Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CERVEIRA FESTEJA A HISTÓRIA

Inscrições abertas para a Festa da História 2016

A Festa da História de Vila Nova de Cerveira, que irá decorrer de 18 a 21 de agosto, tem aberto o período de candidaturas para Artesãos e Mercadores, Associações, Comerciantes e Esplanadas Locais. As inscrições decorrem até dia 15 do corrente mês e a comunicação dos resultados será feita até 22 de julho.

Festa da História.JPG

Transformando o centro histórico da ‘Vila das Artes’ numa viagem ao passado, a Festa da História leva-nos ao encontro da Idade Média, repleta de artesãos, música, animação de rua e jogos infantis.

Os interessados em participar neste evento cerveirense que, ano após ano, se tem afirmado no roteiro nacional das Feiras Medievais, podem apresentar as suas candidaturas até 15 de julho, nos Serviços Culturais da Câmara Municipal, através do email: cultura.tecnicos@cm-vncerveira.pt ou do telefone: 251708020. Para a validação da candidatura é obrigatório a apresentação dos seguintes documentos: Ficha de Inscrição; Carta de Artesão ou carta de Feirante; Cópia do início da atividade; Cópia do NIF; Fotografias das tendas, trajes e artigo; Declaração de responsabilidade assinada; e comprovativo de residência.

A Festa da História de Vila Nova de Cerveira decorre de 18 a 21 de agosto, nas ruas do centro histórico e no Castelo, proporcionando uns dias culturalmente animados, onde não faltará a decoração, a gastronomia, o artesanato, os diversos espetáculos, e surpresas.

Normas de participação

Ficha de candidatura

MUNICÍPIO DE ESPOSENDE PROMOVE FESTA DO IDOSO EM FÁTIMA

Integrado no âmbito do Programa Envelhecimento Ativo 2016, que é anualmente dinamizado pela Rede Social de Esposende, a Câmara Municipal de Esposende vai realizar, no próximo dia 16 de setembro, a 21ª edição da Festa do Idoso, com o habitual passeio ao Santuário de Fátima.

fátima.JPG

As inscrições encontram-se abertas de 7 de julho a 12 de agosto, nas sedes de Junta das Freguesias do concelho, que se associam ao Município na organização do evento.

Podem participar nesta iniciativa os idosos com idade igual ou superior a 65 anos, pessoas portadoras de deficiência com autonomia, com idade superior a 35 anos, e pessoas que frequentam as Instituições Particulares de Solidariedade Social com valência para a terceira idade.

O programa inclui, como habitualmente, a Celebração da Eucaristia, na Basílica da Santíssima Trindade, pelas 12h15, seguida do piquenique no parque do Santuário, estando o regresso a casa previsto para as 18h30.

Para além de proporcionar a visita ao Santuário de Fátima, local que os idosos muito apreciam, esta iniciativa constitui, também, uma oportunidade para proporcionar aos participantes momentos de convívio e de lazer.

O Programa “Envelhecimento Ativo” tem contribuído, de forma efetiva, para a qualidade de vida desta franja da população, promovendo o seu bem-estar, a inclusão social e o seu reconhecimento na comunidade.  Deste modo, os idosos têm, a oportunidade de participar, ao longo de todo o ano e de forma gratuita, num conjunto muito diversificado de atividades de vária índole, nomeadamente de caráter lúdico, recreativo, desportivo, musical, cultural e desportivo. Por outro lado, o programa tem vindo a fortalecer as parcerias locais, permitindo concertar esforços, otimizar recursos, integrar contributos e complementar a intervenção em vista a promoção de um envelhecimento ativo.

fátima 1.JPG

VERÃO EM VALENÇA TEM OUTRO CALOR!

Valença com Verão Ativo: Concertos, Romarias e Muitas Atividades Náuticas

Valença apresenta em julho e agosto um atrativo cartaz, com mais de 80 iniciativas, onde se destacam os concertos, as festas populares, atividades desportivas e recreativas e muita gastronomia tradicional.

valençaminho.jpg

As atividades no rio Minho, o Festival Aéreo da Eurocidade, o Festival Internacional de Folclore, o Festival Internacional de Piano da Eurocidade, o Verdoejo Art Rock Fest, o Fun Kids, a Descida de Boia do Rio Minho, as Festas do Faro do Concelho de Valença e tantas romarias, são algumas das atividades que se destacam em julho e agosto.

