas da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência, medalhados nos Jogos Paralímpicos Rio 2016. O momento acontece durante a habitual Gala de Natal do Centro de Estágios de Melgaço, na qual estarão presentes para receber a justa homenagem e em representação de todos os medalhados, os atletas António Marques e Fernando Ferreira que se farão acompanhar pelos técnicos Emílio Conceição e Filinto Carvalho e pela selecionadora Nacional no ciclo paralímpico Rio 2016 Helena Bastos (na foto).

image002melgaç (1).jpg

No evento estarão também presentes Membros da Direção da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência - FPDD: o Presidente da Federação, Mário Lopes; Cristina Marques, Vice –  Presidente da Área Paralisia Cerebral; o Presidente da PCAND - Paralisia Cerebral Associação Nacional de Desporto, Joaquim Viegas.

A Gala terá início às 21h30, no Gimnodesportivo do Centro de Estágios, e será preenchida com diversos momentos: atuação das turmas do Centro de Estágios, a Urban Dance I e II, Baby Class, Dance Kids I e II; atuação da JUCAMINHA, ALL STARS (Monção), da MOVE SOULS – Grupo de dança do Centro de Estágios de Melgaço, da APPACDM Melgaço - Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental – para quem reverterá parte da receita da gala.

Com esta distinção Melgaço pretende assinalar a importância do desporto: ‘é importante incentivar a prática da atividade física por pessoas portadoras de deficiência. Para além de contribuir para o bem estar físico e melhorias nos problemas de saúde, promove a integração social, levando a pessoa a entender que é possível, apesar das limitações físicas, ter uma vida normal e saudável.’, salienta Manoel Batista, Presidente da Câmara Municipal de Melgaço.

OS ATLETAS PRESENTES

António Marques é atleta de boccia com carreira mais longa a nível internacional. Nascido em Aveleira (Penacova) há 53 anos, é utente da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra desde os 14 e foi na instituição que se iniciou no desporto. Participa em competições internacionais desde 1986.

No currículo tem oito medalhas em jogos paralímpicos, a última no campeonato no Brasil: ao bronze do Rio (conquistado com a equipa BC1/BC2) juntam-se duas medalhas de ouro, três de prata e uma outra de bronze no boccia, além de mais uma medalha de bronze no atletismo (lançamento de precisão). A maior parte destas conquistas foram feitas com Emílio Conceição enquanto treinador, ele que no Brasil participou nos seus sextos Jogos Paralímpicos.

No início da sua carreira desportiva praticou também Atletismo e desde logo se destacou pelos bons resultados nas duas modalidades. Em atletismo foi, durante muito tempo, recordista mundial da modalidade de lançamento em altura.

Fernando Ferreira, natural de Sátão, distrito de Viseu, conquistou nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, juntamente com a sua equipa de boccia (BC1/BC2) composta por António Marques, Cristina Gonçalves e Abílio Valente uma medalha de bronze.

Participou seis vezes nos Jogos Paralímpicos, conquistou oito medalhas, duas das quais de ouro em equipa. O atleta português participou também em cinco Campeonatos do Mundo, nos quais conquistou quatro medalhas, e ainda em cinco campeonatos da Europa, onde conquistou dez medalhas e foi três vezes campeão na classe Bc2 e três vezes campeão por equipa. Participou igualmente em cinco Taças do Mundo, conquistou oito medalhas e foi cinco vezes campeão da prova.

Foram ainda medalhados os atletas:

Abílio Manuel Bessa Valente_ Boccia Classe BC2, natural de Oliveira de Azeméis, com 35 anos, da Associação de Paralisia Cerebral do Porto, com o Treinador Ricardo Neves e como Técnico auxiliar Jorge Cardoso. No Rio obteve o 3º lugar equipas e o 8º individual.

Cristina Maria de Jesus Gonçalves_ Boccia Classe BC2, natural de Lisboa, com 39 anos, da Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa, com o Treinador Rosa Carvalho e como Técnico Auxiliar Inês Henriques. No Rio obteve o 3º lugar equipas e o 12º individual.

