Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

AMARES PROMOVE ANIMAÇÃO CULTURAL EM CALDELAS

Os turistas/aquistas que frequentam as Termas de Caldelas podem contar, até meados do mês de setembro, com um programa de atividades culturais e de lazer.

“À semelhança do que tem vindo a acontecer, anualmente, programou-se um conjunto de atividades que criassem, entre o início do mês de agosto e o dia 15 de Setembro, momentos de animação, lazer e descontração aos utentes das Termas de Caldelas”, refere o vice-presidente da Câmara Municipal de Amares, Isidro Araújo.

Uma vez por semana há uma animação, ora mais cultural ora mais recreativa (teatro, grupos folclóricos, musicais, entre outros), sendo que o mês de agosto é gerido diretamente pela Câmara Municipal e os primeiros dias de setembro sãogeridos mais em proximidades pela Junta de Freguesia de Caldelas, Sequeiros e Paranhos,explica Isidro Araújo, que considera que “isso mostra também uma sinergia de interesses e de esforços no sentido de criar condições de animação e de bem-estar às pessoas que visitam Caldelas e que aqui optam por fazer o seu tratamento termal”.

Paralelamente, o Município de Amares proporciona visitas, um dia por semana, a vários pontos do concelho.

AMARES DEDICA FESTA AO EMIGRANTE

Mais um fim-de-semana em grande em Amares com a Festa do Emigrante – Petiscos e Vinho Verde

A Festa do Emigrante – Petiscos e Vinho Verde é a proposta do Município de Amares para o fim-de-semana prolongado. A iniciativa, que pretende ser um momento de acolhimento aos emigrantes naturais ou com ligações afetivas a Amarese, simultaneamente, uma verdadeira montra de promoção dos produtos mais emblemáticos do concelho, arranca amanhã, às 19h00, na Praça do Comércio, em Ferreiros e decorre até ao dia 15.

festa emigrante (1).jpg

Naquela que é a I edição deste evento, promovido pelo Município de Amares, com a colaboração da União de Freguesias de Ferreiros, Prozelo, e Besteiros, os visitantes vão poder encontrar tendas de petiscos, um stand de venda e promoção do Vinho Verde de Amares, artesanato, divertimentos, e vão poder, ainda, apreciar as atuações das marchas populares do concelho (21h30).

“Sabemos que os nossos emigrantes não estão cá na altura em que fazermos as festas concelhias em honra de Santo António e, portanto, achamos que faz todo o sentido trazer até eles um dos momentos altos dessas festividades e que são as marchas de Santo António”, refere o vice-presidente da Câmara Municipal de Amares, Isidro Araújo.

“Este será um evento que assentará num dos produtos mais determinantes da nossa economia, que é o Vinho Verde, e ao qual juntamos a nossa gastronomia e a imensa vontade de prestar aos nossos emigrantes uma boa e merecida receção.”

A programação arranca com a Marcha Popular a animar o dia da inauguração. A festa prossegue com as atuações da Marcha da Vila e de Barreiros, no dia 13, ficando o dia 14 reservado à Marcha do Povo e o dia 15 a Marcha de Caldelas.

PONTE DE LIMA REALIZA GRANDE PETISQUEIRA

X Feira dos Petiscos em Ponte de Lima. 12 a 15 de agosto

Petiscos de outros tempos é o convite da Feira dos Petiscos que o Município de Ponte de Lima promove durante o próximo fim-de-semana prolongado.

cartaz_feira dos petiscos_2016_final.jpg

O certame é dinamizado em parceria com a Associação de Folclore de Ponte de Lima e conta com a participação de diversos Grupos Folclóricos do concelho, nomeadamente, o Grupo Cultural e recreativo de Danças e Cantares de Ponte de Lima a; Grupo Etno-folclórico de Refoios do Lima; Grupo Folclórico da união Desportiva e Cultural de Gemieira; Rancho Folclórico da Correlhã; Rancho Folclórico da Ribeira e a rusga Típica da Correlhã.

