Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PONTE DE LIMA INAUGURA FEIRA DE CAÇA, PESCA E LAZER

Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural Preside à Inauguração Oficial – 15 de julho – 18 horas

No âmbito da Feira de Caça, Pesca e Lazer agendada para este fim-de-semana na Expolima, em Ponte de Lima, realiza-se o 1º ciclo de conferências “Respect – Eu Sou Caçador”.

A ação promovida pelo Club de Monteiros CazaGalega em parceria com a Asoción de Clubes e Caza Maior da Galiza e um grupo de profissionais de Enfermagem do Porto, decorre na Expolima, no sábado, 16 de julho, a partir das 11 horas.

Ser caçador nos dias de hoje envolve grandes responsabilidades e, neste contexto, a organização deste I Ciclo de Conferências pretende reforçar este papel junto dos caçadores e da sociedade em geral, abordando os temas “Segurança na Caça Maior” e “Acidentes na Caça e no Monte – Como atuar”.

A temática “Segurança na Caça Maior” será apresentado por Francisco Chan Méndez da Asoción de Clubes e Cazadores de Caza Maior da Galiza. Esta conferência visa transmitir de viva voz um conjunto de práticas já comuns na vizinha Espanha, nomeadamente o uso de roupas de grande visibilidade, o transporte em segurança das armas e a sinalização da zona de montaria, tendo contribuído para a diminuição significativa de acidentes.

A conferência sobre “Acidentes na Caça e no Monte – Como atuar”, pretende elucidar sobre o que fazer e não fazer numa situação de ansiedade provocada pelo acidente.

No período da tarde, a partir das 16 horas realiza-se outra conferência sobre “Gestão Cinegética em Território Nacional da Rede de Paisagem Protegidas” numa iniciativa coordenada pela FENCAÇA – Federação Portuguesa de Caça, tendo como moderador o vice-presidente da FENCAÇA, Galinha Barreto.

Confira o programa desta conferência:

Helena Rio Maior – Investigadora do CIBIO/InBIO

David Rodrigues - Professor de Ciências Florestais e Recursos Naturais, da Escola Superior Agrária de Coimbra.

David Gonçalves - Professor Auxiliar do Departamento de Biologia da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto; Investigador do CIBIO/InBIO. Licenciado em Biologia, Mestre em Ciência e Sistemas de Informação Geográfica e Doutorado em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.

Armando Loureiro – Diretor do Departamento da Conservação da Natureza e Florestas do Norte.

Jacinto Amaro- Presidente da Fencaça.

Recordamos que o Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, Amândio Torres, preside à abertura oficial da 8ª Feira de Caça, Pesca e Lazer, na próxima sexta-feira, 15 de julho, às 18 horas, na Expolima.

ESPOSENDE REALIZA GALAICOFOLIA NO CASTRO DE S. LOURENÇO

Galaicofolia, 2000 anos de festa

O Castro de S. Lourenço, em Vila Chã, vai acolher, nos dias 22, 23 e 24 de julho, mais uma edição da “Galaicofolia – 2000 anos de festa”, um evento cultural, de lazer e entretenimento, promovido pela Câmara Municipal de Esposende, em parceria com a Junta de Freguesia de Vila Chã e que este ano tem como tema principal o sal. As portas do recinto abrem às 18 horas de sexta-feira, dia 22.

galaicofolia.jpg

Esta iniciativa insere-se no Plano Estratégico de Desenvolvimento do Turismo do Município de Esposende, com o propósito de dar a conhecer o território e atrair visitantes e turistas, valorizando o Património do concelho, nomeadamente o arqueológico.

Ao longo de três dias, será recriado o modus vivendi da aldeia galaica existente há cerca de 2000 anos, no Castro de S. Lourenço, monte sobranceiro à cidade de Esposende. Serão dias de verdadeira folia, onde a animação convive com a gastronomia, as recriações históricas, a música, o teatro e a dança, entre muitas e variadas atividades dirigidas a todo o tipo de públicos.

O presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, aponta a Galaicofolia como “uma marca do Município que visa afirmar o concelho no plano turístico e divulgar o património concelhio, contribuindo também para a dinamização da economia local”. O autarca enquadra o evento na estratégia de promoção e valorização do concelho, que passa não só por atrair mais turistas e visitantes, mas também por fixar população.

Dando continuidade a um projeto que visa recriar fielmente a vivência castreja, a Galaicofolia apresentará várias áreas temáticas, possibilitando uma oferta para todo o tipo de públicos. O visitante pode encontrar o Espaço Zythos (Spatium Zythos), termo grego para denominação de cerveja, local dedicado aos petiscos, à cerveja artesanal e à cidra e onde haverá muita animação.