José Carlos da Silva Macedo_ Boccia Classe BC3, natural de Braga, 44 anos, do Sporting Clube de Braga, com o Treinador Luís Marta e como Técnico auxiliar Roberto Mateus. No Rio obteve o 3º lugar individual.

E ainda a destacar o praticante não competitivo (PNC), segundo as regras internacionais a Roberto Mateus, natural de Braga, com 32 anos, do Sporting Clube de Braga.

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE PONTE DE LIMA RECORDA VITORINO NEMÉSIO

No mês do 115.º aniversário de nascimento do poeta, ficcionista, ensaísta e cronista, Vitorino Nemésio, a Biblioteca Municipal de Ponte de Lima (BMPL) coloca à disposição de utilizadores e visitantes dois painéis biográficos com os principais momentos da vida e obra do autor de “Mau tempo no canal”.

Cartaz _Vitorio Nemésio.jpg

Trata-se de uma pequena mostra de tributo - patente na Sala de Adultos da BMPL de 19 de dezembro de 2016 a 19 de janeiro de 2017 - que apresenta também uma seleção de obras de Nemésio para consulta, leitura presencial e/ou empréstimo domiciliário.

Venha recordar um dos maiores vultos da Literatura e da Cultura portuguesas do século XX e visite-nos.

SOLIDARIEDADE MOBILIZA AMARENSES

Amarenses contribuíram com alimentos para a “Arca dos sonhos”

O espírito solidário dos amarenses voltou a manifestar-se em mais uma campanha de recolha alimentar promovida pelo banco de recursos da divisão de Ação Social da Câmara Municipal de Amares – a “Arca dos Sonhos”. A iniciativa decorreu no passado fim-de-semana em duas superfícies comerciais do concelho (Intermarché e Mini Preço).

IMG_20161211_150307.jpg

Massa, arroz, leite, bolachas e diversos enlatados foram apenas alguns dos alimentos reunidos que agora vão permitir abastecer a Arca dos Sonhos para dar resposta às emergências de carência alimentar das famílias do concelho, sinalizadas pelos técnicos da Rede Social do concelho.

A Câmara Municipal de Amares agradece a todos os voluntários envolvidos nesta nobre causa e a todos os amarenses que contribuíram com o seu donativo

TERRAS DE BOURO INAUGURA PARQUE DE LAZER EM MOIMENTA

No dia 14 de dezembro foi inaugurado oficialmente o Parque de Lazer na freguesia de Moimenta, Terras de Bouro.

Na presença das entidades responsáveis do Município de Terras de Bouro, Presidente da Câmara Municipal, Dr. Joaquim Cracel e Vereadora da Ação Social e Educação, Dr.ª Liliana Machado, da Junta de Freguesia de Moimenta, Presidente, Manuel Tibo e do Diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Gerês/Cabreira, Dr. Nuno Oliveira, além do Presidente da ATAHCA, Prof. Mota Alves, convidados, restantes autarcas locais e elementos da assembleia municipal, decorreu assim a “abertura oficial” deste importante e salutar espaço de funcionalidade e embelezamento da freguesia de Moimenta e que foi construído no âmbito do projeto “Liga-te à Saúde” (candidatura da Unidade de Cuidados da Comunidade de Terras de Bouro do ACES Cávado II -Gerês/Cabreira) premiado pela Missão Sorriso.

bourparq (1).JPG

De referir ainda, no decorrer da cerimónia e para além dos agradecimentos e reconhecimentos oficiais pela concretização desta estrutura, o anúncio efetuado pelo Diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Gerês/Cabreira, Dr. Nuno Oliveira, sobre a colocação, nos próximos dias, em Terras de Bouro de mais um médico de família e respetivo enfermeiro e ainda a adesão do concelho ao fundamental projeto-piloto de Saúde Oral.