A confeção dos petiscos é da responsabilidade de cada Grupo Folclórico, tendo como principio reviver o melhor da gastronomia local, reencontrar os sabores tradicionais, os petiscos típicos, tais como o bacalhau frito; pataniscas; bolinhos de bacalhau; sardinhas escabeche; rojões; pernil de porco; chouriço assado em aguardente; feijoada e caldo verde.

O folclore e o som das concertinas complementam o programa de animação da Feira dos Petiscos.

A abertura está agendada para as 20 horas no dia 12 de agosto.

MODALANHOSO PROMOVE COMÉRCIO E TALENTOS LOCAIS

O Anfiteatro do Pontido, na Vila da Póvoa de Lanhoso, prepara-se para receber mais uma edição de um dos mais aguardados espetáculos do ano. O ModaLanhoso está marcado para dia 12 de agosto, uma sexta-feira, pelas 21h30, e promete uma noite de espetáculo para os Povoenses residentes e emigrantes de regresso a casa.

Foto de arquivo  - ModaLanhoso.jpg

“Nesta décima edição do ModaLanhoso, queremos proporcionar aos Povoenses uma noite de moda e de glamour com a participação de lojistas e modelos locais. Por isso, estamos a preparar um espetáculo de qualidade ao nível do que vem sendo habitual e convido todos os Povoenses a estarem presentes”, refere o Vereador da Cultura e Turismo da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, André Rodrigues.

O ModaLanhoso visa dar palco e visibilidade aos modelos da Póvoa de Lanhoso (que irão desfilar), ao comércio local (que irá apresentar as suas coleções) e a jovens talentos (que irão atuar).

Espera-se a participação de mais de 30 estabelecimentos do concelho. A criação, por estilistas e modistas locais, tem ainda lugar de destaque na estrutura do evento, com total liberdade criativa, revelando-se também uma oportunidade de mostrar o seu valor no setor.

Resultado de uma parceria da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso com a Associação de Turismo, o ModaLanhoso dá a conhecer a oferta de produtos e serviços do comércio local, nas áreas têxtil, do calçado e dos acessórios e outras, com especial relevo para a filigrana. É uma montra de excelência para os empresários locais, que veem potenciadas as suas vendas, num período do ano em que o concelho acolhe os emigrantes.

O número de edições concretizadas, a consistência da participação do comércio local e, acima de tudo, o feedback obtido através de inquérito aos participantes, permitem afirmar que existe um impacto económico direto com a realização deste evento. Regista-se um aumento de procura no período imediatamente subsequente, há reservas de artigos que decorrem no próprio evento e a nota de avaliação predominante dos participantes dá conta da necessidade de se replicar o evento, pelo menos, numa cadência sazonal. Este evento tem também impactos indiretos na economia local dado que, socialmente, o dia do ModaLanhoso tem tido a assistir em cada edição uma moldura humana de entre quatro a cinco mil pessoas.

Mais do que um evento de moda, o ModaLanhoso é assim um projeto propulsor de dinâmicas socioeconómicas e culturais, pois integra verdadeiramente vários atores locais na produção de um espetáculo fruído por um vasto público que cresce a cada edição.

CERVEIRA MELHORA CONDIÇÕES DE CIRCULAÇÃO E ACESSIBILIDADE

Travessa do Areal com melhores condições de circulação, acessibilidade e conforto

Prosseguindo com a política de proximidade às necessidades reais da população, a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira procedeu a uma profunda beneficiação na Travessa do Areal, ao nível da rede de abastecimento de água e pavimentação. Aposta continua a ser o bem-estar e a melhoria da qualidade de vida dos cerveirenses.

13912869_1393869457307159_8718939819294210101_n.jpg

Esta intervenção era uma prioridade e vontade manifestada há vários anos pelos moradores daquele lugar da União de Freguesias de Vila Nova de Cerveira e Lovelhe que, diariamente, tinham de ultrapassar problemas provocados pela obsoleta rede de abastecimento de água e constrangimentos subjacentes ao piso.

Para dotar aquele caminho de condições de circulação, acessibilidade e conforto, a autarquia avançou com a empreitada na Travessa do Areal que consistiu na execução de uma rede de abastecimento de água e na pavimentação em betão betuminoso de regularização "binder".