Como usual, na zona alimentar (Tabernae), os visitantes poderão deliciar-se com os prazeres da comida galaica e romana. Do menu constam pratos de peixe e de carne, à semelhança da época, com destaque para os pratos de caça. Poderá apreciar estes pratos ao som da música e da dança.

No Curral (Stabulum), estarão concentrados os animais domésticos que faziam parte do quotidiano da vida dos galaicos, fosse para a alimentação, transporte, trabalho ou para utilização das suas peles, tanto no vestuário como em outros artefactos.

Outro dos espaços que o visitante encontrará é o Mercado Romano (Fórum), local onde pode negociar os materiais, os utensílios, os adornos e mesmo os produtos alimentares, à semelhança da época. Aqui haverá artesãos com os seus artigos expostos e a trabalhar ao vivo.

Nos espaços comuns, como o Mercado Romano, a Muralha, o Castro, o Acampamento Romano e a Arena acolhem diversos espetáculos, cabendo nesta última a recriação do treino de soldados, o combate de gladiadores e demonstração de tiro com várias armas – arco, balistra e catapulta.

Haverá ainda workshop’s dos ofícios de cordoaria e ferreiro, demonstração de voo de aves de rapina, recriações teatrais e desfile que captará, com toda a certeza, a atenção do visitante.

Enraizarte e Gambuzinos garantem a animação musical, mas a oferta alarga-se à recriação teatral, pelo Perjocum, a espetáculos de fogo, com o Jugling Fire e demonstrações de aves de rapina. Pelo caminho, há sempre oportunidade para experimentar a queimada galaica e provar a gastronomia bimilenar.

Para os mais novos há o espaço Caturo (Ludus Caturi), nome da mascote do Serviço Educativo do Centro Interpretativo de S. Lourenço, local reservado a jogos, oficinas, histórias e muitas brincadeiras. Aqui a pequenada poderá experimentar o tiro com catapulta, especialmente preparada para ela, além de uma surpresa a descobrir no local.

Para os mais corajosos haverá o Desafio Galaico, onde poderão experimentar atividades mais radicais, terminando a atividade como autênticos guerreiros.

A organização disponibilizará parques de estacionamento grátis e transporte gratuito de Esposende para Vila Chã e vice-versa durante todo o período do evento. Aconselhamos o uso do transporte gratuito para maior comodidade do visitante.

 

galaicofolia1.jpg

MUNICÍPIO DE CERVEIRA APOIA INVESTIGAÇÃO NO ÂMBITO DO PATRIMÓNIO CULTURAL

Uma equipa de cinco investigadores da Universidade do Minho encontra-se em Vila Nova de Cerveira, até ao final do mês, para estudar a arte rupestre do concelho, no âmbito do projeto de investigação de pós-doutoramento “Paisagem e representação do poder na Pré-história Recente: Arte Atlântica e Estátuas-Menir”.

Gravura rupestre da Chã Longa – Vila Nova de Cerveira.JPG

 Gravura rupestre da Chã Longa – Vila Nova de Cerveira

  

O grupo de investigadores é constituído por alunos do Mestrado e Licenciatura em Arqueologia da Universidade do Minho, sob a coordenação do Doutor Manuel Santos Estévez, pós-doutorando da Universidade do Minho, e da Prof.ª Doutora Ana Maria dos Santos Bettencourt, Professora Auxiliar com Agregação da mesma instituição de ensino.

O trabalho consiste na contextualização física e arqueológica do local gravado: na limpeza do afloramento; no estudo técnico e formal das gravuras; no decalque com plástico polivinilo e no seu levantamento fotogramétrico. Serão, igualmente, observadas outras rochas na área, com o intuito de se encontrarem novas gravuras rupestres.

O Município de Vila Nova de Cerveira apoia esta investigação, sublinhando a importância da proteção e valorização do património do concelho, neste caso pré-histórico, através da requalificação e procura de vestígios histórico-arqueológicos. No sentido de dar continuidade à estratégia de promoção de Vila Nova de Cerveira enquanto polo de turismo cultural, a Câmara Municipal pretende, ainda, a constituição de trilhos e sinalizações que divulguem este legado.

