Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

“É UM ORGULHO PARA BRAGA TER MANAUS COMO CIDADE IRMÔ

- Afirmou Ricardo Rio na cerimónia de formalização da geminação entre Braga e manaus

Ricardo Rio assina geminação com Prefeito de Manaus

Ricardo Rio foi recebido na passada quarta-feira no Palácio do Rio Negro, na cidade de Manaus, Brasil, pelo Prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, onde foi formalizado o protocolo de geminação entre a cidade de Braga e de Manaus.

Ricardo RIo com Arthur Virgilio neto, Prefeito de Manaus.jpg

Durante esta reunião, a que assistiram diversas personalidades de Manaus, como políticos, empresários e membros da comunidade luso-brasileira da cidade, os dois autarcas reforçaram a importância desta parceria, nomeadamente nas áreas industrial, tecnológica e turística. Para Arthur Neto, as duas cidades têm muito em comum e vão, a partir de agora, caminhar juntas, pois “é uma parceria de duas cidades que têm semelhanças. Eles (portugueses) foram os primeiros a perceber isso com clareza. A reconstrução que a prefeitura tem procurado fazer do Centro Histórico, no fundo, leva a preparação de Manaus para o turismo. Manaus é uma cidade eminentemente portuguesa. Sinto muita alegria e hora em recebê-los aqui”, rematou o Prefeito, destacando também a importância que a comunidade portuguesa tem em Manaus.

Ricardo Rio referiu que “é um orgulho para Braga ter Manaus como cidade irmã, nomeadamente pela sua dimensão histórica”, mas também pelo seu desenvolvimento económico (recorde-se que Manaus é a sétima maior cidade brasileira, com mais de 2 milhões de habitantes), pois “ambas as cidades têm muito a ganhar com a partilha de tecnologia ou na capacidade de captação de investimento para ambas as cidades”. Ricardo Rio destacou, ainda, o potencial turístico desta parceria, pois “essa é uma relação de colaboração que, acredito, que vai dar muitos e bons frutos no futuro. Braga é uma cidade de referência em Portugal e na Europa. Estou certo que podemos desenvolver projectos nas áreas cultural, económica e turística, que possam aproximar as duas cidades e trazer benefícios para as duas populações”, afirmou o Presidente da Câmara Municipal de Braga. Por fim, deixou também uma palavra de reconhecimento para a comunidade portuguesa de Manaus, que foi a grande impulsionadora desta geminação.

Neste primeiro dia da sua visita a Manaus, Ricardo Rio foi recebido na Assembleia Legislativa estadual do Amazonas pelos deputados David Almeida, Adjuto Afonso e Platiny Soares, tendo discutido potenciais formas de colaboração entre as duas cidades. O Presidente da Câmara Municipal assinou ainda o livro de honra do Estado do Amazonas.

Antes da sessão com o Prefeito de Manaus, Ricardo Rio foi também recebido pelo Presidente da Câmara Municipal, Wilker Barreto, onde ficou a conhecer melhor a actividade legislativa da capital do Amazonas e trocou impressões sobre as melhores formas de fazer progredir esta parceria. Recorde-se que Wilker Barreto foi um dos políticos brasileiros que visitou Braga em Maio passado, sendo já considerado como um grande amigo da cidade de Braga no Amazonas.

Ricardo Rio marcou também presença num encontro que decorreu numa colectividade portuguesa de grande relevância em Manaus, onde estiveram presentes diversas personalidades da sociedade amazonense, como destacados empresários brasileiros e membros das diferentes instituições de relevo na cidade, bem com as mais relevantes organizações luso-brasileiras, como a Sociedade Portuguesa Beneficente de Manaus, detentora de um dos hospitais mais respeitados da cidade, o Conselho da Comunidade Portuguesa e Luso-Brasileira do Amazonas, a Câmara de Comércio Portuguesa em Manaus e ainda o Cônsul Honorário de Portugal em Manaus, o Comendador José de Azevedo. Durante o encontro, o Vereador Miguel Bandeira, que está a acompanhar Ricardo Rio nesta visita ao Brasil, proferiu ainda uma conferência sobre a importância histórica de Braga.