O Município de Vila Nova de Cerveira releva a importância das obras de proximidade na dinamização de um impacto positivo na vida das pessoas, com a melhoria das acessibilidades a aglomerados populacionais a representar uma área de destaque.

CERVEIRA ORNAMENTA ROTUNDA NORTE

Rotunda Norte ornamentada com elementos identitários cerveirenses

Porque a cultura respira-se em cada canto de Vila Nova de Cerveira, desde ontem há mais um motivo artístico-cultural para desfrutar. A Rotunda Norte, que dá acesso à Ponte da Amizade, apresenta um conjunto de esculturas onde convivem montes, cervos e água. Objetivo passa por valorizar os espaços públicos, e conferir dignidade a uma das portas de entrada da vila.

13912887_1393993863961385_7475474989766681701_n.jpg

O concelho de Vila Nova de Cerveira é reconhecido nacional e internacionalmente pela oferta cultural regular, diversificada e multifacetada: dos eventos, aos equipamentos, dos espaços públicos, à génese da história do concelho e das suas gentes. Prosseguindo com esta essência, a Câmara Municipal procedeu à valorização da Rotunda Norte, dando-lhe uma imagem condizente com o conceito de ‘Vila das Artes’.

Para além de ser um ponto de passagem com grande tráfego, pela localização na EN13, a Rotunda Norte é uma das portas de entrada da vila, com particularidade de ser o acesso de milhares de espanhóis que nos visitam, atravessando a Ponte da Amizade. Consciente de que o espaço não era convidativo e nem se revia no conceito de hospitalidade dos cerveirenses, o executivo desafiou o escultor Vitor Reis, participante no I Simpósio de escultura do Rio Minho Cerveira-Tomiño, para executar mais duas peças idênticas à obra apresentada no evento de 2014.

Aceite este desafio, o arquiteto municipal, Sandro Lopes, executou o projeto de integração das peças e desenho dos restantes elementos para que se avançasse com a execução da obra, num curto espaço de tempo, a cargo de quatro empresas de Vila Nova de Cerveira. O retoque final dos ajardinamentos foi da responsabilidade dos colaboradores municipais, à semelhança do que tem acontecido com outros espaços verdes.

O conjunto escultórico representado na Rotunda Norte é constituído por três elementos que caraterizam e identificam Vila Nova de Cerveira: os montes, recriados no revestimento ondulado em aço corten da taça; os Cervos, representados pelos "chifres"/prumos metálicos em aço; e água presente nas três esculturas em mármore, em forma de repuxos de água.

Esta beneficiação esteticamente mais atrativa da Rotunda Norte, junta-se a uma outra que decorreu na Rotunda junto aos Bombeiros Voluntários, onde foi igualmente colocada uma outra escultura elaborada durante o Simpósio de Escultura do Minho Cerveira-Tomiño.

FESTAS DE NOSSA SENHORA DA LAPA EM ARCOS DE VALDEVEZ CONTINUAM COM GRANDE ANIMAÇÃO

As Festas Concelhias – Festas de Nossa Senhora da Lapa, promovidas pela Câmara Municipal e Associação de Festas Folia, encontram-se a decorrer e muitas têm sido as atividades desenvolvidas no âmbito da sua programação.

festas_concelho_2015 (17).JPG

Até dia 14 de agosto, a vila de Arcos de Valdevez enche-se de animação e, tal como o esperado, as pessoas têm convivido até altas horas nas ruas da sede do concelho. 

Hoje, dia 11 de Agosto, decorre pelas 16h00, no Mercado Municipal, o Concurso agrícola, organizado pela Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca. Um concurso que é já uma marca das Festas do Concelho e uma forma de incentivar os agricultores da terra a continuarem a produzir e terem orgulho nas suas plantações.

À noite, pelas 22h00, no anfiteatro do Trasladário, terá lugar o Concerto de Verão da Sociedade Musical Arcuense, um grupo composto maioritariamente por elementos do concelho que apresentará na 1ª Parte – o Concerto Sinfónico e na 2º Parte – Concerto da Orq. Ligeira (com o cantor João de Campos).