TRANSPORTE DE PASSAGEIROS EM ESPOSENDE PASSA A SER GERIDO PELA AIT CÁVADO

O Município de Esposende, à semelhança dos seus congéneres de Amares, Vila Verde e Terras de Bouro, assinou os contratos interadministrativos de delegação de competências na Comunidade Intermunicipal (CIM) Cávado, em matéria do serviço público de transporte de passageiros, facto que leva à criação de uma nova estrutura responsável pela gestão: Autoridade Intermunicipal de Transportes (AIT) Cávado. Pretende-se que este novo modelo de gestão venha dar resposta às reais necessidades das populações, principalmente as mais isoladas e que enfrentam o problema da falta de carreiras.

central camionagem.jpg

Este plano para a criação de uma rede intermunicipal, prevê a organização da intermodalidade, a bilhética integrada e até a gestão de paragens. Pretende-se que seja alcançada uma maior eficiência e gestão sustentável deste serviço, passando a CIM Cávado a ser responsável pelas carreiras intermunicipais que se desenvolvam dentro da NUT III Cávado e ainda daquelas que se desenrolem para além da NUT III Cávado, mas cujo percurso esteja, em mais de 50%, nela localizado.

O presidente da Câmara de Esposende entende que esta delegação de competências trará vantagens para o único concelho litoral do distrito de Braga. “O concelho de Esposende sente, atualmente, muitas dificuldades em termos de transportes públicos. É necessário reforçar a ligação ao concelho de Braga. A A11 apenas resolve o problema de quem circula em carro próprio. Queremos encontrar um sistema que ajude a descongestionar o troço da Estrada Nacional 13, em Esposende, durante o período de verão. O problema ficaria resolvido com um sistema de transporte público que levasse as pessoas até à praia”, considera Benjamim Pereira.

Segundo os responsáveis da CIM, esta medida agora implementada favorece os municípios mais pequenos, uma vez que muitos destes serviços não são estritamente municipais, mas interconcelhios. A Autoridade Intermunicipal de Transportes (AIT) Cávado deverá estar a funcionar em pleno até final do ano e articulará a ação dos operadores, obrigando a ajustar a sua conduta às necessidades das populações.

No âmbito da reorganização do Sistema de Transportes em Portugal, a nova lei prevê a delegação de competências de gestão dos sistemas de transportes públicos, do Estado para o poder local, para as CIM e municípios. Antes estavam centralizados no Instituto da Mobilidade e Transportes.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE FREIXO PREMIADO PELA FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

O Município de Ponte de Lima congratula-se com o prémio atribuído pela Fundação Calouste Gulbenkian ao Agrupamento de Escolas de Freixo pelo projeto “Hiper@gir para Mudar”.

AE FREIXO _ Fundação Gulbenkian (Small).jpg

O Agrupamento receberá 8.500,00€ para concretizar este projeto. Recorde-se que a Fundação Calouste Gulbenkian premiou o Agrupamento de Escolas de Freixo em 2013, com os projetos “Mexe-te Pá!” (1.000,00€) e “Uma Escola IN” (5.500 €).

O projeto foi apresentado pelo Departamento de Educação Especial, no âmbito da candidatura de apoio a atividades e ações destinadas a promover a educação, no âmbito da intervenção precoce, reabilitação e integração escolar e social de crianças e jovens com necessidades educativas especiais.

O projeto HIPER@GIR PARA MUDAR incide num estudo de caso através da implementação de uma metodologia inovadora no sistema educativo que objetiva a diminuição da impulsividade, o aumento da atenção e consequente produtividade, através da utilização da mesa “Nómada Desk”, a qual foi idealizada para as crianças trabalharem em pé. Para tal, foi estabelecida uma parceria com a empresa Weproductise - Serviços de Engenharia (Innovative eco-design for better living experiences).

Tendo por base os estudos realizados nos Estados Unidos e em Inglaterra, os quais confirmam progressos em termos de atenção/concentração e desempenho académico, esta será a primeira iniciativa em Portugal a ser desenvolvida junto dos alunos com PHDA (http://standupkids.org, http://ww2.kqed.org, http://standupkids.org) é pretensão deste Agrupamento realizar um estudo junto dos alunos com Perturbação de Hiperatividade com Défice de Atenção, baseado na observação e monitorização dos progressos evidenciados em termos de comportamento, atitudes, participação e aproveitamento académico, servindo de mote para um estudo de caso.

Também serão realizadas várias ações de formação para docentes, assistentes operacionais (alargadas aos Agrupamentos vinculados ao Centro de Formação Contínua-CENFIPE, palestras dirigidas aos pais/encarregados de educação e campanhas de sensibilização para alunos com o intento de abordar as problemáticas da Paralisia Cerebral e Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção.

