Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

OLIVENÇA É TERRITÓRIO PORTUGUÊS ILEGALMENTE OCUPADO POR ESPANHA

Em 20 de Maio de 1801 Olivença foi tomada pelas tropas do exército espanhol. Desde lá, A NOBRE, LEAL E NOTÁVEL VILA DE OLIVENÇA encontra-se, sequestrada pelo país vizinho.

Olivença (48)

Ocupação contestada desde que regressou a paz à Europa após a tempestade napoleónica, e que, como recordava recentemente um jornal britânico, constitui um dos últimos litígios fronteiriços pendentes na actual Europa Comunitária.

Percebendo a delicadeza que a Questão de Olivença apresenta no relacionamento peninsular, o Grupo dos Amigos de Olivença entende que só a assunção frontal, pública e desinibida do diferendo pelo Estado português, colocando-a na ordem do dia e inserindo-a na agenda diplomática luso-espanhola, permitirá ultrapassa-la a contento dos interesses nacionais.

Esta é uma data de contradições na Histórica de Portugal. Também hoje se assinala a data em que se formou o Estado independente de Timor-Leste. Tal como Timor Lorosae afastou o ocupante estrangeiro e iniciou a construção do seu próprio Estado, reservando à língua portuguesa uma particular importância, também Olivença há-de obter Justiça, resgatando a sua Identidade, a sua História e a sua Liberdade, reencontrando-se com a Cultura e a Língua de Camões!

Por estas razões, e confiando que as Autoridades nacionais saibam tomar as medidas necessárias à defesa do Direito, da dignidade e dos interesses nacionais, o Grupo dos Amigos de Olivença exorta os portugueses, detentores da Soberania, a sustentarem com veemência a devolução do território oliventino.

Contra o silêncio e a indignidade, um passo por Olivença

Lisboa, 20 de Maio de 2015.

A Direcção do Grupo dos Amigos de Olivença

FAMALICÃO ESTÁ AO LADO DOS ALUNOS E DAS FAMÍLIAS PERANTE A NOVA POLÍTICA EDUCATIVA DO GOVERNO

Câmara Municipal quer garantir rapidamente todas as condições para a eficácia da nova realidade educativa imposta pelo Governo

A decisão anunciada pelo Ministério da Educação de impedir a abertura de novas turmas de início de ciclo (5.º, 7.º e 10.º ano) atinge todas as escolas com contratos de associação que fazem parte da Rede Local de Educação e Formação de Vila Nova de Famalicão – Cooperativas de Ensino Didáxis de Riba d’ Ave e S. Cosme, Externato Delfim Ferreira, de Riba d’ Ave, Externato Infante D. Henrique ALFACOOP, de Ruilhe (Braga) e o Instituto Nun'Alvres, das Caldas da Saúde (Santo Tirso).

Famalicão ao lado dos alunos e das famílias

É uma medida unilateral do Governo que vai destruir a harmonia da rede educativa concelhia e  afetar a vida de muitos milhares de famílias famalicenses que já tinham o próximo ano letivo devidamente planeado, de acordo com uma tradição histórica de boas práticas com mais de 40 anos, impulsionada e motivada pelo próprio Estado.  

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão lamenta assim esta decisão da Administração Central que a poucos dias do fecho do final do ano lança a confusão, a dúvida e a angústia em milhares de cidadãos famalicenses. É caso para dizer: não havia necessidade!

Como sempre, a Câmara Municipal está e estará ao lado da população e vai de imediato encetar todos os esforços necessários para procurar garantir as condições para que a nova realidade imposta pelo Governo funcione com normalidade e para que seja assegurada a permanência do ensino de qualidade no concelho. Há muitos anos que Vila Nova de Famalicão é reconhecido como uma referência nacional na Educação pelas boas práticas de todas as escolas que integram a sua rede – públicas e com contrato de associação. Temos um registo histórico de valorização e de  potenciação do trabalho de todas elas. Dentro das suas competências, o município tudo fará para manter essa bitola e para repor o mais rapidamente possível a normalidade no sistema educativo famalicense

EXPOVEZ ABRE AO PÚBLICO DURANTE TRÊS DIAS COM ENTRADA GRATUITA

EXPOVEZ 2016 – Feira do Alto Minho

A abertura oficial da EXPOVEZ 2016 – Feira do Alto Minho foi feita ontem, dia 20 de maio, pelas 17h30 no Parque de Exposições de Arcos de Valdevez, local onde decorre o evento até ao dia 22 de maio, domingo.