Em julho o rio Minho Ativo convida a descobrir e viver o nosso rio com atividades náuticas e de lazer, nomeadamente com canoas e kaiak's, na Senhora da Cabeça, Ganfei e Friestas, entre 25 e 30 de julho. O rio Minho e as suas margens serão o palco para o Verdoejo Art Rock Fest, entre 29 e 31 de julho, na rota dos festivais de verão e da original Descida de Boia do Rio Minho, em 31 de julho. Em julho o Rio Minho será, ainda, o protagonista da VIª Travessia a Nado da Eurocidade. Um mês que recebe, também, o Festival Aéreo da Eurocidade, no Aeródromo de Cerval, em 9 de julho. O teatro sobe ao palco, em Valença, em julho, com espetáculos teatrais, workshop's e performances artísticas, em colaboração com as Comédias do Minho. O Festival Internacional de Piano da Eurocidade convida a assistir a um conceituado evento que reúne grandes pianistas, de vários cantos do mundo, em Valença e Tui.

Agosto será marcado pelas Festas do Faro do Concelho de Valença, com concertos na cidade, a celebre Peregrinação ao Monte do Faro e as tradicionais celebrações religiosas, entre 12 e 15 de agosto. Quatro dias de festa com atuação dos grupos locais e de bandas portuguesas e da Galiza. Neste mês destaca-se, ainda, a Semana do Rio, com atividades desportivas para jovens, na Área de Lazer da Senhora da Cabeça, entre 1 e 6 de agosto. A 6 de agosto, Valença será o palco para o Festival Internacional de Folclore “O Mundo a Dançar”.

Programações complementadas por muita animação de rua na cidade, nomeadamente no Centro Histórico, que nesta época de verão convida à descoberta dos seus segredos numa viagem no comboio turístico que liga a Fortaleza de Valença, a antiga ponte internacional e o centro histórico de Tui.

MONÇÃO DÁ VIDA À PRAÇA

Iniciativa arranca esta sexta-feira, 8 de julho, com atuação da Associação Cultural Lá-Mi-Ré, prolongando-se, todas as sextas-feiras, durante o mês de julho. O objetivo é dinamizar o centro histórico da vila com atuações de agrupamentos locais na Praça Deu-la-Deu. A nossa “prata da casa”, verdadeiro ouro.

Dar Vida à Praça.doc.png

A autarquia monçanense volta a promover, durante o mês de julho, a iniciativa “Dar Vida à Praça”. Esta consiste na dinamização do centro histórico da vila através da atuação de agrupamentos musicais e grupos de dança locais, na Praça Deu-la-Deu Martins, todas as sextas-feiras.

A iniciativa, que entra na terceira edição consecutiva, inicia-se esta sexta-feira, 8 de julho, com atuação da Associação Cultural Lá-Mi-Ré, seguindo-se, no dia 15, a Banda Juvenil da Casa do Povo de Tangil e, no dia 22, a Associação de Desenvolvimento Cultural e Artístico de Monção “All Styles”. A iniciativa termina no dia 29, com o Grupo de Ginástica “Bela Form`s”, da Bela.

Além de promover o associativismo local, com a valorização dos grupos concelhios, “Dar Vida à Praça” pretende assumir-se como mais um motivo para munícipes, emigrantes e turistas desfrutarem do casco urbano monçanense ao ritmo de uma oferta musical diversificada. Todas as atuações têm início às 22h00.

PONTE DE LIMA MINISTRA CURSO DE NADADOR SALVADOR

Piscinas Municipais de Ponte de Lima – Curso de Nadador Salvador. Dia 13 de julho

O Município de Ponte de Lima em colaboração com a EDL – Escola Desportiva Limiana e o Clube Náutico de Ponte de Lima promove a 13 de julho nas piscinas Municipais de Ponte de Lima um curso de Nadador Salvador.

curso_nadador_salvador.jpg

Dirigido a toda a comunidade, para se inscrever os interessados devem apresentar um atestado médico comprovativo de boa condição física e psíquica para a atividade de nadador-salvador; bem como um certificado de habilitações académicas (escolaridade mínima obrigatória) e documento que ateste as atividades profissionais desenvolvidas e outros elementos relevantes para a avaliação da sua capacidade para a frequência do curso.

