Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MONÇÃO FESTEJA FORAL DE VALADARES

Este domingo, 10 de julho, a partir das 17h00, no Parque de Merendas da Senhora da Abadia, a União de Freguesias de Messegães, Valadares e Sá assinala data com leitura e teatralização do foral num momento de afirmação identitária da comunidade local.

Com organização da União de Freguesias de Messegães, Valadares e Sá, comemora-se, este domingo, 10 de julho, a partir das 17h00, o Foral da Terra de Valadares, datado de 1 de julho de 1317, no Parque de Merendas da Senhora da Abadia.   

Neste espaço aprazível e natural próximo do rio Minho, o programa comemorativo prevê a leitura e teatralização do Foral num momento de afirmação identitária da comunidade local. A encenação é de Ilídio Castro com o apoio da Filarmónica Milagrense.

Situada geograficamente entre Monção e Melgaço, Valadares é, segundo o historiador Pinho Leal, uma das mais antigas povoações da região minhota, beneficiando de foral no dia 1 de julho de 1317, confirmado depois, em Santarém, a 12 de julho de 1487.

Em 1 de junho de 1512, o Rei D. Manuel viria a outorgar-lhe foral novo, desta vez, na cidade de Lisboa. Teve este concelho, ao longo dos séculos, vários donatários, entre os quais, um nobre oriundo da Galiza de seu nome Soeiro Arias de Valadares.

No dia 24 de outubro de 1855, o concelho de Valadares foi extinto e as suas freguesias repartidas pelos concelhos de Monção e Melgaço. Nesta Festa do Foral, pretende-se relembrar o papel e a importância deste território no contexto nacional e transfronteiriço.

ARCOS DE VALDEVEZ INVESTE 350 MIL EUROS NO REFORÇO DA INSTALAÇÃO DE SANEAMENTO BÁSICO NO CONCELHO

Apesar de muito já ter sido investido, as atenções da Câmara Municipal continuam viradas para o reforço das infraestruturas básicas de forma a conseguir abarcar o concelho na sua totalidade.

consignacao_saneamento_parada.jpg

Neste sentido, na passada segunda-feira, procedeu à consignação das empreitadas de “Ampliação da Rede de Saneamento Básico Freguesia de Parada ao longo da EN 101”, de “Ampliação da Rede de Saneamento Básico a Tabaçô (Núcleo Central)” e “Ampliação da Rede de Saneamento Básico Freguesias de Prozelo e Aguiã ao longo da EN 101”.

Com a “Ampliação da Rede de Saneamento Básico Freguesia de Parada ao longo da EN 101”, adjudicada por 36.651,60€, pretende-se dotar os edifícios confrontantes em algumas zonas da Estrada Nacional 101 na localidade de Parada, de rede pública de drenagem de águas residuais domésticas, com a instalação de 19 ramais domiciliários.

A Ampliação da Rede de Saneamento Básico a Tabaçô (Núcleo Central)”, adjudicada por 154.380,94€, pretende fazer a ampliação da rede de saneamento no caminho municipal 1308 e transversais, numa extensão de cerca de 1.9 km, prevendo-se ainda a instalação de 65 ramais domiciliários.

Por último, com a Ampliação da Rede de Saneamento Básico das Freguesias de Prozelo e Aguiã ao longo da EN 101, adjudicada por  152.734, 26€, pretende-se dotar os edifícios confrontantes em algumas zonas da Estrada Nacional 101 na localidade de Prozelo e Aguiã, de rede pública de drenagem de águas residuais domésticas.

consignacao_saneamento_Prozelo.jpg

Esta empreitada permitirá aumentar a cobertura local, estando prevista a instalação de 77 ramais domiciliários.

Obra é financiada pelo POSEUR - EIXO PRIORITÁRIO 3 - PROTEGER O AMBIENTE E PROMOVER A EFICIÊNCIA DOS RECURSOS (FUNDO DE COESÃO, OBJETIVO ESPECÍFICO 2, OTIMIZAÇÃO E GESTÃO EFICIENTE DOS RECURSOS E INFRAESTRUTURAS EXISTENTES, GARANTINDO A QUALIDADE DO SERVIÇO PRESTADO ÀS POPULAÇÕES E A SUSTENTABILIDADE DOS SISTEMAS, NO ÂMBITO DO CICLO URBANO DA ÁGUA, com um investimento elegível de 1 640 955,29 € e comparticipação ao Fundo de Coesão (FC) na ordem dos 1 230 716,47 €.

Ao nível do saneamento está em curso a “Ampliação da Rede de Saneamento Básico Arcos de Valdevez (S. Paio)”, no valor de 277.306,05€.

No âmbito da redução da poluição nas massas de águas, a Câmara Municipal também procedeu à Aquisição de Equipamento Eletromecânico para a Remodelação da ETAR do Parque Empresarial de Padreiro, no valor de 17.000,00€ e para a estação elevatória de Prova – Paço, no valor de 15 802,61€.

Encontra-se ainda a decorrer a empreitada de Substituição de ETAR na Escola de Távora (Monte Aval), adjudicada por 66 575,50€.

Estas intervenções têm por objetivo contribuir para a melhoria da saúde e qualidade de vida da população, bem como a proteção dos mananciais de água e a preservação do meio ambiente.

consignacao_saneamento_tabaçô.jpg

AMARES REALIZA FESTIVAL DO BACALHAU

Já está a decorrer a primeira edição do Festival do Bacalhau. Até domingo, os melhores petiscos, tendo como denominador comum o bacalhau, vão ser servidos no Parque das Termas, sempre acompanhados pelos bons vinhos de Amares, numa iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Amares e pela Junta de Freguesia de Caldelas, Sequeiros e Paranhos. A animação musical também não vai faltar, por isso, traga os seus familiares e amigos e junte-se à festa dos sabores e saberes da região.

image002.jpg

GNR ATUA AMANHÃ EM FAFE

Majestosa procissão culmina Festas do Concelho

Começaram, ontem, as Festas em honra de N.ª Sr.ª de Antime, em Fafe, que se prolongam até ao próximo domingo, dia 10 de julho.