A Banda centenária, dirigida pelo maestro Gil Magalhães, integra músicos de grande qualidade. É uma banda de madeiras, metais e percussão, e interpreta temas de todas as épocas, nomeadamente bandas sonoras de filmes, música erudita e clássicos.

festas_concelho_2015 (23).jpg

Mais uma vez espera-se que o anfiteatro encha para assistir a um concerto com a qualidade elevada a que o público já está habituado.

Após este momento decorre na eira das tasquinhas o conjunto musical Curtisom e às 00h00 o primeiro dia do Festival ínsua do Vez Summer Sessions, o qual arranca com as exibições de Moullinex (DJ set), Kazoo Collective e Rui Silva.

11 agosto (quinta)

16h00 Concurso Agrícola Org. Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca Local Mercado Municipal

22h00 Concerto de Verão - Sociedade Musical de A. de Valdevez Local Anfiteatro do Trasladário 1ª Parte – Concerto Sinfónico 2º Parte – Concerto da Orq. Ligeira (com o cantor João de Campos)

23h30 Conjunto Musical CURTISOM Local Eira das Tasquinhas

00h00 Festival Ínsua do Vez

12 agosto (sexta)

09h00 Alvorada com Salva de Morteiros Entrada do Grupo de Bombos Local Praça Municipal

16h00 Dia Internacional da Juventude - Sunset Youth Org. Associação Juventude de Vila Fonche Local Praia Fluvial da Valeta

22h00 Cantares ao Desafio Local Anfiteatro do Trasladário Carminda de Arcos Valdevez Daniel Sousa de Arcos Valdevez Leiras de Soajo - Arcos de Valdevez Zé Cachadinha de Ponte de Lima Irene Passos de Vila Conde Loureiro de Barcelos Aguiar de Barcelos Domingos Soalheira de Guimarães

23h30 Festa do 28º Aniversário da Rádio Valdevez Local Eira das Tasquinhas

00h00 Festival Ínsua do Vez

13 de Agosto (Sábado)

09h00 Alvorada com Salva de Morteiros Entrada dos Grupos de Bombos Local Praça Municipal

11h00 20º Malha - Malha de Bombos Local Eira das Tasquinhas

12h00 Concentração dos Grupos de Bombos Local Largo da Lapa

17h00 Cortejo Etnográfico Local Rotunda dos Bombeiros – Avenida Recontro de Valdevez Org. Município e Freguesias de Arcos de Valdevez

22h00 Festa das Rusgas Local Eira das Tasquinhas

01h00 Espetacular Sessão de Fogo-de-artifício Local Praia Fluvial da Valeta

00h00 Festival Ínsua do Vez

14 agosto (domingo)

09h00 Alvorada com Salva de Morteiros

09h00 Feira das Trocas e Baldrocas Antiguidades, velharias, colecionismo e usados Local Campo do Trasladário

11h00 Eucaristia em Ação de Graça pelos Emigrantes Local Igreja da Matriz

17h00 Eucaristia em Honra de N.ª Sr.ª da Lapa Local Igreja da Lapa

18h00 Solene Procissão em Honra de N.ª Sr.ª da Lapa Andores de S. Comba + S. Vicente + S. Paio + S. Bento + D. Salvador + Nª Srª da Porta + Nª Sr.ª do Carmo + Nª Srª da Lapa Participação da Banda da Sociedade Musical de Arcos de Valdevez e Fanfarra da Asso. Humanitários Bombeiros Voluntários de A. de Valdevez Local Rua Soares Pereira – Av. Dr. Mário Soares – Av.ª Recontro de Valdevez – Rua Cons. Pedro Brito – Rua Plácido de Abreu – Largo da Lapa

23h00 Festa do Rio com Barcos Alegóricos “WALT DISNEY” Local Rio Vez junto à Ponte Centenária

01h00 Fogo-de-artifício Local Rio Vez junto à Ponte Centenária

01h00 Festival Ínsua do Vez

festas_cartaz_programa_2016 (2).jpg

radio-valdevez-2016.jpg

 

PONTE DE LIMA COMEMORA DIA INTERNACIONAL DA JUVENTUDE

12 de agosto - Dia Internacional da Juventude assinalado  em Ponte de Lima

O Município de Ponte de Lima associa-se, como já é habitual às comemorações do Dia Internacional da Juventude – 12 de agosto, efeméride instituída pela ONU em 1988.