Visita aos Expositores

Na abertura estiveram presentes os representantes das entidades parceiras da organização da Feira. Francisco Peixoto Araújo, vice-presidente executivo da ACIAB, coordenou o painel de oradores e evidenciou o papel dos “empresários impulsionadores da 1ª edição desta Feira, empresários que tiveram a visão e a perspicácia de ver a importância de organizar um certame desta envergadura para a projeção do município de Arcos de Valdevez e que se reflete no seu relacionamento com toda a região, não só do Minho-Lima como de todo o Norte de Portugal e Galiza”. Francisco Peixoto Araújo deixou ainda um agradecimento “muito especial a todos aqueles que ao longo destes 26 anos colaboraram, trabalharam e promoveram a Expovez e a sua marca tornando-a num evento de referência da região”, referiu.

Plateia

O representante da Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez, Amaro Amorim, destacou a adesão dos produtores da região na mostra das variadas raças em exposição na Quinta Pedagógica, que conta com a presença de 15 produtores, exibindo diversas raças bovinas, raça bísara, ovinos, caprinos e galinhas autóctones assim como a exposição de hortos e maquinaria agrícola.

Francisco Araújo, Coordenador da In.Cubo afirmou que a Expovez é a “expressão do dinamismo e vontade de querer dos empreendedores da nossa região”, e Pedro Teixeira, presidente da direção da ARDAL, sublinhou que este evento é um momento de negócio e representa o que se faz em Arcos de Valdevez e todo o seu potencial.

O presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, João Esteves, frisou que a Expovez reflete a capacidade de inovação e o dinamismo das empresas e é o resultado da implementação de uma estratégia de parceria ativa de todas as entidades parceiras desta organização.

Posteriormente, a comitiva visitou todas as empresas expositoras presentes no certame, onde mais de uma centena e meia marca presença em setores de atividade como comércio, serviços, indústria, artesanato, restauração e agricultura. É com eventos desta natureza, como Expovez – Feira do Alto Minho, que as empresas presentes mostram o seu potencial, estabelecem contactos e iniciam possíveis negócios com o objetivo não só de entrar em mercados da região mas também em mercados externos com grande incidência nos mercados europeus.

Visite a EXPOVEZ 2016 – Feira do Alto Minho!

Mesa

VIANA DO CASTELO RECEBE CONCERTO PORTO D'ABRIGO

Os bilhetes para o Concerto PORTO D’ ABRIGO, a realizar no próximo dia 11 de junho, no Centro Cultural de Viana do Castelo encontram-se disponíveis para venda.

  • Locais de venda: Teatro Municipal Sá de Miranda, nos horários habituais da bilheteira (segunda a sexta-feira, das 9h00 às 19h00; em dias de espetáculo: das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 22h00); sábado e domingos em dias de espetáculos, (2 horas antes).
  • Classificação etáriaM/6 anos
  • Custo do bilhete: 10€ (plateia) | 10€ (bancada)
  • No dia do espetáculo, se a lotação não estiver esgotada,poderão adquirir bilhetes na bilheteira do Centro Cultural entre as 18h00 e as 22h00.
  • Aceitam-se reservas de bilhetes, unicamente, por  email: tmsm@cm-viana-castelo.pt, com um prazo de levantamento de 24 horas, caso contrário a reserva ficará sem efeito.
  • Há bilhetes de plateia e bancada, pelo que deverão mencionar na reserva o desejado.
  • Não há lugares marcados.