Amanhã, o ponto alto das comemorações acontece com o concerto da banda portuense GNR, na Praça 25 de Abril, às 23h00.

Na manhã de domingo, decorre a tradicional procissão, num momento especial de devoção e fé, que mobiliza milhares de pessoas para Fafe.

PÓVOA DE LANHOSO ORGANIZA FÉRIAS ATIVAS

“Férias Ativas Verão 2016” são sucesso entre crianças e jovens

O Campo de Férias "Férias Ativas - Verão 2016", promovido pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, encontra-se já com todas as vagas ocupadas até ao seu final, em agosto. Tal é demonstrativo do enorme interesse que esta proposta tem conseguido manter junto de pais e mães, mas, sobretudo, junto de crianças e jovens.

Ferias Ativas Verao 2016 1.JPG

De momento, existe mesmo uma lista de espera, com alguns nomes.

Isabel, 11 anos, de Calvos, está pela segunda vez no Férias Ativas. “Gosto, é muito divertido, fazemos muitas atividades”, refere, revelando que foi a mãe que fez a sua inscrição. “Fiquei contente”, afirma, revelando que o que mais anseia experimentar são os parques aquáticos. Esta pequena, que já fez amizade com a Matilde, a Sara e a Filipa, vai ficar até agosto neste Campo de Férias.

Sara tem 10 anos e é de Vilela. É já participante habitual no Férias Ativas, durante as várias edições que se realizam durante o ano. “Gosto de tudo. Todas as atividades são divertidas”, considera. Também foi a sua mãe que a inscreveu. “Fiquei muito contente, porque temos muitas atividades”, salientou, esta jovem que vai ficar todo o mês de julho.

Com 12 anos, o Luís, da Póvoa de Lanhoso, também tem estado em várias edições. “Gosto das atividades, do convívio…”, revela, este jovem, que também já tem amigos mais chegados neste grupo: o Tiago, o Nuno e o irmão David. Com os técnicos do Espaço Jovem e Ação Social, que já conhece bem, sente-se “em casa” quando está no Férias Ativas, afirma. Ele fica ainda durante algumas semanas de agosto, mas mal pode esperar pela experiência do karting…

Este Campo de Férias está centrado no Espaço Jovem, mas as atividades são realizadas nos mais distintos locais, dentro e fora do nosso concelho, muitas vezes, criando sinergias entre os diversos espaços, equipamentos e respostas municipais. Teresa, mãe da Isabel e de outra criança de oito anos, gosta desta proposta que visa ocupar os tempos livres dos mais novos, em período de férias escolares. “Gosto e todos os anos tento pôr lá os meus filhos, porque tem atividades diversificadas e eles gostam”. Em sua opinião, esta é “uma boa solução para os pais, sobretudo para mim, que não tenho família com quem os possa deixar nas férias”. Para Teresa, há só um senão: o número limitado de vagas. “É um número que começa a ser insuficiente, dada a procura”, considera, afirmando que este Campo de Férias municipal apresenta “uma boa relação preço/qualidade, atendendo a outras propostas existentes”.

Autarquia atenta à crescente procura

O Programa “Férias Ativas” implementado pelo município em todas as interrupções escolares é um campo de férias inscrito no IPDJ. “Trata-se de um programa com muito sucesso e permite aos pais, nas interrupções letivas, uma melhor conciliação com os seus horários de trabalho”, explica a Vereadora da Juventude da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca, que admite que “a interrupção de verão está a tornar-se problemática, nomeadamente no mês de julho, pois não temos capacidade de resposta dada a adesão verificada”.

As “Férias Ativas” permitem aos  pais ter os filhos ocupados durante o período de férias mas também é verdade que, alguns tendo retaguarda familiar inscrevem, os seus filhos neste programa, nas semanas cuja programação mais lhes agrada. “Efetivamente, trata-se  de um programa que foi crescendo e hoje é um sucesso, para pais e filhos, o que acarreta mais responsabilidade”, reconhece Gabriela Fonseca. E o maior desafio é a capacidade para inovar ao fim de tantas edições. “Somos exigentes no que à programação diz respeito. A componente histórica/cultural tem que estar sempre presente, mesmo tratando-se de férias, a par com as atividades desportivas, recreativas e de lazer. O conhecimento e a inovação são fundamentais”, sublinha.

O “Férias Ativas Verão 2016” termina no dia 26 de agosto. Até lá, as crianças e jovens participantes ainda poderão experimentar ateliês diversos e jogos, visitar a Escola de Educação Rodoviária de Braga, andar de comboio entre Braga e o Porto, ir ao parque aquático de Amarante e ao Karting/Kids only em Famalicão, de entre muitas outras propostas.

PÓVOA DE LANHOSO PROMOVE AMIZADE ENTRE IDOSOS E ANIMAIS

Câmara Municipal de Póvoa de Lanhoso e CAPA fomentam amizade entre seniores e animais

Decorreu no passado dia 4 de julho, mais uma sessão-piloto no âmbito do Projeto de “AAA - Atividade Assistida por Animais em Lares de Idosos”, o qual surge de mais uma parceria entre a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso com o CAPA – Clube de Adoção e Proteção de Animais. O Vereador da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso  André Rodrigues acompanhou esta atividade.