Neste sentido, a Câmara Municipal de Ponte de Lima deliberou conceder entradas grátis nos serviços de cultura e desporto, nomeadamente nos Museus Municipais, como o Museu dos Terceiros, do Brinquedo Português e Centro de Interpretação e Promoção do Vinho Verde, bem como no Pavilhão Municipal de Arca e Ponte de Lima, no dia 12 de agosto. Esta ação é dirigida aos jovens dos 12 aos 30 anos.

Através desta medida a autarquia convida e incentiva os Munícipes e todos aqueles que queiram conhecer estes espaços culturais gratuitamente.

Ao associar-se às comemorações do Dia da Juventude, o Município consolida a sua política de juventude promovendo a educação, o lazer e a cultura.

VERÃO EM PÓVOA DE LANHOSO ESTÁ NA FORÇA DA ANIMAÇÃO

“Verão Com(N)Vida” continua a animar Póvoa de Lanhoso

O Moda D’Ouro em Santo Emilião, a Batida do Brasil, a Festa da Espuma e a abertura da XX Exposição Aberta de Artes Plásticas foram os eventos que marcaram o passado fim de semana (5 e 6 de agosto), no âmbito da iniciativa “Verão Com(N)Vida”, na Póvoa de Lanhoso. 

Batida do Brasil 1.jpg

"Como vem sendo habitual neste verão, o Município brindou os Povoenses e quem nos visita com mais um fim-de-semana de atração cultural variada. A nossa aposta nas artes plásticas, no turismo, na moda e na animação musical tem sido muito bem aceite pelo nosso público", refere o Vereador da Cultura e Turismo, André Rodrigues.

Horacri, Kaprichos, Casa da Filigrana-Inês Barbosa, Ourivesaria Alfena, Ourivesaria Minhota, Tess, Marilene Noivas, Cavalinho, Forte Store, Extravaganza,W52, Estrelinhas da Avenida e Optica1 foram as lojas que participaram na iniciativa Moda D’Ouro realizada em Santo Emilião, no Piscinas Bar Insónias, na noite de 6 de agosto, e que contou com a decoração da Quinta Cedro do Ave e de Ana Mota Decor. Tratou-se de uma noite de glamour, que permitiu ainda que jovens modelos locais brilhassem na passerelle. Esta iniciativa contou com a colaboração da Associação de Turismo da Póvoa de Lanhoso. 

Festa da Espuma 1.JPG

Na mesma noite, mas na Vila, a proposta Batida do Brasil encheu a Praça Eng. Armando Rodrigues com a cultura do país irmão. Este evento, promovido com o apoio do Sport Club Maria da Fonte, contou com grupos que representaram elementos como samba e o sertanejo, a capoeira e o futebol. A representar o samba, esteve presente a Escola de Samba Gres a Rainha, da Figueira da Foz, desfilando pelas ruas da Vila e mostrando um verdadeiro ambiente carnavalesco. Na secção desportiva, elementos da Escola Capoeira do Sul da Bahia praticaram a sua arte. A acompanhar esta folia, esteve a banda Marcos Trio com o seu repertório dedicado à música canarinha. Por fim, a dupla de Dj’s Meninos do Coro encerrou mais uma noite.

Já na sexta-feira anterior, 5 de agosto, a Praça Eng. Armando Rodrigues foi inundada por muita espuma, música e animação, que cativou e refrescou as pessoas participantes.

No sábado, dia 6, o programa englobou ainda a abertura da XX Exposição Aberta de Artes Plásticas da Póvoa de Lanhoso, na Galeria do Theatro Club.

O programa “Verão Com(N)Vida” prossegue com a X edição do Modalanhoso e a Color Fest, com Diego Miranda (sexta-feira, dia 12 de agosto), com a iniciativa Ouro na Voz (13 de agosto), com a Póvoa em Festa - Festa do Emigrante, organizada pela Junta de Freguesia da Póvoa de Lanhoso em parceria com a + Vida (dia 14 de agosto, domingo) e com o XXI Festival de Folclore Prof. Gonçalo Sampaio (dia 15 de agosto, segunda feira).