Reunião com a Assembleia Legislativa Estadual do Amazonas.jpg

Ricardo Gomes com Wilker Barreto.jpg

Ricardo RIo com Wilker Barreto Presidente da Câmara de Manaus.jpg

EMPRESÁRIOS LICITAM DIREITO DE CONCESSÃO PARA A NOITE BRANCA DE BRAGA

Hastas Pública decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho

Realizou-se hoje, dia 12 de Agosto, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a hasta pública destinada à adjudicação do direito de exploração, para o evento ´Noite Branca Braga 2016´, de 14 stands de vendas de bebidas, a colocar em vários pontos da cidade. 

brrrra.jpg

Os valores globais de licitação ascenderam aos onze mil duzentos e noventa euros.

Esta hasta pública de licitação realiza-se pelo terceiro ano consecutivo, tornando equitativo e transparente todo o procedimento de atribuição do direito à exploração deste tipo de estabelecimentos temporários para venda nos principais recintos deste evento, como sejam a Praça Municipal, a Avenida Central e os principais pontos das artérias pedonais da Cidade.

A Noite Branca Braga 2016, que ocorre entre 02 e 04 de Setembro, afirma-se como um dos maiores eventos culturais da região. O evento tem por objectivo celebrar e promover a Cidade, a sua História, as infra-estruturas, a Juventude e a Cultura.

O evento realiza-se desde as 18h00 do dia 02 de Setembro, Sexta-feira, até às 23h00 de Domingo, dia 04 de Setembro. Assim, e ao longo destes três dias, Braga veste-se de branco e será, mais uma vez, palco de grandes iniciativas culturais e de lazer.

brrrra (2).jpg

ARTESANATO E GASTRONOMIA ATRAI MILHARES DE VISITANTES A CELORICO DE BASTO

Abertas as portas, são esperadas milhares de pessoas na XIX Feira de Artesanato e Gastronomia em Celorico de Basto. “De 11 a 15 de agosto são esperadas milhares de pessoas no recinto da feira”

“Uma feira que serve como antidepressivo”

Arrancou ontem, 11 de agosto, a XIX edição da Feira de Artesanato e Gastronomia. Um certame com mais de 160 expositores, “uma das maiores montras de artesanato e Gastronomia do norte de Portugal”, que espera, ao longo destes 5 dias, a presença de milhares de pessoas.

_DSC5448.jpg

“Esta é uma feira renovada, sempre com mais qualidade, uma montra do melhor que existe em Portugal com artesanato e gastronomia da melhor qualidade, onde as pessoas vão poder degustar pratos e vinhos de excelência, com um programa de animação atrativo voltado para a cultura popular” sublinhou o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, durante a abertura do certame. “Trata-se de um evento com cada vez mais gente, um ponto de encontro, um local propício ao convívio, onde as pessoas se encontram e se divertem” destacou. O autarca disse ainda que este certame é uma “espécie de antidepressivo, onde a confraternização é a palavra de ordem”. No que respeita ao nº de stands, Joaquim Mota e Silva, não pode deixar de sublinhar que o nº de expositores é o ideal para que a qualidade dos produtos dos mesmos não seja posta em causa. “Não podemos ter mais expositores porque iriamos colocar em causa a qualidade dos produtos expostos, temos que ser seletivos e exigentes para que esta feira cresça cada vez mais na atratividade por tudo o que oferece a quem a visita”. O edil celoricense realçou ainda a oportunidade de negócio para os expositores e para o comércio local tendo em conta o nº de visitantes a passar por Celorico de Basto por estes dias.

Uma das particularidades desta feira é o local onde estão dispostos os vinhos e as tábuas com enchidos. Neste espaço, juntam-se milhares de pessoas a petiscar e a provar o vinho verde característico da região.

“Vou todos os anos à feira para degustar os deliciosos petiscos e provar o nosso vinho verde. É um local excelente para confraternizar, ficamos horas a fio na conversa” disse Filipe Alves, visitante da feira.

