Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

AMARES FOI AOS FADOS

Noite memorável de Fado em Bouro Santa Maria

O Largo do Terreiro, em Bouro Santa Maria, Amares, serviu de palco, no passado sábado, à segunda edição do “Amares em Fado”, uma iniciativa dedicada à música classificada como Património Imaterial da Humanidade em que as vozes de Margarida Rocha, Margarida Moreira, Adriana Moreira (vencedora do Bragafado 2014) e Toni Reis, acompanhados pelo duo de guitarristas do concelho de Amares: Artur Carlos Caldeira, na guitarra portuguesa, e Daniel Paredes, na guitarra clássica, aqueceram a alma do público.

O espetáculo musical – uma iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Amares, Acofa e Junta de Freguesia de Bouro Santa Maria – contou com a presença da vereadora do Município de Amares, Cidália Abreu.

DSC06495.JPG

DSC06502.JPG

DSC06516.JPG

DSC06524.JPG

MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA APOIA JUNTAS DE FREGUESIA

Câmara Municipal de Ponte de Lima reforça apoios às Juntas de Freguesia

A Câmara Municipal aprovou um conjunto de apoios financeiros no valor total de 53.800,20€, a atribuir às Juntas de Freguesias de Bárrio e Cepões, Navió e Vitorino dos Piães, Rebordões Santa Maria, S. Pedro d’Arcos e Boalhosa, no sentido de comparticipar financeiramente obras de beneficiação da rede viária e outros equipamentos.

Neste contexto, à Junta de Freguesia de Bárrio e Cepões foi aprovada uma verba no valor de 2.713,60 euros (dois mil setecentos e treze euros e sessenta cêntimos), destinada a obra de "Alargamento da Rua da Rainha".

Para a Junta Freguesia de Navió e Vitorino dos Piães, a autarquia concedeu uma comparticipação financeira de 50% ate ao montante máximo de 13.769,40 euros (treze mil setecentos e sessenta e nove euros e quarenta cêntimos), destinada a obra de “Requalificação do Parque de S. Simão”, a transferir a medida da execução da obra.

A Junta de Freguesia de Rebordões Santa Maria solicitou apoio financeiro para a obra de “Beneficiação da Rua do Guardal”. A Câmara Municipal deliberou atribuir uma comparticipação financeira de 70% ate ao montante máximo de 12.317,20 euros (doze mil trezentos e dezassete euros e vinte cêntimos) a transferir após a conclusão da obra.

Ainda para a Junta de Freguesia de Rebordões Santa Maria o executivo Municipal deliberou apoiar a "Construção da Capela Mortuária", concedendo uma comparticipação financeira no montante de 25.000,00 euros (vinte e cinco mil euros).

Por sua vez à Junta de Freguesia da Boalhosa a Câmara Municipal aprovou atribuir a quantia de 30.401,76€, destinada à construção da Casa Mortuária, e ainda para a ajuda na edificação de um muro de suporte de logradouro.

AMARENSES DESCEM O RIO CÁVADO DE CANOA

III Descida do Cávado pelo Ambiente juntou amantes de canoagem

A pura adrenalina voltou a tomar conta das águas do rio, com cerca de seis dezenas de apaixonados de canoagem a aventurarem-se na III Descida do Cávado pelo Ambiente. O ponto de partida para esta iniciativa deu-se na Praia Fluvial de Dornelas, em Amares, e o percurso estendeu-se até à zona de lazer de Barreiros.

DSCF1245.JPG

Numa tarde marcada pelo convívio, os participantes, vindos dos mais variados locais da região, desfrutaram de uma viagem repleta de beleza patrimonial e natural, numa experiência desportiva singular e muito apreciada por terras de Amares.

A III Descida do Cávado pelo Ambiente foi organizada pela Associação de Desenvolvimento Desportivo Vale do Homem em parceria com a Câmara Municipal de Amares.

DSCF1276.JPG

PONTE DA BARCA REALIZA CONCURSO DE MONTRAS DE ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS

Comercio Tradicional de Ponte da Barca engalanou-se para a Romaria de S. Bartolomeu. A montra vencedora foi a da loja W52

Foram 21 os comerciantes locais que aceitaram o desafio lançado pela Câmara Municipal e engalanaram as respetivas montras para receber a Romaria mais genuína do Alto Minho – a Romaria de S. Bartolomeu de Ponte da Barca. O concurso levado a cabo pretendeu, essencialmente, fomentar o envolvimento do comércio local, dinamizando e tornando mais atrativa a visita à sede do concelho e aos seus espaços comerciais, cuja envolvência de todos é importante para que o espírito da festa se sinta em todos os sentidos e de forma transversal.

P1370929.JPG

'O envolvimento de todos na preparação da Romaria de S. Bartolomeu é um dos fatores que a torna tão única, por isso lançamos o desafiou aos comerciantes e a prova do sucesso foi o elevado número de inscritos', salientou a Vereadora da Cultura, na ocasião de entrega dos prémios.

Pela beleza das montras a concurso e do empenho que cada uma demonstrava, todas mereciam sair vencedoras mas aquela que reuniu consenso entre todos os jurados foi a montra da loja W52, cujo prémio (200€), foi doado à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponte da Barca. Em segundo lugar ficou a Loja Sofia, e em terceiro o estabelecimento comercial Sonhos do Lar.