Moda D'Ouro 2.jpg

ESPOSENDE TEM ANIMAÇÃO DE VERÃO COM PROGRAMA DIVERSIFICADO

Prossegue a animação de Verão, em Esposende, com um vasto programa delineado para um fim de semana pleno. As propostas vão ao encontro do público diversificado que visita este concelho do litoral nesta época do ano.

silent1.jpg

Esta sexta-feira, pelas 22 horas, tem lugar a animação que já é uma referência do Verão de Esposende: a Silence Party, ou Silêncio na Praça. É uma festa onde dois DJ e um MC, com dois estilos de música diferentes, vão proporcionar momentos de pura animação e diversão. A cada participante são disponibilizados auscultadores para que possa desfrutar da música. A iniciativa é gratuita e tem lugar no Largo Dr. Fonseca Lima.

Se o mês de agosto significa, em Esposende, animação diária, este é um fim de semana em que a festa será redobrada, com a realização das festas da Cidade, em honra de Nossa Senhora da Saúde e da Soledade. No sábado decorre a cerimónia “Jubileu dos Emigrantes”, a realizar pelas 15 horas, junto à igreja da Misericórdia.

A noite de sábado acolhe o espetáculo de Fernando Pereira, intitulado “Amores & Humores”, agendado para as 22 horas, no largo dos Bombeiros. No domingo, pelas 14 horas, decorre a receção das bandas filarmónicas, na Praça do Município. As mesmas bandas atuarão, pelas 21H30, no souto da Senhora da Saúde.

O Largo Rodrigues Sampaio estará, durante todo o dia de domingo, animado pela feira de artesanato que mensalmente é promovida.

Na segunda-feira, pelas 16 horas, tem lugar a procissão arciprestal da Senhora da Saúde, este ano abrilhantada com os andores e estandartes das diferentes freguesias, assinalando, também, o centenário do Arciprestado de Esposende.

Para os desportistas, realiza-se esta sexta-feira a caminhada “Do pôr ao nascer do sol”, em que os participantes são desafiados a enfrentar uma distância de 25 quilómetros, num percurso de dificuldade elevada. Realiza-se entre as 20 horas do dia 12 e as 7 horas do dia 13 de agosto, com um limite de 50 participantes.

No domingo, realiza-se o V campeonato nacional de canoagem de mar, pelas 9H30, na praia de Ofir.

silent.jpg

PÓVOA DE LANHOSO ENCERRA SEMANA DA JUVENTUDE COM COLOR FEST

Termina amanhã, dia 12, mais uma edição da Semana da Juventude, promovida pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, em colaboração com outras entidades.

Pokemons 1.jpg

O programa para esta sexta-feira prevê a realização da Color Fest, pelas 23h45, que promete proporcionar uma noite inesquecível aos jovens e menos jovens da Póvoa de Lanhoso. Com entrada gratuita, contará com as atuações de DJ Diego Miranda, DJ Overule, DJ Ruy Vercetti e de All In Dj’s. Haverá ainda como novidade uma Live Performance de Cyber Led Show.

Durante a tarde, haverá ainda um Concurso de Miss/Mister Verão 2016, nas Piscinas Municipais Descobertas. 

De lembrar que esta Semana destina-se ainda a assinalar o Dia Internacional da Juventude, que, por resolução da Assembleia Geral da ONU, se comemora a 12 de agosto. 

O programa proposto é diversificado e procura ir de encontro aos gostos e interesses das diferentes faixas etárias. “Foi uma semana intensa, com temperaturas muito elevadas, mas também com muita participação e muito calor humano. Foi uma semana delineada pelos jovens e para os jovens. O envolvimento das associações e dos jovens, desde a programação, é uma garantia de sucesso e, por certo, o Dia Mundial da Juventude terminará em grande, com a Color Fest. Só tenho a agradecer o empenho dos jovens e das associações juvenis”, refere a Vereadora da Juventude e Associativismo da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca.

O programa proposto começou no dia 6 com uma concorrida prova de Carrinhos de Rolamentos, na Avenida da República (Vila da Póvoa de Lanhoso).