Atividade com Animais 1.JPG

As sessões-piloto tiveram lugar no Lar de S. José da Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Lanhoso e incluíram atividades como o “Passeio com melhor amigo do Homem”, a “Dança com cães”, ao som de um grupo de cavaquinhos”, e a “Hora do Mimo”…

Pretende-se, com esta iniciativa, proporcionar experiências agradáveis, diferentes e de estímulo aos idosos institucionalizados, que a própria interação com estes animais e suas caraterísticas peculiares permite atingir.

Procura-se ainda sensibilizar a sociedade quer para a fragilidade dos idosos nestas situações quer para a causa animal, no que respeita ao abandono de animais de companhia.

Os “cães terapeutas” utilizados nas sessões pertencem ao CAPA e são animais que foram resgatados das ruas do nosso concelho. Foram submetidos a treino básico para a prática de AAA e são alvo de acompanhamento veterinário, estando assim aptos para retribuir aos humanos de uma forma única o carinho de que foram alvo ao serem regatados da vida errante.

Atendendo ao sucesso da primeira sessão, existe o objetivo de alargar a iniciativa a outras instituições similares, nomeadamente, aos diversos Centros de Convívio existentes no concelho.

Atividade com Animais 2.JPG

TERRAS DE BOURO EDITA REVISTA MUNICIPAL

Edição nº 144 da Revista  Informativa da Câmara Municipal de Terras de Bouro já está disponível

A Câmara Municipal de Terras de Bouro já colocou à disposição dos munícipes, na sua página eletrónica, a segunda edição de 2016 da sua publicação informativa.

Trata-se de uma publicação trimestral que tem como principal finalidade divulgar as principais atividades do município e dar as mais diversas informações relacionadas com os vários serviços municipais.

http://www.cm-terrasdebouro.pt/images/noticias/2016/07/07/Boletim_Terras_Bouro_144.pdf

CAPA -RIMTBR Nº144-page-001.jpg

 RIMTBR Nº144-page-011 (1).jpg

ESPOSENDE MOSTRA MARGINAL À NOITE

Falta uma semana para a “Marginal à noite em Esposende”

A Corrida noturna “Marginal à Noite em Esposende” tem, pelo terceiro ano consecutivo, um registo elevado de inscrições. Esta prova de corrida a pé terá lugar no dia 16 de julho, às 21h30, com partida e chegada junto às Piscinas Foz do Cávado. Os participantes percorrerão uma distância cronometrada de oito (8) quilómetros pela Avenida Marginal, havendo ainda a modalidade de caminhada, destinada a todas as classes etárias.

run.JPG

Como comprova o historial, esta corrida promete um ambiente festivo, não só pela participação de atletas de todos os níveis, mas também pela presença de muito público e pela panóplia de animação que envolve esta iniciativa, que promete encher de luz, cor e animação a avenida marginal de Esposende.

As inscrições ainda estão a decorrer e podem ser feitas nas lojas Sport Zone (Grande Porto), na Loja do Corredor, no Centro de Informação Turística de Esposende e nas Piscinas Foz do Cávado.

A “Marginal à Noite em Esposende” é uma organização da Runporto.com e Câmara Municipal de Esposende e conta com o apoio da Associação de Atletismo de Braga e insere-se nos planos estratégicos de desenvolvimento desportivo e turístico de Esposende, nomeadamente, a realização de eventos que fomentem a prática desportiva de lazer e atraiam gente ao concelho, potenciando assim o desenvolvimento da economia local.

run2.JPG 

ESPOSENDE MOSTRA MARGINAL À NOITE

Falta uma semana para a “Marginal à noite em Esposende”

A Corrida noturna “Marginal à Noite em Esposende” tem, pelo terceiro ano consecutivo, um registo elevado de inscrições. Esta prova de corrida a pé terá lugar no dia 16 de julho, às 21h30, com partida e chegada junto às Piscinas Foz do Cávado. Os participantes percorrerão uma distância cronometrada de oito (8) quilómetros pela Avenida Marginal, havendo ainda a modalidade de caminhada, destinada a todas as classes etárias.

run.JPG

Como comprova o historial, esta corrida promete um ambiente festivo, não só pela participação de atletas de todos os níveis, mas também pela presença de muito público e pela panóplia de animação que envolve esta iniciativa, que promete encher de luz, cor e animação a avenida marginal de Esposende.

As inscrições ainda estão a decorrer e podem ser feitas nas lojas Sport Zone (Grande Porto), na Loja do Corredor, no Centro de Informação Turística de Esposende e nas Piscinas Foz do Cávado.

A “Marginal à Noite em Esposende” é uma organização da Runporto.com e Câmara Municipal de Esposende e conta com o apoio da Associação de Atletismo de Braga e insere-se nos planos estratégicos de desenvolvimento desportivo e turístico de Esposende, nomeadamente, a realização de eventos que fomentem a prática desportiva de lazer e atraiam gente ao concelho, potenciando assim o desenvolvimento da economia local.

run2.JPG 

ESPOSENDENSES ACOMPANHAM SELECÇÃO NACIONAL DE FUTEBOL

Município disponibiliza ecrã gigante para assistir à final do Europeu

Mais uma vez, a Câmara Municipal de Esposende vai disponibilizar um ecrã gigante para assistir ao encontro entre Portugal e a França, desta feita no Parque Radical, junto às Piscinas Foz do Cávado.

PRACA_SELECAO .jpg

Esposende transformou-se na “Praça Seleção” durante o Campeonato Europeu de Futebol, que decorre em França e cuja final está agendada para as 20 horas de domingo, dia 10 de julho.

Ao longo da última quinzena de junho sofremos juntos, mas da união nasceu a força que conduziu a nossa seleção até à final. O último passo será dado domingo, dia em que as emoções merecem ser partilhadas.

Desta forma, o Município convida todos munícipes, visitantes e turistas para que se unam em torno do apoio à seleção no próximo domingo na zona ribeirinha de Esposende.