MUNICÍPIO DE BRAGA APOIA FREGUESIAS DO CONCELHO

Câmara transfere mais de 350 mil euros para as Freguesias do Concelho. Apoios financeiros analisados na próxima reunião do Executivo

O Município de Braga vai transferir mais de 350 mil euros para diversas Freguesias do Concelho de modo a financiar a execução de várias obras. As propostas, em forma de Contratos Interadministrativos de Delegação de Competências e de Apoios Financeiros, atingem os 352 mil euros e serão apreciadas na próxima reunião de Executivo Municipal, a realizar na Segunda-feira, dia 18 de Julho.

Câmara Municipal.jpg

A maior fatia, no montante de 158 mil euros, vai para a União das Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro, para a execução da obra na Rua 13 de Maio, em Vimieiro.

Já a União de Freguesias de Guisande e Oliveira S. Pedro irá receber 98 mil euros para a realização da empreitada na Rua do Engenho, na Freguesia de Guisande.

À Freguesia de Sobreposta, o Executivo Municipal atribuirá o montante de 31 mil euros para a execução da repavimentação do loteamento das Touças. A União de Freguesias de Morreira e Trandeiras irá receber o valor de 27 mil euros para a segunda fase de intervenção a realizar na Rua José Gomes Ferreira, em Trandeiras.

O Executivo irá ainda atribuir 25 mil euros à União de Freguesias de Vilaça e Fradelos para a execução da requalificação da Rua da Delmirinha, em Fradelos, enquanto a Freguesia de Ruílhe irá receber o montante de 7.444.80 euros para a segunda fase da requalificação da Rua dos Leões.

Por fim, à Freguesia de Sobreposta será atribuído o montante de 3.395.46 euros com vista à empreitada do Beco de S. Tomé.

Novo cemitério para Mire de Tibães

Na próxima reunião, o Executivo Municipal irá apreciar, igualmente, uma proposta para a expropriação de um terreno necessário para a construção do novo Cemitério de Mire de Tibães. O processo implica a obrigatoriedade de ser requerida ao Governo a declaração de utilidade pública da expropriação, com carácter de urgência, do terreno acima mencionado.

A necessidade de expropriação do terreno, situado no lugar de Boavista, justifica-se pelo facto do actual cemitério estar praticamente lotado e pela impossibilidade de avançar com a sua ampliação, o que implica a construção de um novo equipamento.

O terreno em causa possui uma área de 19.400 metros quadrados e irá custar ao Município de Braga 95 mil euros.

Naquele local, situado nas proximidades do Mosteiro de S. Martinho de Tibães, será então construído o novo cemitério de Mire de Tibães que incluirá também a edificação de uma capela mortuária.

VILA VERDE REALIZA FESTA DAS COLHEITAS

Estão abertas as inscrições para a Festa das Colheitas 2016!

Estão oficialmente abertas as inscrições de 2016 para os stands de expositores e espaços gastronómicos habitualmente incluídos na programação da Festa das Colheitas, em Vila Verde, que este ano se realiza de 4 a 9 de outubro.

DSC_0244.JPG

As inscrições estão abertas para os seguintes setores de atividade: Artesanato, Produtos Agrícolas, Máquinas, Utensílios Agrícolas, Pastelaria, Panificação, Enchidos, Queijo, Vinho, Licores e Festival Gastronómico das Colheitas. Não fique de fora deste autêntico hino ao mundo rural, com sete dias dedicados inteiramente ao mundo rural e às raízes da cultura minhota, que vai levar os participantes a conhecerem e (se assim o desejarem) experienciarem na primeira pessoa os costumes e hábitos do povo minhoto.

A ficha de inscrição e as condições de participação estão disponíveis no Município de Vila Verde e no endereço webnarotadascolheitas.blogspot.com. Os interessados devem efetuar a sua inscrição até ao dia 05 de agosto e têm duas soluções para o feito. A primeira é o envio da ficha de inscrição e toda a documentação solicitada via CTT, para: Festa das Colheitas // Município de Vila Verde // Praça do MUNICÍPIO // 4730-733 Vila Verde. A inscrição também pode ser efetuada online através do envio da ficha de inscrição e toda a documentação solicitada para festadascolheitas@cm-vilaverde.pt

Recorde-se que a Festa das Colheitas é a iniciativa rainha da programação turístico cultural na Rota das Colheitas, do Município de Vila Verde, que de agosto a novembro se desdobra em dezenas de iniciativas de celebração da herança cultural e de homenagem ao legado cultural que herdámos em pleno do coração do Minho. As recriações de práticas ancestrais, a música popular e a alegria, os trajes tradicionais e as alfaias de outrora, a gastronomia regional e o artesanato, os hábitos e costumes de um povo acolhedor que continua a dominar com mestria a arte de bem receber. Motivo de sobra para seguir connosco nesta emocionante aventura pelo que de mais genuíno existe na cultura minhota.