A realizar em horário pós-laboral, os interessados devem efetuar a inscrição através do e-mail: geral@ans-delfins.com, enviando ainda os seguintes documentos:

- Fotocópia do bilhete de identidade ou cartão do cidadão

- 2 Fotografias atualizadas (tipo passe)

Para mais informações contacte através do seguinte endereço: geral@ans-delfins.com

RUSGA DE SÃO VICENTE DE BRAGA APRESENTA O TRAJE POPULAR NO BAIXO MINHO EM FINAIS DO SÉCULO XIX

A Rusga de São Vicente de Braga leva a efeito a inauguração da exposição "O Trajo e o Trajar Popular no Baixo Minho - finais do século XIX, primeiras décadas do século XX", a ter lugar na Sala do Recibo do Mosteiro de São Martinho de Tibães,Braga, no próximo dia 9 de julho, sábado, às 17:00h.

O ato inaugural desta exposição, integra-se nas comemorações do dia de São Bento, fundador da Ordem Beneditina e conta com a presença do diretor da Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN), Dr. António Ponte.

A exposição “O Trajo e o Trajar no Baixo Minho”, uma iniciativa da Rusga de São Vicente de Braga - GEBM e do Mosteiro de Tibães, foi inaugurada no Mosteiro de Tibães no ano de 2005 e após alguma itinerância, volta a Tibães onde estará patente durante este Verão. Do catálogo então publicado, transcrevemos uma pequena parcela de um dos textos: “Sendo o Trajo há muito considerado “património material”, um outro objectivo desta exposição é o de o elevar à categoria de “património imaterial” – à luz de um conceito mais abrangente e hodierno de “património”… por forma a responsabilizar a promoção deste património que é de todos.”.

VIZELA VALORIZA RIO VIZELA

‘O Rio e a Cidade – dinâmica das culturas ribeirinhas’

Decorrente dos trabalhos que a Câmara Municipal de Vizela tem promovido em prol do Rio Vizela, realiza-se no próximo dia 15 de julho, no Bar do Rio, a apresentação pública ‘O Rio e a Cidade – dinâmica das culturas ribeirinhas – caso específico de Vizela’.

Esta apresentação contará com a presença de entidades externas ao Município, que desenvolvem ações e trabalhos nesta área.

De entre os convidados, destacam-se a Agência Portuguesa do Ambiente, a Águas do Norte, o Eng.º Pedro Teiga (Doutor em Engenharia do Ambiente pela Faculdade de Engenharia do Porto e Investigador da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto) e a Universidade do Minho, que desenvolveu estudos sobre a Cidade e as suas dinâmicas.

A participação é gratuita e aberta ao público.

cartaz O Rio e a Cidade.jpg

MUNICÍPIO DE CAMINHA DISPONIBILIZA NOVOS SERVIÇOS ONLINE

“Ws-Autarquia”, “Comunicação Automática de Leituras” e “Fatura Eletrónica” são os novos serviços online disponibilizados pela Município de Caminha. Estas novas funcionalidades permitem aos munícipes e a todas as pessoas que necessitam de se relacionar com a Câmara Municipal, um acesso mais rápido e confortável, sem terem de se deslocar aos edifícios municipais.

As vantagens de utilizar os novos serviços são muitas. O “Ws-Autarquia”permite criar um balcão de atendimento online para os munícipes, sejam individuais ou empresas, facilitando o relacionamento bilateral, isto é, permite ao cidadão/munícipe o acesso aos seus dados existentes no Sistema de Informação da Câmara. Este serviço de atendimento automático via internet permite o preenchimento e envio de requerimentos, consulta de processos e pagamentos de serviços autárquicos. Para poder utilizar o “Ws-Autarquia” existem duas formas: o registo através do site, em https://online.cm-caminha.pt; ou nos balcões do Município, quer em Caminha, quer em Vila Praia de Âncora.

A “Comunicação Automática de Leituras” disponibiliza mais uma forma de comunicação de leituras do contador de água, em qualquer altura e de qualquer local, sem tempos de espera.

A adesão à “Fatura Eletrónica”permite poupar tempo e dinheiro. A partir desse momento passa a receber a fatura em ficheiro eletrónico no endereço de email indicado no ato da adesão.