Já durante esta semana têm-se realizado diversos torneios e atividades, como os Torneios de Subbuteo, de Ping Pong, de Matraquilhos e de FIFA 16 PS4 e um Workshop de Dança Moderna, no Espaço Jovem. Ontem, dia 10, realizou-se a iniciativa Pokemon Go - À Descoberta da Póvoa de Lanhoso, a partir das 20h00, no Castelo de Lanhoso, tendo como objetivo proporcionar uma atividade lúdica e de contacto com a Vila e os seus espaços mais emblemáticos. Tratou-se de um sucesso, superando as expetativas. Este evento contou com muitas dezenas de pessoas, em que predominou o convívio entre as diferentes gerações. “Esta foi uma iniciativa realizada pela primeira vez, por solicitação dos jovens e em que participaram diversas pessoas, de várias idades, de outros concelhos”. O Jesus, uma criança de 7 anos da Póvoa de Lanhoso, um apaixonado pelo jogo Pokemon agradeceu a iniciativa, “porque ajudou muito os jogadores a capturarem pokemons”. Os mais resistentes participaram nesta iniciativa até às 3h00.

Na organização da Semana da Juventude, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso estabeleceu parcerias com a Associação Juvenil de Campos, com a Associação Cultural de Jovens de Valdemil, com a Associação de Jovens Emilianos e com a Associação Juvenil de Vilela.

Envolver os jovens, em particular, e a comunidade, em geral, nesta Semana, contribuindo para a sua formação e sensibilização para a adoção de estilos de vida saudáveis são alguns dos objetivos desta iniciativa, que envolve associações e entidades locais na definição do programa e na organização, nomeadamente o Conselho Municipal da Juventude.

Prova de Carrinhos de Rolamentos 1.jpg

CAMPEONATO DO MUNDO DE HORSEBALL REALIZA-SE EM PONTE DE LIMA

Campeonato do Mundo de Horseball em Ponte de Lima. Expolima - 14 a 20 de agosto

Ponte de Lima recebe entre 14 a 20 de agosto mais um evento desportivo internacional, o Campeonato do Mundo de Horseball, modalidade que entusiasma aficionados e público em geral.

Convite-01 (Small).jpg

São trinta seleções provenientes de catorze países, desde a Argélia; Argentina; Austrália; Áustria; Bélgica; Brasil; Canadá; França; Reino Unido; Itália; México; Holanda; Espanha e Portugal, que vão participar no Campeonato do Mundo de Horseball.

A realização do Campeonato do Mundo de Horseball em Ponte de Lima, enquadra-se na aposta do Município de Ponte de Lima no projeto Ponte de Lima Destino Equestre Internacional, sendo o desporto equestre de alta competição, uma atividade que dá origem a uma série de dinâmicas sociais, culturais e económicas, assumindo um papel relevante no conjunto de iniciativas que se promovem ao longo do ano. De realçar que as infraestruturas e equipamentos já criados permitem aumentar a notoriedade dos eventos equestres a nível interno e externo, criando condições para incrementar a prática de provas nacionais e internacionais de alta competição.

O Horseball, jogo de alta competição, caracteriza-se por ser um jogo muito rápido, sendo as suas origens ancestrais. Tudo se iniciou no treino de cavalos e cavaleiros para as guerras passando rapidamente a uma forma de interação e espirito de equipa entre soldados.

Estarão cerca de 300 cavalos e atletas em competição no maior evento desportivo deste verão em Ponte de Lima, com abertura oficial no dia 14 de agosto, às 18 horas, com a receção às 30 seleções participantes no evento.

Os jogos arrancam na segunda-feira, 15 de agosto, a partir das 17 horas. No recinto desportivo realizam-se 15 jogos por dia, entre as 17h00 e as 24 horas, sendo as finais no sábado, dia 20 de agosto, com a grande final marcada para as 21h15.