REGIMENTO DE CAVALARIA PATRULHA FLORESTA EM BRAGA

Braga reforça meios de vigilância no combate aos incêndios. Regimento de Cavalaria vai patrulhar espaços florestais do Concelho

O Município de Braga celebrou um protocolo de colaboração com o Regimento de Cavalaria n.º 6 (RC6) que permite o patrulhamento e vigilância de parte dos espaços florestais do Concelho, durante o período crítico de risco de incêndios. Esta medida, que já está em curso desde o passado dia 5 de Julho, vem complementar as acções de vigilância florestal já desenvolvidas pelas diversas forças de segurança, nomeadamente pela Policia Municipal.

CMB15072016SERGIOFREITAS0000001111.jpg

“Este reforço da vigilância demonstra a preocupação acrescida por parte do Município de Braga em preservar o seu património florestal. Será uma vigilância contínua e permanente no combate aos incêndios, num espaço florestal de excelência, e que vem complementar o trabalho já desenvolvido no terreno por parte das diferentes forças de segurança”, referiu Firmino Marques, vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, durante a formalização do protocolo que decorreu esta Sexta-feira, 15 de Julho, nos Paços do Concelho, em Braga.

Como explicou Firmino Marques, o RC6 fará uma vigilância durante sete dias por semana, incluindo fins-de-semana e feriados, numa vasta área florestal que compreende as freguesias de Pedralva, Sobreposta, Espinho, a União de Freguesias de Este (São Pedro e São Mamede), União de Freguesias de Nogueiró e Tenões, União de Freguesias de Nogueira, Fraião e Lamaçães, e a União de Freguesias de Esporões e Morreira.

“Não haverá descanso para quem, de forma marginal e criminosa, contribui para provocar danos irreversíveis nos nossos espaços florestais”, sublinhou Firmino Marques, sustentando que esta colaboração, agora formalizada, “representa uma mais-valia na preservação da riqueza florestal do Concelho”.

O protocolo incluiu o patrulhamento nocturno por parte dos militares do RC6, facto que, além de se constituir como um meio dissuasor, vai permitir alargar o período de vigilância.

Por seu turno, o comandante do Regimento de Cavalaria n.º 6, António Varregoso, mostrou-se “satisfeito por poder responder afirmativamente ao desafio lançado pelo Município de Braga e contribuir, agora de forma mais reforçada, para a preservação florestal do Concelho”

“O apoio ao desenvolvimento e bem-estar da população, já faz parte das missões do Exército Português. O RC6 tem uma área de actuação que abrange os distritos de Braga e Viana do Castelo e os concelhos da Trofa e Santo Tirso. Na vertente de prevenção e combate aos incêndios florestais, temos uma força pronta para actuar como reforço da Autoridade Nacional de Protecção Civil no rescaldo e vigilância pós-rescaldo”, lembrou António Varregoso, explicando que esta é uma colaboração adicional às responsabilidades já assumidas perante a Comunidade Bracarense e vai envolver cerca de 240 militares.

CMB15072016SERGIOFREITAS0000001112.jpg

CMB15072016SERGIOFREITAS0000001114.jpg

GERÊS REALIZA DUATLO MARGENS DO HOMEM

Estadia na Quinta do Lago é o prémio para o vencedor do concurso de fotografia

O Duatlo Margens do Homem Focus leva-te ao Gerês!

O Duatlo Margens do Homem Focus não esqueceu os aficionados pela fotografia e resolveu premiar também o talento dos homens e mulheres imortalizam através das suas lentes momentos que vamos querer guardar nas nossas memórias. O vencedor recebe um Voucher de 1 Noite para duas pessoas mesmo às portas do Gerês, na deslumbrante Quinta do Lago, em Parada de Bouro.

concursonnnn.jpg

Cada participante pode enviar um máximo de 3 fotos, recolhidas durante o evento, bem como a sua identificação pessoal (Nome e Contacto) para o endereço de e-mail duatlomargensdohomem@gmail.com até às 20h00 do dia 30 de julho. As fotos estarão depois sujeitas a votação online nesta página de facebook durante mais uma semana, até às 20h00, do dia 07 de agosto.