Durante os 5 dias de feira a animação será permanente com a atuação do Rancho de Sta. Maria de Canedo, os cavaquinhos de Arnoia, os Tamegaita, os Charanga Achicoria, o Rancho Folclórico os Amigos do Castelo, os IPUM, os Viva Moreira, os Romeiros, os Glow band + Marionetas LED, os Amigos das Tainadas, os Fanfarra Kaústica, os Clown Band + Palhaços Insufláveis, o Rancho Folclórico de Gandarela e os Borguinhas Marotos (Luxemburgo).

Ontem, os presentes puderam assistir à atuação do Rancho de Sta. Maria de Canedo, os cavaquinhos de Arnoia, os Tamegaita, os Charanga Achicoria. Hoje, véspera de fim-de-semana, a afluência será bem maior, com muita animação pelo recinto do certame.

_DSC4986.jpg

_DSC5038.jpg

_DSC5172.jpg

_DSC5179.jpg

_DSC5395.jpg

_DSC5423.jpg

BRAGA REALIZA FESTIVAL TERRA

Festival ‘Terra’ quer cativar jovens para a música tradicional. Evento decorre de 25 a 28 de Agosto, na Avenida Central

De 25 a 28 de Agosto, a Avenida Central, em Braga, será palco do Festival de Música Tradicional ‘Terra’, um evento que tem como principal objectivo a promoção e valorização da música tradicional portuguesa. Além dos concertos protagonizados pelos grupos ‘Caminhos de Romaria’, ‘Canto D’Aqui’ e ‘Origem Tradicional & GFUM’, o festival terá como ponto alto o dia 27 de Agosto que será dedicado ao projecto ‘Terreiro dos Sons’.

brater.jpg

Na apresentação do festival, que decorreu hoje, dia 12 de Agosto, na Casa dos Crivos, a vereadora da Cultura, Lídia Dias, explicou que o ‘Terreiro dos Sons’ surge da “vontade de aproximar pessoas, de diferentes especialidades e talentos, ligadas à cultura, como uma plataforma de intercâmbio e desenvolvimento de projectos culturais’.

Segundo Lídia Dias, este projecto, que visa sobretudo “cativar os jovens para as sonoridades tradicionais”, expressa-se através da cultura musical, tentando abranger também outras formas de expressão artísticas.

O festival começa na Quinta-feira, dia 25 de Agosto, às 21h30, com a actuação do grupo de rusga ‘Caminhos de Romaria’. No dia seguinte, será a vez do grupo ‘Canto D’Aqui’ subir ao palco da Avenida Central com a sonoridade das guitarras, bandolins, viola braguesa, percussões e clarinete.

No Sábado, dia 27, a partir das 17h00, o dia será dedicado ao ‘Terreiro dos Sons’ e às actuações de ‘Geronymo’, ‘Muita Terra’, Ricardo Passos’ e de Daniel Pereira Cristo. Às 24h00 haverá o Baile no Terreiro com a ‘Coreto’, uma associação cultural que tem como objectivo a promoção e divulgação de artes e culturas tradicionais originárias de todo o mundo.

“Este será o dia mais forte do festival, o dia em que queremos que a Cidade se deixe contagiar pela música tradicional que será apresentada em diferentes registos e formatos”, acrescentou a vereadora da Cultura, notando a importância do trabalho que os grupos ‘Canto D’Aqui’, ‘Caminhos de Romaria’ e ‘Origem Tradicional’ têm realizado em prol da música tradicional e da sua divulgação.

O festival ‘Terra’ termina no Domingo, 28 de Agosto, pelas 21h30, com a actuação do grupo ‘Origem Tradicional’ que ser fará acompanhar pelo GFUM, num espectáculo onde a música e as danças tradicionais convidarão o público a um ‘pezinho de dança’.

O programa completo do festival está disponível no site do Município, através do link https://goo.gl/fa6tpV.

brater (2).jpg

PRAIA DE MOLEDO RECEBE TERÇA-FEIRA PROGRAMA DA RTP 1 PRAIAS OLÍMPICAS

Em direto, entre as 10h00 e as 13h00, com entrevistas, reportagens e muita animação

A RTP escolheu a Praia de Moledo como um dos palcos do programa que estreou no início desta semana: Praias Olímpicas. Vanessa Oliveira e Francisco Menezes vão conduzir a emissão, em direto, na próxima terça-feira, dia 16 de agosto, entre as 10h00 e as 13h00. Este é um programa de entrevistas, reportagens, mas sobretudo de humor e boa disposição, que proporciona importante promoção e visibilidade ao local e ao concelho onde se centra a emissão, neste caso as nossas praias e o concelho de Caminha.