bourparq (2).JPG

bourparq (3).JPG

bourparq (4).JPG

bourparq (5).JPG

bourparq (6).JPG

CONCERTOS DE NATAL ARRANCAM SEXTA-FEIRA NO CONCELHO DE CAMINHA COM O ORFEÃO DE VILA PRAIA DE ÂNCORA

Igreja Paroquial de Moledo vai acolher primeiro concerto de Natal sexta-feira, dia 16, pelas 21H30

Os Concertos de Natal vão aquecer os fins de tarde e as noites frias dos próximos dias. Os concertos de Natal no concelho de Caminha arrancam sexta-feira, dia 16 de dezembro, na Igreja Paroquial de Moledo, com a atuação do Orfeão de Vila Praia de Âncora. Os concertos de Natal fazem parte da programação de Natal que está a decorrer no concelho e que até ao início de 2017 são 40 dias, 40 atividades e 16 instituições envolvidas.

Juntando a sua voz a todos aqueles que, ao redor do mundo, cantam ao nascimento do Deus Menino, o Orfeão de Vila Praia de Âncora, o Coro e Orquestra da Academia de Música Fernandes Fão e a Tuna da Universidade Sénior do Rotary Clube de Caminha vão-nos presentear com canções tradicionais de vários países mostrando, assim, a beleza de cânticos que a época de Natal inspira os povos.

Os Concertos de Natal começam sexta-feira, na Igreja Paroquial de Moledo, pelas 21H30. Este concerto será protagonizado pelo Orfeão de Vila Praia de Âncora.

No dia 18, há mais um concerto de Natal. O Orfeão de Vila Praia de Âncora estará na Igreja da Misericórdia de Caminha, a partir das 18h30, para mais um espetáculo.

No dia 21, pelas 21H30, a Igreja de Santa Clara, em Caminha, seve de palco ao concerto da Tuna da Universidade Sénior do Rotary Clube de Caminha.

No dia 22, pelas 21H30, na Igreja Matriz de Caminha vai decorrer o Concerto de Natal da AMFF.

Os concertos de Natal encerram no dia 23 de dezembro, na Igreja Matriz de Vila Praia de Âncora com a atuação do Orfeão de Vila Praia de Âncora. o concerto vai decorrer pelas 21H30.

São muitas as atividades que estão a decorrer no concelho de Caminha direcionadas a todos os públicos: crianças, jovens e adultos, com o objetivo de fazer de Caminha uma das rotas turísticas de fim de ano e dinamizar a economia local. Este fim-de-semana, a oferta é variada: Feira de Tradições de Natal; Conto de Natal, Oficina de construção de marioneta e fotografia com o Pai Natal nas praças das duas vilas; 3ª Caminhada do Pai Natal; Passeio de Pai Natal em bicicleta, corrida e caminhada; Concerto de Natal do Orfeão de Vila Praia de Âncora na Igreja Misericórdia de Caminha.

 

01 A 31 DEZEMBRO

ROTA DA RABANADA

Local: Restaurantes, pastelarias e cafés aderentes do Concelho de Caminha

 

01 A 19 DEZEMBRO

O NATAL NA MINHA VIDA

A partilha do espirito de Natal através 

da rede social Facebook

Envio dos suportes  (fotografia original acompanhada de texto 

e música) para cultura@cm-caminha.pt

A partir de 20 de dezembro - Publicação do Álbum

Mais informações em www.cm-caminha.pt

 

14 E 19 DEZEMBRO | 18H00

WORKSHOP DE DOÇARIA TRADICIONALDE NATAL 

- RABANADAS E SONHOS

QUA 14 

Local: Sede da Junta de Freguesia de Lanhelas

 

SEG 19 

Local: Centro Paroquial e Social de Riba de Âncora

 

QUI 15 DEZEMBRO

PLANTE UM PINHEIRO DE NATAL

Público-alvo: Comunidade Escolar do Concelho de Caminha

Local:  Riba de Âncora

 