A caminho da Taça de Portugal

Recorde-se que a edição de 2016 do Duatlo Margem do Homem Focus, que se vai realizar a 24 de julho, em Soutelo (Vila Verde), é uma prova aberta da Federação Portuguesa de Triatlo e está tudo bem encaminhado para que no próximo ano a prova integre o circuito da Taça de Portugal, o que atesta de forma categórica o potencial deste evento desportivo que vai ainda para a segunda edição.

A prova continua a juntar o Trail ao BTT, mas o percurso sofreu ligeiras alterações. Os atletas arrancam para 5km de Trail, a que se seguem 20Km de BTT e mais 2,5Km de Trail para finalizar, tudo preparado de acordo com as diretrizes da Federação. Os interessados poderão realizar as inscrições, consultar o regulamento e outros documentos úteis no website da Delegação Regional da Federação Portuguesa de Triatlo. Toda a informação estará disponível também na páginafacebook.com/duatlomargensdoriohomem.

Inúmeros atrativos para participantes e acompanhantes

Entre a beleza das deslumbrantes paisagens naturais, a imponência do património edificado, as demonstrações no paddock, a aula de Zumba e os insufláveis para as crianças, não faltam atrativos que fazem deste evento desportivo uma iniciativa de promoção e divulgação da freguesia de Soutelo e do concelho de Vila Verde.

 A responsabilidade social também é muito importante para a organização, pelo que haverá uma Caminhada Solidária a decorrer paralelamente ao evento e parte da receita das inscrições reverte para a Cruz Vermelha de Amares e para a Liga Portuguesa Contra o Cancro.

CASTELO DE LANHOSO ACOLHE MERCADO MEDIEVAL NO PRÓXIMO FIM-DE-SEMANA

Nos próximos dias 16 e 17 de julho, o Castelo de Lanhoso irá abrir uma janela para o passado, com a recriação de um Mercado Medieval na sua praça de armas. Ao entrar nas muralhas do castelo, o visitante irá mergulhar num cenário que pretende levá-lo numa viagem através do tempo.

Castelo de Lanhoso 2015.jpg

“O Município da Póvoa de Lanhoso tem como objetivo potenciar os monumentos concelhios e o Castelo de Lanhoso, sendo um dos ex-libris, não foge à regra. Os artesãos concelhios estarão presentes em força e temos como fim proporcionar aos povoenses um fim-se-semana diferente, num local histórico onde serão revividas tradições medievais”, refere o Vereador do Turismo da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, André Rodrigues.

Artes e ofícios tradicionais, com as técnicas de então, serão executadas por verdadeiros artesãos e artífices. Ferreiro, cesteiro, carpinteiro e artesão de pedra, ao lado de lavradores e camponesas, darão vida a um cenário medievo, que acima de tudo se espera recrie o quotidiano que havia nesta e noutras praças medievais.

Esta iniciativa está incluída nas comemorações dos 20 anos do Núcleo Museológico do Castelo de Lanhoso e conta com a participação de grupos, associações, empresas e outras coletividades locais que contribuíram positivamente na organização deste evento.

Durante o fim de semana,mercadores, músicos, artesãos, ciganas, videntes e até cavaleiros serão protagonistas de episódios históricos. A permeio, haverá espaço para o teste à habilidade dos visitantes, com um conjunto de jogos populares. O tiro ao alvo com arco e flecha desafiará a perícia dos mais entusiastas da prática. 

No domingo, a música de época tocada ao vivo irá envolver o cenário, contando com flautas de bisel, bombos e gaitas de foles, animando mercadores, senhores e ilustres visitantes. O Mercado Medieval do Castelo de Lanhoso contará ainda com componente da gastronomia típica, conferindo aos forasteiros a possibilidade de degustar algumas das iguarias tradicionais, em forno de lenha como convém à época,  provar o vinho verde, doces e compotas de feitura artesanal.

O Mercado Medieval funcionará das 10h00 às 20h00, nos dois dias do evento, sendo que o núcleo museológico do Castelo estará aberto ao público para visitas, em acesso normal, com a particularidade de extensão do horário ajustada à feira.  

II MEGA AULA DE KARATÉ BUSHIDO AK – ESPOSENDE FOI UM MEGA SUCESSO!

A Cidade de Esposende recebeu no dia 13 de julho, em frente às Piscinas Foz do Cávado, a II MEGA AULA DE KARATÉ BUSHIDO AK – ESPOSENDE. O evento foi organizado pela BUSHIDO - ASSOCIAÇÃO DE KARATÉ DE ESPOSENDE e contou com a participação de dezenas de crianças, jovens e adultos, que passaram uma tarde divertidíssima, com muita alegria, muita atividade física e claro, muito KARATÉ!