FAMALICÃO APOSTA NO PROJETO "TER IDEIAS PARA MUDAR O MUNDO"

Projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo” realizou Seminário Final

Decorreu no dia 2 de julho, sábado passado, o seminário Final do Projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo”, na Casa de Estudos Camilianos em Vila Nova de Famalicão.

Seminario final 1.jpg

A Vice-Presidente e Vereadora da Educação da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca, também esteve presente. "O objetivo da introdução do empreendedorismo na Educação Pré-Escolar é fundamentalmente 'fazer acontecer as ideias, que cada um tem e que são discutidas e maturadas no grupo turma, antes de serem implementadas. Este programa permite desenvolver nas crianças um conjunto de competências transversais como o espírito de iniciativa e de trabalho em equipa, a liderança e a resiliência, entre outras, e que necessariamente contribuirão para o seu desenvolvimento integral com reflexos positivos no seu desempenho”. As educadoras que foram capacitadas no âmbito do projeto 'Ter ideias para Mudar o Mundo' replicarão a formação recebida junto das restantes educadoras, acabando por envolver todas as crianças da Educação Pré-Escolar. De salientar que na apresentação dos trabalhos no passado dia 2 de julho, surgiram projetos muito interessantes, bem trabalhados e diferenciados", salienta Gabriela Fonseca.

Este dia representou o culminar de várias fases de implementação do programa de Educação para o Empreendedorismo na Educação Pré- Escolar, que está a ser desenvolvido nos diversos municípios da CIM do Ave, no âmbito do Plano para o Crescimento Inclusivo do Ave – Rede de Educação para o Empreendedorismo e que pretende essencialmente estimular, desde muito cedo, a capacidade das crianças terem ideias, de as projetarem e de as construírem de forma partilhada e em equipa, sendo EMPREENDEDORES.

Assim sendo, foram apresentados 30 projetos finais, representando 30 Agrupamentos de Escolas do Ave, 30 educadoras, 650 crianças e milhares de pais envolvidos.

No que diz respeito à Póvoa de Lanhoso, foram envolvidos os dois Agrupamentos de Escolas do concelho (Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio e Agrupamento de Escolas da Póvoa de Lanhoso) bem como a Santa Casa da Misericórdia. Cada uma destas entidades teve a possibilidade de indicar uma educadora, que, devidamente capacitada para o efeito, acompanhou as crianças de pré-escolar no desenvolvimento de um projeto específico. De forma direta, foram envolvidas 65 crianças, com idades entre os três e os cinco. 

Foi contagiante o entusiasmo das crianças a apresentarem os seus projetos.

FAMALICÃO VAI TER PISTA DE ATLETISMO E CENTRO BTT

Novo equipamento é apresentado segunda-feira, 11 de julho, pelas 10h30, nos Paços do Concelho

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, convida os órgãos de comunicação social para conferência de imprensa de apresentação do Centro Desportivo de Famalicão, a realizar na próxima segunda-feira, 11 de julho, pelas 10h30, nos Paços do Concelho.

planta piso 0 DWG Model _(1_).jpg

O Centro Desportivo de Famalicão (CDT) é um novo equipamento desportivo famalicense que vai nascer em terrenos municipais situados no lugar do Talvai, em Vila Nova de Famalicão, na zona norte da cidade. A estrutura será construída de raiz e integrará um centro de atletismo, que terá capacidade para a prática das mais de duas dezenas de disciplinas  das  três modalidades do atletismo: corrida, lançamentos e saltos; e um centro de BTT, com equipamentos de apoio à prática da modalidade e de apoio à formação e iniciação.

Para Paulo Cunha “este é um projeto estruturante para o futuro de Famalicão, representando um passo de gigante para a formação e democratização desportiva do concelho”.

ARCOS DE VALDEVEZ REABILITA VIAS MUNICIPAIS

Mais reabilitação no valor de cerca de 400 mil euros para a melhoria da qualidade de vida população

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, visitou as obras em curso no âmbito da empreitada de «REABILITAÇÃO DE VIAS MUNICIPAIS – BLOCO I», adjudicada à empresa Martins & Filhos, S.A por 360.400,64.

visita_obras_freguesias_blocoI (2).JPG

Com a empreitada em questão, pretende-se a beneficiação de vários troços de estradas e caminhos municipais assim como arruamentos urbanos do concelho de Arcos de Valdevez, cujos pavimentos betuminosos se encontram degradados. A obra abrange 8 freguesias e uniões de freguesias, sendo a extensão total de cerca de 10 kms.

Do conjunto de obras em curso já se encontram concluídos os troços na EM 202-2 na União de freguesias de S. Cosme e S. Damião, Sá e Vilela e na EM 505-3 em Aboim das Choças, na EM 202 em Giela, no CM 1300 em Sabadim, encontrando-se a iniciar os troços do CM 1308 e 1308-1 em Souto e Tabaçô; do CM 1311 em Jolda Madalena e Rio Cabrão; e do CM 1317-3 em Guilhadeses e Santar. Também serão reabilitados o Arruamento da Carreira em Arcos S.Paio e Giela; e o Arruamento A do Parque Empresarial de Paçô.

Ainda no âmbito da rede viária estão a ser feitos investimentos no concelho no que concerne à reabilitação de muros, pavimentações e barreiras de segurança no valor de, 733.295,20€, e estão em fase de adjudicação as obras do Bloco 2, a qual engloba intervenções nas freguesias de Rio de Moinhos, Aguiã, Rio Frio, Miranda, Prozelo/Parada, Arcos S. Paio e Padreiro Sta. Cristina, no valor de 163.555,02€. Estão também previstas as obras de Reconstrução de Muros de suporte em Cendufe, Padreiro, no valor de 31. 243,82€ e a de Alargamento e beneficiação do C.M 1306 (Santo Amaro à EM 523-4) – Monte Redondo, no valor de 254 400,00€.