SEX 16 DEZEMBRO | 21H30 

CONCERTO DE NATAL 

ORFEÃO DE VILA PRAIA DE ÂNCORA

Local: Igreja Paroquial de Moledo 

 

17 E 18 DEZEMBRO | 09H00 – 17H00

FEIRA DE TRADIÇÕES DE NATAL

ARTESANATO E PRODUTOS 

TRADICIONAIS LOCAIS

Local: Praça da República, Vila Praia de Âncora

 

17 E 18 DEZEMBRO

CONTO DE NATAL, OFICINA

DE CONSTRUÇÃO DE MARIONETA 

E FOTOGRAFIA COM O PAI NATAL

 

SÁB 17 

10H00 – 12H00 - Praça Conselheiro Silva Torres,Terreiro, Caminha

15H00 – 17H00 - Praça da República, Vila Praia de Âncora

 

DOM 18 

10H00 – 12H00 - Praça da República, Vila Praia de Âncora

15H00 – 17H00 - Praça Conselheiro Silva Torres , Terreiro, Caminha

 

DOM 18 DEZEMBRO | 10H00 PASSEIO DE PAI NATAL EM BICICLETA, 

CORRIDA E CAMINHADA

Concentração e partida: Praça da República em Vila Praia de Âncora e chegada ao Parque do Ferry Boat em Caminha.

 

DOM 18 DEZEMBRO | 14H30

3ª CAMINHADA DO PAI NATAL

MOLEDO > CAMINHA > MOLEDO

Local: Concentração no Centro Social Paroquial de Moledo

 

DOM 18 DEZEMBRO | 18H30

CONCERTO DE NATAL 

ORFEÃO DE VILA PRAIA DE ÂNCORA

Local: Igreja da Misericórdia de Caminha

 

19 A 23 E 26 A 30 DEZEMBRO | 10H00 - 12H00

OFICINA DE TEATRO 

DE NATAL PARA CRIANÇAS

Local: Edifício dos Paços do Concelho, Caminha

Público-alvo: Crianças e jovens dos 6 aos 14 anos de idade

Mais informações: krisalida.acam@gmail.com 

T 960 115 415

 

QUA 21 DEZEMBRO | 21H30

CONCERTO DE NATAL DA TUNA DA UNIVERSIDADE SÉNIOR DO ROTARY 

CLUB DE CAMINHA 

Local: Igreja de Santa Clara, Caminha

 

QUI 22 DEZEMBRO | 21H30

CONCERTO DE NATAL DA AMFF

Local: Igreja Matriz de Caminha

 

SEX 23 DEZEMBRO | 21H30

CONCERTO DE NATAL 

ORFEÃO DE VILA PRAIA DE ÂNCORA

Local: Igreja Matriz de Vila Praia de Âncora

 

SÁB 24 DEZEMBRO | 10H00 - 12H00

FOTOGRAFIA COM O PAI NATAL

Local: Praça Conselheiro Silva Torres - Terreiro e Caminha e Praça da República, Vila Praia de Âncora

 

SEX 30 DEZEMBRO | 20H00 - 23H00 

PRESÉPIO VIVO E AUTO DE NATAL

Pelo Grupo de Teatro da Freguesia de Lanhelas 

Local: Lanhelas

 

SÁB 31 DEZEMBRO | 23H30

CAMINHA, 

ONDE O NORTE PASSA O ANO

CONCERTO DE MARTA REN 

& THE GROOVELVETS

ATUAÇÃO DO GRUPO DE COVERS XORNAS

Local: Praça Conselheiro Silva Torres - Terreiro, Caminha

 

DOM 01 JANEIRO | 17H00

CONCERTO DE ANO NOVO

SOCIEDADE MUSICAL BANDA LANHELENSE E CORAL POLIFÓNICO 

DE VILA NOVA DE CERVEIRA

Local: Valadares, Teatro Municipal - Caminha

 

08, 15, 22 E 29 DEZEMBRO | 21H30

FITAS DE NATAL

Local: Valadares, Teatro Municipal - Caminha

 