GERÊS REALIZA FEIRA DA CHANFANA

IV Feira da Chanfana de Cabra da Ermida da Serra do Gerês a 21 e 22 de maio

No próximo fim-de-semana, de 21 e 22 de maio, terá lugar na Ermida, da Serra do Gerês – concelho de Terras de Bouro, a IV Feira da Chanfana de Cabra da Aldeia Comunitária da Ermida.

A ATACE, Associação Turística da Aldeia Comunitária da Ermida, com o apoio do Município de Terras de Bouro, organiza o evento gastronómico que, tendo por objetivo divulgar e promover a chanfana de cabra como prato gastronómico de eleição, procura também dar a conhecer os usos e costumes da aldeia comunitária da Ermida da Serra do Gerês, potenciando a aldeia do ponto de vista turístico.

O evento, que vai na sua quarta edição, procura atrair para a aldeia da Ermida, todos aqueles que apreciam produtos endógenos de grande qualidade, como é o caso da chanfana de cabra criada na aldeia, associando-lhes a possibilidade dos participantes poderem vivenciar as práticas comunitárias ancestrais que lhe são características.

Uma dessas práticas é a saída e chegada da rês. Todos os dias, o gado caprino saí para a serra onde é guardado à vez por um pastor no alto da serra. Esta prática é designada de guardar a vezeira da rês.

Do programa, que é inaugurado às 11h00 de sábado pelas entidades civis (ATACE, Município de Terras de Bouro e Junta de Freguesia de Vilar da Veiga), fazem parte várias atividades que podem ser consultadas no cartaz.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE FAMALICÃO INAUGURA OBRAS EM REQUIÃO

Hoje, sábado, dia 21, pelas 19h30

O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, vai inaugurar, amanhã, sábado, dia 21 de maio, pelas 19h30, as obras de requalificação da zona envolvente à igreja de Requião.

A intervenção implicou um investimento municipal superior a 300 mil euros e foi executada em duas fases. A primeira envolveu a intervenção do adro da paróquia e do centro cívico da freguesia, bem como a construção do parque de estacionamento, a segunda incidiu sobre a alameda do Mosteiro de Melo e a zona envolvente direta ao edifício escolar.

CAMINHA PROMOVE-SE NA EXPONOR

Município no TOPAS - Rally de Portugal, a 21 de maio, das 10h00 às 18h00

O município de Caminha participa amanhã, sábado, numa ação de promoção que terá lugar na Exponor, entre as 10h00 às 18h00. Trata-se da campanha promocional do TOPAS – Tourism Open Public Auto Service, no âmbito do WRC Vodafone Rally de Portugal, e desenvolvida pela Entidade de Turismo do Porto e Norte de Portugal, em colaboração com a Câmara Municipal.

O concelho vai mostrar-se através de vídeos e imagens, mas também de alguns produtos locais, desde compotas e licores, às roscas doces de romaria e aos doces típicos da nossa pastelaria, ou à lampreia de conserva em vinho alvarinho.

A nossa presença será, ao mesmo tempo, um convite para visitar o concelho e desfrutar dos eventos que vamos propor.

Recorde-se que é nas instalações da Exponor, em Matosinhos, que funciona o centro nevrálgico da competição internacional, concentrando-se aqui o posto de comando da prova, o centro de imprensa e o parque de assistência, onde os veículos de prova serão assistidos duas vezes por dia.

A Exponor recebe por isso, por estes dias, milhares de pessoas, que terão assim oportunidade de conhecer o concelho de Caminha.

EMPRESA DE FAMALICÃO DESTACA-SE NO SECTOR AGROALIMENTAR

Seara prepara novos investimentos para afirmar-se como um dos gigantes do agroalimentar

Visita do Presidente da Câmara às Carnes Seara, segunda-feira, 23 de maio, pelas 10h30, em Requião, na Rua de S. João de Pedra Leital, 847.