Estas intervenções permitirão criar condições de segurança pela melhoria significativamente da visibilidade, assim como de conforto com ganhos importantes em termos de custo e tempo.

Com o melhoramento dos pavimentos nestas zonas, a Câmara Municipal está a contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos habitantes do concelho, sendo por isso, estes investimentos fulcrais para o bom desenvolvimento do mesmo.

visita_obras_freguesias_blocoI (3).JPG

visita_obras_freguesias_blocoI (5).JPG

BRAGA PROMOVE “FESTA DO POLVO” DE CARBALLIÑO (GALIZA)

Evento gastronómico decorre em Agosto na Galiza

A Cidade de Braga recebeu hoje, 8 de Julho, uma acção promocional da 54.ª Festa do Polvo do Concelho de Carballiño, uma das mais importantes iniciativas gastronómicas de toda a Galiza.

carbaliño.jpg

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, referiu que esta é “mais uma acção de promoção entre municípios que integram a grande Euro-Região do Norte de Portugal e da Galiza, com o objectivo de potenciar o seu desenvolvimento económico”.

Na apresentação do evento, que contou com a presença do Alcaide de Carballiño, Francisco Fumega, Ricardo Rio lembrou que o Eixo Atlântico tem vindo a estimular a cooperação entre os municípios que integram esta organização transfronteiriça por forma a valorizar os recursos de cada um dos Concelhos. “Braga tem estado de portas abertas a iniciativas como esta e, da mesma forma, tem levado até à Galiza diversas acções promocionais dos grandes eventos da Cidade”, referiu, convidando os Bracarenses a participar na ‘Festa do Polvo’ e a conhecer melhor a região de Carballiño.

A ‘Festa do Polvo’, a realizar no segundo domingo de Agosto, no Parque Municipal de Carballiño, está classificada como Festa de Interesse Turístico Nacional e é precedida por 15 dias de actividades culturais, desportivas e lúdicas.

carbaliño (2).jpg

carbaliño (3).jpg

PONTE DE LIMA TEM OFERTA HOTELEIRA

Ponte de Lima dispõe de uma nova oferta hoteleira: Hotel Império do Norte

Ponte de Lima dispõe de uma nova oferta de alojamento. Reabriu recentemente o antigo Hotel Império do Minho.

IMG_7910 (Small).JPG

“Tendo em conta a dinâmica dos eventos que promovermos ao longo do ano, a requalificação deste imóvel, é uma excelente noticia”, revelou o Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, Engº Victor Mendes, na recente visita que efetuou ao hotel. O autarca justificou ainda, que esta “visita pretende avaliar o tecido económico e o investimento efetuado, bem como mostrar o nosso incentivo ao investidor que aqui investiu cerca de 4 milhões de euros”.

Renovado 60% do edifício, num investimento de 2.500.000€, prevê-se que dentro de 8 meses esteja concluída a restante recuperação em cerca de 40% cujo investimento será de 1.500.000€, adiantou o novo proprietário, um ex emigrante, natural de Arcos de Valdevez.

O empresário apostou na recuperação deste equipamento, situado numa zona privilegiada da Vila, em frente à Avenida dos Plátanos, ambicionando transformar- se na maior oferta hoteleira da região.

O Hotel Império do Norte, apresenta uma decoração que segue a tendência do design contemporâneo de linhas simples, dispõe de 46 quartos e 3 suites standard e 1 suite adaptada para mobilidade reduzida e parque de estacionamento.

IMG_7912 (Small).JPG

IMG_7925 (Small).JPG

IMG_7929 (Small).JPG

ESPOSENDE: FÃO RECEBE TORNEIO INTERNACIONAL DE BASQUETEBOL

Torneio Internacional de Basquetebol em Fão

O Pavilhão Desportivo de Fão, Esposende, será palco de mais uma edição do Torneio Internacional de Basquetebol, evento em que participam as seleções de Sub-18 Feminino de Portugal, Bélgica, Turquia e Alemanha.

Bask.JPG

Amanhã, sábado (dia 9 de julho), pelas 18 horas, realiza-se o jogo entre a Alemanha e a Bélgica e, às 20H30 tem lugar o encontro entre Portugal e a Turquia.

No dia seguinte, domingo (dia 10), pelas 11H00 horas, tem lugar o jogo de atribuição do 3º e 4º lugares, entre as equipas derrotadas nos jogos do dia anterior e, às 14H30 encontram-se as equipas vencedoras dos jogos de sábado, para apuramento do campeão e vice-campeão do Torneio.

Paralelamente ao Torneio, está a decorrer desde ontem e até á próxima terça feira o Estágio da seleção nacional e das seleções convidadas, que assim preparam as suas participações no Europeu que se realizará entre 23 e 31 de julho em Sarajevo (Bósnia e Herzegovina).

Todos os jogos e treinos decorrem no pavilhão Desportivo de Fão com entrada livre.

A organização é da Federação Portuguesa de Basquetebol e da Associação de basquetebol de Braga e que conta com a colaboração e apoio da Câmara Municipal de Esposende e Junta da União de Freguesias de Apúlia e Fão.

Esta iniciativa insere-se no Plano Estratégico de Desenvolvimento do Turismo do Município de Esposende, nomeadamente ao nível da realização de grandes eventos internacionais, com o objetivo de dar a conhecer o território e atrair visitantes e turistas.

É igualmente uma ação prevista no Plano Estratégico para o Desenvolvimento Desportivo de Esposende, alicerçado na dinamização da modalidade de basquetebol no concelho, que nos últimos anos tem tido um grande crescimento fruto do aparecimento de prática federada ao nível associativo.