11 E 18 DEZEMBRO | 15H00

FITAS DE NATAL INFANTIS

Local: Valadares, Teatro Municipal - Caminha

CERVEIRA E VALENÇA REQUALIFICAM AERÓDROMO DE CERDAL

Já arrancaram as obras de beneficiação do Aeródromo de Cerdal

As Câmaras Municipais de Vila Nova de Cerveira e de Valença acabam de assinar o auto da consignação da obra de requalificação do Aeródromo de Cerdal. Com um prazo de execução de 60 dias, a beneficiação daquela infraestrutura representa uma mais-valia económica e turística, não só para ambos os concelhos como para toda a região alto-minhota.

IMG_0158.JPG

A intervenção no Aeródromo de Cervalsurge na sequência do protocolo de cooperação assinadono passado dia 9 de julho, em que os dois municípios vizinhos acordaram a necessidade de dotar aquela infraestrutura de melhores condições de segurança e de acesso, dado o seu papel estratégicoao nível económico, pela proximidade às zonas industriais, e turístico pela forte ligação à vizinha Galiza.

As obras já iniciadasvisam a terraplanagem, a pavimentação, marcação e aumento da pista, para os 750 metros. O prazo de execução previsto é de 60 dias, sendo que cada município comporta 50% dos custos.

O objetivo é contribuir para uma maior funcionalidade e comodidade do Aeródromo, bem como reforçar a sua capacidade no contexto da Península Ibérica. As intervenções em curso vão ainda abrir novas janelas de oportunidade à criação de condições para a realização de voos turísticos, reforçar o apoio à proteção das florestas da região, bem como acolher aviões ligeiros.

O Aeroclube de Cerval é a estrutura associativa a quem compete a gestão da utilização do espaço, tendo sido formada por pilotos, portugueses e espanhóis, a 16 de setembro de 1992. Inicialmente contava com seis aviões, hoje, são já mais de 60 as aeronaves aqui estacionadas nos vários hangares, com uma área de cinco mil metros quadrados.

PROVA SOLIDÁRIA S. SILVESTRE UNE MONÇÃO E SALVATERRA DO MIÑO

4ª edição decorre no dia 30 de dezembro, sexta-feira, pelas 18h00. Partida daPraça Deu-la-Deu, em Monção, e chegada à Praza do Concello, em Salvaterra do Miño. Para participar, basta entregar um alimento não perecível. Inscrições onlinewww.goo.gl/6VWEnjou, no secretariado, 30 minutos antes do início da prova. Este ano, pela primeira vez, realiza-se uma Mini S. Silvestre para crianças até aos 12 anos que consiste em três voltas à Praça Deu-la-Deu.O lema é fazer exercício físico, ajudando o próximo.

cartazmonc.png

A Eurocidade Monção – Salvaterra do Miño promove no próximo dia 30 de dezembro, sexta-feira, a 4ª edição da Prova Solidária S. Silvestre com um percurso aproximado de cinco quilómetros pelas ruas e praças das duas localidades fronteiriças ligadas por uma ponte internacional sobre o rio Minho hámais de duas décadas.

A partida tem lugar naPraça Deu-la-Deu, em Monção, e a chegada na Praza do Concello, em Salvaterra do Miño. Quem quiser participar nesta prova solidária apenas terá de entregar um alimento não perecível que, numa fase posterior, será distribuído pelas famílias com dificuldades económicas de ambos os municípios.

Este ano, realiza-se uma Mini S. Silvestre para crianças até aos 12 anos que consiste em três voltas à Praça Deu-la-Deu. Esta prova acontece pela primeira vez com o objetivo de incutir nos mais jovens o gosto por esta iniciativa desportiva e solidária. O lema é fazer exercício físico, ajudando o próximo.