LOGO-PRAIAS-OLIMPICAS-e1469442217222.png

A manhã da RTP 1, na próxima terça-feira, tem o nosso concelho como tema. Junto à praia de Moledo será montado um palco, câmaras e toda a logística necessária para assegurar três horas de emissão em direto. No Este será o primeiro programa realizado a norte. A apresentação estará a cargo da dupla Vanessa Oliveira e Francisco Menezes. Os repórteres serão Inês Carranca e Idevor Mendonça, que vão andar por vários locais, incluindo o areal, e prometem algumas surpresas.  

Depois de uma primeira semana passada a sul, Caminha e a Praia de Moledo abrem a semana a norte de Praias Olímpicas, numa série de programas que seguirá para Cantanhede, Figueira da Foz, Mindelo e Vila Nova de Gaia.

O novo programa da RTP1, que conta com o apoio do Município de Caminha, propõe um desafio olímpico e divertido. Praias Olímpicas “irá trazer o espírito dos Jogos Olímpicos para as praias de norte a sul de Portugal numa competição saudável entre os distritos do litoral do país. Neste programa vamos trazer as modalidades olímpicas para a praia e transformá-las em jogos de verão, onde se esperam inúmeras peripécias. Está garantida a boa disposição na competição entre equipas”, diz a RTP.

VIZELA ENSINA MINIGOLFE A PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Ação de formação ‘Iniciação ao minigolfe para pessoas com deficiência’

Decorreu nos passados dia 9 e 10 d e agosto, a formação ‘Iniciação ao minigolfe para pessoas com deficiência’, promovida pela Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência (FPDD) em conjunto com a Vizelgolfe, a Câmara Municipal de Vizela e a Federação Portuguesa de Minigolfe (FPM).

Formação minigolfe adaptado.jpg

Esta formação, que se realizou no âmbito do Open de Minigolfe Adaptado – Vizela 2016, que se encontra a decorrer hoje, no Campo de Minigolfe Fonseca e Castro, contou com a presença de técnicos e atletas de minigolfe locais, mas também de técnicos de outros locais do país, o que demonstrou o interesse em desenvolver o minigolfe é a nível nacional.

Após a realização desta ação de formação de Minigolfe para pessoas com deficiência, a organização considera que o resultado foi muito positivo, tendo sido dado um grande passo para o início da prática de minigolfe por pessoas com deficiência.

A participação das instituições de apoio a pessoas com deficiência veio confirmar o interesse na prática e desenvolvimento do Minigolfe adaptado e o enorme potencial desta modalidade como ferramenta de inclusão da pessoa com deficiência na sociedade.

MÚSICA E GASTRONOMIA ANIMAM VILA VERDE

Dezenas de atividades da Rota para enriquecer o fim de semana prolongado em Vila Verde!

Vila Verde já fervilha de vida e prepara-se para receber de braços abertos o fim de semana prolongado que se avizinha. Quatro dias (12 a 15 de agosto) com um programa rico e variado, composto por três iniciativas que integram a programação alargada Na Rota das Colheitas do Município de Vila Verde. A Mirtifrutos – Feira Nacional de Pequenos Frutos, em Vila Verde, o Arraial ao Emigrante, com malhada tradicional de feijão, na Loureira, e a animação tradicional, de Parada de Gatim, compõem um programa atrativo em que a gastronomia regional, a música popular, o folclore e outros traços idiossincráticos da cultura minhota aparecem em lugar de destaque.

13882244_1014703145311305_6016412721525688537_n.jpg

Às iniciativas mencionadas juntam-se outros predicados, que fazem de Vila Verde um destino de eleição no fim de semana prolongado. A beleza das paisagens naturais, a riqueza do património edificado, as gentes hospitaleiras e os preços especiais de estadia (que estão em vigor de agosto a novembro nos espaços aderentes), com descontos dos 10 aos 50%. Motivos de sobra para conhecer Vila Verde edeixar-se apaixonar pelo encanto das nossas terras e das nossas gentes. Para saber tudo ao pormenor basta aceder anarotadascolheitas.blogsopt.pt. A primeira edição da Mirtifrutos – Feira Nacional de Pequenos Frutos é uma das grandes novidades da edição deste ano da Rota. A Praça de Santo António, em pleno centro da sede do concelho de Vila Verde, prepara-se para receber mais de trinta expositores, entre produtores de pequenos frutos, associações de produtores e produtores de derivados e transformados.