ADMIRADORES COMEMORAM 50 ANOS DA MORTE DE ANTÓNIO PEDRO

Uma oportunidade para revisitar a obra deste vulto das artes e das letras

António Pedro desapareceu precocemente, com apenas 56 anos. Vulto das artes e das letras, a sua figura está ligada a Moledo, onde veio a falecer há meio século. Por iniciativa de um grupo de admiradores, vão ser assinalados os 50 anos da sua morte e esta será também uma grande oportunidade de revisitar a sua obra. As várias iniciativas repartem-se pelo Porto, Viana do Castelo e Caminha.

1- Por ocasião do cinquentenário da morte de António Pedro da Costa, ocorrida em Moledo do Minho, em 17/8/1966, um grupo de admiradores da sua figura e obra e com ligações àquele local, resolveu homenagear a sua memória;

2- É intenção da Comissão Organizadora da homenagem recordar não só a figura imponente, em todos os aspetos, de António Pedro, mas sobretudo reviver a sua obra e a sua incansável ação, em prol da modernidade;

3- O percurso pessoal de António Pedro, oriundo de uma família com raízes minhotas, mas nascido em Cabo Verde, passou por Seixas, La Guardia (Galiza), Viana do Castelo, Coimbra, Lisboa, Rio de Janeiro, São Paulo, Paris, Londres e Porto, tendo acabado os seus dias em Moledo do Minho;

4- A sua multifacetada obra desdobrou-se em vários universos, desde poesia (podendo considerar-se o primeiro surrealista português), romance. pintura, desenho, cerâmica, ensaio, jornalismo, tendo-se destacado aos microfones da B.B.C durante a segunda guerra mundial. Na sua última fase de vida (António Pedro faleceu com apenas 56 anos) foi grande obreiro do Teatro Experimental do Porto, no final da época de 50, rasgando novos caminhos para o teatro em Portugal;

5- António Pedro foi um verdadeiro cosmopolita, um homem que no seu tempo esteve muitas vezes para além dele.

Por essa razão e, porque é urgente revisitar a sua obra e as lições da sua ação, esta comissão resolveu organizar um programa de iniciativas, conforme anexo, que visa despertar o interesse, o conhecimento e a atenção para a obra e para o papel de António Pedro na cultura nacional.

A Comissão Organizadora é composta por João Alberto Brandão Alves Pimenta (Porto), Teresa André (Lisboa) e Rodrigo Pita de Meireles (Caminha).

Antonio Pedro_1.jpg

Antonio Pedro_2.jpg

Antonio Pedro_3.jpg

Antonio Pedro_4.jpg

SECRETÁRIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO VISITA FAFE E DÁ GARANTIAS À CONTINUIDADE DE TURMAS EM FUNÇÃO DA IDADE DAS CRIANÇAS

Fafe: Secretária de Estado da Educação garante ao Presidente da Câmara continuidade de uma turma por cada ano. Alunos do 1.º e 4.º anos em turmas distintas em Fafe

A Secretária de Estado da Educação, Alexandra Leitão, garantiu ao Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, que, ao contrário do que havia sido noticiado, as escolas de Regadas e Silvares S. Martinho vão manter a constituição de turmas em função da idade das crianças.

Os alunos do 1.º ano, em número suficiente para constituir uma turma dedicada apenas a este nível de escolaridade, não vão, assim, integrar turmas de 4.º ano, motivo que levou cerca de 40 pais a manifestarem-se, na semana passada, em frente à sede do Agrupamento de Escolas Prof. Carlos Teixeira.

Raul Cunha tentou, desde sempre, articular a questão, polémica entre os pais, com o governo, no sentido de se chegar à solução adoptada, havendo condições para o fazer.

O Ministério da Educação havia decido anular uma turma em cada uma das escolas, de Regadas e de Silvares S. Clemente, criando turmas que misturariam alunos do 1.º e do 4.º anos. Esta decisão deixou indignados também os autarcas das duas freguesias, que manifestaram o seu descontentamento perante a situação.

Raul Cunha, que tentou interceder no sentido de promover a manutenção das turmas por cada ano de escolaridade, informou que “A Secretária de Estado da Educação garantiu-me que tinha despachado para a DGEstE um documento com indicações de que em Regadas e em Silvares S. Martinho há, realmente, condições para haver uma turma por cada ano, sem misturar-se alunos do 1.º e 4.º anos.”