Foi sob a alvorada de abril de 74 que Francisco de Oliveira e Maria Leonor Seara realizaram o sonho de construírem uma unidade de abate e transformação de suínos. Nascia assim as Carnes Seara,  outro dos pesos-pesados do universo agroalimentar com sede em Vila Nova de Famalicão.

A seara prepara-se para crescer ainda mais

A Seara tem vindo a crescer de forma sustentada ao longo das últimas quatro décadas e decorrida apenas uma década sobre a inauguração das suas instalações mais recentes, os 19.000 m2 de área atual já se tornaram pequenos para o volume de produção esperado. Está assim na calha um novo pacote de investimentos para corresponder à trajetória evolutiva da empresa e que lhe permitirá alcançar uma maior margem de armazenamento e escoamento de produto acabado, como também uma maior visibilidade internacional e a intensificação da sua afirmação em Portugal.

A empresa ambiciona alargar a cota de mercado externo e pretende aumentar a produção em 20% num futuro próximo, sendo 15% desse volume em produtos novos. Pelo emprego direto e indireto que vai criar, a Câmara Municipal já declarou este investimento como de interesse municipal através do regulamento Made 2IN.

Os pormenores dos novos projetos da Seara vão ser conhecidos na próxima jornada do roteiro Famalicão Made IN, na segunda-feira, 23 de maio, pelas 10h30, com uma visita do Presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, à empresa situadana Rua de S. João de Pedra Leital, 847, em Requião, perto da Capela de S. João.

FEIRA DO LIVRO DE PONTE DA BARCA ENCERRA DOMINGO

Os encontros com os autores Joaquim Fernandes, hoje, às 22h, com a apresentação do livro 'Portugal Insólito', e Inês Pedrosa, no dia 21h, às 21h30, que vai apresentar o seu livro 'Desnorte', seguido do concerto dos First Breath After Coma, são algumas das propostas para o fim-de-semana de encerramento da Feira do Livro de Ponte da Barca, certame que decorre desde o passado sábado e que tem trazido à Casa da Cultura, local onde decorre a feira, um conjunto de atividades lúdico-culturais que, a par da venda de livros, tem atraído um grande número de visitantes.

5kbKYuRy3iztkRaY1U12

Depois de uma intensa semana dedicada aos livros e à cultura, numa iniciativa por onde passaram diversas apresentações de obras, tertúlias, encontros com autores, concertos de música, teatro, ateliers de ciência, entre outras, a XXIII edição da Feira do Livro de Ponte da Barca despede-se este domingo, 22 de maio, com a apresentação do livro 'Uma aventura culinária, de Eva Gonçalves, seguido de um showcooking, a partir das 15h30. Finalista do concurso MasterChef 2015, chef autodidata e autora do blogue 'Uma aventura culinária' confecionará um dos pratos que constam neste que é o seu primeiro livro.

A 23ª Edição da Feira do Livro tem entrada livre em todos os eventos e decorre na Casa da Cultura, em Ponte da Barca.

POETA FERNANDO HILÁRIO APRESENTA POESIA EM PONTE DE LIMA

Livro de Fernando Hilário apresentado em Poesia à Sexta, dia 27 de maio | 21 horas

O Município de Ponte de Lima continua a apostar na promoção da poesia, em sessões dinamizadas na última sexta-feira de cada mês, na Biblioteca Municipal.

A próxima sessão será dedicada ao lançamento do livro A exposição da luz, que congrega 61 composições poéticas, estruturalmente distribuídas por duas partes distintas, e é a mais recente aposta literária do escritor, pedagogo e artista Fernando Hilário.

Com apresentação de José Cândido Rodrigues, a sessão está agendada para o próximo dia 27 de maio, pelas 21h00, no Auditório da Biblioteca Municipal de Ponte de Lima e insere-se no projeto Poesia à sexta que contempla ainda uma tertúlia com leitura e troca de impressões acerca de poemas e de poetas.

Compareça e celebre o melhor da poesia em Língua Portuguesa.