A Câmara Municipal de Esposende convida os amantes do desporto e da modalidade de Basquetebol em particular, para visitarem o concelho e venham assistir a espetáculos de grande qualidade no Pavilhão Desportivo de Fão.

bask1.JPG

GUIMARÃES CRIA NOVOS ESPAÇOS VERDES

PROJETOS DE PROTEÇÃO ECOLÓGICA

Arosa e Castelões com novas áreas de lazer em espaços verdes

Câmara de Guimarães apresentou renovação de centralidades. Arranjo paisagístico ao longo do Rio Pequeno e acesso às lagoas e Parque dos 3 Moinhos entre as intervenções agendadas.

Guimaraes_Lagoas_Arosa_Casteloes.jpg

O Presidente do Município de Guimarães anunciou o início da realização de um conjunto de obras que vão valorizar os espaços verdes das freguesias de Arosa e Castelões, situadas a cerca de 20 quilómetros de distância do centro da cidade, na zona de fronteira entre o concelho de Guimarães e a Póvoa de Lanhoso.

Durante a décima edição do programa “Câmara Aberta”, que trimestralmente decorre em freguesias do concelho, Domingos Bragança destacou a realização do arranjo paisagístico ao longo do Rio Pequeno, a colocação de mobiliário urbano, a beneficiação de caminhos pedonais e do pavimento no campo de jogos com aplicação de relva sintética, bem como a construção de balneários de apoio.

Em Castelões, será melhorado o acesso às lagoas e Parque dos 3 Moinhos, com a sua reabilitação paisagística, instalação de mobiliário urbano ecológico e beneficiação das margens das charcas, possibilitando a utilização do espaço e dos espelhos de água. «Queremos criar condições de conforto para que possam ser usufruídas pela população local, assim como para visitantes», disse o Presidente do Município.

«Estas freguesias têm as mesmas acessibilidades e equipamentos que as restantes e agora vamos avançar para uma melhor fruição dos seus recursos naturais. Temos um potencial enorme, uma paisagem verde lindíssima e linhas de água bem tratadas que permitem o seu usufruto no verão. Vamos intervir para reabilitar e tratar da sua proteção ecológica», sintetizou Domingos Bragança.

Nos finais do século XIX, Arosa e Castelões estiveram sob alçada administrativa do concelho da Póvoa de Lanhoso durante três anos. A vontade dos cidadãos, porém, sempre foi voltar à jurisdição vimaranense, apesar da distância à sede do Município. «Há aqui um sentimento de pertença e uma grande identidade com Guimarães», considerou o Presidente da Autarquia.

CERVEIRA-TOMIÑO PRETENDEM SER SÍMBOLO DE COOPERAÇÃO EUROPEIA

“Está dado mais um passo na criação deste projeto transfronteiriço de fortalecimento da identidade europeia e de sentido de pertença comum”, afirmou esta manhã o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, no âmbito da cerimónia de assinatura do protocolo de colaboração entre o Município, a Deputación Provincial de Pontevedra e o Concello de Tomiño, para a promoção do concurso internacional de ideias para a seleção do anteprojeto da ponte/travessia para peões e bicicletas sobre o Rio Minho.

Cerveira - Tomiño pretendem ser símbolo de cooperação europeia.JPG

Estiveram presentes na sessão a Presidente da Deputación Provincial de Pontevedra, Maria del Carmen Silva, a Alcaldesa do Concello de Tomiño, Sandra González e o deputado provincial de Mobilidade de Pontevedra, Uxío Benítez, que reforçaram a importância deste projeto. “Este romper de fronteiras deixará uma pegada não só a nível político, como também nas próprias relações das próximas gerações com este território” defendeu Carmen Silva.

Por sua vez, Sandra González sublinhou, ainda, que “o reconhecimento deste espaço natural trará luz ao Rio Minho, permitindo apagar os limites físicos com a criação de um ecossistema único”.

De acordo com o protoloco assinado, cabe à Deputación Provincial de Pontevedra a abertura do Concurso Internacional de Ideias para a redação do anteprojeto e, em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira e o Concelho de Tomiño, será igualmente responsável pela elaboração do documento base que regulamentará a abertura de concurso, cuja abertura está prevista para setembro deste ano. As propostas deverão ser apresentadas em galego e português, sendo que o vencedor será responsável pela elaboração do anteprojeto.

Fernando Nogueira referiu, ainda, que “as pontes entre as populações de Vila Nova de Cerveira e Tomiño estão já estabelecidas pelo que esta nova travessia vem potenciar este fenómeno transfronteiriço, que se pretende que seja um símbolo da cooperação europeia”.

Recorde-se que no âmbito da Agenda Estratégica de Cooperação Cerveira-Tomiño a constituição do Parque Transfronteiriço ‘Castelinho-Espaço Fortaleza’ de 16ha, através da ligação de uma ponte pedonal e ciclável sobre o rio Minho, constitui-se como uma das prioridades. A existência de dois parques urbanos e de lazer nas margens do rio Minho, com uma oferta diversificada e complementar de valências, tem captado as atenções de Vila Nova de Cerveira e de Tomiño para um projeto de cooperação transfronteiriça, mas que só será viável através desta nova ligação entre as duas margens separadas por cerca de 200 metros.

A elaboração do anteprojeto da travessia pedonal sobre o rio Minho foi integrada na candidatura “Preservação e Valorização do Rio Minho Transfronteiriço” apresentada, ao INTERREG V-A Portugal/Espanha, no passado mês de janeiro.

FESTIVAL PERCURSOS DA MÚSICA / PONTE DE LIMA – ALTERAÇÃO DA PROGRAMAÇÃO

CONCERTO DOS “VILA NAVIO”. 10 de Julho – 17h30 – Avenida dos Plátanos – Ponte de Lima

Atendendo ao jogo da Selecção Nacional na final do Campeonato da Europa de Futebol, para a qual só desejamos um resultado, a vitória, o Concerto do Festival Percursos da Música dos Vila Navio terá lugar, um pouco mais cedo, às 17h30 do dia 10 de Julho, na Avenida dos Plátanos, não havendo lugar a qualquer espectáculo no Largo de Camões, em Ponte de Lima, na data mencionada.

fest_percursos_da_mus7.jpg

“Vila Navio é um grupo de música portuguesa, constituído em 2011, que se dedica à composição de canções originais em português.