O evento contou com o importante apoio de:

- ESPOSENDE 2000

- ASSOCIAÇÃO DE PAIS DA BUSHIDO AK

- ASSOCIAÇÃO DE CIDADÃOS DE ESPOSENDE

- PIZZARIA SIAMO IN DUO

- CLÍNIDA IRSMED

- ABÍLIO CARDOSO

esposendeartesmarc (1).jpg

esposendeartesmarc (2).jpg

esposendeartesmarc (3).jpg

esposendeartesmarc (4).jpg

esposendeartesmarc (5).jpg

esposendeartesmarc (6).jpg

ESPOSENDE APOIA DESPORTOS NÁUTICOS

Município instala apoios para desportos náuticos

O Município de Esposende vai proceder à instalação de estruturas de apoio aos desportos náuticos, nas praias de Suave Mar e Ofir, devido ao crescimento da prática de desportos ligados ao mar que se regista nesses dois locais. Assim, a autarquia procedeu à aquisição de três módulos que serão colocados nessas praias, em substituição dos módulos em condições precárias existentes

surf.jpg

Com esta medida, a Câmara Municipal de Esposende pretende proporcionar mais e melhores condições para a prática desportiva das modalidades de surf, bodyboard e outras que venham a ser incrementadas, no âmbito da ação das escolas que desenvolvem as suas atividades nessas praias.

Já há alguns anos, o Município de Esposende havia colocado estruturas de apoio aos desportos nas praias de Suave Mar e Apúlia, altura em que foi assumido o propósito de alargar o âmbito a outras praias onde a prática desportiva existe.

Passados estes anos e fruto do aparecimento de escolas de surf e bodyboard com prática efetiva, a Câmara Municipal pretendeu dotar estes locais com estruturas mais funcionais e apelativas. De resto, e uma vez que a prática destas modalidades é uma realidade, foram assumidos contratos de comodato de instalações, pelo período de um ano, com o Esposende Surf Team (Centro de Intervenção Cultural e Social de Palmeira de Faro), Onda Magna e Centro de Surf de Esposende (Forum Esposendense).

De resto, a crescente procura que aponta Esposende como destino para a prática destes desportos, o envolvimento das entidades na implementação de novas práticas, deixam antever a afirmação de Esposende como local de enorme potencial para os desportos náuticos.

Lembre-se que o Município de Esposende considera a prática de desportos náuticos como um fator de desenvolvimento, razão que levou a elencá-los como produtos estratégicos definidos nos planos de desenvolvimento desportivo e turístico.

Numa perspetiva mais global, Esposende está a desenvolver, juntamente com os municípios de Viana do Castelo e Caminha, o projeto de âmbito internacional, “Surfing Europe”, cofinanciado pela comunidade europeia e que pretende promover externamente estes destinos como excelentes “spots” para a modalidade, rivalizando com outras regiões do país.

surf1.jpg

FAMALICÃO DÁ A CONHECER AS IDEIAS QUE VÃO SUSTENTAR O NOVO MERCADO MUNICIPAL

Sessão pública de esclarecimento, segunda-feira, 18 de julho, pelas 18h30, no Mercado Municipal

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão vai dar a conhecer aos munícipes, e muito particularmente aos comerciantes que operam no Mercado Municipal, as linhas orientadoras do Plano de Requalificação e Reposicionamento do Mercado Municipal, que a Câmara está a preparar para dar uma nova vida a esta importante e histórica infraestrutura comercial.

AFS_8463.jpg

A sessão pública de esclarecimento tem lugar no próximo dia 18 de julho (segunda-feira), pelas 18h30, no Mercado Municipal e contará com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha.

Com esta sessão, a Câmara Municipal pretende igualmente dar continuidade à auscultação que tem vindo a ser feita junto da população que frequenta o Mercado Municipal, quanto às ideias que defendem para a infraestrutura.

Recorde-se que a requalificação, modernização e reposicionamento do Mercado Municipal  de Vila Nova de Famalicão é uma das obras previstas no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) recentemente assinado entre a autarquia e a CCDR-N – Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional do Norte, reservando uma verba de 17,5 milhões de euros para a requalificação urbana das Áreas de Reabilitação Urbana de Famalicão.