Um setor em amplo crescimento

Para garantir o conforto dos visitantes, o recinto contará também com o serviço de dois bares, uma chocolataria, uma pastelaria e uma roulotte de gelados artesanais, que vão utilizar os pequenos frutos aguçar a criatividade nas respetivas áreas de especialidade. O programa de três dias inclui ainda momentos culturais, com folclore, música popular e uma feira de artesanato que vai colocar em evidência o talento dos produtores locais. Durante os últimos anos verificou-se um crescimento exponencial da quantidade e da área de explorações de pequenos frutos no concelho, o que fez aumentar consideravelmente o peso do setor na balança comercial vilaverdense e levou ao aparecimento de uma iniciativa que tem um imenso potencial de crescimento no futuro próximo.

DSC_0551.JPG

Loureira organiza recriação da malhada tradicional de feijão

A freguesia da Loureira estreia-se este ano nas andanças da Rota e começa logo com uma festa de arromba. ‘Loureira em Festa – Arraial do Emigrante 2016’ é o nome do evento que durante quatro dias traz à praia da Ponte Nova dezenas de horas de música popular e folclore, as melhores iguarias regionais, alegria, animação e muito convívio. O evento inclui a recriação de uma malhada tradicional de feijão. Trajados a rigor, homens e mulheres vão mergulhar nas raízes da tradição minhota para mostrar às novas gerações um pouco da sua herança cultural. As noites quentes de verão convidam a sair de casa, o programa aliado à beleza natural da margem direita do Homem compõem o ramalhete e dão o mote para um fim de semana em grande.

Animação tradicional e gastronomia regional em Prada de Gatim

A festa já começou para os lados de Parada de Gatim, com animação tradicional e gastronomia regional, mas, naturalmente, o programa adensa e ganha volume durante o fim de semana. Artistas populares, manifestações religiosas, folclore e boa cozinha minhota são os atrativos maiores da festa, mas não são os únicos. A iniciativa afigura-se também como palco privilegiado de encontro de velhos amigos, animados momento de convívio fraterno e longas conversas pela noite dentro. Motivos de sobra que convidam a vir e deixar-se ficar por Vila Verde, a viver experiências únicas e a contactar de perto com as raízes da cultura e da tradição Minhota.

13938445_1015871288527824_6033115260990852926_n (1).jpg

CARTAZ_MIRTIFRUTOS_small.jpg

 

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMINHA REÚNE EM SESSÃO ORDINÁRIA NA PRÓXIMA SEMANA

Dia 17 de agosto, pelas 15h00, nos Paços do Concelho

A Câmara Municipal de Caminha vai reunir na próxima quarta-feira, dia 17 de agosto, pelas 15h00. No Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Da Ordem do Dia fazem parte, entre outras propostas, a aprovação do anteprojeto para requalificação da Escola EB 2/3 Sidónio Pais – Caminha e o protocolo de parceria entre os Municípios de Caminha, Ponte de Lima e Viana de Castelo para apresentação e execução de candidatura no âmbito do concurso norte – 14 – 2016 – 01 património natural – Adenda.

Serão ainda apreciadas propostas sobre horários de funcionamento de bares.

FLAUTISTA CABECEIRENSE DESTACA-SE NO PANORAMA MUSICAL

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa da qual é capa de revista em 2016

Mais de uma centena de pessoas assistiu ontem, 11 de agosto, à apresentação da Revista Musical Portuguesa ‘DA CAPO’ na Casa do Tempo de Cabeceiras de Basto, uma sessão abrilhantada pela flautista Cabeceirense Adriana Ferreira que ofereceu aos presentes um recital solo, com a interpretação de cinco magníficas peças.