O grupo é formado por três elementos base – André Rodrigues, voz, guitarra clássica e samples, Eduardo Soares, guitarra portuguesa e cavaquinho e Cláudio Silva – trompete e feliscorne.

Vila Navio gravou o primeiro álbum, intitulado “Cantinho da Vila”, durante o Verão de 2012. Os dois primeiros singles, “Rua da Sorte” e “Luz do Dia”, foram transmitidos por dezoito rádios portuguesas, três de emissão nacional (“Rádio Renascença”, “Antena 1” e “Antena 3”), as restantes, rádios locais de vários pontos do país e uma rádio do Canadá (Chin Radio).

A digressão de promoção deste primeiro disco, que chegou às lojas no dia 4 de março de 2013, contou com concertos em Lisboa, Porto, Londres, Madrid, Barcelona, Valência, Figueira da Foz (Casino), Esposende, Tondela (Acert), Santa Maria da Feira (Europarque), entre outros.

Em março de 2016, Vila Navio editou o segundo trabalho de originais “Ancoradouro”, disco que conta com a participação especial do Fausto Bordalo Dias.

A digressão de apresentação do “Ancoradouro” começou com espectáculos em lojas Fnac no Porto e em Lisboa durante os meses de março e abril, seguindo-se os concertos de apresentação no Porto (Hard- Club), no evento “Dia da Música Independente”, organizado pelo André Coelho Rodrigues, de Lamego (Teatro Ribeiro Conceição), no dia 4 de junho e na Praça da Trindade, no Porto, no dia 9 de julho, um dia antes da apresentação em Ponte de Lima, no Festival Percursos da Música.”

MUNICÍPIO DE FAMALICÃO CANALIZA 5 MILHÕES DE EUROS DO PEDU PARA RIBA DE AVE

Reabilitação do Teatro Narciso Ferreira, reconversão da Unidade Industrial Sampaio e Ferreira e regeneração da frente ribeirinha do Rio Ave são os projetos que irão avançar

A vila de Riba de Ave foi durante o século XX um dos principais centros industriais do Vale do Ave, fervilhando diariamente com os milhares de trabalhadores têxteis que laboravam sobretudo na Sampaio Ferreira – a primeira e a mais completa fábrica têxtil algodoeira da região. O dinamismo económico permitiu que Riba de Ave fosse uma das primeiras freguesias de Portugal a beneficiar de eletricidade e a possuir iluminação pública. Além disso, a vila destacava-se pela vida cultural e social que proporcionava através de estruturas como o mercado  municipal, o teatro Narciso Ferreira, mas também as escolas, o hospital e o quartel de bombeiros.

Riba de Ave1.jpg

A crise do têxtil fez encerrar empresas e diminuir fortemente esta dinâmica da vila que ficou a braços com uma unidade industrial devoluta e paisagisticamente pesada. Riba de Ave esmoreceu, mas a população nunca desistiu de recuperar este património histórico e cultural de grande valor.

À força de vontade da população juntou-se o entusiasmo e determinação do presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha, que conseguiu agora captar um investimento superior a cinco milhões de euros para Riba de Ave, no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), que será desenvolvido até 2020.

Para já estão programadas as intervenções referentes à reabilitação do Teatro Narciso Ferreira, à reconversão da Unidade Industrial Sampaio e Ferreira e ainda à regeneração da frente ribeirinha do Rio Ave. “São três projetos fundamentais que irão devolver aos ribavadenses uma parte importante do seu património histórico, dignificando a vila e o seu passado notável”, afirma a propósito Paulo Cunha.

Riba de Ave2.JPG

A reabilitação do Teatro Narciso Ferreira vai permitir recuperar integralmente o edificado preservando os elementos caraterizadores do edifício tanto ao nível da linguagem arquitetónica como da sua caraterização espacial, possibilitando a criação de uma programação cultural constante. No que diz respeito à Unidade Industrial Narciso Ferreira, pretende-se criar espaços de larga experimentação e multifuncionalidade, através do envolvimento de vários agentes económicos, culturais e sociais. Por fim, será desenvolvido um projeto para regenerar a frente ribeirinha do Rio Ave, que se encontra bastante degradada.

Refira-se que no total, com o PEDU, Vila Nova de Famalicão conseguiu atrair para o concelho um financiamento de 17,5 milhões de euros, superando em mais do dobro o apoio conseguido para a reabilitação urbana durante o anterior quadro de apoio de fundos comunitários, o QREN (Quadro de Referência Estratégico Nacional), que vigorou no período 2007-2013 e que mobilizou para o concelho cerca de 7,9 milhões de euros.

A inclusão de Riba de Ave neste pacote de investimentos só é possível porque a vila possuía as condições que permitiu ao município criar aqui uma Área de Reabilitação Urbana que determina a necessidade de congregar um conjunto de intervenções e investimentos integrados, em consequência de uma estratégia previamente definida, assegurando a salvaguarda do património edificado e o desenvolvimento sustentável do respetivo território.

Riba de Ave3.JPG

FAMALICÃO CELEBRA DIA DA CIDADE COM HOMENAGEM AOS OBREIROS DO CONCELHO

Sessão solene decorre amanhã, sábado, pelas 17h00, na Casa das Artes

A Cidade de Vila Nova de Famalicão celebra este sábado, dia 9 de julho, o seu 31.º aniversário e a festa dura até segunda-feira, dia 11. As comemorações têm o seu ponto alto amanhã, pelas 17h00, na Casa das Artes, com a tradicional sessão solene do Dia da Cidade, marcada pela atribuição dosgalardões municipais às personalidades e instituições que têm contribuído para o engrandecimento da comunidade famalicense.