Imagem 123.jpg

BRAGA INAUGURA REQUALIFICAÇÃO DO MOINHO DE ESTE

Inauguração do Moinho de Este (S. Pedro) e espaços envolventes. Amanhã, Sábado, dia 16 de Julho de 2016, pelas 16h00, na Variante do Fojo, em Braga

O Município de Braga realiza uma sessão púbica de inauguração da obra de requalificação do ancestral moinho de água de Este (S. Pedro e S. Mamede) e da revitalização de toda a zona envolvente, que terá lugar amanhã, Sábado, dia 16 de Julho de 2016, pelas 16h00, na Variante do Fojo (cruzamento do Alto da Vela), junto ao Rio Este, em Braga.

A iniciativa contará com a presença de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, que assim cumprirá a inauguração de mais um projecto vencedor do Orçamento Participativo de Braga.

Este projecto, um dos vencedores da edição 2014 do Orçamento Participativo, colocou em prática a recuperação e revitalização de toda uma zona nobre daquela freguesia, contígua ao Rio Este.

PRIMEIRO-MINISTRO INAUGURA SÁBADO A NOVA BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CAMINHA

Investimento em pleno Centro Histórico ronda o milhão e euros

O Primeiro-Ministro, António Costa, inaugura amanhã, sábado, a nova Biblioteca Municipal de Caminha, um investimento de cerca de um milhão de euros, que a Câmara conseguiu financiar aproveitando os últimos fundos comunitários disponíveis. O Chefe do Governo deverá chegar ao centro da Vila pelas 10h00, estando a concentração marcada para a zona da Torre do Relógio.

Nova Biblioteca.jpg

A nova Biblioteca Municipal de Caminha, em pleno Centro Histórico da Vila, está pronta. Trata-se de uma obra estruturante que custou 907.374,73 € + IVA. Foi comparticipada em 85% pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

A construção da nova Biblioteca Municipal traduz-se num importante contributo para o aumento, diversificação e enriquecimento da oferta cultural no concelho, e para a qualificação do Centro Histórico da Vila de Caminha.

Da autoria do arquiteto Nuno Brandão Costa, o projeto da nova Biblioteca de Caminha incluiu a requalificação da casa existente e a construção de um “acrescento”, que o autor denomina de “dissonante”, construído em granito. Assim, na casa, no rés-do-chão, situa-se o átrio e, na parte superior, uma área da sala de leitura. No “acrescento”, no espaço de baixo, foi instalada a sala infantil, com janelas voltadas para o exterior. Na parte superior, fica a parte restante da sala de leitura, tudo em vidro, com varandas que permitem ampliar o espaço, que poderão ser transformadas em salas de leitura durante o verão. O projeto ainda contempla a construção de uma cave que interliga os dois volumes, onde foi construído um auditório.

A obra resulta de uma candidatura apresentada e aprovada pelo Eixo Prioritário III - Valorização e Qualificação Ambiental e Territorial, objetivo específico Rede de Equipamentos Culturais, do Programa Operacional ON.2 - O Novo Norte (Programa Operacional Regional do Norte 2007-2013 (QREN).

BIBLIOTECAS DE JARDIM EM BRAGA APRESENTAM ACTIVIDADES PARA TODA A FAMÍLIA

O ciclo de actividades das Bibliotecas de Jardim estará aberto ao público a partir da próxima Segunda-feira, 18 de Julho. Até meados de Setembro, a Avenida Central e o Parque de São João da Ponte serão os palcos de excelência com actividades para toda a família.

Bibliotecas de Jardim.jpg

A iniciativa tem por objectivo promover o livro e o incentivar à leitura, bem como, fomentar diversas actividades didácticas de educação pela arte. As actividades estão direccionadas para o público em geral, com um enfoque privilegiado no público infanto-juvenil.

Horas do conto, sessões de cinema, jogos didácticos, sessões de educação ambiental, teatro de marionetas, oficinas de artes plásticas, entre outras actividades, irão fazer as delícias de miúdos e graúdos.

Para além do habitual espaço de leitura de acesso livre, apresentam-se um conjunto de propostas de actividades que estão sujeitas a inscrição ou pré reserva mas todas com acesso gratuito.

Em anexo, seguem os programa de actividades previstos para a Biblioteca de Jardim da Avenida Central e do Parque da Ponte, sendo que as inscrições para participar nas actividades da Biblioteca de Jardim da Avenida Central serão efectuadas online em: https://goo.gl/53aMSX e as inscrições para as actividades da Biblioteca do Parque da Ponte podem ser efectuadas em: https://goo.gl/gyv7AA