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto (5).JPG

A sessão contou com a presença do presidente da Câmara Municipal, Francisco Alves, dos vereadores, Dra. Isabel Coutinho, Alfredo Magalhães e Prof. Mário Leite, demais autarcas das freguesias, da diretora DA CAPO, Sandra Bastos, entre outros convidados e público em geral.

Depois de cumprimentar e dar as boas vindas à numerosa plateia, o presidente da Câmara disse ser um gosto para o Município voltar a receber a flautista Adriana Ferreira, bem como os responsáveis da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto, afirmando ser “um orgulho” ver a Adriana Ferreira na capa deste terceiro número DA CAPO.

Aos 25 anos de idade e com um currículo e percurso brilhantes, Adriana Ferreira, natural de Refojos, soma inúmeros prémios internacionais, o que enche de orgulho todos os Cabeceirenses. “Tão jovem e já alcançou um patamar de topo no panorama internacional da Música”, destacou Francisco Alves.

Aos 9 anos de idade, Adriana Ferreira entrou para a Banda Cabeceirense, onde iniciou o seu percurso com grande notoriedade.

Agradecendo à direção da revista por se apresentar em Cabeceiras de Basto, Francisco Alves desejou que este terceiro número seja um “sucesso de vendas”.

Depois da diretora DA CAPO, Sandra Bastos, apresentar a revista, o que esteve na sua origem, e abordar a importância da divulgação dos músicos portugueses, a flautista Adriana Ferreira, capa da revista em 2016, respondeu a diversas perguntas que a plateia lhe colocou, evidenciando o seu percurso musical, bem como as suas experiências profissionais em inúmeras orquestras europeias.

No final da sessão, Adriana Ferreira autografou o terceiro número da revista DA CAPO.

Adriana Ferreira | Biografia

Solista da Orquestra Nacional de França, Adriana Ferreira obteve recentemente o lugar de primeira flauta solo da Orquestra Filarmónica de Roterdão (Holanda).

Em 2009 obtém o 1º Prémio no Concurso de Interpretação do Estoril e, no ano seguinte, obtém o 1º Prémio no Concurso Internacional Carl Nielsen, na Dinamarca.

Em 2013, é no Japão que é laureada com o 3º Prémio no Concurso Internacional de Kobe; antes de obter em 2014 o 1º Prémio no Concurso Internacional Severino Gazzelloni em Itália. No mesmo ano, obtém o 2º Prémio ex-æquo (1º não atribuído) e o Prémio Coup de Cœur, atribuído pelos Relógios Breguet, no Concurso Internacional de Genebra, na Suíça.

Gravou dois CD’s com a pianista Isolda Crespi e um CD a solo com a Orquestra de Câmara de Genebra.

Natural de Cabeceiras de Basto, Adriana Ferreira estudou flauta na Escola Profissional Artística do Vale do Ave - Artave, na classe de Joaquina Mota.

Como bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian, integrou a classe de Sophie Cherrier no Conservatório Nacional Superior de Música de Paris (Mestrado e 3º Ciclo Superior).

Estudou ainda com Benoît Fromanger na Hochschule Hanns Eisler de Berlim e é licenciada em Musicologia pela Universidade Paris-Sorbonne.

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto (1).JPG

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto (2).JPG

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto (3).JPG

Flautista Adriana Ferreira abrilhanta sessão de apresentação da Revista Musical Portuguesa em Cabeceiras de Basto (4).JPG

DAVID CARREIRA ATUA NA ROMARIA DE SÃO BARTOLOMEU EM PONTE DA BARCA

Romaria de S. Bartolomeu. David Carreira em Ponte da Barca a 21 de agosto | Entrada Livre

No dia 21 de agosto, em plena Romaria de S. Bartolomeu, Ponte da Barca recebe David Carreira, um dos dos mais mediáticos cantores pop do país, para um concerto que promete ser de arrasar.

Ator, modelo, cantor, compositor português e com apenas 25 anos, o filho do também cantor Tony Carreira, é o novo ídolo teenager que arrasta consigo autênticas legiões de fãs. David Carreira chega assim ao coração do Alto Minho para um espetáculo totalmente gratuito, a decorrer na praça Terras da Nóbrega, a partir das 22h.

DAVID CARREIRA CARTAZ mqt2.jpg