José Gomes da Costa Carvalho, Narciso Ferreira, José Dias de OLiveira e Manuel Gonçalves (1).jpg

Ao todo, a Câmara Municipal vai entregar 40 galardões municipais a 30 cidadãos e 10 instituições do concelho, donde se destaca a homenagem a alguns dos grandes obreiros do concelho, cinco homens que através do seu trabalho e da sua força empreendedora contribuíram para o desenvolvimento e crescimento do território. São eles: Narciso Ferreira, fundador da empresa Sampaio, Ferreira & C.a, Lda e da Central Termoelétrica de Caniços, entre outras; Manuel Gonçalves, criador da Têxtil Manuel Gonçalves; José Dias de Oliveira, fundador da Riopele, e os irmãos José Gomes da Costa Carvalho e Lino Gomes da Costa Carvalho iniciadores da relojoaria “Boa Reguladora”.

E se por um lado, a autarquia consagra os históricos obreiros do concelho, por outro homenageia os novos empreendedores. Com a Medalha de Mérito Económico serão distinguidos Filipe Vila Nova, fundador e administrador da Salsa; Pedro Olavo Santos Carreira, gestor da Continental Mabor e ainda Renato Cunha, chefe de cozinha e responsável pelo projeto do Restaurante Ferrugem.

A tarde que promete ser de festa começa bem cedo com um conjunto diversificado de atividades. Para segunda-feira, dia 11, fica reservado o momento do cantar dos parabéns à cidade e da distribuição do Bolo da Cidade pelos famalicenses, para além da gala final do Edge.

Programa do Dia da Cidade

9 de Julho | Sábado e 11 de Julho | Segunda-feira

Sábado 09 | 15h | Biblioteca Municipal CCB

Apresentação do Livro de Odete Paiva

A População e a Sociedade de V. N. de Famalicão entre 1920 e 1960: Crescer e Progredir

Sábado 09 |16h00 | Parque de Sinçães

Inauguração do Mural Urban Youth

Sábado 09 | 17h00 | Casa das Artes

Sessão Solene Comemorativa

31º Aniversário da Elevação de Vila Nova de Famalicão a Cidade

Seg 11 | 10h30, 13h e 14h45 | Parque de Sinçães

Sarau Desportivo, Almoço Piquenique e Bolo da Cidade

Segunda 11 | 19h00 | Casa das Artes

Edge - Gala Final dos Workshops

VIZELA CONDICIONA TRÂNSITO

Trânsito condicionado na Rua Joaquim da Costa Chicória nos dias 12 a 15 de julho

Resultado da realização do Musical "O sol é que alegra o dia", promovido pela Academia de Música de Vizela, nos próximos dias 12,13, 14 e 15 de julho estará condicionada a circulação de trânsito no cruzamento da Rua Joaquim da Costa Chicória, com a  Rua da Vinha, Rua Dr. Bráulio Caldas e Rua Nova do Fórum, no sentido da Academia de Música.

A Rua Joaquim da Costa Chicória estará encerrada ao trânsito nos dias 12,13, 14 e 15 de Julho, entre as 22:00h e as 23:30h.

Mais se informa que será desligada a iluminação pública nas Ruas Joaquim da Costa Chicória e Monsenhor José de Sousa Monteiro, entre os dias 10 e 16 de julho, das 21.30h às 23.30h, no espaço que circunda a Academia da Sociedade Filarmónica Vizelense.

R. Joaquim da Costa Chicória (1).jpg

AERÓDROMO DE CERVAL GANHA NOVOS VOOS

As Câmaras Municipais de Vila Nova de Cerveira e Valença vão estabelecer um acordo de cooperação para a requalificação do Aeródromo de Cerval, este sábado, 9 de julho, às 12h30, nas instalações do equipamento. Esta parceria pretende requalificar e potenciar uma infraestrutura estratégica não só para Vila Nova de Cerveira e Valença, mas para todo o Alto Minho.

Aeródromo CERVAL.JPG

Localizado entre os concelhos de Vila Nova de Cerveira e Valença, este equipamento motiva o empenho das duas autarquias na sua potencialização. As obras de requalificação da estrutura, nomeadamente a pavimentação e aumento da pista, para os 750 metros, vão permitir melhorar as condições de segurança, funcionalidade e comodidade do Aeródromo, bem como reforçar a sua capacidade no contexto da Península Ibérica. As intervenções programadas vão abrir novas janelas de oportunidade à criação de condições para a realização de voos turísticos, reforçar o apoio à proteção das florestas da região, bem como acolher aviões ligeiros.

De salientar que o Aeródromo de Cerval possui, ainda, uma importante localização estratégica no contexto do Alto Minho e do sul da Galiza.

Com certificação para aviação de ultraleves, pelo Instituto Nacional de Aviação Civil (INAC), a 11 de fevereiro de 2009, a infraestrutura permite realizar eventos e receber aviões e pilotos de vários pontos do país e da Europa.

O Aeroclube de CERVAL é a estrutura associativa a quem compete a gestão da utilização do espaço. Esta associação foi formada por pilotos, portugueses e espanhóis, a 16 de setembro de 1992. Inicialmente contava com seis aviões, hoje, são já mais de 60 as aeronaves aqui estacionadas nos vários hangares, com uma área de cinco mil metros quadrados.

De registar que o aeroclube de CERVAL tem orgulho de não registar qualquer tipo de acidente desde a sua formação, tendo nas estatísticas mais de 30 mil horas de voo, o que daria para dar mais de 130 voltas ao planeta Terra.