Com início às 18h00 (hora portuguesa) e 19h00 (hora espanhola), esta iniciativa transfronteiriça pretende sinalizar um momento de carinho e solidariedade para quem mais necessita, assumindo-se, em paralelo, como mais um reforço nobom relacionamentoexistente entre as duas localidades.

A organização“convoca” a população das duas margens a participarem nesta prova solidária, convidando as pessoas de todas as idades a praticarem desportoenquanto fazem o bem em benefício das famílias mais desfavorecidas de ambos os lados da fronteira.

Inscrições onlinewww.goo.gl/6VWEnj ou, no secretariado, 30 minutos antes do início da prova.Durante o percurso, os participantes terão apoio dos bombeiros locais, encontrando-se o trânsito condicionado à ação de segurança da Guarda Nacional Republicana e Guarda Civil.

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA FEIRA DOS DOCES E DO CHOCOLATE

Arcos de Valdevez voltou a viver dias doces com a “Feira dos Doces e do Chocolate”

Iniciativa voltou a atrair centenas pessoas que aproveitaram para se divertirem e degustar os excelentes produtos expostos

15370128_1270058799720082_3076835778562103279_o.jpg

Entre os dias 8 e 11 de dezembro, Arcos de Valdevez voltou a adoçar a boca dos arcuenses e das centenas de visitantes que por cá passaram com a realização da Feira dos Doces e do Chocolate, no Campo do Trasladário.

Esta iniciativa, segundo o presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, reveste-se de total importância porque há, através dela, uma forte aposta na promoção do comércio e dos produtos da terra, conseguindo-se ao mesmo tempo “Atrair mais visitantes ao concelho e dinamizar a economia local”.

A feira contou com expositores oriundos do concelho e vindos de várias partes do país, denotando-se assim o interesse dos participantes neste tipo de ações promocionais.

Para quem visita ou é oriundo de Arcos de Valdevez, esta foi uma excelente oportunidade para fazer um roteiro pelos sabores tradicionais arcuenses e de comprovar a qualidade da doçaria tradicional, como o Bolo de Discos, Bolo de Mel e os Charutos de Ovos, com Laranja de Ermelo, e ainda de inovações realizadas por parte de doceiros locais como é o caso do bolo de feijão terrestre.

Da programação da Feira dos doces e do chocolate fez parte variada animação, tanto para os mais pequenos como para os adultos.

A Feira inseriu-se na programação da Campanha - Magia de Natal 2016, organizada pela Câmara Municipal e a ACIAB - Associação Comercial e Industrial de Arcos de Valdevez e de Ponte da Barca, com o objetivo de promover o que se faz em Arcos de Valdevez, pensar na dinamização do comércio local e Turismo, bem como na população, tanto a mais jovem como a mais adulta.

Próximas Iniciativas:

“ MAGIA DE NATAL ”

Iluminação de Natal, Decoração e Sonorização de Ruas, Exposição de Árvores de Natal 

MERCADO DE NATAL DE SOAJO
16,17 e 18 de Dezembro

FEIRA ARTESANAL DE NATAL 
17 e 18 de Dezembro de 2016
Animação de Rua

19 a 23 Dezembro

Campo de Férias de Natal – Porta do Mezio

19 a 30 de Dezembro

Aventuras de Natal no Paço de Giela 

21, 22, 27 e 28 Dezembro

Espetáculo de Natal pelo Coral Infantil “Vozes do Vez”
22 de Dezembro - Auditório da Casa das Artes

Cinema Infantil: "CANTAR! / SING"

23 de Dezembro
Em Português. Entrada gratuita para crianças até aos 12 anos

Programa: “Somos Portugal” - TVI

31 de Dezembro
Passagem de Ano

31 de Dezembro

Campo do Trasladário

Grande Concerto de Ano Novo pela Banda da Sociedade Musical de Arcos de Valdevez

7 de Janeiro de 2017
21h30- Auditório da Casa das Artes

feira_doces_chocolate_2016 (1).jpg

feira_doces_chocolate_2016 (2).jpg

feira_doces_chocolate_2016 (3).jpg