Para aderir à “Comunicação Automática de Leituras” e à “Fatura Eletrónica” é simples, basta dirigir-se a um dosbalcões do Município de Caminha.

VIZELA APRESENTA EM FAMALICÃO "IDEIAS PARA MUDAR O MUNDO"

Seminário final do projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo”

Decorreu no dia 2 de julho, sábado passado, o seminário Final do Projeto “Ter Ideias para Mudar o Mundo”, na Casa de Estudos Camilianos em Vila Nova de Famalicão (Seide).

SAM_3025.JPG

Este dia representou o culminar de várias fases do programa de Educação para o Empreendedorismo “Ter Ideias para Mudar o Mundo”, onde foram apresentados os projetos finais, representando 30 Agrupamentos de Escolas do Ave, 650 crianças e milhares de pais envolvidos.

Em representação do concelho de Vizela estiveram presentes as crianças e pais da EB Tagilde, através da Ed. Ângela Magalhães, com o tema Queremos ajudar os Animais e as crianças e pais do JI S. João, através das Ed. Rosa Alves e Ed. Elda Moreira, ambas com o tema Parque dos Sonhos Divertidos.

SAM_3035.JPG

OBRAS EM VIZELA CONDICIONAM TRÂNSITO

Trânsito condicionado na Rua Joaquim da Costa Chicória nos dias 10 a 16 de julho

Resultado da realização do Musical "O sol é que alegra o dia", promovido pela Academia de Música de Vizela, nos próximos dias 10 a 16 de julho estará condicionada a circulação de trânsito no cruzamento da Rua Joaquim da Costa Chicória, com a  Rua da Vinha, Rua Dr. Bráulio Caldas e Rua Nova do Fórum, no sentido da  Academia de Música.

Mais se informa que será desligada a iluminação pública nas Ruas Joaquim da Costa Chicória e Monsenhor José de Sousa Monteiro, entre os dias 10 e 16 de julho, no espaço que circunda a Academia da Sociedade Filarmónica Vizelense.

R. Joaquim da Costa Chicória.jpg

“RUSGUS VICENTINUS” VISITA TERMAS ROMANAS DE CHAVAS

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho levou a efeito no passado domingo, dia 3, mais uma visita, no âmbito do projeto "O Rusgus Vicentinus visita", desta vez, às termas medicinais romanas da cidade de Chaves.

13537739_1248264308539878_8297489991319433249_n (1).jpg

Esta visita, com o dia dedicado inteiramente à cidade de Chaves, contemplou três momentos. Primeiro, um passeio pelo centro histórico da cidade, depois a visita ao complexo termal medicinal romano, e por fim, um convívio entre os elementos da comitiva junto às margens do rio Tâmega.

Chaves possui as maiores termas medicinais romanas da Península Ibérica.

Sérgio Carneiro, arqueólogo e diretor científico das escavações das termas medicinais romanas de Chaves, foi o responsável pela condução da visita. Iniciou a sua apresentação com uma contextualização daquele complexo termal, face aos demais existentes na Península Ibérica. Segundo aquele investigador, o 'sítio arqueológico' em questão, encontra-se na ultima fase de trabalhos, ou seja, a sua musealização para poder abrir definitivamente as suas portas ao público. Assim, aquele precioso legado, será uma mais valia em termos de promoção turística, já que se localiza no centro da cidade, Praça do Arrabalde, muito próximo da conhecida ponte romana. Com este achado, Chaves fica agora com dois dos mais interessantes monumentos da engenharia da antiguidade romana.

13592608_1248264025206573_4094810901937790560_n.jpg

A dimensão, estrutura e organização do balneário romano medicinal/terapêutico de Aquae Flavie, tornam-se incomparáveis face aos seus congéneres. Quer pela dimensão dos seus 'tanques', piscinas A e B, com uma altura interior a rondar os 10 metros, quer pela diversidade de achados e estado de conservação dos mesmos. Segundo Sérgio Carneiro, nos trabalhos de prospecção arqueológica, iniciados em 2006 até hoje, acharam-se peças de muita qualidade nomeadamente, utensilagem de uso quotidiano em madeira e osso, diversas peças de joalharia, entre outras.