P1370930.JPG

P1370975.JPG

P1370979.JPG

PONTE DA BARCA JUNTA CANTADORES AO DESAFIO

Romaria de S. Bartolomeu de Ponte da Barca: Hoje há Cantares ao Desafio e Concerto de David Carreira

Momento alto dos festejos acontece na noite de 23 – a Noite das Rusgas, com a participação de mais de uma centena de grupos vindos de todos os pontos do país

IMG_6891.jpg

Já vai a meio a Romaria de S. Bartolomeu de Ponte da Barca onde já decorreram, desde o passado dia 19, diversas atuações dos grupos de folclore do concelho, concurso do melão casca de carvalho, jogo da malha, espetáculos de música popular, entre outros eventos que caraterizam, há muitos anos, esta romaria minhota e que fazem dela a mais típica de todas.

Mas muito ainda há para desfrutar, até porque a Romaria mais genuína do país só termina no próximo dia 24. Hoje a noite promete encher a Praça da República para escutar os dez “cantadores” e “cantadeiras” que vão preencher o palco com os cantares ao desafio (22h). A partir das 23h30, os focos viram-se para a Praça Terras da Nóbrega onde vai decorrer o concerto de David Carreira (inicialmente previsto para o dia 21), espetáculo totalmente gratuito .

Ponte da Barca Capital das Rusgas Populares

Amanhã o destaque vai para a Feira do Linho e para o desfile do mesmo pelas ruas da vila, que culminará com a entrega de prémios no Centro de Exposição e Venda de Produtos Regionais. O dia 23 reserva um dos pontos altos da Romarias com a saída do Cortejo Etnográfico e com as freguesias a exibir, com orgulho, aquilo que de melhor têm para mostrar. Espetáculos musicais na Praça da República e na Praça Terras da Nóbrega a par do desfile de centenas de rusgas, não fosse Ponte da Barca a Capital das Rusgas Populares, em honra da qual se procedeu na tarde de sábado, com a presença do Primeiro Ministro, António Costa, à inauguração de um monumento em homenagem a este estatuto, tornam esta noite na mais longa da festa. A sessão de fogo de artifício junto ao Rio Lima é o coroar de uma noite certamente memorável.

O último dia da Romaria e aquele que encerra um cariz mais religioso é, tal como salienta a Vereadora da Cultura, Sílvia Torres 'a conjugação de forma harmoniosa do sagrado e do profano e é isso que faz com que etsa seja uma romaria inter-geracional'. O dia começa com salva de morteiros, grupos de Zés Pereiras e, da parte de tarde, as bandas de música. Pelas 17h tem lugar a missa solene em honra de S. Bartolomeu, seguida da majestosa e imponente procissão em honra do Santo Apóstolo.
Nada falta para que o S. Bartolomeu 2016 volte a afirmar-se como uma das grandes Romarias do Minho e do país.

_DDF9248.jpg

_DDF9257.jpg

_DDF9277.jpg

_DDF9279.jpg

_DDF9315.jpg

_DDF9327.jpg

_DDF9389.jpg

_DDF9396.jpg

_DDF9439.jpg

_DDF9441.jpg

IMG_2858.jpg

IMG_2865.jpg

IMG_2900.jpg

IMG_2923.jpg

IMG_3113.jpg

IMG_3130.jpg

IMG_3135.jpg

IMG_3149.jpg

IMG_3194.jpg

IMG_3212.jpg

IMG_3222.jpg

IMG_3234.jpg

IMG_3334.jpg

IMG_4658.jpg

IMG_4714.jpg

 

IMG_4735.jpg

IMG_4738.jpg

IMG_4813.jpg

IMG_4814.jpg

IMG_4929.jpg

IMG_4969.jpg

IMG_5036.jpg

IMG_5052.jpg

IMG_5101.jpg

 

IMG_6673.jpg

IMG_6793.jpg

IMG_6800.jpg

IMG_6827.jpg

IMG_6836.jpg

IMG_6852.jpg

IMG_6876.jpg

IMG_6887.jpg

LESÃO AFASTA ATLETA FAMALICENSE LUÍS SILVA DOS JOGOS PARALÍMPICOS

Era uma das grandes esperanças dos famalicenses para os Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, mas uma fratura numa perna pôs fim ao sonho de Luís Silva de conquistar este ano mais uma medalha na competição.

Paulo Cunha deixou uma palavra de apoio ao atleta famalicense.jpg

O jogador de Boccia, que nos últimos Jogos, em Londres, foi medalha de prata na prova de pares em BC3, recebeu esta sexta-feira, 19 de agosto, a visita do autarca famalicense, Paulo Cunha, que aproveitou para deixar uma mensagem de apoio e ânimo.

“O Luís já deu provas da sua força e tenho a certeza de que muito em breve voltaremos a vê-lo ao nível a que já nos habituou”, disse.

Para Paulo Cunha a lesão de Luís Silva é uma grande perda para a missão portuguesa no Rio de Janeiro, mas neste momento, realça, “o mais importante é que tenha uma rápida e tranquila recuperação”.  

O atleta famalicense, que na última época conquistou pela segunda vez o Campeonato Nacional e o Campeonato de Portugal da modalidade, agradeceu as palavras de conforto do autarca, sem deixar de agradecer também a todos aqueles que sempre acreditaram em si.