Após a sua apresentação, o arqueólogo Sérgio Carneiro, respondeu a uma série de questões, levantadas por alguns dos elementos que compunham a comitiva rusgueira.

O projeto "O Rusgus Vicentinus visita", é uma iniciativa da Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho, que visa promover a visita a sítios, territórios e respetivas comunidades ou, monumentos de interesse histórico e patrimonial.

13599975_1248265555206420_2382134789503832825_n.jpg

13606705_1248265801873062_5738841116222551357_n (1).jpg

13606705_1248265801873062_5738841116222551357_n.jpg

CASTELO DE LANHOSO ACOLHE FESTA SOLIDÁRIA DOS “FÃS DO VINIL”

Na próxima sexta-feira, 8 de julho, o Castelo de Lanhoso volta a receber uma noite solidária dos “Fãs do Vinil”. Desta vez, a receita angariada reverte a favor do CAPA - Clube de Adoção e Proteção de Animais da Póvoa de Lanhoso.

Fas do Vinil (arquivo).JPG

Esta iniciativa, que assinala também o arranque da programação Verão Com(n)Vida, é promovida pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e está marcada para as 23h00, com a participação especial dos Redbelly, seguindo-se a atuação dos Dj`s Rui e Cirilo e Dj Ian, com os sucessos musicais dos anos 70, 80 e 90.

"A festa do vinil é a abertura do nosso calendário dos eventos de verão, de cariz solidário, que vai de encontro aos anseios dos Povoenses. A forma de atuar do Município passa por fazer muito com pouco e este tipo de eventos de verão enquadra-se nessa mesma política", refere o Vereador para a Cultura e Turismo, André Rodrigues.

Nos eventos que os “Fãs do Vinil” promoveram anteriormente o objetivo foi apoiar a Liga Portuguesa Contra o Cancro, os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso e o Banco de Voluntariado da Póvoa de Lanhoso.

As festas dos “Fãs do Vinil” são sempre realizadas em locais de interesse patrimonial do concelho, como é o caso do Castelo de Lanhoso (Monumento Nacional) que, este ano, está a comemorar os 20 anos do seu Núcleo Museológico.

MUNICÍPIO DE AMARES APOIA ATIVIDADES PARA AS FÉRIAS DE VERÃO AOS MAIS NOVOS

No período de interrupção letiva e à semelhança do que tem vindo a acontecer anualmente, a Câmara Municipal de Amares volta a apoiar uma série de atividades promovidas por várias entidades do concelho, que desenvolvem nos meses de verão iniciativas de caratér lúdico, desportivo e pedagógico, como forma de assegurar a ocupação dos tempos livres aos mais novos até ao regresso à escola. A vereadora da Ação Social e Educação, Cidália Abreu, e o vereador do Desporto, Isidro Araújo, marcaram presença no arranque de algumas dessas atividades, dando as boas vindas aos mais novos.

DSC04803.JPG

A vereadora da Ação Social e Educação indica que o Município de Amares está a apoiar um total de seis entidades que pediram a colaboração da Autarquia, para possibilitar uma oferta alargada de atividades para as férias de verão 2016 dos jovens e crianças do concelho.

“Voltamos a apoiar todas as entidades que solicitaram a nossa colaboração, traduzindo-se esse apoio no pagamento integral das refeições, na cedência do transporte, sempre que haja disponibilidade para tal, na disponibilização de acesso a alguns equipamentos municipais, como as piscinas ou a biblioteca, para usufruto dos mais novos”, refere Cidália Abreu.

Proporcionar aos jovens, num ambiente lúdico, desportivo e pedagógico, a vivência e partilha de experiências enriquecedoras e permitir aos pais a conciliação dos horários de trabalho e o acompanhamento dos seus filhos em período de férias é o objetivo deste apoio concedido pelo Município de Amares.

“A nossa preocupação é que durante o período de interrupção letiva as nossas crianças estejam devidamente orientadas e acompanhadas, podendo usufruir de diversas atividades que os estimulem a nível cognitivo, mas não só. Esperamos que possam ter momentos lúdicos, de diversão e bem-estar e entendemos que esta é, sobretudo, uma resposta para os pais que trabalham e que não dispõem de retaguarda familiar para encaminhar os seus educandos”, sublinha a vereadora.

DSC04806.JPG

DSC04819.JPG